Home Noticiário Internacional Hyundai lança fragata ‘Gyeonggi’ para Marinha da Coreia do Sul

Hyundai lança fragata ‘Gyeonggi’ para Marinha da Coreia do Sul

750
14

picture29778

A Hyundai Heavy Industries Co. lançou hoje  a fragata Gyeonggi, segunda da classe Incheon, encomendada pela Coreia do Sul como preparação contra possíveis ameaças por parte da coreia do Norte. A cerimônia aconteceu no estaleiro da Hyundai, na cidade de  Ulsan, no sudeste do país

De acordo com dados da Marinha sul-coreana, a fragata foi construída totalmente com tecnologia local, e é equipada com radar, canhões, sistema de sonar, além de mísseis antiaéreos e anti-navios. A embarcação também pode transportar helicópteros para operações navais.

As fragatas da classe Incheon medem 114 metros de comprimento, 14m de boca, deslocam 2.300 toneladas e alcançam até 30 nós de velocidade. O primeiro exemplar foi lançado em abril de 2011 e comissionado em janeiro deste ano. O comissionamento da Gyeonggi está previsto para o segundo semestre de 2015.

Gyeonggi

4hw869

FONTE: Naval Open Source Intelligence (tradução e adaptação do Poder Naval a partir de original em inglês)

Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Fabio ASC
Fabio ASC
7 anos atrás

2.300 toneladas…. Fragata?!?!?!?!?!

marciomacedo
marciomacedo
7 anos atrás

É bem mais armadinha que a nossa Barroso.

João Filho
João Filho
7 anos atrás

Se lembro bem, li aqui no Naval sobre um pacote de fragatas que a Coreia e a Hyundai estavam negociando ou oferecendo ao Brasil. Saiu algo???

eduardo.pereira1
eduardo.pereira1
7 anos atrás

Pergunta pro sr Bosco,rs. Esta configuraçao vista na frag. da Hyundai seria suficiente pra deichar as novas Barroso bem armadas pra sua funçao??

Oganza
Oganza
7 anos atrás

Essa fragata (corveta) me parece um MINI KDX-II.

http://www.naval.com.br/blog/wp-content/uploads/2008/08/kdx-iia.jpg

Mauricio R.
Mauricio R.
7 anos atrás

Orra meu, mas que baita chaminé essa, hein!!! No mais serve como um bom exemplo, do que poderá ser feito na “Barroso Mod”. É daí p/ menos. Notar que os sul coreanos não embarcaram nessas bossas de I-Mast, apesar de usarem o DT do mesmo fabricante. Por outro lado sinto a falta daquele tombadilho do Boroc, existente mas “Niterói”, esse troço de armamento no teto do passadiço é uma novidade mto estranha p/ o meu gosto. Por isso gosto da classe P-28 “Kamorta” da Índia. Isto e a propulsão diesel, o que tornam a construção e a manutenção do navio… Read more »

marciomacedo
marciomacedo
7 anos atrás

O Batch 2 dessa corveta será completamente diferente da 1, com desenho mais furtivo e mísseis AA de lançamento vertical.

joseboscojr
joseboscojr
7 anos atrás

Eduardo,
Sem dúvida!
É até muita areia pro nosso caminhão.rsrsrs plagiando o ex-ministro.
Na minha opinião nossas futura corvetas não precisam de um canhão de calibre maior que 76 mm e nem de 8 SSMs, bastam 4.
Pra mim a configuração ideal das futuras Barroso seria algo assim:
Canhão de 76 ou 57 mm
Lança mísseis RAM Mk-49
4 SSMs Exocet Block III
2 lançadores de torpedos (duplos ou triplos)
2 canhões Trinity de 40 mm (???)

Um abraço.

eduardo.pereira1
eduardo.pereira1
7 anos atrás

Valeu Bosco, sua configuraçao é bem certeira hein dando pra se garantir contra basicamente qualquer tipo de ataque,dúvida, estes SSMs sao lançadores tipo os Sea Wolf montados no convés e os Ram verticais ?

marciomacedo
marciomacedo
7 anos atrás

Bosco, que tal VL Mica, ou o Barak ou o sul-africano no lugar do RAM?

joseboscojr
joseboscojr
7 anos atrás

Eduardo, Os SSMs Exocet Block III são lançados de lançadores “fixos” (não são conteiráveis como os Sea Wolf) inclinados e os RAM são lançados de lançadores conteiráveis. A versão RAM Block II parece que terá capacidade de ser lançado verticalmente, mas a que me referi é a lançada do lançador conteirável MK-49 com 21 células. Marcio, Essas opções que você citou (VL-Mica, Umkhonto, Barak) são também excelentes mísseis de defesa de ponto com capacidade antimíssil, eu só prefiro o RAM lançado a partir de um lançador conteirável Mk-49 para uma futura versão da Barroso por ocupar menos espaço e exigir… Read more »

marciomacedo
marciomacedo
7 anos atrás

Obrigado, Bosco.

Moriah
7 anos atrás

muito interessantes se fossem usados na MB. Umkhonto IR já seria muito bom e tb poderia ser feito no BR atraves de licença. no mercado de exportação, será uma opção boa, mas ainda não é o HB20 dos navios coreanos…

eduardo.pereira1
eduardo.pereira1
7 anos atrás

Valeu Bosco , deu pra ver o bichin que tu citou em um post posterior a este aqui sobre os lançadores de um navio de desembarque de tropas e veiculos.
Att e grato
Eduardo o aprendiz! Deus o abençoe !