Home Marinha do Brasil Lançamento da pedra fundamental marca nova Estação Brasileira de pesquisa científica

Lançamento da pedra fundamental marca nova Estação Brasileira de pesquisa científica

2891
12

Estação Antártica Comandante Ferraz

Com a obra prevista para concluir em 2018, Brasil voltará a ter a base que integra o PROANTAR

O lançamento da pedra fundamental da nova Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF) acontece nesta segunda-feira (29). Estão confirmadas as presenças do Ministro da Defesa, Aldo Rebelo, e do Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro Nivaldo Luiz Rossato. Reconhecido internacionalmente por sua substancial contribuição científica na Antártica, o Brasil voltará a ter sua base que integra o Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR).

A nova Estação

O conceito do projeto da nova Comandante Ferraz foi construir uma estação, localizada na Península Keller, que atendesse aos anseios da comunidade científica e que servisse como referência para futuras edificações na Antártica. Ela comportará 64 pessoas em uma área de aproximadamente 4.500 m². Com um design moderno e tecnologia de ponta, a edificação brasileira contará com 17 laboratórios, setor de saúde, biblioteca, sala de estar, entre outros departamentos.

Para a concepção da nova base brasileira, foi levada em consideração uma arquitetura capaz de prover condições para que a vida humana possa estar presente até mesmo nos locais mais longínquos e inóspitos do planeta, em plenas condições de segurança e em harmonia com o meio em que estiver inserida.

Adotou-se um conceito de planejamento semelhante ao que seria empregado para a concepção de uma cidade de pequeno porte, isolada das demais facilidades urbanas, em que se devem ter condições de vida, com boa qualidade e segurança, para toda a população residente.

Sobre o PROANTAR

Nas suas três décadas, o Programa Antártico Brasileiro realizou uma média anual de vinte projetos de pesquisas nas áreas de oceanografia, biologia, biologia marinha, glaciologia, geologia, meteorologia e arquitetura, além de permitir à Marinha do Brasil, com o apoio da Força Aérea Brasileira, realizar uma das maiores operações de apoio logístico, em termos de complexidade e distância.

As atividades científicas são propostas e desenvolvidas por estudiosos de universidades e instituições de pesquisa de diversas regiões do Brasil que, de forma interdisciplinar e interinstitucional, conduzem investigações nas áreas de Ciências da Terra, Ciências da Atmosfera e Ciências da Vida.

Operações

As missões de apoio à Estação Antártica Brasileira são organizadas pela Marinha, por meio da Comissão Interministerial para os Recursos do Mar (CIRM) que, além da parte logística e operacional, prepara o cronograma de revezamento dos pesquisadores ao longo da operação.

O PROANTAR realiza atividades científicas na Antártica durante todo o ano, mas, a exemplo dos outros Programas, é no verão antártico (outubro a março) que ocorre a movimentação de pesquisadores, pessoal de apoio, equipamentos e material.

Em função das condições climáticas e do congelamento do mar, as operações também ocorrem apenas nesse período, quando cerca de 200 pesquisadores realizam suas atividades. O planejamento anual de atividades é denominado Operação Antártica (OPERANTAR), e sua execução tem ocorrido desde o ano de 1982, quando teve início a OPERANTAR I.

FONTE: Ministério da Defesa, via www.fab.mil.br

12
Deixe um comentário

avatar
12 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
9 Comment authors
João AdaimeCarlos CamposCelsoGenivaldo de Oliveira NoronhaLyw Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Alexandre Samir Maziz
Visitante

Preço da base fonte : http://www.naval.com.br/blog/2015/05/20/empresa-chinesa-ceiec-vence-licitacao-para-reconstrucao-da-estacao-antartica-comandante-ferraz-eacf/ , no momento não seria melhor dar prioridade em “arrumar a casa ” investindo o dinheiro em navios e submarinos ? a pesquisa Científica e importante , mas no momento acho que deveriam priorizar a força naval cada dia mais ultrapassada ,

Alexandre Samir Maziz
Visitante

Agora os numero 1 bilhão da reforma do porta aviões A-12 e mais quase 100 milhões da base , tudo disso ai juntando da para comprar uns bons navios , realmente tem coisa que não entendo na cabeça do alto comando da marinha ….

Sandro Rosa
Visitante
Sandro Rosa

Esse teto ai vai acumular toneladas de neve kkkkkkkkk

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

Alexandre,

O Programa Proantar não e só da Marinha, é interministerial, importante para o Brasil que é signatário do Tratado Antártico manter uma estrutura no Continente Gelado. Pesquisa neste país já e considerado lixo, vamos manter o que conseguimos até agora, pelo menos!

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Para quando, data não é mencionada. Fizeram back up do que estava lá em pesquisas antes do incêndio ?

Lyw
Visitante

Boa pergunta Carlos Alberto.

Li a matéria a espera do prazo e tive a triste decepção.

Como é uma empresa chinesa, acredito que atrasos apenas por falta de pagamento. Ou seja… Está tudo nas mãos do Ministério da Fazenda.

Genivaldo de Oliveira Noronha
Visitante
Genivaldo de Oliveira Noronha

Para que investir nas forças!! Já que todos querem a privatização da Petrobras e pré sal?? Defender o quê?

Celso
Visitante
Celso

Genivaldo……para defender seu lar, seu direito de ir e vir, seu direito a saude, a educacao de seus filhos e centenas de outros valores muito superiores aa petrossauro por exemplo…e qto ao pre sal……….ate Monteiro Lobato ja sabia dedutivamente q haviam extensas fronteiras do sub solo repleta de minerais…alias, todos e ate mesmo a torcidinha ja sabia… .. muita cachaca e ufanismo tolo da nisso q ai esta. Sds

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Genivaldo só o petróleo precisa ser protegido? Fala sério VC deve ser um adolescente! Tem a população, o nosso território, o petróleo, e outras coisas. Abra sua mente alienada e descubra q privatização não um monstro q come a população e seus direitos

Alexandre Samir Maziz
Visitante

Genivaldo alguns números importantes pra ti : 12% da água doce superficial do planeta corre em nossos rios , 13% das reservas mundiais de minério de ferro , A Floresta Amazônica é uma das maiores florestas tropicais do mundo e está localizada na região norte da América do Sul. Ela ocupa mais de 61% do território brasileiro. Rica em biodiversidade, possui uma fauna que corresponde a 80% das espécies no Brasil e uma flora que contem de 10 a 20% das espécies vegetais do planeta terra , como tu sabes os recursos naturais no mundo estão se esgotando , devido… Read more »

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Celso 1 de março de 2016 at 11:01
Gostei.

João Adaime
Visitante
João Adaime

Cavalheiros, os senhores sabem disso, mas nunca é demais relembrar. O Brasil precisa ter presença permanente na Antártida, não só com a base, mas também com navio de pesquisa. Com isto nosso País tem voz nas reuniões sobre aquele Continente, conforme previsto no Tratado da Antártida. Resumindo: para termos nossa cota de soberania sobre a Antártida, temos de nos fazer presente lá.