Home Indústria Naval China constrói sexto destróier Type 055

China constrói sexto destróier Type 055

9736
146
Lançamento do primeiro Type 055, em outubro de 2017

Imagens de satélites comerciais recentemente capturadas mostram que a China iniciou a construção em seu estaleiro em Dalian do sexto destróier de mísseis guiados Type 055 para a Marinha do Exército de Libertação Popular (PLAN).

A imagem mostra que a montagem do primeiro convés para o casco 6 ocorreu entre 21 de dezembro de 2017 e 3 de janeiro de 2018. Dois cascos do Type 055 (3 e 4), ambos em estágios finais de montagem, estão presentes em uma doca seca vizinha.

Os cascos 1 e 2 estão sendo construídos nas instalações do estaleiro de Jiangnan perto de Xangai, onde o trabalho no casco 5 começou em novembro de 2017.

Medindo cerca de 180 metros de comprimento e mais de 20 metros de boca, o Type 055 desloca de 12.000 a 14.000 toneladas a plena carga. O Type 055 possui características stealth, incluindo um convés totalmente fechado, mastro integrado e superestrutura em formato furtivo para reduzir a sua assinatura de radar e infravermelho.

Com as funções de fusão de dados, rede e comando, os Type 055 serão capitânias de forças-tarefa com destróieres, fragatas e corvetas. Pequim, aparentemente, planeja tornar o Type 055 seu principal navio de guerra de superfície para o século XXI.

Incluindo os oito DDG iniciais Type 055 já planejados, a Marinha Chinesa (PLAN) pode encomendar até 30 destes navios até meados do século. O próximo modelo da classe, o Type 055A, está planejado para ser maior e ainda melhor armado. Também terá um Sistema de Propulsão Elétrica Integrada (IEPS). O IEPS gerará energia suficiente para suportar armas de energia direcionadas, como lasers, railguns e sistemas de microondas de alta potência.

Armas do sistema VLS do Type 055

146
Deixe um comentário

avatar
46 Comment threads
100 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
65 Comment authors
OplitaCarlos Alberto SoaresLéo BarreiroMk48Renan Lima Rodrigues Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Augusto
Visitante
Augusto

Belonaves estão saindo dos estaleiros chineses com frequência maior que pães quentinhos saem do forno da padaria da esquina da minha casa.

Bardini
Visitante
Bardini

Vários navios ao mesmo tempo…
comment image

Otto Lima
Visitante

Alguns sites estrangeiros classificam o Type 055 como CT e outros, como cruzador, devido ao seu tamanho e poder de fogo. De qualquer maneira, um projeto formidável.

Luiz Floriano Alves
Visitante
Luiz Floriano Alves

Esta Type 055 é o sonho de consumo de qualquer almirante. Quem pode…pode…

Aldo Ghisolfi
Visitante

Muito bonito o navio…
A China tem vários pontos de conflito internacionais.
Está perseguindo o qto sua geopolítica estabelece e projetando poder como ninguém.
==========================================
Alguém pode fazer uma comparação da PLAN com a NAVY?
==========================================

Mateus
Visitante
Mateus

Alguém duvida de que se a China ganhar a licitação do projeto Tamandaré ela entregará as 4 fragatas/corvetas até 2020?

Se forem as Type 54A eu digo que no fim de 2019 elas estão por aqui.

Bardini
Visitante
Bardini

Eles são rápidos, mas não fazem milagre.

BILL27
Visitante
BILL27

kkkkkk como assim 2020 ? Não exagera rs

Mateus
Visitante
Mateus

Os chineses comissionaram quase 4 TYPE 54A por ano.

Tem três sendo comissionadas em 2018. Não duvido nada que os chinas poderiam entregar esses meios até 2020.

Tomcat3.7
Visitante
Tomcat3.7

Também acredito que se a China levar o contrato em dois anos e meio no máximo já estarão construidos os quatro navios.

Bardini
Visitante
Bardini

Sim… Mas a China constrói esses navios desde quando?

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Boa questão.

BILL27
Visitante
BILL27

Falta pouco mais de uma no e meio até 2020 ….Comissionar 3 em um ano ok .,mas quanto tempo levaram para construi la ?

Humberto
Visitante
Humberto

Não acredito em escoltas chineses entrando na MB, uma guinada muito grande, veja bem, não estou falando que soltam peças, mas a falta de tradição, doutrina ou mesmo intercambio mata qualquer chance.
No mais, em 2020 nem a pau, se bobear, nem a grana vai estar liberado até la.

Nonato
Visitante
Nonato

A China não segue essa lógica da indústria de defesa ocidental.
Passar dez anos fazendo um projeto, mais dez anos discutindo e depois mais vinte para construir.
É dinheiro na mão, navio no chão…

Nonato
Visitante
Nonato

Até porque em tese qualquer empresa quer ganhar dinheiro.
Muita gente quando não tem encomenda acha ruim.
Quando aparece fica colocando dificuldades.
Tenho essa lógica objetiva.
Cliente interessado, com dinheiro e com pressa?
Mãos a obra.
A empresa vive para construir navios e ganhar dinheiro.
Se coloca obstáculos deixa de ganhar dinheiro…

Nonato
Visitante
Nonato

Você quer navio? Nós somos do ramo. Temos engenheiros, soldadores, equipamentos de solda, equipamentos para cortar aço. Se fechar contrato amanhã mesmo compramos as chapas de aço, cortamos próxima semana, na outra já começamos a soldar, etc. Já vamos encomendar motores, radar, sonar etc. O pessoal que fabrica radar também quer trabalhar e ganhar dinheiro… Dentro de seis meses, seu navio estará no chão… Por falar nisso, já vi edifícios residenciais que demoram 4 anos para construir. Os pagamentos dos compradores vão bancando a obra… A construtora não quer desembolsar nada. Mas já vi grandes áreas comerciais, tipo hipermercados, incluindo… Read more »

Ronaldo de souza gonçalves
Visitante
Ronaldo de souza gonçalves

Nos tínhamos o preconceito que a china só faz bugigangas,alias ela faz mas quando o assunto é sério eles fazem as coisas bem feitos,mais barato,e em tempo menor,será que eles estão desenvolvendo algum método de trabalho que nos ocidentais e mesmo os orientais desconhecem.mão é kaban,project,just time.se eu fosse chutar eu diria que é um sistema parecido com pert/com,para construção é um outro sistema para a logística.Falam que tem mãos de obra barata,mas á índia tem também,paises africanos idem.Mas esquece que formam milhões de engenheiros todos os anos é lá engenheiro pões a mãos na massa, é na maioria do… Read more »

Bruno V. Campestrini
Visitante
Bruno V. Campestrini

Lá você tem mão de obra barata, qualificada e com a conhecida determinação dos orientais. Além de uma infraestrutura de tamanho e qualidade surpreendentes. E claro as leis trabalhistas lá são ridículas, segurança no trabalho então…

Leonardo
Visitante
Leonardo

O método de trabalho inovador é a chibata.

Nonato
Visitante
Nonato

No ocidente, os funcionários de fábricas de aviões perdem dias e dias assistindo o roll out de cada avião, o primeiro vôo, a entrega do milésimo avião etc.

Andrew Martins
Visitante

Boa noite pessoal! Algumas dúvidas e conjecturas.
Com a transferência de tecnologia do Gripen teríamos acesso ao radar AESA dele? Se sim teríamos como construir um? E indo adiante poderíamos adaptá-lo ao uso naval?
Aquele convite pra participar do desenvolvimento do sistema MARLIN Sul-africano foi aceita? Seria um bom sistema pra equipar um navio nosso?
O que falta pra testarmos o MAN SUP com alcance de 300 km? Em que estagio está o projeto?
Já deu pra percebe onde eu quero chegar né rsrs
Alguém me passa a lista do que a gente não domina e precisaria em um navio de guerra? Desde já grato!

Bardini
Visitante
Bardini

“Com a transferência de tecnologia do Gripen teríamos acesso ao radar AESA dele? Se sim teríamos como construir um? E indo adiante poderíamos adaptá-lo ao uso naval?” . Cara… Radar que poderia ser aplicado em um navio, talvez seria o SABER M200. http://www.bradar.com.br/images/folders/FOLHETO%20SABER-M200%20ING.pdf Mas a Bradar poderia simplesmente nacionalizar um Radar 3D já existente. Poderiam usar esse radar para equipar também a AAAe das 3 Forças. . “Aquele convite pra participar do desenvolvimento do sistema MARLIN Sul-africano foi aceita? Seria um bom sistema pra equipar um navio nosso?” . Mais fácil nacionalizar o CAMM e fazer dele o míssil padrão… Read more »

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

O MAN SUP usa motor foguete e por isso tem alcance reduzido, uma versão utilizando turbina provavelmente está sendo desenvolvido em paralelo com AV MT-300, pois se vocês observarem foram divulgadas duas versões dele, uma asas próprias de míssil de cruzeiro e outra com aletas como de um míssil de ataque naval. Não sei qual poderia ser um alcance dessa versão , mas meu palpite é de algo próximo do Exocet Block III.

Rafael Oliveira
Visitante
Rafael Oliveira

Com a crônica falta de recursos que aflige os projetos bélicos nacionais, duvido que a Avibrás esteja tocando dois projetos paralelos do AV MT-300 ou dois do Mansup. Aliás, como o Matador está bem atrasado (já tem quase vinte anos que eu ouço falar no Matador e até agora ele não está pronto), se ele e o Mansup estiverem andando, “já está bom”.

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

Foi comentado em outros fóruns que essa suposta versão do AV MT-300 na verdade é um versão do MAN SUP. O MAN SUP e o Matador são irmãos e filhos bastados do Exocet AM39, uma versão de maior alcance já pode estar engatilhada só faltando verbas para continuar o desenvolvimento. Só queria informações confiáveis sobre as dimensões e carga bélica dos mísseis.

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

O motor foguete deve ter sido selecionado nessa primeira versão porque já estava pronto devido o programa de remotorização dos Exocet AM39.

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

Exocet MM40 block 2*

Bardini
Visitante
Bardini

São irmãos???
.
Mas um é desenvolvido pela Avibras e o outro pela atual SIATT…
.
Não viaja.

Jr
Visitante
Jr

Falando no MAN SUP, parece que o desenvolvimento dele esta andando

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

Olha que trecho interessante de uma entrevista realizada em novembro de 2014 com o Vice Almirante Ronaldo Fiuza, Gerente do Projeto: “Já a versão submarina, o MAN SUB, se encontra em estágio não tão avançado, porém dentro do esperado do projeto. Tem a previsão para ficar pronto em 2025, e utiliza uma tecnologia mais sensível na fase de lançamento. O míssil é lançado a partir do tubo de torpedos de um submarino, encapsulado em uma carenagem que se assemelha a um torpedo. A capsula então é impulsionada para a superfície através de um motor foguete subaquático, e é esse componente… Read more »

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

Podia ter a opção de editar o comentários. Outro trecho que esqueci de colocar:
“O MAN SUP é como um “míssil escola”, que após concluído vai nos deixar um legado capaz de nos impulsionar para o desenvolvimento de armas mais complexas e modernas. Além do fato de que, segundo o Vice Almirante Fiuza, a MB não possui atualmente sistemas capazes de detectar e engajar um alvo a uma distância compatível com o uso de um míssil com 180km e micro-turbina.”
Talvez com introdução de novas escoltas e com o satélite geoestacionário brasileiro a versão com maior alcance entre na fase de projeto.

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

A Avibrás participou no desenvolvimento do MAN SUP, assim como a Mectron, Omnisys e a Ares. Alias a SIATT é uma Mectron 2.0, visto que 90% do seu quadro de funcionários vem desta.

Bardini
Visitante
Bardini

Você postou a resposta… Não existe nada além do MAN SUP.

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

Sim, porque enquanto não, pois não existe meios de usá-los de forma eficiente, mas assim que houver com introdução de novas escoltas provavelmente a nova versão será projetada e os desenvolvimentos feitos para AV MT-300 como guiagem por GPS e micro turbina serão utilizados, a configuração aerodinâmica da primeira versão do AV MT-300 e do MAN SUP foram copiados na cara dura do Exocet, por isso pensaram em até não fazer ensaios em túnel de vento no desenvolvimento do MAN SUP, ideia essa descartada depois, no caso do matador o desenho original foi modificado, o que me leva a crer… Read more »

Bardini
Visitante
Bardini

Existe sim meios para utilizar um míssil de 180km na MB. H225M e S-70B tem um excelente radar. Isso aí é desculpa. O próprio Super Lynx tem condições de ir buscar alvos nessa faixa de alcance… . ” a configuração aerodinâmica da primeira versão do AV MT-300 e do MAN SUP foram copiados na cara dura do Exocet” . E o MAR-1 também foi copiado do Exocet então, pq é parecido. . O MAN SUP é basicamente um MM40 Exocet Block II nacionalizado. O AV MT 300 Matador é um desenvolvimento próprio, de um míssil de Cruzeiro Tático para o… Read more »

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

Bardini você viu a penúltima versão do AV MT 300? caso não tenho visto vou botar as imagens aqui. Exocet http://sistemasdearmas.com.br/asv/exocetblock3.jpg AV MT 300 https://3.bp.blogspot.com/-8cQ38eYw5GU/UMTkWVhhZrI/AAAAAAAAARQ/nyJSKbB0NI8/s1600/Míssil+de+Cruzeiro+Tático+AV+TM+300+Matador.jpg MAN SUP https://portaldefesa.com/home/wp-content/uploads/imagens/Leo/MANSUP/mansupcaracteristicas.jpg MAR-1 (realmente parece pra caramba, tem até o corpo em formato cilíndrico) A Avibrás participou do projeto do MAN SUP e tem parceria com MBDA, você acha mesmo que eles não usariam as soluções aerodinâmicas de um míssil exaustivamente testado? Logicamente mudanças foram necessárias pois os requisitos são outros. Quanto a construção da versão de longo alcance do MAN SUP, essa desculpa não foi dada por mim, mas pelo gerente do projeto.… Read more »

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

Atual versão do AV MT 300
comment image
Essa sim com uma configuração aerodinâmica bem diferente e mais parecida com o padrão de mísseis de cruzeiro.

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

Link correto
comment image

Rafa_positron
Visitante
Rafa_positron

Eu entendo nada de meios navais
Mas esses navios são muito bonitos

Eles seriam da mesma tonelagem de um “Slava” ?

_RR_
Visitante
_RR_

Rafa,

Os navios da classe ‘Slava’ são consideravelmente mais pesados, passando das 10000 ton. full. São classificados como cruzadores e são claramente voltados para a guerra ASuW ( anti-superfície ).

Esse vaso chinês, deslocando até 7500 ton. full, está mais para os tipos europeus da classe ‘Sachsen’ ou ‘Daring’. E grosso modo, teria praticamente as mesmas funções da classe ‘Arleigh Burke’ ( fligth IIA em diante ), sendo muito mais similar a este.

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Não sei se você chegou a ler mas esse navio desloca entre 12000 – 14000 ton.

Dalton
Visitante
Dalton

_RR_…
.
acho que você está confundindo com o “052”…o “055” desloca mais de 10.000 toneladas…13.000 totalmente carregado,
conforme informado no texto.
abs

_RR_
Visitante
_RR_

Ops…

Valeu Dalton.

Saudações.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Bom dia RR, o type 055 desloca entorno de 14.000 toneladas, classificado pela USN como destroyer, e rival direto da classe arleigh burke essa por sua vez com deslocamento de 9.200 toneladas, o equivalente em tonelagem ao 055 na USN seria a classe Zumwalt com 14.500 toneladas

Guizmo
Visitante
Guizmo

Eu acho que essa classe faz frente aos Tico

Frederico Boumann
Visitante
Frederico Boumann

O tipo 055 é o rival direto do Ticonderoga; a classe Arleigh Burke é cerca de 30% menor, não tem como comparar.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Pode ser, é que a USN a classifica como rival da Arleigh Burke e não da ticonderoga.

_RR_
Visitante
_RR_

Grato, SeaPredator.

Saudações.

Rafa_positron
Visitante
Rafa_positron

Opa!
Valew _RR_

Muito obrigado!

_RR_
Visitante
_RR_

Disponha Rafa,

Mas o colegas acima estão mais corretos do que eu.

Em tonelagem, esse vaso é mais comparável aos tipos que eles descreveram, muito embora seja mesmo similar em funções ao Burke americano.

Gabriel
Visitante
Gabriel

Seria legal ver a China ganhar a concorrência…ver a cara de tacho dos yankes vendo navios chineses no Atlântico sul seria impagável

Control
Visitante

Srs
Jovem Gabriel
A China fechou um acordo para estabelecer uma base naval na Namíbia, Atlântico Sul, portanto.
Sds

Jr
Visitante
Jr

Fonte????????

Guizmo
Visitante
Guizmo

Qqr blog de defesa, aqui incluso, Estadao, Folha, NYT…..só procurar

Ivan BC
Visitante
Ivan BC

Ver a cara dos yankes? Eu estou preocupado com o Brasil! Semana passada os chineses levaram a concessão do Porto de Paranaguá – PR, teve até comemoração no congresso nacional, logo após teve churrasco para executivos chineses, bem no estilo Dilma em 2015. Eu quero ver a cara dos brasileiros perdendo o controle da nossa costa e da rota do Atlântico Sul, aliás, os argentinos não tem coragem nem de atirar em uma frota de pesqueiros ilegais no litoral da Argentina. Os yankes estão muito bem com seu arsenal nuclear e frota de super porta-aviões, o problema é o frágil… Read more »

Washington Menezes
Visitante
Washington Menezes

A Argentina atirou em pesqueiro chines sim, inclusive tem matéria se me engano aqui no Naval.

Mercenário
Visitante
Mercenário

Ivan,

Concordo com a tua última frase. A China vem liquidando com o que resta da indústria nacional e, do Brasil, adquire principalmente commodities.

Dalton
Visitante
Dalton

Ivan… . não é bem assim…da mesma forma que a US Navy não tem NAe “sobrando” para destacar um exclusivamente para o Mediterrâneo, muito menos Atlântico os chineses também não poderão dispensar um de seus NAes para “passear” pelo Atlântico Sul…lembre-se que para cada navio no mar, há um em manutenção e outro em treinamento…não é uma regra escrita em pedra, mas, bem próxima da realidade para todos. . Evidentemente que os chineses tem interesses no mundo todo, mas, mesmo eles admitem que haverá um limite para o crescimento de suas forças armadas…a marinha deles não será igual à US… Read more »

Walfrido Strobel
Visitante

Nos EUA as empresas sul coreanas ja estão administrando a maioria dos portos e isso não causou nenhuma preocupação pela perda de soberania.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Depende de como for essa administração.

Ivan BC
Visitante
Ivan BC

Walfrido, EUA é EUA, aqui é Brasil…se a China erguer a voz, o Brasil corre! Outra coisa, portos nos EUA é administrado por empresa sul-coreana, setor privado, aqui no Brasil o Porto de Paranaguá será administrador por uma ESTATAL chinesa…há uma diferença gigantesca. Não queremos o Estado brasileiro gerindo as coisas, daí privatizamos…advinha que venceu? uma estatal chinesa! Estamos bem!!! ………………….. Dalton 16 de Março de 2018 at 12:21 Respeito a sua opinião…mas eu acredito que a China será nesse século uma potência militar mais forte que a dos EUA…também acredito que o PIB chinês será maior que o dos… Read more »

Celso
Visitante
Celso

quanto maior o navio, melhor o alvo………..

Ozawa
Visitante
Ozawa

Do ponto de vista da geo-política, na linha do que muitos já disseram, dizem e ainda dirão nesse fórum, com maior densidade, e agora o faço em apertada síntese, os PLANos são evidentes: “Fazer a China Grande Outra Vez …”, e nesse lema acredito que os Chineses sejam originais dessa vez …

Do ponto de vista da estética naval, ao meu gosto, realmente é uma das escoltas mais belas já construídas, com essa ponte recuada conferindo-lhe uma elegância agressiva, só perdendo mesmo para as FREMM italianas, pero non troppo …

Marcio
Visitante
Marcio

Na minha cidade os chineses invadiram e montaram vários tipos de comércio. Falam muito pouco ou quase nada o português e são donos de várias lojas na cidade e comprando imóveis. Em quanto isso, os brasileiros (os nativos locais ) quando não vão trabalhar de empregados para eles, vão vender hambúrguer, caldo de cana e pipoca. É impressionante a garra, a determinação dos chineses. Temos aulas de graça e não aprendemos. Logo logo terão porta aviões nuclear!

Léo Barreiro
Visitante
Léo Barreiro

Juro que até hoje não consigo entender como eles conseguem? Vem em teoria sem nada é conseguem montar esses impérios!

Faço as vezes me perguntando se não são financiados externamente….

Edmilson.F
Visitante
Edmilson.F

Pelo link que o Bardini enviou ja estao construindo o 17 destroier 052??!! Minha nossa!! E fora as corvetas, fragatas, navios de suprimento e reabastecimento gigantes, navios de assalto anfibio igualmente grandes …sem contar os Nae…uma media incrivel para os tempos atuais….uma media entre 6 a 12 navios por ano (pode ser ate mais..sao 7 estaleiros dedicados a PLANavy) e em ate 5 anos ter no minimo mais 40 combatentes de superficie a mais.. novos ..é de encher os olhos..é incrivel!!! …e ja estao indo incomodar a India e o Indico…é senhores, isso de certa forma da medo…sim, medo …a… Read more »

jodreski
Visitante
jodreski

E ainda tem gente que diz que os Chineses só copiam as coisas! Eles copiam quando lhe convém! Se a cópia for possível o desenvolvimento é bem mais rápido, mas quando não e possível olha aí o resultado da produção chinesa, é pra calar muita gente!

sergio ribamar ferreira
Visitante

alguns comentaristas possuem razões óbvias de não gostarem de equipamentos ou meios chineses (até concordo com eles, cópias muitas vezes defeituosas; estou atenuando) porém noto que com o passar dos anos encontramos um aprimoramento de certos meios. acredito que a ideia de quantidade versus qualidade ainda prevaleça na concepção militar entretanto o aprimoramento se faz presente . a engenharia reversa de meios é válida para alguns meios, faz-se necessário maior estudo e gasto( recursos financeiros). a criatividade ainda é uma forte presença no mundo ocidental. Um exemplo muito simples: as ferramentas utilizadas pelos americanos em comparação com os chineses. mais… Read more »

Nilson
Visitante
Nilson

Quantidade x qualidade: Sherman x Tiger (deu Sherman de lavada). Os chineses querem ser os Sherman de hoje.

J-20
Visitante
J-20

E aquele canhãozinho sem vergonha dos Firefly? Se eu estivesse no lugar dos alemães, já teria borrado as calças só de vê-lo

Tiger 777
Visitante
Tiger 777

Caraca!!! este sistema com sete mísseis, mostrado no desenho são impressionantes!!!!
Estes mísseis VLS, são cópias de mísseis Russos, ou já são projetos Chineses???
Se continuarem neste ritmo, vão ultrapassar a Marinha Russa, em breve…

_RR_
Visitante
_RR_

Tiger 777,

Em quantidade de vasos e em tonelagem, eles já passaram…

A qualidade dos vasos chineses, ao que tudo indica, também já se equipara…

Não duvido que o arsenal seja inspirado em tipos russos ( aliás, parece ser evidente em alguns casos… ), mas isso não muda o fato de que até mesmo para isso exige-se competência. E é um erro acreditar que sejam de fato cópias integrais… É certo que existem sub-sistemas de origem chinesa aí.

TIGER 777
Visitante
TIGER 777

Grato pela resposta _RR_

_RR_
Visitante
_RR_

De nada, Tiger 777.

Saudações.

Otto Lima
Visitante

A julgar pelas ilustrações, há uma mescla de sistemas de inspiração ocidental, de inspiração russa e desenvolvidos localmente. O VLS parece cópia do Mk 41 estadunidense.

TeoB
Visitante
TeoB

Olá, bem o que me impressiona é que a força industrial do dragão esta se voltando para militarização… em caso de um conflito como parar um pais que fabrica aviões, navios e tanques a toque de caixa, somado com uma força de milhões que trabalham igual a robôs…?! não sei não, mas se bobiar o ocidente perde a coroa em 30 anos.
o que particularmente não acho um bom negócio.

Washington Menezes
Visitante
Washington Menezes

Penso que não vai levar 30 anos.

BILL27
Visitante
BILL27

30 ??? Talvez menos de 20

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Lembre-se que quem é que paga esse crescimento é justamente o ocidente.

MARCOV
Visitante
MARCOV

O que me chamou mais a atenção deste destróier, ou cruzador (280 tripulantes e deslocamento padrão de 10.000 ton e 13.000 ton “full”), além do armamento instalado, é o alcance de mais de 10.000 km.

Tomcat3.7
Visitante
Tomcat3.7

Simplesmente belo e poderoso este navio, embrulha 5 pra viagem por favor e entrega no RJ pra MB o frete é por nossa conta!!!

Top Gun Sea
Visitante

É!! Eles brincam de fazer navios de guerra! Construir navios de guerra na China é como montagem de lego. Ainda mais quando se tem um orçamento de defesa de 175 bi de dólares, assim eles serão a maior potência naval de guerra do mundo em 5 anos e não em 15 como previsto..

Edmilson.F
Visitante
Edmilson.F

175 bilhoes de dolares X 3 ..525 bilhoes de reais..usamos no maximo 4 bilhoes em investimento por ano (sem a tesoura do governo)…..mas sempre é creditado bemm mais no investimento Chines..entao essa verba passa pra no minimooo 200 bilhoes de dolares…e no minimooo ( x 3..sei q o dolar ta 3,30) seriam 600 bilhoes de reais…imaginou esse dinheiro investido certo nas nossas forças??

Bruno w
Visitante

Estes navios chineses não são copias do projeto Russo “Tiger” …? Pois me parece que os Russos lançaram este projeto a alguns anos atrás..

Alexandre Galante
Visitante

Não Bruno, esse projeto não tem nada a ver com o Tigr russo. O Type 055 é uma evolução do Type 052. Pesquise no campo busca do blog ou na lupinha no canto superior direito do blog.

Elden
Visitante
Elden

Cruzadores com certeza. Ah a MB com quatro dessas funcionando perfeitamente……(sonho)

Gustavo
Visitante
Gustavo

que navio, talvez mais até que um destróier. Eles tem produzido mais que uma frota oceânica da marinha brasileira inteira por ano.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

bom dia Gustavo, realmente é um grande navio, em todos os sentidos e bem projetado, quanto a situação da MB, é no minimo lamentável a condição em que se encontra a frota, tem muitas capitanias com embarcações de patrulha que não estão em condições de navegação, só servem para numero infelizmente, conheço alguns casos em que cascos tem fissuras ( enormes ) ou séria osmose, mas que tem de navegar ( uma vez no mês ) mesmo assim.

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

U$ 576 mi???

Eh esse o valor que sai um type 055 para a marinha chinesa?

Os chineses disseram que pelo valor de 1 zunwalt eles constroem 13 type 055.

O zunwalt custou pouco mais de u$ 4 bi. Porém incluindo custos de desenvolvimento p&d o valor salta para 7, 5 bi.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

A realidade não é tão simples assim, não é tudo preto no branco quando se trata de construção e valores, tem muita coisa que fica “embaixo do pano” e acaba passando batido pela percepção.

um bom dia ao amigo.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

o que eu quero dizer com isso é que as nações não fazem milagres na construção naval.

sub-urbano
Visitante
sub-urbano

Os amerikanski pagam o preço da democracia. Nesse valor está sindicatos, indenizações, segurança do trabalho, impostos para custear parasitas do governo, taxas de licenciamentos, indenizações trabalhistas, superfaturamento de corrupção, etc etc etc.

A China não tem esses custos porque tudo é baseado numa única lógica: Dominar o mundo rs

Helio Eduardp
Visitante
Helio Eduardp

Salve! Bom, qualidade mesmo, à vera, só saberemos quando estourar um conflito. Aí os Burkes, FREEM, Type 45 e PLAN Type 55 dirão à que vieram. O problema está que, num conflito aberto em que EUA, Europa e China estejam envolvidos, o resto do mundo estará…. Até lá, o “sonho” de consumo para mim é o Arleigh Burke, que é o sucessor de uma longa linhagem de navios provados em combate. Acho que falta muito para o “resto” do mundo chegar no patamar da US Navy. Não obstante isso, e como sabemos, os planos chineses são muito audaciosos e ele… Read more »

sub-urbano
Visitante
sub-urbano

Um Cruzador desses sozinho venceria toda a força de superficie da MB.

30 anos atrás cada cidadão ganhava 1 dólar por dia de trabalho e todo mundo usava a mesma roupa. Hoje já ganham mais que o brasileiro. Imagina daqui 30 anos?

E tem gente que ainda aposta que os comedores de hamburguer venceriam esses caras! kkkkk

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

colega vamos evitar comentários depreciativos sobre qualquer nação blz.
segundo, ganham mais que um brasileiro? forçou a barra, não esta levando em conta a realidade do país.
por ultimo, falar que “sozinho venceria toda a MB” é desrespeito e absurdo, uma força como a MB é muito mais que apenas uma embarcação possa vencer.
a MB não é apenas navios, a MB é todas as pessoas honradas que nela servem ou ja serviram, então critique, mas respeite também.

Lucas Senna
Visitante
Lucas Senna

O salário médio chines já superou o salário médio brasileiro. Então sim, na média um Chines ganha mais que um Brasileiro.

Edmilson.F
Visitante
Edmilson.F

Mas …me desculpe…eu nao vi nenhuma falta de respeito com relação ao dizer que um 055 poderia levar “toda” a força de superficie da MB (atualmente 7 fragatas ..3 corvetas ativas,excluindo os subs nesse caso pq seria outra realidade ).nem mesmo falta de respeito ao comentar de salarios ou comparativos entre paises…ele so fez um comentario. Sobre quem serve ou serviu o pais na vdd temos que ser realistas..minha familia quase toda foi militar (MB, CFN) alem de mim..e eu vivi anos respirando o ar da Marinha e nao me senti nem um pouco ofendido…logico que sei que apesar de… Read more »

Celso
Visitante
Celso

minha nossa…..rsrsrsrsrsrs eta otimismo exagerado……pra que servem submarinos (bem ou mal ainda temos 5). pra que servem misseis como o exocet mesmo ?? enfim…..uma andorinha nao faz verao e se vier ou estiver a uma distancia que possa atacar a costa do brasil, com certeza que nao ficara impune. menos, menos, caro seapredator………seja mais Patriota e acredite na realidade e nao na propaganda exagerada. Sds

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

Fiz umas pesquisas, incluindo P&D este navio está saindo por cerca de U$ 950 mi cada. Ainda assim é pouco para um navio deste porte. Como comparação os Destroyers Arleigh Burke são menores, possuem menor deslocamento e menor quantidade de mísseis e custam o dobro disso. As Fragatas Type 054A que provavelmente serão oferecidas para a MB, custaram para a marinha chinesa aproximadamente U$ 250 mi. Os Destroyers Type 052D devem custar em torno de U$ 500 a U$ 600 mi. Olha, eu não tenho preconceitos. Por mim o Brasil pode fechar uma parceria estratégica com a China e a… Read more »

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

O Brasil perdeu o bonde lá na década de 70, agora meus amigos, é ficar batendo palmas !!!

Com a Educação que estamos construindo e os nossos jovens se acabando nas cidades, além de toda classe política e privilegiada, onde o país está em décimo lugar nos interesses, logo logo a China vai comprar estes 8.500.000 de Km²!

Até que não seria má idéia!

Guizmo
Visitante
Guizmo

Já começou a comprar, terras produtivas nas regiões norte e nordeste.

Celso
Visitante
Celso

e dai ??? vao levar pra casa ou o que….??? sua opiniao esta eivada de desinformacao, faltam muito mais elementos para corroborar de forma tao simples a tragedia que voce quis colocar aqui. Assunto compleco que envolve muito mais discussao, principalmente as de conotacao geopolitica e economica. Que tragam e facam bom uso das mesmas, ja que aqui os conterraneos em sua maioria nao o fazem. infelizmente que produzam mais emprego tbm, mas paguem adequadamente e cumpram com as escoarchantes leis da terra brasilis e seus impostos. Enfim…….ideologia nao produz absolutamente nada, deixemos de ser tacanhos em relacao a capital… Read more »

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

Não vou entrar no mérito da questão sobre a qualidade dos navios Chineses, mas este da reportagem é de impor respeito! Fico sonhando com uma esquadra com belonaves deste porte, nossos subs, tamandarés, o Pernambuco virando um mini porta-aviões, carregando uns 12 f35, ou até quem sabe e sonho meu,o ocean com helis cobra ou outro e a MB adquirindo um nae de oportunidade e lotados de sea gripen. Sonhar ainda é digrátis e não custa nada! Salve a gloriosa Marinha Brasileira.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

O Pernambuco não virou Atlântico?

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Dado interessante, o dinheiro gasto para refazer o maracana é mais que o suficiente para pagar 4 Ocean.

Acho que da para dizer que a FAB, o EB e a MB não são potenciais porque os políticos não querem.

Com o dinheiro gasto para fazer os estádios, dava um up bem grande na MB, ja pensou que absurdo isso, a MB poderia ser uma força considerável.

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

Caro Sea, com os gastos da copa nos estádios e gastos no setor urbanístico, que a maioria não foram terminados, daria para termos a maior força naval do hemisfério sul e uma das maiores do mundo, nos remetendo a época do império, onde se não me engano éramos a 2a maior força naval do mundo. Mas como muitos exaltam, não há inimigos que nos ameacem, então para quê termos uma força militar que possa dissuadir alguma nação aventureira que tenha exaurido suas riquezas minerais e alimentares. Vamos continuar no sonho lúdico de que nada ocorrerá conosco, afinal, somos o Brasil… Read more »

Dalton
Visitante
Dalton

Saldanha… . o dinheiro “mal” gasto teria sido utilizado para outras coisas…saúde, educação, infraestrutura, etc e provavelmente parte desse dinheiro teria desaparecido através da corrupção, então, não veremos uma grande marinha tão cedo, há muito o que se fazer no país antes de se adquirir grandes e complexos navios de guerra e nem há como justifica-los. . A marinha brasileira não chegou a ser a segunda do mundo…algumas fontes dizem quinta…se me lembro atrás do Reino Unido, EUA, França e Rússia e em uma época em que Alemanha e Japão estavam ainda em formação. . O que se confunde é… Read more »

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

MEU CARO DALTON, ME PERDOE, MAS VC ESTÁ ENGANADO! VOU PUXAR APENAS UM TRECHO DO QUE ÉRAMOS (A Armada Imperial Brasileira – “Se enviarmos toda a Marinha norte-americana contra o Riachuelo, nenhum navio americano voltará para casa” – declaração da Secretária de Estado dos Estados Unidos à época da Guerra do Paraguai. Durante o Segundo Reinado do Brasil, o Império era tido como uma nação de primeiro mundo, tínhamos uma das mais poderosa força naval das Américas (superando os EUA), nossa Armada Imperial possuia navios tão modernos quanto a própria Marinha Real da Inglaterra… BOM, ENTÃO ÉRAMOS MAIS PODEROSOS QUE… Read more »

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

ahh me perdoem a caixa alta, saiu sem querer, só vi depois que digitei!!!!!

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

Dalton,somente fiz um comparativo do que poderia investir em defesa, ao invés do gasto desnecessário em algumas arenas (Rio, Manaus etc…) claro que primeiro vem a saúde, sem esta não há vida, e sem a vida, não há o que se investir. Abração

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Falou tudo

Mateus
Visitante
Mateus

Povo fala mal da China, mas veja ai, poder de fogo que deixa qualquer banheira do ocidente no chinelo. Solta pecinha? Claro que solta, assim como as banheiras do ocidente. A China poderia vender uma porra de navios para o Brasil com financiamentos a perder de vista. Pagaríamos em minérios, comida e qualquer outra coisa. 20 B de financiamento nós construiríamos uma esquadra de respeito. Quem sabe até possamos entrar como parceiros na construção do NAE nuclear dos china e obter o nosso NAE com propulsão nuclear Que venham as type 54A Falar mal das Type 54 enquanto opera classe… Read more »

Emmanuel
Visitante
Emmanuel

Se é para brincar de escolher então mandem meia dúzia desse aqui para a MB:
http://www.naval.com.br/blog/2012/09/06/mais-um-kdx-iii-para-a-coreia-do-sul/

Dalton
Visitante
Dalton

Os EUA estão construindo o segundo NAe da classe “Gerald Ford” e já iniciou-se às primeiras compras de equipamento para o terceiro…o preço de cada um é de cerca de 12 bilhões de dólares, ou, o equivalente a 6 destroyers da classe Arleigh Burke à grosso modo, isso sem incluir uma Ala Aérea estimada em mais de 5,5 bilhões de dólares. . Enquanto 6 “Arleigh Burkes” são tripulados por cerca de 2.000 pessoas, um NAe mesmo com uma tripulação menor que a de um classe “Nimitz” ainda exige umas 3.000 pessoas e uma Ala Aérea outras 2.000 ! . Quando… Read more »

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

Mas eles já estão construindo Navios Aeródromos. Tem o type 001 com 67.500 toneladas (pronto) e tem o type 001A com 75.000 toneladas. (em construção).
Tem os 6 Type 071 de assalto anfíbio que deslocam 25.000 toneladas e tem os type 901 de suporte que deslocam 45.000 toneladas.

Os Destroyers type 052D que deslocam 7.500 toneladas, os chineses pretendem incorporar 5 CINCO UNIDADES em 2018.
Junto com 1 Destroyer type 055, 3 fragatas Type 054A entre outros navios. O ritmo é alucinante.

No ano passado foram incorporadas 8 Corvetas type 056A.

Alex Barreto Cypriano
Visitante
Alex Barreto Cypriano

Muito bonito mesmo. O quê será que ele tem pra EW?

carvalho2008
Visitante
carvalho2008

Nesta tonelagem, já está mais é para cruzador….

Marcelo
Visitante
Marcelo

Amigos, boa tarde. Permitam-em um off topic de um médico metido a curioso em Defesa…rs Sou leitor assíduo da Trilogia de Defesa há muito tempo. Como de militar só tenho a honra de ter servido como Médico R2 na FAB, sem nenhum conhecimento técnico sobre o que é discutido, me contento em ler e apreciar vossos comentários que muito enriquecem minha curiosidade sobre FFAA. Aprendi a respeitar as nossas FFAA pelo valor indiscutível de serviços que prestam ao país. E em Defesa como estratégia de Estado para também assegurar uma qualidade de vida melhor para todos nós. Muitos civis são… Read more »

Guizmo
Visitante
Guizmo

Dr Marcelo!
O Governo Brasileiro tem um programa chamado “Ciências sem Fronteiras”, que estimula por meio de bolsa, jovens cursarem seus estudos no exterior. Entretanto, a última notícia que tive, era que o programa não tinha muitos adeptos e postulantes, portanto em meio a crise, a presidente Dilma cancelou o financiamento em seus últimos suspiros de mandato

Control
Visitante

Srs
Jovem Guizmo
Mas o “Ciência sem Fronteira” procurava quantidade e não qualidade, tendo enviado para o exterior pessoas sem a devida qualificação, o que deturpou o programa. Gastou-se muito dinheiro com resultados abaixo do desejável. Com a piora das finanças públicas e sem resultados para mostrar (o que, considerando o pouco tempo do programa, era natural não existir), o programa foi abandonado.
Segundo alguns informes, a China manda milhares de seus mais promissores estudantes para se especializarem no exterior, particularmente no EUA, desde os anos 80.
É natural que estejam a colher os resultados.
Sds

Lucas Senna
Visitante
Lucas Senna

O ciência sem fronteiras era popularmente conhecido como turismo sem fronteiras dentro das universidades e por bom motivos. O programa simplesmente não exigia bom desempenho, não havia acompanhamento, o prazo de estadia era muito pequeno, as universidades federais do Brasil não reconheciam as disciplinas cursadas no exterior em geral (ou seja, o sujeito tinha que fazer a mesma disciplina duas vezes), não houve um adequado peneiramento de boas instituições no exterior, com muita gente indo pra qualquer universidade só pra ir, especialmente as mais fáceis, além de priorizar a graduação em detrimento da pós. Enfim, o programa inteiro foi um… Read more »

Jr
Visitante
Jr

Não vamos ficar para trás, vamos ser essenciais para sustentar a BARRIGA dessa rapaziada, é triste dizer isso, mas é a realidade nua e crua.

R_Cordeiro
Visitante
R_Cordeiro

Na época da minha faculdade era conhecido como “mochilão sem fronteiras” pq era so pra isso que servia mesmo…. Fazer um mochilão as custas do erario.

Karl Bonfim
Visitante
Karl Bonfim

“Augusto 15 de Março de 2018 at 21:03
Belonaves estão saindo dos estaleiros chineses com frequência maior que pães quentinhos saem do forno da padaria da esquina da minha casa.”
Esse ritmo é semelhante ao dos Estados Unidos durante a Segunda Guerra Mundial, quando eles atropelaram os japoneses!
Desse jeito 2050 vai chegar mais cedo para os chineses que o Xi Jinping imaginou…

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

O problema de se acelerar tanto em época de paz, é que acaba tropeçando no final, em época de beligerância existe demanda ( naufrágio, danos, problemas, sem falar de superar os inimigos em número durante batalhas, também tem de estar em muitos lugares ao mesmo tempo ) ja quando se está em período de paz, não existe esssa demanda, assim é mais difícil manter tantas belonaves ( junto com todo o pacote ) com produção tão acelerada, ai vai chegar uma hora que a conta não fecha e devido a enorme produção, acaba “quebrando a banca” do estado.

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

Segundo o SIPRI, em 2016 os EUA investiram U$ 611 bi em Defesa. A China investiu U$ 215 bi Acontece que a moeda chinesa conhecida como Yuan é DESVALORIZADA em relação ao dólar. Como a China compra mais de 90% de seus armamentos em Yuan (produção local), existe uma DISTORÇÃO nesses números. Que são melhor interpretados quando analisamos o REAL poder de compra da moeda chinesa. O PIB Chinês pelo FMI em 2017 foi de U$ 11,9 tri (convertendo a moeda) e de U$ 23,1 tri (considerando o método PPP Paridade do Poder de Compra). Ou seja, analisando o poder… Read more »

Control
Visitante

Srs
Entre os planos chineses, está o de alcançar o poderio da marinha americana aí pela década de 30/40.
O que estamos vendo é o tal plano em execução.
Cabe observar que tal plano faz parte do contexto de expansão chinesa, sendo parte fundamental para garantir os seus interesses e suas rotas de comércio.
E para aqueles que pensam que estamos fora da confusão que vem por aí, a América do Sul faz parte da zona de interesse chinesa, por ser uma fonte de alimentos.
Sds

Delfim
Visitante
Delfim

Logo eles cercarão e bloquearão Taiwan e outras ilhas que circundam o Mar da China.

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

A us navy possui 274 navios.
O trumph aprovou um plano para aumentar para 355 navios, justamente por causa da China.

Em 2020 a China terá 351 navios e em 2030 terá cerca de 500 navios.

Os americanos não conseguirão acompanhar.
A China já superou os EUA como a maior economia do mundo.
Em 2030 as previsões dizem que o pib chinês será cerca de 70% maior que o americano. Os chineses estarão beirando 40 tri de pib enquanto que os americanos estarão abaixo de 25 tri.

Só não enxerga quem não quer.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Primeiro um bom dia.

Amigo você esta equivocado, esses dados de estimativas de que com o crescimento atual previsto eles possuirão 500 navios é furado, simplesmente, em época de guerra pode ser, mas na paz não dá, não é só ter 500 navios, tem de poder manter ( junto com as trocentas coisas que vem “embutido no combo”), a produção deles ou desacelera ou a coisa vai quebrar.

Só lembrando que quem banca esse crescimento é justamente o ocidente, que se sentir realmente ameaçado vai “travar” a economia e consequentemente as sua armada.

Um abraço.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Me refiro a navios de alta tonelagem, não a lanchas de patrulha e combate.

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

A China já possui hoje quase 500 navios, incluindo os pequenos e SEM incluir os auxiliares.

Os EUA até alguns anos tinham 350 navios. Nos últimos anos foram reduzindo. E agora o Trump quer uma força com 355 navios o mais rápido possível.

Os EUA possuem PIB de cerca de U$ 19 tri hoje e conseguem manter uma força naval monstruosa.
Em 2030 a China terá um PIB aproximado de U$ 38 tri., segundo estimativas. O que significa algo próximo do DOBRO do que os americanos produzem hoje.

Tem certeza que não dá para a China possuir uma força de 500 navios?

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Saudações meu caro.

Como eu escrevi antes, “Me refiro a navios de alta tonelagem, não a lanchas de patrulha e combate.”

500 navios de alta tonelagem no ritmo pretendido não, a não ser que queira quebrar ” a banca ” dos militares, possível em estado de beligerância, mas não na paz, não no ritmo planejado, a USN pós guerra prova isso.

Se fosse contar em números gerais, ignorando a tonelagem, seria possível até 10.000 embarcações em menos de uma década, é só fazer una 10.000 infláveis.

Uma boa noite.

SeaPredator
Visitante
SeaPredator

Correção: uns 10.000 infláveis.

Léo Barreiro
Visitante
Léo Barreiro

Mas aí vc esqueceu de colocar na conta os navios dos aliados dos americanos que se semeados serão mais do que os da China e os seus aliados…

Léo Barreiro
Visitante
Léo Barreiro

Ops: por favor aonde se lê semeados o termo seria somadas, corretor do “esperto fone” foi mais rápido.

Renan Lima Rodrigues
Visitante
Renan Lima Rodrigues

Equivalente ao peso de um cruzador pesado de época. Enquanto a China tem combatentes de superfície, Japão está investindo mais em submarinos, já que são até superiores aos destroyers.

Pode até ser bem protegido e fortemente armado, mas é um alvo excelente para porta aviões e submarinos, não vale o custo gasto.

AH! Mas os mísseis ASW e os sensores dão conta, não importa! Um submarino consegue infelizmente acabar com um combatente de superfície. Me corrijam se eu estiver errado..

J-20
Visitante
J-20

A China tem 57 submarinos convencionais e 11 nucleares. Não sei daonde você tirou essa afirmação.

Dalton
Visitante
Dalton

Renan… . a China busca uma marinha equilibrada no estilo da US Navy e também está investindo em submarinos inclusive de propulsão nuclear…mas…continuará tendo ambos os tipos, nuclear e convencional que é bem menor e bem mais barato, assim como continuará tendo em sua marinha que certamente continuará a crescer muitos navios e embarcações de pequena tonelagem ou seja o total apesar de superar a US Navy será constituído também de pequenos navios e pequenos submarinos. . O Japão está aumentando apenas ligeiramente o número de seus submarinos que historicamente tem sido de 16 para uso na linha de frente… Read more »

Mk48
Visitante
Mk48

Uma pergunta para os entendidos no assunto : Os sistemas VLS ocidentais também possuem a capacidade de lançar diferentes tipos de mísseis, como o chinês mostrado na reportagem ou são dedicados ?

Dalton
Visitante
Dalton

Mk48…
.
o mais popular VLS ocidental o MK 41 é capaz de lançar os mísseis da família ‘Standard” SM-2, SM-3, SM-6 para defesa aérea de longo alcance
e anti ´míssil balístico o ESSM para defesa aérea de curto e médio alcance dos quais 4 mísseis podem ser abrigados em um único silo, o “Tomahawk” para uso contra alvos em terra e também o ASRoc anti submarino.
abs

Mk48
Visitante
Mk48

Oi Dalton,

Obrigado pela informação !

Abs.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Gostaria de ver “uma bela treta” entre o Urso e o Dragão, os motivos são óbvios:

Energia e água doce. Quem viver verá.

Oplita
Visitante
Oplita

Estimados colegas, O que nos impressiona na China é a sua capacidade de convergir todos os seus esforços, dinheiro, serviços, ações e material humano numa única direção: num projeto nacional claro e definido! Nada se desperdiça, nada é em vão. Todos ganham com o sucesso, poder e riqueza da nação! Quando todas as forças de uma nação convergem para determinado fim, temos esse tipo de demonstração! O sucesso das armas chinesas, representadas nessa matéria pelas belíssimas Type 055, também podem ser vistos na economia, na educação, na renda, nos desenvolvimentos científicos, no número de pessoas do ocidente que hoje querem… Read more »