Home Marinha do Brasil AMRJ realiza a docagem do NDM Bahia no Dique Almirante Régis

AMRJ realiza a docagem do NDM Bahia no Dique Almirante Régis

6403
62

O Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro (AMRJ) realizou, em 29 de janeiro, a docagem do Navio Doca Multipropósito (NDM) “Bahia” no Dique Almirante Régis, para execução do Período de Docagem de Rotina (PDR).

Trata-se da primeira docagem do navio desde que foi incorporado à Marinha do Brasil, em 2016.

Os principais serviços a serem realizados durante a docagem são o tratamento e a pintura das obras vivas, revisão dos sistemas da propulsão (engrenagens redutoras, linhas de eixos e hélices de passo controlado) e do sistema de geração de energia elétrica (dois motores de combustão auxiliares).

FONTE: Marinha do Brasil

62
Deixe um comentário

avatar
15 Comment threads
47 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
30 Comment authors
Fábio de SousaFernando XOjose luiz espositoAlex NogueiraPaulo costa Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Tomcat4.0
Visitante
Tomcat4.0

Eita bichão enorme viu, vai ganhar um tapa na pintura e uma lubrificada e vamo que vamo!!!

Willber Rodrigues
Visitante
Willber Rodrigues

“Ae doutô, vai um pretinho nessa hélice aí?”

Paulo costa
Visitante
Paulo costa

A Marinha tinha que aproveitar essa parada e melhorar as defesas do Bahia com um canhão maior e um Simbad RC, mas infelizmente CoMo Vc disse vai ser só uma pinturiNha mesmo e so.

Alex Nogueira
Visitante
Alex Nogueira

Ao meu ver, o sistema Simbad RC* (com câmera IR e autotracking) é o minímo do minímo para atuar com uma certa margem de segurança em um T.O que envolva mísseis antinavio… aproveitava e colocava um Bofors Mk4 40mm também 😛 .

*Poderia ser algum outro sistema baseado em MANPADs também.

Mauro
Visitante
Mauro

Vejam a importância do A-140.
Bahia em reparos e o Atlântico na ativa… temos de ter mais meios…
Imagine uma missão humanitária que necessitasse de um navio de grande porte neste momento… o Atlântico iria tranquilamente.

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

A Marinha do Brasil tem que focar na Defesa da Costa, Pesquisa e Mapeamento dos Nossos Rios, da Costa e do Continente Antártico, Sinalização Costeira, Fiscalização e Segurança Marítima.

Sua principal função é proteger, intimidando, inibindo e combatendo a pesca ilegal, contrabando, piratarias e drogas.

Não é prioridade Missão Humanitária – faz porque gera receita$ financeira$ da ONU. Mas ser Uber da ONU não!

Aerokicker
Visitante
Aerokicker

Pela sua lógica, então ao invés de uma Marinha precisamos de uma Guarda Costeira. O Atlântico e o próprio Bahia seriam navios inúteis.

Pelamor. Por causa dessa tacanhez também que estamos no estado atual. Si vis pacem para bellum.

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

Não … vamos deixar os pesqueiros brasileiros em águas territoriais brasileiras tomarem um “chega prá lá” e ser alvejado por chineses …

Prefiro vê-los navegando nas nossas costas ou invés de fazer média com a ONU.

Sobre o Bahia e Atlântico não foram comprados para fazer missões humanitárias e nem ajudar os outros … foram para dar suporte a Força de Fuzileiros, suporte a Costa no desembarque das Forças e Proteção a Frota.

jose luiz esposito
Visitante
jose luiz esposito

Estas com a cabeça no Século XIX e mesmo lá a Marinha Imperial impressionava com seus 96 navios de linha !

Vovozao
Visitante
Vovozao

08/02/19 – sexta-feira, btarde, Fábio, não tem o que falar fique quieto, missão humanitária pode ser até aqui em nossas terras Brasil, uma grande calamidade, forças armadas além de proteger o território também existe para missões humanitária, quantas vezes nos que não somos militares não conseguimos chegar e as FFAA com sua estrutura/meios de locomoção conseguem chegar. Pense antes de falar, quando vem aqui nos ajudar é bom, nós irmos não.

Vovozao
Visitante
Vovozao

08/02/19 – sexta-feira, btarde, Sr Fábio, em complementação, o Sr não deve saber porém entre 1961/1964 – nós passamos uma grande excasses de comida no Brasil, eu naquela época morava na rua Silveira Martins no Catete , Rio de janeiro, em frente ao palácio da república e, 2 vezes ao mês nós fazíamos uma fila gigantesca, esperando os REOS velhos do EB para distribuir 5 kilos de arroz chamado japonês ( todo quebradinho), 2 de feijão, 2 de açúcar para não morrermos de fome, isto era doação dos EUA ( aliança para o progresso), depois eles passaram também a doar… Read more »

Celso
Visitante
Celso

aquele que nao tem passado e nao conhece a historia, esta fadado a repeti-la. Eu vivi essa epoca e enfrentei essas mesmas filas aqui em SP. Ja comentei esse fato aqui mesmo. Poucos sabem ou entendem a grandiosidade dessas acoes e que o Brasil ja foi amplamente ajudado por outrens. Hoje, bem ou mal, temos um enorme agronegocio e podemos nos dar o direito de tambem ajudar com alimentos e ate mesmo medicamentos a outros paises com suas tragedias. Infelizmente a tal mentalidade egoista esta em alta e poucos mesmo entendem o tamanho do gesto e quem estaria apto a… Read more »

Celso
Visitante
Celso

Fabio Araujo, discordo de sua atitude, voce mesmo poderia se dar o respeito e a comecar a respeitar os mais experientes. Deixe de ser agressivo, voce nao tem a experiencia ou vivivenciou para opinar em certos assuntos que sequer conhece. Respeito e educacao andam de maos dadas, comece a exerce-las. Sds

Grozelha Vitaminada Milani
Visitante
Grozelha Vitaminada Milani

Então é assim … porque tem idade, tem o direito de mandar ficar quieto (calar a boca) e ir pensar antes de escrever (chamando de burro), porque pensa diferente? Kd os moderadores do site? Porque não suspenderam esse post? Se não curtiu o que o cara disse sobre as prioridades da Marinha, paciência e respeite a liberdade de pensamentos. Se a Marinha tem que ser uma Marinha Humanitária então porque não investiram em mais navios de multipropósito tipo Bahia? Hoje a MB constrói 5 submarinos, está para fechar a compra inicial de 4 Corvetas, está modernizando uma parte de Lynxs,… Read more »

Grozelha Vitaminada Milani
Visitante
Grozelha Vitaminada Milani

Não vi nenhum desrespeito em defender essa ou aquela prioridade da MB. Nem nada que justifique mandar ficar quieto ou pensar.

Nem o cara escreveu ser contra missões humanitárias.

Mas sim enquanto nosso pesqueiro quase afunda por uma embarcação pirata e invasora, temos um barco navegando no Mediterrâneo.

Qdo um barco da MB navega na Zona Territorial Marítima do Brasil o custo é nosso. No caso do Líbano, recebemos uma boa gratificação da ONU. ISSO É FATO!

Celso
Visitante
Celso

Groselha e ainda da Milani kkkkkkkk colocando panos quentes hemmmm antiga Milani de Campinas……….

J.Neto
Visitante
J.Neto

Pois é, percebi faz tempo esta situação. O conhecimento passa não apenas na experiência, mas na real vivência e estudo dos assuntos abordados. Aliás, como sempre, não se entende nada do raciocínio e o nexo causal,mas…

Celso
Visitante
Celso

nao se trata de idade, trata-se da boa norma de respeito e educacao. O cala a boca foi dado por seu par de comentario bem como voce mesmo. Cresca e apareca, se nao tem argumentos fique quieto e aprenda. Afinal, ninguem te ensinou nada ? Pense o que quiser, tome a atitude que quiser, etc…mas lembre-se sempre que ninguem e obrigado a pactuar dos mesmos erros sempre. Melhor suspender mesmo (comentario seu), eu particularmente ja estou farto de ler despauterrimos e outras asneiras aqui e acola. Voce esta fora da realidade das FAs. Arghhhhhhh…..quem da voz a ignaros, corre o… Read more »

jose luiz esposito
Visitante
jose luiz esposito

Esta é boa Defesa de Costa !

Fabio Araujo
Visitante
Fabio Araujo

Missões humanitárias podem acontecer tanto no Brasil como no exterior, vide o caso de Brumadinho que os israelenses nos ajudaram. Temos que estar sempre prontos para nos defender, mas se preciso atuar para minimizar crises humanitárias aqui ou no exterior. Por exemplo os navios hospitais fluviais da Marinha praticamente só fazem trabalhos humanitários nas regiões do Pantanal e da Amazônia, e sem eles muitos de nossos compatriotas não teriam acesso a tratamentos e exames modernos nas regiões em que vivem!

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

Não sou contra Missões Humanitárias.
Só disse que não são a prioridade número 1 da MB.
Se fossem não estaríamos fazendo 4 submarinos convencionais, 1 submarino nuclear, 4 corvetas, atualizações e upgrades nos Super Lynks …
Ou mudaremos para MHB, PHHM, NDMH … e teriamos somente Helicopteros de Uso Geral e Transporte.

Bom é quando nossos pescadores são expulsos das suas águas, e não tem quem chamar porque temos um barco no Líbano …

AndréRN
Visitante
AndréRN

O caso do ataque ao barco de pesca brasileiro pelos chineses aconteceu em águas internacionais, caso você esteja se referindo a esse fato. E lembre-se, o Brasil talvez um dia pode precisar de uma missão humanitária da ONU.
Você diz que não é contra missões humanitárias mas…

“Não é prioridade Missão Humanitária – faz porque gera receita$ financeira$ da ONU. Mas ser Uber da ONU não!”

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

Disse que pra mim, não é prioridade da MB Missão Humanitária. Não disse que sou contra. É só ver o que a MB hoje está comprando e o que tem como focu nas futuras compras. Isso é fato. Mas daí a me mandar calar a boca e pensar … respondi porque não aceito essa postura, seja de quem for. Sempre ouve uma briga interna, seja qual força militar envolvida, em participar dessa missões da ONU. Todos os militares qdo na missão são bem remunerados, recebendo um extra bem gordo. Isso tbém é fato! Pelo que eu li, inclusive aqui e… Read more »

Celso
Visitante
Celso

Fabio, ninguem de forma direta mandou ou pediu para voce nao escreve, alias essa e a forma correta de responder. Aqui ninguem fala ou manda na forma verbal. Voce que ja saiu cheio de dodoi e partindo desreipetosamente ao comentario do colega. Cada um tem seu tempo e experiencia e dentro disso na vida , passa a ter uma visao mais conservadora pautada no tempo passado. Sem atropelos e sabendo gastar energias e recurso dentro desse tempo. Nao teremos a MB que voce outros aqui querem, ate mesmo o tal livtro branco quando foi publicado ja continha barbaridades e mentirar… Read more »

Willber Rodrigues
Visitante
Willber Rodrigues

Estava voltando da Baia pra São Paulo no último domingo, e na volta passei pela ponte Rio-Niterói. Primeira vez que passo por dentro do RJ. Ví duas Niteróis ( não lembro os números do casco ), o Atlântico, o São Paulo, o Greenhalgh e um navio que eu acho que era o Almirante Saboia. Não lembro de ter visto o Bahia alí. Foi a primeira vez que que eu ví os navios da MB de perto. Todo mundo impressionado com os navios de cruzeiro e petroleiros na Guanabara, e eu achando incrível ver o São Paulo e o Atlântico, mesmo… Read more »

jack
Visitante
jack

Faltou uma foto Willber !! Bom final de semana

Willber Rodrigues
Visitante
Willber Rodrigues

Ih…nem deu, infelizmente. O trânsito tava bom no domingo, e o motorista do ônibus aproveitou pra pisar no acelerador quando estava na ponte. Uma pena.

Willber Rodrigues
Visitante
Willber Rodrigues

Ah, passei do lado de uma base dos fuzileiros Navais tambem. O pátio deles estava cheio de caminhões-pipa pintados de branco e com o símbolo da ONU.

ghtuoz
Visitante
ghtuoz

Que medo que dá rsrsrsr levando em conta que o último francês que entrou ai praticamente não saiu mais…….

Mauro
Visitante
Mauro

Tem mais gente que não vai sair mais, se é que me entende.

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

Por exemplo?

Podemos usar como alvo e teste de armas …

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

Como estão os 5 submarinos? Faz tempo que ninguém comenta ou se tem notícias …

Mahan
Visitante
Mahan

Tem outros 3 que em seguida baixarão

Mahan
Visitante
Mahan

Seria a hora certa? Por quanto tempo estará em reparos?

Pablo
Visitante
Pablo

Tem previsao de quanto tempo vai ficar em manutenção ?

tony
Visitante
tony

E como dizem quem tem 1 não tem nenhum !!!!!

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

E quem tem 2 … 1 é desativado e fica de fonte de peças sobressalentes pro outro.

tony
Visitante
tony

Então o melhor e ter 3

teropode
Visitante

Pela numerologia o IDEAL é ter 7 .

pgusmao
Visitante
pgusmao

Tinham que construir uma base aeronaval em Trindade, sei que as condições da ilha não são propícias, mas para tudo a engenharia dá um jeito, basta querer. Afinal, fomos à Lua, tudo é possível, o difícil é convencer os ambientalistas.

Nilson
Visitante
Nilson

Mesmo que fosse possível, sempre acho essa ideia péssima. Uma base em Trindade seria um ótimo trampolim para algum invasor que viesse nos atacar, assim como Okinawa e outras ilhas foram trampolins para possível invasão do Japão (tudo guardadas as proporções, lógico). Imagine a dificuldade de defender uma ilha distante do litoral, e quanto é mais fácil para um invasor conquistar uma ilha para trampolim do que ter que vir direto atacar o continente. Aliás, Fernando de Noronha é nosso ponto fraco, basta ele, melhor não criar outro…

Bardini
Visitante
Bardini

Torrar bilhões e mais bilhões de reais, travar uma Guerra ambiental de proporções bíblicas e criar toda uma complexa estrutura, imóvel, 1.000 km mar a dentro… Tudo no mais amplo e vasto meio do nada, sendo útil para nada e que ainda poderia ser capturada e utilizada contra o próprio Brasil, em caso de um conflito de alta intensidade.
.
Tem louco pra tudo nesse mundo…

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

Bardini, hoje Fernando de Noronha opera no limite Boeing 737. Quais os caça da FAB e da MB poderiam operar lá? AMX, F-5, futuro F-39, A-4? E cargueiros KC-390, C130?

jose luiz esposito
Visitante
jose luiz esposito

Espere um acidente aéreo na Rota para o Sul da Africa , então vão lembrar de Trindade ou Martin Vaz !

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Quem invadir o Brasil é mucho loco, sinceramente. Haja gente e haja grana.

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

Imagine uma Trindade ou Fernando de Noronha virando uma Dubai ou Doha fazendo aterramento e invadindo o mar … ou mesmo a China … que viagem!

teropode
Visitante

Não faria diferença, se Trindade fosse invadida a marinha não terias ( médio prazo)condição de reconquista-la , melhor um passo por vez , SUBs novos e navios de oportunidade .

Marcos
Visitante
Marcos

Discordo totalmente sobre o uso da Ilha, ela é sim importante. Veja a fala de um Oficial da MB

https://youtu.be/iZVELaE9ufI?t=327

Marcos
Visitante
Marcos

Discordo no sentido de que devemos sim utilizar ela como uma base militar*

Marcos
Visitante
Marcos

“A Marinha enxerga a ilha como um posto avançado vital para defesa do país”.

Nada mais a declarar, falas de um Oficial da MB

Eu acho que pelo menos deveríamos dotar a ilha com um radar e lançadores de mísseis navais.

Nilson
Visitante
Nilson

Aí mudou a história, pode-se até pensar em radar e algo de vigilância, mas o que o colega primeiro tinha proposta era uma base aeronaval, coisa bem diferente.

Fábio Figueiredo
Visitante
Fábio Figueiredo

Os EUA possuem uma plataforma de petróleo convertida para Estação Radar. O Radar de Banda X com Base no Mar (SBX-1) é uma estação de radar de alerta antecipado com matriz de varredura eletrônica , flutuante, autopropulsada e móvel, projetada para operar em ventos fortes e mares revoltos. Foi desenvolvido como parte do Sistema de Defesa de Mísseis Balísticos da Agência de Defesa contra Mísseis. O radar é montado em uma plataforma de óleo semi-submersível de casco duplo CS-50 de quinta geração. A conversão da embarcação foi realizada no pátio da AmFELS em Brownsville, Texas ; a montagem do radar… Read more »

Fabio Araujo
Visitante
Fabio Araujo

Esse serviço dura quanto tempo? Pelo que entendi é algo de rotina, mas pelo tamanho da embarcação mesmo sendo uma coisa rotineira deve durar um bom tempo!

Eduardo
Visitante
Eduardo

Foi ótima compra de oportunidade, assim como o Atlântico e, futuramente, se espera pelo Wave.

Grozelha Vitaminada Milani
Visitante
Grozelha Vitaminada Milani

Putz, pensei que a compra do G40 – Navio Doca Multipropósito (NDM) “Bahia” era para dar suporte as operações do Corpo de Fuzileiros Navais.

E o A-140 Porta Helicópteros Multipropósito (PHM) era para uma Força Aérea Orgânica (Helicópteros) Multipropósitos – anti-submarino, transporte, geral, ataque e suporte as operações do Corpo de Fuzileiros Navais.

PN é cultura e conhecimento.

Bardini
Visitante
Bardini

Ahhh…
Olha aí o AMRJ sendo útil, enquanto a MB tem um programa para colocar grana em estaleiro privado ao invés de modernizar uma estrutura que serviria a toda a MB.

Grozelha Vitaminada Milani
Visitante
Grozelha Vitaminada Milani

Mas os 4 competidores não ofereceram na 2a. fase a reforma e atualização do AMRJ?

Não acha que se as 4 corvetas novas fossem feitas no AMRJ aconteceriam os atrasos das 1as, Corvetas produzidas no Brasil? E também nesse período de construção o AMRJ estaria inoperante para outras embarcações?

Souto.
Visitante
Souto.

Amigos alguem sabe qual sera a proxima fragata a entrar em PMG??

BMIKE
Visitante
BMIKE

De 2016 até agora o navio estava funcionando bem, vamos ver se depois de sair do amrj vai começar a celeuma…..

Fernando XO
Visitante
Fernando XO
Fábio de Sousa
Visitante
Fábio de Sousa

Espero que como sempre não falte dinheiro para finalizar este período de manutenção , grato