Home Indústria Naval Novo destróier australiano passa pelos testes de mar iniciais do construtor

Novo destróier australiano passa pelos testes de mar iniciais do construtor

3005
34

hmas-hobart

O primeiro destróier de defesa aérea para a Marinha Real Australiana concluiu a fase inicial de testes do construtor

Adelaide, Austrália, 26 setembro – O futuro destróier da Marinha Real Australiana (RAN) concluiu com êxito os testes iniciais de mar do construtor para avaliar seus sistemas de casco, propulsão e de navegação.

O teste do Hobart ocorreu ao longo de vários dias ao largo da costa sul da Austrália e foi conduzida pela AWD Alliance, que consiste na ASC como construtor naval, sistemas de combate integrados pela Raytheon Australia e o Capability Acquisition and Sustainment Group do governo.

O Hobart está programado para realizar uma segunda fase de testes mais avançados no início do próximo ano, quando os seus sistemas de combate e de comunicações serão testados.

hmas-hobart-3

A entrega do navio à Marinha Real Australiana está prevista para junho. O programa AWD compreende três navios para substituir as fragatas da classe “Adelaide”.

A AWD Alliance informou que o segundo navio da classe “Hobart”, o Brisbane, será lançado em dezembro, enquanto a consolidação do casco do terceiro destróier, Sydney, ocorrerá em agosto de 2017.

hmas-hobart-2

CARACTERÍSTICAS DA CLASSE “HOBART”

Características: Comprimento 146.7 m
Boca 18.6 m
Calado 7.2 m
Deslocamento Full Load 7.000 toneladas
Performance: Top Speed: 28+ nós
Alcance: 5,000+ nautical miles at 18+ knots
Tripulação: Aprox 180
Acomodações: 234
Sistema de Combate: Aegis Weapon System Baseline 7.1
AN/SPY-1D(V) Phased Array Radar
Horizon Search Radar
Mk 41 Vertical Launch System (48 VLS Cells)
Gun: Mk 45 5” 62 Calibre Gun
Advanced HARPOON Weapon Control System: 2 quad launchers
EW Suite
Very Short Range Air and Surface Defence
NULKA Active Missile Decoy system
Integrated Sonar System incorporating a Hull Mounted and towed array sonar
Communications Suite
Aviação: Hangar: 1
Barcos: Two Rigid Hulled Inflatable Boats

34
Deixe um comentário

avatar
34 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
17 Comment authors
DaltonFelipe SilvaLuiz MonteiroUhtred RagnarssonJuarez Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
augusto
Visitante
augusto

Belo navio, que eu saiba essa classe horbat é a f-100 da navantia que é oferecida ao Brasil no prosuper

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

É impressão ou ele tem uma grande semelhança com a Classe AB americana?

Juarez
Visitante
Juarez

Bonito navio, proão, levemente gay quadrangulático, mas nem tanto como os Eurobambis.

G abraço

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

kkk, o Juarez, não sacaneia po!!!

As FREMM e a Type 45 inglesa são bonitas pra caramba!!!

EParro
Visitante
EParro

Juarez 26 de setembro de 2016 at 18:11

AEGIS! Mas impõe um respeito, não?
E a propulsão qual será? Uns 4 Volvo Penta (hahaha).

Jagderband#44
Visitante

Não importa Juarez. É navio de patrão sim.

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

Vão precisar de vários. Os chineses estão se assanhando.

Uhtred Ragnarsson
Visitante
Uhtred Ragnarsson

A Navantia ofereceu essa classe à MB no PROSUPER?

Bardini
Visitante

Uhtred Ragnarsson 26 de setembro de 2016 at 20:01
.
Sim.

Juarez
Visitante
Juarez

Jagder, é verdade, patronagem de navio…..enquanto isto no principado naval da Guanabara Bay zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz

G abraço

Caio Romão
Visitante
Caio Romão

Uhtred Ragnarsson 26 de setembro de 2016 at 20:01
A Navantia ofereceu essa classe à MB no PROSUPER?
——————
A Navantia ofereceu a mesma plataforma (F-100) para a MB, no Prosuper.
Mas me parece que a versão australiana é mais completa que as F-100 da Armada espanhola.

theogatos
Visitante

Não quero ser chato… Há um erro no texto, apenas sugiro a correção…
.
“sistemas de combate e de comunicações serão testadod”
.
Deve ser “testados” acredito eu!
.
Abs.

theogatos
Visitante

A Austrália corre o risco dos chineses dominarem o território sem disparar um tiro, de dentro pra fora, li outro dia que o total de imigrantes chineses cresceu muito por lá… Eles, aparentemente, têm paciência pra isso…
.
Aliás esse pensamento vale também para a Europa em relação aos muçulmanos…
.
Sds.

augusto
Visitante
augusto

A Austrália assim como nós são um grande fornecedor de minério de ferro para China, na conferencia do G-20 ano passado uns navios chineses decidiram fazer “brincadeira” perto da costa da Australia

Bardini
Visitante

FREMM Multi-Mission Stealth Frigate Electronic & Weapon

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Principado de Guanabara Bay kkkkkkkkkkkkkkkkkk gostei

Carlos Alberto Soares-Israel
Visitante
Carlos Alberto Soares-Israel
Carlos Alberto Soares-Israel
Visitante
Carlos Alberto Soares-Israel
Jodreski
Visitante
Jodreski

Vale lembrar que o orçamento de defesa Australiano é bem parecido com o nosso.. mas cada um gasta do seu jeito! . Parece eu e minha mulher.. Dê 200 reais na minha mão e na mão dela, se entrarmos no mesmo supermercado ao final eu tenho arroz e feijão pro mês inteiro e boa parte da mistura e um fardo de cerveja “gorduchinha”, já ela… e sua mania de comprar porcaria, sairá com alguns salgadinhos, bolachas, sucos Ades e uns 3 kg de carne moída de segunda no máximo. . Infelizmente é assim mesmo… alguns gastam com o que tem… Read more »

Felipe Silva
Visitante

Bardini 26 de setembro de 2016 at 22:41

Rapaz, meus olhos estão brilhando depois de ver essa FREMM toda equipada.

Juarez
Visitante
Juarez

Felipe, muito obrigado recém jantei, to satisfeito, prefiro um daqueles Burkemons Japas, top de linha, navios de homem né, outro padrão, Fremm, navios para os ecogays politicamente corretos da eurobambilândia.
muito obrigado, vou agradecer.

G abraço

Uhtred Ragnarsson
Visitante
Uhtred Ragnarsson

Grato a todos que responderam à minha dúvida! @Caio Romão, percebi que as australianas tem linhas mais “limpas” que as espanholas.

Luiz Monteiro
Visitante
Luiz Monteiro

Prezado Felipe,

Você está se referindo-se ao escolta australiano ou ao vídeo postado pelo Bardini?

O navio australiano deriva das F105 da Armada Espanhola, que, por si só, já é uma evolução da fragata F100 da Navantia.

O vídeo que o Bardini postou é a FREMM.

Abraços

Luiz Monteiro
Visitante
Luiz Monteiro

“Se referindo-se” foi dose. O correto: “referindo-se”

Felipe Silva
Visitante

Luiz Monteiro, eu me referi à FREMM do vídeo propaganda postado pelo colega Bardini.

Felipe Silva
Visitante

Juarez 27 de setembro de 2016 at 20:17 Na verdade eu não falava sobre a estética do navio, mas dos equipamentos embarcados, como por exemplo o míssil Otomat ali num canto sem ocupar muito espaço, seu canhão 76mm que cumpre a função CIWS e a disposição dos seus eletrônicos e radares naquela torre é nada menos do que adequada. Pra mim é um navio e tanto. Bem planejado. Agora, particularmente sobre o formato do navio, não compartilho do seu gosto, desculpe. Prefiro mais um formato de navio compacto e com linhas mais modernas, que priorizem a discrição, mas sem exageros,… Read more »

Bardini
Visitante

A FREMM EG passa longe de ser uma coisa “afrescalhada”… O vídeo que postei é um novo vídeo postado pela Leonardo.
.
Os Hobart Class também são imponentes, mas na ralidade, se for para comparar, deveriam ser comparados com os Horizon class.

Bardini
Visitante

Hobart Class:

Bardini
Visitante

Felipe Silva 27 de setembro de 2016 at 12:52
.
A FREMM ficaria mais bonita assim:
https://i.imgur.com/VloepRg.jpg

Dalton
Visitante

Pegando carona no comentário do Felipe…a beleza de fato está nos olhos de quem vê. O futuro HMS Queen Elizabeth é quadradão demais, com duas superestruturas e uma rampa na extremidade anterior do convés de voo, passa a sensação de algo desajeitado …horrível quando visto de lado e de cima. . Ao contrário o futuro USS Gerald Ford, com apenas uma superestrutura deslocada mais para a retaguarda, com uma melhor relação entre comprimento e largura passa a impressão de fineza, velocidade, graciosidade, mesmo sendo maior que o “QE”. . Espero que ambos correspondam ou superem às expectativas, algo que levará… Read more »

Felipe Silva
Visitante

Bardini 27 de setembro de 2016 at 23:44
Essa FREMM ficou poderosa.

Dalton, eu já vejo o QE como mais bonito que o Ford na maioria dos ângulos, exceto o frontal.

Felipe Silva
Visitante
Felipe Silva
Visitante
Juarez
Visitante
Juarez

Felipe, o gosto é que nem bund…., cada um tem uma , portanto a que ser respeitado, agora descontada a minha brincadeira com o visual dos Eurobambis ships, este navios na minha opinião continuam com uma linha de pensamento construtivo e por consequência operacional que vão de encontro a doutrina e seus países de origem a ao TO deles com respectivos custos de manutenção e operação deles. Eu gostaria muito de ver estes navios em combate real(não faz de conta e nem aqueles de chutar cachorro morto) e observar tres coisas: 1 Resistência a determinados danos em combate 2- Durabilidades… Read more »