quinta-feira, maio 26, 2022

Saab Naval

JMSDF versus ROK Navy

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Clicando no infográfico abaixo, é possível observar a quantidade e a qualidade de meios disponíveis na Força Marítima de Auto-Defesa do Japão (JMSDF) e na Marinha da Coréia do Sul (Republic of Korea Navy). Comparem o número de escoltas e de submarinos de ambas as Forças com a Marinha do Brasil.

jmsdfxrokn.jpg

- Advertisement -

60 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
60 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
camberiu

Apesar da JMSDF ter mais recursos materiais que a ROKN, creio que a grande diferenca entre as duas marinhas esteja mesmo na qualidade de pessoal. A JMSDF e’ considerada, inclusive pela US NAVY, como uma das marinhas que possui o melhor quadro de pessoal nos seus ranks. Em termos de doutrina, adestramento e qualificacao de pessoal, a JMSDF esta em um patamar completamente diferente da ROKN e da maioria das outras marinhas do mundo.

edilson

obrigado galante, agora vou me sentir ainda mais inferior…
mas claro alguém aqui vai dizer….
pera ai eles são vizinhos da china da rússia, são invadidos por alienígenas e o brasil nãó tem os mesmos problemas…
enquanto isso nossa marinha se prepara para rivalizar a do vaticano…

edilson

PS: muito oportuno e bom o seu post…

Roberto

quanta maldade Edilson, a marinha do Vaticano…
a MB esta se preparando sim, mas para se rivalizar com as poderosas e mortiferas marinhas da Bolivia e do Paraguai… rsrsrsrs

Raphael

camberiu,
Concordo com voce, o JMSDF atrai o melhor do japao:

rsrsrsrs

CorsarioDF

Pessoal, o território Japonês e Sul Coreano é infinitamente maior do que o Brasil, isso sem contar a grande reserva de petróleo e aqüiferos que esses dois países possuem, o Brasil não precisa de uma força naval destas, pois não temos nem “mar” pra vigiar…
Nossa realidade é simplesmente ridícula!!!

André

Eu não imaginava que a Marinha do Japão tivesse esssa quatidade de meios! Tb concordo com vc, camberiu. Todo aquele que já teve contato com a marinha japonesa e o seu pessoal diz duas coisas: os seus navios são muito bem mantidos e o seu pessoal é de uma discplina e preparo acima da média.

McNamara

Calma pessoal, a Inteligência da MB detectou que as maiores ameaças são as Marinhas de Lesotho, Swazilandia e Bangladesh. Para tanto, o Parnaíba já está apto a patrulhar nossa imensa costa.

camberiu

Algumas ponderacoes antes de se comparar a Marinha desses paises com a do Brasil: Coreia o Sul – Populacao: 50 milhoes PIB: US$ 1 trilhao (quase identico ao PIB do Brasil) A Coreia do Sul esta em estado de GUERRA coma Coreia do Norte e esta cercada de inimigos em potencial, como a China e o Japao. Japao – Populacao: 120 milhoes PIB: US$ 4.8 trilhoes (quase CINCO vezes o PIB do Brasil) O Japao esta cercado de inimigos em potencial e tem o seu espaco aereo e maritimo invadido quase que diariamente por forcas da Coreia do Norte, China… Read more »

Marko Ramius

OK, Camberiu.
Então que a MB seja igual a ROK Navy, já que o PIB é o mesmo.
Afinal, não temos inimigos, mas possuímos imensas vulnerabilidades estratégicas. E a MB é sucata flutuante perto dos navios dessas Marinhas.
Esquadras não se improvisam. Temos que pensar hoje, a Marinha que queremos ter em 2030/2050.

Marko Ramius

Alguém aí percebeu o tamanho dos navios tanques da JMSDF, AOE 425 e 426?

Edilson

Senhor camberiu. respeito seu ponto de vista. mas por esta ótica não poderiamos comparar ninguém com ninguém. então vamos lá. 1- qual o pib da china, rússia e india? o problema é que além de pouco recurso os orçamentos são gastos com sucatas reformadas. vejam o exemplo do A-4, quando comprarm eram uma maravilha 10 depois temos 2 voando… não teria sido melhor ter investido num treinador e manter os pilotos ativos em parcerias com outras forças? 2- façamos o seginte, pegue pib destes países e relativise a capacidade bélica comparando o brasil com eles, exemplo se temos dinheiro somente… Read more »

Edilson

embora o japão tenha 5 vezes o pib do brasil nossa marinha sequer possui 5 vezes menos o poder dissuasivo da do japão.

Tiago Jeronimo

Camberiu falar com a voz da razão aqui agora é ser anti-patriota ou anti-militarista, concordo totalmente quando você fala que esses dois paises não podem ser usados como ponto de referência, assim como não podem a Russia, India ou China, eles acham que porque nós fazemos parte dos BRIC isso nos da a capacidade de nos comparar em todos os outros aspectos além do aspecto econômico com esses paises. O problema é que o pessoal não baseia seus comments aqui na racionalidade, é só com o coração, eles falam como se o exercito brasileiro fosse um time de futebol e… Read more »

Marko Ramius

Já vi que o Tiago Jeronimo é daqueles que querem transformar a MB em guarda-costeira…

Edilson

Senhor Tiago jeronimo. fui militar e sei bem o qqual o grau de comprometimento dos nossos militares com o país. em momento algum comparou-se o nosso exército à um time de futebol. ao contrário, sempre vemos aqui no blog elogios e orgulho de nossos militares. no entanto, não podemos deixar de mostrar a realidade, o que se passa é que nosso país tem sim que ser comparado, pois a 8ª economia do mundo vai ter que se confrontar com o peso disso num futuro próximo. todos aqui estão cinetes dos problemas que temos em nossos vizinhos, mas estes são só… Read more »

Paulo

Não podemos nos comparar ao Japão ou a Coréia mesmo. Esses são países. Já aqui, no nosso “vilarejo”, nosso amontoado, nossa vila, nossa “ilha de lost da fantasia” não precisamos de nada não… E já pululam os argumentos para defender o inacreditável (imagino nos EUA o cara falando em sucatear as FAs e que isso não seria o fim do país): ora, mas se investir em FAs não vai poder pagar os juros internacionais! Ou: vai “parecer que queremos dominar o continente”! Ou: vamos ter de parar de pagar a bolsa compra voto…. Que alguns acreditem que temos um pais… Read more »

Rodrigo Rauta

Edilson, assino dez vezes em baiso do que vc falou.Queria ser piloto, mas por falta de coragm de correr atras e um problema visual não pude conseguir oq queria! Falar que não podemos comparar as forças de japão e coreia com as nossa pelas condiçoes de cada pais e querer tapár o sol com a peneira. E não so as marinhas, tanta as forças aereas e os exercitos são extremamente bem equipados.O problema e que aqui sempre se falou que nos “somos pacificos e sem inimigos”, então pra que forças armadas? Acaba logo com isso! O que falta aqui e… Read more »

camberiu

Interessante essa relacao binaria que se estabelece aqui nesse site: Ou e’ a marinha igual a da Coreia/Japao ou e’ a MB sucateada de hoje. Senhores, nao e’ 8 nem 80! Sem duvida a MB nao esta adequadamente equipada e preparada. Isso ninguem disputa. Entretanto, na conjuntura atual, nao so nao precisamos de uma marinha equiparavel a JMSDF, como tambem nao seria financeiramente sensato faze-lo. A Coreia do Sul tem o PIB do Brasil, mas tem 1/4 da sua populacao e uma area terriorial que e’ a METADE da do Estado de Sao Paulo. Ou seja, proporcionalmente, e’ um pais… Read more »

Marko Ramius

Camberiu, proponha então a “marinha meio termo” entre 8 e 80 e comente o outro post, do desaparecimento da Esquadra em 2025, caso sejam mantidos os cortes de verbas atuais.
O que acontece é que você tem uma conhecida posição pacifista (é membro do Greenpeace?) e nunca propõe nada de concreto. Só polemiza.

Alfredo_Araujo

Eu axo o seguinte…
Se for para ter uma politica externa agressiva, onde o governo brasileiro faz valer os interesses do Brasil, ai sim!! Defendo ate q tenhamos misseis nucleares se for preciso!!

Mais se for fazer politica externa como a de hj em dia, em q nossos politicos fazem média com Deus e o mundo colocando os interesses das empresas e cidadaos brasileiros em ultimo lugar, eu concordo em sucatear a frota inteira!!!

AJS

Parabéns Cambériu.
Permita-me fazer minhas, suas palavras.

Matheus Felipe

Camberiu,
faltou outro dado estatístico em sua pesquisa, o índice de corrupção nesses dois países. Para se ter uma idéia no Japão quando corruptos quando são descobertos na marioria das vezes suicidam-se pois os japoneses tem um valor que se chama HONRA.
Se esse valor fosse válido para os políticos do Brasil, penso eu que Brasília estaria deserta. rsss

Delfin

Calma pessoal, A MB esta tratando de se modernizar, falta apenas mais alguns meses para tudo se definir, a lista de compras já esta pronta, falta só assinar. 10 FG FREMM 4 SSK Scorpene 12 Sea Hawk 12 modernização de 12 A-4KU 17 EC725 12 Modernização de 12 Super Lynx Modernização do São Paulo Modernização das 3 Type 22 Bach I ex-Royal Navy Modernização das 3 corvetas classe Inhaúma Aquisição de 8 S-2 Tracker Turbo sendo 3 para função AW&C e 5 para funções de apoio (transporte e reabastecimento) Aquisição de 1 NDD classe Austin Aquisição de 1 novo navio… Read more »

Coralsea

Oi Delfin:

Na sua lista sobre o NDD da classe Austin…você tem certeza sobre essa compra? Nunca lí nada a respeito….são navios bem velhos, muito gastos e com uma tripulação imemsa….

Julio

Caro Delfin, devemos ter muita calma e paciencia, pois, pode ter certeza que dessa lista nem metade será implementada por falta de verbas…e a outra metade será com prazos a perder de vistas…não sou pessimista, mas, é o que vejo há anos acontecer…gostaria que fosse do contrário.

Bonifácio

Senhores,

Quanto à discussão em torno do PIB, o que vale, ainda mais em termos militares, é o PIB traduzido em PPP(Purchasing Power Parity), que reflete o poder de compra real.
Nesses termos o Brasil assume outra dimensão. Vai aqui o ranking do ano passado;

EUA – 13,8
China – 6,99
Japão – 4,2
Índia – 2,98
Alemanha – 2,8
Reino Unido – 2,31
Rússia – 2,0
França – 2,0
Brasil – 1,85
(14)Coréia do Sul – 1,2

Mas não esqueçam que o Brasil tem um potencial económico muito maior que o dos outros países.

Nunão

Ramius, comentando sua afirmação “Então que a MB seja igual a ROK Navy, já que o PIB é o mesmo.” Se não dá pra ser igual, que pelo menos se concretize o pacotão KDX II + Pohang… Um pouco do que se tem que pensar hoje para os próximos 30 anos seria resolvido de imediato, no curto prazo, dando tempo pra começar a construir sucessores de médio e longo prazos. Em parte a MB ficaria parecida ao que a ROK Navy era até pouco tempo e em parte ficaria parecida ao que ela é hoje… Obs: se somar as 24… Read more »

Bonifácio

Por outro lado, queria acrescentar algo. Há que se ter em conta que o setor informal no Brasil é muito maior que o dos outros países da lista. Nos países da lista, a média da dimensão do setor informal é de 10 a 15% do PIB. Na Itália, que está abaixo do Brasil, chega a 30%. No Brasil é de cerca de 60%.
Assim, a verdadeira economia brasileira deve estar à frente do Reino Unido e abaixo da Alemanha.

Marcelo R

Nao adianta viajarem na maionese, o trabalho para se construir um força naval do tamanho da Japonesa ou da Coreana depende de mais de 30 anos de investimento pesado e tecnologia e de “VONTADE POLITICA” quando não ha vontade politica não ha mais nada.

Delfin

vontade política há o que nem sempre existe são os recursos necessários. Nesses países a defesa é questão essêncial para a manutenção do estado nacional, além disso constituem estado bastante antigos e avançados em termos sócio-econômicos. O Brasil é um país novo com menos de 200 anos de autonômia política e pouco mais de 100 anos de trabalho livre (até quase o final do século XIX vivíamos numa sociedade escravocata!) portanto já avançamos muito em diversos aspectos podendo hoje nos apresentarmos como uma potência econômica emergente, contudo são muitas as carências em termos socioeconômicos são enormes, por outro lado vivemos… Read more »

Mahan

A marinha da koreia ficaria de bom tamanho para a MB,não? acrescentando NAe e SSN. Como que a Koreia, até os 70´um país pobre deu este salto espetacular? Neo-liberalismo? Capitalismo (decadente?). Porque eles, com PIB menor que o nosso,possuem uma força naval moderna e muito melhor equipada que a nossa?

Matheus Felipe

Vocês estão falando muito em “PIB deles é igual ao nosso”
mas não se esqueçam da populaçao de la, o Brasil tem praticamente o TRIPLO da Coréia do Sul, portante esse argumnto de PIB igual em ambos acho que não é válido.

João-Curitiba

Prezado Mahan
O salto espetacular da Coréia do Sul foi possível pelo investimento maciço em educação.

Baschera

O que verdadeiramente separa as nossas pretenções de marinha das destes dois países é o seguinte : Coréia do Sul e Japão foram mandados de volta à idade da pedra lascada em duas guerras, uma regional e outra mundial. Toda nação cuja população passa por este estado de coisas, transmite o sofrimento e humilhação passado para as gerações futuras e estas se encarregam de manter o seu estado de alerta e consequentemente de provisionamento militar compatível com suas posses e pretenções de não mais passar por tal infortúnio sem pelo menos infringir dano de igual monta ao seu oponente. Simples… Read more »

Nelson Lima

Tenho dúvidas de que virão 10 FREMM. Na época da aquisição das Niterói, pretendia-se 10 fragatas e vieram 6. Acho que virão no máximo 6 FREMM

Mahan

Matheus,então teríamos que compar quantas vezes a população chinesa e indiana é maior que a Brasileira. Mesmo assim eles investem tanto em defesa quanto a Koreia. Exatamente João, educação. Mas, adianta só a educação quando não há alimentação adequada,saúde, trabalho,moradia e principalmente cultura (não contra-cultura)? De onde veio o dinheiro para estes investimentos?

Tiago Jeronimo

Camberiu não adianta argumentar, eles “torcem” pras forças armadas não conseguem usar a lógica e raciocinar direito, é como discutir politica e religião e o mais engraçado é que os comments após o meu só provam o meu ponto. Quero saber onde nós dissermos que não queriamos que as forças armadas fossem deixadas pra lá, ou que somos pacifistas. Eles são uma graça se achando tão “patriotas” querendo que o Brasil gaste 100 bilhões por ano para chegar no nivel dos outros BRIC’s. Eles devem viver em condominios fechados e não ler as noticias do nosso pais, de que adianta… Read more »

João-Curitiba

Mahan Você lembrou bem. Precisamos também de saúde, trabalho, moradia, alimentação, cultura… E isso só é conseguido de duas formas: ou nos dão ou nós conquistamos. Como ninguém dá nada a ninguém, um povo que recebe educação na verdade ele está aprendendo a pescar. Alguém instruído recebe um salário maior, se cuida melhor, tem mais consciência social. A consequência é mais dinheiro no bolso, que traz junto alimnentação, habitação, saúde, o que desonera os gastos públicos em ter que sustentá-lo via SUS e bolsas e auxílios diversos. Cria um mercado interno forte, com mais empregos, mais empresas e mais arrecadação.… Read more »

Alte Makarov

Algumas consideraçoes para os camaradas: O BRASIL POSSUI UM DOS MAIORES ORÇAMENTOS MILITARES DO MUNDO! Algumas fontes de estatísticas, como o NationMaster, colocam o Brasil dentre os dez maiores orçamentos. Agora , sendo assim, porque não estamos entre as dez maiores potências militares, em termos de pessoal, tecnologia, equipamento????? Por que, meus camaradas, os gastos das Forças Armadas Brasileiras se perdem em um verdadeiro BURACO NEGRO DE PAGAMENTOS DE PENSÕES!!!! Num país como o nosso, eu considero este sistema de pensões uma tremeda injustiça com o resto da população. MAs é isso aí, os Generais, Almirantes e Brigadeiros preferem garantir… Read more »

paulo

Então é simples! Transfiram todos os pensionistas das FAs pro INSS, os soldos e salários pro funcionalismo federal e determinem que o orçamento das forças é só para reequipamento e manutenção de material. Essa seria a saída mais acertada. O militar nada mais é que um funcionário público federal, então seu soldo/aposentadoria deve vir do orçamento geral do funcionalismo ou do fundo geral do INSS e pronto. O orçamento das forças deve ser gasto só com material e reequipamento. Ou melhor, façam tudo isso e reduzam 1% o superavit primario, transferindo esses recursos diretamente para reequipamento e manutenção anualmente e… Read more »

rodrigo rauta

Delfin, até gostei da lista, mas ia eu pergunto….pq comprar 3 escoltas usadas e não acrescentar mais 4 FREMM as 10 previstas? ia ser bem mais logico neh…e em vez de modernizar os a-4 , compramos um lote de 16-20 F-18 C/D usados dos EUA.E em vez de modernizar as 3 type 22 e 4 inhauma…construir logo mais 9 barroso! teriamos 14 FREMM e 10 Barroso…seria bem melhor e mais logico!!!
Mas enfim…até sair a lista real…isso so fica na vontade…ehehehehe!

João-Curitiba

Prezado Paulo O seu ponto de vista é interessante, mas cabem algumas observações: Essa idéia de passar para o INSS ou para o Orçamento Geral da União não foi concretizada porque daí todos os funcionários públicos e até mesmo os empregados da iniciativa privada iriam pleitear na justiça os benefícios que o Alte Makarov denunciou. Quanto a dar isenção fiscal é um problema, pois os estados não aceitam abrir mão do ICMS. Para poder zerar impostos nos produtos destinados à exportação, o Governo Federal precisa ressarcir os estados (Lei Kandir se não me engano). Chegaram a ser criadas as ZPEs… Read more »

Mahan

Sim,João. Apenas que, conforme vc ironizou, DEFESA E SEGURANÇA, em nivel municipal,estadual ou nacional, não são requintes secundários, são requesitos primordiais para que as outras condicionantes do desenvolvimento se realizem.

Delfin

Um dos problemas é a falta de controle do Estado sobre a execução do orçamento das FFAA e a própria estrutara dessas instituições. Por Exemplo: Por que o EB possui uma rede deescolas de ensino fundamental e médio (diga-se de passagem de excelente nível)? Esta rede não poderia ser repassada para o Ministério da Educação e serem qualificadas como são as Escolas Federais (Dom POedro II por ex.) não seria mais lógico? Quanto é gasto do orçamento da Força para isso? Por que cada força mantém uma rede de saúde independente? Não poderia ser integrada evitando a redundância de gastos?… Read more »

FABIO SOUTO.

amigo delfin o senhor pode nos falar se compras de navios por
oportunidade já está acertado pela MB? quais fragatas usadas
a MB trará tipo-23 inglesa? serão 3 fragatas?

[…] poder de combate do destróier de US$ 1 bilhão de dólares da Marinha da Coréia do Sul fica bem demostrado no brasão e no “patch” do […]

[…] múltipla”, é bom dar uma olhada no Dokdo, o novíssimo navio de assalto anfíbio da Marinha da Coréia do Sul (ROK Navy). Ele foi lançado ao mar em julho de 2005 e incorporado exatamente dois anos depois. Ele é o […]

[…] a produção de mísseis antiaéreos Standard SM-2 Block IIIA e IIIB, para as Marinhas de Taiwan, República da Coréia e Japão. O SM-2 emprega orientação dupla por infravermelho e radiofreqüência, para derrotar as […]

[…] ROK Navy lançou ao mar hoje seu segundo destróier Aegis da classe KDX-III, o Yulgok Yi I (DDG-992), no […]

- Publicidade -
Publicidade
Parceiro

Últimas Notícias

Navios de guerra britânicos podem ser enviados para quebrar o bloqueio de Putin aos portos do Mar Negro

A Grã-Bretanha está coordenando com seus aliados um plano potencial para enviar navios de guerra ao porto de Odessa,...
- Advertisement -