Caça-minas HMS Bangor, classe Sandown da Royal Navy

Uma investigação está em andamento após a colisão de dois navios de guerra do Reino Unido em um porto no Bahrein, informou a Marinha Real.

Um vídeo amplamente compartilhado nas redes sociais parecia mostrar o HMS Chiddingfold colidindo de ré com o HMS Bangor na costa do porto do Oriente Médio.

Ninguém ficou ferido no incidente, disse o Ministério da Defesa, recusando-se a comentar sobre a natureza da colisão enquanto as investigações continuam.

Os dois navios fazem parte da presença de longa data do Reino Unido no Golfo.

Ambos são vasos especializados em varredura de minas, ajudando a garantir o fluxo seguro do comércio através das águas, disse a Marinha Real.

“Estamos cientes de um incidente envolvendo dois caça-minas no Bahrein. Não há vítimas como resultado deste incidente e seria inadequado comentar mais enquanto as investigações estão em andamento”, disse um porta-voz do Ministério da Defesa à BBC.

Enquanto isso, o contra-almirante Edward Ahlgren disse que a causa da colisão “ainda está para ser estabelecida”.

“Treinamos nossas pessoas nos mais altos padrões e impomos rigorosamente padrões de segurança de maquinário, mas infelizmente incidentes dessa natureza ainda podem acontecer”, disse ele à agência de notícias PA.

Uma investigação completa e minuciosa “já está em andamento”, disse o contra-almirante Ahlgren, “e quaisquer mudanças nos procedimentos que possam prevenir novos incidentes serão rapidamente implementadas”.

“Enquanto isso, o Reino Unido continuará a desempenhar um papel chave na garantia da segurança do transporte de mercadorias na região.”

As imagens não verificadas pela BBC mostraram o que parecia ser um grande buraco no casco de fibra de vidro do HMS Bangor após a colisão.

Não é a primeira vez que o HMS Chiddingfold se envolve em um incidente desse tipo. Em 2021, também na costa do Bahrein, ele atingiu o HMS Penzance, um navio da mesma classe que o HMS Bangor.

O HMS Bangor está programado para ser desativado no próximo ano.

VÍDEO: HMS Chiddingfold colide com HMS Bangor

FONTE: BBC

Subscribe
Notify of
guest

21 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Moriah

HMS Bangor já está pedindo para sair…

Willber Rodrigues

Alguem vai ser chamado no RH em breve…

Maurício.

Marinha Real, quem te viu, quem te vê…rsrsrs.

Emmanuel

Não sei porque me veio a mente o tema de abertura dos Trapalhões.

Luiz Guilherme

Já aconteceu comigo uma vez, agora é passar no martelinho de ouro.

Maurício.
Fabio Araujo

É fibra de vidro para não ter assinatura magnética, mas o conserto não deve ser tão complicado.

Jefferson B

Parece intencional!
Alguém não recebeu o salário e ficou doido.

Fabio Araujo

O HMS Chiddingfold é reincidente?! Espero que não seja a mesma tripulação ou o mesmo capitão, ouvi falar em falha mecânica, mas com a reincidência ou o treinamento esta falho ou a manutenção esta falha!

Makarov

Esse é o país que quer guerra contra Rússia, China e meio mundo. O Moribundo Império Británico não existe mais…. aceitem, Británicos!

KKce

Rússia? Que perdeu trocentos navios e até submarino pra um país que só tem canoas?

Makarov

Já diz aquela música: “Das Taigas aos mares BRITÁNICOS, o exército russo é o mais forte”.

KKce

Estamos vendo que é mesmo haha

rui mendes

Não passa da Fronteira e queres ir mais longe.
Os Russos, não são aqueles que deixam escotilhas abertas nos submarinos, quando vão para imersão??
Que precisaram da ajuda, inclusive dos Britânicos, para retirar em segurança, submarinos Britânicos??
Não foram os que mataram uma tripulação de submarinos, por não pedirem ajuda aos Britânicos e Noruegueses, mas depois para os trazer para as familias, foram precisamente os Britânicos e Noruegueses que o fizeram???
Não foram os Britânicos, que na Tailândia, encontraram em uma mina dificílima, com mergulhadores, uns miúdos presos no interior???
Foram os Russos.

Afonso Bebiano

Marinha Russa = Tsushima

Heinz

A Rússia é uma piada depois desta guerra om a Ucrânia, os ucranianos serviram bem para desmistificar o que de fato é a Rússia.

Salomon

Alguém será pendurado no lais da verga.
Lembram do nosso CT que bateu de proa num navio de cruzeiro na Baía da Guanabara? Salvo engano foi o Mato Grosso.
O cara de vez em quando cristaliza, não sei explicar. Sem falar que as reações do navio são sempre lentas.

Burgos

Boa noite;
O navio na época não foi o D34, foi o D 35 CT Sergipe👍

Marcelo Andrade

“Vem, vem, desfaz, vem, vem…vem ver a m…que tu fez!”

Brincadeiras a parte, parece problemas no sistema de propulsão!

Last edited 5 meses atrás by Marcelo Andrade
Bernardo

Eu pensei exatamente nisso kkkkkkk

faltou um flanelinha experiente ali pra evitar o acontecido

Guacamole

A regra é clara: se quem estava frente não ligou o pisca alerta para dar passagem, a culpa é sempre de quem estava atrás.