Home Marinhas de Guerra ARA San Juan: continua a patrulha na área de buscas

ARA San Juan: continua a patrulha na área de buscas

8750
114

21/11/2017 — As operações continuam nos últimos seis dias, com o esforço de exploração aérea 24 horas e, devido à melhora nas condições meteorológicas, os navios intensificam a patrulha marítima e otimizam o desempenho de seus sensores

A Armada Argentina, sob o Ministério da Defesa, relata que, no âmbito das operações de busca do submarino ARA “San Juan”, ontem à noite, uma das aeronaves que participaram das tarefas descobriu uma balsa na área de operações.

A corveta ARA “Rosales” e o destróier ARA “Sarandí” foram para o local. Durante uma manobra complicada e arriscada, com ondas entre 5 e 6 metros, a balsa pode ser enganchada e foi levantada a bordo. De acordo com a marca e sua nomenclatura, o Comando da Força Submarina informou que não corresponde ao material fornecido ao submarino ARA “San Juan”.

Durante o voo de retorno do Boeing P-8 Poseidon da Marinha dos Estados Unidos, foram identificados flares brancos, que foram investigados e como resultado foram considerados que não vieram do submarino ARA “San Juan”.

De Comodoro Rivadavia, dois navios do esquadrão de resgate submarino da Marinha dos EUA, a “Skandi Patagonia” e a “Sophie Siem”, estão prontos para navegar, carregando material de alta tecnologia. A bordo do “Skandi Patagonia” está o pessoal da Armada para prestar assessoramento.

As operações continuam hoje, como aconteceu nos últimos seis dias, com um esforço de exploração aérea 24 horas por dia. Embora, devido às melhorias nas condições meteorológicas, os navios possam intensificar o patrulhamento marítimo e otimizar o desempenho de seus sensores.

Como parte das operações, o USN “Atlantis”, o HMS “Protector” e o ARB “Almirante Maximiano” juntar-se-ão aos navios oceanográficos ARA “Austral” e ARA “Puerto Deseado”, usando seus sensores de busca multi-feixe na área de operações.

Além disso, numerosas unidades navais e aéreas nacionais e estrangeiras, com várias tecnologias a bordo, ainda estão disponíveis para serem requisitadas quando necessário.

FONTEgacetamarinera.com.ar

Subscribe
Notify of
guest
114 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
luiz antonio
luiz antonio
2 anos atrás

Vamos seguir confiando e um final bom. As condições climáticas melhores, mais navios nas buscas. Tenho muita esperança que amanhã 22/11/17 sera uma data emblemática e feliz principalmente para os marinheiros argentinos do SJ e seu familiares. Quem sabe será a maior vitória, de todos os que estão empenhados nessa missão, independente de nação.
Força “Hermanos”.

Burgos
Burgos
2 anos atrás

Luiz Antônio ;
Assim espera-se um maior empenho dos desdobramentos dos meios na procura, assim que o mar vai melhorando.
Quem sabe seja achada alguma pista pra começar a vertedura por esses modernos meios que foram transladados pelos o Norte Americanos, pois agora a corrida é contra o tempo.
Sds

Leonardo M.
Leonardo M.
2 anos atrás

Só um milagre divino para eles estarem vivos.
Eu não acredito que vão achar eles com vida, quase uma semana debaixo d’água.
E se estão debaixo d’água é porque tiveram alguma explosão e rompeu o casco onde entrou água.

Mauro Cambuquira
Mauro Cambuquira
2 anos atrás

Faz alguns dias que tento entrar no site argentino Zona Militar e ele me parece fora do ar. Achei que podiam estar em loco mais informações. Os melhores esclarecimentos para serem acompanhados é aqui no PN, seguindo também o raciocínio dos especialistas que aqui comentam.

Claudio Luiz
Claudio Luiz
2 anos atrás
MO
MO
Reply to  Claudio Luiz
2 anos atrás

sim, segundo o AIS AR PBG ATA: 2017-11-20 12:15 LT (UTC -3)

Renan
Renan
2 anos atrás

Parece mais uma pista
Marinha americana detecta sinais alguem sabe de algo?

JT8D
JT8D
2 anos atrás

A Radio Mitre informou que o P-8 da US Navy encontrou o submarino submerso. Vamos aguardar que não seja mais um alarme falso

Alex
Alex
2 anos atrás

Agora, na Radio Mitre, da Argentina, mancha calórica com sinal, no oceano a 300 km de Puerto Madryn, 70 m de profundidade.

https://radiomitre.cienradios.com/la-marina-de-eeuu-detecto-una-senal-a-300-km-de-la-costa-de-puerto-madryn/

Renam
Renam
2 anos atrás

Alguém sabe da credibilidade desta mídia?
E alguém pode postar se tiver o link para acompanhar o P8. Para ter uma ideia da localidade
Abraços

Burgos
Burgos
2 anos atrás

Vão embora !!!
Pra cima deles que o tempo urge !!!
Cada minuto é importante !!!
Vamo que vamo !!!

leandro
leandro
2 anos atrás

Tomara q seja enfim o submarino san juan e consigam realizar o resgate dos hermanos com segurança

Alex
Alex
2 anos atrás
Antônio de Sampaio
Antônio de Sampaio
2 anos atrás

JT8D 21 de novembro de 2017 at 22:17
Errado, a Rádio Mitre não informou que um P-8 da USNavy encontrou o submarino, de onde você tirou isso??? aliás a nota nem se quer falar em avião P-8.
A Rádio Mitre informou que Marinha dos Estados Unidos “detectou uma mancha calórica”, que pode ser qualquer coisa.
Pode ser até uma baleia.

Alex
Alex
2 anos atrás

Antônio de Sampaio 21 de novembro de 2017 at 22:36
Mancha calórica com sinal. Baleia não é.

Bosco
Bosco
2 anos atrás

Alex, Um “mancha” calórica pode até ser detectada, agora, determinar a profundidade dela é chute. E um submarino DE pousado no fundo, mesmo que funcionando as baterias, não produz tanto calor assim. Um nuclear pode até deixar um rastro de calor detectável, mas um submarino DE operando só com baterias e submerso, e ainda, pousado no fundo, será que pode ser detectado por câmera térmicas? Não acredito nisso não! Um esnorquel emitido quente emitindo fumaça quente pode fornecer um belo de um sinal térmico, mas um submarino elétrico no fundo não tem uma assinatura térmica que consiga passar uma “capa”… Read more »

Bosco
Bosco
2 anos atrás

FLIR ou coisa que o valha nunca serviu para ASW, salvo para achar submarino esnorqueado ou na superfície. Se uma “garoa” dificulta a propagação do IR imagina 70 metros de água fria do Atlântico.

will
will
2 anos atrás

tao falando no twitter que em 2 horas vao saber se é o ARA san juan

Luiz Ricardo Cascaldi
Luiz Ricardo Cascaldi
2 anos atrás

Bosco 21 de novembro de 2017 at 22:51

Fala mestre Bosco! Sempre bom te ver por aqui!

Não pensa que talvez possa ser apenas amadorismo do jornal?
Talvez o “radar” sejam as sono-boias…

Abraço!

Nunão
Nunão
2 anos atrás

Bosco, estava discutir isso com o Galante há pouco. A única forma de se dizer que são 70m é a aeronave ter as coordenadas do local da mancha naquele momento, confrontar com a carta náutica e ela indicar que aquela área das coordenadas tem 70m de profundidade.

Mas pra dizer com precisão, ao invés da aeronave teria que ser um navio com ecobatimetro.

ZAMZAM_PAMPA
ZAMZAM_PAMPA
2 anos atrás

Onde há fumaça há fogo. O hospital de Comodoro Rivadávia ativou seu protocolo de emergência!

Alex
Alex
2 anos atrás

Bosco 21 de novembro de 2017 at 22:46

Todas as noticias devem ser vistas com reservas, o que se tem da rádio é isso, a gente acredite ou não. Segundo a transmissão ao vivo da radio, em duas horas estarão os minisubmarinos na área para checar a informação do avião.

Luiz Ricardo Cascaldi
Luiz Ricardo Cascaldi
2 anos atrás

Alex 21 de novembro de 2017 at 22:56

2 horas?

E essa operação de busca ainda deve levar a madrugada toda só para se obter um retorno, certo?

Hoje eu não durmo….

Alex
Alex
2 anos atrás

Parece que hoje vocês editores não vão dormir de novo. Vcs são casados? 🙂

Antônio de Sampaio
Antônio de Sampaio
2 anos atrás

Outra coisa estranha é que a 300 Km da costa, estaria a 70 metros de profundidade.
Se está sentando no fundo, parece muito pouco.
Quando ao FLIR, bem, não estamos falando de um Persuader ou coisa que o valha, estamos falando de um P-8, não devem nem saber o que é FLIR.
Agora 70 metros a 300 Km da costa, é duro.

will
will
2 anos atrás

“En aproximadamente dos horas, se sabrá si la señal encontrada pertenece al submarino ARA San Juan. Ese es el tiempo que el barco demorará en llegar y tratar de identificar con su sistema multihaz la mancha calórica. “

Bosco
Bosco
2 anos atrás

Nunão e Luiz, E um FLIR não detecta a estrutura de um submarino submerso. Não tem como. Se isso existisse haveria torpedos com cabeça térmica igual aos do Sidewinder. Isso non ecziste!! O IR não propaga na água. O que um FLIR pode detectar é diferença de temperatura na água, que em geral um submarino convencional não produz tanto a ponto de ser detectada. Talvez alguma coisa relativa ao atrito com o meio denso possa ocasionar alguma variação térmica que um sensor muito capaz possa detectar, mas isso realmente não acontece. Um nuclear sim, se estiver numa profundidade reduzida poderia… Read more »

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
2 anos atrás

Vi falarem que essa notícia é falsa, os dados são iguais a uma notícia que saiu dias atrás dizendo que acharam o submarino a 300km da costa e 70 m de profundidade

Nunão
Nunão
2 anos atrás

Alex em 21 de novembro de 2017 at 22:58
Parece que hoje vocês editores não vão dormir de novo. Vcs são casados? 🙂
.
Não, Alex, eu não sou casado nem com o Galante nem com o Poggio.

F-5
F-5
2 anos atrás

Espero acordar com notícias boas.
Fuerza hermanos!

JT8D
JT8D
2 anos atrás

Antonio:
“RADIO MITRE: La marina de EEUU (P-8) habría detectado objeto sumergido a 300 km de la costa.”
https://www.zona-militar.com/foros/threads/noticias-de-la-armada-argentina-ara.22226/page-963

Nunão
Nunão
2 anos atrás

Bosco, nem me preocupei com a parte de detecção da “mancha calórica”. Só comentei sobre uma possível explicação pra se dizer, a partir de um reconhecimento aéreo, que a profundidade no local é de x metros.

Alex
Alex
2 anos atrás

Nunão 21 de novembro de 2017 at 23:04
Q alivio ,isso seria um menage da pesada.

Roberto
Roberto
2 anos atrás

sim! Boeing P-8 Poseidon captou sinal

@Bracesco
Periodista / Journalist. 7 años en Clarín. Opinión Editorial The Guardian. Un bestseller: Suicidado. En diciembre nuevo libro: Historias de las Elecciones.

Barcos de la flota de búsqueda y rescate en formación agrupados a 250 km. de la costa, en zona que marqué a la tarde.
El Skandi con submarinos yendo a toda velocidad.
Hay una especie de zona de exclusión de mercantes, que tienen un canal seguro al este.

Antônio de Sampaio
Antônio de Sampaio
2 anos atrás

Quando a gente acha que a imprensa brasileira é um lixo, bem, aí a gente descobre que tem a imprensa argentina.
Galera, agora eu vou torar.

Antônio de Sampaio
Antônio de Sampaio
2 anos atrás

Bosco 21 de novembro de 2017 at 23:12
kkkkkkkkkkkkkkkkk…. tô me espocando de rir… kkkkkkkkkkk……

Ozawa
Ozawa
2 anos atrás

Td bem que há uma margem de tentativa e erro mesmo em operações planejadas. Há sempre o imponderável envolvido. Mas como disse o forista ofídio acima, rs, esses números já fizeram parte da lista de prováveis localizações. Acho até que foi o primeiro dela.

Mas, se estão indo verificar, logo saberemos.

Bosco
Bosco
2 anos atrás

Leandro, Você acredite no que quiser. Se quiser acreditar que radar de avião acha mancha térmica de submarino sinistrado a 300 km da costa e a 70 metros de profundidade, fique a vontade. Isso não vai fazer virar uma verdade mesmo que seja acompanhado de sua torcida. A minha também é que o submarino seja encontrado e que todos estejam bem e sejam resgatado vivos e com saúde, mas também minha torcida não irá mudar uma vírgula da realidade, e portanto, não me furto a comentar já que estamos num blog sobre o tema e não um blog de idiotas… Read more »

Alex
Alex
2 anos atrás

O azar está tão grande nessa busca que vão descobrir que a “mancha calórica com sinal” era uma baleia azul tocando uma gaita…

OverandOut
OverandOut
2 anos atrás

Pergunta de leigo:

Não teria sido um teatro operacional propício para o envio do NDM Bahia? Pela sua capacidade relativa aos helis e por possuir um hospital à bordo com 49 leitos.

MO
MO
Reply to  OverandOut
2 anos atrás

No caso Cambio e Desligo, ná area ja tem bastante navio com esta capacidade, seria um a ficar de bibelot a mais lá

Ozzy
Ozzy
2 anos atrás

Aparentemente as buscas estão sendo mal conduzidas. Vários paises já ofereceram uma enorme quantidade de meios aereos e navais, mas a Argentina está praticamente dispensando. A Rademaker foi colocada na reserva. Aviões oferecidos por diversos paises sul americanos, inclusive os P3 brasileiros, tambem estão sendo colocados na reserva.
Pela urgencia da situação, e pela grande aerea de busca, todos os meios deveriam ser acionados. O mar deveria estar sendo literalmente varrido agora.

Roberto
Roberto
2 anos atrás

então não faria sentido persuader, P-3, P-8 tudo porcaria né…. dinheiro jogado fora….kkkk para de falar bobagem!

Leandro M.
Leandro M.
2 anos atrás

As informações podem estar apenas “truncadas”, torcemos para que tenha algo concreto e tenha tempo hábil para eventual resgate.

Aos entendidos: é possível que sem baterias se possa manter determinada profundidade através de sistemas alternativos no submarino? Válvulas manuais por exemplo (provavelmente estou falando uma besteira sem tamanho mas é uma dúvida). Talvez não conseguiram emergir mas conseguiram estabilizar…

Ozawa
Ozawa
2 anos atrás

Overand, se me permite, a resposta à sua pergunta, s.m.j., está aqui:
http://www.naval.com.br/blog/2017/11/18/ara-san-juan-nota-da-marinha-do-brasil/

O Comando de Operações Navais da MB entendeu que os navios aptos à missão, por inúmeras variáveis que somente eles sabem, eram os que foram enviados.

Bosco
Bosco
2 anos atrás

Roberto, Deixa de ser burro. O P-8, o P-3, etc. têm uma série de sensores e não quer dizer que tudo sirva pra tudo. Por exemplo, o FLIR não é muito indicado para achar submarinos (salvo se em conta periscópica o na superfície) assim como as sonoboias não são indicadas para achar navios. Os radares também não são indicados para achar submarinos. Por incrível que pareça! O FLIR que compõe a torreta MX-20 serve para um monte de outras coisa e é para estas outras coisas que o P-8 a utiliza e não para achar submarinos submersos, muito menos submarinos… Read more »

Roberto
Roberto
2 anos atrás

máxima do Iskandi Patagonia 15 kn – navegando a mais de 12 kn

Renan
Renan
2 anos atrás

Bosco
Poderia ser um catastrófico imundamente das baterias entrando em curto gerando todo o calor, a ponto de ser detectado?

Roberto
Roberto
2 anos atrás

pra ser mais exato a alguns minutos 12.6 kn – a todaaaaaaaaa

MadMax
MadMax
2 anos atrás

Nada ainda?

Leandro M.
Leandro M.
2 anos atrás

https://twitter.com/eduardongerman/status/933159116557742085

Teoricamente o momento em que a embarcação passa a informação de que encontraram “possible submarino a media agua” ou pelo menos foi isso que eu entendi. Se falsificaram eu largo mão da humanidade.