domingo, setembro 19, 2021

Saab Naval

Cruzador da Marinha dos EUA aproa para o Mar Negro

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

080906-N-1082Z-266

De acordo com um comunicado divulgado pelo comando da Sexta Frota da Marinha de Guerra dos EUA, o cruzador norte-americano Vella Gulf está se direcionando para o mar Negro.

Segundo se destaca no texto do comunicado, a entrada do cruzador nas águas do mar Negro está prevista para o dia 6 de agosto (no horário da costa leste dos EUA) e tem como objetivo “garantir a segurança e a estabilidade na região”.

“A missão do cruzador Vella Gulf consiste em melhorar a cooperação operacional, implementando os objetivos comuns, bem como para demonstrar o compromisso dos Estados Unidos com a consolidação da segurança coletiva dos Aliados e parceiros da OTAN na referida região”, especifica o comunicado.

De acordo com a Convenção de Montreux, os navios de guerra dos Estados que não pertencem à região do mar Negro não podem permanecer neste mais de 21 dias. Além disso, o deslocamento total destes navios de guerra não deve exceder as 30 mil toneladas. Este ano, a fragata norte-americana USS Taylor tinha violado a Convenção, excedendo 11 dias a estadia limite no mar Negro .

FONTE: Voz da Rússia

- Advertisement -

13 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Observador

Será que teremos mais um rasante do “temível” SU-24, cegando o cruzador e o colocando fora de combate?!

Será que outros 27 marinheiros pedirão baixa assim que o navio aportar no porto mais próximo?!

Esta Voz da Rússia, humm, vou te contar hein…

juarezmartinez

Observador! Anote aí;

Se os russos vierem com estas falcatruas de novo, o piloto do SU 24 vai ouvir um zumbido alto dentro da cabine e o RWR fazendo blem,blem, blem, e se ele não mudar a proa, na sequência vai soar o alerta de aproximação de míssil, e aí alguém poderá ter que voltar nadando para Sebastopol.

Grande abraço

Carlos Alberto Soares

E a chapa vai esquentando, em pontos diversos …..

Blind Man's Bluff

Bem lembrado, Carlos. O bicho ta pegando no mundo em 2014; não quero nem ver 2015 como vai ser se continuar assim.

joseboscojr

Se não fossem as armas nucleares o mundo já estaria em guerra há muito tempo.

MO

em tempo – novo novissimo brilhando zero bala pela primeira vez por aqui =

http://santosshiplovers.blogspot.com.br/2014/08/psv-starnav-aquarius-3fzv5-psv-recem.html

Leonardo

Se os russos vierem com estas falcatruas de novo, o piloto do SU 24 vai ouvir um zumbido alto dentro da cabine e o RWR fazendo blem,blem, blem, e se ele não mudar a proa, na sequência vai soar o alerta de aproximação de míssil, e aí alguém poderá ter que voltar nadando para Sebastopol.

Piada boa essa, tenho que rir!!!!

Cada uma!!!!

MO

então seguem as imagens da Very first call do bixão

http://santosshiplovers.blogspot.com.br/2014/08/psv-starnav-aquarius-3fzv5-maiden-call.html

5 photos

Carlos Alberto Soares

MO

Lindo e belas fotos ….

Quais as “prendas domésticas” dessa “bunda empinada” aí,
bonitona heim ….

Abs

Carlos Alberto Soares

Blind Man’s Bluff

Vai esquentar mais ainda e em múltiplos lugares, mares, terres, espaçes, por ai vai ….

joseboscojr

Acabei de escrever que os Ticos mantiveram a dotação tradicional de 8 Harpoons pra ver essa foto e constatar que esse daí só tem 4 (igual corveta brasileira).
rsrssss

joseboscojr

Basicamente a defesa de um navios de combate moderno é antimíssil. É inviável pensarmos que aviões ainda atacaram um navio desses aos moldes dos japoneses na SGM, ou aos moldes dos A-4 argentinos, nas Malvinas. O míssil sem dúvida é hoje quem carrega o piano, mas ele está longe de ser invencível, apesar de vez por outro se ouvir dizer que agora inventaram um míssil que o é. Ledo engano. O míssil tem uma característica negativa singular, que é o de não ser capaz de efetuar contra medidas. Salvo o SS-N-19 (salvo engano), que parece ser capaz de lançar chaffs,… Read more »

joseboscojr

Aliás, é isso que o Su-24 diz ter feito, só que exageraram na dose porque o sucesso das ECM foi tão grande que faltou banheiro pra marinheirada. Dizem que até hoje tem marinheiro chegando a nado na costa americana. rsrssss

- Publicidade -

Últimas Notícias

Como foi feito o acordo entre a Austrália, Reino Unido e EUA para o compartilhamento da tecnologia de submarinos nucleares

The Times: ‘Como uma cena de Le Carré’: como o pacto do submarino nuclear foi o maior segredo do...
- Advertisement -