quinta-feira, maio 26, 2022

Saab Naval

Chineses caçando piratas

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Em maio, a China enviou seu oitavo Grupo Tarefa, com duas fragatas e um navio de suprimentos, para atuar por seis meses em operações antipirataria na costa da Somália. Dois meses serão gastos em transito. As operações têm mostrado ser uma boa oportunidade de treinamento para os chineses em operações de longa duração e longa distância, além de escolta de navios. Em cada período são escoltados cerca de 100 a 150 navios por mês e protegendo um ou dois navios de serem realmente atacados por piratas no mês.

No ano passado um dos navios enviados foi o navio de desembarque Kunlan Shan (Classe 071). São navios de 20 mil toneladas capazes de levar 800 fuzileiros e 20 blindados. Na operação levou apenas dois helicópteros Z-8 e embarcações para perseguir piratas. Alguns comandos navais também foram levados.

NOTA: O uso do Kunlan Shand dá uma boa indicação dos principais requisitos de uma plataforma para operações antipirataria como levar dois helicópteros, algumas embarcações e tropas extras além da capacidade de operar por longos períodos. O requisito é basicamente o de um navio de patrulha oceânico de longo alcance capaz de levar dois helicópteros, acomodações extra e espaço para embarcações rápidas.

- Advertisement -

4 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Mauricio R.

“É basicamente um navio de patrulha oceânico de longo alcance capaz de levar dois helicópteros,…”

É um LPD e não um OPV.

“No ano passado um dos navios enviados foi o navio de desembarque Kunlan Shan (Classe 071).”

Ivan

“É basicamente um navio de patrulha oceânico de longo alcance capaz de levar dois helicópteros, acomodações extra e espaço para embarcações rápidas.” O navio chinês Kunlan Shan, da Classe 071, é um LPD – Landing Platform Dock com linhas modernas, como a Classe Austin americana, Albion inglesa, Roterdam holandesa ou Galícia espanhola. Uma característica deste tipo de navio é a flexibilidade, ao embarcar e dar suporte a helicópteros, barcos menores e tropas. Assim sendo, são embarcações capazes de montar operações anfíbias autonomas de pequeno porte. Entretanto realizar patrulhas com navios deste tipo (que deslocam entre 15.000 e 25.000 toneladas) é… Read more »

G-LOC

Mudei o comentário de “É basicamente um navio de patrulha oceânico de longo alcance capaz de…” para “O requisito é basicamente….” pois o objetivo era citar os requerimentos para um navio operar na função anti-pirataria a longa distancia e não do navio em si.

G-LOC

Foi bom lembrar de um canhão médio para apoiar operações anti-pirataria em terra.

- Publicidade -
Publicidade
Parceiro

Últimas Notícias

Navios de guerra britânicos podem ser enviados para quebrar o bloqueio de Putin aos portos do Mar Negro

A Grã-Bretanha está coordenando com seus aliados um plano potencial para enviar navios de guerra ao porto de Odessa,...
- Advertisement -