Home Marinha do Brasil Porta-Helicópteros Atlântico abrirá para visitação no Porto de Santos, SP

Porta-Helicópteros Atlântico abrirá para visitação no Porto de Santos, SP

4830
94
PHM Atlântico
PHM Atlântico

Segundo Capitania dos Portos, visitação ocorre durante o fim de semana entre 13h30 e 17h

O Porta-Helicópteros Multipropósito (PHM) Atlântico, o principal navio da esquadra brasileira, faz escala no Porto de Santos, no litoral de São Paulo. A embarcação participa de atividades de treinamento da tripulação e fica aberta à visitação no fim de semana.

Segundo a Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP), a visitação é gratuita e ocorre neste sábado (7) e neste domingo (8) das 13h30 às 17h.

O navio está atracado no Cais da Marinha, localizado entre os armazéns 27 e 29 do porto. O acesso é feito no próprio local.

O PHM Atlântico foi incorporado pela marinha em junho de 2018 e esteve em Santos pela primeira vez em novembro do mesmo ano.

O navio tem 203 metros de comprimento, pode transportar até 18 aeronaves no hangar e 800 militares durante as operações.

FONTE: G1

94
Deixe um comentário

avatar
21 Comment threads
73 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
45 Comment authors
Carvalho2008teropodecarvalho2008Antunes NetoMMerlin Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Souto.
Visitante
Souto.

Boa tarde amigos, alguém sabe quando veremos o ndcc Mattoso
Maia novamente em Santos?

Fernando "Nunão" De Martini
Visitante
Fernando "Nunão" De Martini

Souto, a única coisa que sei é que, em breve, verei o Mattoso Maia novamente no Rio. Assim como vi no ano passado, e no anterior etc.

Fora isso, de garantido só tem o TV Mitsubishi até a próxima Copa do Mundo.

Esteves
Visitante
Esteves

TV Mitsubishi é do tempo da TV de tubo. Apostaram no formato de caixa de projeção. Assim como a SempToshiba, líder na época, não acreditou no formato LCD e na queda de preços.

Space Jockey
Visitante
Space Jockey

Se não me engano a melhor garantia era da Philco…ô gente velha credo kk.

Esteves
Visitante
Esteves

Nem tanto. Lá do final dos anos 1990. Da mesma época que o estado brasileiro virou gigante e a nação ficou pequena.

André Stein
Visitante
André Stein

Hoje a Semptoshiba se chama TCL

Demetrius
Visitante
Demetrius

Amigo Souto, vc é de Santos?

Claudio
Visitante
Claudio

Deram deslize em uma pergunta kkk

Claudio
Visitante
Claudio

Deslike* corretor automático kk

Flanker
Visitante
Flanker

Sim…tb notei! Provavelmente, essa criatura acha o Demetrius não deveria perguntar se o Souto era de Santos….onde se viu?! Perguntar uma coisa dessas?!…kkkkkkk….tem cada doente….mas, não dá bola, Cláudio!

João Moro
Visitante
João Moro

Entendo ser muito bom que a Marinha abra visitação aos seus navios para o público em geral pois isso aproxima mais o cidadão das forças armadas e abre os olhos do cidadão para o investimento em equipamentos/embarcações militares.

João Moro
Visitante
João Moro

Espero que um dia o PHM passe no porto de Paranaguá – PR. Quero muito conhecê-lo.

J R
Visitante
J R

Difícil, geralmente é ida e volta pra Santos, tirando a missão do Líbano onde vão as Fragatas, dificilmente os grandes navios fazem um itinerário diferente desse…

Claudio
Visitante
Claudio

O Brasil abandonou a UNIFIL, a pedido de Israel , porque detectava os aviões de Israel invadindo o Líbano , dai deram desculpa de que poderiam ser atacados “acidentalmente”, o anão diplomático(Brasil) saiu o mais rápido

Fernando Vieira
Visitante

O Brasil cogitava abandonar a UNIFIL. Se abandonou não vi notícia alguma a respeito.
Mesmo que as Niteroi detectem os aviões de Israel, acho que elas não podem fazer muito contra eles. Tudo bem que o governo atual segue o alinhamento automático a EUA e Israel, mas não deveria sair da UNIFIL, e pelo que sei a Barroso tá indo pra lá pra render a atual FCN que está lá.

Salim
Visitante
Salim

Com Brasil declarando hizbola como grupo terrorista o Brasil náo e mais neutro, portanto terá sair unifil.

Claudio
Visitante
Claudio

Essa mania ridícula de ficar comprando as dores dos outros vai dar M€[email protected] ainda pro Brasil.

MO
Membro

Ou seria uma mania do passado de nunca finalmente estar se posicionando no lado certo …

Rommelqe
Visitante
Rommelqe

Ola meu amigo “ostra”, tudo bem? Gostaria de saber da sua opinião a respeito do Atlantico ! Voce deve ter muitas fotos especificas, compartilha com o pessoal! Grande abraço!

Larry Souza
Visitante

A Marinha não saiu da UNIFIL!! Não houve comunicado sobre esse assunto!!!

Madmax
Visitante
Madmax

O Brasil abandonou a UNIFIL pois deixou de ser neutro no conflito ao reconhecer o RAMAS como organização terrorista.

Madmax
Visitante
Madmax

Desculpe, hezbola.

Fernando "Nunão" De Martini
Visitante
Fernando "Nunão" De Martini

“O Brasil abandonou a UNIFIL, a pedido de Israel , porque detectava os aviões de Israel invadindo o Líbano , dai deram desculpa de que poderiam ser atacados “acidentalmente”, o anão diplomático(Brasil) saiu o mais rápido”

Sim, “saiu o mais rápido”…

Uma das primeiras notícias sobre detecção de aeronaves israelenses por uma fragata da MB, na UNIFIL, é de 2012:

https://www.naval.com.br/blog/2012/06/06/fragata-uniao-grava-320-invasoes-aereas-de-israel-no-libano-2/

Estamos no segundo semestre de 2019, sete anos depois.

Realmente, saiu rápido…

Thiago Aiani
Visitante

O ” rápido ” refere-se provavelmente a última administração do país… bastante rápido mesmo. Eu não sou contrário de todo, mas há de se ver ver se haverá um retorno para o país, pois a atual administração se expôs muito em relação a Israel e os EUA, seria a hora de cobrar um retorno concreto e tangível do ponto de vista diplomático e de acordos econômico/ tecnológicos. Escolheu descer do muro e se posicionar? Ok, tudo bem , mas exigiu algo em troca? Mulher oferecida demais ninguém dá valor

Tomca.t
Visitante
Tomca.t

Cadê a nota oficial da MB falando que saiu da UNIFIL, sendo que hoje mesmo se comentou(um comandante da MB) falando sobre a operação da MB fiscalizando aquela região durante o desfile da Independência .

Salim
Visitante
Salim

Todo mundo que estiver com radar na região vai pegar aviões de Israel atacando os desafetos deles, sera que eles só tem pudor em relação ao Brasil!?!! Acredito que o motivo e o Brasil estar tomando posições firmes contra grupos terroristas e perdendo a neutralidade neste conflito como desculpa, já era intenção antiga sair destas missões da ONU.

Joao Moro
Visitante
Joao Moro

A sua análise é que é anã!!

Adriano Madureira
Visitante
Adriano Madureira

Se tiver saído por causa de Israel, só mostra que em um beija-bunda🇧🇷 subserviente mesmo, apesar que duvido dessa notícia, pois até agora nada saiu na mídia.

india-mike
Visitante
india-mike

Se for confirmada a saída do Brasil da Unifil, estará sendo decretado o fim da operacionalidade restante dos esquadrões de escolta da MB. A Barroso e as 3 FCN que participam do rodízio estão operacionais e recebendo as suas manutenções apenas devido a essa obrigação internacional. Entendo completamente que isso é uma distorção absurda e parece até mesmo um contra-senso, mas no momento que a obrigação cessar veremos um abandono desses navios da mesma forma que aconteceu com as demais FCN e com as FCG, as CCI e os SCT. Diria que até mesmo o programa Tamandaré sofrerá (mais um)… Read more »

Salim
Visitante
Salim

E triste, mais acho que VC tem razão.

MMerlin
Visitante
MMerlin

Uma pena a MB não dar atenção a divulgação in loco, com exposição de suas ações e projetos bem como apresentação de treinamentos.
A abertura seria apenas durante um fim de semana nos principais portos brasileiros:
* Porto de Santos;
* Porto de Paranaguá;
* Porto do Rio de Janeiro;
* Porto de Itajaí;
* Porto de Vitória;
* Porto de Rio Grande;
* Porto de Salvador.

MMerlin
Visitante
MMerlin

Sei que o objetivo do embarcação não é este mas, devido ao tamanho, seria perfeito para o fim.

Júnior
Visitante
Júnior

Pessoal, alguem q ja foi visitar um navio em Santos pode me explicar como é o acesso? Gostaria de ir com meus 2 filhos pequenos, dá para estacionar o carro perto? Onde ele fica? Obrigado

J R
Visitante
J R

Os navios da marinha, saem do Rio, vão pra Santos, depois voltam pro Rio, depois atracam, depois vão pra Santos, depois voltam…

Thiago Aiani
Visitante

Eu ia comentar a mesma coisa mas optei não criar polêmicas inúteis.
MB ( também conheçida como MS- Marinha Sudestina ), a maior Guarda costeira do Mundo , sempre alerta na costa sudeste . Um dia terá a capacidade de fechar o Atlântico Sul , por enquanto se contenta de breves cruzeiros do Rio até a Santos.

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

Algumas pessoas não entendem que navios escoltas, de Corvetas pra cima, são navios de combate, que mostram a bandeira e participam de exercícios de aprestamento e treinamento de tripulações em tempos de paz. Não é necessário uma Fragata sair do RJ, ir até a foz do Amazonas e retornar para fazer treinamento. O custo é enorme, pois, não estamos em crise ou tempos de guerra. para patrulhamento do litoral e da ZEE temos as Forças Distritais. Por isso, não há necessidade de se fazer percursos tão grandes para treinamentos. Acho que o pessoal Naval do blog poderá agragar mais às… Read more »

Salim
Visitante
Salim

Marinha guerra Brasil, tem conhecer o Brasil, treinar Brasil , criar estrutura portos e logística Brasil. Portanto tem que fazer treinamento , também, no Brasil de norte a sul.

Carlos Eduardo Oliveira.
Visitante
Carlos Eduardo Oliveira.

Quando entrei na Marinha (1983), era comissão em cima de comissão pro Nordeste, Sudeste e Sul. Perdi a conta. Agora com as vacas magras, acabou isso.

Space Jockey
Visitante
Space Jockey

Lembro da operação Dragão de 1988, foi gigante. Litoral de SC cheio de Navios e filas intermináveis de blindados aqui na frente de casa.

José Luiz
Visitante
José Luiz

Que horas entra no porto. Alguém sabe?

José Luiz
Visitante
José Luiz

Parece que já esta atracado.

elcimar marujo
Visitante
elcimar marujo

fico admirado de tanta gente aqui criticar a MB,é tanto especialista aqui que da até medo,ao invés de procurarem ser mais positivos,não,ficam dando opinião como se fossem os donos da verdade,profundos conhecedores do assunto,temos aqui muitos ex militares graças a deus esses, são de comentários mais decentes e construtivos. não ajuda em nada ficarem denegrindo a instituição aqui e não procurarem dar algum apoio,mesmo que com palavras de otimismo e construtivas,a MB tem seus problemas?. tem e são muitos,mas em parte é falta de dinheiro e do descaso de muitos anos com as forças armadas,agora com o problema da amazônia… Read more »

Space Jockey
Visitante
Space Jockey

Criticam a gestão da MB e os Governos em si, e não a Marinha, diferencie as coisas, e o almirantado tem culpa também sim.

Salim
Visitante
Salim

O gasto com a marinha e alto, porem o que temos são quase 90 mil homens para um submarino operacional e meia duzia de navios antigos e desatualizados. Defender a marinha e corporativismo e relegar o interesse maior que e defender Brasil e seu povo. Amar o Brasil e exigir que estas estruturas de estado funcionem bem e com valores condizentes. Náo aceitar criticas, quase todas construtivas, mostram uma soberba e o achismo que são donos da verdade.

ZamZam_PamPa
Visitante
ZamZam_PamPa

Um navio deste porte teria condições de atracar no porto de Natal, Rio Grande do Norte?

Claudio
Visitante
Claudio

Provavelmente sim, se o Porto recebe navios de cruzeiro, Não teria nenhum problema em receber, o bom Atlântico já esteve em rio grande-rs,

Salim
Visitante
Salim

Acabei de chegar Santos, navio do tamanho cargueiro médio, cabe qualquer vaga. Navio bonito, náo tinha nenhum helicóptero, de armamento uma metralhadora bombordo e na popa um canhão 30 mm bem usado e antigo. Fiquei alegre e triste, infelizmente náo consegue sobreviver sem escolta. Perguntei sobre helicópteros e pessoal desconversou, um soltou que estavam todos operação. As barcaças com propulsão hidrojato são bacanas, porem sem helicóptero grande para desembarque acho que fica difícil operar com volume gente.

Claudio Silva
Visitante
Claudio Silva

Quando vem para o nordeste?

souto
Visitante
souto

A migo Demetrios não sou de Santos sou de Recife PE.

Demetrius
Visitante
Demetrius

Bela cidade Souto! Forte abraço…

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Amigo, eu acredito que NUNCA. kkk

MO
Membro

Ahhhhhhhhhh, mas esta cidade nao eve um ser que não postou nenhuma imagem do navio em Santos ….. cadê o maneh do tal de MO ?????

(Será que não mesmo … kkkkkk ) …

Rommelqe
Visitante
Rommelqe

Caro Mo: esse casco do Atlantico esta revestido com pintura antiincrustação de moluscos (essa tinta funciona bem enquanto nova, ja usei em hifros, porem vai perdendo, ao longo do tempo, sua capacidade protetora pois sua superficie vai craquelando) Voce, que vive “incrustado”, sabe dizer quanto tempo o pessoal da MB tem como expectativa de vida para esse revestimento? Tem efetividade nas condições maritimas?

MO
Membro

A cada PND, dependendo da disponibilidade do (no caso da MB e da disponibilidade de verbas x PMG) da Marinha. A título de exemplo, na minha empresa era a cada 2 anos, mas novamente, depende de vários fatores and critérios (os navios que me refiro não de navegação ininterrupta, diferente do padrão MB

Fernando XO
Visitante
Fernando XO

Complementando o prezado MO, realiza-se uma pintura geral a cada três retoques… em ambos os casos, as obras vivas são pintadas integralmente, a diferença é que o retoque prevê menos “demãos”… abraço a todos…

Rommelqe
Visitante
Rommelqe

Prezados Fernando e Mo, muito obrigado.

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Acho que para Marinha Brasileira, só existe São Paulo e Rio de Janeiro para navios grandes fazerem visitações ou treinamentos.

Alex
Visitante
Alex

O Brasil precisa de 5 porta-helicópteros

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Acredito que dois porta helicópteros e um porta avião seria suficiente! Mas antes disso, teríamos que ter uma força de superfície (submarinos e fragatas) o bastante, antes de pensar nesses meios.

Space Jockey
Visitante
Space Jockey

Com modificações seria possível esse navio operar 12 F-35 B ? Algo parecido parece que o japão vai fazer.

Dalton
Visitante
Dalton

Quanto ao que o Japão fará, apenas os 2 navios da classe “Izumo” serão modificados para embarcar e operar o F-35B, navios estes diferentes do “Atlântico”, maiores, mais velozes e que não necessitarão muitas modificações, enquanto os 2 menores da classe “Hyuga” comparáveis em tamanho ao “Atlântico” não serão modificados.
.

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Acho que podia colocar uns 4 apenas e esses quatros sempre ficarem em cima, tendo em vista que para baixo não conseguiriam ir!

Fernando Turatti
Visitante

Pra ser exato, o Izumo é 50% mais pesado e 50% mais veloz. É a diferença do dia para a noite. Imagine quanto isso não pode mudar pra um lançamento de aeronave, por exemplo. Fora o tamanho dos elevadores, resistência ao calor do deck… Fora que mesmo sendo britânico desde quando harriers operavam lá, não o fizeram no Ocean.

Salim
Visitante
Salim

Possível e, porem fica muito caro e náo vai atender todas necessidades operacionais, uma gambiarra. Levando em conta o que falta para desativação do navio fica recomendável fazer um novo projetado para este fim.

Salim
Visitante
Salim

Acabei de chegar de Santos, na real e meio impossível. Náo tem espaço para caças. Só para helicópteros mesmos, ate v22 fica apertado, chinok da, mais poucas unidades.

Camargoer
Visitante
Camargoer

Olá Salim. Acho que se for usar F35, então seria necessário coordenar com a FAB e com o EB. Um esquadrão de F35 será tão caro que vai precisar de um navio dedicado ao invés de adaptar o A140. Caontudo, a pergunta mais importante seria sobre a necessidade da MB manter um um porta-aviões operando no Atlantico sul.

teropode
Visitante

Breve veremos a matéria com o título: Marinha fará adaptações no Atlântico para operar os 12 caças F35 B . Anotem !

Flanker
Visitante
Flanker

Já anotei….kkkkkkkkk….para que, eu não sei, mas anotei…. Falando sério: Como, com qual dinheiro a MB vai, em breve, adquirir 12 F-35B? E Para operar no Atlântico, ainda por cima? A MB mal e porcamente consegue operar os helicópteros que possui….o mesmo valendo para o seis AF-1M (dos quais não recebeu todos ainda). Se não teve dinheiro para modernizar os 12 Skyhawk previstos inicialmente, vai conseguir comprar, manter e operar 12 F-35B?? Além disso, o Atlântico não opera com o F-35….mesmo que sofresse modificações extensas e caras, não poderia operá-lo de forma plena…. A MB adquirir o F-35 seria o… Read more »

teropode
Visitante

Não estrague o momento !

Fernando
Visitante

É só chegar lá para ver ou tem que fazer alguma reserva por internet?

MO
Membro

Reserva ? Tipo mesa 7 para 2 ???? Amigo, acho que visitar navios não deve ser se sua familiarização né … kklkkk

MO
Membro

De sua*

Camargoer
Visitante
Camargoer

Ola Fernando. Às vezes que pude visitar um navio da MB foram sempre de improviso. Uma reportagem na tv, um posto aqui no PN, algum cega acusando um ou dois dias antes. Daí encho o tanque, uma geral no óleo e pneus, fazer alguns lanchinhos, acordar cedo e cair na estrada. Chegamos lá e já tem fila… Sempre. Daí roda o quarteirão para estacionar o carro… Daí pegamos a fila com boné, câmera e mochila de lanchinhos…. 40 min de fila.. entramos… Daí o negócio é tirar foto e perguntar.. perguntar qualquer coisa… (Ainda não entendi os autofalantes para interferência… Read more »

Gallito
Visitante
Gallito

Boa Noite aos amigos ! Fui visitar hoje o nosso Porta-Helicópteros Atlântico, levei meus dois filhos pequenos para nunca mais voltar a uma visita aos navios da marinha do Brasil, pelo menos no porto de Santos. Estacionamento longe do local de atracação custando 30 reais, calçadas esburacadas e desniveladas de largura mínima, carros e caminhões passando a milhão nos dois sentido, a fila enorme, bem quanto a isso faz parte, pensei eu até subir a bordo, o pior já passou e pasmem meus amigos não tinha nenhum helicóptero à bordo, somente uma van, que maravilha.. Resultado da visita meus dois… Read more »

Demetrius
Visitante
Demetrius

Mas a Mortona tá dentro da zona portuária…tem linha férrea bem em frente, sendo a avenida perimetral margeando basicamente para escoamento de caminhões…vai de Uber na próxima e cuidado com os moleques na próxima…Best regards…

Jelton Carlos
Visitante
Jelton Carlos

Eu tbm fui e levei a minha filha de 11 anos. Apesar dos problemas do terminal portuário que o colega jah citou e eu confirmo, a parte da marinha foi muito bem organizada. Os portões abriram no tempo certo e do muito rápida a entrada de todo aquele povo que estava esperando Lah fora. Me surpreendeu. O navio eh lindo mesmo e valeu a pena ter enfrentado 4 horas de estarada para conhecê lo. Parabéns à Marinha do Brasil.

Salim
Visitante
Salim

Gallito, também fui, deixei mulher e filhos na porta, estacionei logo a frente, 5 min a pe por 10 reais, achei ate organizado e rápido, do barco já comentei acima. Visitei também o LEGO hope, livro biblioteca, ai sim bem demorado, no hall do embarque passageiros cruzeiro onde parei tinha uma feirinha artesanato, banheiros limpos e alguma coisa pra comer. O Atlântico e um barco legal como porta helicópteros e desembarque, porem náo e um barco de combate e sim suporte, talvez vem dai sua frustração. Quando abrir visitação fragatas e a Barroso VC vai ficar mais animado.

MO
Membro

Meu isto é sério ???? Será se providenciará o pantufas da Barbie na próxima para vc ?

O que vi vou os entusiastas Nutella de hoje em dia … uiiii cuuuziz … kkkkkkkk

Na nossa época o pessoal não era tão delicado assim ….. ainda bem que não quebrou a unha Dom ….

Camargoer
Visitante
Camargoer

Olá Colegas. Cheguei há pouco de Santos… 5 horas para ir… 7 horas para voltar com engarrafamento para subira a serra. Levei a filha de 5 anos com binóculo no pescoço e câmera na mão, esposa e sogra (também estacionei na outra rua e andei 5 min… depois do passeio no convés, minha filha foi tirar a foto clássica ao lado da marinheira uniformizada. Sou grato ao sargento da MB com asas douradas na camisa que explicou para minha filha tudo o que ela perguntou sobre helicópteros (minha crítica vai para a MB por ceder o hangar para gravar o… Read more »

Camargoer
Visitante
Camargoer

Ola colegas. Negativar meu passeio só pode ser frustração de que acordou tarde no domingo e se arrependeu depois de ter ficado em casa. Eita..

MMerlin
Visitante
MMerlin

Só faltaram uma fotos Camargo!
Parabéns pelo passeio. Como fico em estado vizinho, o passeio vira viagem.
Mas um dia ele vem para Paranaguá!

Camargoer
Visitante
Camargoer

Caro Merlin, tiramos tantas fotos que a máquina digital ficou quase meio quilo mais pesada. Seria muito legal se o A140 (com helocópteros) fizesse uma viagem pelo litoral do país, parando em vários portos para visitação pública. Tenho esperança que um dia a MB aprenda a tratar bem que gosta dela.

willhorv
Visitante
willhorv

Foi um prazer passar em revista a esta nau neste domingo.
Pena não poder adentrar no convés principal com seus elevadores e poder caminhar por sua prova.
Também senti falta de uns helis.
Cabe ressaltar a presença dos navios NPa Macaé P-70 e NPa Gurupi P-47 ancorados a frente do PHM Atlântico.
Pergunto aos entendidos….tem planos de prover o A-140 com defesa de ponto?

Antunes Vila Nova Neto
Visitante
Antunes Vila Nova Neto

Esbarrei recentemente na internet no tipo cruzador/porta-helicopteros Moscou/Leningrado e no navio francês Jeanne d’Arc R97. . Sabendo os planos da marinha vai se concentrar no futuro próximo em corvetas bem armadas e submarinos e que o próximo passo talvez seja algumas fragatas de oportunidade. E olhando o Atlântico, eu me pergunto se seu futuro substituto poderia ser um tipo de navio maior que uma fragata e menor que o próprio Atlântico, com capacidade de ataque e defesa próximo a uma fragata, porém com um convés e um hangar abaixo dele para helicópteros para uns 8-10, como aparenta ser as duas… Read more »

Bardini
Visitante
Bardini

Isso aí era voltado mais para ASW entre outras coisas que daria um textão pra explicar. Além desses navios que tu citou, os italianos tinham o Vittorio Veneto e os Japoneses os Shirane… “O hangar abaixo do convés pode oferecer espaço grande o suficiente para que o navio seja o suficiente flexível para missões humanitárias;” . Seria extremamente mais racional investir em um NApLog e em um LPD, que proporcionariam essa capacidade, além de elevar as capacidades de transporte e suporte as operações do CFN… Falta navio na MB! . “Sua capacidade de ataque e defesa o torne imponente o… Read more »

Dalton
Visitante
Dalton

Antunes… . seus questionamentos são válidos, mas, na minha opinião, você está usando como referência tipos de navios muito distintos. . O “Atlântico” é acima de tudo um “navio anfíbio” para desembarcar tropas principalmente através de helicópteros e veículos quando atracado ou através de um pontão flutuante e apesar de poder cumprir outras missões, estas serão de natureza secundárias, pois falta o equipamento necessário e/ou e trata-se de um navio relativamente lento. . Um substituto fiel do “Atlântico” teria que ser outro “navio anfíbio” seja outro “porta – helicópteros” ou combinando a capacidade de embarcar e operar helicópteros com uma… Read more »

Antunes Neto
Visitante
Antunes Neto

Agradeço demais as respostas. De fato se o valor da unidade for próximo a duas fragatas, melhor que sejam duas fragatas e que se compre um NApLog mesmo.
.
Obrigado Bardini e Dalton.

carvalho2008
Membro
Famed Member
carvalho2008

Mestre Antunes, Sua pergunta sempre guardará resposta de uma parte ou outra que dependerá fundamentalmente do problema a se resolver e desta forma, podem variar em opinião dependendo da dimensão em que se foca. Eu por exemplo, sou partidário de navios multitarefas e de uso geral sempre que o orçamento é insuficiente para cumprir com as quantidades de navios especializados e que se complementam numa Força Tarefa a exemplo das tasks americanas com Porta Aviões+ Escoltas Aae+ ASW+ASUW, navios anfibios, Suporte, Anti Minas, etc….uma coisa linda… Quando não existem condições de numero de navios necessarios, aqueles existentes obrigatoriamente tem de… Read more »

carvalho2008
Membro
Famed Member
carvalho2008

Em tempo e complemento, jamais dois navios especializados será mais barato que um unico outro geral, mesmo este sendo maior.

Os custos de tripulação são em dobro, o dobro de maquinario e sistemas….

então, quando não se tem orçamento….o que é melhor?

Celia
Visitante
Celia

Boa tarde… Quando o navio retornará à Santos?

MO
Membro

Eu “si” divirto … kkkkk

PHM Atlântico – A 140 / PWTL

Former HMS Ocean – L 12 / GCOU – IMO 9079456, Ex HMS Ocean

Marinha do Brasil

Suspendendo de Santos

Alexandre Andreazzi – Santos, SP, 09/09/2019

https://youtu.be/HUN_2nAPf7U

José Luiz
Visitante
José Luiz

Infelizmente, a cada visita nova que faço no porto de Santos, noto que esta fica mais restrita. Quando jovem, na década de 80, estive em várias visitações públicas pois residia bem próximo do cais do armazém 29 (bem antes da existência do cais da Capitania dos Portos de Santos). Naquele tempo a Marinha atracava em Santos com vários navios e a visita era bem diferente do que é hoje. Era comum as crianças principalmente entrarem dentros dos helicópteros, sentarem na cabine de pilotagem e colocarem um capacete, geralmente havia inclusive um tripulante dentro da aeronave. Eu mesmo já jovem entrei… Read more »

Carvalho2008
Visitante
Carvalho2008

O amigo José Luiz conseguiu ver muita coisa…..a maioria nem está oportunidade teve…

Seu testemunho foi muito legal!!

Eu não tive a oportunidade ainda, mas vou me organizar para a próxima

Salim
Visitante
Salim

Também sou desta época, o mundo emburreceu, ficou mais chato. Tinha a expoex ( exposição exercito, tudo era franqueado ao publico ) pena, ficou distante da população. Meus filhos pequenos náo gostaram muito, disseram que parecia shopping center vazio, coisa de criança, porem fiquei com isto cabeça, sera que eles vão querer ir comigo na próxima. Estes eventos tinham como razão criar vinculo com populaçao e aflorar aptidão e vontade dos jovens em servir pátria.