Home Marinha do Brasil Submarino ‘Tupi’ passa por verificação de eficiência

Submarino ‘Tupi’ passa por verificação de eficiência

3599
36

Submarino Tupi - 2

Em 30 de setembro, após Período de Revalidação, o Submarino “Tupi” logrou sucesso na Verificação de Eficiência, ingressando em um novo período operativo.

As Organizações Militares Prestadoras de Serviços (OMPS), capitaneadas pelo Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro (AMRJ), líder no reparo, levaram a termo as modernizações e manutenções necessárias para a prontificação do “Tupi”, após seis anos em Período de Revalidação.

Dentre as principais obras realizadas, destacam-se a revisão geral dos motores de combustão principal, a substituição dos 480 elementos das baterias e a instalação de um novo sistema de combate AN-BYG, cuja integração foi atestada com o lançamento de um torpedo Mk-48 de exercício.

FONTE: Marinha do Brasil

36
Deixe um comentário

avatar
36 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
19 Comment authors
U96DaltonMahanVagnerDaGue Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Souto.
Visitante
Souto.

Amigos gostaria de saber se o submarino Tikuna esta operacional?

Jodreski
Visitante
Jodreski

Sobe agora para 3 o nº de Submarinos da MB operacionais, certo?

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Boa notícia

sergio ribamar ferreira
Visitante
sergio ribamar ferreira

Notícia boa. porém precisamos de mais alguns submarinos. poder de dissuasão é bom para elevar o moral da MB.

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

ótima noticia. Pena, não por culpa da MB, levar 6 anos para este PMG.

zorannn
Visitante

Olá Marcelo Andrade!
.
“Pena, não por culpa da MB, levar 6 anos para este PMG”
.
Lógico que a culpa é da MB. Olhe o orçamento pra ver onde estão os gastos.

camargoer"
Visitante

Olá Marcelo. Acho que o zorannn tem razão, mas isso não significa que os 6 anos foram ruins ou bons. A pergunta talvez seja se durante esses 6 anos, ocorreu algo que precisasse do Tupi operacional e por causa disso a MB passou algum apuro. Se não fez falta, o planejamento foi certo e seis anos foi o tempo que foi preciso. Se ocorreu algo, a MB errou. Agora, poderiam ser 2 anos ou 8 anos. Tanto faz.

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

não é nada, não é nada, o Tupi já está chegando próximo dos 30 anos de idade, desde sua incorporação em 1985!!!

Bardini
Visitante

Off Topic: Protótipos do primeiro míssil brasileiro antinavio já começam a ser montados
http://defesaeseguranca.com.br/marinha-prototipos-do-primeiro-missil-brasileiro-antinavio-ja-comecam-a-ser-montados/

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

Não gosto de culpar as FFAA por tudo de ruim que ocorre com elas. Pode ser que 20% pode até ser, os outros 80% é a falta de visão tanto dos governos como da sociedade!!!

a12comanf
Visitante
a12comanf

Otima noticia!!
BZ para todos os envolvidos!!

danilojfsn
Visitante

Boas novas até que enfim !

Ótimo trabalho da MB fazem o que é possivel com o dinheiro que tem que convenhamos não é muito então, se mesmo estando sucateados conseguem fazer o serviço mesmo que demorado merecem com certeza nossos parabéns.

Saudações,

Cláudio PQDT
Visitante
Cláudio PQDT

Marcelo,
Pelo que me consta, o tupi foi incorporado em 89!!!

zorannn
Visitante

Olá Marcelo Andrade! . Gostar ou não, não mudam os fatos. O orçamento não é pequeno. Olhe o orçamento, ele é público. Você verá que não se gasta com os navios. o AMRJ gastou mais com água, luz e telefone do que com os navios em 2015. Por que? Porque não sobra! Mais de 90% do orçamento é gasto com pessoal. São 80.000 militares/civis na folha de pagamento. Isto é maior que a soma do efetivo da marinha Britânica, Francesa (e se bobiar da Alemã) juntas!! Ahhh, mas vai dizer: ‘temos dimensões continentais’, ‘temos nossas próprias necessidades’. Olhe oque eles… Read more »

Souto.
Visitante
Souto.

Quais são os três submarinos que estaõ operacionais?

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

Claudio PQdt, vc tem razão, 1985 foi quando o contrato foi assinado com a HDW. Ele foi incorporado em 89. Em 2019 fará 30 aninhos, espero que neste ano o Riachuelo o esteja substituindo! Acho que ainda não……

Ádson Caetano Araújo
Visitante

zorannn, o orçamento não é verdadeiro. Do pessoal de outras marinhas citadas tem uma diferença muito grande. É que por exemplo a RN não faz o papel de guarda conteira, nem SAR, etc. Mas que o pessoal podia ser reduzido, isso podia. Outra coisa é o pagamento dos inativos. Esse pagamento entra nesse orçamento, ficando assim um “enorme” orçamento. De alguma forma deveria existir um orçamento em separado para a “operação”. Além disso deveria-se diminuir os fuzileiros para no máximo 10.000 tropas. O restante da Marinha uma redução de 15 a 20%. Descomissionar tudo que fosse muito velho e caro… Read more »

Juarez
Visitante
Juarez

Adson, gostaria de acrescentar ao teu comentadio, que foi realista, que a MB não faz full as missões de SAR e de GC, pelas mesmas razões que o Zorann vem alertando e mostrando de forma clara
E quando se toca no assunto de desvincular a PN e o SAR a MB não quer discutir de assunto, ou seja, ela não é não drixa os outros fazerem.
Eu penso que deveria se fazer um debate sobre isto, pois aliviaria o orçamento e permitiria que a MB priorizasse ser Maringá de verdade e fosse empurrarvagua aonde deve.

G abraco

Gabriel
Visitante
Gabriel

Pelo que sempre vejo aqui nos posts o problema para todas as forças é pagamento da aposentaria se fossemos mensurar o quanto é gasto? Alguém sabe essas informações ???
Pessoal aposentado ? Valores ? ….

Penso se o ministério da defesa criasse um fundo para pagar esses benefícios para as 3, e estipulasse uma meta de arrecadação para cada força,

Ou seja antes de investirmos, primeiro deveríamos criar a solução para o problema!

Vale a pena uma matéria sobre isso??? não acham???

Juarez
Visitante
Juarez

Estes “esmartefone” não são para mim:

Drixa não, deixa

Maringá não, Marinha.

Empurrarvagua não, empurrar água.

G abraco

Marcos
Visitante
Marcos

80% dos gastos das FFAA é com pessoal, sendo 65% com inativos.
Isso resume bem a coisa.
A MB deveria reduzir o número de pessoal para 50 mil homens (ou menos).
Vão dizer: vai faltar gente para operar os meios. Conversa fiada. Meios modernos utilizam menos pessoal.
Tem uns dois anos atrás, um veleiro canadense com estudantes afundou na costa do Brasil, lá pelas 19 horas. As 22 horas um avião da FAB os localizou. Onde estava a MB? Tiveram de pedir socorro para navios mercantes.

Marcos
Visitante
Marcos

Comentário preso!!!

Ádson Caetano Araújo
Visitante

Marcos, seu comentário disse tudo. O real orçamento da Marinha é só 35% do oficialmente atribuído, sendo que quase a metade dele é com soldos e salários dos civis. Além disso ainda tem o alto custos de manter meios antigos e “caros”.

DaGue
Visitante
DaGue

Ouvia dizer que o plano da MB em caso de conflito era impor com a Força Sub um bloqueio ao pais inimigo. Isso ainda prevalece? Com apenas 3 operacionais é possível? Como seria uma típica missão como essa? Quanto tempo em cruzeiro? É viável politicamente uma campanha assim? Não seria melhor contar com Sub armados com misseis para atingir alvos capitais em terra? Existem misseis desse tipo disparados pelos tubos de torpedo? A classe Tupi, ainda que com adaptações, poderia disparar esses misseis?

Vagner
Visitante
Vagner

Com relação ao evento do veleiro canadense, o que aconteceu era o que era para acontecer. O veleiro pediu socorro, o SALVAMAR acionou a FAB que localizou os náufragos. O SALVAMAR direcionou o mercante mais próximo que recolheu os náufragos. Na madrugada o navio de serviço da Esquadra suspendeu com aeronave a bordo, era a fragata Constituição, que encontrou com o mercante e recebeu os náufragos voltando então ao RJ, e o mercante seguiu viagem. Para isso serve o sistema SALVAMAR, o COMCONTRAM e os mercantes no SISTRAM. Igual a qualquer lugar no mundo. Ou vcs acham que o certo… Read more »

Mahan
Visitante
Mahan

Ouvia dizer que a MB planejava em conflito bloquear o inimigo com a FSub. Com 3 operacionais é viável? Como seria uma missao típica? É politicamente aceitável? Não seria melhor atacar alvos capitais próximos a costa com misseis? Existem misseis dessa classe que possam ser disparados pelos tubo de torpedos? Qual o sistema de precisão? A classe Tupi, com adaptações, estaria habilitada?

Dalton
Visitante

Marcos…

a marinha brasileira não tem aeronaves de patrulha…a FAB os tem, portanto é normal que uma
aeronave da FAB tenha localizado o veleiro que você mencionou.
.
A embarcação canadense soçobrou 550 kms da costa…o que a marinha fez foi perfeitamente
normal, alertou navios próximos, pois, levaria muito tempo para que navios saindo do Rio de
Janeiro chegassem à área do naufrágio.
.
abs

Dalton
Visitante

Mahan… ter 3 submarinos navegando de um total de 5, não significa necessariamente que todos os 3 estariam no mesmo grau de apronto e/ou eficiência, mas, supondo que seja possível ter os 3 devidamente armados e tripulados seria melhor que o conflito fosse de curta duração, pois enviando todos os 3 ao mesmo tempo significaria que não haveria uma reposição para eles depois de um certo tempo no mar, provisões limitadas por exemplo ou eventuais danos. . Quanto a mísseis disparados por tubos de torpedos…os 4 futuros submarinos da marinha serão capazes de lançar o míssil exocet cujas informações sobre… Read more »

zorannn
Visitante

Olá Adson! . Se realmente fizerem oque estão prometendo, o problema dos gastos com inativos e reformados deve diminuir substancialmente em uns 30 anos. A solução é aumentar bastante o percentual de oficiais e praças temporários, que não impactam nos gastos com inativos no futuro. Que estão dizendo que vão fazer. . Você já viu como funciona a National Guard americana? Não que precisamos criar uma por aqui. Mas o sistema onde reservistas se comprometem a servir alguns dias por ano é interessante. Vou citar um exemplo: (quem souber mais, pode ajudar esclarecendo isto) Na formação na AFA, em determinado… Read more »

zorannn
Visitante

Olá Marcos!
.
Eu cheguei a fazer as contas certinhas destes gastos algumas vezes: 90% do orçamento é gasto com pessoal. Sendo assim distribuidos: 36% do orçamento total com pessoal da ativa, 36% com inativos (a diferença de gastos entre ativos e inativcos é de alghuns milhões, ou seja, são praticamente iguais) e 18% com pensões. Destes 18% gastos com pensões, metade do valor é coberto pela contribuição dos militares. De real, 45% do orçamento é gasto com inativos e pensionistas.

Juarez
Visitante
Juarez

Olá Zorann, na verdade, eu não sou a favor da criação de novas estruturas pois isto acaba virando cabide aqui no Brasil enquanto não mudar a lei “dosdereiroadequerido”, e da estabilidade no emprego de vadios. Penso que a questão do SAR poderia se iniciar um estudo para se averiguar a viabilidade de privatizar com empresas privadas, aproveitando que se tem muita gente nesta área ociosa e boa parte delas ex militares da aviação naval e da FAB, que perderam o emprego em função da crise. Acredito que em áreas portuárias, rios, grandes lagos a presença da MB poderia substituída por… Read more »

Juarez
Visitante
Juarez

Zorann, o caso das 51 kombis, é um caso clássico de entubacion por via anal, que não teve jeito de sair, mas de resto tu tens razão.

G abraço

Ádson Caetano Araújo
Visitante

zorannn, A sugestão sobre a desvinculação do pagamento dos inativos da três forças é para dar visibilidade aos políticos e população em geral do real orçamento, com isto fica-se menos difícil pleitear um orçamento factível. Outra coisa, sou contra manda-los para a previdência. Isto na verdade criaria um enorme problema para os inativos. A ideia é transferir todos a organização e pagamento dos inativos das três forças para um departamento a ser criado no ministério da defesa. Na pratica o dinheiro sairia do mesmo lugar, porém o orçamento seria real e não criaria a falsa ilusão das forças estarem desperdiçando… Read more »

U96
Visitante
U96

Zorannn,
Boa noite. Quem disse que os militares não contribuem para a aposentaria. Contribuem mais que os demais servidores e ainda contribuem na inatividade (depois de aposentados) até morrer.

U96
Visitante
U96

aposentaria = aposentadoria,

me desculpem

zorannn
Visitante

U96!
.
Não contribuem. Se vc é militar, não sabe nem oque está pagando. Os militares contribuem para o pagamento de pensões, que são para os dependentes. Não pagam nada para suas aposentadorias.