Home Marinhas de Guerra Rússia envia navios armados com mísseis de cruzeiro Kalibr para a Síria

Rússia envia navios armados com mísseis de cruzeiro Kalibr para a Síria

9213
74

MOSCOU (Reuters) – A Rússia está enviando uma flotilha de pelo menos 10 navios para a costa da Síria, informou o jornal Izvestia no dia 28 de agosto, citando fontes não identificadas do Ministério da Defesa. O agrupamento foi relatado como o mais poderoso da Rússia a ser enviado à Síria desde que Moscou iniciou sua intervenção no conflito há quase dois anos.

A reportagem do Izvestia acontece um dia após o porta-voz do Ministério da Defesa russo, Igor Konashenkov, ter dito que Moscou estava preocupado com a aparente preparação de um ataque de míssil de cruzeiro americano contra as forças do governo sírio, prontos para lançar uma ofensiva final sobre Idlib, fortaleza rebelde na guerra civil síria.

O grupo naval russo é liderado pelo cruzador de mísseis guiados da Flotilha do Norte, Marechal Ustinov, o grande navio de guerra antissubmarino Severomorsk, três das mais novas fragatas da Rússia, um grande navio de patrulha, três pequenos navios lança-mísseis e dois submarinos da classe Kilo. Muitos desses navios, observou o Izvestia, estão armados com mísseis de cruzeiro Kalibr.

Vários outros navios estão supostamente a caminho para se juntar à flotilha, tornando-se o maior desdobramento naval da Rússia (em termos de números de cascos) para a Síria – e possivelmente a maior desde o final da Guerra Fria. Mas afirmar que é o desdobramento mais poderoso é duvidosa; no final de 2016, os dois maiores navios da Rússia lideraram uma flotilha de oito navios para a Síria em uma missão de projeção de força.

A principal diferença entre os dois grupos são suas capacidades. Os dois navios que lideraram o último destacamento naval da Rússia para a Síria foram o porta-aviões Admiral Kuznetsov e o cruzador de batalha nuclear Pedro, O Grande. Eles foram acompanhados por dois destróieres e vários outros navios. No entanto, o Kuznetsov e o Pedro, o Grande, não estão armados com mísseis Kalibr.

Quando o grupo de batalha do Kuznetsov foi enviado para a Síria no final de 2016, ele o fez enquanto Washington estava debatendo novamente os méritos de ataques à Síria. Esse grupo foi uma dissuasão melhorada – não por outra razão senão que o Pedro, o Grande estava no teatro. O cruzador de batalha russo é projetado para atacar os porta-aviões americanos à distância. Mas o grupo a caminho da Síria é agora composto por navios menores com mísseis de cruzeiro, indicando que a Rússia pode estar de olho em apoiar o impulso esperado do governo sírio em Idlib.

Para a parte de Washington, as alegações da Rússia de um ataque iminente foram descartadas como propaganda.

FONTE: Defense News

74
Deixe um comentário

avatar
24 Comment threads
50 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
28 Comment authors
Dr.TelêmacoFelipe SilvaProfessorBinhoGuizmo Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Roger
Visitante
Roger

Um questionamento ao mesmo tempo curioso e “preocupante”
A Fragata Liberal (F 43) acabou de ser enviada para aquela região para participar de uma operação de “paz” mas a Rússia está indo para a região onde se encontra a F-43, como misseis e o conflito da Síria que só aumenta… Nossa Fragata vai ficar perto dessa área de exercícios ?

Bb
Visitante
Bb

Enquanto o hezzbolah bate em retirada no leste da siria, retornando ao libano, os russos mandam o q tem para tentar evitar o desmoronamento da frente ocidental. Infelizmente para os Russos.

Parabellum
Visitante
Parabellum

Isso é que é diplomacia. Com a apresentação das credenciais incluso. Como pode um país com PIB inferior ao nosso, com riquezas naturais inferiores à nossa, permanentemente fustigado economicamente, se fazer ser respeitado no cenário internacional e não ser um anão diplomático?

Augusto L
Visitante
Augusto L

Em termos de riqueza natuais a Rússia não fica atrás do Brasil não.

Bruno w Basillio
Visitante

Sorte deles , que Deus os abençoou com “mucho ” gás e petróleo….

Augusto L
Visitante
Augusto L

Ou azar né, economia rica não se faz com recursos naturais ricos, mais com indivíduos ricos.

Ricardo
Visitante
Ricardo

A não? O fato da Rússia comprar seus bens militares em rublos não impacta em nada? Um submarino nuclear russo custa por volta de um bilhão de dólares e seu análogo americano entre 2,5 e bilhões, mas isso não trás impactos e não conta? Como alguns especialistas da Nathional Interested já alertaram orçamento militar nominal engana e muito! Os preços estão muito longe de serem padronizados. Na esfera cívil o preço de um corolla zero na Rússia é 50 mil reais e aqui o mesmo carro passa de 100 mil, por isso apesar de nominalmente Rússia e Brasil terem uma… Read more »

Ricardo
Visitante
Ricardo

Muito simples. O PIB russo por poder de paridade de compra é do tamanho do alemão. Isso para Rússia faz toda diferença já que paga por suas operações militares em rublo e não dólar.

Augusto L
Visitante
Augusto L

Parirrdade por poder de compra não se aplica na vida real, o valor das moedas afetam as riquezas.

ricardo
Visitante
ricardo

A não? O fato da Rússia comprar seus bens militares em rublos não impacta em nada? Um submarino nuclear russo custa por volta de um bilhão de dólares e seu análogo americano entre 2,5 e bilhões, mas isso não trás impactos e não conta? Como alguns especialistas da Nathional Interested já alertaram orçamento militar nominal engana e muito! Os preços estão muito longe de serem padronizados. Na esfera cívil o preço de um corolla zero na Rússia é 50 mil reais e aqui o mesmo carro passa de 100 mil, por isso apesar de nominalmente Rússia e Brasil terem uma… Read more »

Augusto L
Visitante
Augusto L

Não porque ela importa pra produzir, e os bens de consumo da população russa media é inferior aos dos ocidentais, isso tudo influência. Em consequência um russo medio consome produtos inferiores ao um alemão medio, se o pib ppc ou pib per capita ppc, fosse realmente aplicado, o resultado seria diferente, não haveria diferença. A Russia consegue isso tudo, por que ela investe cerca de 80 bilhões de dólares nas suas forças armadas que tem soldados com soldo inferior aos ocidentais e as pensões/aposentadorias são pagas por outro ministério que não é o da defesa, o que juntando com o… Read more »

MK48
Visitante
MK48

Trata-se de mais do mesmo, ou melhor, mais outra vez do que já aconteceu várias vezes ao longo da História. Rússia e EUA medindo forças convencionais, onde o verdadeiro objetivo é criar um palco para demonstração de armamentos, uma propaganda mais real de uso dos mesmos as custas de terceiros países, com o objetivo de aquecer a venda de suas armas no mercado global. Sempre foi assim. As duas grandes potências se enfrentando através de conflitos terceirizados, mas sempre com o objetivo de promover seus produtos bélicos as custas de terceiros. Até potências menores, como por exemplo a França, já… Read more »

Bb
Visitante
Bb

Nao. A alianca na siria esta desmoronando, as melhores tropas estao retornando pois temem o poder de fogo americano na frente ocidental e nao querem servir de bucha de canhao. A cisao eh irretornavel, e os navios Russos nao podem ficar muito tempo por la.
Com a aproximacao das sancoes em novembro, a situacao de Assad piora exponencialmente com ausencia de tropas treinadas disponiveis.
Lib err man ja anunciou liberdade completa nos ceus do oriente medio.

ScudB
Visitante
ScudB

Tem nada a ver. Informação delirante. Aqui esta a disposição dos regimentos para inicio da operação em Idlib : Observe a localização dos MELHORES (!!) regimentos – Tigres… E deixe de viajar no maionese com essa ideia de “fogo americano” , bucha de canhão , sanções. A Síria esta praticamente finalizando mais uma fase de conflito : população esta voltando (devagar mas esta), oposição faz acordos com Assad , os curdos estão a beira de um colapso nervoso pois os árabes estão revoltando cada dia mais por causa de atrocidades de desespero da YPG. A frota russa lá para dar… Read more »

Bb
Visitante
Bb

Aguardando o ataque da marinha russa em idlib….

Hélio
Visitante
Hélio

Meu amigo, de onde você tirou essas coisas? Os próprios EUA já admitiram que os jihadistas foram derrotados, só restando alguns bolsões.

Bb
Visitante
Bb

https://amp-cnn-com.cdn.ampproject.org/v/s/amp.cnn.com/cnn/2018/09/03/politics/trump-syria-tweet-assad-rebel-idlib/index.html?amp_js_v=a2&amp_gsa=1#amp_tf=From%20%251%24s&ampshare=https%3A%2F%2Fwww.cnn.com%2F2018%2F09%2F03%2Fpolitics%2Ftrump-syria-tweet-assad-rebel-idlib%2Findex.html

President Bashar al-Assad of Syria must not recklessly attack Idlib Province. The Russians and Iranians would be making a grave humanitarian mistake to take part in this potential human tragedy. Hundreds of thousands of people could be killed. Don’t let that happen!

Bb
Visitante
Bb

A equacao foi muito simples e esta ameacada de ser quebrada. Idlib nao pode ser atacada, Resta saber se Cesar Putin ira cruzar o Rubicon de Trump. A ultima vez q tropas mercenarias russas atacaram forcas apoiadas pelo eua, foram dizimadas. Ataques massivos, com grande qtidade de tropas, sao alvos faceis para superioridade aerea e de artilharia americana. Por conta disso, 5000 milicianos do hezzbolah voltaram para o Libano. As mais bem treinadas tropas por la. Os navios de putin, vao retornar donde vieram, sem disparar um missel.

ScudB
Visitante
ScudB

Ficou no au-au

Bruno W Basillio
Visitante

Está perdendo tempo ScudB , olhas as fontes de nosso amigo…..

Bb
Visitante
Bb

Postei so as mais conhecidas s. Uma pesquisa no google, teras mais fontes. Vamos ver quantos misseis os navios Russos irao disparar e se idilb, e os aliados ameticanos, pri cipalmente curdos, serao de alguma forma atacados. A politica americana voltou 180 graus nos ultimos meses.

Vovozao
Visitante
Vovozao

Está começando a ficar bom, USA e Rússia ficam vendo quem é mais forte, para domínio do Oriente, e o Brasil como sempre na região com uma fragata mal armada, se, acontece alguma coisa, voltamos como das outras vezes em ISRAEL. Né????

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Gostaria muito de saber com a quantidade de armas que eles vão para lá! Torpedos, mísseis, munições e etc!

Walfrido Strobel
Visitante
Walfrido Strobel

A nossa Fragata está em operação de policiamento de uma área delimitada, sem nenhum envolvimento na operação russa na Síria. Não existe possibilidade de combate naval para a nossa Fragata.

MK48
Visitante
MK48

Não. Não é.

Trata-se , como eu disse no meu post mais acima de pura propaganda.

Nossa fragata não é mal armada. O armamento dela é dimensionado para contrapor as marinhas sul-americanas, e para esta função seu armamento é adequado.

Para finalizar, estamos com uma fragata naquela região para cumprir uma missão específica, não para ficar se metendo em briga de cachorro grande.

Dalton
Visitante
Dalton

Não diria que trata-se de propaganda ou apenas propaganda “48”, pois a Síria
é a única aliada da Rússia na região e os russos necessitam das instalações navais
na Síria, mais precisamente na cidade de Tartus.
abs

MK48
Visitante
MK48

Prezado Dalton,

A reportagem fala sobre um grande exercício da Marinha Russa na costa Síria. A base russa em Tartus já existe há bastante tempo e não acho que essa mobilização de meios russos seja para defende-la, não li nada a respeito disso (mas suas fontes são privilegiadas….rsrsrsr) , assim, entendo que seja apenas propaganda e demonstração de força mesmo.

Um abraço.

Dalton
Visitante
Dalton

Não se trata de “defender” a base “48”, mas, principalmente
emprestar apoio ao regime sírio que caso caia poderia ser substituído por outro não favorável aos russos que como escrevi carecem dessa importante base no Mediterrâneo.
.
Não se trata “apenas” de propaganda para “vender” produtos…
há também toda uma propaganda para o público russo e uma mensagem para potenciais antagonistas.
.
abs

GEN Escobar
Visitante
GEN Escobar

Isso aí…simples assim…não tem “chorôrô”…só mostra quem tem e pode usar, né! Quem não tem…fica tentando revitalizar A-4´s eternamente! Quem não respeita uma diplomacia destas?! Mesmo que seja jogo de cartas marcadas ou simplesmente demonstração de força…quem tem isso mostra ao mundo! Enquanto aqui…ainda discutimos cumprimento de decisões do STF. A diferença é avassaladora!

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Uma frota capaz de derrotar toda marinha Sul Americana de uma distancia segura do poder de fogo inimigo!

india-mike
Visitante

Sem querer ser pedante, mas já admitindo que serei um bocado — se os nomes dos navios russos foram (corretamente ao meu ver) traduzidos pro português no caso de “Marechal Ustinov” e “Pedro, o Grande”, faria sentido ter feito o mesmo com o “Admiral Kuznetsov”. Aliás utilizar os nomes em inglês para naves russas quando o texto é em português é algo que nos acostumamos a ver mas que não faz muito sentido.

Humberto
Visitante
Humberto

Não acho que seja pedante, é uma ótima colocação. Eu acredito que os nomes são utilizados desta forma para facilitar a leitura, chamar com 3 nomes diferentes o mesmo navio gera confusão, então, os editores tentam colocar o nome “mais conhecido” pelo seu público. Por exemplo conhecemos o míssil SA-2 Guideline mas o nome Russo é o O S-75 Dvina e por ai vai. Outro exemplo é o Mil MI-35, no Brasil a FAB o designou como AH-2 Sabre, a Otan chama a versão original (o MI-24 de Hind) e os russos colocaram o apelido de crocodilo (não confundir com… Read more »

Yan Klows
Visitante
Yan Klows

Parabellum, Olhar só o PIb é muito simplista. Temos que olhar pra o macro da economia, a população, educação, ciência e pesquisas, reservas em dinheiro e ouro e outras… sistema bancário e tamanho da divida. Olhando isso vemos com a economia russa é muito mais robusta que a brasileira.
Mesmo com sanções e outros fatores a economia deles já vem crescendo desde ano passado. E outras existem muito dinheiro governamental russo na UE e oriente médio.

Augusto L
Visitante
Augusto L

O sistema bancario brasileiro é muito mais robusto, em termos de educação a Rússia é melhor do que o Brásil mais nada avassalador como em relação com o ocidente.
A russia cresce pq a commodite deles não é grão e sim hidrocarbonetos, com as sanções a dívida pública russa quase triplicou, tiveram que tirar dinheiro de outras áreas pq as reservas tinham acabado.

Mario Heredia
Visitante
Mario Heredia

Olhando esse cruzador russo, similar ao que nos foi oferecido pelos ucranianos, como uma espécie de contra partida no programa CCT, confesso que viajei na maionese um pouquinho, imaginando um bichão desses, completamente ocidentalizado, ostentado a bandeira brasileira.

Bosco
Visitante
Bosco

Os mísseis Kalibr estão longe de ser a característica que mais impressiona nos navios russos. Sem dúvida o fator diferencial das unidades russas de maior porte são os gigantescos mísseis “antiporta-aviões” , sem igual no Ocidente.

Bosco
Visitante
Bosco

O míssil mais pesado lançado por um navio americano é o míssil antibalístico SM-3 Block IIA, com 2,3 t.
O míssil mais pesado lançado por um navio russo é o antinavio SSN19, com 7 t.

Guizmo
Visitante
Guizmo

Bosco, isso tende a mudar, com a comissão de novos NaEs pela Marinha Chinesa, correto?

Bosco
Visitante
Bosco

Guismo, A abordagem americana a uma força tarefa chinesa, nucleada por um porta-aviões parece ser diferente. Tudo indica que eles possam partir para a “luta franca” (combate aéreo puro e simples de modo a adentrarem a área de cobertura) e para a utilização de mísseis stealth autônomos, com alta capacidade de IA, como o LRASM. Alguns LRASM ou Tomahawk IV MST “semeados” longe da força tarefa podem identificar os navios inimigos por conta própria, não sendo necessário a precisão de solução de tiro que se requer para um míssil supersônico/hipersônico “burro”. Um LRASM pesa menos de 1 t e o… Read more »

Guizmo
Visitante
Guizmo

Interessante Bosco, obrigado;
Em função do que escreveu, creio que os EUA possam inclusive adotar um ataque preventivo, se obviamente tensões futuras estejam muito altas, nas bases navais chinesas, evitando confronto aberto em mar; a la Pearl Harbor

Bosco
Visitante
Bosco

Guismo,
Só para complementar, há rumores que a USN está testando um míssil antinavio “novo”, lançado de submarino. Fala-se que pode ser supersônico, inclusive pode ser uma versão submarina do SM-6 (antiaéreo, antinavio e contra alvos em terra) ou a versão abandonado do LRASM supersônico. Esse míssil “misterioso” é denominado de “Sea Dragon”.
Fato é que a USN parece que voltará a usar mísseis antinavios lançados de submarinos. Prática que tinha abandonado há décadas. No último exercício naval um dos submarinos lançou um Harpoon contra o navio alvo.

Felipe Silva
Visitante
Felipe Silva

Bosco, ou esse novo míssil pode ser simplesmente um LRASM sub launched.

Bosco
Visitante
Bosco

Vale salientar que não há uma corrida tecnológica direta entre americanos e russos. Cada um segue o caminho que acha mais adequado. Por exemplo, os americanos com certeza não irão querer desenvolver um torpedo gigante com propulsão nuclear capaz de produzir tsunamis com detonações nucleares submarinas. A resposta a essa futura arma russa veio no sentido de sugerir que os submarinos de ataque americanos voltem a ter um míssil de cruzeiro com ogiva nuclear. Também os americanos não devem querer desenvolver um míssil de cruzeiro com propulsão nuclear. Mais fácil focarem em desenvolver um bombardeiro (tripulado ou não) stealth com… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Uma curiosidade! Dando uma lida em alguns artigos sobre mísseis (pra variar) vi que o SSN22 Moskit que eu julgava ser um míssil com propulsão ramjet líquido (querosene) na verdade é um “ramjet sólido”, semelhante ao Meteor.
Vivendo e aprendendo.

Bosco
Visitante
Bosco

Mísseis supersônicos (alguns como o Kh-22/Kh-32 chegam a Mach 5) têm a característica de precisarem de uma solução de tiro mais acurada. Um míssil subsônico tem ampla capacidade de manobra e busca e podem até ziguezaguear procurando um alvo válido (se for numa área movimentada pode trancar em qualquer navio) . São leves e têm imensas superfícies de controle e no ar denso das baixas altitudes são verdadeiros beija-flores, fazendo curvas quase que instantâneas. Fazendo um analogia, é como se um míssil subsônico tivesse um farol de milha e quanto mais rápido o míssil, ele passa a ter um farol… Read more »

Ricardo
Visitante
Ricardo

Ao que tudo indica a Rússia prepara-sem para dar o golpe final nos últimos rebeldes.A mistura Rússia, Irã e Hezbolah se mostrou poderosa demais para os rebeldes. Foram e esmagados por este rolo compressor.

ScudB
Visitante
ScudB

Ja começou!

fabio jeffer
Visitante
fabio jeffer

BB
Cara, vc tá bem mal informado

cicero martins
Visitante
cicero martins

O poder econômico da Rússia é menor do que a economia brasileira e mesmo assim a Rússia faz proezas. Parabéns ao presidente Vladimir Putin

Binho
Visitante
Binho

Acho que na Russia não tem 70% da verba pública pra pagar funcionários públicos, sejam eles políticos, juízes e sua mamata, gabinetes, papagaios de palanque, peixadas em cargos públicos…. e por ai vai

Ai sobra dinheiro mesmo

MK48
Visitante
MK48

Nada disso. De fato o PIB brasilero é maior que o PIB da Rússia. Ocorre que o que prejudica o Brasil é essa constituição de 1988, comunista, onde foram colocadas milhares de obrigações sobre o Poder Executivo, mas não se especificou de onde a verba para alimentar as mamatas sairiam. Assim tudo sai do Orçamento Federal, e com isto não sobra dinheiro para investimentos.

Na Rússia, um regime ditatorial, o Putin manda no País e determina onde o dinheiro vai ser gasto, sem se preocupar com oposição, TCU, Congresso Nacional e afins.

Dr.Telêmaco
Visitante
Dr.Telêmaco

A culpa não é da Constituição de 88.
Primeiro, porque muito pouco do texto original ainda está em vigor.
Segundo, porque tivemos várias “constituições” e as mamatas existem desde antes delas.
A culpa é do brasileiro.

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

Os USA, UK e Franca, se juntaram e atacaram a Siria em resposta a um suposto ataque quimico feito pelo governo sirio. A base para tal ataque foi, como sempre, imagens de criancas, sempre criancas, sofrendo. Dizer que tal ataque quimico foi encenado por agentes britanicos parece ser o cumulo do ridiculo, quem acreditaria? Pois a Russia disse, e nao so’ isto, identificou as vitimas, que aparecem no filme, e levou-as para a corte internacional em Haya, onde negaram tal ataque. Nao se ouve muito sobre isto embaixo do guarda-chuva americano. http://www.abc.net.au/news/2018-04-27/russia-presents-alleged-syrian-witnesses-to-opcw/9702128 A Russia diz que a patota esta’ novamente… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Harriman, Não sei o que você sabe mas no vídeo que você postou há apenas o testemunho de uma (1) criança que foi gravada quando dos eventos e ela alegou não saber o porquê de estar sendo “lavada”. As outras “testemunhas” não foram identificadas por filmagem alguma, sendo apenas moradores da cidade que alegaram não ter conhecimento de arma química alguma. Eu posso ser um imbecil, mas pra mim isso não configura prova absoluta de absolutamente nada. Não estou dizendo que os russos estão mentindo e os americanos falando a verdade, estou dizendo que essa “apresentação” dos russos não prova… Read more »

ScudB
Visitante
ScudB

Amigo Bosco!
Tem umas dezenas das entrevistas extensas com as pessoas envolvidas : criança em si , os pais dela , os medicos do hospital em questão , o motorista de ambulância, etc etc
Dizem ate o nome de pseudo-“capacete branco” que estava filmando e instruía o que pessoal deve fazer num momento quando a camera virava para eles.
Procure no famoso google.Coisa de chorar mesmo!

Bosco
Visitante
Bosco

Aí é diferente! Se tem eu não vi. Meu comentário foi relativo ao post indicado pelo Harriman.
Isso não é impossível tendo em vista o ser humano ser o mal encarnado na natureza esquecida pelo Criador. Em sendo verdade é mais uma mentira e crueldade creditada aos EUA, que de modo algum minora as crueldades e mentiras creditas aos russos e sírios. Só os igualam em irracionalidade e bestialidade.

Binho
Visitante
Binho

Engano meu ou essa Democratic Federation of Northern Syria ganhou terreno nos últimos meses?

Professor
Visitante
Professor

E o Ocidente demonstrando sinceras preocupações com os terroristas do ISIS e Frente Al-Nusra, ops, quero dizer com os civis sírios. Desculpem, esse corretor ortográfico…

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

> Não estou dizendo que os russos estão mentindo e os americanos falando a verdade,

Eu não sei quanto a voce, mas para mim, não faz sentido nenhum,
não tem logica nenhuma, que o governo sirio, estando sob a ameaca
de ser atacado por uma coalizacão poderosa, e ter sua infra-estrutura
destruida, va’ e lance um ataque quimico minusculo para matar apenas
um *punhado* de civis sem valor militar ou estrategico nenhum, e com
isto trazer sobre si o repudio internacional e a justificativa para
ser bombardeado.

Bosco
Visitante
Bosco

Harriman, Seguindo esse seu raciocínio baseado numa lógica “vulcana” não haveria porque os israelenses terem lançado fósforo branco nos palestinos, ou os sírios não teriam usado aquela bomba improvisada (botijão) . E sabemos que usaram. Se a lógica diz que o regime ditatorial do Assad não iria se beneficiar de um ataque químico a civis inocentes e que foi tudo inventado e que não houve um ataque químico partido de ninguém e foi tudo uma “armação”, então era para existir mais pessoas dispostas a dizer a verdade e expor a farsa já que numa população de milhares é de se… Read more »

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

A diferenca esta’ em que existe uma ameaca de ataque em caso de uso de armas quimicas.
O ataque da coalizacao US+UK+Franca mostrou que o dedo esta’ no gatilho, pronto para
atirar primeiro e fazer perguntas depois, sob o minimo pretexto, nao vao esperar
resultado de investigacao nenhuma, como nao esperaram o laudo dos inspetores no Iraque,
invadiram antes dos inspetores dizer que nao tinha WMD nenhuma, o que acabaria com o
pretexto.

> Em que os rebeldes iriam lucrar

Obviamente, ja’ que querem derrubar o governo,
qualquer ataque da coalizacao contra o regime
deve ser bem vindo para eles.

Bosco
Visitante
Bosco

Harriman, Eu ainda não entendi sua posição. Você acha que não houve um ataque químico e tudo foi um teatro gravado ou houve você acha que houve um ataque químico mas feito pelos rebeldes? Qualquer que seja a sua posição você parte do princípio que em alegando que foi o Assad o responsável pelo ataque os rebeldes iriam lucrar porque haveria uma reposta a ele por parte da coalizão. Pois bem! A resposta realmente houve e eles lucraram em quê? Ou será que eles achavam que a resposta seria muito maior do que a que realmente houve que foi lançar… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Quanto ao dedo no gatilho da coalizão ser “rápido” sinceramente não vejo como pode ser diferente. A partir que um grupo de países (coalizão) resolve se aliar a determinado lado de um conflito a palavra do aliado vale mais que a do inimigo. Numa guerra não é razoável esperar que ocorram vistorias e laudos de especialistas para se tomar atitudes. É por isso que se chama “guerra”. Só o Ocidente é cobrado a fazer tudo dentro do que é moralmente aceitável, sendo que essa postura não é cobrada e nem esperado por parte dos “não ocidentais” e inclusive é vista… Read more »

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

> Você acha que não houve um ataque químico e tudo foi um teatro gravado > ou houve você acha que houve um ataque químico mas feito pelos rebeldes? Segundo a ONU, ataques quimicos foram realizados na Siria por ambas as partes tanto pelo governo como pelos rebeldes. Nao ha’ duvidas de que houve ataques quimicos na Siria. E’ uma guerra que ja’ dura muitos anos. A situacao mudou quando, sob Obama, os USA disseram, para o mundo todo ouvir que iriam atacar a Siria se houvesse qualquer novo ataque quimico, o qual seria assumido de imediato e sem questionamentos… Read more »

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

> porque os israelenses terem lançado fósforo branco nos palestinos

E falando em fósforo branco.
Advinha quem usou fósforo branco *tambem* ??????

https://www.npr.org/sections/parallels/2017/06/13/532809626/u-s-led-coalition-has-used-white-phosphorous-in-fight-for-mosul-general-says

Quem vai dar uns cascudos neles ????

Bosco
Visitante
ScudB
Visitante
ScudB

Amigo Bosco! Nao gosto de interromper a conversa mas.. O que temos HOJE (entre OTAN e a Russia) entre as nomenclaturas das munições que contem este tal enigmático “fósforo branco” que todo o mundo fala e eu não sei.. Serio!! Quais são as bombas (modelos) que a Russia poderia lançar com este tal fósforo? Quais são as bombas (modelos) que OTAN poderia lançar que contem esse tal fósforo? Pode ajudar a desvendar esta enigma? Conheço um pouco das munições russas (ZAB-100/250 ou ZB-500) e sei que desde final de 50 eles não tem fósforo como carga.So como isqueiro.E não duvido… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Scud, Sinceramente em relação à Rússia eu não sei. Pelo jeito é igual a “munição” de fósforo branco da OTAN/EUA/Israel. Não há hoje nenhuma arma no âmbito da OTAN/EUA/Israel que seja de fósforo branco. As munições que hoje contém fósforo branco são as munições fumígenas “explosivas” ou de ruptura, que rompem o invólucro. Esse tipo de munição é usado para implantar uma cortina de fumaça muito rapidamente e é usada por lançadores de granadas de carros de combate, foguetes ar-solo e solo-solo , obuses e morteiros. Mas como disse a função dessa munição é semear rapidamente uma cortina de fumaça… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Talvez a matéria do link que eu postei tenha se equivocado. Já que os russos não têm armas incendiárias com fósforo branco pode ser que seja “napalm”. rsrssss

ScudB
Visitante
ScudB

Pois é. Os russos não usam napalm (deve ser por causa do patente kkk). Hoje existem munições bem mais eficientes a base das misturas de tolueno condensado (pyrogel), termites, etc E sim , existe M825 “fumígeno” com fósforo para tal efeito que foi amplamente usado em vários conflitos. Mas munição com fósforo branco como agente incendiário eu (como tb vários e vários repórteres , curiosos e/ou especialistas do ramo) na vi.Exemplo de reportagem de bom senso : https://rogueadventurer.com/2012/12/13/differential-identification-of-white-phosphorus-and-zab-submunitions-in-syria/ É antigo mas da ideia de confusão nas cabeças. OBS : e a maioria das famosas “discotecas” dos DJ da MKS são… Read more »

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

Quem foi o que? seria o link dentro do proprio link que voce mesmo mandou????

http://www.telegraph.co.uk/news/2017/02/23/us-led-coalition-killing-civilians-russia/

Nao vamos esquecer, no filme que a gente por aqui assiste os USA sao os mocinhos, ou deveriam ser, e a Russia sao os bandidos (ou os pele-vermelhas). Os mocinhos nao deveriam estar fazendo estas coisas. E se fazem que moral tem para falar de quem quer que seja?

Bosco
Visitante
Bosco

Harriman, Então na verdade o que você não gosta dos EUA é a sua mal caratice e não os seus métodos cruéis já que os mesmos métodos praticados por outros é aceitável pelo seu ponto de vista. Infelizmente isso nunca vai ocorrer. Nunca na história humana um líder cruel e sanguinário (Hitler, Stalin, Gengis Kan, Átila, Mao, Tojo, Pol Pot, etc) , ou uma potência militar (Roma, Alemanha Nazista, Japão Imperial, EUA, Rússia, URSS, França, RU, etc.) alegaram para praticar suas crueldades que estavam a serviço do mal. Todos, indistintamente, alegavam estarem a serviço do bem. O próprio diabo alega… Read more »

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

Então na verdade o que você não gosta dos EUA O que eu nao gosto e’ eles terem dois pesos e duas medidas, Se a ONU serve para legitimar o que fazem entao a ONU e’ boa, se nao serve entao a ONU nao presta pra nada. Veja so’ no link que *voce mesmo* enviou, tem um comentarista que diz: “Ana Suri I am a Syrian and so far the so called “activists” are utter terrorists and liars. Assad is genuinely supported by most Syrians and that’s why the West and their puppet opposition and allies have been refusing any… Read more »