Home Marinha do Brasil Marinha propõe ao MD encerrar operações no Líbano

Marinha propõe ao MD encerrar operações no Líbano

11976
102
Fragatas União e Liberal no Líbano (clique na imagem para ampliar)

Participação de Navio da MB na Força-Tarefa Marítima (FTM) da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL)

A Marinha do Brasil propôs ao Ministro da Defesa que a participação de um Navio na FTM-UNIFIL seja encerrada, até dezembro de 2020, levando-se em consideração as seguintes abordagens:

1) Política-estratégica – a Política Nacional de Defesa (PND) e a Estratégia Nacional de Defesa (END) estabelecem como área de interesse prioritário o entorno estratégico brasileiro, que contempla, como regiões marítimas, a Antártica e o Atlântico Sul, incluindo os países da costa ocidental africana. Além disso, há a presença crescente de potências extra-hemisféricas na África e no Caribe, em vertentes de segurança e controle marítimo, comércio e influência militar, indicando a necessidade de revitalização da Zona de Paz e Cooperação do Atlântico Sul (ZOPACAS).

2) Conjuntural – A conjuntura econômica impõe à Força Naval um cenário de recursos limitados e, nesse contexto, faz-se necessário priorizar algumas iniciativas.

3) Análise de eficiência – Os ganhos político e operacional e o esforço logístico necessário para manter um navio de guerra, por oito meses, afastado de sua base, indicam a necessidade de um redirecionamento desse emprego em nosso entorno estratégico.

CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA MARINHA

102
Deixe um comentário

avatar
35 Comment threads
67 Thread replies
2 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
64 Comment authors
LywJACUBÃOAntunes 1980Francisco StollWellington Góes Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Gabriel
Visitante
Gabriel

Excelente!

José Carlos de Oliveira
Visitante

Duvida: Que beneficio trouxe ao Brasil essa Participação dessa Missão no Libano.

Fernando Turatti
Visitante
Fernando Turatti

Toda vez a mesma pergunta. A MB provavelmente não teria nem um só navio operando de verdade se não fosse essa exigência. Isso aí impediu vários milhões de reais em lagostas provavelmente, mostrou a bandeira, manteve pelo menos uma centena e meia de marinheiros fazendo seu papel(estar no mar, num navio de guerra) e ainda servia numa época longínqua onde o Brasil tinha a ambição de um CS da ONU que nunca vai acontecer porque nunca tivemos e nunca teremos comprometimento militar o bastante pra merecer algo assim.

Chales Dickens
Visitante
Chales Dickens

Meu caro Fernando, respeito sua opinião no tocante ao Brasil ser ou não aceito como membro permanente do CSNU. No entanto, o Brasil nunca será não por causa de falta de comprometimento militar, mas sim porque a eventual entrada do Brasil estaria vinculada à entrada de outros países, no caso Alemanha, Índia e Japão. Só que Rússia, França e o Reino Unido são contra a entrada da Alemanha, a China é contra a entrada da Índia e do Japão e os Estados Unidos são contra a entrada dos três. Além disso, há a pressão exercida por não membros permanentes, mas… Read more »

Guacamole
Visitante
Guacamole

Oficiais são remunerados em dollar.

HMENEZES
Visitante
HMENEZES

Oficiais e praças…. que deixam a família aqui..

nonato
Visitante
nonato

Deixam a família aqui. E qual o problema?
Faz parte da vida do militar. Que sabia disso quando entrou, inclusive o risco de morrer numa guerra.
Diárias não vão trazer o militar para mais próximo de suas famílias.
Ou deveriam levar as famílias nos navios?
Ou para ficarem hospedadas no Líbano?
Uma possível mitigação seria reduzir o tempo da tripulação na tarefa.
Tipo a cada dois meses, um avião levaria novos tripulantes para fazer rodízio.

Fernando XO
Visitante
Fernando XO

Prezado Guaca, todo militar em missão no exterior recebe pela LRE… o mesmo ocorre com aqueles servidores que encontram-se em representações diplomáticas no exterior… abraço…

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Retinha ser funcionário público hein…na área privada precisa de nota para tudo. Não existe diária.
Bostil tá quebrado por essa corja pública sanguessuga

Mauricio Pacheco
Visitante

Funcionário na área privada precisa de nota para tudo. Não existe diária.¨
Meu caro, já fui militar e já viajei pela iniciativa privada, o paisano é tão honesto que os restaurantes, hotéis, lojas, sempre me perguntavam se eu queria a nota no valor exato da despesa!

Renato B.
Visitante
Renato B.

Verdade, ser funcionário público atualmente significa não apenas nota e formulário para tudo, mas ser considerado corrupto até prova em contrário. Também já trabalhei no serviço público e em empresas privadas pequenas e grandes (+de 5.000 funcionários). O que o povo não entende é que depois de um certo tamanho estatal e privado ficam parecidos. Qualquer organização passa a ter burocracia, jogos de poder e cia. O poder tende a centralizar, surge a obsessão por controle e a distância entre a ponta operacional e o comando estratégico aumenta. Num certo ponto o comando descolou da realidade e a ponta não… Read more »

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

“O que o povo não entende é que depois de um certo tamanho estatal e privado ficam parecidos.”

Diz isso para os gigantes como Amazon, Tesco, Walmart. Aliás, Amazon é bem parecida com o nosso Correios…

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

“O que o povo não entende é que depois de um certo tamanho estatal e privado ficam parecidos.”

Amazon x Correios

Amazon: 9,90 de frete, 4 dias para entegra, assinatura Amazon video, Amazon music, etc.

Correios: 12 dias para entrega (quando não dá merda), 30 reais de frete, greve de 3 em 3 meses, fundo de pensões endividado em bilhões…

Ai o cara vem me dizer que depois de um certo tamanho organizações privadas e estatais ficam iguais? Kkkkkkkkkk

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Desculpa mesmo empresa grande tem dar lucro pode ter regras e burocracia mas o objetivo é dar lucro se não der trocam pessoas e processos. serviço público é fica na reta sabe-se se dá lucro ou retorno.quem paga a conta é a área privada mesmo.

Matheus
Visitante
Matheus

Caro Pacheco, e os militares são todos santos que só tem o bem da pátria em vista. E o Sargento da FAB que fazia trafico de drogas no aviao presidencial ? Modelo de honestidade militar ?

Mauricio Pacheco
Visitante

E se você acha o setor público tão bom assim, preste um concurso e vire funcionário público também, ou militar!

Fernando Turatti
Visitante
Fernando Turatti

Toda vez aparece o brasileiro que é mais esperto que os outros, que acha que “merece” o valor absurdo que ganha, que acha que merece a aposentadoria precoce e que se f…. quem paga a mesma.
Se você valesse o que custa, receberia o mesmo na iniciativa privada.

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Me dá asco em negociar com setor público estou em uma briga pela ineficiência do.inmetro contratei eles e nem plano de risco de testes não apresentam.
Tive que me afastar 3 meses por um acidente e o INSS é o pior órgão do Brasil. Mal tratado mal atendido 135 não funciona. Tem que privatiza tudo até mesmo segurança nada que é público presta.

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Estou esperando uma revisão de benefícios fazem meses!

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Por aí mesmo e os idiotas acham que fazem favor quando tratar bem o cliente é obrigação.
Funcionário público é câncer do Brasil.

Tom
Visitante
Tom

Sou servidor público e a desinformação que impera sobre o assunto é impressionante. Estou no serviço público há 34 anos, ganho simplesmente, incluindo vantagens, pouco mais de 5000 reais, para trabalhar 8 horas diariamente e ainda prestar apoio ocasional aos fins de semana ou feriados sem ganhar nada mais por isso, pois o governo federal não paga hora extra há muito tempo. A propósito, apesar do aumento anual do valor do salário mínimo, o servidor público (excetuando-se os privilegiados ) não recebe aumento há MUIIIITO tempo, o maximo que recebemos foi uma pequena reposição já há alguns anos. Sim, existe… Read more »

Carlos Eduardo Oliveira
Visitante
Carlos Eduardo Oliveira

Segurança privada também é um lixo no Brasil.
A empresa Verisure, por exemplo. Serviço caro e ineficiente.

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Bom é o da PM. Esse é uma maravilha. Chame a PM agora e receba o serviço daqui 1 hora, quando os bandidos já roubaram sua casa e deram no pé kkkkkk

Ou o da Polícia Civil, tenha seu parente assassinado e veja o caso entrar para os 92% de crimes não solucionados kkkkkkk

Francisco Stoll
Visitante
Francisco Stoll

O estabelecimento comercial no meu sogro foi roubado de madrugada. Estava “protegido” pela Verisure. De nada adiantou (entraram e destruíram as câmeras e o alarme). A empresa disse que a PM estava a caminho, mas nem apareceu lá…rs.
Deixaram impressões digitais, mas nem houve investigação…rs. Investigação forense no Brasil, só existe em crimes de repercussão.
Um simples furto, o marginal é preso, mas o juiz solta seis meses depois. Até antes disso, dependendo do coração dele.

Maurício Veiga
Visitante

A Burguesia continua vivendo as custas da pobreza e miséria alheia, isso não é servir a Pátria, é ser Funcionário Público…

Maurício Veiga
Visitante

É sério isso?!?! Caso seja é vergonhoso, nossa marinha poderia ser chamada de PETROBRAX NAVY ..

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

E funcionária melhor que a Marinha atual pois se fosse privado manda no mínimo 50% do efetivo para rua.

Farragut
Visitante

baseado apenas na nota, não parece ter havido fato novo nos últimos anos. sendo assim, por que o encerramento não foi proposto antes?
dizem que defesa é assunto de estado, mas acaba sendo mesmo da administração da vez.

Fabio Araujo
Visitante
Fabio Araujo

A cada ano que passa os meios diminuem e o corte no orçamento vem maior, esticaram até onde deu para manter!

Fernando Turatti
Visitante
Fernando Turatti

Cortes? Dá uma olhada aí no “orçamento cada vez menor” https://www.defesa.gov.br/orcamento

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Fernando, o orçamento está sim cada vez menor, se tivermos em conta a inflação e outros medidores económicos.
Em 2005 fazia se com mil milhões o que hoje se faz com 5 mil milhões, principalmente quando o assunto é o sector militar (não estou a apresentar números exactos, estou a dar um exemplo).

Fernando Turatti
Visitante
Fernando Turatti

Você precisa parar de inventar seus dados, colega. Se você não tivesse inventando eles poderia ir no google, procurar indicadores de inflação e cairia literalmente numa calculadora que faz TUDO pra ti, inclusive corrigir valores.
33 corrigidos de 2005 para 2019 dão 70. 70b seria o orçamento hoje pra cobrir a inflação, só isso. Não é. Hoje é 102b, um valor quase 50% maior do que era MESMO corrigindo a inflação.

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Mas eu não disse que o orçamento é menor hoje comparadamente ao de 2005, disse que o orcamento em parte subiu porque a inflação assim o exige, os equipamentos militares estão cada vez mais caros, projectos bélicos em todo o mundo são cancelados por tribunais de contas precisamente por subidas fulminantes de preços.
Agora, como eu disse, eu dei um exemplo dizendo claramente que não estava a presentar valores… Mas a supor para que se percebesse…. Que se percebesse que esses gráficos de subidas constantes de orçamento não são bem o que parece.

Vovozao
Visitante
Vovozao

18/09/19 – quarta-feira, bnoite, Fabio, não seria uma forma de pressão da MB. Digo isso, pelo seguinte: que não temos mais escoltas, todos nós e nossos inimigos estão cientes, houve uma grande expectativa quando da posse, todos os militares, acreditam que tinha chegado o momento do reaparelhamento das FA’s; porém, não passou de um sonho de verão, as FA’s tiveram um contingenciamento monstruoso, e o envio das escoltas ao Líbano, era o único programa da ONU que participavam os, com o pedido de cancelamento ficaremos pior que Argentina e Uruguai que a trancos e barrancos continuam em programas da ONU.… Read more »

Fabio Araujo
Visitante
Fabio Araujo

Com a falta de grana e de meios é a decisão mais correta, não temos como bancar isso, no futuro com novos meios e um orçamento maior talvez possamos voltar!

Adriano Luchiari
Visitante
Adriano Luchiari

“Concordo Pafúncio, porém já são quase 8 anos de aprimoramento de doutrina que está acabando com as nossas já cansadas escoltas.”

Comentário meu na matéria Ida da Fragata União para Missão de Paz no Líbano no Poder Naval em 24 de janeiro de 2019. Finalmente o Almirantado está se tocando…

Fernando Turatti
Visitante
Fernando Turatti

Almirantes recomendam ao ministério da Defesa que paremos de gastar pra ter um meio plenamente operacional para que sobre mais para os 4,7 bilhões de reais em mamata pros fardados já para esse ano.
Como ousa o MD pedir que uma Marinha de Guerra tenha meios operacionais? Não sabem eles que a prioridade é em lagosta e aposentadoria?

edcarlosprudente
Visitante
edcarlosprudente

Eu acredito que tal medida se dá pelo fato de que não haverá escolta alguma disponível para realizar tal missão após 2020.

Saudações!

Wilson
Visitante
Wilson

Israel pediu a saída do Brasil! Simplesmente isso. a motivação deste pedido só os mais graduados sabem e o tempo vai revelar.
https://forum.politz.com.br/threads/urgente-israel-pede-para-brasil-se-retirar-da-unifil-o-mais-rapido-possivel.170124/

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Isso não pode ficar assim! Que larguemos de paraquedas os ET’s que criamos em cativeiro desde o episódio Varginha!

Tobias
Visitante
Tobias

Hahahahahahhaha cara essa foi boa mesmo.

Sincero
Visitante
Sincero

Marinha do Brasil, querendo proteger a costa de um inimigo que já está dentro do país, um retrocesso essa tendência de se fechar numa concha, não somos cem por cento independentes.

Getúlio dos reis
Visitante
Getúlio dos reis

Tinha que sair era Hoje !!!,Oq e q os libaneses fizeram por nós enquanto brasileiros partem pra além mar dando a vida pela nação deles ??Nada !!,Muito pelo contrário eles desresipeitão e Agridem nossos Aliados !! (como e o caso de Israel),A Marinha do Brasil já devi ter deixado essa ação sem Proveito e propósito a muito tempo !!

Matheus
Visitante
Matheus

Voce realmente acredita que Israel é “amigo”?

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Pq não seria?

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Tem muito Libanês que escreve em português mais correto, acredito. Sério mesmo.

Pedro Bó
Visitante
Pedro Bó

Alguém não conhece muito sobre a contribuição libanesa na formação da sociedade brasileira, principalmente no PR, SP e RJ.

Reinaldo Santos Paim
Visitante

PR,sp,RJ?????

nonato
Visitante
nonato

Temer tem origem sírio libanesa, não é?

Allyson
Visitante
Allyson

E o Brasil e só Sao paulo e Sudeste Cara ???!

Almeida
Visitante
Almeida

Você claramente desconhece o tamanho e importância da comunidade libanesa vivendo no Brasil. Se informe antes de sair escrevendo.

HERLAN DOS SANTOS CORREA
Visitante

Perfeito!
A ONU há muito é um escritório de interesses escusos, onde o Brasil é protelado no Conselho de Segurança…
Se não nos deixam entrar, vamos retaliar.
O imenso litoral brasileiro desguarnecido e estamos trabalhando pras potências europeias, incluso a famigerada França…

Marcos Rêgo
Visitante
Marcos Rêgo

Brasil no Conselho de Segurança foi um sonho numa noite de verão.

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Se começar a investir é reestruturar quem sabe daqui uns 50 ou 60 anos mas eu acho mais fácil a gente adotar paus e pedras como armamento oficial!

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Sim, imagino que essas intenções tenham surgido após um surto no uso de LSD em Brasília ou coisa parecida.

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Retaliar contra a ONU por não nos ‘deixarem’ entrar no Conselho de Segurança?

LOL!

Aparentemente você não entende muito de como a ONU funciona, ou de como mecanismos internacionais em geral funcionam, etc.

Almeida
Visitante
Almeida

“Famigerada França”… Esse é gado ou robô!

Jonathan Pôrto
Visitante
Jonathan Pôrto

Mitou outra vez !!!

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Tradução:
“Não tem grana nem meios de superfície!”

Cinturão de Orion
Visitante
Cinturão de Orion

Até que enfim!

Evaldo
Visitante

Temos que sair de lá correndo. Estamos carentes de navios de guerra para nossa defesa costeira. O Líbano é um país amigo, mas já tem marinha de todo mundo lá!

Fernando Turatti
Visitante
Fernando Turatti

Vários já explicaram mas não custa repetir: no Brasil, navio de guerra não faz patrulha, não muda nada pra nossa defesa costeira.

Colombelli
Visitante
Colombelli

Otimo. Mas não adianta ficar aqui e so navegar Rio-Santos.

Juarez
Visitante
Juarez

Colombelli, nem isto as FCN tem condições. A marinha como força de combate de superfície acabou na administração do Imperador seus celenterados.
Liquidaram com a marinha com desmandos, corrupção e megalomanias.

Caio 1°
Visitante
Caio 1°

A grandiosidade fa marinha Imperial TUPINIQUIM era apenas numérica.
Nunca tivemos nem nessa época uma marinha moderna e forte, sempre com meios obsoletos e somente em grande número naquele período.
Esse ufanismo monárquico e risível.

Fernando "Nunão" De Martini
Visitante
Fernando "Nunão" De Martini

Caio, só a título de informação (não estou corroborando o comentário, apenas informando):

O Juarez costuma chamar de imperador, pejorativamente, um ex-comandante da Marinha. Não está falando da Marinha Imperial (1822-1889).

Carlos Eduardo Oliveira
Visitante
Carlos Eduardo Oliveira

Quando entrei em 1983, era comissão pra todo canto.
Bons tempos que não voltam nunca mais.

Furagelo.
Visitante
Furagelo.

Já vai tarde! Atlântico Sul, Caribe e África Atlântica é área de atuação natural da MB.

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Deveria de ser, mas não é

Mauricio R.
Visitante

Depois que o “Defensor” ficou defenceless lá na hostil e perigosa costa libanesa, melhor pedir o penico e patrulhar o plácido Atlântico Sul…

Entusiasta Militar
Visitante
Entusiasta Militar

Acho ótima essa noticia, apesar de tardia, nossa participação no inicio foi otimo para o papel que o Brasil representa no cenário mundial, Mas, devíamos ter nos retirados ha anos atras quando as grandes potencias econômicas e militares se retiraram… Ha alguns anos defendo a saída da MB da UNIFIL, por entender que nossa permanência nessa operação se estendeu em demasia e os gastos financeiros e de material nao se justificavam mais para essa operação. Nao sou engenheiro naval, mas penso que as constantes e nada fáceis viagens de nossas corvetas e fragatas para participar desse tipo de ação foi… Read more »

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Amigo, ter um navio projectado no exterior não é nada de mais, se o Brasil não consegue fazer isso consegue fazer o que? Nada? Enfim, eu acho que estão a ver isto do ponto de vista errado, o problema não é a Marinha do Brasil fazer o que lhe compete, nomeadamente proteger o interesse brasileiro no exterior e comprometer se com obrigações internacionais (aliados, ONU, mostrar bandeira, etc) mas sim o facto de que a gestão do sector militar no Brasil sempre foi terrível e irrealista, sendo que actualmente está ainda pior. A Marinha brasileira, ao estar presente no Líbano,… Read more »

Nilson
Visitante
Nilson

Mais uma vez a realidade prevalece, a MARINHA deve estar se acostumando. Se não haverá navios em 2021, nada mais pode ser feito senão sair da Unifil. O restante é cortina de fumaça ou feliz coincidência para justificar a saída.

m. wolf
Visitante
m. wolf

o motivo pode ser bem outro. o governo já vem falando da sua intenção em reconhecer o Hezbollah como grupo terrorista. com certeza isso colocaria os militares brasileiros da UNIFIL na lista de alvos do grupo. creio que a MB está só se antecipando a esta decisão.

Caio 1°
Visitante
Caio 1°

Poderiamos estar com fragatas chinesas lá no. Líbano, compradas em troca de comodites 25 bilhões de dólares em comodites, pra ser mais exato, mas é melhor ficar no cabresto EUA Europa, do que procurar outras parceiras, no setor militar.
Foi melhor entra em outro projeto, para um país sem teto militar. Agora é sempre rezar para o tempo ficar firme sempre, se é que me faço entender.

Kemen
Visitante
Kemen

Devido aos cortes, a Forças Armadas deveriam encerrar todas missões externas o quanto antes. A economia nesse caso seria insignificante pela dimensão do corte, mas seria um exemplo e um alerta para quem faz os cortes no orçamento. Irresolutamente cairemos em mais impostos, com uma reforma tributaria disfarçada, e as anunciadas modificações no IRPF, esse é o caminho a seguir com as seguidas quedas do poder aquisitivo, na minha opinião seguimos na contra mão da economia de capital.

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

É só cancelar a do Líbano, não tenho conhecimento de mais nenhuma. Existem observadores, mas retiralos de onde estão destacados seria um desrespeito para com a comunidade internacional.

Kemen
Visitante
Kemen

Ficar “metendo o pau” em salarios na MB é pura mesquinharia, o problema é mais abrangente e carece de uma analise bem mais profunda, quando o cinto aperta começam as acusações sem sentido, lembro que ainda estamos entre as 10 maiores economias, achar que o desperdicio, super faturamentos e outros problemas estão só na MB ou nas F.A.´s não é verdadeiro, o problema é conjuntural no pais como um todo, e os maiores desperdicios estão nas administrações públicas, é muito, mas muito complicado.

Lucas
Visitante
Lucas

O problema não são salários dos militares.
É o oba-oba.

Qualquer troca de comando de lancha de Capitania dos Portos tem cerimônia, coquetel, festa com garçom, segurança, músico, comida, bebidas… tudo pra agradar os próprios oficiais e mais alguns políticos convidados.

Um desperdício de dinheiro absurdo pra uma coisa que não acrescenta nada.

Os oficiais superiores das Forças Armadas Brasileiras são o câncer das Forças Armadas Brasileiras. Enquanto viverem nessa mentalidade de “Casta Superior” que vem desde o tempo do Império, nossas FFAA serão sempre meia-boca.

p m
Visitante
p m

faltou o item 4:

4) Apesar de termos um dos maiores orçamentos militares do mundo, gastamos tudo em efetivos, aposentadorias e privilégios. Não podemos comprometer a mamata com operações como esta que garantem um papel de destaque para o Brasil no cenário geopolitico

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Perfeito esse é o real motivo

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Onde está o radar da f45?

Dalton
Visitante
Dalton

Se você está se referindo ao radar de busca combinada no mastro principal ele por estar girando, não apareceu em toda sua extensão no momento da foto.

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Ufaaa😅

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Agora que mo disse, parece óbvio, mas ia jurar que ia sem radar 😂

Fernando Preto
Visitante
Fernando Preto

Aleluia! Esses meios tem que ser utilizados para patrulha na Zona Econômica exclusiva do Brasil e só!

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Para isso adquiresse só patrulhas oceânicos….

Diego
Visitante
Diego

Podíamos ter um monte de barquinhos pequenos pra impedir pesqueiros de outros países. Os marinheiros desses barcos podiam pescar e comer peixe pra diminuirem as despesas além de terem uma comida muito nutritiva e saudável, o barco podia ser movido a combustão em momentos de precisão, e a velas solares e força das ondas em dias amenos. A água viria da osmose reversa do mar. Tudo sustentável. Tudo no Brasil devia ser pensado pra ser auto sustentável e depender menos do povão que não suporta mais, o futuro bom de países sérios será assim. Não terá 1% de classes elitista… Read more »

mk48
Visitante
mk48

kkkkkkkkkkkkkkkk

André Selles
Visitante
André Selles

Está sugerindo regredirmos uns 500 anos na história…rs

Carlos Eduardo
Visitante
Carlos Eduardo

E ja não regredimos???

NZAGO
Visitante
NZAGO

-A marinha do Brasil, tendo participado desta missão no Líbano, me parece ter sido uma missão louvável; mesmo com recursos limitados, projetou o país no cenário internacional, e dá oportunidade de treinamento e operar em um ambiente complexo, aos seus tripulantes e comandantes naquela região mediterrânea. A política da região, sempre foi dirigida e controlada pelas potências europeias e norte-americana (tão odiadas naquela região). Os marinheiros brasileiros, são uma força neutra, mais aceitável. é uma missão para entrar nos livros de história da marinha, parabéns aos militares que participaram, é sempre honroso para qualquer militar servir no exterior. Más, o… Read more »

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Projetou a bandeira brasileira no Líbano … Que maravilha tô me sentindo mais orgulhoso agora.

Carlos Eduardo
Visitante
Carlos Eduardo

Considero uma lastima esta situação. São uma prova clara de que a nossa marinha (com m minusculo mesmo), deixou de ser uma força capaz. E o pior, falam N justificativas, mas não assumem a realidade que é falta de dinheiro. As missões da ONU, cabe lembrar, que tem parte de seus custos reembolsados pela entidade, ou seja, o custo é rateado entre a organização e o país que disponibiliza o meio. Então, se mesmo nesta maneira a marinha não tem mais condições de manter um meio operacional, então viramos guarda costeira. A data, em Dezembro de 2020, corrobora que mais… Read more »

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Não falta dinheiro falta gestão do dinheiro não dá mais para viver na mamata…tem que organizar geralmente gestão pública é muito mal feita. Falta organização plano de ação e gestão dos recursos

Eliel Santos
Visitante
Eliel Santos

A Marinha está pouco se lixando para seus meios operacionais. Em terras tupiniquins, só se preocupam com aposentadoria e salários.

Zentrack
Visitante
Zentrack

Assunto de interesse geral: História do cruzador norte-americano St Louis, que após a WWII se tornou o Almirante Tamandaré na esquadra brasileira.

https://laststandonzombieisland.com/2019/08/21/warship-wednesday-aug-21-2019-of-long-lances-and-lobsters/

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Faz sentido!

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Não fosse ser consequência de um conjunto de factores sem sentido e eu iria concordar consigo.

Antunes 1980
Visitante
Antunes 1980

Falta estratégia para todos os poderes militares no Brasil.
Deveríamos estar próximo a costa da Venezuela ou Colômbia, garantindo a estabilidade aqui na região.
O Brasil age como um grande leão, porém desdentado. Acorda MDF !

JACUBÃO
Visitante
JACUBÃO

A Força de Superfície acabou faz tempo.
Hoje a Marinha vive um mundo de faz de conta.
Não há meios capazes de combater há anos.
As autoridades Navais apenas se preocupam com seus umbigos.
Carros melhorados, Rancho melhorado e por aí vai.
Chega a ser engraçado pensar que existe um Comando em Chefe, Comando de primeira e segunda Divisão de Esquadra?
Pelo amor, Não há nem uma flotilha capaz de navegar com segurança?
Quiça divisões?
Senhores a Marinha no estado da arte acabou há anos!

Lyw
Visitante
Lyw

A UNIFIL é uma missão importantíssima para aquela região e deve ser liderada por uma Marinha que esteja à altura da missão.

Parece que demorou mas, finalmente, a MB caiu na real de que não tinha condições de manter por mais de seis meses um navio de guerra em operação (algo raro em nossa marinha) na costa leste do Mediterrâneo.

Hora de sair pela porta da frente, enquanto uma situação vexatória demais ainda não aconteceu.