Home Reportagem Sagem: periscópios optrônicos no estado da arte

Sagem: periscópios optrônicos no estado da arte

456
0

No final de setembro estivemos na França participando do Euronaval Press Tour, no qual visitamos instalações de empresas e estaleiros franceses e assistimos a palestras e demonstrações de equipamentos produzidos pela indústria francesa.

Entre as palestras que assistimos destacamos a da Sagem (do grupo SAFRAN), realizada a bordo do BPC Tonnerre atracado na base naval de Toulon.

A Sagem produz periscópios sofisticados dotados de sensores IR, laser e TV, além de alças optrônicas para navios e aeronaves.

Os sensores optrônicos para submarinos produzidos pela Sagem permitem aos submarinos permanecerem mais tempo na profundidade de periscópio, provendo mais discrição e maior capacidade de detecção e acompanhamento de alvos.

Com um periscópio optrônico um submarino pode identificar contatos feitos pelo sonar, garante proteção contra aeronaves de patrulha e helicópteros indicando alvos para os novos mísseis antiaéreos lançados pelo submarino.

Com esses equipamentos os submarinos podem ainda realizar missões de inteligência, de dia e de noite, coletando e gravando imagens e vídeo digitais.

Os tempos dos velhos periscópios puramente ópticos ficaram para trás, nos quais a eficácia do equipamento dependia sobretudo dos olhos do operador. Hoje, com os periscópios optrônicos os submarinos podem acompanhar alvos a distâncias muito maiores e com informações muito mais detalhadas sobre a ameaça e ainda indicar alvos para os novos sistemas antiaéreos lançados de submarino. Os novos modelos têm software com capacidade de rastreamento automáticos de alvos (Automatic Video Tracking – AVT), inclusive aéreos.

É bom lembrar que esses periscópios de nova geração possuem um sistema de alerta radar (ESM/MAGE) acoplado, para que o submarino saiba com antecedência se existe algum radar hostil em operação na área, possibilitando o recolhimento do mastro antes que o inimigo seja alertado.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments