quinta-feira, janeiro 27, 2022

Saab Naval

China planeja base militar na costa atlântica da África

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

A China está procurando criar sua primeira presença militar permanente no Oceano Atlântico, na costa da pequena nação africana da Guiné Equatorial, de acordo com uma reportagem do The Wall Street Journal baseado em informações confidenciais dos EUA.

Embora as autoridades não tenham descrito os planos da China em detalhes, eles disseram que a presença da China na costa atlântica da África aumentaria a possível ameaça aos EUA, já que daria aos navios de guerra chineses um lugar para se rearmar e reparar em frente à costa leste, relatou o Journal.

O general Stephen Townsend, que serve como comandante do Comando da África dos EUA, disse ao Senado em abril que a “ameaça mais significativa” da China seria “uma instalação naval militarmente útil na costa atlântica da África”.

“Por utilidade militar, quero dizer algo mais do que um lugar onde eles podem fazer escalas e obter combustível e mantimentos. Estou falando sobre um porto onde eles podem se rearmar com munições e consertar navios de guerra ”, acrescentou Townsend.

Jon Finer, o principal vice-conselheiro de segurança nacional do presidente Biden, viajou para a Guiné Equatorial em outubro em um esforço para convencer o presidente Teodoro Obiang Nguema Mbasogo e seu filho o vice-presidente Teodoro “Teodorin” Nguema Obiang Mangue a rejeitar a proposta da China, informou o jornal.

“Como parte de nossa diplomacia para tratar de questões de segurança marítima, deixamos claro para a Guiné Equatorial que certas medidas potenciais envolvendo atividades [chinesas] aumentariam preocupações de segurança nacional”, disse um alto funcionário do governo Biden, ao jornal.

China – bases navais planejadas no exterior, em 2017

Obiang é o presidente mais antigo do mundo, tendo governado por mais de 40 anos. A Human Rights Watch e outros grupos reclamaram da “repressão implacável” da sociedade civil durante seu governo, junto com “a corrupção impressionante que drenou a riqueza do petróleo do país”.

Nos últimos meses, as tensões entre a China e os EUA aumentaram em meio a questões de direitos humanos, a pandemia de COVID-19 e preocupações com Taiwan.

Na semana passada, o secretário de Estado Antony Blinken alertou sobre as “terríveis consequências” se a China invadisse Taiwan e tomasse a ilha à força.

“Mas aqui, novamente, espero que os líderes da China pensem com muito cuidado sobre isso e sobre não precipitar uma crise que teria, eu acho, consequências terríveis para muitas pessoas, e que não seja do interesse de ninguém, começando pela China”, disse Blinken.

FONTE: The Hill

- Advertisement -

213 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
213 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Nilo

O prato de ontem, o prato de hoje, o prato de amanhã: China.
Pensem??? Rsrsrs

Last edited 1 mês atrás by Nilo
Antoniokings

Desenvolvimento natural para a maior potência do Mundo.
Eu não gosto, mas é assim que o Mundo tem funcionado.

Victor Filipe

Você não gosta????? caramba você defende qualquer atitude da china como se fossem manifestações divinas da vontade do seu Deus… imagina se tivesse gostando…

Antoniokings

Não gosto da política de criação de bases militares estrangeiras em outros países.
Seja de quem for.
Não me refiro à assertividade chinesa no resto do Mundo.
Que venham investimentos produtivos.
Não bases militares.

M.@.K

Cara, aí tu forçaste um pouco a retórica. Uma nação que quer a hegemonia mundial, nas áreas da economia, política, pandemia, energia, cultura… sem ter uma expansão militar para proteger seus interesses… só no mundo de Nárnia .. heheheh

Antoniokings

Por isso escrevi: ‘Eu não gosto, mas é assim que o Mundo tem funcionado.’

Hellen

Olha bem que sao os problematicos !!!

images (48).jpeg
Gabriel BR

Eu sou seu fã

carcara_br

abafa….

Hellen

Consegui no google,so vc escrever bases americanas na América do sul e clicar em imagens !!!!

Geovanni

Onde conseguiu esse mapa?

Hellen

Consegui no google,so vc escrever bases americanas na América do sul e clicar em imagens !!

Adriano Madureira

Naaaaaaaaaaão ! Mas esses aí são nossos “parças”,nossos “aliados”, não oferecem ameaça alguma com essas bases…

Bucaneiro Yankee

Faltou um escudinho do capitão América ortogado por procuração a empresas em Alcântara! Podia ser pior. Mas estão se esforçando bastante neste sentido!

Last edited 1 mês atrás by Bucaneiro Yankee
WSilva

Esconde esse mapa aí ou deleta o seu post, já já vai aparecer a turma do menos pior ”eu prefiro ser escravo dos EUA do que de China e Russia, é menos pior”.

Wayne

Qual a fonte deste mapa? Gostaria de pesquisar mais sobre o tema.

Slow

Uma base ali ja tem condições de cortar muita coisa ..

46A4183E-DB22-406B-BF70-8E4D0877A1A2.jpeg
Claudio Rodrigues Miranda

Investimentos produtivos? Pode esperar por uma grande colonização global amigo. Você sabe o que é espaço vital e de que forma este conceito esteve ligado à estratégia nazista de expansão? Leia à respeito.

Last edited 1 mês atrás by Claudio Rodrigues Miranda
Chevalier

Victor, o deus dele é o comunismo. Nada mais natural.

Jorge Nunes

Deus? Ficção como o natal que invwntqram? Viva a expansão, afinal vamos marcar as bases de todos. No atlântico, incluindo as ilhas da rainha

ADILSON DOS SANTOS

EUA pode fazer bases em todos os lugares do Globo, mas porque a China não pode construir suas bases? Os EUA são os donos do mundo, é isso???

Victor Filipe

Não cheguei nem perto de dizer isso disso…

sábio

olhe o exemplo dos EUA e olhe a China antes de vc falar r

Thiago Rezende

Nos EUA o governo acha normal você passear com seu cachorro na rua. Na China o governo chinês acha normal você ter que comer seu cachorro por falta de comida. Um governo que se expande em cima de opressão e miséria. Você apoia? Que seja um miserável então e deixem que coloquem uma coleira em você. Eu quero é LIBERDADE! Fora China, fora comunismo.

ADILSON DOS SANTOS

Nos EUA é tudo lindo, não existe miséria, eles não torturam e matam mundo afora, destruindo países inteiro em nome da democracia!!!! Ainda bem que acredito em papai Noel.

Slow

Um relato de uma pessoa que não sabe nem aonde fica a China ..

Carlos

Dá uma estudada, ainda há tempo…

carcara_br

Quem era a Guiné Equatorial na fila do pão até ontem? Hoje já sabemos:

A Human Rights Watch e outros grupos reclamaram da “repressão implacável” da sociedade civil durante seu governo, junto com “a corrupção impressionante que drenou a riqueza do petróleo do país”.

É uma disputa por poder, influencia e mercado, ninguém pode criticar a china sem antes refletir a ordem que já está dada de bases militares espalhadas ao redor do mundo.

Marco Eu

Quase não dá para ver um ditador que está há cerca de 40 no poder, ceder a chantagem dos Estados Unidos de que os Chineses podem espionar o país ou fazer algo contra a Guiné Equatorial….porque não faz parte do objetivo inicial da China nesse país fazer isso. Esse será o objetivo secundário com certeza. E a Guiné Equatorial venderia petróleo para os chineses com toda a certeza em troca de infra estrutura e armamento, em também em troca de material de inteligência para a Guiné Equatorial espionar e manter o controle sobre sua própria população…coisa que os chineses fazem… Read more »

WSilva

É um movimento natural de uma superpotência uma vez que seus rivais ocidentais dão um péssimo exemplo.

Vamos ver agora qual será o malabarismo mental de uns para criticar a China e apoiar os EUA. rs

Zezão

Que se exploda os EUA !

Uma superpotência construir uma base naval militar perto da costa brasileira é uma ameaça direta ao território brasileiro, seja americana, chinesa ou russa.

Essa idolatria com a China chega a ser bizarro…

Até entendo a simpatia pela China por alguns brassileiros, agora, ficar defendendo a China a ponto de esquecer os interesses de seu próprio país, aí é trairagem.

marcus

A unica coisa que a China faz é tirar empregos dos brasileiros ,e gerar empregos na China.

WSilva

”Uma superpotência construir uma base naval militar perto da costa brasileira é uma ameaça direta ao território brasileiro, seja americana, chinesa ou russa.” Então faça o seguinte, peça a China e aos EUA que retirem suas bases perto da costa brasileira e veja qual é a resposta deles, a resposta do país ”democratico” será igual a resposta do país ”comunista”. rs EUA e China fazem o que qualquer superpotência sempre fez, muita ilusão de vocês achar isso surpreendente. É correto? Claro que não. O que podemos fazer? Acabar com a vassalagem pró EUA, China ou qualquer outro país e adotar… Read more »

Wagner

Até agora, uns 14 trouxas são contra o que vc falou!!!

Michel

Mas, no caso, a traição já começou desde há muito. E vem de dentro. Me diga por que os bons hospitais militares não recepcionaram os cidadãos de seu próprio país no auge da crise pandêmica? Milhares morreram sufocados (as) quando poderiam ter sido salvos nesses hospitais. E não é preciso lembrar que é o contribuinte muito empobrecido que banca toda essa estrutura militar. Me diga por que para os militares houve aumento de soldo enquanto para a população, na prática, ocorreu a cessação da possibilidade de se aposentar e o congelamento dos salários? Por que mais de 6000 militares ocupam… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Michel
Foxtrot

China, a nova “polícia” do mundo.
A US Navy deve estar se remoendo de raiva !

Antoniokings

China e Rússia estão criando ‘desafios’ para os EUA em todas as partes do Mundo.
Do Ártico à Argentina, passando pela África e Ásia.
Os EUA vão abrir o bico.

Antoniokings

Mais uma?
Rússia e Índia acabaram de assinar um acordo de cooperação militar de 30 anos.
A Ásia vai se tornando um enorme conglomerado de países que certamente dará as cartas nesse Século.
Ou daqui para frente e para sempre.

Avai2021

Sabe contra quem neh ???? Dica : começa com C e termina com A e não eh Cuba …

Pedro

Estão usando exatamente o mesmo que os USA e aliados fizeram com a URSS, a manutenção de gastos elevados em todas as áreas.

Antoniokings

Exato.

Carlos Crispim

Exatamente. A pergunta é: quem vai quebrar primeiro, EUA ou China?

Antoniokings

Se vc deve muito mais do que ganha e sua dívida aumenta mais a cada ano, vc está tecnicamente quebrado.
Advinha qual País está assim.

Nilton

Com razão, A CHINA é um país que trabalha com pensamento de cinquenta ano a frente, pode ser que não se quebre de momento mas o abismo está perta por perto

LUCIANO DO PRADO

A China possui trilhões de dólares em títulos do governo americano, acho que isso responde parcialmente a sua pergunta.

Allan Lemos

Duvido muito. Nos EUA, há críticas constantes sobre o fato do país agir como a polícia do mundo, depois dos fracassos no Oriente Médio, muitos não querem mais esse papel. Acredito que dentro de algumas décadas, quando a China assumir o posto de superpotência dominante, os EUA voltaram a ter a mesma política de isolamento que tinham antes da WWII.

Antoniokings

Muito provavelmente isto acontecerá.
Basta var o que está ocorrendo.
Depois de muitos trilhões de dólares gastos, os EUA estão sendo ultrapassados pela China.
De que adiantou todo esse esforço?
Depois o País endividado até os ossos, com uma infra-estrutura defasada e com grandes tensões sociais que estão roendo o sistema.

Carlos Crispim

Quem vc acha que vamos chamar se os chinos se meterem por aqui na nossa costa? Na hora do aperto qualquer país minimamente civilizado chama os EUA, implora melhor dizendo, por isso esse negócio de “polícia do mundo”. Até se extraterrestres invadirem a Terra, quem vai nos defender? O Brasil?

André Macedo

“Qualquer país minimamente civilizado chama os EUA”, agora me manda a lista de quais países vc se refere e de qual ajuda os EUA forneceram kkkkkkkkkkkk.
Tu acha que os EUA iriam fazer o que se os chineses quisessem se meter aqui? Mandar uma força tarefa completa?

Zezão

“agora me manda a lista de quais países vc se refere e de qual ajuda os EUA forneceram kkkkkkkkkkkk.” Eis alguns países: Reino Unido e França – OS EUA reuniu 2,8 milhões de homens pra lutarem ao lado dos aliados contra o império Alemão, no verão de 2018 os americanos enviavam 10 mil novos soldados todos os dias pra França. Se não fosse os americanos, os aliados tinham perdido a primeiras guerra mundial. Coreia do Sul – OS EUA enviaram mais de 326 mil soldados pra ajudar a Coreia do Sul a expulsar a Coreia do Norte de seu território.… Read more »

Allan Lemos

Espera ai, você está seriamente comparando o Brasil com um país que só fica atrás do Canadá em termos de importância para os EUA?

E você acha mesmo que eles ajudaram a Coreia do Sul e o Kuwait por bondade e não porque tinham uma agenda, não é?

Fala sério.

André Macedo

Kkkkkkkkk sério mesmo amigão? Agora me cita um que não tivesse interesse direto dos EUA, todos esses tinham um pretexto, assim como defender Taiwan é interessante pra combater a China. Não significa que pedir ajuda aos EUA vai resultar numa cavalaria pronta pra defender a democracia. Informações rasas e superficiais, faltou citar quando os EUA patrocinaram diversos golpes nas Repúblicas de Bananas a mando de empresas americanas, ou o Massacre das Bananeiras em 1928, a Operação Ajax em 1953 pra derrubar o governo iraniano (na época uma democracia extremamente estável), ou mesmo quando apoiaram o regime de Suharto na Indonésia… Read more »

Last edited 1 mês atrás by André Macedo
Antoniokings

Os EUA chegaram bem tarde para lutar a 1ª GM, bem como na parte européia da 2ª GM.
Para vc ter uma noção das quantidades envolvidas, na 1ª GM, foram mobilizados cerca de 70 milhões de combatentes, sendo apenas cerca de 4 milhões de americanos.
Foram 10 milhões de mortos sendo apenas cerca de 300 mil americanos
Só a Alemanha perdeu 2 milhões de soldados e teve mais de 4 milhões de feridos.
Nas Batalhas do Somme e Verdun ocorreram mais do dobro de mortes do que todos os americanos durante o conflito.
Só para constar.

Wellington Kramer

Se não fosse pela ajuda americana, Moscou teria sido riscada do mapa.

André Macedo

Primeiro que essa ajuda foi paga (e até bem recentemente, aliás), segundo que se Moscou tivesse sido riscada do mapa, todas as forças alemãs iriam pro front ocidental e não seriam mais divididas como antes, então sim, a ajuda americana serviu pros soviéticos, mas não, não foi nenhum favor.

Slow

Esqueceu de falar da ajuda que os EUA deu pra Ucrânia/crimeia né ? …

WSilva

”Quem vc acha que vamos chamar se os chinos se meterem por aqui na nossa costa?”

E quem você vai chamar quando os EUA e França tomarem nossa Amazônia?

Já sei, vai chamar o Trump… rs

Slow

Pois é , eu nunca vi Xi nem Putin falar da Amazônia ..

ADILSON DOS SANTOS

Quem irá tomar a Amazônia serão os EUA com a Europa, lindo!¡!!!precisa desenhar????

Nemo

A maior ameaça para a Amazônia são os EUA e os europeus. Infelizmente o Brasil não tem capacidade para se opor.

Slow

Cara você ja viu China ou Russia falar sobre a Amazônia ? .. nossa ameaça vem do norte ..

Foxtrot

Não vejo China como ameaça, nunca foram e nunca serão.
Brasil e China sempre mantiveram excelentes relações tecno científica, comercial etc.
Quem sempre nos sabotou, disfarçados de aliados foram os americanos e europeus.

Michel

E por qual motivo os EUA entrariam em um conflito pelo Brasil? Você acha que os militares de lá morreriam por você, por mim, ou por qualquer outro latino-americano? Se fosse pela Grã-Bretanha não diria nada… Colega, na hipótese de invasão extraterrestre pode confiar na ajuda dos EUA sim. Mas confia sentado. Seria mais fácil recebermos ajuda de equipamento e logística chineses. Os EUA iriam se entrincheirar para ver o que é que ia dar. Intrometer-se-iam só em caso de interesse próprio (no caso, uma ameaça direta e clara ao que eles consideram como seu) o território ou uma luta… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Michel
Foxtrot

Os E.U.A precisa e é imprescindível investir em defesa, é uma questão de sobrevivência como nação.
Fizeram tantos inimigos durantes os séculos que agora se não investirem, serão dizimados por seus inimigos.
Duvido mundo que a Us Navy deixará de competir ou mesmo contrapor as capacidades de seus adversários !
Se lembre do império Romano.
Se os E.U.A não investirem terão o mesmo destino !

Allan Lemos

Na verdade uma das causas da queda do Império Romano foi o excessivo gasto militar, isso e outros fatores como a falta de manpower, levaram os romanos a começar a empregar cada vez mais os povos germânicos(bárbaros) em suas tropas e a depender deles excessivamente, guerreiros que não tinham nenhuma lealdade ao Império e que contribuíram muito para vários fracassos em suas campanhas militares.

Os EUA cometem exatamente os mesmos erros que o Império Romano cometia e invariavelmente terão o mesmo destino.

Fabio

Enquanto a Marinha do Brasil brinca de marinha, a China já está chegando onde era pra nós estarmos exercendo influência.

Henrique

Acho bom a China se expandir para o Atlântico pq da ultima vez que alguma potência “hostil aos eua” vieram para o Atlântico o Brasil comprou as Niterói.
.
Talvez agora apreça as 12 fragatas Tamandaré ou os 30 poucos navios de patrulha de 500t que a MB precisa pra ontem.

Last edited 1 mês atrás by Henrique
Moriah

Os países que mais investem em defesa são os que se sentem mais ameaçados. Quem sabe quando os pesqueiros chineses com escolta começarem a aparecer no horizonte brasileiro, haja mais preocupação em reequipar a MB como se deve. Dinheiro o BR tem e muito, só se perde na burrocracia e roubalheira que domina a nação…

Last edited 1 mês atrás by Moriah
Carlos Crispim

Penso o mesmo.

Camargoer.

Olá Moriah. Acho um erro estratégico misturar a ação predatória de pesqueiros na ZEE brasileira com ameaças estratégicas à segurança do país. Pesqueiros e contrabandistas são reprimidos com navios de patrulha oceânica, em tarefas típicas de guarda costeira, que no caso brasileiro também é feito pela MB. Ameaças estratégicas são da alçada dos meios de esquadra, que consiste de fragatas, submarinos e navios de apoio como o A140.

Hcosta

Mas não basta influência militar. Antes disso, e muito mais produtivo, é ter influência económica e diplomática e desenvolver estas relações. e é para isso que serve o poder militar, para proteger estas relações e os interesses, neste caso, do Brasil.

De que serve uma área de influência se não há influência?

Carlos Crispim

Dizem que eles já compraram metade do Brasil, terras e mais terras, quem sabe é isso, para garantir a posse.

Nilo

A única certeza é passar vergonha.

Antoniokings

E é exatamente isso o que está ocorrendo com os EUA na Ásia e África.
Aí, criam uma tal de AUKUS que reúne Austrália, R.U e EUA.
Terão influência exatamente sobre Reino Unido e Austrália.

Carlos Crispim

Verdade.

Carlos Gallani

“Deitado eternamente em berço esplêndido.”

JOAQUIM ROCHA

Quem sabe agora com uma potencial ameaça, a MB inicie um plano de recuperação descente.

Antoniokings

Ameaça?
A China está levando o Brasil nas costas.

Jefferson

Dessa vez concordo, a China esta levando o Brasil…logo você acorda em uma fábrica trabalhando 12 horas por dia.

Slow

trabalhando 12 horas por dia hoje ela é a fábrica do mundo ..

Enquanto isso na república de bananas ..

Brasil 2021 ( recessão )

Antoniokings

12 horas por dia?
‘Deus te ouça!
Hoje as opções dos brasileiros são: Camelô, motorista de aplicativo ou desempregado.

Red Pill - 红色药丸

30…

JOAQUIM ROCHA

Caro estou falando militarmente, não economicamente. Não é o que muitos pregam aqui. Não temos inimigos não temos ameaças ? então um inimigo (sabemos o que os barcos de pesca chineses fazem) está querendo se instalar aqui do lado.

Jorge Nunes

E o espanhol que tem milhares de barcos de pesca com escravos na África e nas Filipinas? Tem matérias sobre isso por aí.

Allan Lemos

Kkkkkk é mais fácil a MB se subordinar oficialmente à 4th frota do que ela iniciar um plano de reaparelhamento.

Michel

Nem com essa possibilidade pairando no horizonte isso acontecerá. É mais fácil aumentarem o próprio soldo. Talvez a argumentação a ser utilizada seja essa: “Em vista de um perigo crescente e ameaçador é preciso que sejam disponibilizados mais e mais recursos para planejarem o curso de ação”.

Acredita quem quer…

Mk48

Nenhuma novidade.
.
O próprio Poder Naval já havia noticiado há pelo menos 1 ano atrás que a China tinha planos de abrir não uma, mas duas bases navais na costa Atlântica da África.
.
Nota-se então que eles cumprem de fato o planejamento.
.
Apesar de não haver até agora nenhuma notícia sobre isso, não me espantaria se eles abrissem uma base naval na Argentina também.

Nilo

Pense a Marinha chinesa de hoje, com a econômica da China da década de 70/80, impossível. A Marinha Chinesa de hoje é resultado de uma política econômica/industrial e de um comércio puljante.
Queremos uma Marinha grande com um governo, política econômica/industrial medíocre,.
Acreditem no mercado financeiro, nós Esteves e Guedes da vida, oficiais oportunista.

Nilo

Acreditam no Touro dourado, o Brasil se afastou da verdadeira fé, a de Cristo.

Jorge Nunes

Irmão, não somos igreja aqui!

Nilo

Putin fez renascer a Igreja Ortodoxa, o cristianismo retomou seu lugar na sociedade russa.
Hoje esse presidente convida o Presidente do Brasil para uma visita a Rússia..rsrsrsrs

Camargoer.

Caro Nilo. A fé é uma decisão pessoal e subjetiva, a qual é impossível de ser relativizada. Por definição, a fé independe de qualquer demonstração. O ato de fé é acreditar no imaterial e miraculoso. Portanto, a verdadeira fé é algo muito íntimo e pessoal. Aliás, a fé em algo errado seria mais verdadeira que a fé em algo certo ou materialmente provado.

Piassarollo

Caro amigo MK, seguindo sua linha de pensamento, aposto em bases futuras no Uruguai e Namíbia, abs

Fernando Vieira

Ou você domina ou é dominado. Brasil teve a faca e o queijo na mão para ser a potência dominante no Atlântico. A China chegou no nosso quintal, comprou um lote irregular e ainda vai empurrar o poste da cerca mais pro lado.

O Brasil não é o país do futuro, é o país da oportunidade perdida.

Antoniokings

Nós não temos quintal.
Somos quintal dos EUA.
Espero que isso acabe.
Para que está caminhando para isso.

MAURICIO SIQUEIRA

Brasil não tem condições financeiras para ser potência dominante no Atlantico Sul. Os EUA estão perdendo essa condição de dominante exatamente pela questão Financeira x Logistica x meios. A China ainda em implantação, e isso vai gerar cada dia mais custo, mas para a China é uma troca. Infelizmente, pq acredito que a China tem muito mais “fome” que os EUA já teve.

Allan Lemos

Tem sim. Nosso orçamento militar é mais ou menos igual ao de Israel, que é muito mais forte do que todos os países latino americanos somados. Só não somos a potência militar dominante porque nos falta vontade política e seriedade, não dinheiro.

Heinz Guderian

ê Brasillll, todo dia um 7×1 diferente

João Gabriel Burtet Cezar

Sabe aquela história de entorno estratégico da MB? Então, acaba de ganhar uma nova liderança.

Red Pill - 红色药丸

Aqui é só pra banners em rega-bofe.

Augusto L

”Embora as autoridades não tenham descrito os planos da China em detalhes, eles disseram que a presença da China na costa atlântica da África aumentaria a possível ameaça aos EUA, já que daria aos navios de guerra chineses um lugar para se rearmar e reparar em frente à costa leste, relatou o Journal.” A própria matéria da pista, é somente um lugar para se rearmar e descansar não uma base naval como os EUA tem no Japão. De qualquer forma a Guiné Equatorial tem muito mais influência externa europeia do que chinesa, so olhar para os investimentos externos e comércio os… Read more »

737-800RJ

Na entrada da área, de cara pro gol. Acho que a MB vai ter que acelerar os planos de renovação dos nossos meios de superfície. A tendência é que nos próximos anos a PLA desfile com porta-aviões pelo Atlântico Sul… Um segundo lote de Tamandarés não é luxo, mas necessidade.

Fernando Vieira

Eu não sei de onde vai vir o dinheiro mas um segundo lote de Riachuelos e fazer esse bendito Álvaro Alberto se torna agora muito importante. Os chineses precisam ao menos ter a pulga atrás da orelha de navegar no Atlântico e saber que abaixo da superfície as coisas não estão tão tranquilas.

Adriano Madureira

essa tara por SUB nuclear já deveria ser abortada há muito tempo…

Andrigo

Se preparem para pesqueiros chineses muito bem escoltados nas nossas aguas em breve…

Camargoer.

Olá a todos. Acho curioso que este pequeno país da África, governado por um presidente violento e autocrático por 40 anos, nunca tenha sido alvo de sanções por parte dos EUA. São estas contradições da politica externa dos EUA que servem para desacreditar as ações dos EUA.

Augusto L

Business as Usual Camagoer. Você é um vilão quando não joga pelas regas do sistema internacional americano, ou o atrapalha indiretamente pelas suas ações e não quando é um ditador violento.

Augusto L

Além do mais como falei no meu comentário uns post acima, a Guiné faz parte do bloco econômico que a França tem na África e é apoiada pelo os EUA nisso. Portanto o aliado meu aliado não é meu inimigo.

Hcosta

O que não faltam em África são ditadores. Este, apesar da grande riqueza, não é responsável por grandes tragédias humanas. O problema, e os EUA sabem isso, é se a alternativa é pior.
Quantos vezes surgem os lutadores pela liberdade e são piores do que os anteriores?

Mas certamente se houver uma guerra civil a comunidade internacional intervém e provavelmente não será para apoiar esta ditadura.

Camargoer.

Olá Augusto. Exatamente. Quando o Brasil abre mão de sua política externa e se alinha automaticamente aos EUA em torno da política de sanções econômicas impostas por eles, o Brasil prejudica os seus interesses. O que é bom para os EUA é bom para os EUA. Só isso. O que é bom para o Brasil é bom para o Brasil. Eventualmente, os interesses dos dois países estão alinhados. Eventualmente são divergentes. Sou um crítico da atual política brasileira de alinhamento automático aos interesses dos EUA.

Augusto L

Camagoer, esse ponto tem que ser levado com um pé atras por causa da polarização da população. Primeiro tem que se definir quando se torna alinhamento direto e quando é convergência muitos não sabem distinguir isso por causa de lentes ideológicas e por também o Brasil não ter um objetivo claro de na política externa esse último não é so de agora. Quando aos EUA, acredito que com os rumos que o mundo esta indo e os fraquezas do Brasil e as ameaças que irão surgir (Aqui eu n falo especificamente em guerras com outros paises) vamos ficar cada vez… Read more »

Hcosta

Talvez o país não tenha sido alvo de sanções mas o presidente e o filho foram acusados pelos EUA de crimes financeiros. Mas não me parece que sejam apoiantes deste regime. E precisam de justificar as sanções.
E quem sofre com as sanções são o povo.

Last edited 1 mês atrás by Hcosta
Kornet

São amigões do nine e do ParTido.

Nilo

Não, não, não, se alguém tem que escolher um verdadeiro amigo tem que ser o Trump rsrsrsrsrsr

Last edited 1 mês atrás by Nilo
Camargoer.

Caro Hcosta. Pois é. Os EUA aplicam sanções econômicas dentro de seu interesse geopolítico, usando seletivamente cláusulas democráticas e de direitos humanos. O erro é o Brasil adotar estas direções da política externa dos EUA. O alinhamento automático do Brasil á política externa dos EUA só interessa aos EUA.

Avai2021

O erro eh a ONU não se posicionar sobre os absurdos que ocorrem no mundo. E quem paga a conta sempre eh o americano. Que bom que o chinês e europeu comecem a pagar um pouco para o mundo ter o mínimo de organização sem a presença americana. George bush correu na agenda de América não ser a polícia do mundo. Aí veio 11/9. Trump com a América first. A Europa pirou pois não quer pagar a otan. Trump queria fechar várias bases no mundo. E foi um pânico. Este vácuo não está sendo ocupado pela China embora a torcida… Read more »

WSilva

”Ficou aquele oba oba da China tomar conta …. Efetivamente o que foi anunciado de ajuda chinesa ao Afghanistan??? Nada ínfimo…. E Afghanistan esperando a liberação de $10 bilhões do contribuinte americano para eles ….” Você foi enganado pela máquina de propaganda anglo-saxã. A China nunca disse em tomar conta do Afeganistão, na verdade isso seria um erro. ”China quer ser superpotência então tem que agir como tal…. Liderança em proteção ambiental, liderança em organizar comércio justo, eliminar trabalho escravo, liberdade religiosa, etc.” E quem disse que para ser superpotência é necessário ter tudo isso? De fato, as maiores superpotências… Read more »

Red Pill - 红色药丸

Perfeita colocação, e dizer que tem sabujo que negativa..

Matheus S
Carlos santo

A PF tentou prender o filho dele, que vem a ser vice-presidente. Qual o gosto mais refinado deles no Brasil? Adoravam panicats?

Matheus S

Inclusive, Teodorin Obiang e seu pai vivem no maior luxo. No Brasil foram recebidos como reis durante o carnaval.

Hcosta

Foram eles que compraram a luva do Michael Jackson…

Michel

Muito bem lembrado, Mestre Camargoer. A melhor pregação é o exemplo.

Wagner

Lembro quando o ladrao de 9 dedos e o ministro de relações exteriores corruptas dele ( aquele da barbinha branca ) diziam que a África era a área de influência do Brasil (deles) com o soft power deles que eles gostavam de dizer kkkk

Pessoal megalomaníaco não entende nada de geopolítica

JORGE

Naquele tempo, o Brasil tinha, sim, influência. Deixou de ter com a “nova” política contra corrupção da republiqueta de curitiba, que detonou com as grandes empreiteiras que ganhavam as concorrências por lá; com o ‘grande acordo “nacional” do GOLPE (junto aos milicos ‘nacionalistas’ daqui) e finalmente com boçalnaro, guedes e os grandes estrategistas da aman…
Deixa de ser robô. Deixa de ser gado. Muuuuuuu

MAB

Exatamente, nós éramos os primeiros dos últimos!!! Excelente comentário ! Com o Irã fomos exímios estrategistas na negociação do acordo nuclear (são um governo do bem, fizeram uma pequena explosão corretiva na embaixada Israelense em BAs). Quem estiver por lá, ficava perto do Obelisco, o edifício virou pó. Chamamos as Fars para conversar. O pessoal do MST era tratado com dignidade e respeito, igual ao tratamento que dão aos demais. Agentes cubanos nos auxiliavam em todo território nacional. Na época da Dilma, na Onu, falou com firmeza que o pessoal gente boa do estado islâmico merecia mais atenção e diálogo,… Read more »

Wellington Kramer

Parece que quem está mugindo é você.

Funcionário do EB

Quem entende tuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuudo de geopolítica é a galera do miliciano e seus terraplanista-mamadeira-de-pir0quistas…

Camargoer.

Caro Wagner. Recomendo a leitura do livro “Conjuntura Política Nacional o Poder Executivo & Geopolítica do Brasil” do Golbery. Ele já havia escrito sobre a importância da África para a geopolítica brasileiro. A política externa brasileira para a África era essencialmente a mesma do governo militar.

Varg

Há pouco tempo eu cantei essa pedra em um comentário do blog de que a China ia se engraçar para esses lados do Atlântico e Atlântico Sul e o Brasil seria mero espectador.

O comportamento geopolítico chinês é semelhante ao de um enxame de gafanhotos, devorando tudo o que veem pela frente.

Elifas Ribeiro de araujo

Prefiro mil vezes a hegemonia dos eua que é um pais livre , democrático e cristão do que qualquer coisa da china um pais comunista sem liberdade e ateu

Nilo

Conhece a prática “araquiri” 🍼🍼🍼

WSilva

A China e EUA também preferem que você seja um vira lata que prefira um deles mas nunca prefira o teu país. rs

Carlos

Bela e verdadeira observação.

Last edited 1 mês atrás by Carlos
João Vitor

Os EUA serem democráticos não significa que valorizam a democracia dos outros, o resto do mundo é degrau pra eles, essa é a sua política.

Jorge Nunes

Um país defendo suas rotas comerciais e sua indústria, não viaja. Pode entrar pelo méxico e ser faxineiro em Miami,.viver sua hegemonia.

Last edited 1 mês atrás by Jorge Nunes
Grifon Eagle

Eu prefiro o Brasil.

Adriano Madureira

Que lindo ! São cristãos, da terra dos livres e do lar dos bravos…

Washington tem ojeriza a regimes ditatoriais, mas cadê que eles cortam laços comerciais com o Gabão e a Guiné Equatorial?! Fora muitos outros mais…

Ditador bom é aquele que senta no meu colo, quem não senta, faz parte do eixo do mal ou de qualquer tipo de grupo com denominação ridícula.

A hipocrisia americana dá nojo, mas não falta tiete como você para admirar…

Allan Lemos

Já que o Brasil escolheu como política de Estado não levar a sua defesa e soberania a sério, quando os chineses começarem a fazer conosco o mesmo que já fazem com seus vizinhos, a única alternativa que teremos é voltar a ter uma base americana no Nordeste.

guilardo

Caro Allan. Discordo do amigo no ponto em que a “alternativa é ter base americana no Nordeste”. Não vai ter e nem terá oportunidade. Todos os colegas aqui esqueceram de uma coisa chamada BRICS. O que anteriormente se pretendia fazer, um bloco econômico de emergentes, logo servirá para um controle total do Brasil e da África o Sul. Ou seja, de todo o Atlântico Sul. Esse bloco vai ” ajudar ” os pobres dele, Brasil e A. Sul com vultosos empréstimos oferecidos principalmente pela China, que não tem mais onde colocar Dólares. Aos poucos nós iremos nos tornar um endividado… Read more »

Rony Fernandes

Caro Elifas é por causa desse pensamento que o Brasil continua e continuará sempre um país subdesenvolvido. País que foi vassalo da Inglaterra, que é vassalo dos EUA e agora está preste a se tornar vassalo da China.

Alex Barreto Cypriano

Tem quem faça um chororô pela USNavy quase ter quebrado por ter adotado a forward presence como missão absoluta em tempos de paz em vez do tradicional parabellum, coisa com que eu não concordo, a USNavy tem se preparado pra guerra desde sempre, só que o inimigo veio de mansinho, posando de amiguinho, e apenas muito recentemente tirou a máscara. Esse não é um problema naval, coisa de marinhas, mas coisa de capitalismo: quem enriqueceu o inimigo o fez em nome de seus lucros privados, sem pensar em nada como soberania nacional ou hegemonia; mas o inimigo enriqueceu sem perder… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Alex Barreto Cypriano
Gabriel BR

E dai?! Estamos cercado por bases americanas , inglesas e francesas já tem décadas…é só mais um player. Esse Atlântico Sul é a casa da mãe Joana ou melhor a casa do Brasil rsrsrsrsrsrs

Carlos Crispim

Vão vir pra cá defender os seus pesqueiros e não temos nada a contrapor, a não ser fragatas velhas e cansadas e fraguetas ainda no papel. Talvez o subnuc tenha sido uma boa escolha afinal, é o único que vejo com capacidade de enfrentar e impor respeito aos chinos.

Gabriel BR

SNBR vai estar operacional em 2040 e pelo jeito vai ser um só…precisamos de 12 tamandarés em menos de 10 anos.

Gabriel BR

E também seria interessante um segundo lote 4 unidades de submarinos convencionais do naval group.

Hcosta

Como um submarino impede os barcos de pesca?

Gabriel BR

A única maneira que eu vejo seria brincando de bater casco kkkkkkk

Wellington Kramer

Pode lançar um torpedo cortador de redes.

Everaldo Rodrigues de Menezes

Essa é a consequência,para os EUA, de ser um péssimo aliado e do progressismo.
Enquanto a US Navy está mais preocupada com lacração, com almirante trans e por aí vai, a marinha chinesa vai chegando,cada vez, mais perto.
“O oficial chinês não quis usar salto alto, justamente, para poder ir mais longe”

Hcosta

Sim, agora a culpa é dos EUA (ironia).

Apesar de achar que uma base Chinesa no Atlântico ter mais valor simbólico do que prático.

Gabriel BR

Pelos acordos internacionais firmados com os países da América Latina os americanos tem certa responsabilidade mesmo. Eles(Americanos) fazem lobby contra o reequipamento dos exércitos latinos de maneira geral…sempre foi de interesse yanque manter o continente desmilitarizado.

Jorge Nunes

Se ver a qualidade do que oferecem, sucata e estoque velho para países com síndrome de colônia… Mas acabam conosco mesmo é com o a jogada dos narcóticos.

Nilo

A China quer se expandir, influenciar e compensar o tempo perdido, o elemento chave é o tráfico maritímo sua segurança e controle. O acesso a portos no exterior permite que a China desenvolva mais suas redes comerciais e aumente sua riqueza. Portanto não podemos acreditar que seja apenas simbólico. A expansão da Marinha Chinesa no Atlantico Sul é para eles uma extensão natural do seu poderio comercial e tecnologico. Os fortes investimentos chineses na África, e América do Sul, exige uma gigantesca logistica que sem a presença de sua Marinha,, ficaria a merce de um embargo em caso de conflitos,… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Nilo
Hcosta

Sim, uma base é essencial em África, principalmente para a China, mas por enquanto, penso que uma base terá pouca relevância para alterar o equilíbrio na região. Especialmente num país como a Guiné Equatorial.
Talvez sirva como forma de manter o ditador no poder como no caso da Síria.

Wagner

Os USA iniciaram essa prática de ter bases militares em outros países

Maurício Veiga

Esta ai a resposta para os “Especialistas Super Trunfo” que defendem a ideia e a teoria de uma MB focada em navios patrulha, precisamos de escoltas muito bem armadas e submarinos nucleares para garantir a nossa Amazônia Azul!!!

Ivonei

Tomara que ninguem aperte o botao errado e depois diz que foi pr engano!!!!

Gabriel BR

Vamos ficar é sem nenhum dos dois , antes navios patrulha oceânica que o nada que temos hoje.

Leonardo Costa da Fonte

Enquanto isto a república de banania fica brincando de projetar veículos hipersônicos! Infelizmente as nossas FFAA não sabem gerenciar recursos técnicos nem financeiros. Acho que quando entrarmos num conflito os nossos comandantes vão alertar os adversários assim: “Veja, se vocês nos atacaram, nós temos um projeto de um veículo lançador de satélites, 2 misseis ar-ar (Piranha 2 e ADarter), um projeto de míssil anti-navio, um projeto de míssil de médio alcance (Matador) que também terá uma versão ar-terra. Assim, nós vamos destruí-los com nossos projetos!”

Wellington Kramer

Sem projetos não se tem nada.

Leonardo Costa da Fonte

Fale um que tenha sido finalizado. Acompanho os famigerados projetos das FFAA desde 1980. Já teve S300, S600 da avibrás e até a pobre da Engesa tentou se aventurar na produção de misseis. Eu tinha folders da avibrás mostrando o tal do SIS – Sistema Inercial Solidário, que seria a plataforma inercial que guiaria os mísseis da empesa. Fotos do modelo S600 foram publicados no Estadão. Isto na década de 80. Infelizmente nada chegou a um produto final útil e industrializado. Já se foram 41 anos e nada chegou ao fim. Inacreditável. E ainda tem gente que acredita nestes projetos.

Red Pill - 红色药丸

Esse 14-X é um verdadeiro engana trouxa

Wellington Kramer

Você é contra ter projetos? O problema são os projetos que não vão adiante.

Grifon Eagle

China se expandindo… O Brasil precisa ficar de olho em nossas águas (Amazônia Azul)

Jorge Nunes

Cuida nem das águas da Amazônia verde? Irregularidades pra todo canto, aquiferos poluídos! Azul é papo, ter navios patrulhas já bastaria.

Last edited 1 mês atrás by Jorge Nunes
Alberto

Porque os americanos não fecham suas bases no exterior para dar exemplo?