terça-feira, março 2, 2021

Saab Naval

Marinha Grega propõe compra de fragatas dos EUA

Destaques

IMAGENS: Navio-Aeródromo Ligeiro Minas Gerais – A11

Algumas das melhores fotos do NAeL Minas Gerais (A11) com seu grupo aéreo embarcado de aviões P-16 Tracker da...

TOPEX 1-87: USS Nimitz e cruzador nuclear USS California no Brasil, em 1987

Em 1987 eu era tripulante da fragata Niterói - F40 e quando estava em operação no mar, fazia parte...

SIMULAÇÃO: ‘Operação Pólvora’ – FAB e MB enfrentam o USS Nimitz

No início de novembro, o presidente Jair Bolsonaro em discurso com tom bélico ameaçou usar pólvora quando acabar a...
Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Como parte de uma cooperação defensiva e estratégica mais ampla com os EUA, a Marinha Helênica propôs a promoção de um acordo transnacional para a compra de fragatas americanas Multi-Mission Surface Combatant (MMSC) para renovar sua frota.

De acordo com informações exclusivas obtidas por Kathimerini, a proposta está totalmente alinhada com os objetivos estratégicos declarados do governo, ao mesmo tempo que é vista de forma positiva pelos americanos, que querem expandir sua presença militar-industrial na Grécia.

O acordo intergovernamental proposto tem como proposta central um pacote de solução que inclui o fornecimento de quatro fragatas MMSC, a atualização de quatro fragatas  MEKO, navios de solução intermediária e a participação de estaleiros gregos no desenvolvimento da nova fragata FFG(X) americana.

O plano prevê essencialmente a criação de uma força naval até 2030, que se combinada com o fornecimento de helicópteros antissubmarinos MH-60R, terá um viés principalmente americano.

FONTE: Kathimerini

- Advertisement -

23 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
23 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcelo R

Se a Grécia for comprar esses LCS que vem com a propulsão repleta de surpresas… acredito que será necessário a compra de um número idêntico de rebocadores para acompanhar esses navios…
Questão de segurança…. ne

Alex Barreto Cypriano

O output da propulsão é diferente, não vai atingir +40 nós (talvez 30 nós), então possivelmente não apresente aquela embreagem/caixa combinatória problemática. Vou ver se os prime movers são CoDaD ou CoDaG…

Alex Barreto Cypriano

CoDaG, mesmo. Possivelmente com turbinas menos potentes…

Kemen

KKKKKKK. Mas não é bem assim, em sério, problemas ocasionalmente podem ocorrer com qualquer belonave e se for um problema sistemico devera ser corrigido. Me lembro que a Grecia levantou uma série de problemas com os submarinos Papanikolis de modêlo alemão no qual alguns foram montados na Grecia sob supervisão dos alemães, mas no fim tudo foi solucionado .

Teórico

Mas Papanikolis não é exame ginecológico kkkk….

Moriah

Precisam se reforçar diante da marinha turca.

Alex Barreto Cypriano

Offtopic: Esper fired.
Acho que o papel de Esper na operação da foto com a bíblia e depois em recusar usar força militar contra protestantes pesou muito na sua demissão. O que derrotou Trump foi ter desprezado as consequências politicas da morte de G. Floyd, coisa que Biden não fez. Em política, a mentira calculada e prontidão para a manipulação do inesperado têm um papel permanente.

Kemen

Pais com problemos econômicos graves, mas não se esquecem da defesa, principalmente maritima, porque o seu território é muito insular e a eterna rivalidade grego-turca permanece a séculos.

Last edited 3 meses atrás by Kemen
MMerlin

Acredite, eles devem estar pagando bem caro todas estas compras, com juros altíssimos. O país já deu um calote no FMI e se prepara para o segundo. A Grécia começou a retroceder quando colocou no poder o candidato da esquerda, que cumpriu o que prometeu ao desistir de boa parte das medidas acertadas de austeridade. Neu deu outra. Deram o calote. O empréstimo que inicialmente foi de 240 bilhões de Euros precisou de um acréscimo de 100 bilhões na mesma moeda. O primeiro-ministro da esquerda foi destituído. O FMI já está prevendo outro calote e já foi até levantada a… Read more »

Last edited 3 meses atrás by MMerlin
Jorge Knoll

E mesmo assim, estão luz a nossa frente em termos de Marinha, e poder de dissuasão.

Top Gun Sea

A intenção da marinha americana é fazer caixa para bancar seus projetos dispendiosamente caros. Certamente o recheio das futuras fragatas de parceiros como os gregos será bem mais modestos. Não será um presente de Grego.

Zezão

Navio de combate em litoral também virou “fragata” pra justificar as tatu-a-pé?

Heli

Interessante ver um pais recentemente quebrado financeiramente como a Grecia (e cuja economia, muito baseada no turismo, que vai custar a se recuperar devido a covid) estar atras de tantas compras militares. Primeiro os carissimos Rafales, agora fragatas

mauro silva

Sim , eles assistiram o que houve com a Armênia e sabem que a coisa está cada vez mais quente e ainda vai esquentar …e eles lutaram em Maratona …lutaram em Salamina …em Platéia …em Micale e nas Termópilas .. perderam em Artemísio .e pasmem os inimigos de agora estão no mesmo lugar e agora tem uma bandeira vermelha com um crescente branco …precisa dizer mais

groosp

Eles estão desenvolvendo uma outra classe de corveta, a Themistocles que tem um conceito que lembra a Streetfighter proposta para a US NAVY. Longo alcance em um navio de cerca de 1000T.

Luiz Floriano Alves

Tem quem ache certas armas, muito caras. Cara é aquelaa que te deixa na mão na hora do combate. Guilherme, na batalha de Hastings bradou: “meu reino por um cavalo”. A arma certa, não tem preço. Falar qque fragata moderna é beberrona,, devido a turbina é um bom exemplo.

Cristiano de Aquino Campos

Para voces verem como compras militares tem mais á ver com geopolitica e finânciamento do que com técnologia e eficiência ou superioridade de equipamento.
A Grécia, vai comprar uma fragata de um país que esta comprando fragatas desenvolvidas por um terceiro país.

Dalton

Verdade. O acordo com os EUA é muito mais vantajoso do que o pleiteado com a França envolvendo fragatas FREMM maiores e mais caras que o navio americano e que dificilmente se traduziria em 4 unidades. . Quanto a fragata americana, é derivada do “LCS” versão Freedom e há quem diga que esse modelo é que deveria ter sido adotado pela US Navy, mas, havia toda aquela ilusão com modularidade que na teoria permitiria que um navio mudasse de função depois de algumas semanas, então, o “LCS” teve que mudar para adaptar-se a uma nova realidade até na forma como… Read more »

Cristiano de Aquino Campos

Lembrando que as FREMM, são constfuidas pela França e Italia, sendo quê foi comprado pelos EUA, o seu projeto por ser mais barato. Se fosse apenas o custo do material, podiam comprar da Alemnhã como fizemos.

Dalton

A US Navy queria um projeto já maduro e foi a versão italiana
da FREMM ligeiramente maior que a francesa considerada mais adequada para receber todo o equipamento americano tanto que se fala que totalmente carregada a futura fragata americana deslocará um pouco mais que a italiana.

groosp

A configuração da MMSC Grega

Jorge Knoll

A Grécia dando exemplo a ser seguido, país que teve sua economia quebrada literalmente, e aqui nós se contentando e se borrando para construir 4 corvetas, apelidadas de mini fragatas, que levarão mais de 10 anos para serem entregues, e estarão quase obsoletas em 2030.

- Advertisement -

Guerra Antissubmarino

A foto que irritou os almirantes da Marinha dos EUA

Durante uma manobra no Caribe em 2007, um submarino alemão diesel-elétrico (U24) rompeu o anel defensivo em torno do...
- Advertisement -
- Advertisement -