Home Noticiário Nacional Greenpeace protesta no Rio contra construção de submarinos nucleares

Greenpeace protesta no Rio contra construção de submarinos nucleares

307
49

protesto-greenpeace-foto-o-globo-ivo-gonzalez

vinheta-clipping-navalAtivistas do Greenpeace realizaram uma manifestação neste sábado, no Centro do Rio, contra a transferência de tecnologia francesa para a construção de submarinos nucleares no Brasil. O governo está prestes a adquirir da empresa estatal francesa DCNS (Direction des Constructions Navales Services) quatro submarinos convencionais (diesel-elétricos) Skorpène, mais um casco que – daqui a 20 anos – viria a receber um reator nuclear desenvolvido pelo Brasil.

Durante a manifestação, os ativistas simularam uma situação de vazamento de energia nuclear e ficaram dez minutos deitados no chão como se estivessem mortos. O Greenpeace defende o uso de fontes de energia renováveis, uma vez que o modelo nuclear é mais caro e gera mais riscos de danos ao meio ambiente e à população.

Na semana passada, reportagem do jornal O GLOBO revelou que o custo do pacote negociado pelo Brasil com a França equivale a cerca de R$ 19 bilhões – dois anos de Bolsa Família. Ao justificar a compra, a Marinha sugeriu – em carta enviada ao GLOBO – que a operação tem como objetivo final permitir ao país construir um submarino nuclear com a ajuda francesa.

A carta dá a entender que a França se comprometeria a transferir tecnologia nuclear ao Brasil – o que não é verdade, de acordo com a Parceria Estratégica assinada em dezembro passado pelos presidentes Nicolas Sarkozy e Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo a Marinha, a decisão foi a de “buscar parcerias estratégicas com países detentores de tais tecnologias e que estivessem dispostos a transferi-la”.

Mais adiante afirma: “A parceria teria que ser buscada junto a países que produzissem, simultaneamente, submarinos convencionais e nucleares. Depois de longo e acurado processo de escolha, a França foi o país selecionado. É preciso enfatizar que somente quem constrói submarinos nucleares tem condições de transferir a tecnologia necessária para tanto”.

No entanto, o acordo entre Lula e Sarkozy estabelece claramente que “a concepção (expressão dos requisitos e projeto básico), a construção e a manutenção da infraestrutura e dos equipamentos necessários às operações de construção e de manutenção da parte nuclear do submarino nuclear estão excluídas do âmbito do presente acordo”.

FONTE e FOTO: O Globo

NOTA do BLOG: para entender como o Greenpeace vê essa questão,  fomos até a página da organização e encontramos o texto mais abaixo, sobre a manifestação realizada.

Independentemente da interpretação do Greenpeace a respeito do acordo entre o Brasil e a França ser correta ou não, o fato é que a simples citação da  palavra “nuclear” certamente dá margens a reações e interpretações diversas, conforme cada público e interesse – como os leitores do Blog do Poder Naval podem perceber analisando o que saiu na mídia nas últimas semanas e frequentou as páginas do Blog.

É certo que o submarino nuclear da Marinha do Brasil, bem antes de ter sua quilha batida, já luta sua primeira batalha, a da informação. Segue o texto do Greenpeace:

“O Greenpeace organizou hoje uma mobilização relâmpago, a chamada “flash mob”, para protestar contra o acordo de transferência de tecnologia nuclear que o Brasil e está fechando com a França. Três capitais, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, participaram da manifestação que foi realizada simultaneamente em frente a prédios que abrigavam eventos da programação do Ano da França no Brasil. Quase 250 pessoas participaram nos protestos – cerca de 100 em São Paulo, 70 no Rio de Janeiro e 70 em Salvador. Elas deitaram no chão simulando uma morte coletiva.

A estatal francesa Areva é uma das principais patrocinadoras das comemorações que oficialmente tem apenas o objetivo de promover a cultura francesa no Brasil. Entre uma programação e outra, no entanto, os presidentes Lula e Sarkozy vão costurando uma negociação que prevê a venda da falida tecnologia nuclear francesa para o Brasil. Essa transação marca a retomada do Programa Nuclear Brasileiro. “Já assistimos esse filme na década de 70, quando o Brasil pagou bilhões pela sucateada indústria nuclear alemã”, diz André Amaral, coordenador da campanha de nuclear do Greenpeace.

A transação entre os dois países inclui o desenvolvimento de um submarino nuclear, e a construção de um estaleiro e de uma base para submarinos nucleares no Rio de Janeiro, o que custaria aos cofres públicos brasileiros cerca de R$ 28,38 bilhões. No dia sete de setembro o presidente francês estará no Brasil para concluir o processo de venda do navio, que teve início em dezembro do ano passado.

Um bom negócio para a estatal francesa que de acordo com o relatório “Fracassos Nucleares Franceses”, lançado pelo escritório do Greenpeace na França, amargou, em 2008, queda de 20% em seu lucro líquido, na comparação com 2007.

Além de arrombar o erário, os negócios franco-brasileiro, são um atentado contra acordos internacionais que impedem a transferência de tecnologia nuclear para evitar a proliferação de armamentos nucleares no mundo. “Esse pode ser o primeiro passo para o Brasil construir sua bomba nuclear”, diz Amaral.

Do ponto de vista ambiental essa também não é uma boa solução. “O investimento na geração de energia nuclear tem se mostrado um obstáculo para a França cumprir suas metas de redução de emissões dos gases de efeito estufa, o que derruba argumento dos que defendem seu uso para o combate ao aquecimento globa (sic)“, avalia.”

FONTE: página do Greenpeace

LEIA MAIS:

49
Deixe um comentário

avatar
49 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
39 Comment authors
sidneybritogusmaoJoão JannisJuAzul&brancoCosmeBR Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
latino
Visitante

ELES são contra tudo que tem a palavra nuclear

Alexandre
Visitante
Alexandre

Por que não vão a Brasília fazer manifestação contra a “poluição” no Congresso. Ficam atrapalhando o trânsito como fizeram na ponte Rio-Niterói. Bando de desocupados.

Pedro
Visitante
Pedro

Estou impressionado com este texto do Greenpeace, inacreditável! Realmente a primeira batalha do nosso submarino nuclear vai ser a da informação, dos lobbys, etc. Afinal um país(e são pouquíssimos os que já possuem e menos ainda os que tem capacidade de possuir) como SNK’s tem um enorme poder, alterando as forças geopolítica do planeta. Trechos que eu mais gostei: “O investimento na geração de energia nuclear tem se mostrado um obstáculo para a França cumprir suas metas de redução de emissões dos gases de efeito estufa, o que derruba argumento dos que defendem seu uso para o combate ao aquecimento… Read more »

COMANDANTE MELK
Visitante
COMANDANTE MELK

Senhores, vocês estão pensando que seria facil o Brasil conseguir o seu lugar ao sol??!! Ledo engano, aí esta a prova escancarada de como se usa até cidadões nacionais de um país, para defender os interesses de nações/grupos dos chamados paises desenvolvidos. É claro que muitos desses brasileiros que aí estão fazendo parte destas manifestações, são buchas de canhão, no fundo até pensam que estão fazendo algo de bom, mal sabem, que são apenas peças de manobras de um jogo de interesses maior, de paises/grupos que não tem nenhum interesse em ver o Brasil super desenvolvido, “ainda mais na area… Read more »

Robson Br
Visitante
Robson Br

Poderiam ir também para Londres para protestas contra a exportação de lixo comum para o Brasil.

FelipeTP
Visitante
FelipeTP

Me adimira eles plantarem essa informação que as usinas nucleares contribuem para o efeito estufa e bla bla bla. Tira muito a credibilidade deste movimento.

Alexandre
Visitante
Alexandre

Agora vamos encarar a verdade. Esses verdes fazem a maior marola mas nunca vi chegarem a algum objetivo concreto. O Greenpeace já provou ser um grupo político com objetivos duvidosos. Não os vejo como ameaça ao nosso submarino nuclear. Há outros inimigos desse projeto que são mais perigosos. Não esses coitados do GP.

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

Prezados
Isso é para chamar a atenção não do mundo sobre os sub nucleares, mas sim sobre eles, os arautos das susa verdades. A cada ano que passa o uso de energia nuclear fica mais seguro. Muitas ONGs tem entrado no Brasil coletando informações, mas isso eles não falam que estão ROUBANDO o Brasil. Isso pra mim so tem um nome PALHAÇADA.
sds

gustavo k
Visitante
gustavo k

lamentável, quando então chaves querer um dia invadir a amazônia e iniciar-se um conflito que seria prejudicial para a amazônia o Brasil não vai ter um submarino nuclear para poder defender o que eles mais prezam que é a floresta amazônica???

são uns palhaços esses manés, aposto que 70% deles joga lixo no chão e utiliza carros como meio de transporte! e depois vem falar em cuidar do meio ambiente.

Caius
Visitante
Caius

É aquela velha história : quem tem, tem, quem não tem não pode ter.
A conclusão é mais do que óbvia. Muita grana rola nas contas do
greenpeace para atender aos interesses dos que tem. É muita
HIPOCRISIA.

Embora prefira o desenvolvimento autônomo do Brasil acho que não
temos que reinventar a roda.

A propósito, lembram da disputa acirrada entre estadunidenses e
russos pelos cientistas alemães após a 2a guerra mundial.

Agora, fico muito triste quando vejo maus brasileiros recebendo
dinheiro sujo para trabalhar contra o Interesse Nacional. Que Deus
nos livre deles porquê são capazes de vender : pai e mãe.

Que horror !!!!!!!!!!!!!!!!!!

Caius.

Gabriel from reu
Visitante
Gabriel from reu

Ecochatos demagogos…
não entendem absolutamente de nada de defesa…

fernando
Visitante
fernando

porque ninguem protesta nos estados unidos, englaterra, china, russia que todos os dias lancao ao um submarino nuclear, um porta avioes nuclear etc..Nao e facil os proprios cidadaos querendo prejudicar o pais…

Hornet
Visitante
Hornet

Salvem as baleias, não pisem nas formigas!!!….mas não afundem nosso sub nuc também!!!…hehehe

abraços a todos

paulo
Visitante
paulo

aposto que esses bobos ganharam 10 reais cada um para fazer esse teatro, como no brasil e assim, politicos analfabetos dao 10 reais para um otario dar o seu voto para ele…

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

Prezados
Quanta ignorância desses ativistas. A França não irá repassar tecnologia nenhuma, pois o Brasil já tem a sua(reator do sub).
sds

Hornet
Visitante
Hornet

Em tempo:

segundo um profesor da Unicamp, citado na matéria seguinte:

“De acordo com Oliveira, a energia nuclear é considerada ecologicamente correta por não emitir poluentes para a atmosfera.”

Salvem as baleias!!!!…hehe

E eu sou a favor de políticas e ações voltadas para a preservação do meio ambiente e para o desenvolvimento sustentável (e sou totalmente contra a predação irracional da natureza). Não se enganem. Mas sou a favor do uso da inteligência também.

abraços a todos

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

Amigo Hornet
De um olhada no livro M;afia Verde , o ambientalismo a serviço do governo mundial do Lorenzo Carrasco, editora Carpax Dei., muito interessante
Abraço

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

ops
M;afia=Máfia

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

Hornet
tem esse também, Amazonia, A grande cobiça internacional, do Gelio Fregapani, Thesaurus editora
sds

bulldog
Visitante
bulldog

antes de falarem essas asneiras…eles deveriam ir à China, protestar contra as termoeletricas..mas lá a coisa é diferente, neh? rs… o greenpeace é financiado…logo…suspeito.
sds

GERSON VICTORIO
Visitante
GERSON VICTORIO

Daqui a pouco vão pedir a opnião do “Seu” Manuel da Padaria da Esquina aqui do Bairro sobre o Subnuc…..

Reinaldo Xavier
Visitante
Reinaldo Xavier

Gostaria de perguntar aonde estava o GREENPEACE quando os inglêses encheiram os seus navios de lixo e mandaram para os portos brasileiros.Por quê eu não vir manifestação.
Vão protestar no Iraque, pois lar é palco certo o show das mentiras.

Hornet
Visitante
Hornet

Amigo Lucas,

ok. Vou procurar sim.

Valeu pela dica.

abração

Lucas
Visitante
Lucas

Ai se a Marinha Brasileira fosse depender de todos os “achismos”, pois já tem deputado que disse a famosa frase do casco “oco”, e agora o Greenpeace achando que o Brasil poderia construir uma bomba nuclear com a ajuda dos franceses já é demais.

João Curitiba
Visitante
João Curitiba

Concordo plenamente com o Greenpeace que defende o uso de fontes de energia renováveis. O nosso sub, quando navegando na superfície, poderia utilizar vela e quando submerso, álcool ou biodiesel. Se faltar vento, poderia levar uns presidiários para remar.

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

De greenpeace não tem nada é uma verdadeira redwar

benedito lima
Visitante

Greenpeace nao sabe oque e defesa de paz o petrolio brasileiro esta cada ves mais inportante todo o mundo esta de olho na amazonia a naçao brasileira e muinto grande e presisa de uma arma nuclear nao para provocar guerra mais para defesa de paz si nao tiver defesa de paz Greenpeace eles mesmo estao colocando o pais deles e de nois em risco porque nao tem força militar que esse gigante brasil precisa. com a descoberta da camada pre sal a petrobras esta cada ves si tornando mais inportante e nos ocorre o risco de perde prantaformas e se… Read more »

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Guerra de informação gente…

Ela vai começar e vai ser bem forte… o Brasil com um ou mais SubNuc será muito perigoso.

O Brasil precisa de subnuc e de bombas atômicas.

O Greenpeace está agindo como arma de manipulação das pessoas. Precisamos tomar cuidado com isso.

andre oliveira
Visitante

Greenpeace nao sebem oque esta fasendo esta tirando a segurança do seu propio pais esse pais nao envesti em força militar a ceculos e agora resolveu envesti junto com a frança eles querem atrapalha nao sabem oque esta fasendo eles nao querem ser respeitado no mundo la fora nao sabe oque e camada pre sal e nao sabe o tanto que essa camada precisa de uma defesa nuclear porque esta si tornando inportante para o mundo eles Greenpeace Sao o bestaiado rola bosta.

Farragut
Visitante

Seria ingenuidade achar que um planejamento de longo prazo baseado em plataforma caríssima e de propulsão nuclear não iria gerar questionamento e disputa de interesses. A começar pelo básico: o SubNuc de defesa (sic) é adequado?

Flavio
Visitante
Flavio

Deviamos aproveitar que estao todos juntos e mandar eles irem a Inglaterra protestar pelo lixo que mandaram para ca…..São tão idiotas que não sabem nem o valor do projeto…

fullcrum
Visitante
fullcrum

Eles só querem chamar a atenção, é um movimento vazio e tendencioso,de mim não levam nem um real, apesar das gatinhas que ficam pedindo dinheiro na esquina aqui da rua! Cães!! Temos que construir sub-nuc e depressa.

Adler Medrado
Visitante

De novo esses verdinhos. Pra mim eles extrapolam o limite do bom senso e da auto-crítica. Não merecem crédito.

Cor Tau
Visitante
Cor Tau

Tem que se ter paciencia com essa gente…Saber lidar…A maioria é bem intencionada mas infelizmente usada como massa de manobra…….Guerra de informação……O que tem que ser deixado claro é a finalidade….O objetivo…Que é…Que visa apenas…Dominio tecnologico….Tecnologia…Conhecimento……..Esses fatores tornam o impacto ínfimo………Não significativo…..E isso é o que importa………..É o importante…..Não precisamos da energia nuclear da forma como eles temem por exemplo….São coisas como essas que devem ser deixadas claras…….

ivan
Visitante
ivan

Amigos,

Dei muita risada com as ironias sobre o Greenpeace.
Concordo totalmente: é um grupo sem credibilidade. Falsos verdinhos, que querem aparecer.

Sou sempre contra as Guerras, e desaprovo os métodos violentos desse grupo, ou suas formas de chamar a atenção.
tenho certeza que TODOS somos a favor da preservação … mas não precisa fazer o que esse Greenpeace faz.

Lucas
Visitante
Lucas

Pessoal, o texto acima referia que o Greenpeace simulou um vazamento de energia nuclear, mais peraí, já não irá construir uma nova base para estes submarinos longe de aglomerados pupulacionais, eles mesmos disseram em nota que são contra tudo que leva a palavra nuclear, então este grupo não merece consideração nenhuma, vão la faze protesto contra a pesca de baleia no Japão que vocês ganham mais!!!!

Callia
Visitante
Callia

Isso , eles devem ser contra amedicina nuclear , a cintilografia nuclear qualquer exame radiológico , são contra o raio X????Não duvido.

!Como diria meu ex comandante ! “Quantos braços tirados das lavouras”

Agora brincam de dar atendimento médico na amazonia…

eu não tenho mais saco pra essa cambada , quando eu vejo essas manifestações tenho vontade é de descer o sarrafo!

eles podiam ir protestar contra o Sarney , ia ser mais util!

J Curitiba
Visitante
J Curitiba

Amazonia, A grande cobiça internacional, do Gelio Fregapani, Thesaurus editora.

Esse Gelio é o maior idiota de quem já ouvi falar ou perdi meu tempo em ler.

Alado
Visitante
Alado

[“Esse pode ser o primeiro passo para o Brasil construir sua bomba nuclear”]

Submarino Nuc x Bomba Nuc

Parece que o Greenpeace nunca entendeu a diferença.
(ou nunca fez questão de entender…)

Cláudio Melo
Visitante
Cláudio Melo

Cheguei tarde para dizer que as informações contidas na página do Greenpeace são na verdade uma “valsa do afrodescendente com transtorno bipolar”, ou seja, um verdadeiro “samba do crioulo doido”.

Uma organização que se pretende séria buscando convencer pessoas com informações descoladas da realidade.

Cláudio Melo.

ISAMU
Visitante

esta gente deveria ser expulsa do nosso país.será que existe lei que permita isso?

CosmeBR
Visitante
CosmeBR

EUA, Rússia, China, França, Inglaterra e Índia(Sic) possuem submarinos nucleares. Além das armas nucleares que esses países possuem, juntando-se Paquistão, Coréia do Norte e Israel. As tecnologias de geração de energia nuclear das usinas estão cada vez avançando mais. Esses oportunistas com atitudes tendenciosas deviam ser presos. Seja por questão de soberania nacional ou perturbação da paz! São verdadeiros terroristas travestidos de ecochatos!!!

Azul&branco
Visitante
Azul&branco

Porque não vão protestar na China, koreia do norte, Irã, EUA?

COMANDANTE MELK
Visitante
COMANDANTE MELK

Senhor Callia em 23 Ago, 2009 às 0:01,

excelente colocação o amigo fez, é isso oque eu penso tambem…

Grato.

Luciano
Visitante
Luciano

Desde quando que a frança vai passar tecnologia nuclear????? O brasil já tem sua própria tecnologia, o que esta querendo é a compra de outras tecnologias dos submarinos (sistemas eletrônicos, por exemplo) E além do mais, a energia nuclear não emite poluentes, assim com a Eólica e solar. SOBE O suposto VAZAMENTO, eu só fiquei sabendo de 2: O da ucrania(chernobyl, não sei se é assim que se escreve) e um lá nos EUA (mas não chegou a se espalhar por causa de várias camadas de proteção) Traduzindo: a globo (inimigo do pais) pago 50 pra uma meia dúzia de… Read more »

Caipira
Visitante
Caipira

“..eles podiam ir protestar contra o Sarney , ia ser mais util!…”

Ju
Visitante

Sarney?
A mídia já nem mais fala disso.
Agora é só Gripe.
Pra quem não sabe “ele” é a cabeça e nunc vão tira-lo de lá,pois o povo é ignorante…não vão atrás de seus diretos, é isso que o governo quer!

João Jannis
Visitante
João Jannis

Observo a gigantesca luta do Greenpeace nas mais diversas áreas a favôr do meio ambiente, porém na minha opinião acho que essa luta é uma luta inglória, LUTAMOS CONTRA O EFEITO E NÃO CONTRA A CAUSA.. SUPERPOPULAÇÃO, já somos quase 7 bilhões de habitantes, e apesar de todos os esforços cada vez nos distanciamos mais da solução. O planeta não comporta tanta gente e o resultado é o que esta se vendo, desmatamentos, poluição, doenças, fome, enfim, miséria. ACORDEM TERRÁQUEOS………………

sidneybritogusmao
Visitante

verde