Caça chinês dispara flares sobre helicóptero da Marinha Australiana em águas internacionais

101

Um caça chinês Chengdu J-10 lançou flares na trajetória de voo de um helicóptero Seahawk da marinha australiana, que operava em águas internacionais. Os flares passaram 300 metros à frente e 60 metros acima do helicóptero, forçando o piloto a executar manobras evasivas para evitar ser atingido.

Este incidente ocorreu no sábado (4/5) enquanto o destróier australiano HMAS Hobart estava envolvido na aplicação de sanções do Conselho de Segurança da ONU contra a Coreia do Norte no Mar Amarelo.

O primeiro-ministro da Austrália, Anthony Albanese, expressou forte descontentamento com o incidente, afirmando que o comportamento da China foi inaceitável e não profissional. Albanese destacou que a Austrália utilizou todos os canais disponíveis, tanto diplomáticos quanto de defesa, para comunicar sua posição a Pequim. Ele também mencionou que a China ainda não havia feito nenhum comentário público sobre o ocorrido.

HMAS Hobart

O ministro da Defesa australiano, Richard Marles, reiterou que o ato do caça chinês poderia ter consequências significativas se o helicóptero fosse atingido pelos flares. Marles enfatizou que a Austrália continuará a participar de atividades legais internacionais, incluindo a aplicação de sanções da ONU, apesar dos riscos apresentados por tais incidentes.

Albanese aproveitou a ocasião para enfatizar a importância do diálogo e da comunicação entre a Austrália e a China. Ele recordou que as relações bilaterais melhoraram recentemente, apesar dos desafios passados, como a suspensão das discussões de ministro para ministro sob o governo anterior da Austrália. Albanese também mencionou um convite feito ao presidente chinês, Xi Jinping, para visitar a Austrália, destacando uma era de diálogo renovado entre os dois países.

O incidente mais recente destaca a tensão contínua nas relações entre a Austrália e a China, especialmente em contextos de segurança marítima e a implementação de sanções internacionais. Essa situação será provavelmente um tópico chave nas próximas reuniões bilaterais e em cúpulas internacionais, onde ambos os líderes esperam discutir e possivelmente amenizar as tensões.

FONTE: CNN

NOTA DA REDAÇÃO: A notícia da CNN Portugal diz que o J-10 teria lançado foguetes, quando na verdade lançou flares.

Subscribe
Notify of
guest

101 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Pablo

Cantem comigo.
Vai da m… vai, vai da m… vai da m… vai…

Victor

vai dar em nada.

Fabio Araujo

Concordo não vai ter troca de tiros, mas uma reclamação formal vai ter, o problema é que sr errar na dosagem de loucura pode dar m.

Miguel Carvalho

Bem podem protestar. Perante a agressão, só a linguagem da força é entendida.

Bem que as democracias podem pensar em formas de o continuar a ser.

Allan Lemos

A ameaça chinesa incentiva a Austrália a ter forças armadas fortes e vice versa. A presença de um inimigo externo é condição sine qua non para que um país seja militarmente forte, sempre bati na tecla de que esse é um dos maiores problemas do Brasil, a ausência de uma ameaça direta perceptível.

Dudu

Ameaça existe. Só oficialmente não declaramos. Planejamos e nos preparamos para tal, o que exige tempo, recursos humanos e financeiros.

DanielJr

O que mais tem aqui é ameaça. Eventos de clima, gangues, vários tipos de máfias e muito mais.

Externamente no continente não tem muita coisa porque todos os países são falidos. Se tivessem alguns recursos, alguns pipocos aconteceriam de tempos em tempos (antigamente aconteciam, eventualmente).

Djalma

Ameaça externa temos a Venezuela, mas a interna mesmo é pior; quetem sucatear das forçar armadas.

André Macedo

Venezuela como ameaça externa? Kkkkkkkkkk ainda estão inflando essa análise sem pé nem cabeça, em pleno 2024? Quantas vezes a Venezuela invadiu o espaço aéreo brasileiro ou algo do tipo?

Alberto Henrique

Primeiro, pensar em saneamento básico, pois metade da população não tem.

Argos

Recursos existem para fazer tudo. O problema é que são investidos em benesses para políticos e poderosos em detrimento do realmente necessário.

Visitante

👍🏼

Last edited 2 meses atrás by Visitante
Machado

Pensa bem. Quais são as maiores ameaças ao Brasil? Quais nações tem o poder de desembarcar tropas aqui? Quais nações tem poder de fazer um bloqueio de portos? Nossas maiores ameaças irão vir do mar. Pensa bem.

RSmith

Inimigos temos sim… a cobiça internacional pelas recursos naturais que temos só não vê quem não quer ver… no tempo “deles” eles irão agir, mais, nesse meio tempo, eles nos permite cuidar do que é deles…

FERNANDO

Deve ter sido um piloto bizonho que não seguiu ordens.

JHF

Ou pode ser o que a China interpreta como suas Águas internas e não “Águas internacionais”. Repetem duas vezes as tais “Águas internacionais” no texto. Por algum motivo será.

Edu

EDITADO:
COMENTARISTA BLOQUEADO.

Sensato

E todo o mar do sul da China é casa deles? Nenhum país ao redor tem direito a ZEE?

IZAILDO Moraes

Com certeza…. bizonho mesmo

Macgaren

Concordo, era para disparar um missel ele disparou flare

Marcelo

Os australianos cheio de coragem apoiados no seu aliado americanos,os chinesses mostrando para os australianos o que vai acontecer se continuar incomodando seu aliado (coreia do norte ).
Tem varios Países que vai na onda dos americanos e se envolvem em problemas dos outros de bobeira.

Fernando

Concordo plenamente

Dalton

Nada a ver com a Coreia do Norte. Os chineses sentiram-se provocados, certos ou não
de haver uma aeronave – apesar de em águas internacionais – próximos do seu próprio espaço aéreo.

Diego Tarses Cardoso

Claro, águas internacionais não são território de um país para disparar contra outro. Atirou para provocar e podia ter dado m…

Rudney

Quer dizer que, na “sua opinião”, a China pode comprar o barulho da Coreia do Norte, mas os EUA não podem fazer o mesmo com a Austrália? Interessante…
.

Antônio Pereira da Silva neto

Perdeu uma grande oportunidade de ficar calado

Leandro Costa

Marcelo, se a Austrália estava agindo sob a égide do Conselho de Segurança da ONU, isso aconteceu porque foi passada uma resolução pelo Conselho. E se a resolução foi aprovada, isso acontece ou com concordância, ou com abstinência, porém com conhecimento da China.

Então a China, apesar de saber que a Austrália estava ali cumprindo aquela missão ainda faz isso. Está completamente errada em vários níveis.

Jagderband#44

Nossa quanta ….

Paulo

A entendi Marcelo!!!!tipo o que a Rússia fez com a Ucrânia em relação OTAN só para mostrar,não que algum dia tenha passado pela ideia da Rússia invadir algum país!!!

DANIEL ALVES E SILVA

Quando criança aprendi que não dá para confiar em terceiros para prover a segurança pessoal. O que me deixa pasmo é que governos presididos por adolescentes de 50 anos não aprenderam isto. Vamos aos fatos? Se a Austrália quer ser polícia do mundo acompanhando os EUA tem de estar disposta a enfrentar as consequências. Galinha que acompanha Pato, morre afogada. Se um país não tem poder naval robusto, não deve se meter em certas situações. A China, Rússia, EUA, Inglaterra, França… São potências militares e nucleares, se você não é, não se coloque em situações que não tem como sair… Read more »

Fernando

Perfeito

JOSE MARIA FURTADO

Comentário perfeito. Porém, li dias atrás que a marinha australiana vai receber alguns submarinos de propulsão atômica. Eles seriam construídos pela França, “pero los americanos ” botaram areia no negócio e a encomenda acabou indo pra eles

Dalton

Os submarinos de projeto francês seriam convencionais não “atômicos” e embora fossem mais baratos e de construção mais rápida, já haviam ultrapassado os limites de custo e prazo causando críticas por parte dos australianos.
.
A Austrália “sempre” quis submarinos de propulsão nuclear e com essa abertura feita pelos EUA e RU não pensaram duas vezes já que são vistos como essenciais não no momento mas daqui 15/20 anos baseados no que se supõe a China terá.
.
Além do mais o “AUKUS” é muito mais do que submarino e a França não poderia fornecer todo o resto.

Dalton

E no caso de países pequenos/pouco populosos como a Finlândia que travou uma guerra corajosa porém curta com a URSS entre o fim de 1939 e início de 1940, perdendo parte do território e literalmente chantageada durante a Guerra Fria caso entrasse para o OTAN o que finalmente só ocorreu quando da invasão russa à Ucrânia ? . Muitos outros países que sentiram-se e foram ameaçados pela URSS com o colapso dela não perderam tempo para entrar para à OTAN provavelmente sabendo que a Rússia poderia eventualmente ameaça-los militarmente, economicamente ou usando de influência dentro de certos setores da população… Read more »

Bruno

Passarinho que acompanha morcego acorda de cabeça pra baixo.

Yuri

Você subestima demais os aliados asiáticos… os EUA preparou eles durante décadas pra fazer frente ao domínio comunista na região e a China sabe muito bem disso.

Wellington R. Soares

Entendo, mas falando de questão militar, Japão e Coreia do Sul seriam um adversário durissimo, mesmo para a poderosa China.
Nesses dois sobram tecnologias, além de possuírem quantidades grandes de armamentos.

Carlos Campos

China nunca vai mandar na Ásia, só se abrir um Buraco que engula Tailândia, Vietnã e Malásia

Alex Barreto Cypriano

Asa fixa de alto desempenho disparando foguetes (não deveriam ser mísseis – já que foguete e míssil não é a mesma coisa – guiados AA?) contra helicóptero, e o helicóptero escapa? Li por aí que foram Flares. Nisso eu acredito…

GuiBeck

Isso. Acabei de falar isso, sem ter lido teu comentário antes.

Dalton

Independente disso Alex, “flares” podem causar danos se atingirem os motores.

GuiBeck

sem dúvida, muito perigoso

Alex Barreto Cypriano

Sim, mestre Dalton. O pelet de magnésio do flare, que queima por 3 a 5 segundos, atinge 2 mil graus Fahrenheit, quase 1.100 °C. Se cair em metal, derrete. Se cair na pele, torra até os ossos. Mas o flare é dispositivo defensivo pra enganar o seeker IR, não é primariamente uma arma, embora possa causar danos materiais extensos e matar. Havia boa distância entre o jato e o Heli de tal forma a impedir o contato deste com o flare. Evidentemente foi atitude no limite da irresponsabilidade e hostilidade pelo jato, mas só.

GuiBeck

Li em outros lugares que seriam flares, não foguetes, o que faz mais sentido. Algum caça decola pra interceptação levando foguetes ??

Alex Barreto Cypriano

Pois é…

Marcos R

Faltou um comandante no Hobart com culhão de mandar um SM2 para cima dele, simplesmente legítima defesa!

RPiletti

Aham… fariam isto no Mar Amarelo? Feito isto, neste momento estaria junto ao submarino Moskva.

Marcos R

Tenho minhas dúvidas que a China iria escalar e sofrer as consequências econômicas disso.

Marcos R

Obs. Comentário válido para a versão “foguetes”, que seriam uma agressão direta, Flares já considero pirotecnia quando usados assim.

Tobyaps

A visão que tenho dessas noticias é que as forças de defesa da china querem mais é tocar o terror, assim como as russetes gostam de fazer razante ao lado dos meios da otam, já o querido lider Xi se encontra com lideranças mundiais e prega “não tratem a China como um inimigo, somos amiguinhos” rsrs aham, sei…

max

Você consegue adivinhar se essas chamadas [águas internacionais] são adjacentes à China ou à Austrália?
Qual deles é mais intruso? A China? Ou a Austrália?

Dalton

Não tem “intruso”. Existem sanções sendo aplicadas à Coreia do Norte e vários países votaram a favor – a China tem uma relação delicada com ela, mas, também enxerga a Coreia do Norte como desestabilizadora – mas, como a China faz fronteira e de certa forma cerca ambas as Coreias, essa proximidade pode causar fricção quando da passagem de navios e aeronaves.

Hcosta

E em missão da ONU o que significa que a China apoiou ou no mínimo não se absteve a este bloqueio

Leandro Costa

Exatamente.

Amadeus

E os USA e Europeus nunca usaram o conselho de segurança para subjugar países? Buscar interesses próprios?

Leandro Costa

Amadeus, se usou, usou com concordância de URSS/Rússia e China(Nacionalista)/China(PCC).

Paulo

Se são ‘águas internacionais’ não existem intrusos.

Amadeus

Qual a distância entre o caça e o helicóptero? Turbina seria mais perigoso. Esse avião deveria ser o rival do gripem no brasil, uns 10 pelo menos.

Bruno

Se levar em conta que a China é uma civilização milenar da região e a Austrália era habitada por povos nativos, acho que os intrusos são os Anglo-Saxões.

Gilberto Bueno

Sanções só para Coreia do Norte, por que não para Coreia do Sul também já que é a outra parte do conflito?

Dalton

Provavelmente porque a Coreia do Sul não merece sanções.

silvom

Porque os EUA não deixam…

Leandro Costa

A pergunta é séria?

Carlos Campos

e a motivação é tirada de onde?

Dante

Acredito que seja principalmente por causa do desenvolvimento e testes de misseis de longa distância, com o propósito declarado de desenvolver armas nucleares. Bem como pelo comportamento belicista do lider norte coreano. Se lembro corretamente, pelo menos um missil de teste entrou em espaço aéreo japonês.

Diego Tarses Cardoso

Rapaz, pode até ter sido tiro de advertência ou provocação, mas se acerta…

Jose Carvalho

Não eram flares?

F Salles

Os australianos são absurdamente inconsequentes com seu futuro… A China esta em uma inquestionável trajetória ascendente no que tange Hard Power (poder militar e 💵💵💵 na sua região periférica. Por sua vez, os EUA estão demonstrando sua incapacidade de reter a fatia de poder no Pacífico que eles ganharam ao derrotar o Império Japonês em 1945. Ainda tem tempo pra os australianos se olharem no espelho e se tocarem que não tem lugar pra criança na briga dos adultos … Mas o certo é que em breve a paciencia dos chineses vai se esgotar e bombardeiros H-6 armados de misseis… Read more »

Dalton

Então a resposta é que o mundo todo deva curvar-se à poderosa China ?
.
Também em breve se verá B-21s em território australiano.

Rinaldo Nery

Se você não tem poder militar para se contrapor a um oponente, fique quieto.

Dalton

Então à Austrália não deve fazer parte de uma coalizão, não apoiar medidas
aprovadas pela ONU e não reclamar de um incidente que poderia ter colocado o helicóptero em risco ?
.
Até os EUA reclamam de incidentes similares quando acontecem com suas próprias aeronaves e navios, porque à Austrália deveria calar-se?

TJLopes

Que bela aula de como não se falar de geopolítica, parabéns.

Wellington R. Soares

Que medo dos —— EDITADO ——

Acorda meu amigo, taiwan está a 200km de distância e a China ainda não tem uma certeza de invasão, se vai dar certo ou não.

Agora imagina pensar em Austrália que está a mais de 5000km ? com muito apoio ocidental, além de equipamentos de ponta (navios, F35, etc…).

Enfim, difícil empreitada da China. No máximo é ficar fazendo ameaças rsrr.

Heverton Ribeiro

Olá F Salles. Espero que você e sua família estejam bem.
Se os Australianos não deixaram se subjugar pelos japoneses na WWW II, quando os mesmos eram donos do pacífico, por que fariam isso agora contra a China.

Fabio C

Se acerta o helicóptero, o caça chinês teria que ser derrubado. Se o chinês não enxergou direito e não sabia onde estava, problema dele. F-35 daria conta do valentão 👍👍👍

Marcos R

Bastaria o sistema AEGIS da Hobart.

IZAILDO Moraes

O Brasil tem que se preocupar em estratégia pra defender nossa pátria.

Paulo

Sugiro as —— EDITADO ——ue se informem corretamente antes de falar bobagens, incidente ocorreu no golfo entre a Coreia e a China, a mais de 7 mil quilômetros da capital da Austrália e próximo ao litoral chinês.
A China está coberta de razão.

marcelo

Sinceramente a CHINA , enquanto o OCIDENTE não der respostas mais duras contra ela, vai se achar o todo poderoso , e depois de tomar o gostinho por isto, VAI SE TORNAR UMA RUSSIA do planeta. Enquanto a tempo acabem com ela economicamente , dexando de comprar dela , seu nariz empenado acaba

RPiletti

Qual o problema da ascensão chinesa? Nós, brasileiros, não perdemos nada com isto e também não ganhamos. Nosso papel de coadjuvante será mantido.

Djalma

Tá na hora de parar de passar pano para esses abusos tanto da China quanto da Russia que recentemente lançou misseis contra a Ucrania, sendo que um deles fez parte do percurso no espaço aéreo da Polonia antes de ir pata o alvo. Pura provocação na certa, como foi o caso do chinês hoje. Queria ver se ao invés de um helicóptero fosse um F22 ou F35.

Alex Barreto Cypriano

Com o perdão dos editores e colegas, tomo a liberdade de compartilhar algo totalmente off-topic mas muito perturbador, ainda mais nessa época atual:
https://www.youtube.com/live/9yNgGqhmrrU?si=18OpXlwpDCH2J0dY
Avance até 13 minutos e assista dali. Talvez a trilogia devesse registrar o fato.

Last edited 2 meses atrás by Alex Barreto Cypriano
Fawcett

Vai lá China, de motivos para a Austrália acelerar o AUKUS e permitir submarinos americanos aportem na terra dos cangurus. Vai dar certinho.

Romel

A Austrália venceria a China facilmente , é só deportar todos chineses da Austrália pra china kkkkkk
Quero ver como a China iria lidar com quase 94 milhões de habitantes em seu território.

Argos

Hã?

BraZil

Romel, meu filho, isso na China tem em parada de ônibus na hora do hush

Albino Costa

Flares são sinalizadores, nada que ponha em perigo a navegação aérea.

Last edited 2 meses atrás by Albino Costa
Fabio Araujo

Esses chineses ainda vão começar uma guerra com essas atitudes! E os russos também correm esse risco pois são muito ousados nas interceptações!

MARCELO MARTINS

Não consigo entender a China: reclama do aumento das forças de defesa do Japão, Coréia do Sul e Austrália e Taiwan, mas ao mesmo tempo, pratica atos quase que beligerantes frente à esses países. Suas ações constantemente desafiam os outros países, principalmente Taiwan! O mesmo se dá com a Coréia do Norte e a Rússia. A Coréia do Norte vive reclamando das sanções comerciais e do cerco da Coréia do Sul, Japão e Estados Unidos, mas as suas ações levam a esse estado de coisas: vivem disparando mísseis que acabam sobrevoando a Coréia do Sul e o Japão. A Rússia… Read more »

Carlos Campos

é só entender pelo que é, hipocrisia

Amadeus

Belo avião na foto

J J

O ocidente perdeu a moral pra impor sanção em quem quer que seja.

José Carlos

Se fosse no Brasil era capaz de convida_los pra um café

Robston

Fácil resolver, acabei derrubando seu caça, não entendi porque ele me atacou, desculpa aí, simples assim

Marcus

Será que o piloto do caça chinês ainda vive se ele fez isso por conta própria?

Anderson Valente Fernandes

Ameaças existem, mas nossos políticos vão entrar num avião e morar em outros países caso isso ocorra. Não se importam conosco. Só ocupam cargos públicos para nós venderem e explorar. Sejam de direita ou de esquerda. Vão sucatear o exército porque existe uma disputa de poder. Estamos sozinhos e vulneráveis.

Carlos Elizio Cotrim

A China está com a razão. Os EUA e sua trupe se acham donos do mundo. Porque a Austrália não vai aplicar as Sanções do Conselho de Segurança da ONU, contra Israel???

Denis Kuiawinski

Eu teria lançado um míssilzinho de volta, pra justificar a contramedida chinesa….estava pedindo…

Sidnei Rodrigues de Pinho

Essa atitude beligerante de Pequim é lastimável e em nada contribui para a manutenção da paz e do diálogo.

José Mendes

A maior ameaça ao Brasil vem da França. Com a desculpa de proteger a Amazônia invasão viria através do Amapá, sendo que este estado faz fronteira com Guiana Francesa.

Last edited 2 meses atrás by José Mendes