quarta-feira, junho 29, 2022

Saab Naval

Fundo da Marinha Mercante aprova apoio ao Estaleiro Eisa

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.naval.com.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Eisa

vinheta-clipping-navalO parecer técnico do Fundo da Marinha Mercante (FMM), órgão ligado ao Ministério dos Transportes, trouxe boas notícias ao processo que defende a instalação do Estaleiro Eisa Alagoas. O laudo, concluído depois da visita de analistas à região onde o empreendimento deve se instalar, em Coruripe, é favorável ao financiamento do complexo com recursos na ordem de R$ 2 bilhões. As informações foram repassadas ao secretário de Estado do Planejamento e do Desenvolvimento Econômico, Luiz Otavio Gomes, e diretores do Synergy Group, nesta terça-feira (30).

Junto da licença prévia concedida nesse mês, a análise partidária ao investimento no Estaleiro reforça a concessão de prioridade que deve ser deliberada pelo Conselho Diretor da instituição. O FMM é a principal fonte de financiamento de longo prazo destinada a promover o desenvolvimento da marinha mercante e da indústria de construção e reparação naval brasileira. Para que o Estaleiro seja concretizado, a aprovação em conselho serve de base para a assinatura do contrato que prevê a liberação de recursos por parte de agentes financeiros do Fundo – como o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, BNDES, Banco do Nordeste, etc.

Além dessa conquista, uma licença de instalação também deve ser vencida pelo Grupo Synergy, até o final deste ano. O presidente do Synergy, German Efromovich, pretende lançar a pedra fundamental do Estaleiro ainda no primeiro trimestre de 2014, e garante a geração de 10 mil empregos diretos e outros 40 mil indiretos.

De acordo com a analista de infraestrutura do Departamento do Fundo da Marinha Mercante, Lara Calado, o trabalho desempenhado para garantir a prospecção do Estaleiro foi muito bem executado. Ela afirmou ainda nunca ter presenciado o entusiasmo e afinco de outro Governo Estadual em prol de um empreendimento como viu acontecer em Alagoas, com o Eisa.

“O projeto foi muito bem apresentado e as documentações feitas de maneira precisa, os insumos analisados estão todos dentro da base de mercado do Fundo. O esforço é grande, mas vocês estão de parabéns. O apoio que o Estado está dando para que esse empreendimento prospere desperta nossa atenção. Com base nisso, é hora de aproveitar essa sinergia e fazer o Estaleiro acontecer”, declarou.

Ao receber a notícia, o secretário Luiz Otavio Gomes, demonstrou satisfação e falou sobre as novas etapas a serem vencidas. “Fico muito feliz com o depoimento dos técnicos do FMM e com o resultado dessa avaliação, temos mais um passo vencido para a vinda do nosso Estaleiro. Trabalhamos há muito tempo e com obstinação nesse projeto e, apesar de saber que a aprovação ainda depende do entendimento dos conselheiros, Alagoas se enche de esperanças, esperando que o melhor aconteça”, declarou.

O diretor de Implantação de Investimentos do Eisa Alagoas, Max Welber, também se mostrou confiante com a aprovação. “Dentro da magnitude do projeto, só obtivemos um corte de 5% dos recursos pleiteados. Isso mostra claramente a seriedade do projeto que está sendo implantado em Alagoas”, relatou.

O Conselho Diretor do Fundo da Marinha Mercante (CDFMM), que vai analisar o parecer do FNM sobre o Eisa, tem como objetivo fomentar o fortalecimento do setor naval. Em sua próxima reunião, o grupo vai analisar a concessão de prioridade a R$ 21,1 bilhões em projetos de 33 empresas postulantes a financiamentos. Presidido pelo Ministério dos Transportes, ele tem como membros setores estratégicos do governo federal e os principais sindicatos que representam a indústria naval e a marinha mercante do Brasil.

FONTE: Aqui acontece

- Advertisement -

2 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Mauricio R.

Outro estaleiro no deserto???
Pelo visto não aprenderam nada c/ o Atlântico sul, o estaleiro, não o oceano.

MO
Publicidade
Parceiro

Últimas Notícias

1º Esquadrão de Aeronaves Remotamente Pilotadas fez o primeiro lançamento do ScanEagle

O 1º Esquadrão de Aeronaves Remotamente Pilotadas realizou o primeiro lançamento do drone ScanEagle, N-8001, na tarde de ontem...
- Advertisement -