Home Aviação Naval VÍDEO: Porta-aviões Charles de Gaulle na Operação FANAL 2019

VÍDEO: Porta-aviões Charles de Gaulle na Operação FANAL 2019

12566
28
Porta-aviões Charles De Gaulle
Porta-aviões Charles de Gaulle

O vídeo abaixo divulgado pela Marine Nationale francesa mostra o Grupo de Batalha de Porta-Aviões nucleado no Charles de Gaulle, que operou com 30 jatos Rafale a bordo.

Esta foi a primeira vez que o porta-aviões nuclear francês embarcou tantos Rafale Marine, mesmo em relação ao seu último desdobramento no final de 2016, quando embarcou 24 aeronaves.

O Charles de Gaulle foi originalmente projetado para poder carregar até 40 aeronaves no total, entre caças, aeronaves AEW e helicópteros.

O exercício aliado de larga escala FANAL 19, que terminou em 14 de fevereiro, teve como objetivo coroar o retorno do porta-aviões Charles de Gaulle às operações depois de um longo período de reparos.

O exercício confirmou a capacidade do Charles de Gaulle de preencher todo o espectro de missões que podem ser atribuídas a um porta-aviões e seu grupo de batalha.

28
Deixe um comentário

avatar
12 Comment threads
16 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
23 Comment authors
rui mendesmendesHartmamJean JardinoKommanderPeter nine nine Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Bueno
Visitante
Bueno

Lindo de vê este Grupo de batalha!!
Parabéns para a França que consegue produzir e manter está belezura de arma.
Quanta grana !!

Gustavo
Visitante
Gustavo

Isso sim bota respeito.

Beto Santos
Visitante

Gustavo isso não bota respeito não, bota é muita inveja na gente e uma vontade maior ainda de ter um grupo de batalha como este, abraços.

Kommander
Visitante
Kommander

Inveja mesmo, principalmente das escoltas!

Mercenário
Visitante
Mercenário

1. Detalhe de uma FREMM italiana e do destróier também italiano Caio Duilio como escolta.

2. Embarcados 30 de um total de 42 Rafale Marines existentes.

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

E ainda vem um qualquer “chefe” de indústria dizer que a relação com a França é pra acabar…. 🙄👌🤔

Jean Jardino
Visitante

a fremm que fica ao lado do porta avioes eh francesa.

TeoB
Visitante
TeoB

Ai sim! pensa na inveja… mas quem sabe um dia agente chega lá.

Marcelo R
Visitante
Marcelo R

Alguem tem ideia do custo diario, em Euro, de se manter uma estrutura desta operacional por 15 dias ou ate 30 dias. Porta aviões de propulsão nuclear, com fraca velocidade, mas é um porta aviões atualizado; 30 caças modernos ( treinados e com experiencia em ataques), aviões radar treinados e todo o seu grupo aéreo embarcado, mais toda uma infra estrutura de apoio de navios de suprimentos e combustível (dos caças) e dos seus escoltas; mais todos os seus escoltas sendo alguns com sistemas de defesa de area e ainda um submarino atomico como escolta. Ja da para entender que… Read more »

Farroupilha
Visitante
Farroupilha

Não tão patético. Ambas estas nações são das maiores economias do planeta, e com populações e territórios muito menores que o nosso para cuidarem. Ainda, nosso Brasil tem uma gasto anual, recordista mundial, monstruoso de “PASMEM” 200 bilhões de reais. E tem mais desperdícios escandalosos ainda com nossos impostos… São cerca de 600 bilhões de reais alocados em grandes empresas, para rolagem de dívidas, refis, e para tapar calotes previdenciários. O pequeno STF (Supremo Tribunal Federal), pois tem apenas 11 ministros, possui incríveis (patético esbanjamento) mais de 2000 funcionários. – Nosso povo, merecia um país e FFAA de primeiro mundo,… Read more »

Farroupilha
Visitante
Farroupilha

“nosso Brasil tem uma gasto anual, recordista mundial, monstruoso de “PASMEM” 200 bilhões de reais” Para segurança pública.

Só São Paulo tem um efetivo de Polícia Militar que é metade do efetivo do Exército para cuidar do país inteiro.

Farroupilha
Visitante
Farroupilha

Dai que nós vemos outras nações com FFAA modernas, pois são constantemente atualizadas. E suas cidades também, cheias de modernismos e países com ótima infra estrutura geral. Os impostos lá não são mal utilizados.
Já aqui, temos uma eterna desculpa de que a Previdência é a vilã de nosso país e FFAA.
Mas, quem sabe, agora com as redes sociais eletrônicas, e a imprensa tradicional indo pro brejo, nosso povo tenha poder de voz.

Caique
Visitante
Caique

Se tem uma coisa que eu gosto é desses tipos de videos institucionais. Eu pessoalmente acho que as forças armadas deveria investi mais nisso. Criar videos muito mais empolgantes e com muito mais ação, acredito que iria cativar muito mais. Principalmente a MB, as imagens aéreas de um GT em operação são de tirar o folego.

Jadson Cabral
Visitante
Jadson Cabral

Eu sempre me perguntei porque as nossas FFAA nunca fizeram isso. Mesmo quando sai algum vídeo, é muito pobre, não aparece mais de um ou dois navios e helicópteros.

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

Cara, quem diria que este PA foi muito criticado na época de seu comissionamento por muita gente, inclusive a imprensa britânica que o chamava de “Belo antônio”. Hoje ele mostra pra que veio, e tem mais dias de mar do que muito navio da RN!! e o Rafale é uma máquina linda!!! Torci por ele no FX2, mas gostei da decisão sobre o Gripen.

Jadson Cabral
Visitante
Jadson Cabral

Eu já tenho uma opinião diferente em relação ao Rafale. Não vejo nenhum motivo para aquela sonda REVO não fosse retrátil. E na minha opinião aeronaves bimotores com apenas um estabilizador vertical são horríveis.

Sincero
Visitante
Sincero

“Envie, idiots sans valeur!”
Francês comentarista de Facebook provocando quem não tem porta aviões.
Só nos resta isso, invejar. Parabéns a Marine Nationale.

Mauro
Visitante
Mauro

Já estavam aprendendo a falar alemão na segunda guerra… outros países os libertaram.

Nguyễn Văn Cốc
Visitante
Nguyễn Văn Cốc

Verdade, é olha que o exército francês era superior em números e equipamento. Mas a danada da doutrina foi quem definiu o destino da França na IIGM

rui mendesmendes
Visitante
rui mendesmendes

Os franceses também ajudaram os norte-americanos a vencerem os ingleses na guerra que fundou os states, e no caso da 2ªguerra mundial, os países, não foram numa de ajudar os franceses, contra os nazis, mas antes com medo que a vez deles chegasse também. Pois no inicio da guerra os states recusaram entrar na guerra contra os nazis, mesmo com meia europa já sob domínio nazi. Os Soviéticos fizeram igual, só quando foram invadidos, é que se juntaram aos outros aliados contra os nazis.

Hilton
Visitante
Hilton

Que belo e eficiente grupo de batalha! Sensacional! Nem dá para ficar com inveja…
,

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Depois dos PA dos EUA, essa é a melhor classe de PA que existe.

Top Gan Sea
Visitante
Top Gan Sea

Legal ver Charles de Gaulle na ativa novamente. Acho esse P.A atômico mais bonito da Europa e com estilo imponente e matador do que os novos P.As ingleses. Os up grades e modernizações o tornaram mais letal ainda, a ilha ficou mais limpa e compacta com modernos sensores, radares e redução na quantidade de antenas, sem contar a modernização dos rafales.

Fabio Jeffer
Visitante
Fabio Jeffer

Lembra o nosso São Paulo, ex Foch, do qual deve ter herdado um pouco do projeto

Dalton
Visitante
Dalton

Trata-se de um exercício, consequentemente nem todas as aeronaves e navios participarão da missão vindoura e como a marinha francesa não tem outros NAes para auxiliar no treinamento aproveita-se a ocasião para abarrotar o “CDG” de Rafales M. . Um ponto fraco é que apenas 3 E-2Cs foram adquiridos o que permite embarcar apenas 2…a US Navy tem operado 4 E-2Cs por décadas, mas, está aumentando o número de aeronaves de 4 para 5 com o novo E-2D, não apenas mais capaz, mas, 5 aeronaves permitirão uma maior disponibilidade. . Exercício semelhante está acontecendo agora na costa leste dos EUA… Read more »

Jean Jardino
Visitante

Esse PA pode receber 40 avioes, e a marinha francesa tem 4 E-2Cs

Dalton
Visitante
Dalton

Apenas 3 E-2Cs foram adquiridos conforme inúmeras fontes…uma delas o
“Navy Recognition”, que reproduzo o texto abaixo:
.
The French Navy Naval Aviation (Force maritime de l’aéronautique navale) Flottille 4F currently operates three E-2C Hawkeyes acquired from the United States acquired in 1998, 1999 and 2004. It is the only Hawkeye operator with the United Sates to deploy the AEW aircraft from aircraft carriers.
.
De fato especulou-se que um quarto E-2C seria adquirido, mas, não deu em nada, porém, os 3 existentes foram modernizados nos EUA recentemente.

Hartmam
Visitante
Hartmam

Não sei se daria para ter um grupo de batalha como esse mas, se acabassem com as
desonerações feitas a empresas e renuncias fiscais, melhoria bastante.