Home Feira de Defesa Navios da Marinha do Brasil na Ridex

Navios da Marinha do Brasil na Ridex

14192
21
Navios da MB no Prier Mauá, ao lado da Ridex
Navios da MB no Prier Mauá, ao lado da Ridex – Fotos: Fernando “Nunão”De Martini

Rio de Janeiro – A Marinha do Brasil também está presente na Ridex – Rio International Defense Exhibition 2018 com quatro navios atracados no Pier Mauá: o NDM Bahia (G40), a corveta Barroso (V34), um navio-patrulha e um aviso de patrulha.

O ministro da Defesa, Joaquim Silva e Luna, participou nesta quarta-feira (27), da cerimônia de lançamento da feira, a bordo do NDM Bahia.

Organizada pela Empresa Gerencial de Projetos Navais (EMGEPRON), e com apoio institucional do Ministério da Defesa (MD), a feira conta com a participação de 150 expositores nacionais e estrangeiros, que apresentarão produtos bélicos e dispositivos usados, sobretudo, por organizações militares.

São esperadas mais de 20 delegações de diferentes países da Ásia, Oriente Médio, África, América do Sul e Europa.

A Feira também promoverá palestras e simpósios com autoridades da área sobre os desafios do setor de Defesa e Segurança brasileiro.

Subscribe
Notify of
guest
21 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vovozao
Vovozao
2 anos atrás

Alguém sabe informar se está empresa que criou este radar que está sendo testado pela MB, na fronteira com o Uruguai, também está participando.

Jorge Augusto
Jorge Augusto
2 anos atrás

O Bahia é grande pra “diacho”

Vocês vão estar lá cobrindo a feira ou ela é fechada como a LAAD?

diego farias
diego farias
Reply to  Jorge Augusto
2 anos atrás

O bahia e grande sim, agora imagina o A-140 Atlântico que é bem maior.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
2 anos atrás

Nesta quinta e sexta ela é aberta, Jorge, noticiamos aqui desde abril, mais de uma vez.

https://www.naval.com.br/blog/2018/04/17/publico-participara-gratuitamente-da-ridex/

Cheque no site (tem link a partir do link acima) se ainda aceitam inscrições.

Hoje eu já tinha compromisso, irei amanhã.

Ivan BC
Ivan BC
2 anos atrás

Que bonita foto!

Gabriel Barbosa
Gabriel Barbosa
2 anos atrás

Coloca o A140-Atlantico ai do lado!!! hehehehehe

Defensor da Liberdade
Defensor da Liberdade
2 anos atrás

Devem estar atracados no museu naval da exposição…

Alfredo Araujo
Alfredo Araujo
Reply to  Defensor da Liberdade
2 anos atrás

Não… estão no pier Mauá.

Brunno
Brunno
2 anos atrás

Na verdade é o Navio-Patrulha Gurupá e o Aviso de Patrulha Marlin.

Nunes-Neto
Nunes-Neto
2 anos atrás

Será que algum dia poderie visitar um navio como o Bahia , Fragatas classe Nitéroi ou PHM Atlântico em Belém? Bate até tédio….só vejo de longe quando vou ao RJ .

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  Nunes-Neto
2 anos atrás

Nunes, não fique triste, nós aqui no RJ, apesar da sede da Esquadra só vemos os navios de longe e quase nunca são abertos para visitações, somente nas comissões fora do estado.

Puxa, não poderei ir nesta Feira, mas o Nunao vai mandar fotos, né Nunão???

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
2 anos atrás

Espetacular essa primeira e última fotos. Dá pra ter noção da diferença entre o Bahia e uma corveta.
Fico imaginando o Bahia e o Atlântico lado a lado.

Antonio Renato Arantes Cançado
Antonio Renato Arantes Cançado
2 anos atrás

A LAAD NÃO É fechada.

Bernardo
Bernardo
2 anos atrás

Um ponto muito ruim da abertura da RIDEX foi a utilização do NDM BAHIA como espaço para eventos. É um dos poucos navios ativos da esquadra que se submete a este “papel”, tendo o São Paulo com um convôo enorme….

Falta um pouco de sensibilidade em certas decisões.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  Bernardo
2 anos atrás

Bernardo,

O São Paulo já era, está sendo preparado para descomissionamento. Por que a MB iria rebocar para uma Feira de negócios um navio que daqui a pouco terá sua mostra de desarmamento?

Se o Atlântico já estivesse aqui, seria ele o escolhido.

Dalton
Dalton
Reply to  Bernardo
2 anos atrás

Bernardo…
.
o “São Paulo” está sendo inativado…”em obras” por assim dizer, portanto não adequado à abrigar eventos, mas, também encontra-se atracado no Arsenal que não é aberto ao público…daí a utilização do do pier Mauá.

Amauri Pacheco Borba
Amauri Pacheco Borba
2 anos atrás

Aquilo à direita é uma plataforma de petróleo? Ela opera tão perto da costa ou está ali para o evento?

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Amauri Pacheco Borba
2 anos atrás

Não é uma pergunta séria, é?

Leandro Costa
Leandro Costa
2 anos atrás

As inscrições, salvo engano, ainda estão sendo feitas no site, mas não são mais gratuitas. A pessoa que se inscrever terá que desenbolsar R$30,00.

Eu queria muito ir, mas infelizmente não será possível, mas recomendo à todos que possam ir que façam.

Rogério Mendes
Rogério Mendes
1 ano atrás

Gostaria que o navio aeródromo São Paulo, vira se museu naval em Santos, seria excelente para eventos.