Rio de Janeiro (RJ), 23.03.2023 - Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, visita o Complexo Naval de Itaguaí, na região metropolitana do Rio de Janeiro. No local está sendo desenvolvido o Programa de Submarinos da Marinha do Brasil, o ProSub. Foto: Ricardo Stuckert/PR

Presidente defendeu parcerias público-privadas para realizar obras

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva visitou hoje (23), o Complexo Naval de Itaguaí, na região metropolitana do Rio de Janeiro, onde são construídas embarcações do Programa de Submarinos da Marinha (Prosub), considerado estratégico.

Para o presidente, os investimentos na área de defesa fazem parte de uma estratégia para fortalecer a economia brasileira e a geração de empregos e renda.

Lula defendeu que não se pode pensar apenas no ponto de vista negativo, ao contrário, tem-se que acreditar no lado positivo, inclusive para a questão da falta de recursos financeiros.

“Se não tem dinheiro no Orçamento para aplicar vamos arrumar parcerias com a iniciativa privada para que se possa construir as PPPs [Parcerias Público-Privadas] e fazer os investimentos que o Brasil precisa”, disse.

Segundo o assessor-chefe do Programa de Submarinos da Marinha, contra-almirante Luiz Roberto Cavalcanti Valicente, o acordo que deu origem ao Prosub foi assinado com a França em 2008, durante o segundo mandato de Lula.

“Eu, quando enxerguei a necessidade de desenvolver uma indústria de defesa no Brasil, é porque em todos os países a indústria de defesa contribui com a economia como um todo, além de preparar de forma mais sofisticada, com muito conhecimento científico e tecnológico as nossas Forças Armadas e o próprio país”, disse Lula, em entrevista.

Na visita, o presidente conheceu o submarino Humaitá, que está em fase final de testes no mar. A previsão é que ele seja entregue para as operações da Marinha ainda este ano.

Propulsão

Visão em corte simplificada do SN-BR. Observar a semelhança com o Scorpene S-BR
Visão em corte simplificada do SCPN (SN-BR), futuro submarino brasileiro com propulsão nuclear

O Humaitá é o segundo da frota de quatro submarinos convencionais de propulsão diesel-elétrica. Ele e um outro de propulsão nuclear compõem o Prosub, cujo orçamento previsto é de R$ 40 bilhões, incluindo a construção de embarcações e a infraestrutura do Complexo Naval de Itaguaí, onde funcionam três estaleiros de construção e de manutenção, além da unidade de fabricação de estruturas metálicas.

“A Nuclep [Nuclebrás Equipamentos Pesados S.A.] faz os cascos dos submarinos e depois eles são recheados na Ufem [Unidade de Fabricação de Estruturas Metálicas], montados aqui no estaleiro de construção e lançados ao mar. Toda essa infraestrutura e a base naval no futuro [serão] um complexo de manutenção especializado para abrigar o que é o principal objetivo, o grande gol do nosso programa: o nosso submarino convencionalmente armado com propulsão nuclear”, afirmou.

Ele disse, ainda, que o fato de ter este tipo de propulsão não significa que a embarcação seja uma arma nuclear. “A gente frisa [que] esse nome é o SCPN [Submarino Convencional à Propulsão Nuclear], o submarino convencionalmente armado para deixar claro que é um submarino com armas convencionais, como nós temos agora. Somente a propulsão dele será nuclear, o que dá uma autonomia enorme. Ele pode ficar muito mais tempo mergulhado, ficar no mar, ou seja, incrementa muito as capacidades do submarino”, assegurou.

Mais submarinos
Em setembro do ano passado, foi entregue o submarino Riachuelo, que se integrou às operações da Marinha e hoje passa por manutenção em Itaguaí, no Rio. “Ele já fez quase 140 dias de mar, está patrulhando a nossa grande e vasta Amazônia Azul”, informou.

Conforme o assessor-chefe do Programa de Submarinos da Marinha, na sequência serão entregues o Tonelero, em 2024, e o Angostura, em 2025. Acrescentou que a Base Naval ainda está sendo construída, embora boa parte já esteja concluída, como a área de simuladores e de treinamento das tripulações.

Valicente destacou que o SCPN é o grande objetivo para qual o Prosub foi concebido. Ele passa atualmente pela fase de detalhamento do projeto. As primeiras partes do casco serão cortadas em testes ainda este ano na Itaguaí Construções Navais (ICN), empresa francesa. Embora não tenha indicado uma data para a entrega do SCPN, ele estimou que seja a partir da década de 2030.

FONTE: Agência Brasil

Subscribe
Notify of
guest

270 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rui Chapéu

senti cheirinho de odebrecht e uns caraminguás na suiça/panamá escutando essa ladainha heim….

Só pra ingles ver, igual aqueles tracker que todos sabiam que não serviam pra nada menos os que tomam as decisões nesses órgãos…

Camargoer.

Olá Rui. A empresa que fabrica os submarinos se chama ICN – Itaguaí Construções Navais. Os acionistas da ICN são a NDT – Novonor Defesa e Tecnologia, que é o novo nome da Odebrecht Defesa e Tecnologia, a Naval Group e a Emgepron. A NDT tem a maior fatia do capital. Portanto, qualquer coisa que estiver relacionada com o estaleiro de Itaguaí irá afetar a NDT, antiga Odebrech. Só seria diferente se a NDT vender a sua participação para outra empresa ou se for estatizada. Agora, não existe qualquer relação entre os aviões que a MB comprou e enviou para… Read more »

Rui Chapéu

haha

Isso é esclarecedor.

Chutei e estava certo.

Mas tb, tudo é previsível com o alibabá no poder.

Camargoer.

Caro. Assim como o ICN-Itaguaí é controlada pela Naval Group NDT e Emgepron, a Helibras é controlada pela Airbus, a fábrica de peças em São Bernardo é da SAAB, Itajaí é dos alemães e a fábrica da Iveco que fabrica os Guarani é dos italianos. Qualquer pessoa que frequenta a trilogia há algum tempo sabe disso. Fico surpreso que vocẽ tenha que chutar isso. Nem precisei consultar a página do ICN para explicar que a NDT é a antiga Odebrech.

Elias E. Vargas

Não esqueçam que a ENGEPROM detém a “golden share” Mas a noticia mais importante do momento é que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 99 milhões para a empresa HT Micron, de São Leopoldo (RS), investir na ampliação da capacidade produtiva e em inovação no seu processo de fabricação de semicondutores utilizados em smartphones e tablets. Os recursos correspondem a 94% do investimento total previsto no projeto, que é de R$ 105 milhões. Somos o único país latinoamericano que tem uma empresa de semicondutores, a Ceitec, fabricando chips para cartões de crédito e… Read more »

Jadson Cabral

Ué, quando o presidente era outro deixou de ser á Odebrecht??? Não entendi

Camargoer.

Exato. É o que estou tentando explicar. Desde a fundação do ICN, a Odebrech era a acionista majoritária. Há alguns anos, a empresa mudou de nome, de Odebrech Defesa e Tecnologia para Novonor Defesa e Tecnologia, adotando a sigla NDT. Então, há uma esquizofrenia paranóica que acha defende que a MB contrate um segundo lote de Scorpenes, que é preciso manter a cadencia de produção no ICN para garantir o conhecimento adquirido, mas só que não pode contratar o ICN porque ele pertence á NDT, antiga Odebrech. Riso. Vai entender.

ODST

Em que governo a Odebrecht foi contratada? Com qual governo ela se envolveu com coisa errada?

Eduardo Neves

Sempre empresa estratégica “envolvida” em “corrupção” Petrobrás, BNDES, refinarias kkkkkkkkkk .

Ildo

A Odebrecht ascende e é contratada por governo desde a Ditadura Militar…

Mas claro, corrupção no Brasil não é estrutural, só existiu entre 2002-2016…

Hamilton

no nível PerdaTotal somente durante esse período mesmo. Tudo com muito amor.

Fernando "Nunão" De Martini

Gente, que raios isso tem a ver com o debate?!?

Agora vão misturar Dallagnol com submarino?

Haja paciência.

Voltem pro tema, por favor, em pleno sábado já tivemos que jogar na lixeira duas dúzias de comentários, e tem gente faltando quase nada pra ser banida.

Leiam as regras, elas existem pro bem do debate, pra voces não ficarem enchendo o saco dos leitores com esse rame rame que não vai pra lugar algum:

https://www.naval.com.br/blog/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Pragmatismo

Ótimo!

João Patressi

precisa de uma intervenção mais incisiva nesses post APAGANDO-OS…………… acho que reclamar simplesmente não resolve nada, os caras vão continuar falando off topic………..

Fernando "Nunão" De Martini

João,

Dezenas de comentários foram apagados só de ontem pra hoje.

Mas isso ninguém vê, por um motivo óbvio: não se vê o que foi apagado.

Bronca também é dissuasão.

Augusto

Já vi em diversas matérias aqui na trilogia os caras mudando o foco do tema e querendo falar do candidato perdedor da eleições e não vi vocês deletando o comentário. Agora só porque estão falando (com razão) do presidente de vocês e você me vem com essa de perder a paciência. O PROSUB e extremamente estratégico para a marinha e para o Brasil, quantos programas estratégicos desse pais não foram afetados pela corrupção perpetuada pelo atual partido que governa essa pais? Se querem exigir respeito dos comentaristas, o respeito tem que começar a vir de vocês. A trilogia e um… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini

Augusto, Comentários políticos e fora do tema, fazendo proselitismo político tanto do atual presidente quanto do cansidato derrotado foram deletados, comwntaristas dos dois lados foram advertidos. Basta olhar com atenção. A gente recebe reclamações iguais à sua do “outro lado” da militância. E você mesmo reclama mas faz militância pro governo passado. Os comentários não são moderados em tempo real e, vez por outra, já é tarde pra deletar quando já existe uma fieira de respostas ao inicial. Então o problema não é com o site. É com a militância, dos dois lados. Como a militância que você mesmo fez… Read more »

Augusto

Bem Nunão, se você verificar diversos comentários abaixo não foram deletados e segundo a sua concepção de “militância”, fazem militância puxando sardinha para o atual governo. Se vocês tivessem se dado ao trabalho de deleta-los não teria me dado ao trabalho de contesta-los. Meu dever de cidadão e como estamos até onde eu sei em espaço democrático e contestar (com números e fatos e não com mentiras) o que julgo estarem errados. Se você acha que sou militante ao defender com fatos meus pontos de vista então não posso fazer nada.   Mas é bem conveniente que algumas matérias vocês… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini

“De qualquer
forma Nunão não irei fazer o senhor perder o seu tempo com minha
“militância” política.”

Agradeço a sua consideração.

Deleto sim, e os teus também.

Deixa de ser mala sem alça.

Last edited 1 ano atrás by Fernando "Nunão" De Martini
Fernando

Amor mesmo é o do principe saudita, que cobre sua amante de jóias.

Pragmatismo

Será que entenderão a ironia?

Luis Carlos

E quem precisa de Odebrecht, cara pálida?
É direto na fonte.

‘TCU autoriza devassa em contratos militares secretos do Brasil nos EUA.’
O presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Bruno Dantas, autorizou viagem de auditores do órgão aos Estados Unidos para investigar compras realizadas por unidades militares das Forças Armadas em Washington de 2018 a 2022, totalizando R$ 20 bilhões. O período engloba os governos Michel Temer (2018) e Jair Bolsonaro (2019, 2020, 2021 e 2022).

Velho Alfredo

Mas toda a compra tem q ser fiscalizada.
Se houve corrupção, o TCU deixou de fazer seu serviço por mais de 5 anos em compras sensíveis.

Renato B.

O erro da polícia não justifica o crime do bandido. Detalhe: o TCU determinou a devolução de valores de uma compra superfatura de material sensível, viagra.

Fernando

Pior seria com o Bozo Jóia.

Carlos Campos

Camargoer, nós dois sabemos como esse cara age, vc pode passar pano para o seu candidato que venceu, mas sabemos o que ele quer envolvendo “iniciativa privada” na defesa, lembro da Odebrecht que ia fazer até míssil, por meio da Mectron, eu nem ligo tanto para corrupção desde que saia os projetos.

Camargoer.

Caro Carlos. Em quem eu votei ou em quem vocẽ votou é irrelevante para a discussão, até porque sendo o voto secreto, qualquer um pode dizer que votou em qualquer nome, ou que anulou o voto ou preferiu votar em branco. O fato óbvio é que a antiga Odebrech D&T mudou o nome para Novonor D&T (assumindo a sigla NDT) e é a proprietária majoritária do ICN-Itaguaí, junto com a Naval Group e a Emgepron. Então, qualquer contrato da ICN para construir e novos submarinos, executar manutenção de submarinos e construir navios (antes a ICN só podia contruir submarinos, mas… Read more »

Carlos Campos

NDT fazer, sem repasses ilegais para o ParTido

Luis Carlos

Vc tem ciência do que se passou no Brasil nos últimos seis anos?
O TCU acabou de autorizar uma devassa em ‘compras secretas’ das F.A. no valor de 20 vinte bilhões de reais.
Isso mesmo. Bilhões!
Como a acreditar que joias, armas e etc são apenas o troco do cafezinho.

Nonato

Defendendo a turma, que colocaram de volta…

Antonio Cançado

Lembrando que isso foi uma imposição do Naval Group à MB, já que isso nunca tinha sequer sido cogitado pela Força, mas foi parte importante do esquema de corrupção do governo que está de volta ao poder.

Fernando

Camargoer, mudando de assunto: Pelo que entendo, alguns dos classe Tupi (principalmente o Tikuna) ainda vão operar por algum tempo na MB. Então, nao seria conveniente concentrar toda a força de submarinos em Itaguaí? Sei que os equipamentos são completamente diferentes, mas creio que haveriam ganhos logisticos com essa concentração. O que acha?

Fernando "Nunão" De Martini

Fernando, a base de Itaguaí deverá concentrar a operação de todos os submarinos da MB.

Fernando

Ah, ok, eu li em algum lugar que os Tupi continuariam baseados em Mocanguê.

Fernando "Nunão" De Martini

Aí seria legal ver onde e quando você leu, pra saber se foi mudado o planejamento.

Fernando

Bom dia Xará! Na verdade foi por aqui mesmo que havia lido, estavam “estudando” a possibilidade de transferir os Tupi para a nova Instalaçao da ilha da Madeira, mas sem decisão. Creio que esta decisão então já foi tomada?

Marinha do Brasil pode transferir submarinos classe ‘Tupi’ para o Complexo Naval de Itaguaí – Poder Naval

glasquis7

Se investe é corrupto e traidor, se não investe é incompetente me traidor… fica difícil entender.

Camargoer.

Olá Glasquis. O problema é que essa partidarização do debate muitas vezes escorrega para o exagero. Claro que o debate político é importante e as questões ideológicas influenciam muitas decisões, mas é preciso ponderar quanto a crítica tem algum embasamento ou quanto é apenas aporrinhação. No caso do ICN, é óbvio que qualquer contrato para a construção de submarinos ou outras embarcações envolvera a antiga Odebrech assim como vai envolver o Naval Group, só não faz sentido achar que se a MB contratar o ICN para fazer o PMG de um submarino seria para benecificar o Macron.

Esteves

Basta dar uma pesquisada nos sites. Poder Naval, ICN, Emgepron, Naval Group, Novonor, Wiki, Marinha.

Meia hora de leitura basta pra não dizer tontice.

Camargoer.

Pois é. E para quem frequenta a trilogia há algum tempo, tudo isso é de amplo conhecimento. Ou deveria ser.

Santamariense

O problema também está no próprio cidadão que, nessa visita à Itaguaí, não se aguentou e teve que destilar o ressentimento dele e falar uma asneira gigantesca (mais uma), contra o inimigo número 1 dele. Então, se o dito presidente não tem noção, os comentaristas daqui também tem o direito de abrir mão desse direito.

Jadson Cabral

Uma coisa não tem nada a ver com outra. O seu argumento então é que se ele é burro e fala asneiras você também o é???

Santamariense

Não…não foi isso que eu disse. Eu falei exatamente o contrário! Tu que não entendeu. O que eu disse foi: O inominável fala o que quer, por mais absurdo que seja, e eles batem palmas. Mas, alguém aqui fala algo em contrário ao que o inominável ou eles pensam, imediatamente é taxado de tonto, escreveu bobagem, etc. Entendeu??

Bento Ferreira Perrone

Mas de fato, realmente escreveu uma série de grandes bobagens. Mesmo pra criticar é preciso se embasar em fatos e dados se não quiser “passar por tonto” como você mesmo disse,… Particularmente não acho que os que emitem esse tipo de opinião, em sua maioria, sejam de fato tontos ou bobos, mas que simplesmente falam essas bobagem de propósito para tumultuar mesmo o debate e impedir que se discutam os assuntos num nível mais civil e instruído, é pra impedir a troca de idéias real já que no debate não vêem muita possibilidade de contraponto aos contrários. Assim como existe… Read more »

Santamariense

Tu não está me incluindo nisso aí, né? Eu não sou de direit@. Eu sou anti-esquerd@ e, principalmente, anti-lul@molusco.

Ildo

Narrativa de “apolítico” = direita (100% dos casos).

Last edited 1 ano atrás by Ildo
Santamariense

Eu não vou te responder para atender ao pedido do Nunão.

Last edited 1 ano atrás by Santamariense
Bento Ferreira Perrone

É o grande problema do debate ideológico em que um lado(geralmente a direita) abre mão de qualquer premissa ideológica ou de ética, humanidade ou decência, dês de que seja para se contrapor ao outro campo ideológico que acha que deve odiar. Isso torna impossível o debate ou mesmo o exercício democrático mesmo….as regras do jogo só valem se eu tiver ganhando. Por isso que dizem que liberal com medo vira fascista num estalar de dedos, facinho, e joga toda a sua literatura, ideias e princípios na primeira lata de lixo, por isso que “a cadela do fascismo está sempre no… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini

“Então, se o dito presidente não tem noção, os comentaristas daqui também tem o direito de abrir mão desse direito.”

Esse direito não está nas regras do blog. Aqui os comentários dos “sem noção” quando passam dos limites vão pra lixeira e quando a falta de noção continua a ferir as regras do blog, são bloqueados.

Vários comentários seus ofendendo outros e de outros te ofendendo foram pra lixeira nos últimos dias.

Então recomendo você ter noção disso, ler as regras do blog e repensar a conduta pra não ser bloqueado.

Santamariense

Tu também não entendeu o que eu escrevi. Mas, tudo bem. Quanto às ofensas, eu não provoco, só respondo.

Fernando "Nunão" De Martini

Santamariense,

Então seja mais claro no que escreve.
E sim, você também inicia ofensas. Assim como as recebe. E devolve, e aí começa a bola de neve.

Você já deve ter tempo suficiente de blog para saber que o foco está muito longe de ser a briga entre os comentaristas, então se alguém te aborrecer, ignore e aguarde até que os editores eliminem o comentário ofensivo e, dependendo da gravidade, bloqueiem o autor.

Tenha um bom dia.

Santamariense

O problema é que muitos comentários ofensivos, de algumas figurinhas marcadas, se mantém. Enfim…o espaço é de vocês…vcs são os donos… façam o que acharem correto.

Felipe Morais

Direita? Então se não aprova o atual presidente é, automaticamente, direita? Se não aprova o ex presidente é, automaticamente, esquerda?

Eita que o brasileiro entrou num processo de emburrecimento coletivo que pra sair vai ser difícil.

adriano

Então a direita não pode criticar o seu descondenado de estimação. ¨Escravagista, fascista¨, acho que você pensa que aqui é o banco de uma escola com crianças e adolescentes a serem doutrinados.

Luis Carlos

Ainda não se acostumou?
Espere 72 horas para protocolar sua queixa.

Santamariense

Não vou te responder em atenção ao pedido do Nunão.

Rinaldo Nery

Fascista? Sabe o que significa isso? Acho que não

Ildo

Será só ele?

Velho Alfredo

Duvido q saiba….

Camargoer.

Olá RInaldo. Eu sempre recomendo o livro do Leandro Konder “Introdução ao fascismo”. Aliás é um livro que eu sempre leio… acho que já li umas oito vezes.

Augusto

Para vocês esquerdistas, tudo que é contra a ideologia de vocês e fascista. Aprende o que fascismo primeiro colega para depois vir querer debater com os outros na internet.

Snake

Meu amigo, seu comentário foi perfeito, melhor que isso impossível

Esteves

Melhor ignorar.

Camargoer.

Olá Esteves. Verdade. Coloquei uns três ou quatro na geladeira. Prefiro os amigos, seja para concordar ou discordar.

WILIAM

“investe” no bolso dele só se for

FRANCISCO MARCELIO DE ALMEIDA FARIAS

Senti o cheiro de posicionamento ideológico nos comentários daqui, tal como nas perguntas aleias formuladas pelos jornalistas na cerimônia. Tudo são coisas que nada contribuem com o conhecimento, desenvolvimento e com o futuro do PROSUB e da boa atuação das forças armadas como uma toda.

Luis Carlos

Tem certeza?
Portal Terra – 18/03/23

‘TCU vai investigar compras de R$ 20 bilhões das Forças Armadas nos Estados Unidos.
Unidades militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica fizeram mais de 57 mil transações em Washington, de 2018 a 2022.’
Cada enxadada, uma minhoca.

Rinaldo Nery

E não era pra fazer? As três Forças, em quatro anos? Pra que servem as Comissões? Não são pra compras?

Velho Alfredo

Ele quer só agitar. Acha q o padrão é o mesmo de quem ele está acostumado a torcer. Depois q não acharem nada, não falará nada. Sem inventarem algo estranho, vai chover críticas sem análise. E vai aparecer. Quer apostar? O café que compram para tomar vai aparecer com o custo em reais, pra chamar atenção. Como compram o café de TODAS as missões no exterior e de todas as comissões, o valor vai ser “alto”, já q o dólar e euro estão nas alturas. Ninguém fará a conta pra ver que tem sentido. Só querem jogar pedra. E pior,… Read more »

marcus

Então, você quer dizer que as forças armadas são impolutas?

Pragmatismo

Sempre o mesmo papinto de corrupção. Fossemos seguir essa lógica, não haveria nada nesse país ou no mundo que pudesse ser realizado, meu amigo. Corrupção há no mundo todo. Esse discurso só nos atrasa por no impede de investir em defese ou em qualquer área seja.

Augusto

Corrupção existe no mundo todo isso e um fato, o problema e quando colocamos alguém comprovadamente corrupto no poder, ai não adianta querer reclamar de corrupção.

Pelos comentários daqui, o Brasil merece os políticos que tem.

Nilo

Segundo palavras do Presidente será dado andamento a inaugurar submarinos em 2023, 2024, 2025 quiçá em 2026, ou seja da MB espera empenho do presidente em buscar soluções. Infelismente assunto de grande relevancia mais os reporteres perderam tempo em tratar assuntos outros. Disse: “Uma forte indústria de Defesa contribui com a articulação das nossas Forças Armadas….” e que investimentos na indústria e pesquisa nacional contribui para o desenvolvimento do país. Vamos ver no marco de 100 dias de gestão, em que será apresentado um outro programa de desenvolvimento para esse país, que saia alguma coisa relativo a indústria de defesa… Read more »

Last edited 1 ano atrás by Nilo
Vitor

Ou seja, ele ja ta prevendo atraso do cronograma. O Programa nuclear é um ralo que já poderiamos ter os 4 S-BR + 2 opcionais. Exportar o S-BR, esquece, custo de construção é astronomico, muito mais barato comprar la da frança direto. Pelo cronograma original, era pra ja termos os 4 entregues e o SN-BR sendo entregue 2 anos atrás. Repare em todos os projetos do PT: Cronograma inicial x Cronograma Final. Os Atrasos são constantes. KC-390 perdeu encomendas porque o desenvolvimento atrasou por falta de $. Suecos, Alemães/Franceses, Canada, Australia… Alguns iria perder para o C-130 mesmo, mas em… Read more »

Nilo

Boa dia caro
Dificil mudar cronograma do Subs Classe Riachuelo já estabelecido, não existem vantagens, até mesmo em função de manter a linha de produção.
Mais 2 S-BR? Já incorporei a ideia do Camargoer e do Galante, pegando o embalo da Prudução do SUBNUC, esqueça o sub diesel, a não ser para exportação, seria o ideal.
Seria possivel encurta e em que etapas o cronograma do SUBNUC, aí fica a resposta para o Galante e o Nunão.

Esteves

A MB tem orçamento de manutenção e operação para 6 submarinos franceses Scorpene?

Quanto custa operar e manter 1?

Felipe Morais

Com certeza menos ou similar a operar um só sub nuc.

40 bilhões e a conta não para. .

Esse projeto implodiu a Marinha.

Pelo que se desenha “a partir da década de 30” o tão imponente sub nuc entra em cena e, em contra partida, começaremos a ter a dimensão do que é ter uma marinha sem navios.

Camargoer.

Não implodiu. Os gastos da MB com o ProSub são da ordem de R$ 1,5 bilhão por ano, mais ou menos o mesmo que a FAB paga pelo FX2. São ambos programas caros, mas não o suficiente para inviabilizar as duas forças. O problema orçamentário das forças armadas é outro.

Camargoer.

Caro. Você está errado sobre o custo de um Scorpene ser mais barato na França. Existem tantas variáveis que é impossível fazer esta comparação. Considerando que substancial parte do custo de um submarino feito no Brasil seria os salários, isso já seria uma vantagem financeira para o Brasil. Outro ponto é o custo do financiamento, já que os juros do BNDES são baseados no que é realizado por outros bancos de investimento. Outro ponto tem a ver com os impostos, porque produtos para exportação não pagam impostos nos países exportadores, mas são taxados nos países importadores. Portanto, dependendo do fato… Read more »

Esteves

Saberemos disso com uma planilha de custos. Não vejo como possível concluir comparativamente preços finais, sem ver os custos.

Mesmo assim…custos são uma parte da conta da formação do preço. Tem carga tributária, tem despesa fiscal, benefícios, legislações, matéria prima, logística. E tem as oportunidades…concorrência, concorrentes, interesses políticos.

Excel. Tem que ver.

Camargoer.

Caro Esteves. Foi o que eu escrevi. È impossível afirmar que os custos de construção de um Scorpene seja astronômico no Brasil ou que seja mais barato fazer na França. São tantas variáveis, algumas á favor e outras contra que demandaria um belo trabalho de contabilidade. Ainda assim, mesmo com alguma incerteza, é possível fazer uma boa estimativa. O erro vai depender da quantidade de dados acessíveis e do tempo gasto neste exercício. Quando mais aproximado, maior a incerteza e quanto maior a incerteza, menos sentido faz em afirmar que sai mais barato contratar um estaleiro no Brasil ou no… Read more »

Vitor

Eu trabalho com construção naval e garanto que o custo brasil pesa. No Brasil tudo é mais caro e sempre vai ser mais caro. Lei trabalhista, ineficiência tributaria, as peças criticas são importadas e por aí vai. Não adianta você vir com teoria pois essa é a prática. Ja tentaram melhorar, mas não existe vontade política. O Governo atual quer piorar isso ainda mais falando em revogar a reforma trabalhista. Um navio aqui custa entre o dobro e triplo que na China e 30-40% a mais que nos principais estaleiros da Europa. A Petrobras que o diga pela conta que… Read more »

Bento Ferreira Perrone

Muito difícil acreditar que os custos de mão de obra em particular seriam mais altos no Brasil do que na França, onde os salários são muito mais altos e as leis trabalhistas são tremendamente mais protetivas ao trabalhador….esse papo de que as leis trabalhistas no nosso país são tiranas se comparadas ao resto do mundo não sobrevive a 5 minutos de Google, ou ninguém emigraria do Brasil pra trabalhar na Europa.

Fernando

Mas, na França tambem não é assim? Os direitos trabalhistas na França são ainda mais pesados que no Brasil!

EduardoSP

O KC-390 sofreu atrasos não apenas por questões orçamentárias, mas houve um sério incidente que quase levou à destruição do primeiro protótipo. Isso também ajudou a atrasar a entrada em operação.
É coisa mais rara ver projetos de grande porte serem executados sem sofrer atrasos significativos, sejam militares ou civis. No meio aeronáutico o último que eu vi que não teve grandes atrasos foi o do A-350.

Santamariense

presidente…com minúscula, mesmo. Provavelmente, novos contratos irão surgir, pois Novonor/odebrecht e lul@ no mesmo ambiente, dá “negócio”…

Fernando

Pior seria com o Jóia!

Carlos Campos

 100 dias de gestão, em que será apresentado um outro programa de desenvolvimento para esse país….. pelo menos isso né, até agora é só um choro por causa do Malvadu do Campos Neto que não baixa a taxa de jjuros, nada de relevante foi feito

WILIAM

concordo… e tem gente “patendo palmas’.. o cara é um pinóquio mega blaster.. e a galera aplaude

Fernando

Imagina então o Jóia!

Carlos Campos

nossa temos um xeroque holmes aqui, claro que prejudica, o culpado nao é campos neto

Rogério Loureiro Dhiério

Tomara Deus que eu esteja grotescamente errado.

A única coisa que este senhor fará em Prol das FA´s será a conivência em repassar a AVIBRÁS para os Árabes.

Acho que dai teremos a dupla patética perfeita que lambe o mundo Árabe, o Bozo com suas Jóias e o Molusco com suas Pérolas e fazer M atrás de M….

Santamariense

A Avibras provavelmente irá para os alemães da Rheinmettall.

Fernando

Sei… Assim como aconteceu com a Embraer?

Hamilton

M/ais livro branco de intenções/¨projetos¨. Segunda frota, etc,etc.

Vitor

Falou pra ingles ver. Ele só pensa na % e no caixa 2 la no exterior.
Uma parte da torcida utopica aplaude, quem ve a realidade sabe que se ele puder cortar pra ganhar voto em outro lado, o fará, vide cultura… Não que não seja importante, mas o país tem cobertor curto e não vai resolver tudo da noite pro dia.

Cristiano de Aquino Campos

Era mais jogo fazer amizades com quem dá joias milionárias de presente sem nenhum interesso por trás, só no amor!

Santamariense

A baixaria e desonestidade apresentadas há pouco, do ex-mandatário, não tornam todas as maracutaias e negociatas do molusco algo minimamente honesto e aceitável. Ent, em resposta à ti, nenhuma é jogo.

Augusto

E isso que essa turma não entende, ser contra tudo aquilo que o partido do molusco representa não isenta a ineficiência do ultimo governo na arte de governar.

Carlos Campos

pois é né, é joia, entre outros, além de do atual ter levado até talher e obras de arte do planalto, então Cristiano um pode e o outro não, eu acho que nenhum pode. mas ia ser legal, o Molusco de Piaget e o Bozo de Choppard

Last edited 1 ano atrás by Carlos Campos
Carlos Campos

também vejo isso, ele prometeu muito na campanha, o Haddad já tá com as bunda quente de tanto levar chute dentro do partido, quem tá segurando ele é o congresso e o Lula, mesmo que a contragosto.. com a economia desaquecendo, vão investir em armas ou manter os projetos sociais do governo.

Last edited 1 ano atrás by Carlos Campos
Camargoer.

Carlos. São coisas diferentes. Um ministro é um servidor de confiança do presidente. Ainda que ele pertença ao mesmo partido do presidente, o ministro é um executor das decisões tomadas pelo presidente. O mesmo para um ministro que esteja filiado a outro partido ou sem filiação. Já o partido político irá defende ideias que estejam no interesse e no contexto ideológico daqueles que apoiam o partido. Assim como associações de classe como a FIESP ou o CNI fazem pressão sobre o governo, partidos político também fazem. Sindicatos também fazem pressão, assim como os financistas e banqueiros. Cabe ao ministro negociar… Read more »

Velho Alfredo

Interessante…. quando era outro governo, se cobrava que os ministros não fizessem isso ou aquilo ou não concordassem…..

Augusto

Carlos, isso e um jogo de cartas dadas, o atual ministro da fazenda só tenta “parecer” alinhado com os interesses do mercado financeiro. Na verdade ele o desPartido dele estão 100% alinhados com seu projeto de poder. Não e a toa que o ex escolheu alguém para chefiar a economia do pais que não entende nada de economia.

Danilo Gentili 2026

Concordo em parte pq o Lula é mais arrogante, quer mostrar que é grande, melhor que outros líderes internacionais e etc. Quem pensava mais em rachadinha, cargos pra tchurma, orçamento secreto, tomada de poder fora das urnas ta nos EUA.

Last edited 1 ano atrás by Danilo Gentili 2026
Henrique A

Déjà vu…

Andrey

Falou para a claque amestrada e alienada,pois a realidade econômica pós-eleição é a pior possível.
E segue o (des)governo da desconstrução e desunião arruinando com o Brasil.

Willber Rodrigues

Depende.

Se for pra construir 30 navios patrulha “pé de boi”, com 100% de tecnologias nacionais e em estaleiros daqui, sim.
Se é pra comprar fragueta sub-armada de fora pelo dobro do triplo do preço com a desculpa fiada de ToT, que dá pra contar nos dedos da mão o que tem de nacional nela, não.

Rogério Loureiro Dhiério

Cara é o que eu as vezes fico pensando.

Será que não temos mesmo como construir algo 100% com tecnologia nacional em uma quantidade mínima que permita uma cadência de produção e a partir dai, irmos aperfeiçoando de modo que possamos ter algo mais perto do estado da arte?

Nilo

Não necessariamente com “100% com tecnologia nacional”, mas a Marinha já vez isso, o Barroso.
Nos falta disciplina orçamentária, cultura de planejamento de longo prazo, comprometimento com politicas de Estado, essencial na área de defesa.

Last edited 1 ano atrás by Nilo
Camargoer.

Olá Nilo. Quando a gente olha para o passado, fica claro que a MB errou ao cancelar o S35, que seria idẽntico ao Tikuna, e ao não contratar um dou duas corvetas similares á Barroso. Estas duas decisões pesam hoje sobre o envelhecimento da frota. Erros passados servem para aprendizado. Espero que a MB tenha feito uma ampla autocrítica.

Vitor

Você sempre esquece do dinheiro.

Camargoer.

Caro Vitor. Os recursos sempre serão escassos. Perceba que os EUA têm o maior gasto militar do mundo, sendo superior a soma dos gastos de todos os demais países. Ainda assim, os militares se queixam que alguns programas militares estão subfinanciados. Então, do ponto de vistas dos militares, sempre falta dinheiro. Outro ponto é avaliar os gastos em defesa em relação ao PIB ano a ano. Os mais velhos sabem como os anos 80 foram difíceis, como os anos 90 tiveram altos e baixos. Os mais novos se lembram como ocorreu uma recuperação da economia na primeira década do Séc.XXI,… Read more »

Santamariense

Falou um monte e disse nada…tinha dinheiro para evitar a descontinuidade dos projetos que tu citou? Falar que deveria ter mantido os programas é mais do que óbvio! Mas, com qual dinheiro???

Felipe Morais

Podia ter sido com os vultuosos gastos na tentativa louca de manter o São Paulo. Ou com os gastos sem sentido de modernização de aeronave de 50 anos de vida. Ou, quem sabe, não ter implodido o orçamento da Marinha com esse Prosub que, provavelmente, irá morrer na praia quanto ao subnuc. Tivesse feito só a aquisição dos 4 convencionais, tinha sobrado dinheiro pra muita coisa. Incluindo, quem sabe, em vez de 4, seis ou oito submarinos convencionais, garantindo a finalidade da grande e importante base de Itaguaí. Mas não. Decidiram o que decidiram. E estamos aqui. Praticamente 15 anos… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini

Felipe, Só pra contextualizar as decisões do passado, independentemente de se concordar ou não com elas: A construção do complexo de Itaguaí só se justificou com a decisão de se desenvolver, construir e operar submarino nuclear. Porque para esse tipo de submarino seria indispensável ter um estaleiro e uma base fora da Baía de Guanabara. E a partir daí, uma coisa puxa a outra. Do contrário, bastaria adquirir mais algum maquinário atualizado para a oficina de submarinos já existente no AMRJ (e que há 15 anos já era a parte mais atualizada do Arsenal) para construir submarinos mais modernos, e… Read more »

Felipe Morais

ótimo Nunão. Seria melhor ainda. Teria recuperado o AMRJ e quem sabe ampliado sua capacidade, concentrando outros projetos importantes da força. Quem sabe teria sido o AMRJ a tocar, de verdade, a fabricação das Macaés, em substituição ao EISA. Quem sabe poderiam ter tirado o NAPAOC do papel e estar, inclusive, participando da construção das FCTs. Mesmo tentando olhar sob a ótica daquele contexto, em que havia um otimismo em relação a Economia, não tinha mágica. Em nenhum tipo de realidade, A MB conseguiria conferir algum tipo de demanda para o Subnuc que justificasse o elevadíssimo investimento. E isso naquele… Read more »

Camargoer.

Olá Felipe. De fato, é preciso entender o contexto de quando as decisões são tomadas. Por volta do ano 2000, a MB escolheu o submarino alemão 214 para substituir os Tupis. Contudo, o AMRJ teria que ser modernizado e reformado. Seriam submarinos convencionais sem AIP. Lembro que a MB chegou a anunciar esta escolha. Passados algum tempo, a MB anunciou que uma radical mudança, que foi o lançamento do ProSub, consistindo na construção de um novo estaleiro e base, da construção de 4 Scorpenes, da construção do Labgene e por fim, da construção do SN10. Na época, foi perguntado se… Read more »

Willber Rodrigues

“Do contrário, bastaria adquirir mais algum maquinário atualizado para a oficina de submarinos já existente no AMRJ (…) para construir submarinos mais modernos, e operá-los da base já existente em Niterói.

Ou seja, deixamos de fazer um plano mais “simples”, pé no chão e totalmente executavel, como continuar fazendo mais IKL’s, que iriam evoluir a cada unidade feita, pra jogar tudo fora e embarcar nessa de ToT de Scorpéne com a desculpa do charuto atômico, queimando ( e ainda queimará ) bilhões por ano do dinheiro do contribuinte.

Maravilhoso…

Fernando "Nunão" De Martini

Foi a decisão tomada em 2007, recomeçar tudo pensando na viabilização do submarino nuclear (que bateu na trave em ocasiões anteriores) como principal objetivo de médio-longo prazo. Uma decisão com seus riscos, mas viabilizada por financiamento externo (como em outras vezes em que se viabilizou grandes programas). O médio prazo já foi, ainda resta o longo.

Santamariense

Concordo com o que vc colocou. Só que a continuação dos programas citados, fragatas Niterói e submarinos Tupi, deveriam ter ocorrido muito antes dos gastos com o São Paulo e com o prosub. Mas, concordo contigo. Aquela mega base e e, principalmente o estaleiro, em Itaguaí, cedo ou tarde vão ficar às moscas. Nunca, em momento algum, a MB investiu em continuidade de projetos. Por que agora seria diferente? Alguém acredita que. MB vai ter demanda que consiga manter um estaleiro de submarinos funcionando sempre? “Ah, mas podem ter vendas para o exterior”… pra quem? Quem já demonstrou interesse em… Read more »

Willber Rodrigues

Bicho, acredito eu, na base do achismo, que daria fazer navios patrulha de 500 ton com sensores e radares nacionais. Nada ultra-tecnológico, só o “pé de boi” mesmo.
Uns 30 construídos localmente, com sensores e tecnologia nacional, já faria nossos estaleiros se manterem ocupados por pelo menos uma década, girando a economia e mantendo a grana no país.

Camargoer.

Olá Wilber. Segundo uma apresentação da MB sobre os navios patrulha de 500 ton, eles possuem deverão ter um nível de nacionalização da ordem de 60%. Com certeza, os sistemas de armas serão importados. Minha dúvida são os sensores e o sistema de propulsão. Lembro que até a década de 80, a Villares produzia motores navais no Brasil (e construída locomotivas também), mas hoje eu não sei,

Felipe Morais

Macaé 2.0? A primeira não deu certo… Lembrando que o Chile e a Colômbia tocaram o projeto deles de OPV de quase 1800 Ton. Aqui o patrulha de 500 Ton. Não deu certo. Aí começaram a falar no Napaoc de quase 2 mil Ton, tbm não foi pra frente. Aí falaram em Prosuper, não foi pra frente. Agora o papo é Tamandaré. Vamos ver se não vai subir no telhado tbm como o Macaé. Fato é: não construimos nada até o momento mas não podíamos deixar a prepotência de lado. Resolvemos gastar o que tinha e o que não tinha… Read more »

Vitor

Não produzimos motores e sensores, não há escala. O que se faz no Brasil é aço, fiação, acabamento interno e iluminação. O Maior conteúdo nacional que vamos atingir é com Navios de Patrulha mas nem isso deu certo. O Modelo da Emgepron com o capital alocado é até bom e foi uma tacada de mestre, mas o orçamento ali colocado já não é suficiente pra terminar as 4 unidades, talvez 2.

Cristiano de Aquino Campos

O Irãn construiu aquela fragueta deles que esteve por aqui, a Dena, 100% nacional, então sim e possível.

Jadson Cabral

Mas ToT cria emprego para meia dúzia e coloca milhões nos bolsos de outra meia dúzia interessada no “desenvolvimento da indústria nacional”

Ivan herrera

Foram tantos testes que o Riachuelo já passa por manutenção rsss

Fernando "Nunão" De Martini

Isso não é incomum com a primeira unidade de uma classe. Ela passa por mais provas e certificações e então atinge mais cedo o número de imersões, dias de mar etc que na tabela de revisões já preconiza uma parada de manutenção.

Foxtrot

E Lula está corretíssimo.
Porém ele precisa mudar a ótica de nossos militares, que só sabem importar ou montar localmente com espelhos das multi estrangeiras.
Se continuar como está , fortalecermos a economia estrangeira !

Rinaldo Nery

Ele tá cag*** e andando pra BID e pros militares. Tolinho quem acredita. Ele só quer saber do seu, e quanto vai cair no bolso. Como sempre foi.

Jadson Cabral

Humm… quem se importava era o que até então aí estava… Se importava tanto que passou 4 anos e não fez absolutamente nada pela defesa, não lançou um programa estratégico sequer… só se na sua opinião “se importar com os militares” for dar benesses como aumento de soldo, deixar a classe fora da reforma da previdência e encher o governo de militar, os desviando da sua atividade fim… aí sim ele se importava. Deve ser isso, né?
Eu se fosse o senhor teria vergonha de começar certas coisas.

WILIAM

sim 04 anos (1 pandemia + 1 guerra) o que voltou já esteve por décadas e olha a Marinha… Olha a FAB kkkk

Foxtrot

Sério que vai usar essa desculpa da pandemia e de uma guerra que em nada nos afeta ?
Inventa outra que isso não cola.

Vitor

Esqueceu da COVID e o aporte de R$ 102 bilhões que o governo fez? Meu amigo, não sobrou dinheiro pra NADA. O País estava quebrado e em reconstrução a partir do período de 2017-2019 e agora ta mais quebrado ainda devido ao rombo criado pela COVID. O Sr. Utopia no cargo quer piorar isso ainda mais prometendo deus e fundos… você não deve ter vivido como adulto o período de 2002-2022 pra entender o que estou falando…

Bento Ferreira Perrone

Sobrou pra picanha, leite condensado, whisky, remédio para impotência sexual e prótese peniana ….sobraram vários bilhões para compras bem mal explicadas de um grupo seleto de empresas no exterior, sem licitação e de uma gama enorme de material diverso e de uma mesma empresa. Poderia ter sido usado de forma mais útil e mais transparente.

Augusto

falando em picanha o povo ainda está esperando a picanha com o churrasquinho prometidos pelo ex, kkkkkkkk.

glasquis7

Esqueceu da COVID e o aporte de R$ 102 bilhões que o governo fez? Meu amigo, não sobrou dinheiro pra NADA. O País estava quebrado”

os R$ 102,49 Bi gastos com p COVID representam apenas 2,8 % dos gastos públicos. O COVID não quebrou o Brasil.

https://portaldatransparencia.gov.br/coronavirus

Augusto
Augusto

E outra coisa, fica quase um ano sem trabalhar e duvido que você não vai sair com as contas em frangalhos depois disso. E esses 102,49 bi você não esta contando os gastos indiretos que o governo teve com a pandemia (conveniente não e mesmo, vale tudo para vencer um argumento), como por exemplos os gastos do governo com o auxilio emergencial e a queda da arrecadação de impostos pelo por causa da queda do PIB (mas a economia a gente vê depois lembra?) https://portal.tcu.gov.br/imprensa/noticias/pandemia-ja-custou-mais-de-r-600-bilhoes-aos-cofres-federais.htm Está ia a conta bem mastigada para você, foram bem mais que os 102 bilhões.… Read more »

Rinaldo Nery

Interessante é quea eficácia cloeoquina no tratamento preventivo foi PROVADA….

Camargoer.

Não Rinaldo. Segundo a OMS “Os resultados preliminares mostram que a hidroxicloroquina e o lopinavir/ritonavir produzem pouca ou nenhuma redução na mortalidade de pacientes com Covid-19 hospitalizados quando comparados ao padrão de atendimento. Os investigadores do estudo de solidariedade interromperão os ensaios com efeito imediato”. O único tratamento preventivo recomendado pela OMS é a vacinação, qualquer que seja o tipo de vacina. A OMS também recomenda o uso de máscaras e álcool para higienização.

Foxtrot

Por quem Cel ?
Pelo norte americano que de tanto tomar Cloraquina, seu coração cresce a cada dia ?
Me diz uma organização internacional ou nacional que comprovou a eficácia do remédio?

Santamariense

Não, Rinaldo. Onde quer que tu tenha lido ou ouvido isso, não é verdade.

Neto

Prezado Nery. Não há evidencias científicas que o esforço político de Bolsonaro pela imunidade de rebanho ou pelo uso preventivo da cloroquina fosse comprovada. . Quem não tomou vacina e sobreviveu ou tomou Cloroquina e sobreviveu muito provavelmente está no grupo que sobreviveria. Lembrando que a taxa de mortalidade do COVID por si mesmo não é tão grande. O grande problema sempre foi a saturação do SUS e a morte pro falta de suporte para os doentes aos montes. . A evidencia é que algumas centenas de milhares de brasileiros tenham sido entregues, ideologicamente, a morte pela doutrina e narrativa… Read more »

Foxtrot

“Humm… quem se importava era o que até então aí estava… Se importava tanto que passou 4 anos e não fez absolutamente nada pela defesa.” Fez sim caro amigo.
Aumentou substancialmente o salário do oficialato e os escândalos com alimentação etc etc.

Augusto

Contra fatos não há argumentos, você está certo nisso.

Ildo

Fora os milhares de cargos com vencimento duplo (da ativa das FAs e no governo).

Recém está começando aparecer coisas do governo passado… Cartão Corporativo, joias…

É realmente curiosa essa narrativa de apontar dedo…

Augusto

Uma coisa não justifica a outra Jadson. Até agora desde a abertura politica desse pais (e antes disso também) e que nenhum deles estava realmente preocupado com o país.

Mas quanto não poderia ter sido feito, não somente na área da defesa nesse pais dos bilhões que foram desviados em corrupção nos últimos vinte anos?

O brasileiro e roubado anos e ainda por cima defende esses caras com unhas e dentes. Não tem como esse pais ir para frente desse jeito.

WILIAM

kkkk perfeito… !!

Machado

Tá falando do bozonaro né

Ildo

Cartão corporativo, jóias… Só o começo… Governo anterior com milhares de militares…

Curiosamente “não vem ao caso” e apontam dedo para o novo governo… Porque será?

Foxtrot

Pois é Cel. E vocês no governo passado só estavam preocupados com aumento de soldos, importação de Viagra e bomba peniana , alimentos especiais enquanto apoiavam um energúmeno que quiz se apropriar de bens da união , dentre outras coisitas más.
Nós (o povo) estamos é lascados , indiferente de quem esteja no poder ou quem vocês apoiam.
No frigir dos ovos, é sempre mais do mesmo, cada um por si e deus para todos.

Rinaldo Nery

Algum foi preso por corrupção? Quem?

Foxtrot

“Algum foi preso por corrupção? Quem?” Não entendi o porquê isso não aconteceu até hoje.
Mas espero que não demore muito !

Rinaldo Nery

Se for corrupto, que prendam mesmo. Houve alguns famosos no passado. Pena que não os pegaram.

Foxtrot

O problema é que o STJ não pode julgar militares, cabendo isso ao STM.
Aí se não houver corporativismo, pode acontecer.
Um simples exemplo, foi os militares que “fuzilaram” o carro do músico no Rio, não foram condenados, mesmo havendo provas críveis do erro deles.

Augusto

Vai na letra L e tu encontraras o mais famoso da lista.

Ildo

Foram investigados? Aliás, pra que serve o STM?

Rinaldo Nery

Depende do crime. Esses deviam ter sidos investigados pelo TCU, MPU e CGU. A ¨trilogia do U¨.

Neto

Parte do aparelhamento, em muito militar, do antigo governo explica. Afinal “um manda outro obecede”.

https://www.bbc.com/portuguese/brasil-57481191

Indicativo da VEJA, ok é só indicativo, tem que ir atrás desses afastamentos (sem tempo irmão)..

https://veja.abril.com.br/coluna/radar/corrupcao-ja-varreu-901-servidores-do-governo-bolsonaro/

Entretanto há um dado sobreposto. Tenho pra mim que o Governo Dilma tenha sido o mais intransigente contra a corrupção (não a toa ela caiu e Bolsonaro ficou até o fim). O que é o pode tornar os números indicados pela veja mais grave ainda pra o caso Bolsonaro.

Neto

Notadamente o ministro da Educação, Milton Ribeiro, caiu por corrupção com sua lavagem de ouro (da mineração clandestina?) ..

https://www.bbc.com/portuguese/brasil-60842429

Sendo preso

https://g1.globo.com/politica/noticia/2022/06/22/entenda-por-que-milton-ribeiro-foi-preso.ghtml

Foxtrot

Não se esqueça dos pastores com propina com ouro etc etc etc.
Espero que o judiciário se mostre apartidário e investigue, julgue e puna quem realmente tiver culpa.

Leandro Costa

Fox, mas foi no governo dele que os contratos atuais que estão sendo tocados foram assinados, e incluo nisso o Gripen porque foi assinado pela sucessora. Bota aí helicópteros, submarinos, aviões de caça, etc. Todos os acordos de ToT, tudo mesmo, foi assinado por ele, em formatos que foram aprovados na gestão dele. Ou seja, teoricamente tudo passou pela mesa dele e foi aprovado.

O fato de ele falar que investimento em Defesa fortalece a economia, meu professor de Geopolítica me falava a mesma coisa a vinte anos atrás, exatamente porque é algo muito óbvio.

Foxtrot

Exatamente caro Leandro. Mas como escrevi, ele não está errado, e isso é óbvio para qualquer mente sensata. Só estou falando que precisa reformular os investimentos e “mirar” a produção local. Mas para isso precisa mudar a mentalidade de nossos militares, que diferente dos seus “colegas de farda” internacionais, só visam o que vem de fora. A medida que temos um dito coronel da FAB aqui no fórum tentando defender “atrocidades” contra a economia, indústria e política nacional, vemos que no mínimo ou eles jogam contra o Brasil ou a favor dos interesses internacionais. E isso não pode prevalecer nunca.… Read more »

Rinaldo Nery

Falando de mim? ¨Tentando defender “atrocidades” contra a economia, indústria e política nacional.¨ Mostre quando e aonde. Só porque não concorde com algumas opiniões suas não significa que ¨defendi¨ o que você afirmou acima. Quais atrocidades? Mostre.

Foxtrot

Sério Cel ?
Quantas vezes debatemos sobre gastos indevidos de seus “camaradas”?
Quantas vezes defendeu esse “mentecapto” e inapto de ex presidente em seus fracassos ?
Não falei que defende atrocidades ‘ mas passa essa impressão.
Não é porque concorda ou não com minhas opiniões, é que escrevi isso,as baseado em análise de dados e informações retirados de nossas conversas.
Mas se minha análise está errada, me desculpo por isso.
E do fundo do coração, espero mesmo está errado sobre minhas análises sobre você e nossos militares !

Rinaldo Nery

Minha discordância com você é sobre BID. Há itens que não dá pra comprar aqui, porque a qualidade é péssima e o preço elevado. Quanto s investir em algumas indústrias, há várias incapazes de entregar o que prometem. Um exemplo foi a Mectron com o A-Darter. Infelizmente. Quanto ao MAR-1, não tiveram a capacidade de fazer a cabeça diretora. E nunca houve venda pro Paquistão. E eu não defendo o mentecapto; eu sou, somente, antisocialista, antiesquerda, antimolusco, por formação e convicção. Inclusive, concordo que o mentecapto foi muito burro em muitas situações. Não votarei nele de novo.

Foxtrot

Caro Cel. Quanto a suas inclinações políticas pessoais, não tenho como comentar, pois afinal de contas vivemos em um país livre e “todos” tem direitos. Só me abisma que quem mais investiu em equipamentos de defesa neste país (por proveito próprio ou não , foi o Lula). E ao que parece não agradou vocês (militares), porque ele não investiu em salários. Quanto a compras, como escrevi acima para o Nunão, concordo que certos itens e equipamentos, realmente precisam ser comprados de fora por N,s motivos, mas tudo chega a ser absurdo. Sobre a Mectron (uma empresa que em qualquer país… Read more »

Nilo

Seu nome apareceu nas delações premiadas…contraditórias… entre denúncias indiscriminadas que produzem enganos e manipulações.
É possível que Almirante Othon seja culpado, é possível que não seja, pouco importa: desde hoje está na cadeia o pai do programa nuclear brasileiro.
O Brasil deve a Othon o maior feito de inovação da sua história moderna: o processo de enriquecimento de urânio através de ultra centrífugas.
Até o momento os partidos de esquerda nada fizeram, tão pouco o Presidente.
As tramas…..os interesses…..que não querem o desenvolvimento da tecnologia nuclear do Brasil, agem em pele de cordeiro.

Last edited 1 ano atrás by Nilo
Esteves

Não fazem porque os Almirantes não sinalizam. O mesmo Almirante que vai pedir grana, representa o pensamento do Almirantado.

Se nem um e nem outro concederam o perdão, é porque a MB não quer perdoar.

Santamariense

Othon está preso novamente? Ele teve sua pena comutada de prisão para outra de restrição de direitos, em 2022.

FRANCISCO MARCELIO DE ALMEIDA FARIAS

Almirante Othon foi um herói, qualquer valor que retirou, seja legal ou ilegalmente, nunca irá pagar sua grandiosa contribuição para o País. Ele foi o diferenciador tanto na formação técnica como no direcionamento do pensamento dentro e fora das forças armadas. Sem ele, nem o PRODUB e nem outro programa seria agora objeto de política de governo e de nosso comentários, por absoluta inexistência dele.

Cristiano de Aquino Campos

Está defendendo um ladrão corrupto amigo? Então se eu roubar um banco que explora o povo eu serei um herói e não um bandido, se eu, como político, roubar mas fazer alguma coisa que na real seria minha obrigação, eu posso?

Camargoer.

Caro Cris. Bretas condenou Othon a 43 anos de prisão e também condenou sua filha em primeira instância. O TRF2 absolveu a filha de Othon e reduziu a pena de Othon para 4 anos. Ao mesmo tempo, Bretas foi afastado pelo CNJ por irregularidades na condução de processos sob sua responsabilidade. Quem é o bandido e quem é o herói?

Santamariense

‘Quem é o bandido e quem é o herói?”

Diga você!! No Brasil, filigranas jurídicas tornam criminosos em inocentes. Provas obtidas ilegalmente podem não fazer parte de processos ou então anulam condenações…mas, aquilo que essa provas, mesmo obtidas de forma ilegal mostram, não deixam de existir.

Ildo

Provas, ilações e/ou convicção política?

Last edited 1 ano atrás by Ildo
Santamariense

Provas abundantes existem … foram desconsideradas por suposta ilegalidade na colheita das mesmas, mas aquilo que elas mostram não deixou de existir…

Fernando "Nunão" De Martini

Vocês dois realmente vão continuar nessa ladainha?

Já foram avisados. Já sabem que estão por um fio. Têm certeza de que vão continuar?

https://www.naval.com.br/blog/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Santamariense

Eu deixei de responder à ele e ao kings mais acima, justamente por atenção ao teu pedido.

Ildo

Vai ser interessante o depoimento de Tacla Duran esta semana…

Camargoer.

Olá I. Verdade. Contudo, na maioria das vezes as montanhas estão parindo ratos. Então, talvez não mude nada além daquilo que já sabemos. Começaremos com o depoimento do Duran e a provável prisão de Trump. Nos últimos anos, a notícia foi substituída pela não-notícia. Por exemplo, discute-se exaustivamente coisas que ainda nem aconteceram. Quando acontecer, vai ser notícia.

Santamariense

Eu só perguntei se ele continua preso. Segundo li, ele está em liberdade condicional , com medidas restritivas. Tu sabe dizer se ele está preso, ou não?

Carlos Campos

Othon já está velho, pelo que fez ao Brasíl no minimo devia ser libertado por indulto individual.

Camargoer.

Olá Carlos. O juiz Bretas, que condenou Othon, foi punido e afastado do cargo pelo CNJ no início deste ano. O TRF-2 reformou a pena do Alm.Othon de 43 anos, como determinado pelo ex-juiz Bretas, para 4 anos. Pelo que sei, a defesa recorreu da decisão e o Alm.Othon está em casa por força de um habeas corpus.

Ivan herrera

Boa tarde. Não sou muito entendido do assunto, mas essa manutenção citada é normal, levando em consideração que ele foi entregue em setembro .

Camargoer.

Olá Ivan. Creio que seja normal principalmente considerando ser um equipamento novo que demanda ajustes. Ainda que o submarino tenha sido entregue em setembro de 2022, é preciso lembrar que ele seus testes começaram em 2018, praticamente já 4 anos. Um submarino convencional demanda um PMG a cada 7~8 anos. 4 anos é um grande período que deve causar vários desgastes e esforços estruturais e mecânicos.

Ivan herrera

Ok obrigado pelo esclarecimento, esperamos que seja uma manutenção rápida e que vejamos o S40 e S41 navegando lado a lado .

Dalton

Complementando o Camargo, a US Navy tem para seus navios e submarinos o que eles chamam de “Post Shakedown Availability” / PSA, termo que vi pela primeira vez em um livro do Tom Clancy chamado “Submarine”. . Trata-se de um período de ajustes e mesmo melhorias que ocorre normalmente algumas semanas ou mesmo meses após o comissionamento. . Um exemplo recente foi o do submarino USS Vermont, comissionado em 18 de abril de 2020, que visitou o Brasil em dezembro daquele ano, tendo recebido a bordo o Presidente Bolsonaro, mas, o “PSA” começou apenas no fim de 2021, tendo antes… Read more »

Camargoer.

Olá Dalton. Vocẽ tem razão. Todo equipamento mecânico com alguma complexidade demandas manutenção contínua e ajustes. Até um carro demanda revisões anuais, imagine então um submarino.

Camargoer.

Olá Ivan. Apenas esclarecendo. Um PMG ocorre a cada 7~8 anos e é uma grande manutenção, inclusive com o corte do casco de pressão, mas durante o período de operação, o submarino passa por inúmeros períodos de manutenção de menor complexidade mas necessários para a segurança da operação. Eu imagino que neste caso, o S40 está passando por uma manutenção de rotina.

Fernando "Nunão" De Martini

Só uma observação: não li nada sobre PMG, que é uma grande manutenção (Período de Manutenção Geral). Há outros períodos, como PMI (Intermediário), PME (Extraordinário). Cada um com sua complexidade, periodicidade (ou não, no caso do extraordinário, para resolver algo não programado). Dá pra comparar com avião de caça que tem manutenções específicas a cada 200, 600 e 1.200 horas, como o F-5 da FAB, sendo esta última uma total desmontagem. Ou carro que troca filtros e óleo a cada 10.000 km, correia a cada 50.000 etc.

Camargoer.

Olá Nunão. Você tem razão. Eu mencionei o intervalo para uma PMG para contextualizar o tempo. Todo equipamento mecânico tem diferentes níveis de manutenção, desde as mais simples relacionadas com substituição de lubrificantes e ajustes, passando pelas manutenções periódicas e de segurança dos dispositivos que operam sob condições de maior exigência, até as grandes manutenções que demandam revisões. O paralelo com os aviões foi muito bom. A própria calibragem periódica dos pneus é um tipo de manutenção simples e necessária para a operação segura. No caso do S40, imagino que também seja preciso ficar atento para a necessidade de pequenos… Read more »

Carlos Campos

Bom saber, quanto ao Bretas, muito rígido, gosto dele, mas quanto ao Othon ele errou.

Rafael Oliveira

O Othon receber propina por meio da filha não é crime?

Camargoer.

Caro. A filha do Alm.Othon, Ana Cristina da Silva Tonioloa, foi condenada por Bretas na primeira instância, mas o TRF2 a inocentou em segunda instância ano passado Então, é incorreto dizer que Othon recebeu propina por meio de sua filha. Apenas para contextualizar, o juiz Bretas foi afastado por decisão do CNJ por conduzir os processos de forma irregular. Segundo o portal do CNJ, “Bretas negociou penas, orientou advogados e combinou estratégias com o Ministério Público.” Aproveito para lembrar que fui o primeiro a defender o indulto para Othon.

Camargoer.

Caro. No futebol, quando um juiz ganha mais destaque que os jogadores é porque tem coisa errada. O pessoal mais velho deve lembrar do Dulcídio Boschilia. Lembro que no início da Lava Jato eu escrevi aqui que achava estranho ninguém saber o nome do juiz da vara de sua própria cidade, mas saber o nome de um juiz de primeira instância de outras cidades. Deu no que deu.

Santamariense

Deu no que deu, mesmo. Um ser abjeto e descondenado ocupando o cargo mais importante do país.

Carlos Campos

situações diferentes, o Moro e o Bretas, até o Joaquim Barbosa, ficaram famosos pq eram rígidos mesmo, com gente rica e poderosa, um árbitro de futebol julga os lances do futebol, se ele errar um clube pode perder, se um juiz se vender ou agir como seu pensamento ide@logico pede, ele não será um juiz, pq juiz PRECISA ser isento.