quarta-feira, fevereiro 24, 2021

Saab Naval

Bolívia ‘está perto’ de voltar ao mar com soberania, diz Evo Morales

Destaques

IMAGENS: Navio-Aeródromo Ligeiro Minas Gerais – A11

Algumas das melhores fotos do NAeL Minas Gerais (A11) com seu grupo aéreo embarcado de aviões P-16 Tracker da...

TOPEX 1-87: USS Nimitz e cruzador nuclear USS California no Brasil, em 1987

Em 1987 eu era tripulante da fragata Niterói - F40 e quando estava em operação no mar, fazia parte...

SIMULAÇÃO: ‘Operação Pólvora’ – FAB e MB enfrentam o USS Nimitz

No início de novembro, o presidente Jair Bolsonaro em discurso com tom bélico ameaçou usar pólvora quando acabar a...
Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

La Paz, 25 Fev 2018 (AFP) – O presidente da Bolívia, Evo Morales, considerou neste domingo (25) que o país está “muito perto” de retornar ao mar, um mês antes de começar as apresentações orais contra o Chile por uma saída soberana para o Oceano Pacífico, na Corte Internacional de Justiça (CIJ) de Haia.

“Estamos pela primeira vez muito perto de voltar ao Pacífico com soberania”, declarou Morales.

À frente de várias atividades “para acompanhar a última etapa da nossa demanda marítima”, o presidente disse que a Bolívia perdeu sua costa por “uma invasão, que não foi planejada pelo povo chileno, mas pela oligarquia chilena apoiada por transnacionais inglesas”.

Ele anunciou ainda que presidirá, amanhã, uma reunião com a equipe jurídica boliviana “para acertar os últimos detalhes” para as apresentações do caso que começam em 19 de março em Haia.

Em entrevista ao canal Abya Yala, o ex-presidente boliviano e agente na CIJ, Eduardo Rodríguez Veltzé, lembrou que “as sentenças da Corte Internacional de Justiça são definitivas e de cumprimento obrigatório” e que Chile e Bolívia “estarão, ambos os países, em condições de honrar a decisão da Corte, pois se submeteram a ela”.

“Não é uma sentença da qual se pode esperar que determine que o Chile tem de entregar nada. É uma obrigação de se sentar e negociar com a Bolívia de boa-fé, de maneira oportuna e eficaz”, completou.

De acordo com o cronograma da CIJ, Bolívia e Chile farão suas alegações iniciais de 19 a 26 de março, no âmbito desse processo iniciado por La Paz em 2013. O Chile argumenta que não tem dívidas pendentes. A sentença pode ser anunciada no final do ano.

FONTE: UOL/AFP

- Advertisement -

179 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
179 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Carlos Alberto Soares

Combinaram com os Chilenos ?
Ah tá, sonhem ….

Daglian

Uma eventual decisão da corte à favor da Bolívia apenas reacenderá um conflito na região, tendo em vista a minha forte dúvida de que o Chile simplesmente vá entregar esta parte de seu território à Bolívia. Ao mesmo tempo, este último pais irá bater o pé dizendo que agora tem o “direito” àquele território, apesar de ser muito inferior em termos militares. É uma situação complicada que talvez só não escale para um conflito maior (novamente) com a mediação de países maiores ou, quem sabe, até do Brasil.

Emmanuel

Isso é o tipo de coisa que dá em __________.

COMENTÁRIO EDITADO. MANTENHA O BLOG LIMPO

Bogaz

Pela mesma lógica a Espanha pode reivindicar o retorno do território Boliviano. Quero ver um país ceder território, qualquer que seja, de forma passiva.

Art

Todo governante comunista faz a mesma coisa, quando perde popularidade procura um inimigo externo para desviar o foco. Venezuela e agora a Bolívia começam com esse discurso. O Brasil peca muito em não condenar ambos os regimes. Mas sabendo do Foro de São Paulo somos amigos carnais desses regimes infelizmente.

pangloss

Evo Morales realmente acredita no que disse? Coprofagia realmente faz muito mal à saúde mental.

Walfrido Strobel

A verdade é que o Chile roubou o território por não concordar em pagar o que a Bolivia queria pelo arrendamento.

Alexandre Maziz

Sinal de “Tretas” a vista Acho que o Chile não vai ceder mesmo ,Militarmente é muito superior , mesmo se Corte Internacional der ganho de causa para a Bolívia , essa região é ricas em recursos naturais , se não me falhe a memória o Peru perdeu território para eles também . Ou seja vai ficar tudo na mesma .

Renan

Poxa que isto se realize o quanto antes

Henrique de Freitas

Neste momento, cabe uma boa leitura aos participantes do Forum para entender o que aconteceu e como aconteceu entre 1879 a 1883
Tanto Bolivia quanto Peru perderam uma enorme faixa de terreno e se nao me engano, a Argentina que ficou “neutra”, abocanhou uma parte do terreno Boliviano tambem.
Uma coisa eh certa, o Chile jamais devolvera tudo…quem sabe se os EUA devolverem o Texas…rs

Ozawa

Só faltou dizer que agora a Bolívia poderá escoar sua produção de folhas de coca livremente por seu porto no Pacífico, o futuro “International Coca Port” … Humor negro à parte, e desconhecendo totalmente o conteúdo dessa demanda internacional, de plano, esse tipo de pedido se acolhido por uma Corte Internacional abriria um precedente para inúmeras pretensões semelhantes de um mundo em ebulição demarcatória. Assim, em juízo muito superficial, dificilmente a Bolívia obterá êxito nessa questão e as palavras de Morales me parecem mais as bravatas típicas da cartilha do bolivaricinismo que sempre elege litígios externos para criar internamente uma… Read more »

Tomcat3.7

Creio que que este é só mais um conflito que se desenha para um futuro não tão longe. Juntando com o zé ruela do Maduro e seus devaneios ,estamos caminhando a passos largos para um “Primavera Sul-Americana”.

TeoB

Olá, Colegas!
É fato que nossa vizinhança está se agitando nos últimos tempos, e poderemos ainda na próxima década ver uma briga de vizinhos, e no final das contas como temos a casa mais bonita da rua, pode acabar sobrando pra gente a tarefa organizar o bairro.
Sendo mais esperto, não podemos dormir no ponto, temos que arrumar mais uns pitbull, erguer o muro, botar uma câmera… pq se a coisa esquenta pra valer uma briga de vizinhos dessa pode acabar entrando no nosso quintal!

Walfrido Strobel

Por mais que se critique o Morales, ele tem se mostrado um bom administrador, ao contrário do casal Kirchner, das duplas Lula/Dilma e Chaves/Maduro que se mostraram péssimos administradores.
A Bolívia está investindo na sua recuperação, inclusive na parte militar e para os que a reduzem a um produtor de cocaína, a Bolívia só produz 17 % da Cocaina e a Colombia pouco criticada produz 51% da cocaina do mundo.

Willhorv

TeoB tem razão!
A coisa pode ficar ruim se o sisfron não tivér sido implantado.
Novas bases do exército e da FAB devem resguardar estas faixas de território brasileiro.
Um exemplo já vem acontecendo com as farcs passando pra cá.
E a hora de “torcer o pepino” já está passando. Depois não adianta reclamar.

ebs75

Em se tratando de Brasil, com certeza NADA será feito…. Faz 518 anos que é assim e sempre será até o dia que esse território for habitado por um outro povo um pouco mais sério…

Mosczynski

COMENTÁRIO APAGADO. LEIA AS REGRAS DO BLOG. PRIMEIRO AVISO.

Rennany Gomes

Salvo engano o Tribunal Internacional de Justiça nome oficial da Corte de Haia ou Tribunal de Haia, só pode proferir sentença definitiva dobre pendencias territoriais a partir de 1919, data de criação pela Sociedade das Nações entidade precursora da ONU. Antes disso imperava a “Lei da Guerra” quem ganha é dono, mexer nisso abriria uma caixa de pandora que poria em questão praticamente todas as fronteiras mundiais, então ao contrario do que disse o mandatário boliviano em jargão juridiquês ele não tem um caso.

Henrique de Freitas

Mais um detalhe interessante, Evo Morales ja afirmou que o Acre nao foi vendido ao Brasil por um preco justo, logo … rsrs

Tomcat3.7

Henrique de Freitas 28 de Fevereiro de 2018 at 14:45

Dei uma olhada aqui e rolou um saldão do território da Bolívia nesta época, Peru tbm perdeu um dedinho pro Chile, mas quem faturou o pedaço maior da Bolívia(que foi território espanhol) foi o Brasil.
https://3.bp.blogspot.com/-ieB2VUjZq1k/U5rPR7LXQ5I/AAAAAAAADsM/P4hRi990NwA/s1600/tumblr_n6kajmOPbr1rasnq9o1_500.gif

Cliquem neste Gif e vejam como mudou a cara da AS desde 1700 pra cá, muito legal e instrutivo.

Rennany Gomes

Quanto ao Acre o Brasil comprou, o contrato foi assinado e as mãos apertadas. Viva Rio Branco!

PauloR

Lembrando que o Chile foi obrigado pelo tribunal internacional de Haia a ceder uma parte do território marítimo para o Peru, então é possível que o país perca também esse território invadido para a Bolívia.

Roberto Bozzo

“Não é uma sentença da qual se pode esperar que determine que o Chile tem de entregar nada. É uma obrigação de se sentar e negociar com a Bolívia de boa-fé, de maneira oportuna e eficaz”

Pelo que entendi, se o Chile não quiser devolver ele não é obrigado pois é uma corte de arbitragem; alguém com mais entendimento poderia explicar ?

Jr

PauloR, mas creio que no caso boliviano os chilenos não vão aceitar calados caso o veredito seja contra eles, uma coisa é ceder em uma disputa de fronteira marítima, outra coisa seria ceder uma parte que os chilenos consideram ser seu território.

Alex II

Morales tem feito um governo muito bom, com um crescimento econômico anual do pais dos maiores da America Latina e um investimento em Educação na Bolívia jamais feito. A enorme disparidade social no país, que existe desde a independência e é até maior que o outro pais fracassado como o Paraguai, tem diminuído a olhos vistos na ultima década.

Para alguns aqui escondidos nas trevas do ________________
_____________, ele é um presidente “comunista”.

Mas duvido q e consiga essa saida pacificamente.

COMENTÁRIO EDITADO. FAÇA SEUS COMENTÁRIOS SEM ATACAR OS DEMAIS COMENTARISTAS DO SITE. PRIMEIRO AVISO.

Jacinto

Alguém já fez um plebiscito para ver se as pessoas que vivem na região se consideram chilenas ou bolivianas ou se preferem fazer parte do Chile ou da Bolívia?

Rennany Gomes

1929, os dois países assinaram o Tratado de Lima, que definiu que Tacna seria peruana e Arica, chilena. O tratado definiu as fronteiras terrestres, mas a disputa pelo território marítimo continuou em aberto, e piorou em 1947, quando os dois países proclamaram, unilateralmente, que tinham direitos sobre a área em disputa. Em 1952, Chile, Peru e Equador assinaram a Declaração de Santiago, que definiu políticas marítimas na costa do Pacífico. A declaração foi ratificada pelos três países e foi aprovada pelas Nações Unidas. A corte de Haia pode da sentença definitiva porque os dois acordos em questão não tinham definição… Read more »

Alex II

Só um comentário: se o Chile fosse governado há anos pela socialista Bachelet e a Bolivia por uma ditadura militar ou um governo civil de direita , como quase todos de sua historia, os comentários seriam totalmente opostos.

E ainda tem quem veja alguma relevância nos comentarios politicos feitos aqui.

100nick

Se eu fosse o Chile, daria o acesso ao mar para a Bolívia, mantendo a soberania do Chile, mas criando uma zona de livre circulação, com regras definidas em conjunto. Ressaltando que a soberania continuaria chilena, mas dando livre acesso e circulação à Bolívia. Seria uma solução politicamente correta, que seria vista com bons olhos pela Bolívia. E o Chile ainda poderia fazer a Bolívia assinar um documento abrindo mão de qualquer reivindicação sobre a área, em troca da livre circulação. Seria uma relação ganha-ganha: a Bolívia teria seu acesso ao mar e o Chile, garantia de paz, tranquilidade e… Read more »

Dodo

Tomcat3.7 28 de Fevereiro de 2018 at 14:51
“Creio que que este é só mais um conflito que se desenha para um futuro não tão longe. Juntando com o zé ruela do Maduro e seus devaneios ,estamos caminhando a passos largos para um “Primavera Sul-Americana”.”

Só espero que não evolua para um “inverno sul americano”

Dodo

100nick 28 de Fevereiro de 2018 at 16:11 “Se eu fosse o Chile, daria o acesso ao mar para a Bolívia, mantendo a soberania do Chile, mas criando uma zona de livre circulação, com regras definidas em conjunto. Ressaltando que a soberania continuaria chilena, mas dando livre acesso e circulação à Bolívia.” Mas eu acho que vai ser exatamente isso que o tribunal vai decidir. Lembrando que é obrigatório o cumprimento das decisões do tribunal,não houve até hoje um país que não obedeceu uma decisão desse tribunal ex: Vitória do Peru na disputa das bacias de pesca com o chile… Read more »

Jr

Dodo, eu posso estar enganado, mas teve o caso Colômbia x Nicarágua que o tribunal deu ganho de causa a Nicarágua e a Colômbia não aceitou o veredito, ou seja, a Nicarágua ganhou, mas não levou

Rennany Gomes

Além de tudo que eu expliquei acima. Arica (Chile) está ao norte de Antofagasta (região em disputa) ceder tal território dividiria o chile em duas partes, criando uma confusão ainda maior, quanto a obrigar uma nação soberana a dar um corredor de livre acesso dentro do seu território seria o equivalente a deixar o vizinho estacionar o carro dentro de sua garagem.

Diplomata92

Ultimamente a America latina tem esquentado,Venezuela agora Chile e Bolívia acho que isso também é do interesse do Peru!
É certo dizer que esse tipo de coisa favorece nossas forças armadas ?
Um cenário desses exige uma nação com uma certa responsabilidade de intervir pacificamente com força diplomática e uma Força armada de respeito torna isso mais convincente.

Rafael Oliveira

100nick,
Isso que você quer o Chile já faz. Ver Porto de Iquique.

JOBERTO

Uma saída seria a compensação de territórios, ou seja: O Chile cederia uma faixa ao norte de Arica e receberia o equivalente em área de outra região da Bolívia.

Roberto Bozzo

“Em 1884, a Bolívia assinou uma trégua que deu total controle da costa pacífica ao Chile, com suas valiosas reservas de cobre e nitratos. Um tratado de 1904 tornou este arranjo permanente. Em retorno, o Chile concordou em construir uma ferrovia ligando La Paz, capital boliviana, ao porto de Arica, garantindo liberdade de trânsito ao comércio boliviano pelos portos chilenos.” O Chile já havia proposto a criação de um porto de uso exclusivo da Bolivia, mas com soberania chilena, o que o Morales até hoje não executou. Inclusive esta oferta foi reiterada antes da Bolivia entrar com esta ação na… Read more »

Aldo Ghisolfi

WALFRIDO STROBEL: a Bolívia produz somente 17% da cocaína consumida no mundo?
Achas pouco? Incompetência do Evo?
Penso que o Chile não vai devolver nada à Bolívia, mesmo pq sua presença na área é anterior à boliviana.

DODO: e se o tribunal der ganho de causa à Bolívia e o Chile resolver não acatar a decisão, o que é que acontece?

Tamandaré

“O presidente disse que a Bolívia perdeu sua costa por “uma invasão, que não foi planejada pelo povo chileno, mas pela oligarquia chilena apoiada por transnacionais inglesas”.

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK é sério isso?? esta foi a melhor piada deste ano, até o momento!!

Isso aí não vai dar em nada! Mesmo com decisão favorável à Bolívia, duvido que o Chile aceite isso tão tranquilamente. Esqueçam!! Sem contar que abre um belo precedente, como o Sr. Ozawa já mencionou acima.

GUPPY

Gostaria de ver o que o Glasquis7, que é chileno, tem a dizer.

José Carlos David

Seria interessante a Bolívia ter uma saída para o mar. Torço para que bolivianos e chilenos cheguem a um acordo que permita isso.

Dan01

Ate parece que o Chile vai devolver, esse Morales ta sonhando demais.

Adler Medrado

Até parece que os fabricantes de panelas cederão o território assim, tão fácil, aos produtores de cocaína.

Alexandre Maziz

Eu tenho uma pergunta a fazer amigos, digamos que o Chile perca na corte internacional , que vai obrigar a ele devolver as terras ? alguma superpotência militarmente?pois se for só de boca a boca o jogo vai ficar zero a zero .

Theo Gatos

Pra quem estiver curioso, aqui os artigos da Wiki (colei em inglês pois aparentemente estão mais completos, mas há português também) de…
.
Geral do relacionamento entre os dois países – https://en.wikipedia.org/wiki/Bolivia%E2%80%93Chile_relations
.
Acordo de 1904 – https://en.wikipedia.org/wiki/Treaty_of_Peace_and_Friendship_(1904)
.
Aparentemente o acordo que previa a entrega de uma estreita faixa de terra até o porto de Arica feito por Pinochet para honrar a superior o acordo de 1904 não vingou pois precisava ser aceito pelo Peru que não aceitou…
.
Sds

Alex II

Aldo Ghisolfi 28 de Fevereiro de 2018 at 17:04
WALFRIDO STROBEL: a Bolívia produz somente 17% da cocaína consumida no mundo?
“Achas pouco? Incompetência do Evo?”

Sim, é um incompetente. No tempo da ditadura militar fascista de Hugo Banzer produzia 25%.

Dan01

Se uma guerra dessa ocorrer pra nos vai ser so problema, milhares de refugiados cruzando a fronteira brasileira

Helio Eduardo

Art 28 de Fevereiro de 2018 at 14:38 , e o que é que a esquerda ou a direita etc, tem a ver com isso…. Por favor, esse papo mais uma vez não dá!!!

Essa demanda boliviana tem data: dia seguinte ao do Tratado de 1904….. Não é invenção da esquerda, da direita, do centro…..

Nosso amigo Roberto Bozzo 28 de Fevereiro de 2018 at 16:59 já explicou essa treta secular…

Capt Jack Aubrey

Chile devolver? Ah ah… nuuunca! E nem o povo residente vai querer trocar a nacionalidade chilena pela boliviana…

- Advertisement -

Posts mais comentados

EXCLUSIVO: Marinha estuda compra de caças F/A-18 Hornet ‘por oportunidade’

Por Roberto Lopes* O assunto emergiu na manhã da sexta-feira, 10, durante a cerimônia de troca de comando na Diretoria...
- Advertisement -
- Advertisement -