Home Noticiário Internacional Equador em alerta devido à frota de pesca chinesa nas Ilhas Galápagos

Equador em alerta devido à frota de pesca chinesa nas Ilhas Galápagos

35378
285

O Equador está em alerta devido ao surgimento de uma enorme frota de navios de pesca com bandeira chinesa nas Ilhas Galápagos.

As patrulhas estão tentando garantir que a frota — composta por cerca de 260 navios — não entre no delicado ecossistema das águas internacionais.

Os navios chineses viajam para a região a cada ano em busca de espécies marinhas.

Em 2017, um navio chinês foi capturado na reserva marinha com 300 toneladas de vida selvagem, a maioria tubarão.

“Estamos em alerta, realizando vigilância, patrulhando para evitar um incidente como o que aconteceu em 2017”, disse o ministro da Defesa do Equador, Oswaldo Jarrin, a repórteres.

Não houve comentários imediatos das autoridades chinesas quando contatados pela BBC News.

O ex-prefeito de Quito, Roque Sevilla, disse ao The Guardian que uma “estratégia de proteção” estava sendo projetada para as ilhas.

“A pesca chinesa sem controle na beira da zona protegida está arruinando os esforços do Equador para proteger a vida marinha em Galápagos”, disse ele.

O presidente Lenin Moreno disse que o Equador realizará consultas com outros países da América Latina com uma costa no Pacífico — Colômbia, Peru, Chile, Panamá e Costa Rica — para formar uma posição regional conjunta sobre a “ameaça”.

“Por causa dessa riqueza natural nessa área, sofremos imensas pressões das frotas pesqueiras internacionais”, afirmou ele no jornal El Universo.

A Reserva Marinha de Galápagos possui um grande número de espécies de tubarões, incluindo baleias em extinção e cabeças de martelo.

As Ilhas Galápagos são um Patrimônio Mundial da UNESCO reconhecido mundialmente por sua variedade única de plantas e animais selvagens.

Charles Darwin fez observações críticas à sua teoria da evolução nas ilhas.

FONTE: BBC

Subscribe
Notify of
guest
285 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Roger
3 meses atrás

Quando aquela visita indesejada vem na sua casa, toda a família mais uma dúzia de crianças e até os cachorros e você ainda nem almoçou. E para piorar vão passar 1 semana comendo e bebendo as suas custas…

-Ah, mas você disse “qualquer dia desses dá uma passadinha em casa”, pois bem, aqui estou!!!

Sinto pelos equatorianos….

Tomcat4,2
3 meses atrás

Um verdadeiro enxame de barcos de pesca chineses, por isso bato na tecla de que nossa maior urgência na MB é a de navios patrulha 500 t pra guardar nossa zona pesqueira e os pesqueiros brasileiros pra evitar q navios chineses se lancem sobre os barcos pesqueiros daqui.

Tomcat
Tomcat
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Sei… Que seriam postos pra correr como foram os da Argentina ano passado pelos barcos chineses…

Queria entender esse delírio do pessoal aqui achando que patrulhas com espingardinhas de 40 mm meteriam medo em alguém.

Começo hoje a entender a desilusão de anos atrás do Marcelo Lopes e o realismo do Juarez…

Tomcat4,2
Reply to  Tomcat
3 meses atrás

Continua falando besteira, então precisa mais de que um canhão de 30 ou 40 mm pra parar um navio pesqueiro???
Em que mundo vc vive meu caro, putz…

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

CAT FIGHT! CAT FIGHT!

Foi mal, não resisti. Mas sim, concordo com o 4,2 hehehehe

Peter nine-nine
Peter nine-nine
Reply to  Tomcat
3 meses atrás

Eu tenho uma solução: 1 P3+Harpoon, problema resolvido. hehhe, tou a brincar, mais ou menos… Da mesma forma que em terra, a polícia dispara ou ameaça disparar contra quem ponha em rico a vida de outros, no mar a mesma coisa é legal. A MB está certa em afirmar que nada pode ser feito, mas isso é depois do navio escapar. A MB, não só a MB aliás, mas as forças armadas, podiam criar maneio para reagir rapidamente a este tipo de situações e, confirmando-se tal intenção de agressão em alto-mar, disparar. Quando a MB diz que nada pode ser… Read more »

Last edited 3 meses atrás by Peter nine-nine
Mayuan
Mayuan
Reply to  Peter nine-nine
3 meses atrás

Mesmo o A29 já pode ter bom uso em situações como a do pesqueiro brasileiro. Uma vez acionados por rádio por um pedido de socorro da embarcação nacional, ele tem possibilidade de chegar ao local muito mais rapidamente que navios patrulha. Se as .50 orgânicas não forem consideradas suficientes, existem outros armamentos que ele pode carregar que são perfeitamente capazes de dar conta de um pesqueiro hostil.

Tomcat
Tomcat
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Mandei dois links que estão retidos ainda, mas os chineses estão cada vez mais ousados e já tentaram abalroar deliberadamente um pesqueiro brasileiro e um patrulha argentino. Se vcs acham que meia dúzia de barquinhos vão adiantar contra uma frota chinesa dessas…

Kemen
Kemen
Reply to  Tomcat
3 meses atrás

Apenas um navio patrulha poderia causar muitos danos aos pesqueiros, se um pesqueiro de porte dentro da Zona Econômica maior ameasasse colidir propositalmente com um navio patrulha (este mais rapido que qq pesqueiro) este poderia dar tiros de advertência e se necessario fosse, atirar contra o navio, exigir sua parada e solicitar apoio para rebocar o pesqueiro a um porto.
Importante seria registrar a posição do pesqueiro na ocasião, se possivel filmar partes criticas de rebeldia do pesqueiro ou não e confirmar a sua carga de pesca no porto, para processo posterior ou até eventual desapropriação.

Last edited 3 meses atrás by Kemen
Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Kemen
3 meses atrás

Hoje em dia seria interessante que toda e qualquer ação de acompanhamento e abordagem fosse filmada, tanto por sensores à bordo do navio como cameras operadas pela tripulação.

Kemen
Kemen
Reply to  Tomcat
3 meses atrás

Vc esta brincando não?

Messias
Messias
Reply to  Tomcat
3 meses atrás

Navios patrulha precisam ter 1,5 mil toneladas e ter poder de engajamento. concordo com vc. Procura um canal no YouTube de Mário Sérgio Porto, ele tem um vídeo só explicando o projeto dele para navios patrulha.

Cavalli
Cavalli
Reply to  Messias
3 meses atrás

Considero o navio específico para patrulha em mar grosso, sejam as Corvetas. Aí o complexo de “vira-latas” começa a gritar que o Brasil não dispõe de recursos e eu digo que tem. É só parar de roubar e gerir direito os recursos. Exemplo: Não compramos Fragatas FREMM porquê o “custo de aquisição” é elevadíssimo, mas podemos comprar Fragatas Type 23 com 20 a 25 anos de uso e depois de 02 anos mandamos para o estaleiro para fazer o seu “upgrade”. Para quê? Para que as mesmas tenham uma sobre-vida de uns 10 anos a mais de vida. Como dizia… Read more »

Last edited 3 meses atrás by Cavalli
Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Cavalli
3 meses atrás

Caro Cavalli. A MB não comprou as FREMM italianas que estavam prontas porque isso teria impacto nulo sobre a economia e sobre o setor industrial nacional. É preciso conciliar o desembolso de recursos com a capacidade de indução da atividade econômica.

PACRF
PACRF
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Guarda Costeira já. É necessário policiar nossas águas territoriais para evitar pesca ilegal, contrabando, tráfico e tragédias ambientais. Apenas uma correção: não só para embarcações chineses, e sim para embarcações de qualquer nacionalidade.

J L
J L
Reply to  PACRF
3 meses atrás

Desculpe discordar de sua opinião, mas no momento criar guarda costeira seria dividir uma colher de arroz para que está a vários dias sem comer não vai saciar nenhum dos dois, pelo menos no momento atual. Possa ser que num futuro distante com as coisas equilibradas isso possa acontecer. Sei bem que muitos vão dizer que os almirantes não iriam aprovar para não perderem o controle das verbas, mais o fato é com ou sem eles aprovarem não temos recursos para duas entidades participarem no mesmo jogo. O que precisamos é gastar bem o pouco que temos disponível.

Karl Bonfim
Karl Bonfim
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

O pior é que esses chineses são muito abusados, tem até pesqueiros armados com canhões, eles invadiram as águas territoriais do Vietnã com um exame de barcos desses com navios de guerra de escolta. São verdadeiros piratas e assim devem ser tratados!

J L
J L
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Concluo seu comentário acrescentando que se tivermos sensoriamento remoto da região facilita o envio direcionado dos patrulhas onde pode ocorrer a invasão de aguas nacionais, em vez de ficarmos com barcos navegando ao léu até que achem algum barco dentro de nossa aguas. Hoje em dia tudo tem que ter antecipação da situação, ou por satélite ou por aviação de patrulha, antes de serem tomadas medidas no caso aí especificado restritivas.

Kemen
Kemen
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Exatamente, abaixo o que um navio de patrulha Equatoriano apreendeu e depois foi desapropriado, reformado e incorporado a Marinha do Equador com o nome de Hualcopo TR-61. O navio frigorifico que tinha 300 tn. de carne de tubarão, o Fu Yuan Yu Leng-999. Se todas as marinhas tivessem essa atitude, esses pesqueiros não se atreveriam a pescar ilegalmente na Zona Econômica e áreas protegidas de outros paises.
comment image

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Não só Chineses, já tivemos problemas com a França(lagosta), Japão(baleias) e se não me engano com o Uruguai por pesca em geral.

jmoura
jmoura
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
3 meses atrás

França, pelo camarão da costa do Pará, Amapá

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Exatamente.
Se ainda houver o minimo de responsabilidade das autoridades.

Tupinambá
Tupinambá
3 meses atrás

Isso não é uma frota, é uma praga.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Tupinambá
3 meses atrás

2,

Flanker
Flanker
Reply to  Tupinambá
3 meses atrás

Parece o enxame de gafanhotos que anda aqui por nossas bandas…

MÁRIO FILHO
Reply to  Tupinambá
3 meses atrás

Gafanhotos do mar .

Pablo Maroka
Pablo Maroka
3 meses atrás

Meus Deus!

Está na hora da 4 frota colocar todos para correr.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Pablo Maroka
3 meses atrás

4a frota no Pacifico?

Marcelo
Marcelo
Reply to  Pablo Maroka
3 meses atrás

Tem razao, as Galapagos estao na jurisdicao da 4a frota da US Navy.

Pablo Maroka
Pablo Maroka
Reply to  Marcelo
3 meses atrás

Primeiro seriam SH dando rassantes nessa cambada, depois disparo de tomahawk a distancia para assustar todos e por fim um Virginia emergindo no meio dessa cambada para o susto ser completo.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Pablo Maroka
3 meses atrás

Se todas as ações de patrulha fossem assim, a USN teria falido à muito, muito tempo atrás.

Doug385
Reply to  Pablo Maroka
3 meses atrás

Tudo isso em águas internacionais onde é permitida a pesca? Ia disparar Tomahawk em pesqueiro, é isso?
Meu Deus!

Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  Doug385
3 meses atrás

Mas tem que ficar de olho estavam só a 20 milhas da ZEE, se bobear entram fácil.

Elintoor
Reply to  Doug385
3 meses atrás

Tomahawk em pesqueiro… Que lunático! Se for para bagunçar, então eu tenho uma melhor: É só o Equador comprar o Riachuelo, emergir na área e ir arrastando os chinas só com a vela, que nem dominó. Aí pode afundá-los rapidamente e sem gastar muito, rs

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  Doug385
3 meses atrás

Meu deus,alguns chegam a delirar mesmo…

Estão vendo muito filme de Jack Ryan.

Tomahawk para afugentar pesqueiro?!

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Pablo Maroka
3 meses atrás

Ai, sua mãe te interrompeu para vc tomar seu Toddynho.
Fala sério!

Jorge Knoll
Reply to  Pablo Maroka
3 meses atrás

Tinha que ressuscitar os aviões A-10 Tunderbolt, voltarem à ativa e baseá-los no Equador, ou na Colômbia, atualizaria 10 deles, onde afundasse 20 ou 30 barcos chineses, botavam a correr.
É que os chineses se acham donos do mundo, depois de comandar a economia mundial, e não temem nada. Eles sim são acostumados a botar os outros a correr , como foi um pesqueiro brasileiro na Costa do Brasil, que foi metralhado Falta alguém que os enfrente, bata de frente, a nossa MB se borra. Primeiro vai botar a diplomacia na frente, enquanto metralham nossos barcos.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Jorge Knoll
3 meses atrás

Existe um princípio chamado de ‘proporcionalidade.’ Ante à um vespeiro de navios pesqueiros, uma quantidade pequena de barcos patrulha (que por sinal são projetados com essa finalidade em mente), para assegurar que as leis marítimas internacionais sejam cumpridas. Nada mais, nada menos. O que você e muita gente aqui está propondo é pura e simples agressão, e isso vai escalar até algo que países da América Latina simplesmente não podem bancar. Presença constante de barcos-patrulha resolve qualquer problema de imediato e no futuro. É soberania e autoridade se fazendo valer e isso é o suficiente. Se voltarem escoltados por um… Read more »

J L
J L
Reply to  Pablo Maroka
3 meses atrás

O que poderia ter ocorrido aí, seria a união entre os países do litoral pacífico se unirem e criar uma espécie de barreira que evitasse a entrada desse enxame predatório nas aguas jurisdicionais dos respectivos países.

Karl Bonfim
Karl Bonfim
3 meses atrás

Toda formiga sabe a folha que deve cortar”!
Essa gigantesca frota de pesqueiros chineses estão se aproximando de uma área do Equador, que não é uma potência e não tem uma marinha poderosa. Já vieram parar aqui no Atlântico Sul, já invadiram aguas do Vietnã, Argentina e outros países, os chineses não tem limites, estão se achando. Quero ver quem vai por fim nessa arruaça!

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
3 meses atrás

Kings em Festa!

Vou acabar com isso, vou mandar um e-mail para eles dizendo que a Região de Galapagos é um santuário ecológico e tenho certeza que sairão imediatamente pedindo desculpas pelo erro cometido.

Como sempre digo: “Negócio da China é só para chines”.

Cadê os ambientalistas de plantão, não é só a Amazônia pegando fogo que é uma agressão ao planetinha em que vivemos.

Vou esperar sentado para ver o post de alguns a reclamar desses chineses.

Alex Barreto Cypriano
Alex Barreto Cypriano
3 meses atrás

Senta que o leão é manso: tão em água internacional. Se espanta o tamanho da frota pesqueira, não espanta mais o número de bocas a alimentar? Assim: vendam, equatorianos, pescado à China. Bom negócio, ganha-ganha, né?

Tomcat4,2
Reply to  Alex Barreto Cypriano
3 meses atrás

Isso justifica entrarem em ZEE’s de outros países e pescarem(na base do roubo mesmo) na cara dura??? Difícil hein !

Pedro
Pedro
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Não justifica, até por que é crime, mas, neste caso em específico não houve (ainda) invasão a nenhuma ZEE.

Kemen
Kemen
Reply to  Pedro
3 meses atrás

Olhe no mapinha do site, aqueles pesqueiros não estão fora das 200 milhas (320 Km), com certeza.

Pedro
Pedro
Reply to  Kemen
3 meses atrás

Mas as ZEE são de 12 milhas e não de 200 milhas, Brasil que tenta sem nenhum reconhecimento ainda a aumentar sua ZEE para 200 milhas. Abraço.

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Pedro
3 meses atrás

Não Mestre Pedro,

12 milhas ´o território em que ninguem pode adentrar sem autorização. nenhuma embarcação ou aeronave estrangeira de qualquer natureza pode circular.

200 milhas qualquer embarcação pode circular, mas não pode explorar. A exploração é exclusiva do pais que detem.

Peter nine-nine
Peter nine-nine
Reply to  carvalho2008
3 meses atrás

carvalho

Nas 12 milhas um navio militar estrangeiro pode sim entrar.
Embarcações estrangeiras civis e militares têm o “direito de passagem inocente” pelo mar territorial, desde que não violem as leis do Estado costeiro nem constituam ameaça à segurança.

Um navio pode entrar sem “autorização”, desde que cumprindo com as leis e normas do país e respeitando pedidos de comunicação e colaboração com eventuais instruções que lhe sejam dadas uma vez nesse mar.

É tipo espaço Schengen, um francês pode vir a Portugal quando quiser, mas uma vez neste país estará a mercê das suas autoridades e leis.

Pedro
Pedro
Reply to  carvalho2008
3 meses atrás

Obrigado Pela explicação.

Peter nine-nine
Peter nine-nine
Reply to  Pedro
3 meses atrás

Pedro Acredito ter explicado relativamente bem em comentário que publiquei mais a cima. Segue-se um trecho: “No mar territorial, 12 milhas N, aplica-se a lei do estado. Na zona contígua, mais 12 milhas N, para além das 12 do mar territorial, o estado também tem o direito de se fazer exercer. A 200 milhas náuticas (N), 370km (ZEE) a que se pode somar a extensão (extensão no sentido de área, não de alargamento) da plataforma continental, passível de alargar, portanto, esta dita zona, o estado tem o direito de exploração e o dever e direito de gerir esse espaço, fazendo… Read more »

Pedro
Pedro
Reply to  Peter nine-nine
3 meses atrás

Muito obrigado.

marcus
marcus
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Afundem alguns pesqueiros. Se eles voltarem com navios de guerra escoltando afundem também. Aparentemente a Chinesada não quer só o mar do sul da China, querem todos os mares.

J L
J L
Reply to  marcus
3 meses atrás

A própria China tá criando um clima de xenofobia por todo o planeta contra eles

Sagaz
Sagaz
Reply to  Alex Barreto Cypriano
3 meses atrás

O país gasta para manter uma reserva oceânica, pesqueiros de um outro país vêem pescar ilegalmente nessa região e o cidadão vem com “relação ganha ganha”!?

2Hard4U
2Hard4U
Reply to  Alex Barreto Cypriano
3 meses atrás

Ganha ganha pra quem cara pálida? O intuito do envio destas mega frotas piratas chinesas não é comprar, mas sim ROUBAR na cara dura os recursos pesqueiros de outros países.
Enquanto os países afetados não coibirem energicamente esta prática, os chinas vão continuar livres, leves e soltos invadindo o quintal dos outros.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Alex Barreto Cypriano
3 meses atrás

Não confundir 12 milhas com ZEE. Recomendo aprofundamento de conhecimento sobre o tema. Isso é válido para as torcidas “vermelhas” e “azuis”.

Tem uma curiosidade muito interessante sobre a pesca marítima. Dificilmente se consegue pescar em “alto mar”, a pesca com efetiva eficiência econômica se dá em profundidades encontradas nas ZEE (por isso que elas existem). Esses chineses não estão a vagar pelo meio do Oceano Pacifico a caça de algum cardume de peixes, eles sabem muito bem para onde se dirigir e o que pescar. Que a turma do Pacifico abra o olho e fique atenta

Last edited 3 meses atrás by Ricardo Bigliazzi
Kemen
Kemen
Reply to  Alex Barreto Cypriano
3 meses atrás

Como? Não entendi! As Galápagos são do Equador e nelas se aplica o mar territorial e a zona econômica maritima, além de ser Patrimônio Natural da Humanidade.

“Em 1979, o arquipélago foi também declarado Patrimônio Natural da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco), com a reserva marinha das ilhas sendo somada em 2001.”

Last edited 3 meses atrás by Kemen
Alex Barreto Cypriano
Alex Barreto Cypriano
Reply to  Kemen
3 meses atrás

Por enquanto, segundo Reuters e o Pedro, não houve invasão de ZEE, aliás ZEE a quinhentas e tantas milhas náuticas do Equador mas todo mundo atacado pela síndrome da rainha de copas (cortem-lhe a cabeça, cortem-lhe a cabeça). Tá difícil quando a razão e proporção caem bem mortas, e a má redação da matéria não justifica. Remember what the dormouse said, feed your head, feed your head. E fui!

Andrew Martins
3 meses atrás

Já passou da hora de um projeto de navio de patrulha brasileiro para atender não só as nossas necessidades como principalmente as dos nossos vizinhos.Uma embarcação principalmente barata, com boa tonelagem e armamento e com o BNDES financiando ou outra forma de financiamento pelo governo. Entupir a America Latina igual aos blindados da Engesa. rs

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  Andrew Martins
3 meses atrás

Mais um projeto?! Nós já compramos o da classe River,há o da emgepron, só falta agora o da thyssenkrupp Marine Systems…

Porque não conversar com nossos vizinhos?
comment image

comment image

https://www.edrmagazine.eu/wp-content/uploads/2017/12/Expodefensa-2017_COTECMAR_02.jpg

 

Last edited 3 meses atrás by ADRIANO MADUREIRA
Roberto
Roberto
3 meses atrás

Eu queria saber por que o mundo afina pros chineses ? kd os ecochatos , kd a greta ?

Welington S.
Welington S.
Reply to  Roberto
3 meses atrás

Os ecochatos estão sentados na beira do rio fumando maconha enquanto a Greta fala ao telefone com seu financiador mor George Soros de como proceder na próxima entrevista que ela possivelmente fara.

J L
J L
Reply to  Welington S.
3 meses atrás

Que vão todos eles queimarem no quinto dos infernos !

Alessandro
Alessandro
Reply to  Roberto
3 meses atrás

desaparecem tudo nessa horas, não veremos ninguém da ONU ou esses ambientalista radicais criticar sabe pq? Pq a grande maioria é financiado pelo chineses ou fanáticos ideológicos do mesmo regime.

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
Reply to  Roberto
3 meses atrás

Vou explicar a tática deles:

Eles só usam esses tipos de discurso contra quem eles consideram opositores com a intenção de difamar, mas se é alguém deles, ou um país que eles tem simpatia, eles simplesmente fazem silêncio absoluto. É apenas uma estratégia de poder.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Roberto
3 meses atrás

Bons tempos nos quais os maconheiros e desocupados tomavam boas bordoadas, ou bordunadas. Como queiram.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
3 meses atrás

E por onde anda a greta, o “sarcozin”, os ativistas daqui e de acolá? Só na Amazônia é que há ênfase…. Não demora esta praga controla o cone sul e vem pra cá….

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Saldanha da Gama
3 meses atrás

controle não, contorna !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Saldanha da Gama
3 meses atrás

Que se saiba, pescar em águas internacionais não é crime.
Nem que seja com 26.000 navios em vez de 260.
Agora, botar fogo na Cerrado e na Amazônia é crime ambiental, inclusive pelas nossas leis.
Ok?

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Faça uma matéria contendo evidências sobre fogo criminoso no Cerrado e na Amazônia, mostrando o que as autoridades estão fazendo ou deixando de fazer sobre isso e a envie para os editores postarem no ForTe, e quem sabe a gente debate sobre isso lá.

Aqui estamos falando de pesca predatória por parte dos Chineses, provavelmente pondo em risco uma área que é considerada como patrimônio da humanidade pela UNESCO, à muito pouca distância de águas soberanas de um país que é nosso vizinho.

Um assunto não oculta o outro, mas não tem qualquer conexão entre si.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Rapaz!
Não é que de repente apareceu um monte de gente preocupada com o ecossistema marinho?
E nem é o brasileiro!
Pensei que isso fosse só ‘mimimi’ de ambientalista.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Por outro lado, vc apareceu correndo para defender os chinas

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Pescar ou cometer crime ambiental, capturando tubarões, cortando suas barbatanas e jogando-os vivos de volta ao mar, onde eles morrerão asfixiados? Sim, asfixiados, porque o tubarão precisa se mover, fazendo a água passar por suas brânquias. Crimes assim e muitos outros são cometidos por chineses, japoneses, etc.
Se esses 260 barcos fossem dos EUA você seria o primeiro a reclamar…

J L
J L
Reply to  Saldanha da Gama
3 meses atrás

A questão da Amazônia pegando fogo, é só pano de fundo para disfarçar a real intenção: tomar posse das riquezas minerais da região e do ouro azul (agua doce)que está se tornando escassa cada vez mais rápida.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  J L
3 meses atrás

Segundo ponto é errado, a França tem medo do agro do Brasil.

sagaz
sagaz
Reply to  Carlos Campos
3 meses atrás

Exatamente, o agronegócio brasileiro é absurdamente superior ao europeu e SE melhorar a logística interna do país seremos o principal exportador mundial de alimentos!

Kemen
Kemen
Reply to  Saldanha da Gama
3 meses atrás

Não sou nem pretendo ser um ativista, mas eu acho necessario proteger a natureza, a Amazonia deveria ter um desenvolvimento sustentavel, o que se nota é que esta ocorrendo uma depredação incontrolavel a anos. A amazonia desmatada viraria um deserto, e uma enorme mudança no clima do hemisfério sul em pouco tempo, prejudicando a nós mesmos e a quem desmatou. A ganância pelas riquezas de seu solo provoca uma devastação. A história dos habitantes da ilha da Páscoa é um exemplo do que ocorre com o homem que destroi o meio ambiente, tiveram que emigrar ou até mesmo foram extintos.… Read more »

Last edited 3 meses atrás by Kemen
BrunoFN
BrunoFN
3 meses atrás

E la q a USNAVY deveria estar nesse momento … se nem a China reconhece essa ”frota” (legalmente falando… pois reconhece q n tem controle sobre tais navios fora do q considera seu mar territorial…) .. n deixa de ser invasão… pirataria .e risco ambiental .ate pelo local q esta sendo realizado a pesca … se violarem a ”ZEE”,é chumbo neles….Brasil e Argentina q se cuidem …e se der ruim no Pacífico .. n vai demoram mt pra brotar frotas do tipo no Atlantico … a China esta testando todos os limites ..caminha firme pro isolamento diplomático …talvez econômico …..e… Read more »

Last edited 3 meses atrás by BrunoFN
Antoniokings
Antoniokings
Reply to  BrunoFN
3 meses atrás

Não precisa se preocupar que o Governo chinês está se preparando para todos os cenários econômicos possíveis.

https://www.marketwatch.com/story/china-vows-to-boost-exports-foreign-investment-2020-07-30?cx_testId=31&cx_testVariant=cx_1&cx_artPos=3&mod=home-page-cx#cxrecs_s

E isso foi anunciado no mesmo dia que foi revelada a queda de 32,9% do PIB americano no trimestre.
Isso mesmo que vc leu. 32,9%
A maior queda da História do País, desde que começou a ser registrada.
Ruim com a China. Pior sem ela.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Um matéria pode conter vários significados, uma coisa é certa, o governo chines não está tão sossegado assim e se prepara para uma retração considerável do mercado mundial: “PEQUIM (Reuters) – O Conselho de Estado da China prometeu adotar mais medidas para aumentar as exportações e atrair mais investimentos estrangeiros para colocar a segunda maior economia do mundo em uma base mais saudável (base mais saudável? Estariam vislumbrando problemas?) Isso ocorre depois que a China registrou aumentos nas exportações e investimentos estrangeiros diretos em junho em relação ao ano anterior, desafiando uma queda global provocada pela pandemia de coronavírus. Mas economistas… Read more »

Gabriel BR
Gabriel BR
3 meses atrás

260 navios super pesqueiros com técnicas nada ecológicas…essa é a maior ameaça que podemos sofrer hoje no Atlântico Sul. Pronapa tem que ser licitado e executado para ontem

FERNANDO
FERNANDO
3 meses atrás

Olha, eu geralmente sou o do contra.
Mas, agora eu mesmo acho que a China passou dos limites.
O que eles estão fazendo é contra todos os tratados internacionais existentes.
É um absurdo completo.
Se eu sou a Marinha do Equador, mandava fogo para todo lado.
FODA-SE!!!
Quero ver a China mandar navios militares para lá.

J L
J L
Reply to  FERNANDO
3 meses atrás

Por enquanto ela talvez não tenha competência para isso, mas muito em breve pelo andar da carruagem é o que ela irá fazer. Provavelmente irá enviar um grupo naval para dar respaldo a seus pesqueiros para que esses consigam voltar para o pais abastecidos e assim suprir as suas demandas. Certamente por isso a rapidez em que lança navios para formar grupos de escoltas e também antagonizarem com a US Navy.

Kemen
Kemen
Reply to  J L
3 meses atrás

Duvido que a China faça isso.

Peter nine-nine
Peter nine-nine
Reply to  FERNANDO
3 meses atrás

Eu não tenho dúvida que, se os chineses adoptassem as mesmas tácticas em mares europeus, e tornassem disso rotina, tiros seriam disparados sim senhor. Forças tarefas da UE seriam criadas, com missão explicita de procurar quem lhes dê motivos para intervir. A própria Marinha Portuguesa, quando a operar a partir da Somália, fez diversas abordagens e vários tiros foram disparados. Imaginem se algo que o justifique é “flagrado” em águas que lhe digam respeito. Mais uma vez, ao contrário do que muitos pensam, o mar não é o faroeste e havendo empenho e presença existem sim formas de legalmente realizar… Read more »

Fabio Araujo
Fabio Araujo
3 meses atrás

Eles estão certos em chamar Colômbia, Chile, Panamá e Costa Rica pois esses países também são afetados e com uma frota tão grande de pesqueiros só esses países juntos para poder fazer algo.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Fabio Araujo
3 meses atrás

Seria melhor chamar a Colômbia, Panamá, Costa Rica, Chile, Peru e etc. para poderem pescar e vender esses peixes à China.
Assim melhorariam as finanças de seus países com a venda desses produtos aos chineses que estão cheios de grana para comprar.

2Hard4U
2Hard4U
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Não se faça de bobo! Não insulte a inteligência dos demais foristas!
Você sabe muito bem que a intenção destas frotas pesqueiras piratas chinesas é a de ROUBAR os recursos naturais dos demais países.
Ou seja, não existe a menor intenção dos chineses de adquirir o pescado.

J L
J L
Reply to  Fabio Araujo
3 meses atrás

Acho que só podem contar com Chile, Peru e Colômbia. Creio que Costa Rica e Panamá não dispõem de poder naval para esse tipo de atuação.

Theo Gatos
Theo Gatos
3 meses atrás

Parece uma nuvem de gafanhotos!
.
Sds

Antoniokings
Antoniokings
3 meses atrás

O Equador está certo em procurar proteger alguma área preservada.
Os chineses têm direito de pescar em águas internacionais.
Portanto, se forem 260 ou 2.600 navios pouco importa, caso os chineses não estejam pescando em águas consideradas patrimônio.

Jagderband#44
Jagderband#44
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

China têm o direito de destruir o ecossistema? Teu caso é grave.

Marcelo Duarte
Marcelo Duarte
Reply to  Jagderband#44
3 meses atrás

Se eles não estão infringindo nenhuma lei, tem. Que se crie leis internacionais para gerir isso, até lá estão no direito deles. Não cometeram nenhum crime até agora, e se continuar assim a marinha do Equador, a 4 frota e o escambau, vão ficar quetinho só olhando. Não se pode atacar uma Embarcação sem motivos, que regras sejam criadas.

Last edited 3 meses atrás by Marcelo Duarte
Marcelo Duarte
Marcelo Duarte
Reply to  Marcelo Duarte
3 meses atrás

Aliás o tamanho da frota pesqueira é irrelevante, desde que sigam as leis. Caso não sigam as regras ae sim mete fogo. Até lá é só mais uma discussão de ideologia, não aconteceu nada demais até agora.

Marcelo Duarte
Marcelo Duarte
Reply to  Marcelo Duarte
3 meses atrás

Só para esclarecer. O Jadger, perguntou se eles tem o “direito”, sim, se não há leis que impedem a destruição do ecossistema, eles tem o direito. Seria diferente se a pergunta fosse “se é moralmente legal”.

marcus
marcus
Reply to  Marcelo Duarte
3 meses atrás

Pesquem no Mar do Sul da China. 260 navios pesqueiros??? Isso é pesca predatória.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  marcus
3 meses atrás

Nada mais natural do que os chineses pescarem no Mar do Sul da China que é deles.
Como é natural que eles pesquem nas águas internacionais em torno das Ilhas Galápagos.
Não há nenhum problema nisso.

J L
J L
Reply to  marcus
3 meses atrás

É isso aí, podem usar os 260 ou os 2600 barcos para pescar por todo os mares que banham a China sem nenhuma preocupação.

J L
J L
Reply to  Marcelo Duarte
3 meses atrás

Não foi bem assim que ocorreu aqui pertinho, quando um pesqueiro brasileiro estava na mesma área pescando, ambos em aguas internacionais. O pesqueiro Chinês tentou afundar o pesqueiro nacional e chegaram a apontar armas. Não aconteceu o pior porque o pesqueiro brasileiro deu no pé e consegui chegar dentro das aguas brasileiras. Se são aguas internacionais, como você mencionou onde qualquer um tem direito de pescar, então não deveria haver esse tipo de ocorrência.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  J L
3 meses atrás

Se são águas internacionais, o comportamento do barco Chinês na situação em que você descreveu constitui ato de pirataria, e um pedido de socorro poderia e deveria ser atendido pela embarcação de guerra/patrulha mais próxima de qualquer nacionalidade. Infelizmente não deveria ter nada por perto. Mais um motivo pelo qual precisamos de mais meios de patrulha e fazer nossa presença nos mares em volta mais e mais frequente. Infelizmente não há muito orçamento para isso, pelo visto.

Teropode
Reply to  Marcelo Duarte
3 meses atrás

Eu fico só observando os comentários genéricos , mas vale fazer uma observação : Há pescado que só é encontrado em águas relativamente essas e quentes , ex sardinhas , anchovas , tubarões , justamente oque os chinas querem , eles ficam na fronteira marítima e atraem os peixes da área protegida para serem pescados , utilizam luzes , iscas e ruídos que imitam cardumes de sardinhas para atrair os tubarões que estão nos estuarios e na área dos corais , algumas vezes há tanto barcos que alguns acabam entrando em águas equatorianos “sem querer” , portanto estes países devem… Read more »

Peter nine-nine
Peter nine-nine
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Antóniokings,

Não se for pesca predatória, inclusive afugentando navios com mais ou igual direito à exploração desses recursos!!

Funcionário dos Correios
Funcionário dos Correios
3 meses atrás

Agora ferrou em!

Victor Filipe
Victor Filipe
3 meses atrás

Não precisa de muita coisa, Navios de patrulha oceânica dão conta disso, a questão não é números e sim a determinação de suas ações. como os argentinos, para defender suas águas dispararam diretamente contra o pesqueiro chines, se fizerem o mesmo eles recuam, afinal ninguém quer morrer…

A Classe Amazonas iria se mostrar muito valiosa ai, e ainda acho que precisamos de mais unidades deles.

Tomcat4,2
Reply to  Victor Filipe
3 meses atrás

Creio que navios da classe do P-70 Macaé (500 t) com seu 1 Canhão 40 mm L70 (AOS) e suas 2 Metralhadoras 20 mm GAM-B01 já dão pro gasto com folga mas precisamos de ao menos mais uns 25 (se não me engano o projeto falava de 27 navios e ficou,ainda por entregar, só em 4 ou 5 ).

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Concordo. Talvez o famoso NaPaOc seria mais adequado devido às distâncias envolvidas, mas de certo que um deles seria apropriado. Interessante notar que já que aqui no Brasil esses projetos foram interrompidos prematuramente, agora mesmo o Equador seria um bom cliente para uma classe barata e testada de navios desta classe. Como sempre, o Brasil perdendo uma oportunidade por causa de péssima visão do passado que nem longínquo é.

J L
J L
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Sem contar que quando adquirimos os classe Amazonas, vieram com o direito para que pudessem ser construidos aqui outros da mesma classe

737-800RJ
737-800RJ
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Nunca mais ouvi falar sobre o NPa-500 BR. Tanto faz se seria ele ou o Macaé, fato é que precisamos de algumas dezenas deles, principalmente porque as atividades chinesas de pesca provavelmente se intensificação por aqui…

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  Tomcat4,2
3 meses atrás

Tomcat, concordo contigo. mas como o Leandro falou, acredito que as Amazonas sejam mais adequados por causa da distancia e necessidade de permanência na região que é superior a de um navio com 500t

Jagderband#44
Jagderband#44
3 meses atrás

Cadê o Tonho da lua para comentar sobre isso?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Jagderband#44
3 meses atrás

Quando pescar em águas internacionais for crime, pode me chamar para comentar.
Por enquanto, estejamos preocupados com as queimadas no Pantanal e na Amazônia.
Estas, sim, criminosas.

Fabio Jeffer
Fabio Jeffer
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Kings
Vc tem problemas sérios. As portas estão abertas pra vc se arrancar pra China.
Todos nós sabemos que a China não fica só em águas internacionais, ela invade zonas exclusivas de outros países o tempo todo e a toda hora

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Fabio Jeffer
3 meses atrás

Tenho certeza que se fosse uma reportagem com 260 navios americanos teríamos um monte de foristas dizendo que estão trazendo desenvolvimento ao Equador, que o País deveria oferecer água e comida para os visitantes e uma base naval na região.
Tenha a santa paciência!
Não está ocorrendo nada de ilegal nessa situação.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Ainda não está, como a matéria deixou claro. A idéia é justamente supervisionar para que nada ilegal seja feito, como já foi no passado. E mesmo assim, vou dar uma pesquisada sobre o que as leis marítimas internacionais falam sobre a rede de arrastão. Lembram-se dela? Alguns anos atrás ela era a vilã dos ecosistemas marítimos e salvo engano sua utilização foi banida. Pode ser que esse enxame de pesqueiros tenha encontrado uma forma de ludibriar o espírito desse banimento, fazendo com que não fosse necessária a utilização da arrastão. É justamente algo que o mencionado grupo de países possa… Read more »

Xerem
Xerem
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

EUA tambem nao cumprem amigo e inclusive nao assinaram o tratado de aguas internacionais certo amigao ?

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Xerem
3 meses atrás

O que torna tudo ainda mais comico, já que os EUA participaram de todo o processo da UNCLOS, inclusive em negociação ativa, já que praticamente tudo que está escrito nela é considerada como Costume Internacional (tem força de lei internacional. Pode ler sobre isso se quiser), e o aplicam, aguardando ainda a ratificação da UNCLOS pelo congresso, visto que é um tema um pouco controverso por lá, apesar do desejo de inúmeros Presidentes para que fosse ratificada, mas em democracia é assim, né? Hehehehehe Já a China que É signatária comete claras e inegáveis transgressões do tratado sem nem o… Read more »

Fabio Jeffer
Fabio Jeffer
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Kings
Os Americanos não fazem esse tipo de coisa, nem ninguém. Apenas seus queridos chinesinhos fazem esse tipo de pesca predatória, ecologicamente destrutiva e desonesta, invasiva tal qual uma nuvem de gafanhotos prestes a invadir e destruir uma plantação.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Se fossem 260 navios dos EUA você estaria acisando-os de todo tipo de crime. Cuida do seu rabo antes de cuidar do dos outros.

Kemen
Kemen
Reply to  Fabio Jeffer
3 meses atrás

E quem disse que a China quer ele lá? kkkkkkkk

Brincadeirinha Kings.

Seria mais um na grande população!

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Pesca PREDATÓRIA

Heinz Guderian
Heinz Guderian
3 meses atrás

Que triste, e assim o ser humano vai matando aos poucos a maioria dos animais marinhos, que alguns já se encontram em risco de extinção. Até onde vamos chegar?

Canarinho
Canarinho
Reply to  Heinz Guderian
3 meses atrás

Tem pessoas morrendo de fome, e pelo visto, parece não ter comida para todo mundo. O que voce sugere fazer?

Flanker
Flanker
Reply to  Canarinho
3 meses atrás

Pessoas morrendo de fome onde? Na China? O Xings vai te excomungar da religião de vocês …

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
FABIO MAX MARSCHNER MAYER
3 meses atrás

Isso resume a China:

Dane-se o meio ambiente!

Dane-se os países que ela supera por meio militar.

Danem-se as leis!

Canarinho
Canarinho
Reply to  FABIO MAX MARSCHNER MAYER
3 meses atrás

Mas os pescadores nao desrespeitaram nenhuma lei. Sejamos justos. Nao entraram na zona exclusiva do Equador. Em relação ao meio ambiente, eles tem em torno de 1,5 bi de pessoas para alimentar. Acha que todo mundo tem a mesma sorte que a nossa, terra, agua e clima ideal? O que sugere?

J L
J L
Reply to  Canarinho
3 meses atrás

Essa justificativa não se mantém. Se você não tem condições de alimentar, vestir e educar um filho como pode querer ter 10 e contar simplesmente com doação de terceiros e assim manter os dez subnutridos. E quando não houver mais onde pegar o alimento, vai tomar dos outros na marra ? A India tem uma população bem grande também e não sai por aí passando o rodo em tudo que tiver pelo caminho.

J L
J L
Reply to  Canarinho
3 meses atrás

Essa é a verdadeira invasão branca. Vão se espalhar pelo planeta todo, e esses enviando os recursos ganho em outros países para China e por isso eles possuem essa enorme reserva cambial para comprar tudo que tiver para ser comprado.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Canarinho
3 meses atrás

Chineses não se reproduzem como baratas.
Aliás, se reproduzem menos que americanos e brasileiros, conforme dados do CIA World FactBook.

Taxa de natalidade da China = 11,6 / 1000 habitantes
EUA = 12,4 /100 hab e Brasil = 13,6 / 1000 hab.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Hoje pode ser que não….mas, já se reproduziram. E 11,6/1000 em 1,4 bi é muito se comparado em 12,4/1000 em 300 milhões ou 13,6/1000 em 200 milhões

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Flanker
3 meses atrás

Sim.
O tempo avança e as cosias mudam.
Como antes os EUA eram a maior potência e hoje estão em decadência.
E a China está assumindo a posição de maior potência mundial.
Em tempo. Saiu publicado um texto de especialistas latino-americanos dizendo que a única salvação da América Latina é se unir aos países do Oriente, visto que lá é que está sendo o polo de crescimento do Mundo.
Diz o texto que até 2040, cinco das maiores potências mundiais estão lá.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Antoniokings
3 meses atrás

Especialistas diziam que a única salvação da América Latina era se unir à países do Ocidente. Depois disseram isso sobre os países Africanos, para que pudessem ‘crescer em conjunto,’ os famosos relacionamentos sul-sul. Depois disseram que a única saída para a América Latina era formar um grande bloco econômico e agora, de acordo com você, estão dizendo isso. Vou te falar qual o problema da América Latina: Incompetência crônica e total falta de seriedade. Só isso. O dia que pararem de querer se aliar à X ou Y e começarem à realmente arrumar a casa, as coisas andam. Até lá… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

O que vc falou é correto.
Mas, temos um problema imediato que é como sobreviver a curto prazo como Nação ( e o Continente).
A solução de momento é exportar produtos primários, infelizmente.
Para melhorar teremos (a América Latina) de suar muito. Muito mesmo.
Muito investimento em educação, pesquisa, desenvolvimento científico.
Não será apenas veiculando propaganda de que o agro é pop.

Flanker
Flanker
Reply to  Canarinho
3 meses atrás

Não desrespeitaram nenhuma lei? Vc sabe como eles “pescam” tubarões por conta de suas barbatanas?

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  Flanker
3 meses atrás

Ah,e os bons e pacíficos japoneses não são diferentes amigo…

Os pescadores de Taiji caçam todos os anos centenas de golfinhos mediante a pesca dirigida, considerada cruel pelos defensores de animais. Reúnem os golfinhos em um arrecife, os despedaçam a facadas e depois vendem sua carne, alegando que se trata de uma tradição culinária local.

Matam também tubarões,e baleias e são predadores também,assim como os Noruegueses, Islândeses…

Flanker
Flanker
Reply to  ADRIANO MADUREIRA
3 meses atrás

Se vc ler um comentário meu mais acima, verá que citei os japoneses tb

Pedro
Pedro
Reply to  Canarinho
3 meses atrás

Xenofobia pura aqui neste comentário, hein? trilogia não pode flertar com facismo em nenhum momento, seja-o de direita tupiniquim ou da esquerda caviar.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Pedro
3 meses atrás

Caro Pedro. Concordo com você ser inadmissível qualquer abertura para ideias fascistóides. A única observação é que fascismo é algo característico da extrema-direita. A extrema-esquerda tem outros tipos de ideias totalitárias que também devem ser combatidas mas que nada tem de fascistas.

Analista da Receita Federal
Analista da Receita Federal
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Infelizmente esse Blog se transformou numa babel. Perdeu a proposta de ser um espaço onde seriam discutidos assuntos do Poder Naval. O que vemos aqui hoje , em sua grande maioria, São pessoas Que não entendem do assunto, escrevendo besteira, falando m……da, usando o espaço para fazer dissertações estapafúrdias, defender ideologias políticas e exercitar suas xenofobias. Adicione a isto tudo uma panelinha, formada por gente que posa de entendido de tudo, desde jogo de porrinha até geopolítica. Não posso esquecer dos que acham que tudo o que é postado tem que ser comprado pela MB, e claro, a inevitavel choradeira… Read more »

Funcionario da Comlurb
Funcionario da Comlurb
Reply to  Analista da Receita Federal
3 meses atrás

Prezado,

Não iria tão a fundo, mas infelizmente é a verdade .

Ronaldo Rangel Pires
Ronaldo Rangel Pires
Reply to  FABIO MAX MARSCHNER MAYER
3 meses atrás

E dane_se Antoniokings.

sergio ribamar ferreira
3 meses atrás

“Se você não toma conta direito de sua casa e patrimônio, bandido vem e toma”. Essa máxima é para mostrar que há necessidade de Forças Armadas fortes e vigilantes. Navios patrulhas o nome já diz. Quantidade razoável para policiar. .e uma boa MB para impor limites . Dissuasão. Concordo com a maioria dos comentaristas sobre a proteção de nossa ZEE e também à proteção de países sobre suas ZEE . Neste caso o Equador. “porrete forte impõe respeito até mesmo em gente grande” Abraços a todos.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
3 meses atrás

Precisa de Navios de Patrulha Oceânica e aviões de Patrulha Marítima pra fiscalizar e coibir esse tipo de coisa. Que, mais cedo ou mais tarde, ocorrerá aqui. Falei noutra matéria que a nossa Marinha precisa de meios de superfície antes de se preocupar com aviões, e fui fuzilado. Depois que a MB fizer a lição de casa, pode e deve assumir a Aviação de Patrulha. Drones também ajudam nessa missão.

Satyricon
Satyricon
Reply to  Rinaldo Nery
3 meses atrás

Prezado Rinaldo, concordo que a MB precise, urgentemente, de mais navios patrulha, como bem disse. Temos um bom projeto que, com boa vontade, poderia ser licitado e contratado com (boas) empresas locais, dando um alento à nossa combalida industria naval. Quanto à patrulha aeronaval, discordo da necessidade de novos aviões pois, na minha humilde opinião, o futuro reside nos Vants Male (middle altitude, longe endurance). Israel tem implantado cada vez mais Vants como o Heron I da IAI nesta função, com enorme sucesso. Os custos são bem menores e as missões muito mais longas que aeronaves convencionais. Com a extensão… Read more »

J L
J L
Reply to  Rinaldo Nery
3 meses atrás

Prezado coronel Nery, acrescentaria satélites também para vigilância da extensa Amazônia Azul reduzindo assim o custo na vigilância dessa enorme região.

Cidadão
Cidadão
3 meses atrás

Chama a Marinha Argentina pra meter a pique essa frota de piratas que não respeita a ZEE de países soberanos, já que outras marinhas estão de bucha da onu deixando de cuidar da sua área de interesses e de ajudar seus vizinhos como o Equador e os oprimidos povos da Venezuela, da Argentina e do Brasil.

Last edited 3 meses atrás by Cidadão
Nilo Rodarte
Nilo Rodarte
3 meses atrás

Nuvem de gafanhotos?

Canarinho
Canarinho
3 meses atrás

Pessoal, estou vendo vários comentários e pergunto: É serio isso? Gente sugerindo matar um monte de pescadores, que estao buscando comida para uma população gigantesca que não teve a mesma sorte que nos de ter um pais abençoado, em uma zona internacional? Pelo amor de Deus, voces estao perdendo o juízo, a razão. Acham que tirar a vida de seres humanos e como matar uma barata? Quero acreditar que voces não tem a menor ideia do que estao falando. Suspeito que a maioria das pessoas que ficam falando essas bobagens aqui no forum sao crianças, ou irresponsáveis que tem desprezo… Read more »

Diego Tarses Cardoso
Diego Tarses Cardoso
Reply to  Canarinho
3 meses atrás

Os pescadores da China não são como os nossos, profissionais liberais, eles fazem parte do exército chinês, são parte uma milícia governamental que segue ordens específicas, não tem nada de pesca comercial apenas.

J L
J L
Reply to  Canarinho
3 meses atrás

Eu sugeriria a criação de peixes em cativeiro. Pode ser que ajude a diminuir essa enorme necessidade de abastecimento de pescado, sem precisar atravessar o mundo para ir pescar ao largo das ZEE dos outros países, principalmente países pobres. Não vejo frotas pesqueiras chinesas pescando no litoral americano,inglês, francês, espanhol ou dos países escandinavos. Eles vão onde sabem que não terão oposição militar ou por serem países com dependência financeira. Quanto a questão mencionada que são seres humanos que estão sendo criticados por ir no quintal dos outros para se alimentarem, só se faz correta se fosse uma via de… Read more »

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Canarinho
3 meses atrás

Canarinho, o único exagerado aqui é você, vc fala como se fosse santos, mas já sabemos do que eles são capazes, e o povo tá reclamando deles entrando em uma ZEE de outro país, a China poderia evitar isso, fazendo um acordo de economico na venda de pescado com o Equador, a china financia navios para os equatorianos e depois compra o pescado deles, uma situação em que todos ganham, mas não é o que PCC quer.

Matheus
Matheus
3 meses atrás

Em breve virão escoltados pelas types 052 e 055

OSEIAS
OSEIAS
Reply to  Matheus
3 meses atrás

Olá, se não me engano, uma ataque a um pais americano é o mesmo que um ataque a todos, e seria muito ruim para os chineses. O caso argentino foi diferente porque eles atacaram primeiro e foi a um aliado americano e de muitos países AL. Já um ataque de chineses a um membro da AL, não ficaria bem para eles. Já imaginou não chegar soja, milho e proteína a China por um ano que seja? Não precisa nem ataque combinado.

João Adaime
João Adaime
Reply to  OSEIAS
3 meses atrás

Prezado Oseias
Você está se referindo ao TIAR – Tratado Interamericano de Assistência Recíproca, assinado em 1947 no Rio de Janeiro. Qualquer ação precisa ser aprovado pela OEA. O Canadá e as 3 Guianas não fazem parte. Cuba foi expulsa em 1962. Saíram por vontade própria Bolívia, Equador, México, Nicarágua e Venezuela.
Como podemos ver, o Equador não pode pedir ajuda.
Abraço

Last edited 3 meses atrás by João Adaime
Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  OSEIAS
3 meses atrás

o Brasil perderia muito com isso, e os EUA e a Austrália iam meter uma var@ bem grande e grossa no rabo dos chineses.

Eduardo Penha
Eduardo Penha
3 meses atrás

Gafanhotos econômicos e políticos!

JOSE DE PADUA VIEIRA
JOSE DE PADUA VIEIRA
3 meses atrás

Sugiro um bolão, o que causa mais destruição, uma nuvem de gafanhotos ou um enxame de pesqueiros chineses?

Fabio Araujo
Fabio Araujo
3 meses atrás

Na disputa do Mar da China quando os pesqueiros chineses vão pescar na região barcos da marinha chinesa vão disfarçados no meio da frota pesqueira para atacar os barcos pesqueiros vietnamitas e os colocar para correr. Mas como nesse caso é mar internacional não creio que tenham barcos da marinha disfarçados no meio da frota, mas existe essa possibilidade.

Last edited 3 meses atrás by Fabio Araujo
Renato B.
Renato B.
3 meses atrás

Espero que as nações da região se unam numa força internacional similar aquelas que coíbem pirataria na Somália.

Camaergoer
Camaergoer
3 meses atrás

Ola a todos. Muitos comentários criticando a China, alguns poucos criticando os ambientalistas (até isso) e outros discutindo aspectos técnicos. Ninguém mencionou o ponto mais importante de Galápagos que foi o desenvolvimento da teoria da Evolução. Em tempos de pandemia, quando encontrei comentários sobre DNA alienígena e sobre o milagre da cloroquina para matar (sic) vírus, tenho a impressão que grande parte dos problemas atuais está relacionada com a dificuldade de compreender Evolução. Carl Sagan disse que a primeira pergunta que uma civilização extraterrestre avançada nos faria seria se já tínhamos descoberto a Evolução.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Debater a Teoria da Evolução me pareceu desvirtuar o tópico, por mais importante que ela seja.

No mais, pretendo abrir uma fábrica de chapéus de papel alumínio para proteger os sensatos das ondas de rádio alienadoras dos alienígenas. 😉

Esteves
Esteves
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Já tá patenteado. Mas há cópias chinesas.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Caro Leandro. Creio que não se propõe debater a evolução (ela é um fato). O que se coloca é importância de Galápagos na descoberta da evolução e por isso a sua importância história ao ponto de ser um considerado pela UNESCO como patrimônio da humanidade.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Ainda acho que se pode debater tudo, inclusive fatos (debater mesmo, porque questionar sua validade é, na minha opinião impossível), mas o foco é realmente Galápagos. Mesmo sendo considerado pela UNESCO como patrimônio da humanidade, o arquipélago em si parece que não tem qualquer outra provisão em lei internacional relativa à sua proteção para além daquela já prevista em lei marítima internacional. Mencionei em algum momento que, ao invés de os países latino-americanos da região investirem conjuntamente apenas em meios de patrulha e dissuasão, que pleiteassem em organismos internacionais alguma espécie de proteção à mais para o arquipélago, algo que… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Caro Leandro. Você tocou em um excelente ponto de discussão. A ONU não exerce nenhum poder de soberania. Isso cabe aos países. No caso de Galápagos, a soberania é do Equador. No caso da ilha de Páscoa, a soberania é chilena. No caso de parte da selva amazônia, a soberania é brasileira (outras partes da floresta tem outras soberanias). Aceitar a intervenção internacional para preservar Galápagos é aceitar a intervenção em outras regiões (incluindo a selva amazônia e também o cerrado e o pantanal brasileiros). Eu teria um grande prazer e conversar sobre evolução ou assistir um debate sobre evolução… Read more »

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Esse assunto tem pano para debates infinitos. Eu fico feliz de ver diversos religiosos apontando as diferenças óbvias entre crença e ciência. A agora comum diferença entre os estudos do ‘Jesus Histórico’, aquele cuja vida é pesquisada por historiadores, pautada em documentos históricos, arqueologia, etc., versus o ‘Jesus Teológico,’ estudado com base nos evangelhos, é algo muito bem vindo. A historicidade da própria bíblia, de sua formação é assunto fascinante que remonta à própria História da civilização humana com descoberta de tabletes com escritos datados de milhares de anos BCE contendo literatura descrevendo o ‘Dilúvio’ com personagens bem diferentes daqueles… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Olá Leandro. Eu também acho necessário separar as questões religiosas das questões científicas. Certa vez, após uma aula de química geral uma aluna se aproximou e perguntou se eu já havia lido a Bíblia. Respondi que sim (fato) e perguntei se ela já havia lido a “Origem das Especies”. Ela disse que não. Então pedi para ela ler porque naquele instante o debate estaria desfavorável a ela. A religião se baseia na fé. A ciência se baseia na dúvida. Acho que você novamente tocou em um ponto importante quando sugere a formação de tratados regionais de mútua defesa (como faz… Read more »

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Lembro-me bem da época em que Condoleeza Rice estava à frente do Depto. de Estado Americano quando o governo Lula havia proposto (acho que de brincadeira) um conselho de defesa para a América do Sul, contendo todos os países do continente. Os EUA deram apoio à iniciativa, coisa que muita gente achava que não faria por causa da Venezuela. Eu havia achado a iniciativa genial, até porque poderia proporcionar maior vigilância naqueles vizinhos que podemos desconfiar (daí entende-se a atitude americana ao apoiar a iniciativa), tanto quanto poderia desmistificar qualquer problema que houvesse entre os mesmos, aumentar interoperabilidade, etc. Poderia… Read more »

Esteves
Esteves
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Mestre…Mestre…Mestre,

Vivemos dias de involução. O manto negro do absolutismo obsoletista caiu sobre nós.

Odorico não tinha mortos para enterrar. Chegou o tempo em que faltam cemitérios.

Shiva está chegando. Não sobrará pedra sobre pedra. Nem um grão de areia escapará das águas.

Viva a morte.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Esteves
3 meses atrás

Olá Esteves. Talvez eu não veja o fim desta crise (por força da natureza ou por força da ignorância) mas eles também passarão (eu passarinho).

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Esteves
3 meses atrás

Calma que a ciência esta chegando lá… Estamos no limiar de um novo grande salto evolucionário, maior que a roda, maior que as grandes navegações, maior que o antibiótico, maior do que dobrar a expectativa de vida ja ocorrida durante os ultimos 150 anos…vacinas, etc A ciência no estudo das partículas e matéria estão descortinando o campos das energias e que trará o campo das dimensões. Fisica quântica, teletransporte de dados já estão em testes, ausência de vácuo no universo, calculo e descoberta da matéria escura, tudo relacionado….no estudo da materia, descobre-se cada vez mais dividoes e a divisao da… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

Olá Carvalho. Um dos pontos importantes é que nenhuma nova descoberta anulas as descobertas anteriores. Por exemplo, já era possível controlar as reações químicas bem antes da descoberta das estrutura dos átomos. A teoria quântica permitiu fazer simulações matemáticas da das moléculas, ajudando a compreender vários fenômenos observados nos laboratórios de química. Acredito que uma das grandes descobertas que é aguardada com muita expectativa é a prova de vida extraterrestre (mesmo que sejam algo como bactérias). Seria extraordinário encontrar um sistema químico diferente do RNA/DNA que possa produzir um código genético. O telescópio Webb que poderá fazer imagens na região… Read more »

Esteves
Esteves
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

É.

Tem a haver com nossos sentidos. Durante séculos observamos os planetas aqui vizinhos orbitando o Sol.

Os telescópios após décadas olhando para fora do Sistema Solar estão descobrindo sistemas exosolares, exoplanetas…alguns mais jovens outros não.

Precisamos entender melhor o espaço que julgamos ser vácuo e agora parece ser matéria escura.

A ciência do ver e observar será ultrapassada pela ciência do sentir. Isso nos levará a outros mundos.

Quero ver chegarmos a outros mundos e encontrarmos espécies querendo auxílio, emprego público e carnaval.

Pai Jesus vai precisar estar atento.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Esteves
3 meses atrás

Olá Esteves. Nos últimos 30 anos eu vi algumas coisas extraordinárias. Vi a imagem de um átomo de silício obtida por um microscópio de força atômica. Vi a imagem de um exoplaneta. Via galáxias que existiram há 13 bilhões de anos. Vi a imagem de um buraco-negro. Falta pouco. Acho que a conta mais legal foi sobre o número de galáxias no universo visível (10^11) cada um com o mesmo número de estrelas, totalizando 10^22~10^23 estrelas no universo visível… praticamente UM MOL de estrelas.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Esteves
3 meses atrás

Mestre Esteves, tenho certeza que chegarmos a outros mundos e encontrarmos as criaturas que voce descreveu, chegaremos a conclusão que é melhor esperar mais um pouquinho ate ganharem juizo e ai , somente depois de ganharem juizo, falaremos com eles…

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

Olá Carvalho. Temo que nós é que precisamos criar juízo antes de falar com civilizações de outros planetas. Carl Sagan perguntou uma vez o que seria mais assustador, a ideia de vida extraterrestre ou a de que estamos sozinhos no universo.

Esteves
Esteves
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

O problema será eles estarem aqui e nós não estarmos lá.

Esteves
Esteves
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

Mestre Carvalho aderiu ao Santo Daime.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Esteves
3 meses atrás

Olá Esteves. Nos últimos anos, vi muita gente aderindo ao santo dai-me. Sempre tem alguém gritando no fundo “também quero”.

Esteves
Esteves
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Eu vi.

Em uma sessão…eu vi. Mas não posso contar o que vi pelos sentidos do não olhar.

Apos 4 horas o efeito passou.

Esse Esteves já foi doidão.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Esteves
3 meses atrás

Como disse o Clinton, “experimentei mas não traguei”.

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Esteves
3 meses atrás

tecnicamente como qualquer alucinógeno, o cidadão desliga-se da mente (alma) parcialmente, e acessa sensações e sentidos não presentes em nossa dimensão. Pode-se ver e sentir o que quer e ver e sentir o que não quer……..cuidado pois dependendo da afinidade…complica….se o cidadão está de posse de um corpo…deve ter ciencia que está de posse de um Iate valioso para aqui navegar….corre o risco de ou virar o timão e bater no recife por embriaguez, ou um pirata subir ao leme e levar o iate….

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Esteves
3 meses atrás

Apenas descrevi a ciencia, suas descobertas, e quais suas conclusoes ate o momento. Materia é um substantivo abstrato de dicionário, tal como outrora definíamos séculos atrás os elementos como terra, fogo, agua e ar…o que é materia? Mais se cava e mais se descobre partículas embaladas em coesões energéticas embaladas em outras partículas em coesões energéticas…a propria palavra particula é uma abstração linguistica neste contexto para descrever um pacote de coesão energético….o homem já alcançou níveis inferiores aos subatomicos e ainda mesmo neste níveis (em que sabemos que ha uma infinidade de outros menores), não há distinção da materia de… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

Olá Carvalho. Você tem razão. E=mc^2. Matéria e energia são propriedades complementares da natureza. Ensinei minha filha de seis anos que ela precisa pensar nas coisas de dois modos. Aquilo que for pesado tem massa. Aquilo que se mover tem energia. Ela entendeu com a facilidade que as crianças têm em perceber como algumas ideias novas fazem sentido. Ela também aprendeu a forma mais intuitiva da Segunda Lei da Termodinâmica, “o quente esquenta o frio”.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

O que é massa?

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

Olá Carvalho. A mesma pergunta simples que tem uma resposta difícil pode ser colocada para “energia”. Tanto massa quanto energia são grandezas definidas por nós para mensurarmos o universo. A resposta é apenas operacional.
A massa pode estar relacionada com a resistência de mudar o movimento (inércia) e a energia pode estar relacionada com a capacidade de mudar o movimento (momento). Minha pequena filha tem me ajudado bastante perceber o tamanho do desafio. “Se é pesado, tem massa. Se está se movendo, tem energia” (observe que um verbo é “ter” o outro é “estar”).

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Mesmo entre ter e estar, é uma questão de ponto de referencia não acha? Em seu proprio exemplo newtoniano, massa seria a metrica da atração gravitacional mensurada em kilogramas de determinados elementos. Mas veja, existe nesta percepção de referencia a força gravitacional que é relativa, existem a força magnetica, a eletroquimica, forças que sabemos que quando se dão, mas não como se dão e junto a elas, e a mesmo exemplo delas, as forças de coesão nuclear, dos elementos ou melhor particulas ou subparticulas, que nada mais são em sua eterna divisão aparentes campos de força tal como o gravitacional,… Read more »

Esteves
Esteves
Reply to  carvalho2008
3 meses atrás

Tá que pariu…vou levar 2 dias pra entender isso.

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Esteves
3 meses atrás

Mestre Esteves, num resumo… Quando se divide a materia e se imiscui nela, percebe-se que não interessa o composto, todos são feitos da mesma coisa…embora sequer tenhamos conseguido abrir tudo… Se são feitos da mesma cosa, porque são diferentes quando olhadas no conjunto? porque os tijolos se combinam de forma diferente…como um DNA….um infima alteração de combinação, frequencia, orbita eletrica, ela se monta um conjunto diferente, independente da escala que esteja observando…e isto que chamo de tijolo é apenas uma atribuição linguistica, pois ele tambem não é material quando se abre, percebe que ele tambem é formado por grupos menores… Read more »

Esteves
Esteves
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

É assim… Cuidado com a mulher que escolher pra casar. Se ela se mover em sua direção cuidado com a energia que pode se desprender. Caso ela permaneça no mesmo lugar significa que ela tem mais massa (um grande problema no futuro) e menos energia…pode ser um ganho termodinâmico inicial mas representará um deslocamento de energia financeira com advogados. Massa e energia não combinam. Por esse motivo as jovens têm pouco peso e farta atividade temporal. O Esteves demorou para descobrir que a distância entre os corpos durante o dia (luz) é fundamental para a existência da vida durante a… Read more »

Last edited 3 meses atrás by Esteves
Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Esteves
3 meses atrás

Uéh!
Mulheres, agora, são apenas um aglomerado de massa e energia?
Quanta ternura nesse resumo.
Não tinha parado, de conversas com Ets de Urano, através do transcomunicador Santo Daime?
rsrs!

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Meu caro Camaergoer, evolução, grande tema… A animal, estava travada (simplesmente não evoluia) na Terra, por CENTENAS de milhões de anos, a vida havia apenas em primitivas células, então em poucas dezenas de milhões (cerca de 80 milhões) de anos, surgiram uma infinidade de espécies complexas. Agora, fazendo um paralelo (fenômeno cambriano) com nossa evolução humana: Ficamos dezenas de milhares de anos estacionados no politeísmo anárquico e marchando sempre em primeira marcha no desenvolvimento tecnológico, a cultura escrita foi um parto para aparecer, e mesmo depois dela a organização social, vinda da pré-história, baseada em líderes guerreiros continuou sólida. Mas… Read more »

Last edited 3 meses atrás by Farroupilha
Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Farroupilha
3 meses atrás

Mestre Farroupilha,

Este seu texto é de uma inspiração incrível. Esta entre os melhores de que ja li nos foruns durante os ultimos 15 anos!!!

O desafio da nova humanidade é propiciar que o homem não tenha medo de seu futuro e sobrevivencia!!

Magnifico!!

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

Valeu!
Abç!

Last edited 3 meses atrás by Farroupilha
Esteves
Esteves
Reply to  Farroupilha
3 meses atrás

Ilógico. Uma visão ocidental de 2 mil anos. Porque nesses dois mil anos prevaleceram a arte da guerra, as doenças e a corrupção. Transformar. O mundo ocidental desses dois mil anos prevaleceu pela visão comercial das navegações e das trocas que sustentam o capitalismo. Felicidade espiritual está no budismo e no xintoísmo. Aquecem os próprios corpos com a meditação. O ocidente quer guerra. 7 mil anos atrás os sumérios edificaram as histórias da religião. Os conflitos do pai e do filho, das penas e dos perdões, dos pecados e do sexo. As tríades religiosas e não espirituais que levaram os… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Farroupilha
3 meses atrás

Olá Farroupilha. A escrita/agricultura foram dois saltos culturais fundamentais para nossa espécie. O terceiro salto foi a ciência. Creio que o progresso visto nos últimos 200 anos tem pouca relação com o monoteísmo. Aliás, a Igreja foi responsável por séculos de atraso no desenvolvimento humano (lembrando que Giordano Bruno foi queimado vivo e Galileu terminou a vida preso em sua casa). Acho que a ciência é causa e consequência do humanismo/iluminismo do Sec XVIII. Humanismo (e a ideia dos direitos humanos), democracia e a ideia de todos serem iguais perante a lei, iluminismo e a ciência estão todos relacionados, mas… Read more »

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Camargoer, só discordo em relação de a Igreja (imagino que católica), ter sido responsável por séculos de atraso no desenvolvimento humano. A ‘conta’ é quase meio à meio. Por mais que eu discorde (e muito) com a maioria das práticas da Igreja Católica (e diversas outras), eu sempre preciso dar crédito para a manutenção de certas práticas Romanas que levaram ao retorno da figura do Estado Nação moderno, sem as quais poderíamos levar ainda mais tempo (diria que algo parecido como a ‘idade das trevas’ enfrentada ao final da Era do Bronze) para ver um ressurgimento de qualquer entidade parecida,… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Olá Leandro. Os árabes mantiveram o conhecimento civilizatório do mundo enquanto a Europa estava estagnada na idade média. Um exemplo é a própria discussão sobre a curvatura da Terra, que já havia sido calculada pelos gregos cerca de 200 anos AC. A ideia de Estados-nação surgem a partir da paz de Westfália, não pela ação da Igreja.

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Camaergoer, sua análise é limitada, é a que qualquer de seus alunos faria (iluminismo, ciência árabe, Giordano, Galileu, Igreja etc) sobre o atual progresso tecnológico e sua provável e mais certa origem. Ora, vc tem que ir mais a fundo e não apenas à superfície dos fatos históricos. Isso aí qualquer estudante pode fazer. Vc está além. Repare que não citei Igreja (nem Católica ou qualquer outra), mas Cristianismo (monoteísmo Cristão), como o Fenômeno Cambriano de nossa evolução humanística, civilizatória. Por quê? Porque é ele justamente a semente (mais funda, o DNA) do tal Iluminismo. O Iluminismo são apenas alguns… Read more »

Last edited 3 meses atrás by Farroupilha
Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Farroupilha
3 meses atrás

Olá Farroupilha. O espaço do blog também limita um pouco a extensão do debate, mas a gente tem conseguido o milagre da multiplicação das palavras. Uma vez, tocando café com alguns alunos, eles ficaram curiosos sobre a minha fama de ateu entre os professores. Tentei explicar que minha formação ética é cristã (inspirado pelo meu avô que era pastor) mas que isso não significava nenhuma fé religiosa. Você lembrou muito bem de pontos fundamentais do cristianismo, como a tolerância com as minorias (doentes, prostitutas, pobres) e a caridade e solidariedade acima de tudo (essencialmente a base de qualquer pensamento humanista).… Read more »

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Mestre Camargoer, ok em ser ateu, mas curiosa e amistosamente em desperto ao vossos espírito cientifico, percebo que voce frisou a experimentação empirica, que leva ao fato. Pratica tão sagrada ao desenvolvimento cientifico, o que não poderia jamais de ser a experimentação e observação empirica, que batiza o fato como certo, não obstante ainda não compreendendo o fato, ele o reconhece e ainda não sendo capaz de explica-lo, cataloga e descreve como fenomeno, onde é guardado a luz da ciencia ate sua compreensão, decodificação e destrinchamento elucidador.Assim, fica aos primarios a descrição do fenomeno da chuva, mas aos letrados estudiosos… Read more »

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

A única coisa que geralmente comento quando me perguntam a minha religião é que estou em paz com meu Senhor e ele é muito gostoso, já que fui tocado por seus apêndices macarrônicos hehehehehehe

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Olá Leandro. Certa vez, uma funcionária perguntou se eu era mesmo ateu. Disse que sim. Ela espanta comentou “eu não acredito, você sempre foi tão educado”.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

HÁ! Passei por essa já. “mas você sempre me pareceu uma pessoa do bem.” Sempre arranca uma gargalhada.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camaergoer
3 meses atrás

Camargoer, os Árabes mantiveram muito do conhecimento dos gregos e avançaram em muitas outras disciplinas, porém acabaram eles mesmo estagnando e ignorando completamente práticas sociais/burocráticas romanas que por sua vez a Igreja manteve para a operação de si mesma, o que acabou sendo emulado posteriormente por Estados Europeus em formação, que dentro do contexto da idade média e estarem sempre em competição entre si, acabaram suplantando os árabes que, por assim dizer, ainda estão na sua própria versão de idade média. Portugal como estado nação moderno foi fundado em 1139, muito por causa do conhecimento social, jurídico/burocrático, preservado dentro do… Read more »

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Amigos, de pesca predatória passamos à antropologia, sociologia, teologia e filosofia. Kkkkkkkk
Mas, aprendi muito com os comentários acima.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Rinaldo Nery
3 meses atrás

Ola Cel.Nery. Por isso o “Naval” é o blog mais legal. Quase sempre todo mundo tem um ponto de vista diferente, mas quase sempre o debate é sincero e amistoso… em “cada porto um amor, e em cada amor um adeus”

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Rinaldo Nery
3 meses atrás

É a falta de um bar ou uma boa cafeteria se fazendo presente hehehehehe

Esteves
Esteves
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Vestfaliano…um Vestfaliano no Naval.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Leandro Costa
3 meses atrás

Leandro.
Parabens.
Pela profícua lição histórica e sociológica.

Augusto L
Augusto L
3 meses atrás

Brasil deveria tomar posição.
Nos que deveríamos encabeçar “consultas com outros países da América Latina com uma costa no Pacífico — Colômbia, Peru, Chile, Panamá e Costa Rica — para formar uma posição regional conjunta sobre a “ameaça”” essa proposta

Esteves
Esteves
3 meses atrás

Chiliques.

A foto do post não é invasão alguma.

“Las autoridades del Gobierno no precisaron de cuántas embarcaciones se trata y señalaron que unas tienen banderas de Panamá y también de Libia. El Canciller apuntó que también ha enviado varias advertencias a la Embajada de China en Quito y a Beijing para que no ingresen a la zona exclusiva marítima de Ecuador.”

Barcos abastecidos dentro do Equador. Barcos com bandeiras do Panamá, da Líbia e provavelmente da Espanha…outro costumaz invasor de águas pesqueiras doutros.

O mar está se tornando terra de lobos.

Carvalho2008
Carvalho2008
3 meses atrás

Uma pergunta para reflexão a todos:

– Patrulha de 500 ton e sete dias de persistência, seria adequado ao tipo de missão qde e se apresenta?

Esteves
Esteves
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

Qualquer patrulha seria adequado contra qualquer xeretar. Qualquer.

De quantos patrulhas precisamos para patrulhar nosso mar?

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
3 meses atrás

Se a MB levasse patrulha a sério já eram para ter várias lanchas dessas Mark VI que a Ucrânia comprou, são bem baratas e cumprem a missão. A principal utilidade não seria nem para usar contra pesqueiros ilegais mas sim contra o tráfico de armas e drogas que entram e saem a rodo pelo litoral do Brasil.

Carvalho2008
Carvalho2008
3 meses atrás

Para um enxame, uma saturação, de semanas, oceano intenso, um barco de 500 ton é insuficiente. Mais barcos de 500 ton podem ser insuficientes, alta persistencia de mais de 7 a 10 dias.

Inspecionar muitos, estar preparado para apreender muitos, ter inclusive como manter muitos em celas…espaço…

Augusto L
Augusto L
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

Acho q a melhor solução seria um aeronave de patrulha + um enxame de drones.

Deixaria os barcos de patrulha so para interceptações estratégicas.

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Augusto L
3 meses atrás

Não adiantam 50 olhos….ver e não ter braços para agir….

2 olhos para ver…e varios braços para agir naquilo que foi visto….

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

Lembram quando defendi uma versão do Makassar para patrulha oceânica? Alguem grande e barato, como um mini CAM, NapaOc… Tire a doca molhada e pendure nele 2 a 4 interceptadores… O navio mãe pode ser lento, mas as interceptadoras fazem a abordagem e inspeção. O proprio navio mãe pode empurrar os ilicitos, pois não dá chance dos ilegais estacionarem para a pesca empurrando os para longe da ZEE. Um navio que desmembrado com suas interceptadoras se desdobra em 5…isto sem falar da capacidade de convoo para qualquer tipo de helicoptero ou drones… considere ainda o espaço interno para eventuais prisioneiros… Read more »

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

comment image

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

comment image

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

comment image?w=1024

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

comment image?w=1024

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Carvalho2008
3 meses atrás

comment image

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  carvalho2008
3 meses atrás

Estas que coloquei no desenho são as CB-90, mas um projeto bem mais barato como as nacionais DGCS-999 Raptorcomment image

carvalho2008
carvalho2008