segunda-feira, janeiro 24, 2022

Saab Naval

Caças da Marinha Francesa em exercício com fuzileiros navais britânicos

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

SEM - Super Etendard Modernise e Rafale M - foto Marine Nationale

Exercício de apoio aproximado sobre solo britânico é feito a partir da base francesa de Landivisiau

A Marine Nationale (Marinha Francesa) informou que, entre 24 de janeiro e 4 de fevereiro de 2010, caças do Grupo Aéreo embarcado (Groupe Aérien embarqué – GAé) do Navio Aeródromo Charles de Gaulle estão realizando o exercício a “Gallic Marauder”, de apoio aéreo aproximado a tropas em solo, respondendo a um convite dos Fuzileiros Navais Britânicos (Royal Marines) da 3ª Brigada, estacionada em Plymouth e Devon.

Para a realização do exercício, houve acordo com a Real Força Aérea (Royal Air Force – RAF) de modo a permitir que os aviões franceses se integrassem ao tráfego aéreo britânico em seu voo sobre o Canal da Mancha, e para que pilotos da Aéronautique Navale desenvolvessem a interoperabilidade com controladores de ataque britânicos (JTACs – Joint Terminal Attack Controller), aos quais se soma um JTAC francês, do Armée de Terre (Exército). A área de treinamento em solo inglês é o platô de Moore, que tem uma altitude de 600 metros e está localizado 40 kilômetros ao Norte de Plymouth.

A distância que separa a área da base aérea de onde decolam os caças franceses Rafale Marine (Rafale M) e Super Étendard Modernisé (SEM), Landivisiau, é de 240 km. Segundo a Marinha Francesa, os caças, que pertencem às flotilhas  11F , 12F e 17 F, reunem-se na zona de treinamento após 20 minutos de voo e se integram a um cenário tático terrestre seguindo procedimentos da OTAN.

FONTE / FOTO: Marinha Francesa (Marine Nationale)

VEJA MAIS:

- Advertisement -

12 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marco antonio Lins

Ilmo Srs

Entre os tres vetores,o meu preferido é o Rafale!Espero que o presidente não tenha medo das presssões. O Brasil não pode mais esperar, para construir um Gripe NG como eles querem.Se querem ser pequeno que sejam!

Marco antonio Lins

Ilmo Amigo

Aceite minhas cinceras desculpas,foi um equivoco.

Abraço

Carlos Augusto

Caro Nunão, é apenas uma versão do Rafale que serve perfeitamente bem para a necessidade da Marinha do Brasil. Rafale M, feito sobre medida para o A-12.

Abs.

Nunão

Segundo a Dassault, via Correio Braziliense, é. Vide sexto link de cima para baixo, no final da matéria.

Mas não foi feito sob medida do A12 não. Opera com restrições. Mas a principal restrição mesmo é a do orçamento e das prioridades da MB… A4 / AF1 deverá ser a realidade do A12 por muitos anos.

Rosan Amaral

Acredito que o Brasil (END) e a Marinha do Brasil têm que planejar novo porta-aviões, inclusive para hospedar futuros FX2 ou FX3. Este desatre ocorrido no Haiti demonstrou a diferença e a necessidade de estruturas de deslocamento rápido. Acredito que o SP é apenas para aprender e treinar equipes.

Carlos Augusto

Esses dois citados ai, são da decada de 50 e 60, são aeronaves para museu, o A-12 merecia algo melhor, um Rafale F1 por exemplo.

Abs.

Felipe Cps

O Rafale M só opera no Opalão em configurção ar-ar, ou seja, a meia-bomba (e mesmo assim acho que precisaria de sky jump). Não é avião para o A-12. Aliás, é o A-12 que não é Porta-Aviões para o Rafale nem para nenhum avião de combate moderno. Nem para o Brasil.

Sds.

Mahan

Bela foto! O Super Etandard sempre é destaque nas operações aeronavais!

carl94fn

Nosso A-12 é só para treinamento em caso de guerra ele é alvo fácil, desculpem, mas na minha opinião seria jogar dinheiro fora coloca uma aeronave tão poderosa em porta-aviões meia boca como o A-12, porem gosto da idéia de alguns Rafales ou outro que vença o FX-2 para a marinha, mas para ficarem em terra firme. Os A-4M já tão de ótimo tamanho para o A-12, os pilotos serão bem treinados para aí sim com um porta-aviões que atenda as novas necessidades comprar aviões de real capacidade.

sds

Giordani RS

Lindíssima foto! Já vai para a minha seção “Papeis de parede”…como eu gostaria de ver uma foto de um Sea Harrier com um Rafaele M…

Publicidade
- Publicidade -
Parceiro

Últimas Notícias

Dois porta-aviões dos EUA entram no Mar da China Meridional para ‘combater influência maligna’

Dois grupos de porta-aviões dos Estados Unidos entraram no disputado Mar da China Meridional para treinamento, disse o Departamento...
- Advertisement -