Home Noticiário Internacional Marinha do Chile só perde para a MB na AL afirma almirante...

Marinha do Chile só perde para a MB na AL afirma almirante chileno

3349
35

Militar também destacou a preparação profissional da força, uma das “melhores do mundo”

O chefe da Marinha chilena, o almirante Rodolfo Codina, afirmou que a força armada de seu país está entre as maiores do mundo e que apenas o Brasil têm uma esquadra maior na América do Sul.

“Quanto à preparação profissional estamos entre as melhores do mundo; por emprego dos instrumentos não temos nada a invejar a OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte); pela quantidade dos instrumentos, a marinha brasileira é maior, mas temos a segunda mais numerosa da América do Sul”, declarou em entrevista ao jornal local El Mercurio.

Consultado sobre o reforço da defesa da soberania na região norte do país, após a demanda judicial do Peru frente Corte Internacional de Haia pela demarcação da fronteira marítima o Chile, Codina assegurou que seu país não mudou em nada seu “sistema de controle”, segundo ele, “exercido como sempre”.

“Também não houve nenhuma oposição quando (peruanos) ultrapassaram o limite marítimo e foram presos. Há pequenas embarcações peruanas que, quando atravessam o limite marítimo, informam que não pescarão em nossas águas, e apenas cruzam rumo ao sul para pescar em alto mar”, acrescentou Codina.

O chefe da Marinha, que deixa o cargo este ano, foi o primeiro representante desta força em seu país a visitar a Bolívia e navegar pelo Lago Titicaca (entre Peru e Bolívia) com um típico traje do planalto andino.

Ele também se referiu sobre a potencialidade que a cidade argentina de Ushuaia está adquirindo. “Essa é a opção escolhida por cada país e escapa à Marinha. Criamos Puerto Williams como base naval para exercer a soberania, mas este cresceu depois do nosso quase conflito com a Argentina (1978). Não houve necessidade de ter barcos de guerra, como tínhamos antes, então a Marinha se ocupou da gestão marítima e uma estação de salvamento marítimo”, declarou.

FONTE: Ansalatina

35
Deixe um comentário

avatar
34 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
24 Comment authors
GiovanniJuan Carlos Pérez.lucianoLuís Eduardo de S. CabralSérgio Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
trackback

[…] Fonte: Poder Naval […]

marujo
Visitante
marujo

Perde em quantidade de meios, bem entendido. Quanto à qualidade…

André
Visitante
André

Perde em quantidade, contudo o tamanho do Brasil e o seu litoral, bem assim a área de interesses no mar, são muito superiores ao do Chile. Logo, podemos concluir, que, talvez, hoje, digo hoje, eles estejam melhores do que nós.

Giovanni
Visitante
Giovanni

Se pensar dessa forma o Japão tem a maior marinha do mundo

Virtualxi.phalanx
Visitante
Virtualxi.phalanx

Perde por enquanto…. por enquanto.

Mabill
Visitante
Mabill

Pela qualidade dos equipamentos recebidos recentemente acho que eles nos superam facilmente; parece que os anos em que o cngresso ficou fechado permitiu uma organização do país feita por técnicos e quando o congresso foi reaberto os eleitos não possuiam vinculos anteriores nem interesses pessoais, os novos eleitos estão focados no interesse da nação e não nos conchavos e falcatruas que vemos nos nossos parlamentares; bom para eles e espero que sirvam de exemplos a outros no continente. Sds.

Marcelo Tadeu
Visitante
Marcelo Tadeu

Acho que quando analisamos as duas Marinhas, devemos levar em consideração não só o número de meios em relação ao tamanho das águas juridicionais, mas tb, o apoio logístico de uma industria (AMRJ), a construção de meios, aquisição de tecnologias, treinamento, participação em grandes operações, aviação naval, independência de manutenção e tecnológica, orçamentos, Fuzileiros Navais,etc. Considero a Marinha chilena bem equilibrada no quesito meios/área de interesse, com navios modernos, mesmo de segunda-mão e tripulações bem treinadas, mas acho que ela terá pesadelos logísticos futuros com tantas classes diferentes de navios. O que vcs acham?

sds

DORNIER
Visitante
DORNIER

experiencia da marinha Brasileira e participacao em acontecimentos reais como 1 guerra Mundial(PATRULHANDO O CANAL DE SUEZ) e segunda guerra mundial faz o Brasil
muito mais do equipamentos etc em outras palavras somos completos
coisa que os Chilenos tao bem distantes com briguinhas locais e treinos com US NAVY E OTAN
MB EA MELHOR DA AMERICA LATINA nao so eu que falo eu report da cia pro governo americano
abracos

gaspar
Visitante
gaspar

com certeza NO PAPEL somos os melhores…
mas na pratica acho que esta equilibrado…

Dalton
Visitante
Dalton

Dornier,

apenas uma pequena retificaçao: o Brasil nunca patrulhou o canal de Suez.

O amigo nao estaria confundindo Suez com o estreito de Gibraltar ?

sds

marujo
Visitante
marujo

Acho ótimo os novos Scorpenes e as escoltas de 6 mil t, estas com construção planejada para depois de 2011. Mas, enquanto isso, seria bom uma meia sola de unidades usadas, mas tecnologiacamente superiores às que a MB opera hoje. Não é bom o desequilibrio pendendo para o lado do maior país da América do Sul.

João da Botas
Visitante
João da Botas

Não se preocupem, os camaradas já estão tramando uma modificação da Lei do Cobre para deixar as FFAA Chilenas no mesmo………nível…………..das Brasileiras.

marlos barcelos
Visitante
marlos barcelos

O Brasil é e continuará sendo a principal força armada da américa do sul, sem chances para o Chile. eles tem 2 submarinos nós temos mais que o dobro, eles não tem naes, não tem misseis anti-radares, nem awacs, então está longe de ser competidor do Brasil, apesar de investirmos pouco, mas nosso PIB permite nosso baixo investimento e mesmo assim sermos a maior potência da américa do sul.

Patriota
Visitante
Patriota

Acredito muito no potêncial da MB, temos um grande numero de belonaves comparado com outros países da AL , oficiais bem treinados
e etc.
Agora números não vencem guerras, precisamos modernizar nossos
meios para garantir que nossa marinha desempenhe sua função com
o maximo de eficiência e potêncial.

marlos barcelos
Visitante
marlos barcelos

Patriota

concordo com vc mas os nossos submarinos e awacs são bem modernos.precisamos modernizar todo o resto, apesar dos navios da classe niteroi serem bem modernos, precisam apenas de um radar 3d, mas oem breve terá, creio eu, pq nós começamos a fabricar.

Zorann
Visitante

Se continuarmos com os planos em andamento, poderemos sim continuar a ser a mais bem equipada Marinha da América Do Sul. Porém não podemos deixar de nos equipar e manter nossos meios em atividade. Com novas escoltas, novos navios de patrulha e uma frota prometida de 9 novos submarinos ( 4 Scorpene + 2 opções + 3 SubNuc), manteremos nossa supremacia ainda por algumas decadas. Não gosto de política e não quero entrar em polêmicas a esse respeito mas, parece que teremos que torcer por Dilma na próxima eleição para podermos garantir a continuidade destes projetos. Sugiro aos administradores deste… Read more »

marlos barcelos
Visitante
marlos barcelos

Zorann

nossos scorpenes não terão AIP, considerado muito barulhento pelos espanhois, o sistema francês de AIP se chama MESMA.

Zorann
Visitante

Entao eles virão com o MESMA?

marlos barcelos
Visitante
marlos barcelos

Zorann

não.eles não virão com o MESMA. MESMA é o nome do sistema de AIP francês, e o scorpene não terá o AIP.

Piramboia
Visitante
Piramboia

Proporcionalmente, pelo nº de habitantes e território, o Chile nos supera. O mesmo quanto à Força Aérea e Exército.
Não acho que estamos na MESMA m.., digo, mesmo nível (êta trocadilho infeliz!!!!)
Sds.

Zorann
Visitante

Mas nossos subs sem o MESMA parece ser um grande erro

Giovani
Visitante
Giovani

Do jeito que a coisa anda pra MB daqui a pouco perderemos até pra Marinha do Afeganistão, “opá o Afeganistão não tem Marinha”.

Tome tento Lula!!

Su 99
Visitante
Su 99

Me parece haver um equívoco ao falar da área maritima chilena, como sendo ‘muito’ menor que a do Brasil, sem dúvida o litora brasileiro é maior que o chileno, más a diferença não é tão grande assim. A linha costeira do Brasil tem 7.408 km de extensão, sem considerar todas as suas reentrâncias (golfos, baías, etc…). A linha costeira chilena tem 6.435 km de extensão, sem considerar todas as suas reentrâncias (golfos, baías, etc…). Ou seja, a linha costeira do Brasil é somente 15,12% (ou 973 km), maior em extensão, do que a do Chile. Como o Chile também tem… Read more »

Su 99
Visitante
Su 99

Me parece haver um equívoco ao falar da área marítima chilena, como sendo ‘muito’ menor que a do Brasil, sem dúvida o litoral brasileiro é maior que o chileno, más a diferença não é tão grande assim. A linha costeira do Brasil tem 7.408 km de extensão, sem considerar todas as suas reentrâncias (golfos, baías, etc…). A linha costeira chilena tem 6.435 km de extensão, sem considerar todas as suas reentrâncias (golfos, baías, etc…). Ou seja, a linha costeira do Brasil é somente 15,12% (ou 973 km), maior em extensão, do que a do Chile. Como o Chile também tem… Read more »

Edilson
Visitante
Edilson

As afirmações do Almirante são verídicas no meu ponto de vista.
O chile aos poucos vem construindo um sistema de defesa invejável aos países sul americanos, com capacidades superiores ao meu ver à países hoje membros da OTAN, não sitarei nomes para não criar polêmica.
mas de fato eles estão anos luz a frente de muitos que outrora eram as potências do cone-sul.
parabéns ao Chile a Marinha e aos responsáveis pelo plano de reaparelhamento Chileno

Jonas Rafael
Visitante
Jonas Rafael

Hmmm, o Chile não possui AWACS? Tenho a impressão de que eles mandaram um E-3 Sentry pra operação Cruzeiro do Sul uns anos atrás. Será que minha memória me trai?

Jonas Rafael
Visitante
Jonas Rafael

Hmmm, minha memória me traiu mesmo, será que era um KC-135? Podia jurar que tinha um AWACS naquela CRUZEX e não era nosso (nem da França)

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

O Chile nem ao menos fabrica suas munições navais. O único país da AL que possui uma fábrica deste porte é o Brasil. Nossos sensores estão sendo nacionalizados pela ATECH em parceria com a EMGEPRON.

Noel
Visitante
Noel

Jonas Rafael, o Chile nunca possuiu um E-3, o que vc viu era francês; a FAC opera, ou operava, um 707 AEW, recebeu recentemente um 767, e também opera KC-137; não ando muito atualizado com minhas informações, mas se vc tiver saco de pesquisar, descobre fácil a situação atual da FAC.
Sds

Giovani
Visitante
Giovani

Se não me engano o Chile foi o primeiro país da América Latina a operar uma aeronave AWACS, um B-707 modificado batizado de Condor, mas não sei se ainda está operacional.

Concordo com o Edilson, aos poucos o chile vem criando um sistema de defesa invejável, com vetores modernos.

F-16 novos, mísseis AMRRAM os mais modernos da AL, Super Tucanos, Submarinos Scopene, Fragatas Type 23.

Marcelo Tadeu
Visitante
Marcelo Tadeu

Su-99, vc ainda esqueceu da Ilha de Pascoa que pertence ao Chile.

sds

Sérgio
Visitante
Sérgio

Vamos racionalizar alguns pensamento de ordem política, aproveitando a deixa do Almirante político chileno. E para saber, detesto politicos. Muitos criticam o governo Tucano, mas o FHC tinha familiar direto Milico, dependia seu sustento de tal, conhecia os meandros, assim como o Mercadante do PT na mesma situação. Alkimin e Serra implantaram um reequipamento da polícia paulista sem tamanho e o Aécio também, o que o “sapo” está fazendo nada mais é do que o desenvolver natural, fruto de infraestrutura implantada no passado, com o ensino incentivado até nos governos militares (IME,CTA,Engepron) e implantação de parque industrial. Acho q Dilma,… Read more »

Luís Eduardo de S. Cabral
Visitante
Luís Eduardo de S. Cabral

Não sou militar, não sou politico e estou afastado desses assuntos. Para mim não interessa saber qual a Marinha mais poderosa. O que me interessa é a construição e manutenção dos navios, tanto para a Marinha de Guerra ou para a mercante. A verdade é que a construção naval precisa de encomendas, os estaleiros não podem parar por falta de serviço. A construção de um navio e sua posterior manutenção gera muitos empregos e impostos, isso sim que interessa.

luciano
Visitante
luciano

Pessoal esses paises que fazem fronteira com o brasil gastão em milhão o brasil gasta em bilhão . vivem pedindo ajuda para o brasil agora vem alguns barsileiro tem que saber é que o é e muito superior .

Juan Carlos Pérez.
Visitante
Juan Carlos Pérez.

Me parece que discutir armamentos não é mesmo algo que nos vai trazer algum progresso, o que realmente importa é como vamos barrer a corrupção dos nossos governos, isso sim é urgente e necessário. Que um tenha ou não tenha armas suficientes para atirar no outro , é para lá de desnecessário , o importante hoje é que nossas nações decolem para um futuro más digno e com progresso sustentável. Uma coisa é certa, na nossa America não á clima nem grandes provabilidades para deflagração de Guerras… SP/ 28/ 03/ 2016.