Home Noticiário Internacional Veterano Sea King da RN volta a voar depois de atingido por...

Veterano Sea King da RN volta a voar depois de atingido por RPG

457
7

O mais velho helicóptero britânico voltará para a guerra depois de atingido pelos Talibãs. O Sea King da Royal Navy ZA298, que está em serviço há 30 anos, foi reparado depois das avarias, que muitos pensavam que o levariam a virar sucata.

A aeronave, conhecida como “King of the Junglies”, foi atingida por uma granada autopropulsada RPG, no Afeganistão.

O “King of the Junglies” já é um veterano que voou missões na Guerra das Malvinas, Irlanda do Norte, Bósnia e Iraque.

Agora ele está pronto para se juntar ao Fleet Air Arm em dezembro, depois de ser reconstruído nas oficinas da Marinha em Gosport, Hants.

O veterano é parte da Commando Helicopter Force, conhecida como “the Junglies”, por causa das operações em Borneo na década de 1960. Uma das suas missões é transportar Forças Especiais e Royal Marine Commandos para dentro e fora do campo de batalha, quase sempre sob fogo inimigo.

Durante suas 8.000h de voo, um jato argentino chegou a abrir um buraco numa das pás do seu rotor principal e sua fuselagem ficou furada de balas quando evacuou mulheres e crianças na Bósnia.

Quando o capitão de corveta Simon Thornewill recebeu o ZA298 do fabricante em 13 de novembro de 1981, ele tinha apenas 11 horas de voo no relógio. O piloto lembrou: “Era muito leve e sedosa. Coloquei as próximas 250 horas no relógio na Guerra das Malvinas.”

O ZA298 chegou perto da destruição em junho do ano passado quando um RPG o atingiu pouco atrás da cabeça do piloto, ferindo um Marine artilheiro de porta.

O capitão Jon Pentreath, comandante do “the Junglies” na ocasião, disse: “Foi um dia sombrio”.
Embora voltando ao serviço, o Sea King ZA298 será retirado definitivamente em 2016, quando os the Junglies vão trocar seus Sea King pelos mais modernos e poderosos Merlin Mk3.

FONTE: The Sun

7
Deixe um comentário

avatar
7 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
7 Comment authors
OzawaAntonio MaericzzjoseboscojrClésio Luiz Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Guilherme Poggio
Editor
Noble Member

Impressionante a história desse veterano.

Clésio Luiz
Visitante
Clésio Luiz

Eu pensava que um helicóptero não poderia resistir (ao que parece ser) a um impacto direto de um RPG, mas o Rei provou que eu estava errado.

De qualquer forma, não vejo um Bell 206 ou um Esquilo aguentando uma dessas.

joseboscojr
Membro
Active Member
joseboscojr

O RPG-7 (provavelmente) deve ser dotado de uma ogiva de carga oca (HEAT) que lança um fragmento de metal a grande velocidade que é específica para destruir blindados.
Contra a fina fuselagem de um helicóptero não surtirá grande efeito salvo se atingir alguma parte crítica, já que o fragmento de metal irá trespassar a aeronave.
Muitos mísseis antitanques e “lança-rojões” atualmente vem dotado de uma ogiva que combina uma carga HEAT (ou duplo HEAT) com uma carga explosiva envolta em uma capsula de metal para ter melhor efeito sobre veículos não blindados, helicópteros, estruturas e antipessoal.

aericzz
Visitante
aericzz

Enquanto isso em SPA existe um Cougar abandonado q se acidentou ao fazer um pouso, destruindo o seu rotor de cauda e parte da cauda….aguardando a ajuda divina deve ser, pq se depender de recursos…

Antonio M
Visitante
Member
Antonio M

E com certeza, ficará exposto em algum lugar de destaque e com os nomes de seus tripulantes.

Tremenda máquina ….

Ozawa
Visitante
Member
Ozawa

Deveriam preservá-lo afastando-o imediatamente do serviço ativo. Somente em 2016, parece-me um desgaste desnecessário a esse velho guerreiro. Já fez (com glórias) a sua parte pelos interesses do Reino Unido. Merece estar ao lado de outras aeronaves ícones de Sua Magestade ao longo de suas histórias de lutas.

Por favor, preservem-no e retirem-no para um descanso estático merecido em algum belo museu militar, ladeado pelo registro histórico de suas lutas e de sua incrível sobrevivência ao longo delas.