Home Marinhas de Guerra ARA San Juan: mais unidades chegam para unirem-se à busca ao submarino

ARA San Juan: mais unidades chegam para unirem-se à busca ao submarino

4420
33
Destróier Meko 360 e helicóptero Fennec da ARA na região onde se concentram as buscas ao ARA San Juan

24/11/2017 — Foi confirmado pelo porta-voz da Marinha durante a primeira coletiva oficial de hoje. Mais meios se somam às buscas

A jornada de hoje continua a incorporar o esforço de busca do submarino ARA “San Juan”. É prevista a chegada do apoio navio de apoio submarino e de resgate “Felinto Perry” da Marinha do Brasil e planeja-se coordenar a chegada do avião de exploração “Antonov” da Marinha Russa.

Enquanto isso, em Comodoro Rivadavia, todo o convés e a popa do navio “Sophie Siem”, que será responsável pelo transporte do mini-submarino do Esquadrão de Resgate Submarino da América do Norte, continua a ser modificado, “o mais rápido possível para estar pronto para ser desdobrado em em caso de necessidade de uma detecção efetiva da ARA San Juan”, disse o capitão Enrique Balbi, porta-voz da Armada da Argentina.

No momento da primeira comunicação oficial do dia e apesar do esforço que foi feito na área de operações e “nesta área mais confinada em relação a esses dois fatos confiáveis ​​que foram comunicados por diferentes fontes, não foi possível detectar de forma confiável o submarino ‘San Juan’.

É um caso factual, temos de encontrá-lo”, concluiu o capitão Balbi.

Navio de Socorro Submarino Felinto Perry (K11), da Marinha do Brasil

FONTE: gacetamarinera.com.ar

Subscribe
Notify of
guest
33 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
kferreira2
kferreira2
2 anos atrás

Que façam um bom trabalho, em honra da nossa marinha e dos guerreiros argentinos.

Gabriel Oliveira
Gabriel Oliveira
2 anos atrás

Há exatas uma semana que ele zarpou do Rio de janeiro.

kferreira2
kferreira2
2 anos atrás

Lento, velho, antiquado, ultrapassado… Recebeu a missão e está cumprindo. O navio? Não, o navio e uma a tripulação capacitada, profissional e comprometida com suas missões. Dezenas de homens que deixaram o seu país, conforto, família e estão indo ajudar irmãos desconhecidos.

Tenho certeza que irão fazer o melhor com os equipamentos que tem, honrando nossa marinha e os guerreiros argentinos.

Leonardo
Leonardo
2 anos atrás

Kferreira, parabéns. Preciso mudar nosso maneira de pensar.

AL
AL
2 anos atrás

MO, fiquei com uma curiosidade: O que você acha do K-11, esteticamente falando?

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
2 anos atrás

Bravo Zulu K-11!!!

Ozawa
Ozawa
2 anos atrás

Se as fotos, exceto a primeira que identifica expressamente o local, são de fato da área de operações, as condições atmosféricas e do mar, agora, estão as melhores possíveis para as buscas.

JagderBand44
JagderBand44
2 anos atrás

Esse mar austral não é fácil.
Bom trabalho ao K11.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
2 anos atrás

Ozawa, o Felinto Perry ainda não chegou, conforme última velocidade e rumo, então não se trata de foto do local.

De fato, nos últimos dias as condições foram bem melhores que nos primeiros da busca.
Mas a previsão, pelo que li hoje a respeito, é que a partir de amanhã as condições meteorológicas voltem a ficar ruins.

Antonio de Sampaio
Antonio de Sampaio
2 anos atrás

Orgulho monstro do Felinto Perry…. força aí pessoal… tamu junto…
“Eu só ponho meu fuzil, onde eu possa apanhar, devagar se vai ao longe, devagar eu chego lá, mas eu só ponho meu fuzil onde eu possa apanhar”…

Observador
Observador
2 anos atrás

Força ao pessoal do Felinto Perry, vamo que vamo!

Uma dúvida que tenho, off-topic eu sei, mas é uma curiosidade de um civil ( e aposto de muitos), procurei no “Dr. Google” e não achei resposta, pode ser uma pergunta boba para vocês, mas vai lá:

– Por que todos os submarinos tem a cor preta, e os navios militares tem a cor cinza???

Abs

Ozawa
Ozawa
2 anos atrás

Obrigado, Nunão.

bill
bill
2 anos atrás

Observador ,tenho quase certeza por ser por mas dificil a detecção visual .

Guizmo
Guizmo
2 anos atrás

Me chamou a atenção o baixo calado do Felinto Perry, principalmente na popa. Olhando rapidamente tem um casco similar a navios fluviais, o desempenho em mar aberto de ser dureza

Ivan
Ivan
2 anos atrás

Bill e Observador,
.
Provavelmente.
.
Se observarmos as cores dos T800 Dolphin de Israel, que operam em águas mais rasas, encontraremos cores diferentes, algo como um verde mar ou coisa parecida.
https://nextnavy.com/wp-content/uploads/2014/08/dol03b.jpg

Renato
Renato
2 anos atrás

Guizmo 24 de novembro de 2017 at 17:40
Calado é a parte que fica abaixo da linha dágua.

Humberto
Humberto
2 anos atrás

Observador,
A ideia é ser o mais discreto possível, uma profundidade de 300 pés (+- 100 metros, creio que 30-40 na costa) no mar, a luz solar já não chega, então, mais escuro melhor.
Tentam de toda forma confundir.
https://www.proibidoler.com/textos/camuflagem-dazzle-a-camuflagem-feita-para-confundir-em-vez-de-esconder/

Helio
Helio
2 anos atrás

Boa sorte ao K-11. É o que temos para nós e a oferecer à uma Nação amiga em momento tão dificil. Partiu quando foi demandado, seguiu do jeito que pode – se não me engano, sua base é um rebovador oceânico, classe que nao foi feita para velocidade – e vai cumprir sua missão. Toda a sorte do mundo aos nossos marinheiros nesta dificil empreitada!! Ao contrário dos eternos detratores de tudo e de todos, tenho orgulho do que fizemos em relação ao ARA San Juan. E, com base naquilo que aprendi aqui, vou ser mais ativo nas participações e… Read more »

Nonato
Nonato
2 anos atrás

KFerreira, tenho grande admiração pelos militares.
Mas você falou que eles deixaram seu país, suas famílias, o conforto dos seus lares… Ora, mas esse é o trabalho da marinha. Não estão fazendo mais do que a obrigação. Complicado para o militar é ficar dentro de um quartel o ano todo sem fazer nada…

Nonato
Nonato
2 anos atrás

Ou ficar navegando no navio só por navegar.
Se não atuarem agora, vão atuar quando?
Navio de resgate existe para isso. Sua tripulação TB.

Guizmo
Guizmo
2 anos atrás

Renato, eu achei que fosse toda estrutura, passando da linha d’agua…….mas vc entendeu o que eu disse

XO
XO
2 anos atrás

Apenas complementando… calado é a distância da quilha para a linha d´água… sobre pintura, os navios do ComFlotAM são pintados com um cinza esverdeado…

Kferreira2
Kferreira2
2 anos atrás

Se todo mundo cumprisse suas obrigações com consciência e responsabilidade, tragédias seriam evitadas e o mundo seria mais seguro.

Guizmo
Guizmo
2 anos atrás

Obrigado XO, era o que imaginava

Marcos
Marcos
2 anos atrás

MO diria que não é um quadrado retângulo!

Observador
Observador
2 anos atrás

Obrigado Bill, Ivan, Humberto e XO, pelos esclarecimentos.

Ricardo Lopes
Ricardo Lopes
2 anos atrás

http://saab.com/naval/electronic-warfare/submarine-tactical-esm-and-elint-systems/ume/

Será que aqui não tem todo hardware e software para auxiliar as buscas será?

E niguém entrevista um oceanógrafo, talvez pudesse auxiliar, lembrando que o robô que irá descer
tbém é fabricado pela SAAB.

muita sorte a todos! que Deus acalme e ilumine as águas !

Jr
Jr
2 anos atrás

Com a entrada em operação dos novos submarinos e inevitável a aquisição de um novo navio para substituir o K-11, se a MB ainda não pensou nisso, acho melhor ela começar a já ir estudando sobre isso. Se o problema for $$$$$$$ os japoneses vão descomissionar o JS Chiyoda ano que vem, quem sabe a MB não se interesse, os japoneses costumam ser generosos na venda/doação dos meios que eles não vão mais utilizar

Jr
Jr
2 anos atrás

JS Chiyoda

Rommelqe
Rommelqe
2 anos atrás

Prezado Ivan, so voltando um pouco para as cores dos revestimentos do casco de subs e equivalentes, vou aproveitar o link do seu post onde se mostra a superficie esverdeada do Dolphin isralense. Como certamente varios aqui sabem, os subs recebem revestimentos elastomericos que atenuam a energia da ondas oriundas de sonares inimigos conferindo ao submarino uma propriedade stealth, de certa forma muito similar aos revestimentos RAM dos aviões. Claro que as ondas sonoras emitidas por sonares tem uma caracteristica que depende, dentre outras coisas, da elasticidade do meio físico no qual se propagam, ao contrario das ondas de radar… Read more »

pgumao
pgumao
2 anos atrás

Independente da superação e dos bons préstimos de nossa marinha, espero que essa tragédia sirva de lição para nós e para os argentinos, cortes financeiros brutais acabam por comprometer a segurança de nossos militares, se não há condições de exercer o mínimo das funções de cada arma que não seja feito, pois não dá para brincar de Forças Armadas, o preço acaba sendo muito alto.

Dalton
Dalton
2 anos atrás

Jr… . o “Chyioda” estará então com 33 anos e sua velocidade máxima é pouca coisa maior que a do “Felinto Perry”, motivo de muita crítica durante a maratona do “San Juan” e não tenho visto os japoneses sendo assim tão generosos…não lembro de nada muito vultoso que eles tenham doado recentemente. . De qualquer forma…o que você estaria sugerindo ? Aposentar o “Felinto Perry” ? Não há como no momento à marinha brasileira manter 2 navios para socorro submarino e acrescentar 4 submarinos aos 4 que eventualmente estarão em serviço em 2024 também não justificaria dois navios especializados para… Read more »

Observador
Observador
2 anos atrás

Boa explicação Rommelqe