Home Cultura Naval Kirk Douglas, veterano de guerra, morre aos 103 anos

Kirk Douglas, veterano de guerra, morre aos 103 anos

4030
51

Por Guilherme Poggio

Kirk Douglas, ator, diretor e veterano da Segunda Guerra Mundial, morreu aos 103 anos nesta quarta-feira (5). Ele vinha passando por problemas de saúde desde 1996, quando sofreu um acidente vascular cerebral (AVC). Indicado ao Oscar três vezes, o galã de filmes como “Spartacus” (1960) se aposentou depois que passou a ter dificuldades para falar, devido ao AVC.

O que poucos sabem é que Douglas era um veterano da Marinha dos EUA (US Navy) que serviu na Segunda Guerra Mundial. Logo após o ataque japonês a Pearl Harbor em 1941 (e três anos depois de mudar o nome de Issur Danielovitch Demsky para Kirk Douglas) ele se alistou na Marinha dos Estados Unidos. “Senti uma onda de patriotismo e uma onda de judaísmo sobre o que estava acontecendo na Europa com Hitler”, explicou ele à Playbill em 1990.

Na verdade Douglas não foi para a Europa bombardear a Alemanha de Hitler como piloto da USAAF (eles não passou nos exames). Por outro lado foi enviado para a escola de marinheiros em Notre Dame e depois seguiu para o Pacífico.

Kirk Douglas a bordo do cruzador USS Saint Paul (CA-73) durante as filmagens de “In Harm’s Way” (“A Primeira Vitória”, no Brasil) onde contracenou ao lado de John Wayne.

Um trágico acidente

Alguns relatos da imprensa informam que o segundo-tenente Douglas treinou como oficial de armas e comunicações de guerra antissubmarina e foi designado para o PC 1137, um caça-submarinos da classe PC-146 (embarcação muito semelhante aos nossos “cacinhas”), mas em suas autobiografias ele disse que se serviu no PC-1139.

Mais tarde, ele brincou em “ Kirk e Anne: Cartas de Amor, Risos e uma Vida em Hollywood”, um livro de memórias que ele co-escreveu com sua amada esposa: “Eu ficava ótimo em meu uniforme, mas nada mais sobre o meu serviço era distinto.”

Só que a última parte não é exatamente verdadeira, porque o PC-1139 quase o matou antes de se tornar uma estrela de Hollywood. Segundo o Departamento de Assuntos dos Veteranos dos EUA em 7 de fevereiro de 1943, Douglas e sua tripulação foram alertados pelo sonar da presença de um submarino japonês. Ao confirmar a localização do submarino ele e seus colegas marinheiros rumaram para a posição.

Um companheiro de navio deveria disparar um marcador de carga de profundidade, mas ele erroneamente lançou uma carga real chamada  “ashcan”. Ela detonou próxima à superfície do mar e jogou o PC-1139 no ar. Douglas foi jogado contra o navio e sofreu ferimentos abdominais. Posteriormente foi enviado para se recuperar no Hospital Balboa de San Diego, onde os médicos descobriram que ele também tinha disenteria amebiana crônica. Essas mazelas acabaram por desligar o tenente Douglas da Marinha em 1944, dois anos antes de sua estréia no cinema.

Mais de 80 filmes

Kirk Douglas interpretou papéis emblemáticos do cinema, do escravo Spartacus ao pintor Vincent van Gogh, passando pela lenda do velho oeste Doc Holliday. Foram mais de 80 filmes, mas a película que mais marcou o autor deste texto foi “The Final Countdown” (“Nimitz – De volta ao inferno” no Brasil) de 1980.

Neste filme, Douglas interpreta o capitão de mar e guerra Matthew Yelland (ver foto no início do texto), comandante do porta-aviões USS Nimitz (na época o mais moderno da frota e apenas o segundo de propulsão nuclear da US Navy). Uma das memoráveis cenas do filme acontece quando dois F-14 do esquadrão VF-84 “Jolly Rogers” executam um verdadeiro balé aéreo diante de dois A6M Zero (ver cena no vídeo abaixo).

Com informações do G1, Navy Times e U.S. Department of Veterans

Subscribe
Notify of
guest
51 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Airacobra
Airacobra
7 meses atrás

Esse ai marcou uma época.
RIP Kirk Douglas

Joao Moita Jr
Reply to  Airacobra
7 meses atrás

I am Spartacus!!!

Camargoer
Reply to  Joao Moita Jr
7 meses atrás

No. I am Spartacus.

Dalton
Dalton
7 meses atrás

Meu filme preferido com ele é “Glória feita de sangue” onde ele interpreta um coronel francês cujo regimento é injustamente acusado de covardia na Primeira Guerra e três homens do regimento devem ser escolhidos para serem fuzilados e assim servir de exemplo, sendo defendidos pelo coronel/Douglas.

Josetonio
Josetonio
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Uma das últimas grandes lendas. Quem resta? Eastwood e…

ALEXANDRE DE BARROS BARBOZA
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Filme excelente! Boa lembrança, assisti há uns vinte anos, filmaço!

Alexandre Pessoa
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Kubrick em plena forma, filmaço.

Camargoer
Reply to  Alexandre Pessoa
7 meses atrás

Kubrick não tem erro, por exemplo Dr. Fantástico.

Esteves
Esteves
Reply to  Camargoer
7 meses atrás

Laranja Mecânica.

Esquecido e sempre atual. A violência pela violência. A não cura da psicopatia.

Camargoer
Reply to  Esteves
7 meses atrás

Olá Esteves, tá certo que o tópico seria sobre KirKi Douglas, mas se for lembrar do Kubrick então tem “de olhos bem fechados,”….

Esteves
Esteves
Reply to  Camargoer
7 meses atrás

2001.

pangloss
pangloss
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Filme excelente.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Excelente filme. RIP Kirk Douglas

José Carlos David
José Carlos David
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Filmaço…acima da média.

Camargoer
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Olá Danton. Esse é um dos meus filmes prediletos. Spartacus e fantástico e tem o reporter em “a montanha dos sete abutres”.

Dalton
Dalton
Reply to  Camargoer
7 meses atrás

Camargo… “Danton” é o cara da revolução francesa. O meu nome está mais para os “irmãos Dalton” do “velho oeste” 🙂
.
O filme “A montanha dos sete abutres” na minha opinião fica atrás de um filme pouco conhecido dele “Um assassino na cidade/Mousey” que me impressionou
muito, talvez até por ser um garoto quando o assisti lá nos anos 1970 !!

Esteves
Esteves
Reply to  Dalton
7 meses atrás
Esteves
Esteves
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Eu sabia. Tanto conhecimento…tamanha dedicação às causas marinheiras…Mestre Enciclopedista Dalton esteve lá.

https://youtu.be/fiofo-Ly1A8

Dalton
Dalton
Reply to  Esteves
7 meses atrás

Acho que você confundiu as gangues Esteves…os irmãos Dalton não estiveram nesse tiroteio, mesmo assim, obrigado pelo “Mestre”
apesar de que obsessivo seja mais apropriado no meu caso 🙂

Esteves
Esteves
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Eita.

O Esteves confundiu mesmo. O tiroteio em OK Corral foi com os Clanton.

Perdão.

Camargoer
Reply to  Dalton
7 meses atrás

Olá Dalon… O meu corretor de texto pode ser daltônico e meio iluminista fanático

ednardo curisco
ednardo curisco
Reply to  Dalton
7 meses atrás

filmaço!!!

Airacobra
Airacobra
7 meses atrás

Splash the zeros

Airacobra
Airacobra
Reply to  Guilherme Poggio
7 meses atrás

I say again, splash the zeros

Antoniokings
Antoniokings
7 meses atrás

Sem dúvidas, um dos grandes da Época de Ouro de Wollywood.

Esteves
Esteves
7 meses atrás

Nem pense em ir. Fique exatamente aonde está. Nos nossos corações e mentes.

https://youtu.be/V1yH22H29GA

Fabio Mayer
Fabio Mayer
7 meses atrás

Ator de filmaços! A Montanha dos 7 abutres é fantástico!

Camargoer
Reply to  Fabio Mayer
7 meses atrás

Olá Fabio. Verdade.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Camargoer
7 meses atrás

Outros filmaços:
‘Paris está em chamas?’ , Van Gogh – Sede de Viver, Duelo de Titãs (faroeste), Os Heróis de Telemark.
Tinha dezenas de filmes e de vários tipos.

Tomcat
Tomcat
7 meses atrás

Poggio, me perdoe a chatice, mas o título no Brasil foi “Nimitz – De Volta ao Inferno”.

Tomcat
Tomcat
7 meses atrás

Mas o F-14 é lindo mesmo!!!! O caça mais belo já produzido! Uma pena a USN ter aposentado ele cedo…

Hawk
Hawk
7 meses atrás

Era um grande ator… Vi muito de Guerra com ele. Ficará eternizado como Spartacus, o filme mais conhecido dele.

Radagast, o castanho
Radagast, o castanho
7 meses atrás

Deu vontade de ver o filme completo agora.

Radagast, o castanho
Radagast, o castanho
Reply to  Radagast, o castanho
7 meses atrás

ah! sim o titulo correto é Nimitz – de volta ao inferno.

Sergio
Sergio
7 meses atrás

Este é “O CARA”. Uma lenda vinda lá dos tempos em que não existia efeitos visuais….
Que Deus o acolha …..

Marcelo R Seixas
7 meses atrás

Gosto muito de “A Sombra de um gigante”. relata a historia do coronel Mickey Marcus durante a guerra de independência de Israel.

Mauro
Mauro
7 meses atrás

O melhor filme dele pra mim foi o Ben Hur. Atuação magistral.

Dalton
Dalton
Reply to  Mauro
7 meses atrás

Ben- Hur , grande filme, mas, com outro grande ator, Charlton Heston e não
Kirk Douglas.

Zorann
Zorann
7 meses atrás

É muito interessante ver sua luta contra a “caça as bruxas” do Marcathismo, que acabou com vidas e carreiras durante a Guerra Fria. Para a filmagem de Spartacus, Kirk Douglas escolheu Dalton Trumbo, talentoso roteirista incluído na “Lista Negra de Hollywood” que havia passado 11 meses preso por “desobediência civil” e atos “subversivos/traição”

Um dos grandes de Hollywood um dos últimos remanescentes da era de ouro do cinema.

Rodrigo Maçolla
Rodrigo Maçolla
7 meses atrás

Caras eu assitia o “The Final Countdown” (“Nimitz – De volta ao inferno” no Brasil) de 1980 quando criança e ficava maluco com estas cenas do F-14 , D+, muito antes de TOPGUN, não é a toa que esse caça se tornou uma lenda assim como Kirk Douglas, que vá em paz, com certeza cumpriu sua missão em 103 anos de vida, serviu seu pais e foi eternizado no cinema. Ainda falando do he Final Countdown” (“Nimitz – De volta ao inferno” no Brasil), é interessante que este filme foi produzido de foma independente sem nenhuma grande estúdio de hollywood… Read more »

marcius
marcius
7 meses atrás

Uma lenda!!! Ator da época de grandes clássicos. Os de faroeste também são ótimos, como Duelo de Titãs de 1959, filmaços que ele fez. Descanse em paz.

OSEIAS
OSEIAS
7 meses atrás

Grande ator, assisti alguns filmes dele, mas não lembrava desse o Nimitz, ótimo filme de ficção, com o Porta aviões voltando para o passado e eles entrando no dilema de defende Pearl Harbor do ataque japonês. Maravilhosos filme. Vou ver novamente.

horatio nelson
horatio nelson
7 meses atrás

grande americano pena que não viveu para ver a instalação da base da 4º frota no brasil

Carlos Eduardo Oliveira
Carlos Eduardo Oliveira
7 meses atrás

Ele foi escolhido para ser o Coronel Trautman no primeiro filme do Rambo (1982), mas abandonou as filmagens na semana seguinte.
Tem até o cartaz do filme que foi feito, antes dele ter saído da filmagem.
comment image/revision/latest/scale-to-width-down/340?cb=20130206010520

Dalton
Dalton
Reply to  Carlos Eduardo Oliveira
7 meses atrás

Não sabia dessa…interessante !

Esteves
Esteves
Reply to  Carlos Eduardo Oliveira
7 meses atrás

Família. Problemas.

Eu também não sabia dessa.

ednardo curisco
ednardo curisco
7 meses atrás

Tempo que galã servia em guerra, tinha cara de quem fazia a barba com fogo, raspava com machado e apagava as chamas com tamancada.

Alex Stelio
7 meses atrás

Como era bonito o F-14