Home Indústria de Defesa Damen assina contrato para fornecer 4 fragatas MKS 180 à Marinha Alemã

Damen assina contrato para fornecer 4 fragatas MKS 180 à Marinha Alemã

6764
24

Em 19 de junho de 2020, o Damen Shipyards Group e o German Bundesamt für Ausrüstung, Informationstechnik und Nutzung der Bundeswehr (BAAINBw) assinaram o contrato para a construção de quatro fragatas MKS 180 para a Marinha Alemã

A Damen é a principal contratada para este complexo projeto que está realizando, juntamente com os parceiros Blohm + Voss e Thales, na Alemanha.

A combinação de empresas foi previamente declarada vencedora de uma licitação europeia; o maior da história da Marinha Alemã. Em 17 de junho, os recursos financeiros necessários foram liberados pelo comitê de orçamento do Bundestag alemão. O contrato marca o início da fase de projeto e construção.

Aproximadamente 80% do investimento do projeto permanece na Alemanha como valor agregado. Os navios serão construídos na Blohm + Voss em Hamburgo, mas em parte também em outros estaleiros na Alemanha, incluindo Bremen, Kiel e Wolgast. Além disso, aproximadamente 100 pequenas e médias empresas do setor marítimo, engenharia mecânica e construção de plantas estarão envolvidas na implementação. Essas empresas são originárias de quase todos os estados alemães.

“Estou convencido de que, com o projeto MKS-180, estamos construindo uma fragata de alta qualidade que atenda a todos os desejos da Marinha alemã. É um projeto alemão-holandês. Já estamos trabalhando bem com nossos parceiros na Alemanha; Lürssen, Blohm + Voss e Thales. O projeto também oferece perspectivas de maior cooperação europeia. Os muitos anos de cooperação entre Damen e Thales como parte do ecossistema de ouro holandês são um fator importante para esse sucesso. Se a Holanda continuar investindo em projetos inovadores para sua própria marinha, podemos expandir ainda mais nosso papel na construção naval europeia. Isso é bom para o papel estratégico da Holanda, que se encaixa na Estratégia da Indústria de Defesa.” — Hein van Ameijden, diretor administrativo Damen Schelde Naval Shipbuilding.

O valor agregado e o desenvolvimento de conhecimento alemães também se aplicam aos sistemas de missão da Thales adquiridos no projeto. Aproximadamente 70% são fornecidos pelas filiais alemãs da Thales em Kiel e Wilhelmshaven. Isso é feito em estreita cooperação com vários subcontratados.

“Este contrato histórico para a Marinha alemã e Thales é um marco significativo em mais de 50 anos de cooperação e confirma nossa posição de liderança mundial no campo de sistemas de missão naval de ponta. As mulheres e os homens a bordo dessas fragatas inovadoras podem contar com as mais recentes tecnologias no campo da defesa cibernética, radar e controle de tiro. O sistema AWWS, desenvolvido para as marinhas holandesa e belga, em breve também permitirá à Marinha Alemã enfrentar as ameaças de hoje e das próximas décadas.” — Gerben Edelijn, CEO da Thales Holanda

Damen, Lürssen, Bohm + Vos e Thales estão encantadas com a confiança que o governo alemão deposita nelas. A implementação do projeto começará em breve e envolve a entrega de quatro fragatas entre 2027 e 2031 por um valor de aproximadamente 4,6 bilhões de euros. Existe também a opção de fornecer mais duas fragatas após 2032.

DIVULGAÇÃO: Damen Shipyards Group

Subscribe
Notify of
guest
24 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Fabio Araujo
Fabio Araujo
1 mês atrás

Os alemães finalmente acordaram para a necessidade de investir nas forças armadas, mas deve estar sendo duro para a Merkel fazer isso mesmo sofrendo pressão interna e externa para que o faça.

Caio
Caio
Reply to  Fabio Araujo
1 mês atrás

Até onde se sabe eles gastam mais de 40 bilhões de dólares com segurança nacional, tem fragatas zero como as 126, estão produzindo APCs Boxer a vontade, tem projetos de novos tanque e aviões com outros parceiros, fora o “estoquezinho” de typhoons, leopard2, marders e tv.
Vocês deve ser mais uma dessas crianças que acreditam que o bicho papão acabou com a Alemanha.

Last edited 1 mês atrás by Caio
Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Caio
1 mês atrás

Caio do que adianta tudo isso se não está devidamente operacional, forças armadas de papel, tem equipamentos de ponta, que vão precisar de dias e até semanas para estarem prontos para combate, esse é o problema da Alemanha

Vovozao
Vovozao
1 mês atrás

19/06/2020 – sexta-feira, btarde, cada vez que a marinha Alemã assina um contrato para adquirir mais fragatas, fico satisfeito, pois acredito estar chegando a hora das F123 virem fazer parte da MB, muitosainda duvidam, porém, existem razoes neste pensamento, existem 3 F124 + 2F125 comissionadas e 2 em construção, mais 4 MKS180, perfazendo um total ate 2027 de 11 fragatas isto fora as corvetas; ai vem a explicação do porque irao descomissionar as F123, eles nao possuem contingente para operar esta quantidade de fragatas, então terão que abrir mão das mais antigas para operarem as mais novas. Acredito que em… Read more »

CLAUDIO SOUZA
Reply to  Vovozao
1 mês atrás

Espero que suas conjecturas se realizem pois a nossa MB está quase a zero!

Peter nine-nine
Peter nine-nine
Reply to  Vovozao
1 mês atrás

São navios interessantes e “diferentes”…. Mas não sei se consigo concordar.
Por outro lado, considero o cronograma da MB, relativo à retirada das antigas e entrada em serviço das novas fragatas bastante “apertado”, em alguns casos talvez “irrealista”, também em números insuficientes. Nesse sentido, talvez até seja inevitável a procura de opções em segunda-mão. Tal ocorrendo, talvez já concorde, mas facto é que os planos não prevêem que tal suceda.

Ronaldo Rangel Pires
Ronaldo Rangel Pires
Reply to  Vovozao
1 mês atrás

Vovozão falou, tá falado.

Luís Henrique
Luís Henrique
Reply to  Vovozao
1 mês atrás

No período do recebimento das MKS 180 entre 2027 e 2031, as F123 estarão com 35 anos de uso.

Espero que em 2021 ou 2022 a MB consiga fechar um contrato para 4 Fragatas Pesadas Novas ou pelo menos aumentar em + 4 Meko A100.

De velharia a MB já está cheia.

Dalton
Dalton
Reply to  Luís Henrique
1 mês atrás

Na verdade a idade conta-se a partir do comissionamento, não do lançamento, então a mais antiga comissionada em 1994 terá 33 anos em fins de 2027.
.
O plano da marinha alemã é descomissionar as F 123 entre 2026 e 2031.

Vovozao
Vovozao
Reply to  Dalton
1 mês atrás

20/06/2020 – sabado, b btarde, Dalton sera que eles não anteciparam, ja que eles teriam que fazer algumas manutenções e atualizações, e teriam que gastar dinheiro e tempo, passando eles agora (hot), evitariam gastos e poderiam vender por um preco melhor ja que estarao com menos uso. Existe coerencia, e, tambem existem 2 cacas minas construidos 93 e 94

Luís Henrique
Luís Henrique
Reply to  Vovozao
1 mês atrás

Caro Vovozão, Porque ninguém quis comprar as 8 Fragatas Bremen, teve fragata descomissionada com 28 anos, teve fragata descomissionada com 30 anos. Ninguém comprou. Porque acha que as F123 em 2027 ou em 2031, com 33 à 37 anos de Uso, despertarão o interesse da MB. Eu acho que uns 4 ou 5 anos atrás podiam ser consideradas boas compras de oportunidade, desde que com preço baixo. Ai, poderíamos operá-las por bons 10 ou 12 anos. Mas beirando ou superando 35 anos de uso, acho bobagem sonhar em adquiri-las. Uma ideia que me agrada mais, para atingirmos um Mínimo em… Read more »

Luís Henrique
Luís Henrique
Reply to  Dalton
1 mês atrás

Caro Dalton, sim, 1 em 1994, 1 em 1995 e 2 em 1996.
Mas me referi não à 2027 e sim ao período 2027 à 2031.
E falei aproximadamente 35 anos.

Em 2027 terá 33 anos, mas em 2031 tera 37 anos.
E as 2 mais novas terão 35 anos em 2031.

Eu prefiro outro planejamento.

Gabriel BR
Gabriel BR
Reply to  Luís Henrique
1 mês atrás

Eu queria um segundo lote de 6 tamandarés para fechar com 10 unidades. Daí tiraríamos o Prosuper da gaveta encomendando 6 ou 8 Meko 400 lá por volta de 2023.

Luís Henrique
Luís Henrique
Reply to  Gabriel BR
1 mês atrás

Entre 1997 e 2002 a MB teve 4 Destroyers + 10 Fragatas + 4 Corvetas, totalizando 18 navios de combate. 4 CT-para + 6 Niteroi + 4 Greenhalgh + 4 Inhaúma. A MB deveria pedir ao GF que necessita de 18 navios de combate, para voltar a ter o que tinha no final dos anos 90 e início dos anos 2000. Eu diria que 9 Fragatas Pesadas + 9 Fragatas Leves seria um ótimo Mix. E seria atingido, sem compras de oportunidade de velharias com 30 anos de uso. 1) 4 Meko A100 (aprox. U$ 2 bi entregas entre 2024… Read more »

Lucas Schmitt
Reply to  Vovozao
1 mês atrás

Não acha que as F122 vêm antes na fila de desativação?

Nunes-Neto
Nunes-Neto
1 mês atrás

Sonhar não custa né? 10 Tamandarés e 8 Meko 400? Nunca será! Fique feliz se forem 6 tamandares e de 2 a 4 fragatas qualquer de segunda mão….acho muito díficil a MB ter mais que 12 escoltas, 10 escoltas zeradas já séria um sonho quase impossivel, anota ai, teremos somente as tamandarés que forem fechadas agora,por isso que a MB está tentando conseguir a opção de mais 2 , esse negócio de bloco aqui ,nunca deu certo, ou não vai ter verba ou o Submarino nuclear vai consumir tudo.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Nunes-Neto
1 mês atrás

Se a MB conseguir 6 Tamandarés e 4 Riachuelos, já será motivo pra dar tiro pro alto e comemorar.
O que vier depois disso é lucro.

Tenhuvergonha da xilva
Tenhuvergonha da xilva
Reply to  Willber Rodrigues
1 mês atrás

A MB pensa grande! Grande ferro velho!!!
Compra ferros velhos da França, Inglaterra e EUA. Tem que justificar a compra de muita tinta. Em tempo: não sei pra que tantos Almirantes na MB, daqui há pouco terá um Diretor e Vice-Diretor para a Diretoria de Pinturas, Parafusos e Ferrugens na MBEEE!!!

Jorge Knoll
Reply to  Tenhuvergonha da xilva
1 mês atrás

E a MB se contenta com 4 corvetas.

Wilson
Wilson
Reply to  Jorge Knoll
1 mês atrás

Que tem praticamente o mesmo deslocamento das Fragatas Niterói.

Fernando Turatti
Fernando Turatti
Reply to  Nunes-Neto
1 mês atrás

Sempre bom lembrar que quem consome o orçamento não é equipamento, nem os caríssimos como o submarino nuclear.. Na verdade, abrir o google e buscar “ministério da defesa orçamento”, então ir em imagens para que você encontre um gráfico bonitinho com cada fatia do orçamento indo para onde. Até ano passado esse gráfico estava facilmente acessível no site do ministério, hoje não mais.

Entusiasta Militar
Entusiasta Militar
1 mês atrás

Ainda estou na torcida para que possamos construir essas nossas 04 corvetas tamandares de emprego geral ate 2026 e quem sabe se tivermos sorte, um 2º lote delas so que um pouco maiores tipo fragatas ou ate mesmo elas sendo dedicadas para ASW ou anti-aérea

Jorge Knoll
1 mês atrás

Não passam de 4 CORVETAS, batizadas de “fragatas”.

Wilson
Wilson
Reply to  Jorge Knoll
1 mês atrás

Se estiver se referindo as MKS 180, bom elas tem uns 155 metros de comprimentos e deslocam 9 mil toneladas, são os maiores navios a serem construídos pela Damen em sua história.