Home Marinha do Brasil Marinha e Petrobras acham ‘assinatura’ da Venezuela em manchas de petróleo

Marinha e Petrobras acham ‘assinatura’ da Venezuela em manchas de petróleo

7896
152

Investigações sigilosas da Marinha e da Petrobras encontraram petróleo com a mesma “assinatura” do óleo da Venezuela em manchas que se espalharam até agora por pelo menos 138 pontos do litoral dos nove estados do Nordeste.

Nesta terça-feira (8) o presidente Jair Bolsonaro disse não descartar uma ação criminosa. E o Sergipe planeja usar boias para impedir que o material atinja a bacia de rios, como Vaza Barris e São Francisco.

Segundo uma fonte da alta cúpula do governo, ouvida pelo jornal “O Estado de S. Paulo”, trata-se do mesmo tipo de óleo extraído da Venezuela, o que corrobora rumores a esse respeito veiculados desde a semana passada.

A conclusão já foi informada ao Ibama, órgão ligado ao Ministério do Meio Ambiente. Mas não é possível dizer que todo o vazamento que atinge praias tem a mesma origem. A Marinha e a Polícia Federal analisam amostras e não deram informações oficiais.

Ainda nesta terça, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que há a possibilidade de que o derramamento tenha sido criminoso. Ele, no entanto, ponderou que as investigações estão em curso.

Veja matéria completa no site do UOL, clicando aqui.

Subscribe
Notify of
guest
152 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
DOUGLAS TARGINO
DOUGLAS TARGINO
9 meses atrás

Acredito que seja algo criminoso, pois pela quantidade o navio deveria ter afundado… kk

Celsoskl
Celsoskl
Reply to  DOUGLAS TARGINO
9 meses atrás

E exatamente na véspera de novos leilões de petróleo..com a abrangência e tempo da chegada a costa… É praticamente um atentado..

João Moro
João Moro
9 meses atrás

Será que este petróleo cru saiu de um navio Venezuelano? ou de alguma plataforma marítima?
Eu acho que veio de algum navio petroleiro da estatal venezuelana. A crise econômica deve ter afetado a manutenção dos seus navios.
E o que vocês acham?

Marcos R.
Marcos R.
Reply to  João Moro
9 meses atrás

Acho que para controlar as sanções tem gente trocando o petróleo de navio em alto mar e causando derramamento durante a operação, cabe soletrar as patrulhas para que não ocorra em nossas águas.

Marcos R.
Marcos R.
Reply to  Marcos R.
9 meses atrás

Soletrar, leia-se aumentar.

Renato B.
Renato B.
Reply to  Marcos R.
9 meses atrás

A-M-A-Z-O-N-A-S
A-P-A
fica aqui a minha contribuição 😉

João Moro
João Moro
Reply to  Marcos R.
9 meses atrás

Pode ser isso também… e encaixaria com a alegação de que não é constante a quantidade derramada no mar.

Gordo
Gordo
Reply to  Marcos R.
9 meses atrás

Essa é para mim a hipótese mais provável, vazou de um navio durante uma troca.

Gabriel
Gabriel
Reply to  Marcos R.
9 meses atrás

Isso não tem nada a ver com patrulha, se esse petróleo for derramado la na costa africana, ele vai vir parar aqui por causa das correntes marítimas.

Carlos Gallani
Carlos Gallani
Reply to  Gabriel
9 meses atrás

Gabriel, eu não duvido do petróleo ter uma taxa de degradação… talvez além da origem seja possível saber, com alguma margem de erro suponho, o tempo que ele está no mar.

Carlos Gallani
Carlos Gallani
Reply to  Marcos R.
9 meses atrás

Operação ship to ship, a Petrobras cogitou fazer no porto mas não foi parabéns frente pelo risco, imagine em alto mar!

FERNANDO
FERNANDO
Reply to  João Moro
9 meses atrás

Provavelmente foi isso.
Mas,
todos temos direito a dúvida.
Então,
poderia ser qualquer navio.
Agora como achar uma assinatura de um país no petróleo, isso sinceridade, eu não sabia ser possível.

DOUGLAS TARGINO
DOUGLAS TARGINO
Reply to  FERNANDO
9 meses atrás

Todo petróleo do mundo é único, então cada um vão ter uma propriedade onde só nele pode existe. Bom, penso que seja assim.

Marcos R.
Marcos R.
Reply to  FERNANDO
9 meses atrás

A composição do petróleo varia de acordo com sua origem, composições químicas específicas podem ser correlacionadas com determinadas regiões produtoras.

WAGNER
WAGNER
Reply to  FERNANDO
9 meses atrás

Fernando, petróleo não é tudo igual. Cada poço fornece petróleo que tem características químicas únicas, o que pode ser considerado uma assinatura.
https://www.alemdasuperficie.org/noticia/todo-petroleo-e-igual-entenda-as-principais-diferencas-e-utilizacoes-dos-diversos-tipos-de-petroleo-no-mundo_a69/1

FERNANDO
FERNANDO
Reply to  WAGNER
9 meses atrás

Legal, obrigado pelo esclarecimento.
Não sabia disso.
Para mim, Petróleo era tudo igual.

Camargoer
Reply to  FERNANDO
9 meses atrás

Oi Fenando. O Wagner tem razão sobre diferenças entre amostras de petróleo dependendo de onde é extraído. O petróleo tem muitas moléculas orgânicas (com mais ou menos carbono, com muitos ou poucos anéis benzênicos, mais ou menos enxofre, presença de alguns elementos como ferro, níquel, cálcio, etc. Como algumas reservas são mais antigas, outras localizadas em áreas com mais atividade vulcânica ou perto de alguma jazida mineral, o resultado é uma sopa de diferentes moléculas e íons em diferentes quantidades. O Wagner tem razão sobre a “assinatura” ou “impressão digital” química. É possível separar e quantificar os tipos de moléculas… Read more »

elcimar marujo
elcimar marujo
Reply to  FERNANDO
9 meses atrás

só para salientar também,todo abastecimento de combustível feito por navios, no caso aqui óleo diesel,o navio é obrigado a retirar um amostra desse óleo e enviar para analise,não lembro agora para qual agência,mas provável para a ANP ,caso apareça derramamento de óleo diesel no mar é possível saber de qual embarcação saiu através dessa amostra coletada.

CARLOS MEIRELES DOS SANTOS
Reply to  WAGNER
9 meses atrás

O diamante tbm tem essa assinatura.

Camargoer
Reply to  CARLOS MEIRELES DOS SANTOS
9 meses atrás

Ola Carlos. Acho que todas gemas naturais têm essa característica de “assinatura”. Reatores nucleares também tem assinatura. Sempre é possível determinar a origem de uma contaminação de material nuclear.

Rene Reis
Rene Reis
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

no filme a soma de todos os medos descobriam a origem da bomba através da análise dos resíduos

Space Jockey
Space Jockey
Reply to  FERNANDO
9 meses atrás

Eles tem um banco de amostras do mundo inteiro, cada lugar tem uma com posição específica em hidrocarbonetos e analisar isso é relativamente fácil.

Camargoer
Reply to  Space Jockey
9 meses atrás

Ola Space. Você tem razão. Talvez o fato das amostras terem ficado em contado com a água do mar por muito tempo ou se misturado com outras coisas nas praias, inclusive esgoto lançado sem tratamento, dificulte um pouco a comparação, mas é muito provável que dê para descartar muita coisa, o que já é uma bela pista.

Space Jockey
Space Jockey
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

Acho que o petróleo é imiscível com a água do mar.

Camargoer
Reply to  Space Jockey
9 meses atrás

Olá Space. Você tem razão sobre a imiscibilidade do petróleo, e como ele é menos denso que a água do mar, ele fica flutuando até chegar na praia. O problema é que mar contém praticamente a tabela periódica, inclusive algum metal pesado. Em algumas regiões tem muito esgoto de emissário submarinos, com todo tipo de cacareco. A contaminação das amostras pela água do mar esta relacionada com a complexidade do água. O petróleo também fica exposto á luz do sol que amolece a superfície, dando chance de qualquer coisa aderir nele.

Aldo Ghisolfi
Reply to  Space Jockey
9 meses atrás

Então, vai ser muito fácil localizar a origem deste imenso vazamento.

Camargoer
Reply to  Aldo Ghisolfi
9 meses atrás

Olá Aldo. É possível saber de onde ele foi extraído. Se for do Golfo do México, Noruega, Oriente Médio… só pode ter sido derramamento de um petroleiro. Se o óleo foi extraído da Venezuela, acho improvável (não impossível) que seja resultado de um acidente em uma plataforma ou de algum acidente de operação de um terminal. A magnitude desse vazamento teria afetado o litoral do Pará e do Amapá, ou até na Guiana ou Suriname. O mais provável é um vazamento de um petroleiro que estava mais ao sul, na altura do Ceará ou coisa assim. Pelo desconhecimento do governo… Read more »

adair hames
adair hames
Reply to  FERNANDO
9 meses atrás

Todo petróleo bruto tem sua assinatura…como é formado e sua composição. Cada reserva é difente de outra..mesmo aqui no Brasil dá para diferenciar a origem da região.

Salomon
Salomon
Reply to  FERNANDO
9 meses atrás

Prezado, dá para encontrar na soja, café, minério de ferro, osso, pelo animal, imagine se não daria no petróleo, o troço mais estudado e trabalhado do mundo.

jose luiz esposito
jose luiz esposito
Reply to  João Moro
9 meses atrás

Av Venezuela tem pouquiíssimos petroleiros, geralmente o comprador freta ou envia seus navios a Venezuela !

Mgtow
Mgtow
Reply to  João Moro
8 meses atrás

Isso é coisa de gente igual o pessoal do dia do fogo. Esse papo de navio venezuelano é puara balela para desviar os olhos das reais motivações. Turminha que vocifera um tal de climatismo e tal

Alison Lene
Alison Lene
9 meses atrás

á vem os loucos dizer que foi petróleo da Venezuela… Pior, dizer que foi proposital… OS EUA praticamente fazem um bloqueio naval na Venezuela… Ela mal consegue levar seu petroleo até Cuba.. Ai iria contornar toda a Costa Atlântica para simplesmente derramar seu óleo em águas brasileiras… Todo mundo sabe que essa investigação já ocorre há semanas! Pode ter ctz que, se tivesse passado algum navio da Venezuela pela nossa área, a Marinha já teria comunicado e posto as provas… O que mais tem hoje no mundo é sites especializados em rotas e trajetórias com posição de navios pelos mares…… Read more »

jusé
jusé
Reply to  Alison Lene
9 meses atrás

“Governo” cambaleando…tipo talvez não chegue ao seu final…ou já chegou….rsrsr”….Solução aaantiga…para desviar a atenção; acha-se um “inimigo”, de preferencia externo porque interno, quase todo mundo já é. Tática antiga masss… ainda usada. Tá bom….sei….a Venezuela despejou uma carga inteira de óleo…no litoral do nordeste…kkkkkkk….sei…..! E o óleo tem até “assinatura”….ahahahah…essa Venezuela e seu governo comunista ehm…ahahahahah

Marcos R.
Marcos R.
Reply to  Alison Lene
9 meses atrás

Caro Alison, o monitoramento que você cita se dá por meio de transponderes que podem ser ligados ou desligados pela tripulação, vide os recentes casos de “desaparecimento” temporário de navios na região do Irã, que passa por sanções semelhantes a Venezuela.

Alison Lene
Alison Lene
Reply to  Marcos R.
9 meses atrás

Pode ser desligado… Mas aí que provas vc terá? Se vc vender seu carro para mim e eu sair atropelando todo mundo depois a culpa e sua? Mesmo que o Petroleo tenha sido extraido da venezuela, afirmar que foi o governo de lá que jogou em nosso litoral e de doer viu…

Francisco Herês
Francisco Herês
Reply to  Alison Lene
9 meses atrás

Alison, vc precisa se informar melhor para deixar de ser alienado, o EUA não fazem NENHUM bloqueio naval na Venezuela, NENHUM, tanto que os EUA importam petróleo de lá, cerca de 10% das necessidades americanas de óleo vem da Venezuela, que tem clientes especiais como Rússia, Espanha e Cuba. A culpa da crise da Venezuela todo mundo sabe de quem é, são os mesmos que queriam implantar no Brasil a ditadura do proletariado, são os comunistas do Foro de SP que estragam tudo que põe a mão, os responsáveis pelo atraso da Humanidade e que quase conseguiram quebrar o Brasil.

Alison Lene
Alison Lene
Reply to  Francisco Herês
9 meses atrás

Vc sabe ler? “Praticamente” existe nesse dialeto que vc usa pra se comunicar?… depois eu sou alienado…A culpa da corrupção que existe lá sao de toda a classe dominante que tem lá… A culpa das dificuldades do povo hj lá são dos EUA, doa a quem doer… Se um pais proibe praticamente todo mundo de comprar seus produtos, como vc vai ter dinheiro pra fazer nada? cabeça é pra pensar viu?

Aldo Ghisolfi
Reply to  Alison Lene
9 meses atrás

Muito simplista as tuas ponderações…

Gil Roberto Alves de Carvalho
Reply to  Aldo Ghisolfi
9 meses atrás

Não é simplista, é real, o sistema a bordo se chama AIS

Clóvis
Clóvis
Reply to  Alison Lene
9 meses atrás

Triste constatar para onde vai a discussão num sítio especializado em cultura naval. Estão se esquecendo de para onde sopram os ventos alísios, bem como para onde se encaminha a corrente equatorial. Demais disso, abandonam a lógica: em quê a Venezuela se beneficiaria derramando petróleo todo o litoral nordestino do Brasil? As aventadas trocas ocorridas em alto mar provocariam perdas em quantidade suficiente para atingir todo o litoral nordestino? Não tenho notícia de que isso ocorra quando o Irã providencia o transporte de seu petróleo. Morro de rir, para não chorar. Vivemos mesmo no mundo da pós-verdade. O fato pouco… Read more »

Radagast, o Castanho
Radagast, o Castanho
Reply to  Clóvis
9 meses atrás

“Demais disso, abandonam a lógica: em quê a Venezuela se beneficiaria derramando petróleo todo o litoral nordestino do Brasil? ” Serio? Tu tá achando mesmo que estão dizendo que o Maduro acordou belo dia e disse: “vamos ferrar com as praias Brasileiras, derramem óleo cru nelas e que se dane o crime ambiental”? O mais provável aqui é o que a maioria dos foristas estão dizendo, por estar a Venezuela sob sanção comercial forte ela certamente está contrabandeando seu petróleo para outros países, como a Coreia do Norte e talvez até a China. Uma forma de contrabando é trocar o… Read more »

André Souza
André Souza
Reply to  Clóvis
9 meses atrás

Clóvis falou muito mas falou M…

Helio Eduardo
Helio Eduardo
Reply to  Alison Lene
9 meses atrás

Meu caro, me desculpe, mas é sério isso?!?!?! Rastrear navios pelo Marine Traffic ou semelhante!?!?

Então você considera que, mesmo em uma operação clandestina, o astuto e responsável comandante manterá o transponder ligado, para permitir aos “sábios” rastreá-lo pelo mundo?????

TeoB
TeoB
9 meses atrás

Então é uma situação bem complexa e muito triste, porém o que eu acho que esse infeliz incidente deveria servir de lição para termos vergonha e comprar mais uns navios patrulhas, já vamos construir as Tamandaré aqui, então que se resolva o problema e compra para fazer em outro lugar uns navios de patrulha e ponto! talvez uma presença maior da MB poderia ter evitado isso.

teropode
Reply to  TeoB
9 meses atrás

Veja bem ; de nada adianta navios patrulha , se a transferência de petróleo ocorreu em águas internacionais ou venezuelanas a MB nada pode fazer , as correntes se encarregaram de trazer o óleo até nossas praias .

Aldo Ghisolfi
Reply to  TeoB
9 meses atrás

Também penso assim… nosso mar é ‘interesse de viúva”…

Diego
Diego
9 meses atrás

Maduro poderia ter jogado esse óleo no Brasil.. Para tirar atenção do governo dele, para atrapalhar um governo de direita no Brasil, que já está nos holofortes ruins no tema amazônia. Desses cubanos-venezuelanos não duvido nada.

francisco Farias
francisco Farias
Reply to  Diego
9 meses atrás

Bom se é para entrar no campo das teorias de conspirações poderíamos também pensar que os USA estão poluindo as praias brasileiras para culpar o Maduro e o Brasil entrar em guerra contra a Venezuela.
Da CIA não duvido nada.

Mgtow
Mgtow
Reply to  Diego
8 meses atrás

Isso é coisa de gente igual o pessoal do dia do fogo. Esse papo de navio venezuelano é pura balela para desviar os olhos das reais motivações. Turminha que vocifera um tal de climatismo e tal

Felipe
Felipe
9 meses atrás

Até agora só achismo do nosso presidente.

João Moro
João Moro
Reply to  Felipe
9 meses atrás

Ele tem o GSI, a marinha, a polícia científica e a Petrobrás para investigar o incidente. Declarar que é “achismo do nosso presidente” ai já é forçado demais…

Camargoer
Reply to  João Moro
9 meses atrás

Caro João. Acho que esse caso da mancha de óleo é mais um “furo” da GSI. Temos debatido isso há meses. A GSI vem falhando sistematicamente.

marcus
marcus
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

O GSI está muito ocupado. Está tentando mostrar que a terra é plana.

Space Jockey
Space Jockey
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

Isso eu concordo, o GSI já deu pelo menos 2 grandes vacilos.

Camargoer
Reply to  Space Jockey
9 meses atrás

Olá Space. Seriam dois grandes vacilos que ficamos sabendo. Com o vazamento do óleo são três. O órgão é tão importante para a estabilidade institucional que o primeiro vacilo já seria intolerável.

Jonatas
Jonatas
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

Desculpas ignorância, mas quais fora as falhas?

Camargoer
Reply to  Jonatas
9 meses atrás

Oi Jonatas. Discutimos bastante o problema da cocaína no avião presidencial, dos rifles estocados no condomínio do presidente…

Camargoer
Reply to  Felipe
9 meses atrás

Olá Felipe. Tenho dito há algum tempo que vivemos em uma “Chutocracia”.

João Moro
João Moro
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

Com todo o respeito, Camargoer, mas (se fosse verdade isso que você alega), prefiriria viver na “Chutocracia” do que na “Cleptocracia”.

Camargoer
Reply to  João Moro
9 meses atrás

Olá João. Também respeito sua opção, mas prefiro viver em uma democracia.

Alison Lene
Alison Lene
9 meses atrás

Fico impressionado com a capacidade de so publicar comentario com ideias estapafudias… ai quando alguem mostra um minimo de lucidez, proibem o comentario…

Camargoer
Reply to  Alison Lene
9 meses atrás

Olá Alison. Essa reportagem é resultado de um “vazamento” de alguém próximo ao governo. Pode ser que seja verdade mas também pode ser que seja uma cortina de fumaça. Como os resultados estão sob sigilo, o mais adequado seria um jornal pedir para uma universidade ou laboratório independente analisar o óleo. Isso sim seria um “furo” de jornalismo independente.

João Moro
João Moro
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

Seria o adequado a impressa solicitar uma análise independente, mas a nossa imprensa está mais preocupada com MIMIMI e destruição de reputação inconsequente.

Camargoer
Reply to  João Moro
9 meses atrás

Caro João. Concordo que falta um senso de oportunidade jornalistica (tanto nos grande jornais, revista semanais e redes de televisão). Há excelentes grupos de pesquisa em universidades brasileiras especializados em petróleo e combustível que poderiam ter sido consultados sobre o problema, ao invés de “comprar” a versão extra-oficial de alguém do governo “vazando” uma informação. Ao repetir a informação da “fonte anônima”, o jornalista atua apenas como “pombo-correio”. O teor do vazamento serviu para proteger e justificar o governo ao invés de denuncia-lo. Esse tipo de vazamento é quase chapa-branca. Um “furo” seria algo como “Empresa X é responsável pelo… Read more »

Parabellum
Parabellum
9 meses atrás

Isso é o que ganhamos por acolher tantos venezuelanos em Roraima. Também promovido a interiorização em vários estados oferecendo um oportunidade melhor de vida para esses pobres coitados, açoitados pelo regime truculento e ditatorial atual. Demos amparo à saúde de centenas de parturientes em Boa Vista, com tratamento igualitário à qualquer brasileiro pelo melhor sistema de saúde do mundo que é o SUS, em termos de universalidade. Sofremos do sarampo, uma vez erradicado. Mas estamos consumindo recursos e envidando esforços para a saúde de todos. É isso que recebemos agora: um duro golpe no turismo nordestino.

colombelli
colombelli
Reply to  Parabellum
9 meses atrás

Parabellum, não devemos por a culpa nos refugiados. Eles são tão vitimas de Chaves e de Maduro ( os amigos do pt) quanto podemos ser nos agora com esta ação, se ela for proposital. Quem veio pra cá hoje certamente será adversário do chavismo e do bolivarianismo. Devemos é mostrar pra estas pessoas solidariedade e tomar medidas pra que retornem pra lá quando Maduro cair, e para que lembrem o que ele representa para nunca mais deixarem se criar outro igual. Culpa disso é do governo, não do povo. A generalização é perigosa.

Camargoer
Reply to  colombelli
9 meses atrás

Olá Colombelli. Concordo com você. Os refugiados são vítimas, seja aqui na fronteira do Brasil, seja lá no oriente médio, América Central.. etc.

Marcelo
Marcelo
9 meses atrás

Investigações sigilosas mas que todo mundo sabe o que se passa!!! tsc, tsc, tsc

Bardini
Bardini
9 meses atrás

É o que dá, quando não se consegue fazer o básico e patrulhar o próprio quintal…

Guilherme Poggio
Reply to  Bardini
9 meses atrás

Neste caso não precisa. Uma simples análise de imagens por satélite já seria suficiente. Aliás, aqui vai a dica. Basta fazer um estudo prévio das imagens anteriores e encontrar a origem.

Tomcat4.0
Tomcat4.0
Reply to  Guilherme Poggio
9 meses atrás

O que já deve ser de conhecimento do governo o qual já deve saber bem a origem deste óleo.

Gelson
Gelson
Reply to  Guilherme Poggio
9 meses atrás

Bom dia, Guilherme!
Imagens de satélite?
Existe este monitoramento sobre águas territoriais brasileiras?
Que satélites fazem isso. São nacionais?
Por favor, gostaria de saber mais a respeito.
Obrigado e abraços.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Gelson
9 meses atrás

Ainda não temos um satélite para isso (imageamento, de órbita baixa). Pretendemos adquirir um em breve (Projeto CARPONIS). Atualmente, adquirimos imagens de empresas estrangeiras. A FAB já possui um Centro de Operações Espaciais (COPE), subordinado ao COMAE, e localizado em Brasília. Por meio dele controlamos o nosso satélite de comunicações, SGDC. Recentemente, um Major do COPE esteve nos EUA participando de um exercício multinacional de vigilância espacial (Global Sentinel 2019).
http://www.fab.mil.br/noticias/mostra/34762/ESPA%C3%87O%20-%20Militar%20da%20FAB%20integra%20exerc%C3%ADcio%20internacional%20sobre%20vigil%C3%A2ncia%20espacial

Gelson
Gelson
Reply to  Rinaldo Nery
9 meses atrás

Muito obrigado pelo esclarecimento, Rinaldo Nery!
Então só saberemos do que acontece quando, e se, o problema vier dar à praia. Antes disso nem pensar!

Kemen
Kemen
9 meses atrás

Só chegou no nosso litoral? E no litotal das Guianas e no litoral da Venezuela? Mais provavel ser de um navio e pela quantidade ou naufragou do qual não se tem noticia, ou foi numa operação de transbordo que fracassou e levou um enorme tempo para corrigir, vazando toneladas. Par quem a Venezuela exporta petróleo e cujo navio tivesse que se dirigir ao Atlantico Sul? Realmente, tem muita coisa estranha acontecendo ultimamente!

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  Kemen
9 meses atrás

Pois é! Não tem como ser um vazamento na Venezuela á nos atingir aqui e não haver rastros por lá, mas sim de um navio na nossa costa, à pelos uns 60 km do litoral. Entretanto, não tem cara de naufrágio e sim de descarte ilegal mesmo, o que configura crime ambiental. Cabe à CP dizer de qual navio foi, lá pelo início do mês de Setembro, que passou naquelas mediações carregando petróleo cru. Não será tão difícil achar o culpado. Resta saber se virão multas/sanções pra a empresa dona do navio.

Space Jockey
Space Jockey
Reply to  Filipe Prestes
9 meses atrás

Presta atenção, vc e outros que estão repetindo a mesma coisa: O que foi identificado foi a ORIGEM do petróleo, e não quem derramou . Ele pode ter origem venezuelana mas ter sido derramado por um cargueiro italiano portugues etc. Entendeu ?!

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  Kemen
9 meses atrás

Kemen, pesquise sobre a Corrente do Brasil e vc verá que é bem possível sim, aliás, Cabral na navegou de carona nela!

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
9 meses atrás

Só podia ser desse país, olha como está o lago de Maracaibo, petróleo puro:
comment image

E nessas horas não tem ambientalista nenhum para condenar, eles fecham os olhos o máximo possível quando se trata de certos regimes…

sub urbano
sub urbano
Reply to  SmokingSnake 🐍
9 meses atrás

Com as sanções e ataques internacionais que vem sofrendo não dá pra culpar a Venezuela.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  sub urbano
9 meses atrás

claro que dá, dinheiro tem, tem a China e a Rússia para operar lá, são incompetentes e corruptos, não há como negar.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  sub urbano
9 meses atrás

Coitadinhos… Trump é muito mal mesmo. Maduro vai ser canonizado.

Clodorencio
Clodorencio
Reply to  Rinaldo Nery
9 meses atrás

Colocando Ele na boca de um canhão e disparando seria a “canonização ” perfeita….kkk
O problema seria o calibre do mesmo que teria de ser muuuuiito grande, dado corpitcho dele…kkkk

Delfim
Delfim
9 meses atrás

Aiiinnn seus fascistas, o petróleo não veio da Venezuela…
Então, veio de onde então ? Além da assinatura química, qual o outro grande produtor de petróleo mais próximo ?
.
Não acredito que tenha sido criminoso, proposital. Mas só mostra como as operações petrolíferas na Venezuela estão afetadas pela crise.
.
Hora de mandar recursos aeronavais para o Nordeste.

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  Delfim
9 meses atrás

Penso que foi criminoso sim mas não veio de longe, veio de um navio na nossa costa mesmo que vazou durante uma troca ou foi descarte em alto mar mesmo. O agravante: Tudo bem debaixo dos narizes da CP e da MB.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  Filipe Prestes
9 meses atrás

Filipe, especialistas já informaram que pela composição e estado como se encontra, esse petróleo cru estava a muito tempo em contato com a água, o que descarta sua teoria. Veio de águas internacionais.

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  Marcelo Andrade
9 meses atrás

O petroleo cru, naturalmente mais denso, tende á afundar. Não basta saber que o petroleo era venezuelano, mas qual navio o transportava. Ao que tudo aponta, foi um navio em direção à Ásia que passava na “avenida” adjacente ou mesmo dentro de nossa ZEE que vazou ou descartou o oleo no mar.

Camargoer
Reply to  Filipe Prestes
9 meses atrás

Caro Filipe. Petróleo é menos denso que a água do mar. O que ocorre é o emulsionamento do petróleo devido a presenta de proteínas na água do mar oriundas da decomposição da vida marinha. Óleo boia.

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

Olá, Camargo! O petroleo cru, ainda repleto de outros traços como S, P, de bases naftênicas e parafênicas insaturadas tem densidade similar à do gelo, algo em torno de 0,95 g/cm^3. Ou seja, é muito próximo à densidade da água. E sim, como vc mesmo disse, devido ao movimento das ondas e da reação catalítica entre o petróleo e a porção orgânica na água do mar (entre outros elementos tambêm) causa a decomposição e dá aquele aspecto que vimos nas fotos. PS: Me perdoe perguntar, mas vc é engenheiro? Pergunto porque sou eng. ambiental e sanitarista e meu doutorado é… Read more »

Camargoer
Reply to  Filipe Prestes
9 meses atrás

Oi Filipe. Que legal o tema da sua tese. Ficaria feliz se puder ler. Sou químico.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Filipe Prestes
9 meses atrás

¨Vai ao encontro¨. ¨De encontro¨ é contrário. É isso mesmo que quis dizer? Conhecimento básico pra quem faz doutorado.

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  Rinaldo Nery
9 meses atrás

“De encontro”. Falei de “prevenção de sinistros” não de “remediação” que é oposto e no caso deste derramamento, ainda mais, uma vez que o impacto já está instalado. Interpretação também é básico, coronel.

cerberosph
9 meses atrás

Pelas correntes marítimas e aéreas e impossível esse petróleo ter vindo da Venezuela ou de uma plataforma sua, se o petróleo é venezuelano mesmo então veio de um navio, possivelmente acidente no transbordo de petróleo em alto mar perto da costa brasileira. Quem faz essas operações?

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  cerberosph
9 meses atrás

É a hipótese mais plausível até o momento. E infelizmente, empresas do mundo todo fazem estas operações. Tendo em vista os embargos sobre a Venezuela e o provavel destino desse óleo, eu diria que se trata de uma empresa asiática, sobretudo chinesa, que provavelmente iria aos grandes centros de refino chineses em Guanghzou e Luoyang.

Space Jockey
Space Jockey
Reply to  cerberosph
9 meses atrás

Vá aprender a interpretar, eles identificaram a origem do petróleo e não o navio que derramou, que pode ser de qualquer país.

pgusmao
pgusmao
9 meses atrás

Cadê o eficiente Ministério Público Federal??? Aonde estão os cuidadores do Brasil?? Se metem em tudo, mas na hora de correr atrás de uma situação dessas, cadê??

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  pgusmao
9 meses atrás

Gusmão, se nem a MB, ANP, CP e MMA que deveriam, em tese, fiscalizar a bagaça, estão sabendo o que fazer, imagine pros leigos do MP. O mais incrível desse triste episódio é que escancara que não temos meios técnicos de fiscalizar e tomar ações de prevenção e controle desse tipo de sinistro (se é que foi acidente e não incidente) no País.

colombelli
colombelli
Reply to  pgusmao
9 meses atrás

parabens, tirou as palavras da minha boca

sub urbano
sub urbano
Reply to  pgusmao
9 meses atrás

não acharam nem o queiroz… lá vão achar navio venezuelano? rs

Chevalier
Chevalier
Reply to  sub urbano
9 meses atrás

O Queiroz tá comendo a tua mãe.

Camargoer
Reply to  Chevalier
9 meses atrás

Caro Chevalier. Seu comentário foi inapropriado.

EduardoSP
EduardoSP
Reply to  Chevalier
9 meses atrás

Chevalier, sua atitude não condiz com seu apelido. Acho que seria melhor mudá-lo.
Se me permite, sugiro Garçon.

Alex Barreto Cypriano
Alex Barreto Cypriano
9 meses atrás

É Maduro devolvendo, daquele jeitinho fraterno que só tirano comunista tem, o favor de Lula a Chávez. Ele só não refinou…

Alex Barreto Cypriano
Alex Barreto Cypriano
9 meses atrás

O petróleo afunda depois de uns dias na água. Não tem como este óleo ter vindo da África ou Venezuela. Foi despejado propositalmente durante o curso da embarcação não muito longe da costa brasileira – só assim pra se espalhar por tão grande área… Tenho meu palpite, mas vou guardar pra mim. Que se investigue e caracterize o ato de terrorismo ambiental. Resta saber se se pode penalizar o bandido…

Vitor
Vitor
9 meses atrás

Ainda nao encontrei noticia de que o Oleo apareceu na Guiana, Suriname ou Guiana Francesa. Se foi em Alto Mar a + de 200mn da Costa, se pode rastrear via AIS caso algum Navio tenha afundado.

Cavalo-do-Cão
Cavalo-do-Cão
9 meses atrás

Muito estranho a quantidade, a forma que está espalhada e o ritmo que está chegando…Mas é só ver as correntes marítimas pra saber que não tem como vir da Venezuela, isso é ridículo…Há várias plataformas de petróleo no nordeste…E a pouco tempo atrás uma petrolífera estrangeira foi multada pelo o Ibama em mais de R$ 50 milhões pelo vazamento de petróleo na Bacia de Campos, no litoral norte do Rio de Janeiro… O que é interessante é que ainda ninguém, nenhum órgão da mídia ou governo, tenha feito uso de imagens de satélites para esclarecer esse desastre…Acho estranho que o… Read more »

colombelli
colombelli
9 meses atrás

qual impacto disso no turismo do nordeste? Seria mero acaso ser da Venezuela? duvido muito. O cheiro disso é sabotagem econômica. Mas para não cometer leviandade, vamos aguardar.

100nick-Elâ
100nick-Elâ
Reply to  colombelli
9 meses atrás

Se for mesmo sabotagem econômica e se ficar provado que foi da Venezuela, o que você sugere que devemos fazer? guerra contra a Venezuela?

colombelli
colombelli
Reply to  100nick-Elâ
9 meses atrás

100nick existem diversos mecanismos de direito publico internacional que podem ser acionados para sanção contra eles se for provado sabotagem a começar pela OEA. Quem esta falando em guerra é voce, quiçá por desconhecê-los. O que não pode é ficar sem resposta se comprovado que foi intencional. Mas voce e sua turma, que expressamente apoiam e defendem gente que apoiou (e apoia) e também financiou a ditadura Maduro e a ditadura Castro, certamente iriam deixar passar em branco por causa da ideologia, como fizeram quando tomamos toco da Bolivia, do Paraguai e do Equador no caso do gás, de Itaipu… Read more »

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  colombelli
9 meses atrás

Só na mente doentia de vocês que imaginariam que a Venezuela desperdiçaria dinheiro, desperdiçando o seu precioso petróleo só para prejudicar o Brasil. Não acredito em nenhuma investigação isenta do governo bolsonaro, mas mesmo que se prove que o óleo tem origem venezuelana, é preciso ressaltar que a economia deles vive de vender petróleo e qualquer um poderia ter comprado e, a partir desse momento, a responsabilidade pelo óleo é do comprador. Ou se eu jogar gasolina no meu prédio e tocar fogo a culpa será da Petróbrás? Talvez tenha sido um acidente, mas se vc procura guerra contra a… Read more »

carcara_br
carcara_br
Reply to  colombelli
9 meses atrás

Se for pra viajar na hipótese de ataque ao menos desconfiem da frança. Pense ai, ao menos eles tem dinheiro pra desperdiçar jogando óleo fora…

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  carcara_br
9 meses atrás

Meu caro, bom dia e não descarto ninguém e nenhuma possibilidade, seja proposital para afetar nossa imagem de destruidor de meio ambiente, seja um naufrágio, transbordo devido a embargos etc… Mas a única certeza é que não é oriundo de nossas extrações. Abraços

colombelli
colombelli
Reply to  carcara_br
9 meses atrás

Carcara a frança não é amadora a este ponto. Isso ai se for intencional é coisa de ditadorzinho de esquerda que não recebe mais apoio do Brasil e quer revidar. E a Venezuela pode se dar ao luxo de por óleo fora. Miséria lá é so pro povo. O Maduro e seus asseclas não sofrem limitações em meios pra seus objetivos

kornet
kornet
9 meses atrás

Se de fato for da Venezuela e foi propostal e orquestrado pelos adePTos do ParTido, vai ter bronca, pois atacaram as praias de toda a costa dos Estados Bolivarianos de Cuba do sul.

Paulotd
Paulotd
Reply to  kornet
9 meses atrás

Ta na hora da MB parar de mandar fragata e Corveta pra fazer sei lá o que no Libano, e botar esses navios pra patrulhar nossa costa, principalmente essa região Nordeste caminho de petroleiros e navios Venezuelanos. Tá na cara que isso é coisa de óleo contrabandeado em alto mar..

Precisamos de mais návios da classe Macaé e Amazonas pra ontem, parem de gastar com imbecilidades e priorizem esse projeto.

Paulo José Ferreira de Lima
9 meses atrás

Uma coisa é certa, estamos sendo sabotados. Foi propositalmente, sendo um acidente, a nossa MB seria avisada, moro em Sergipe e estou triste com tudo isso, esse crime além de destruir nosso turismo, está matando nossos animais marinhos. Caso o culpado seja a Venezuela, eles precisam pagar caro.

Meireles
Meireles
9 meses atrás

Nossa, esse blog tem muita sensura, quando sensuramos alguém, é porque descordamos, e não respeitamos a opinião dos outros, praticando o egocentrismo que espera ler apenas aquilo que se quer ler, se é pra sensurar pra quê que colocam a opção de comentários?

Meireles
Meireles
Reply to  Meireles
9 meses atrás

Censura*

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Meireles
9 meses atrás

* discordamos.

Tomcat
Tomcat
Reply to  Rinaldo Nery
9 meses atrás

* Ensino médio

PACRF
PACRF
9 meses atrás

A imprensa tem noticiado que a Marinha está levantando quais navios navegaram na região do desastre ecológico. Impressiona, que desde setembro, manchas de óleo cru já haviam sido detectadas e o Ministério do Meio Ambiente nada fez. Esperou que mais de 150 praias fossem contaminadas para agir. Impressiona ainda mais, o fato da Marinha não saber quantos e quais navios navegam em nossas águas territoriais. Conclusão: nem a “Amazonia Azul” nem a “Amazônia Verde” são monitoradas e controladas pelas nossas Forças Armadas. Cenário típico de descaso e má gestão.

Furagelo.
Furagelo.
9 meses atrás

Um atentado claro contra nosso País na intenção de nos incriminar perante opinião pública e entidades internacionais.

Wilson França
Wilson França
Reply to  Furagelo.
9 meses atrás

Que bom que vc já resolveu o caso. Parabéns.

carcara_br
carcara_br
9 meses atrás

Filho feio não tem pai, alguém fez uma ca ga da muito grande e está caladinho pra não pagar a conta.

Luiz Floriano Alves
Reply to  carcara_br
9 meses atrás

Esse episódio tem os mesmos sintomas do que aconteceu no Golfo do México, anos atrás. O petróleo no mar vai oxidando e fica com consistência de asfalto. A quantidade é muito grande para ser simples limpeza de porão ou perda de transbordo. No Golfo, se constatou que a origem é de poço marítimo. Para aumentar a produção são detonadas cargas explosivas de grande potencia dentro da reserva, assim se recupera muito mais óleo. Só que o fundo rochoso pode trincar e deixar o óleo vazar para a superfície. Lá a petroleira está pagando multa de bilhões de dólares. E aqui?… Read more »

Luiz Floriano Alves
Reply to  Luiz Floriano Alves
9 meses atrás

Adicionando alguns dados sobre o desastre ambiental do Golfo do México. Local: poço de Macondo. Ano de 1910; área atingida – Lousiana, Flóridaa e Alabama, principalmente. Multa paga pelas empresas acusadas, U$4.650 bolhões. Custo de limpeza, 16 bilhões de U$. Medidas tomadas: barreiras flutuantes, coleta, queima controlada e aplicação de dispersantes (8000 ton.). O dispersante remove, porém causa a absorção na areia da mistura com o óleo. A vida marinha está afetada até hoje, com a ocorrência de malformações genéticas e morte prematura de golfinhos e atuns, principalmente. A causa do acidente foi atribuída, oficialmente, a falha na cementação do… Read more »

carcara_br
carcara_br
Reply to  Luiz Floriano Alves
9 meses atrás

Neste caso a assinatura química deveria bater com petróleo de procedência das nossas reservas, não?

Helio Eduardo
Helio Eduardo
9 meses atrás

E foi só falar em Venezuela que uma parte da turma pira…. Não sei o que é pior, o Maduro e suas c*g*adas rocambolescas ou a turma da patrulha e suas mirabolantes teorias de conspiração bolivariana. É para rir, e muito!

Melhor disseram muitos dos amigos sobre a possibilidade de ser derrame oriundo de alguma operação clandestina. Casos de sanções comerciais, como no Irã, devem ser terreno fértil para que alguns consigam ganhar muito dinheiro com operações clandestinas. E de quebra aprendi que petróleo possui “dna”. Um viva ao debate responsável e consciente!

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
9 meses atrás

Não é teoria da conspiração e me perdoem se acharem, mas ultimamente tem havido muitas coincidências em desastres, Brumadinho, queimadas e derramamento de óleo na costa e este não possui os compostos dos que aqui produzimos. Devem ter enterrado um sapo e um urubu em “brasília”

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Saldanha da Gama
9 meses atrás

A coisa é séria e super dissimulada. Socialistas ardilosamente vestiram a fantasia do globalismo e estão em guerra ardilosamente ativa contra o Capitalismo Cristão do Ocidente via guerra de 5º geração. Europa, EUA, Brasil etc que se atentem para o combate. Essa gente não só tem muito dinheiro, como aliados importantes no planeta. Aliados estes que possuem recursos de ponta no setor de Tecnologia da Informação e da Inteligência. E não deixarão de inventarem todo tipo de arma. As mais recentes são as manipulações sociais: Do Ecologicamente Correto, do Socialmente Correto e do Globalmente Correto, que são um passo além… Read more »

Camargoer
Reply to  Farroupilha
9 meses atrás

Caro Farroupilha. A população mundial deve ser um pouco maior que 7 bilhões de pessoas, das quais 2 bilhões são cristãs divididas em católicos, protestantes e evangélicos (acho que hoje fica difícil colocar protestantes e evangélicos na mesma categoria), 1,5 bilhões islâmicos (xiitas e sunitas), quase 1 bilhão de indus, 200 milhões de ateus, xintoístas, budistas, judeus, panteístas… seria um erro restringir o capitalismo aos cristãos. Outro problema é colocar todos os cristãos como capitalistas. A teologia da libertação, por exemplo, é um movimento de esquerda entre os católicos. Também é um erro achar que ateus são socialistas. Tem muito… Read more »

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

Prezado Camargoer, Sem discussão que o capitalismo está sendo encaixado em todo tipo de grande grupo social, independente da negação de alguns. O século passado já mais que provou que só ele consegue fazer o bolo do bem estar crescer, e que mesmo com certos desequilíbrios, é o sistema econômico que melhor divide este bolo entre todos. Quanto a juntar o Politicamente Correto (forjado por uma minoria e empurrado goela abaixo da maioria), com boa educação e Ética Cristã é impossível… Politicamente Correto = Vontade de poucos sobre muitos = domínio da vontade de poucos. Boa Educação = Uma pessoa… Read more »

Camargoer
Reply to  Farroupilha
9 meses atrás

Caro Farroupilha. Entendo seu ponto de vista mas discordo de muita coisa. O capitalismo é essencialmente concentrador de riqueza (os livros de Dickens descrevem a o espírito selvagem do capitalismo do sec XIX). O que garante a distribuição de riqueza é um regime democrático. A imposição da vontade de poucos sobre muitos é característica de um regime totalitário. A ética cristã é baseada na solidariedade e caridade (o Novo Testamento é rico em exemplos), o que inclui o respeito ás diferenças e implicitamente a boa educação. A imposição da vontade da maioria sobre a minoria, desrespeitando os direitos humanos é… Read more »

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

Camargoer que Historinha do Mal é esta de que capitalismo é concentrador de riquezas? Acorda amigo, o socialismo esta carregado de erros. Sai dessa. Foi justamente o capitalismo que originou a burguesia e, pela primeira vez na história da humanidade, propiciou o surgimento de uma civilização mais próspera para todos. Quanto a democracia, ela o precede, a democracia em bases simples já existia na antiga Grécia. O regime democrático (sistema político e não econômico) estabele igualdade de oportunidades e não de riquezas, ou seja, o mérito de cada um é que põem ordem social para que cada um possa se… Read more »

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Camargoer
9 meses atrás

Caro Camargoer se Malthus (teoria malthusiana), Marx e Dickens, tivessem mente criativa (mais da que tinham) para imaginar que o mundo comportaria 7 bilhões de almas vivas, e cidades com mais de 20 milhões de habitantes, tocariam fogo em suas obras. Mais detalhes em outro comentário, se for publicado. O planeta Terra comporta 21 bilhões de homens e mulheres, a exploração de alimentos ainda não foi totalmente atingida. Ex: Nossos mares são fonte de bilhões de toneladas de alimento, porém isto ainda não foi iniciado, a pesca atual éstá totalmente errônea, irão surgir novos modos totalmente revolucinários e não agressivos… Read more »

Camargoer
Reply to  Farroupilha
9 meses atrás

Olá Farroupilha. Creio que o problema nunca foi o número de pessoas, mas a demanda energética (que pode ser um meio de contabilizar consumo, poluição, ou toda atividade humana). Tenho dúvidas que o planeta sustente o atual nível de atividade por muito tempo. Você tem razão quando comparara os cenários do sec XIX com sec XXI. A diferença tecnológica na produção de alimentos (melhoramento genético, implementos mecânicos e químicos, monitoramento remoto, desenvolvimento de técnicas de plantio, etc). Usando o seu argumento, com que concordo parcialmente, Smith, Mill (até Hayek que escreveu “O caminho da servidão” sob a pressão do nazismo… Read more »

Wilson França
Wilson França
Reply to  Farroupilha
9 meses atrás

Terra chamando, câmbio.

CESAR FLORIANO DOS SANTOS
9 meses atrás

Isso é um ataque ao nosso país a verdade é essa.
E essa mídia podre finge q nada está acontecendo.

nonato
nonato
9 meses atrás

Seria uma boa o governo estipular uma recompensa para quem oferecer informações que levem a descoberta da origem do petróleo.
Tipo um milhão de dólares.
Seria bom também o governo conseguiram os equipamentos da empresa de Kevin Costner, que retirou petróleo do mar em 2010, no Golfo do México.
Ou o Brasil desenvolver um equipamento desses, até porque corremos o risco de vazamentos no pré-sal.

Wilson França
Wilson França
Reply to  nonato
9 meses atrás

Não pode ser sério isso…

FERNANDO
FERNANDO
9 meses atrás

Estão dizendo que foi um submarino alemão que foi afundado durante a Segunda Guerra Mundial.
Vamos atualizar aqui senhor EDITOR.
Foi como eu comentei, não devemos acusar, mas, esperar os dados técnicos.
Para quem fica sempre puxando o saco dos Estados Desonidos, onde vc é inocente até que se prove o contrário, aqui, como é comum neste país baba onde vivemos, vc é culpado até que vc consiga provar que é inocente!!!!!

carcara_br
carcara_br
Reply to  FERNANDO
9 meses atrás

Se for verdade, alguém vai precisar explicar muito bem qual o sentindo de um vazamento falso principalmente incriminando um país vizinho, Qual o objetivo político disso???

Celsoskl
Celsoskl
9 meses atrás

Sinceramente, acredito em algo intencional. Um derramamento em um ponto não distribui óleo da Foz do Amazonas ao sul da Bahia em tempos iguais.

colombelli
colombelli
Reply to  Celsoskl
9 meses atrás

e bem na rota de quem estivesse voltando pra um certo pais dominado por uma ditadura apoiada pelo PT.

Wilson França
Wilson França
Reply to  colombelli
9 meses atrás

É caminho para vários países.

Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Cristiano Salles (Taubaté-SP)
9 meses atrás

Podem me criticar, más no mundo de hoje não dá para confiar em ninguém… A CIA acho que não, pois os EUA não estão para entrar em conflito com a Venezuela, para forçar um álibi de apoio do Brasil… Acho que foi a Venezuela mesmo que derramou de propósito, para tentar desestabilizar e até derrubar o Bolsonaro, pois para o mundo o Bolsonaro é um anti- meio ambiente, e com às queimadas na Amazônia que geraram aquele desconforto e.mais esse derramamento de petróleo, é mais lenha na fogueira para a comunidade internacional, atacar o Bolsonaro… Ainda bem que têm como… Read more »

Diego Lima
9 meses atrás

Me perdoem os grandes e ilustres comentaristas do portal, mas lendo alguns comentários nasceu um terceiro braço em mim tamanha toxicidade das teorias conspiratórias.

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Diego Lima
9 meses atrás

Diego Lima Polvo (rs), seja criativo com esse seu novo e terceiro braço e escreva interessantes e inúmeras teorias da conspiração contra o Brasil. Quem sabe isto force nossos políticos a terem mais cuidado com nossa Defesa.

O que não falta nos EUA é teorias da conspiração para destruição total daquele país, e assim seus cientistas e suas FFAA conseguem polpudas verbas de seus representantes eleitos. Há conspiração para todos os gostos… Vão desde afundamento total da costa oeste até invasão de Ets predadores, exterminadores, nazistas na Lua etc.

Luiz Floriano Alves
Reply to  Farroupilha
9 meses atrás

seria interessante que as autoridades divulgassem os componentes desse petróleo, e que remetem a origem da sua produção. Sabemos que o petróleo flutuante vai degradando e sua composição se altera rapidamente. Ademais é bem conhecido o fato de que se todo o petróleo derramado nos mares permanecesse com as mesmas propriedades teríamos uma camada dele cobrido os sete mares. Imaginem nas guerras a quantidade derramada. Também é sabidi que o petróleo é “digerido” por certas bactérias o que o torne proteina depois de um certo período. Essa bactéria costuma infestar tanques de aviões comerciais causando corrosão muito destrutiva. a VARIG… Read more »

Luiz Floriano Alves
Reply to  Luiz Floriano Alves
9 meses atrás

Para quem quiser mais subsidios…. Oil spills and their impact on the environment are a source of concern for scientists. These disasters occur on a regular basis, leading to messy decontamination challenges that require massive investments of time and resources. Seeking a solution, researchers are now studying Alcanivorax borkumensis, a bacterium that feeds on hydrocarbons. Professor Satinder Kaur Brar and her team at INRS have conducted laboratory tests that show the effectiveness of enzymes produced by the bacterium in degrading petroleum products in soil and water. Their results offer hope for a simple, effective and eco-friendly method of decontaminating water… Read more »

João Bosco
João Bosco
9 meses atrás

Para mim, seria um vazamento de um navio durante a troca, mas acho improvável dizer de qual nação ou bandeira veio esse derramamento de petróleo.

Ricardo Pinto
Ricardo Pinto
8 meses atrás

Uma pergunta, o que esta sendo feito com os resíduos recolhidos ?