Home Aviação Naval Royal Navy desativa o HMS Ocean

Royal Navy desativa o HMS Ocean

10715
94

O porta-helicópteros e navio-capitânia HMS Ocean da Royal Navy foi desativado nesta terça-feira em uma cerimônia na qual participou Sua Majestade a Rainha, na Base Naval de Devonport, em Plymouth.

A rainha Elizabeth, que é a madrinha do navio, inspecionou os marinheiros e depois foi transportada em um elevador de aeronaves para os conveses inferiores como parte da cerimônia de descomissionamento do “Mighty O”.

O HMS Ocean foi aposentado após 20 anos de serviço e 50.000 milhas cobertas durante desdobramentos em todo o mundo.

Desde o comissionamento na Royal Navy em 1998, ele esteve envolvido na operação Palliser durante a guerra civil de Serra Leoa em 2000, operação Telic na costa do Iraque em 2003, operação Ellamy como parte de uma coalizão internacional na Líbia em 2011 e mais recentemente, no contingente de alívio de furacões na operação Ruman no Caribe.

A decisão de desativar o HMS Ocean foi feita como parte da Análise Estratégica de Defesa e Segurança (SDSR) 2015 e o navio foi vendido para o Brasil este ano.

A Marinha do Brasil pagou £ 84 milhões pelo navio e o receberá neste verão após a Babcock e a BAE Systems realizarem as mudanças necessárias antes da transferência.

O papel de navio-capitânia da Royal Navy será assumido pelos dois porta-aviões da classe Queen Elizabeth.

Sua Majestade a Rainha Elizabeth, na cerimônia de desativação do HMS Ocean

FONTE: navaltoday.com

Subscribe
Notify of
guest
94 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Matheus
Matheus
2 anos atrás

Vem pro papai, ai nenem hihihihi

Alfredo CS
Alfredo CS
2 anos atrás

Sem dúvidas, era a jóia da rainha.

Parabellum
Parabellum
2 anos atrás

G-41 Atlântico

Nilson
Nilson
Reply to  Parabellum
2 anos atrás

Sendo a jóia da Rainha, e passando a ser nossa jóia, merece ser A-21. Uma deferência ao seu convés corrido e capacidade aérea, mesmo não sendo porta-aviões, iniciando assim uma numeração específica para os porta-helicópteros.

Ednardo Sombra
Ednardo Sombra
2 anos atrás

Agora seguirá para a depena.

Heitor
Heitor
2 anos atrás

Não entendo muito sobre nomeação de navios de guerra no Brasil, mas acho que um navio desse porte e com essa importância poderia ter um nome de peso da história do Brasil: “Pedro I”, “Pedro II”, “Leopoldina” (parece nome de estação, eu sei kkk) ou “Aquidabã”.

Bob Joe
Bob Joe
Reply to  Heitor
2 anos atrás

Não faz muito sentido uma marinha republicana homenagear um ex monarca, ainda mais da forma como foi deposto.

Ivan BC
Ivan BC
Reply to  Bob Joe
2 anos atrás

Mas foram pessoas fundamentais para o nosso país, foram a base do nosso país, foram as pessoas que garantiram o Brasil continental como temos hoje.

Luciano
Luciano
Reply to  Ivan BC
2 anos atrás

Por esse argumento, Ivan, vamos homenagear quem assinou o tratado de Madri lá em meados do séc XVIII, por exemplo. Na história republicana temos gente suficientemente importante para ser homenageada!

cfsharm
cfsharm
Reply to  Luciano
2 anos atrás

Perdoem-me. Mas acho um contrassenso “apagar” a história do Brasil em nome da nossa “República” – como se o Brasil tivesse começado em 1889. Figuras do tempo do Império deveriam ser homenageadas por sua contribuição para o país.
Sds

André Bitencourt
André Bitencourt
Reply to  Bob Joe
2 anos atrás

Almirante Barroso, comandou a Frota Imperial na Vitória da Batalha do Riachuelo, o patrono da nossa marinha é Joaquim Marques Lisboa, Marquês de Tamandaré, ambos homenageados com nomes de navios, pelo que entendi, por sermos uma república não podemos homenagear grandes personalidades de nossa fase imperial? Coloquemos abaixo o Mausoléu Imperial kkk, complicado, um país sem história, sem passado, como podemos querer construir um futuro promissor sem honrar e aprender com o passado? Honremos nossos heróis! Bela aquisição feita por nossa brava marinha.

Luciano
Luciano
Reply to  André Bitencourt
2 anos atrás

Temos muitas figuras em diversos momentos da nossa história q podem ser homenageadas, contudo, isso nao tem que ser feito porque são “do Império” ou “da República”. Isso de se buscar uma origem, um “começo” para nossa identidade nacional, dependendo do elemento identitário que se queira buscar pode remontar ao Condado Portucalense ou ao tratado de Madri, como citei, cfsharm. Quanto a “botar abaixo” um monumento histórico isso é absurdo e um exagero argumentativo André Bitencourt. Os motivos para homenagear alguém do período imperial são os mesmo para louvar qualquer vulto de outro período. Agora se querem fazer disso propaganda… Read more »

Nimrod
Nimrod
Reply to  Luciano
2 anos atrás

Quem falou em retorno da monarquia foi vc …

John Galt
John Galt
Reply to  Heitor
2 anos atrás

Com certeza meu caro! Carecemos de líderes como D. Pedro II e da Imperatriz Leopoldina!

Rubio
Rubio
Reply to  John Galt
2 anos atrás

Os heróis estão aí, John… Suas memórias disponíveis para qualquer um que ler um pouco. Entretanto ainda falta interesse para a população em geral.

Mesmo que tenha sido do exército, outra sugestão seria homenagear o Marechal Mascarenhas de Moraes… Herói recente

Ozawa
Ozawa
2 anos atrás

“(…) A decisão de desativar o HMS Ocean foi feita como parte da Análise Estratégica de Defesa e Segurança (SDSR) 2015 e o navio[s] foi vendido para o Brasil este ano.”

Desde que a Royal Navy se transformou num free shop naval no porto de Plymouth, seria esse um desimportante equívoco de concordância, um promissor ato falho, ou uma preciosa profecia? 🤔

Aguardando as próximas matérias do Roberto Lopes …

Lucas Dalmarco
2 anos atrás

Aguardando ansiosamente essa belezinha surgir na nossa costa pronta para uso da MB.

Cabral
Cabral
2 anos atrás

Que chegue logo, Leão do Norte, Pernambuco.

Andrew Martins
2 anos atrás

Continuará reinado em águas Sul Americanas! Acho que podemos dizer que é a embarcação mais poderosa dessas águas né? Torço pelo nome G-41 Pernambuco!!

FRITZ PILSEN
FRITZ PILSEN
2 anos atrás

Nael 13 PERNAMBUCO

TeoB
TeoB
2 anos atrás

Com certeza será um perda para eles, mas será e um ganho muito maior para nós!

Burgos
Burgos
2 anos atrás

E agora ?!
Afinal de contas !!!
Vai ser chamado como ?!
Atlântico ou Pernambuco ?!
Por mim ficava mais bonito como Oceano mesmo !!!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Tomcat3.7
Tomcat3.7
2 anos atrás

A-13 Minas Gerais, o retorno de jedi !!!rs

XO
XO
2 anos atrás

“Atlântico” ganhou força recentemente…

Jr
Jr
Reply to  XO
2 anos atrás

XO, você sabe dizer se alguns dos super lynx da MB que estão em modernização em Yeovil vão vir com ele????

XO
XO
Reply to  Jr
2 anos atrás

Desculpe, mas não conheço o cronograma dos AH-11B para opinar se eles vem ou não com o navio… abraço…

Luiz Monteiro
Luiz Monteiro
Reply to  Jr
2 anos atrás

Prezado Jr,

O primeiro Super Lynx será entregue em maio.

Outros 2 em agosto. Pode ser que esses 2 venham embarcados no navio.

Abraços

Jr
Jr
Reply to  Luiz Monteiro
2 anos atrás

Obrigado pela resposta Luiz Monteiro, seria uma excelente oportunidade para a MB já vir treinando com eles, fora a economia que seria feita

GEN. Escobar
GEN. Escobar
2 anos atrás

Que venha para as nossas águas!

Gustavo
Gustavo
2 anos atrás

o Brasil já pagou?! Esse ano já fomos expulsos de programas científicos bem mais baratos por falta de pagamento. Apesar da matéria dizer que o Brasil pagou, não vi nenhuma fonte oficial informar de fato que esse pagamento já foi efetuado de fato.

XO
XO
Reply to  Gustavo
2 anos atrás

Os recursos necessários já estavam no planejamento da MB para 2019… na verdade, o pagamento não será efetuado “à uma” e sim, parcelado… abraço…

Gustavo
Gustavo
Reply to  XO
2 anos atrás

ótimo!

Everton Matheus
Everton Matheus
Reply to  Gustavo
2 anos atrás

Em entrevista recente eu vi um Almirante dizendo que “vai ser” pago em largas parcelas.

José Carlos David
José Carlos David
2 anos atrás

Porta-Helicópteros de Assalto “Santa Catarina”.

Leonardo
Leonardo
Reply to  José Carlos David
2 anos atrás

Se é de assalto, a melhor homenagem seria “Rio de Janeiro”. rs

MadMax
MadMax
Reply to  Leonardo
2 anos atrás

Kkkk boa.

José Carlos David
José Carlos David
Reply to  Leonardo
2 anos atrás

Concordo com você…kkkkkkkk

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  José Carlos David
2 anos atrás

Sta Catarina. Concordo.

thyago
thyago
2 anos atrás

alguém sabe dizer quando chega?????????????????????

Observador
Observador
2 anos atrás

Senhores,

Tomara que esta grande navio, saia de Devonport em mares dos nossos amigos britânicos, junto à histórica Armada de Sua Majestade de tantas glórias ao povo britânico, com o grande e honroso nome: G-41 ESPÍRITO SANTO.

E que a benção deste nome, tragam bons ventos e mares tranquilos a quem estiver nele, auxilie o nosso país sempre que precisar, em tempos de paz e que se precisar vá para guerra com valentia, e principalmente seja a GRANDE ARRANCADA DE NOVOS E BONS TEMPOS para a nossa MARINHA do BRASIL.

Sds

uwno porte.
uwno porte.
2 anos atrás

Que venha logo.Tambem sejam alocados meios de defesa adequados. Misseis de médio e longo alcance. Um navio capitania não pode ficar a merce de qualquer atacante moderno. Ou colocar cnhãozinhos como se fosse um navio canhoneira no alto Solimões. Peças modernas de 30 mm. de alta cadencia são bons acessórios. Se tornaram padrão nas marinhas do Ocidente. Algumas ponto 50,tb, que sempre pode surgir um barco suspeito, de pequeno porte. Oa helicópteros terão que possuir cpacidade de lançar Exocet, torpedo ASW, ou outros meios da MB.

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
2 anos atrás

Difícil saber quem mais saiu perdendo, se a Royal Navy ou a MB

Wilson Marcos
Wilson Marcos
2 anos atrás

Aos colegas foristas:
Seria errado prever (ou desejar), que permanecendo os problemas econômicos da Grã Bretanha, e consequentemente diminuindo o tamanho da Royal Navy, em 15 ou 20 anos eles disponibilizariam para venda um de seus dois Porta Aviões da Classe “Queen Elizabeth”?
Que fosse o mais usado, mas, seria interessante?

Luiz Monteiro
Luiz Monteiro
Reply to  Wilson Marcos
2 anos atrás

Prezado Wilson,

Pelo que se comenta, os dois navios-aeródromo da classe QE somente operarao juntos em caso de conflito. Em tempo de paz, farão como os LPD da classe Albion, ou seja, em revezamento periódico.

Grande abraço

CAPT, Grande
CAPT, Grande
2 anos atrás

Oceano Atlântico – Atlântico Sul . Amazônia Azul. O importante é que será a nossa Capitânea. Sou do A-13 Paraná, mas entendo que estamos bem servido com um nome do local em que será sua casa. E do nosso País. Cordial abraço.

Guilherme Poggio
Reply to  CAPT, Grande
2 anos atrás

Atlântico Sul já tivemos um. Deu muito azar na MB. Melhor não repetir.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
2 anos atrás

Eta bicho bonito!!! Agora só falta passar pela manutenção, depois para a retirada total de todos os sistemas de armas, e estará pronto para a MB.

diego
diego
2 anos atrás

sugestão de nomes:
1 Nael Minas Gerais,
2 Milenium Falcon kkk

diego
diego
2 anos atrás

pula o A-13 pois 13 dá azarkkk

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
2 anos atrás

Nael Oceano

ADRIANO M.
ADRIANO M.
2 anos atrás

Porta-Helicópteros de Assalto Clóvis Basílio dos Santos…

Marcio
Marcio
2 anos atrás

Brasileiro se contenta com muito, muito pouco, alguns comentários são dignos de pré adolescentes.

TeoB
TeoB
Reply to  Marcio
2 anos atrás

não é se contentar com pouco… como dizima meu finado amigo o seu Chico – Pra quem não tem nada a metade é o dobro.

Mattos
Mattos
2 anos atrás

Olha, o nome é o menos importante. O importante é que venha funcionando e espero que não venha tão depenado. O melhor nome seria Brazil (com Z mesmo porque com S, a moral está baixa).

Ronaldo de souza gonçalves
Ronaldo de souza gonçalves
2 anos atrás

Marcio foi uma ótima aquisição,se não fosse o pessoal já estavam xingando a MB.O Brasil conseguiu reverter com essa aquisição uma falancia que o Brasil estava perdendo a hegemonia na américa do sul.Agora temos uma MB que precisa muito mais mas pelo menos deixamos de cair.O Ocean vem dá um animo novo a MB desde a retirada do A-12.Quando falo que a Inglaterra é mais aliada do Brasil que o EUA,eles inclusive deu prioridade aõ Brasil nos caso das type 26 mas isto não sei se é interessante pois só daqui a 5 anos.

Rodrigo Tavares
Rodrigo Tavares
2 anos atrás

Ronaldo

Classe Type 23

Airacobra
Airacobra
2 anos atrás

Vejo gente chamando de NAeL(Navio Aeródromo Ligeiro), de Porta Helicopteros, já o chamando de G-41, tudo depende de como a MB irá classifica-lo, se como um tipo de Navio Aerodromo não seria nenhum “G” da vida, mas sim um “A”, nesse caso poderia ser Navio Aeródromo de Helicopteros de Assalto , no caso, NAeHA “nome” e indicativo visual A-“numero designado”, mas se a MB o classificar como um Navio Anfibio, a nomenclatura não seria nada parecido com Navio Aerodromo de nenhum tipo, seria algo mais parecido como a nomenclatura do Bahia, mas sem o termo “doca” e o indicativo seria… Read more »

Aerokicker
Aerokicker
Reply to  Airacobra
2 anos atrás

Já foi definido como Navio Porta-Helicópteros Multipropósito (NPhM), alguém falou aqui há algum tempo não lembro onde, snme foi o Luiz Monteiro. Daqui a pouco alguém aparece com o link. A letra ninguém sabe qual os iluminados da Marinha escolherão. A maior “briga” mesmo é pelo nome, cada um quer puxar a brasa para a sua sardinha. De qualquer forma, como paulista eu só espero que resolvam logo o que vão fazer com o São Paulo, se vira museu, se aproveitam o casco que está bom para outra coisa, se arranjam um jeito miraculoso de enfiar um motor e EMALS… Read more »

Bardini
Bardini
2 anos atrás

Navio de Propósitos Múltiplos Atlântico – G 41
.
Deu…

Anderson Rodrigues
Anderson Rodrigues
2 anos atrás

Galante não é querendo ser chato não, já até peço desculpas, mas quase me deu um reverterio de ler “Sua Majestade” na legenda da foto, ainda mais pensando que esse site é feito de Brasileiros patriotas para Brasileiros patriotas, deixa ela ser a majestade so deles ne.

cfsharm
cfsharm
Reply to  Alexandre Galante
2 anos atrás

Jesuis… já chega uma reforma ortográfica política na vida!!! Como é que o Galante iria traduzir “Her Majesty” – Majestade Deles!?!?

Sds.

Cícero
Cícero
Reply to  Alexandre Galante
2 anos atrás

Proclamar a república foi um grande erro, deveríamos restaurar a monarquia com urgência.

MigBarSan
MigBarSan
Reply to  Anderson Rodrigues
2 anos atrás

Na realidade a majestade é dela, só, literalmente.

Fernandes
Fernandes
2 anos atrás

Minha sugestão seria G41 – Jenipapo. Homenagem aos 400 piauienses heróis que morreram em batalha contra a coroa portuguesa, pela independência do Brasil. Esse nome por si só já causa confusão nos estrangeiros, que tem dificuldade para pronúncia desse nome de origem indígena brasileiro.

Marcio
Marcio
2 anos atrás

Ronaldo de Souza Gonçalves Vi o nascimento do Bavex na decada de 80 (moro em Taubaté SP). Empresas como Avibras, Engesa, Embraer, Tectron e tantas outras em São José dos Campos SP. Passados quase 40 anos não saimos do lugar. Muito pouco se fez para um país continental como o nosso. A indústria de defesa no pais é pífia. Temos mais de 7.000 km de fronteira marítima e uma marinha de guerra pífia. Tudo velho e sucateado. As Fragatas estão no final de suas vidas e até agora nada, Não se tem embarcações novas de patrulha oceânica, fragatas, destroiers, hovercrafts… Read more »

Marcio
Marcio
2 anos atrás

Detalhe…!!!
Somos a 9 (nona) economia mundial. A frente de Rússia, Austrália, México, Coréia do Sul, Espanha e tantos outros nações. Estamos entre a 10 maiores nações mais ricas e produtoras do mundo. No ranking de gastos militares com defesa estamos em 13 (décimo terceiro). Dá para acreditar….???

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
2 anos atrás

Vai começar… o Brasil é um dos maiores países do mundo e tem uma das maiores populações do mundo, só isso ajuda muito para o pib estar nessa posição, mas não quer dizer que o Brasil é mais rico do que esses países menores e com população menor. Preferiria viver no Canadá ou Austrália, que apesar de grandes também, tem uma população bem menor que a do Brasil e qualidade de vida infinitamente melhor.

Celso
Celso
Reply to  SmokingSnake 🐍
2 anos atrás

A porta esta aberta pra sair quando quiser, nao seja por isso….porem sera que voce seria aceito ou preencheria os requisitos para morar la. Parece facil, facil, assim qualquer um poderia ir. O Brasil precisa de patriotismo e educacao e nao de proselitismo. Aqui podemos fazer mais, ou melhor poderiamos, mas nos acomodamos e deixamos que forcas espurias e minorias se apoderassem do poder. Enfim, Brasil, pais de tolos, ignaros, omissos e covardes

JClaudio
JClaudio
2 anos atrás

Um bom nome para esse navio seria “White Elephant”. Todos os navios brasileiros têm nomes inexpressivos.
.
“Le terrible”, isso sim é nome de um barco de guerra.
.
A sugestão do colega acima é muito boa: Pedro I, ou Pedro II, seria nomes expressivos.

Otto Lima
2 anos atrás

Minhas sugestões para o navio:

Classificação: navio-aeródromo multipropósito (NAeM)
Nome: Atlântico
Indicativo: G41

Karl Bonfim
Karl Bonfim
2 anos atrás

G-41 Navio anfíbio? mas ele não tem doca alagavel! Pode isso Arnaldo?
Se é um porta helicóptero, uma classe de navio que nunca tivemos, a Marinha deveria inovar, que tal H-01 Atlântico, Pernambuco…Qual é mesmo o estado natal do general Luna, ministro da defesa?

Dalton
Dalton
Reply to  Karl Bonfim
2 anos atrás

Karl…
.
para um navio ser “anfíbio” ele necessariamente não precisa ter uma doca…há outros meios de desembarcar tropas e equipamentos através de helicópteros que é o caso de
navios “anfíbios” como o “Ocean” que tem como indicativo a letra “L” que também é
utilizada pelos “LPDs” classe “Albion”.

Camilo
Camilo
2 anos atrás

Deixemos de colocar nomes nas embarcação com nome de Estados ,eu apoio nome da nossa história.fica mais simbólico.

Camilo
Camilo
Reply to  Camilo
2 anos atrás

embarcação = embarcações era em plural hehehe,falho meu.

Helano Moura
Helano Moura
2 anos atrás

Putz , essa festa toda por uma nave usada , isso e brazil vivaaaaa!!!!!

Marcos
Marcos
2 anos atrás

O navio está em estado de novo…50.000 milhas náuticas não é nada, da menos de 100.000 km (92.600), já tive carro bem mais rodado que isso!
Vi que um porta container Maersk navega em média 170.000 milhas/ano, ou seja, percorre em 4 meses distância maior do que o Oceano navegou em 20 anos.

Nilson
Nilson
Reply to  Marcos
2 anos atrás

Marcos, em algum lugar li que o Ocean já havia feito 450.000 milhas náuticas. Está novo, mas nem tanto rsrsrsrsrs

Marcos
Marcos
Reply to  Nilson
2 anos atrás

Tem mais lógica, investir na visto de um navio desse porte para navegar 50.000 milhas náuticas é estranho, mas é o que consta na matéria, seria interessante o redator confirmar os números corretos.

fabio jeffer
fabio jeffer
2 anos atrás

só espero que não fique rodando apenas na Baia da Guanabara

Marcelo
Marcelo
2 anos atrás

A marinha deveria acabar com este monte de letras nos indicativos de cascos, adotar somente números, como a U.S. NAVY , pois o uso de letras está se esgotando como podemos ver, navios como este LHA futuro, seja qual nome, ele inicia uma nova doutrina, como navio de controle de área e apoio de desembarque vertical, deve ser colocado, somente um numero, poderia ser “onze” somente….

Dalton
Dalton
Reply to  Marcelo
2 anos atrás

Marcelo… . até mesmo na US Navy há uma exceção com relação aos grandes navios de assalto anfíbio “LHDs” e “LHAs”…em fotos é possível ver no casco tanto na parte dianteira como traseira o indicativo com letras e números, mas, mesmo os demais navios tendo apenas números pintados no casco há toda uma “sopa de letrinhas” para eles no registro…CGs, DDGs, CVNs, etc, apenas não estão pintados no casco. . No caso do “Ocean” a lógica pede que ele receba a letra “G” que é utilizada para navios do chamado Esquadrão de Apoio que compreende navios “anfíbios” e “logísticos” e… Read more »

Nilson
Nilson
Reply to  Dalton
2 anos atrás

Na Royal Navy não havia dúvida de seu emprego preponderantemente anfíbio. Agora, na MB, talvez seu emprego seja mais como ASW e ASuW. A definição da letra (A ou G) pode até mesmo indicar a doutrina prioritária na operação real, pois o navio admite ambas (é um NPhM). Mas essa opinião é apenas uma viagem-torcida, sei que o tradicional e mais óbvio é que seja classificado como G.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
2 anos atrás

Caro André Bitencourt!, não é somente honrar e lembrar os heróis desta nação da época do império Brasileiro, mas também honrar os que fizeram por merecer após! Assim como muitos países o fazem! Acho ótimo homenagear os estados da federação, mas também os que proporcionaram o país a te-los . Seja muiito bem vindo Ocean Pernambuco. ST4

Luiz Floriano Alves
Luiz Floriano Alves
2 anos atrás

Que chegue logo. E consigamos uma uma FMS de uma duzia de Super Harriers dos fuzileiros/US que já estão recebendo seus F-35 B. Ficaria muito bem dotado para defesa de nossos mares.