segunda-feira, março 1, 2021

Saab Naval

Terceiro porta-helicópteros chinês toma forma em Xangai

Destaques

IMAGENS: Navio-Aeródromo Ligeiro Minas Gerais – A11

Algumas das melhores fotos do NAeL Minas Gerais (A11) com seu grupo aéreo embarcado de aviões P-16 Tracker da...

TOPEX 1-87: USS Nimitz e cruzador nuclear USS California no Brasil, em 1987

Em 1987 eu era tripulante da fragata Niterói - F40 e quando estava em operação no mar, fazia parte...

SIMULAÇÃO: ‘Operação Pólvora’ – FAB e MB enfrentam o USS Nimitz

No início de novembro, o presidente Jair Bolsonaro em discurso com tom bélico ameaçou usar pólvora quando acabar a...
Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Fotos de observadores de navios chineses mostram que o terceiro navio de assalto anfíbio da China, um Landing Helicopter Dock (LHD) conhecido como Type 075, está em um estágio avançado de construção e estará pronto para lançamento no início de 2021.

O Estaleiro Hudong Zhonghua em Xangai já construiu os dois primeiros navios da classe. O primeiro Type 075 para a Marinha do Exército de Libertação Popular (PLAN) foi lançado em setembro de 2019 e começou os testes de mar em agosto de 2020, enquanto o segundo foi lançado em abril de 2020 e começou seus testes de mar na semana passada.

Diz-se que um total de oito LHDs estão encomendados para a PLAN. No momento, o mesmo estaleiro também está construindo duas fragatas Type 054A para a Marinha do Paquistão e, ao que parece, um LPD Tipo 071E para a Tailândia.

Enquanto isso, o primeiro Type 075 LHD foi transferido para a Base Naval de Sanya, na ilha de Hainan.

Observando para seu estágio avançado de construção, e olhando para trás, para a impressionante taxa de construção naval demonstrada recentemente pelos construtores de navios locais, o terceiro Type 075 LHD poderia estar pronto para lançamento em janeiro ou fevereiro de 2021.

O segundo Type 075 saiu para provas de mar na semana passada

FONTE: Naval News

- Advertisement -

165 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
165 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
J. Noronha.

Meu DEUS!!! Só dá PCC!!! Aqui no blog a maioria das notícias é sobre a China. Onde vamos parar com este ritmo de construção naval?

Esteves

Nós eu não sei. Eles vão parar no mar.

Defensor da liberdade

Essa foi boa kkkkkkkkkkkkkkkkk

Kemen

Continuamos na mesma, afinal a China esta bem longe e pelo que sei é o nosso maior importador $$$. Independente da politica seguida por cada um, negocios são negocios, se são interesantes para ambas as partes tudo bem.
Também existem negocios comerciais entre a China e os E.E.U.U.

Paulo Sollo

Espero estar enganado mas aparentemente vamos parar em 4 Riachuelo e 4 Tamandarés…

Blind Mans Bluff

Continuam na praia sem nenhuma experiencia de guerra real.

Rui Chapéu

Pra galera do naviozinho ai…. tenho uma pergunta:

Eu sei que esses porta helicópteros igual o nosso não servem para operações normais de um F-35B a princípio.

Mas o que eu queria saber, era de no caso algum tipo de missão especial, tipo como no clássico Doolittle Raid, em que os americanos fizeram um ataque só de ida usando os B-25 que teoricamente tb não operariam num porta aviões, fazendo eles pousarem em outro destino.

Teria como uns 4-6 F-35B utilizarem o NAM Atlântico para um operação só de ida tb ao exemplo acima??

Camargoer

Caro Rui. O ataque á Tókyo por B25 lançados de um porta-avioes foi caro, perigoso e não trouxe qualquer vantagem militar. Há um risco real dos gases de escapamento do F35 danificarem o deck do A140. O risco não vale a pena.

Last edited 2 meses atrás by Alexandre Galante
Rui Chapéu

Sabe de nada inocente.

Nem a nomenclatura do avião certo vc usou. E depois vem querer falar que não serviu pra nada.

Eu perguntei pro povo que entende de navio.

Esteves

Todo o povo aqui entende de navio. Até Esteves que de tudo entende de nada entende muito.

Avião no Atlântico foi debatido exaustivamente. Avião e Phalanx.

A falta de educação é que segue boiando.

Kemen

Faltou tirar seu chapéu pro Camargoer, grande comentarista que pode não conhecer a fundo material militar, mas entende de logistica, politica, economia e a História real das coisas, não historia ficticia inventada…

Last edited 2 meses atrás by Kemen
Mgtow

Camargoer sempre foi cortês e educado nos comentarios aqui no blog.
Ao contrario de vc que sempre um dos minions mais rancorosos e arrogante que vejo por aqui. Essa tua resposta imbecil comprova o que digo.

Leandro Costa

O atque à Tóquio foi extremamente ineficiente, mas ao mesmo tempo foi muito oportuno. Sem querer querendo acabou ajudando bastante estrategicamente para não falar no efeito moral.

Mariner

Pelo que sei nem com o lançamento da primeira ogiva nuclear o imperador Japonês quis se render , com a segunda bomba ele repensou.

Leandro Costa

É isso mesmo, Mariner. Estava ocorrendo um intenso debate no conselho de guerra. Havia facção pró-paz e pró-continuação da guerra. A primeira bomba não foi suficiente para dar mais peso aos que propunham a paz. A segunda bomba, com promessa de contínuo bombardeio junto com a invasão soviética da Manchúria selou o acordo, e mesmo assim teve facção de jovens oficiais que ainda tentaram dar um golpe para continuar a guerra, mas foram frustrados. Era usando os soviéticos como mensageiros que o Japão estava tentando negociar termos favoráveis para darem fim às hostilidades, o que era bem diferente de ‘se… Read more »

Kemen

Hein… nuclear não, atômica. Bom deu pra entender.

Mariner

É que neste momento estou fazendo o diário de máquinas com caneta Bic, aí me atrapalho no assunto. 😅😅😅

Kemen

Coisa nenhuma, efeito moral teve, material nada, por que apelaram matando depois civis em Hiroshima e Nagasaki.

Leandro Costa

Já falamos disso antes. Só para exemplificar, responde aonde construíram o Yamato?

Kemen

Veja o colosso ai embaixo e divirta-se.

https://en.wikipedia.org/wiki/Japanese_battleship_Yamato

Leandro Costa

Tá certo. Eu errei. Foi o segundo da classe, o Musashi que foi construído em Nagasaki. Só para dar um exemplo de como eram cidades apenas com civis, e não tinham qualquer indústria bélica, né?

De qualquer maneira, mesmo se tivessem apenas civis, ainda seria um alvo válido para a época.

Dalton

Uma ou duas bombas acertaram um navio que estava sendo convertido em um Nae Leve o que acabou atrasando seu comissionamento em alguns meses, mas, de fato em matéria de danos pouco causou e nem poderia ser diferente usando-se apenas 16 aviões.
.
O moral dos aliados saiu bastante fortalecido após o ataque esse era o principal objetivo e foi alcançado enquanto os japoneses se viram obrigados a manter aviões de caça em Tóquio que poderiam ser empregados alhures e o ataque também deu sustentação ao plano de atacar Midway que eventualmente acabou em uma enorme derrota.

Leandro Costa

Salvo engano, cada B-25 transportava apenas 3 bombas de 500 lbs e um pacote de incendiárias.

Quando Doolittle chegou na China achou que sua carreira como militar estava acabada e a missão havia sido um fracasso. Felizmente estava enganado.

carvalho2008

Isto sem preparo e improviso….agora…já imaginou se os B-25 tivessem alguns meses antes marinizados e com uma versão de alcance estendido?…seria terrível…..fizeram ate testes de versões embarcadas mas a verdade é que as Marinhas nesta época focavam seus aviões quase que exclusivamente a guerra anti navio como prioridade, deixando o ataque a terra aos encouraçados e cruzadores…demorou muito pra a mudança de conceito acontecer….

Caso este tipo de avião existisse a época, o Japão teria de recolher para a segurança de seu país centenas e centenas de caças….

carvalho2008

corretissimo!

carvalho2008

Do ponto de vista moral foi válido, bem como estratégico tambem…

Pode parecer besteira, e verdade que mesmo muito tempo depois muitos oficiais se negavam a se render, mas a verdade é que moralmente foram atacados em sua terra natal, humilhou os oficiais japoneses que não tinham como assegurar a Segurança do Imperador e isto, forçou a desviar alguns recursos que poderiam estar em outro lugar …foi constrangedor…um recado de um prenúncio…

Antoniokings

E era uma viagem só de ida.
A perspectiva era que os aviões pousassem na China.
Esse ataque foi apenas uma peça de propaganda sem efeitos práticos sobre o desenrolar da Guerra.

Leandro Costa

Acho que todo mundo sabe que era uma viagem só de ida. O ataque fez com que os japoneses direcionassem mais recursos para a China, inclusive mataram algumas centenas de milhares de chineses à mais procurando pelas tripulações que eles não conseguiram pegar logo de cara. O ataque também fez com que direcionassem mais recursos para a defesa das ilhas metropolitanas, ou seja, recursos que poderiam estar sendo empregados em ações ofensivas. Isso foi feito para tentar reconciliar algumas das lideranças políticas civis, que começaram à encher um pouco o saco de Tojo e seus asseclas militares. Aumentou ainda mais… Read more »

Helio Eduardo

Perfeito Leandro.

Desde o início, o objetivo era moral, não tático ou, muito menos, estratégico. Ninguém esperava que apenas 16 bombardeiros médios fizessem a diferença na guerra.

E surtiu efeitos para além do esperado no campo da propaganda.

Kemen

Realmente não foram obtidos os efeitos esperados, e não houveram grandes prejuizos materiais, é só ver os filmes recuperados da guerra montadas pelos próprios norte americanos.

carvalho2008

Mestre Camargoer, danificaria se ele voltar para pousar…como a premissa não é esta, pouso e combustivel para operação sustentada estão descartados…

João Adaime

Caro Rui Com minha vasta experiência em remar com canoa em lago (no mar não me arrisco), acredito que se depois da missão o convés puder ser dado como perdido, não haveria problema. O problema mesmo é a escolta. Na missão do Doolittle o porta-aviões Hornet foi protegido por 8 destróieres, 3 cruzadores pesados, um cruzado leve e 2 navios de reabastecimento. Então já viu, né….. E no caminho deram de cara com um patrulheiro japonês, que teve de ser afundado. Como curiosidade, acrescento que o general Jimmy Doolittle faleceu em 27 de setembro de 1993 aos 96 anos. No… Read more »

Leandro Costa

João, só esqueceu de mencionar que o USS Enterprise (CV-6) também estava escoltando o Hornet. Fora isso perfeito 🙂

João Adaime

Certo Leandro. É que minha memória já não anda tão boa.Não tenho mais a vitalidade da rainha Elizabeth.
Abraço

Leandro Costa

Entendo bem o que está dizendo. Me sinto igual, João.

Esteves

Vitalidade é com o Esteves.

Foi vingança. Foi pra mostrar aos japoneses que eles estavam chegando.

— Segura esse aí que eu volto com muito mais.

Militarmente foi uma demonstração que o Japão se arrependeria amargamente.

Somente.

Leandro Costa

Rui não sei quanto aos F-35B, mas sei que o Atlântico (Ocean) já lançou Harriers apenas em ‘viagem de ida.’ Ou seja, não houve pouso à bordo, apenas lançamento. Como os motores do F-35B são mais potentes, não sei se isso seria possível, mas em uma situação emergencial como a de Doolittle, pode ser que soluções temporárias venham à tona. Para os problemas com interpretação de texto, eu vou repetir que o Atlântico NÃO foi projetado e NÃO pode operar com aviões. E como bônus, a USN testou lá pelos idos de 1944, versões modificadas do B-25 (que na USN… Read more »

Kemen

O Atlântico poderia operar com AV-8B H II (VTOL) como um transportador eventual ocasional, lança-los para uma determinada operação, não seria possivel opera-los como porta aviões, ou seja de forma continuada com diversas surtidas, isso requer espaço para armazenamento de munições (helicópteros requerem menor espaço), espaço para sobressalentes e ferramentas, mais espaço para armazenamento de combustivel, pessoal treinado para manter e orientar aviões, não helicópteros

Last edited 2 meses atrás by Kemen
carvalho2008

Operação Doolittlecomment image

Leandro Costa

PBJ-1H pousando à bordo do USS Shangri-La (que para quem conhece a história do ataque de Doolittle vai soar bastante apropriado hehehehe)

shangrila1.jpg
carvalho2008

Missão coisa louca…dá sim…. desde que: A quantidade seja o suficiente para deixar o convés desimpedido de decolagem do F35 da vez, não há como guardar no hangar debaixo e todos ficariam no convés…deve dar uns 4 talvez…não tenho certeza tem de medir; Um não pode ficar atras do outro por conta do blast e ausencia de defletor, vai demorar para decolar a sequencia….geometricamente seria como a decolagem dos NAE da WWII, com a diferença que não pode haver um avião esperando em fila por conta do blast, tem de ficar de lado e depois do primeiro, o trator Tug… Read more »

Thom

Será mesmo que os Chineses vão tomar Taiwan?
Essa mordaça que eles vem colocando em diversos países e na ONU, me deixa pensar que vai realmente acontecer isso. Acho que num governo democrata, dificilmente os americanos iram se envolver, já que para eles os russos são sua prioridade.
Resumindo: Eu já estaria indo embora dessa ilha.

Camargoer

Caro Thom. Uma operação militar contra Taiwan poderia significar o inicío da terceira guerra mundial. Não existem condições para uma operação militar chinesa nem para uma medida política. A China tem o tempo a seu favor e vai esperar que no futuro surjam condições políticas para a incorporar Taiwan.

Teropode

Bastaria procurar os Americanos e oferecer uma “catira” , uma Taiwan por uma CN , se bem que a CN vale o triplo 😂, bom …🤔esquece isto .

Antoniokings

Do jeito que a China está crescendo, dentro em breve Taiwan vai pedir para ser anexada.

Paulo Drusnam

Calaaaado!

Kemen

Quem esta falando? Não escutei ninguém falando!

kkkkkkkkkk

Esteves

ALC é AL e Caribe.

B82DD50C-303E-41D5-8B84-F6AFF7689A87.png
Antoniokings

É a dura realidade.
Podemos observar que países menores que investiram altamente em educação estão levando a melhor nesse gráfico

Esteves

Teve um estudo ou um grupo de estudo aqui na cidade para debater os efeitos da educação no desenvolvimento socioeconômico da região. 39 municípios.

Demora. Mas é irreversível.

Esteves

Aí vc pergunta qual foi o impacto na região após o grupo debater e concluir sobre os efeitos dos investimentos em educação.

Nenhum. Ficou só no grupo de estudo mesmo.

Vamos estudando. Além das seringas também faltam agulhas.

Kemen

E vacinas meu caro, já tem 47 paises vacinando e nós ainda nessa sendo o segundo pais mais afetado, não da pra entender!

Teropode

Vc julga o caráter dos outros pelo seu , não não , orientais não se acovardam , nem tão pouco são vira-latas .

Antoniokings

Nem, tampouco, batem continência para a bandeira americana, né?

Michel

Boa!

Kemen

Não descarto que se o regime chines fosse mais liberal internamente e mais democratico, esquecendo também sua designação atual (RPC), que os dois paises habitados por chineses fizessem um acôrdo do tipo “Nações autônomas de Taiwan e da China Continental da Confederação Chinesa”, eliminando passaportes, intercambiando produtos como um só pais, fazendo exercicios conjuntos das Forças Armadas, etc. Mas acho que é bem dificil na atualidade e no futuro próximo.

Mazzeo

Até pouco tempo atrás eu falaria um enfático Não, a China não teria capacidade anfíbia pra isso. Logo logo, além da capacidade anfíbia terá muito mais capacidade aeromóvel.
Se os EUA estivessem fora do quadro eu diria que eles já poderiam ir.

Antonio Renato Cançado

Financiado pela estupidez do Ocidente, e para ser usado justamente contra ele.

Ramon

E desde quando investidor e multinacionais ligam para ocidente e oriente, patriotismo, eles ligam é pra onde da dinheiro, se uma Ford começar vender mais na China que nos EUA por exemplo é capaz de mudarem até a sede para Pequim, a China que vemos hoje foi financiada por todos nós, a águia colocou o ovo do dragão no ninho e agora tá reclamando do dragão que quer comer ela e pelo visto vai ser engolida daqui alguns anos.

Defensor da liberdade

Que bom que o Ocidente teve essa idéia estúpida, já imaginou tudo sendo construído nas fábricas velhas dos EUA? Qualquer país abaixo da linha do Equador estaria andando de carroça e usando candeeiro no escuro.

Kemen

O problema da tecnologia norte americana encaminhar a produção de materiais não estrategicos de projeto norte americano para o oriente e par o México começou muitos anos atras, por causa da mão de obra barata, saia mais barato fabricar no oriente ou no Mexico que fabricar nos E.U.A.N. E lá na America do Norte não tem fabrica velha não, o que ainda é produzido na America do Norte (aumentou muito nos ultimos anos pelas politicas locais) tem alta produtividade e tecnologia industrial. Muitas industrias europeias, tem fabricas ali, isso impulsiona o rendimento industrial e a produtividade, que originam competitividade no… Read more »

Caio Henrique

O ritmo da expansão chinesa militar é elevadíssimo e rápido, a China vem comprando do Brasil e da Austrália milhões de toneladas de aço, com essa quantia é o poder bruto para construir seu poderio militar naval em larga escala, enquanto o Brasil é uma preguiça de construir seu poderio e vende sua preciosa matérias prima, nunca conseguirá construir no mesmo ritmo que a China.

Esteves

Imediatamente após a CF de 1988. Quando o Brasil dos brasileiros passou a controlar 85% dos orçamentos públicos.

Não há seringas.

sj1

Vc sabe porque.

Mariner

Creio que muito se deve ao fato da China ignorar patentes (compra um e copia) , mão de obra barata , pouca corrupção e por aí vai. Ex.O vale do sinos aqui no Sul tinha centenas de fábricas de calçados exportando para o mundo ,com entrada de calçados Chinês quebrou 80% delas , isto é só um ex. Acho que eles não tem a burocracia para produzir que o BR tem.

João Adaime

Prezado Galante
Podemos incluir a Coréia do Sul nesta história.
Eles adotaram como política de estado preparar a população através da educação. Os melhores foram complementar seus estudos no exterior. Daí partiram para a pesquisa, resultando no desenvolvimento tecnológico. Hoje o motor do mundo é a tecnologia.
Sempre há tempo da gente começar. O problema é que os resultados demoram uns 20 anos para aparecer. E o meu mandato vai só até 2022.
Abraço

Mariner

Um ex.disso é a Samsung que cada brasileiro deve ter ao menos um aparelho desta marca.

Pedro Bó

Não dá para comparar a disciplina e paciência orientais (influenciados por doutrinas filosófico-morais como o Budismo, Confucionismo e Taoísmo) com a displicência e indolência latino-americanas. O que a China e Coreia do Sul fazem hoje, o Japão fez no início do Séc. XX.

Kemen

Na minha opinião não tem nada a ver com religião e sim com organização, desejo de progredir e empreendedorismo com o apoio do Estado, apoio correto, facilitando impostos, facilitando abertura de empresas, acessorando as médias e pequenas empresas, facilitando o crédito, com um BNDS integro livre de negociatas ou emprestimos duvidosos, monitorando seus investimentos. Quando vi e vejo govêrnos querendo se “apropriar” dos bilhões dos fundos de pensão, forçando investimentos ao menos duvidosos, que podem resultar em falências desses fundos, me preocupo com o futuro de uma coisa que aparentemente deu certo.

Pedro Bó

Kemen, se você ler as entrelinhas do meu comentário verá que em nenhum momento eu falei de Religião (Taoísmo e Confucionismo mal entram nessa categoria). Eu me refiro que essas doutrinas são fundamentais para que as culturas do Extremo Oriente adotassem conceitos como paciência, estratégia, perenidade, honra, dever e outros que explicam e muito seus lugares na geopolítica mundial. Os latinos carecem muito desses valores.

Rui Chapéu

A resposta existe desde 1776.

A Riqueza das Nações (The Wealth of Nations)Livro por Adam Smith

SmokingSnake 🐍

Por que eles produzem o que os maiores mercados consumidores do mundo (EUA e Europa) compram. No Brasil o foco é vender matéria prima, que não tem muito valor agregado, e os EUA e Europa também são fortes em agropecuária e não precisam comprar muito dessas coisas.

E a China também produz por um custo baixo. Produzir a custo baixo é importante e o Brasil está longe disso já que é tudo muito cheio de impostos, infraestrutura precária, sindicatos paralisando tudo e violência e roubos que afastam investimentos e fazem o custo subir através dos seguros.

Junior

É tudo isso ai que você falou e mais uma coisa essencial que você esqueceu de citar, os chineses investiram pesado em educação básica e principalmente superior, selecionou os melhores alunos em várias áreas e pagou os seus estudos nas melhores universidades dos EUA, Inglaterra França, Austrália e etc…. Investiu pesado em ciência e tecnologia, tem a parte que você bem falou de cópias, quebra de patentes e afins, mas até mesmo para copiar algo é necessário que haja pessoal qualificado para implementar tal prática

Pedro Bó

O Brasil tem muita gente qualificada e possui projetos científicos relevantes. Unicamp, USP, UFJF, UFRJ, IMPA e ITA são exemplos de excelência acadêmica e de pesquisa. O que acontece aqui é que não existe política de Estado para Ciência e Tecnologia e P&D. Temos dois exemplos recentes disso, o estaleiro de Itaguaí, que está em vias de ficar ocioso e o MagLev da UFRJ que parará de funcionar. E a iniciativa privada também pouco se interessa.

Mariner

O estaleiro de Rio Grande está criando mato . O Brasil adotou a política de afretar navios e não construir.

Jefferson

Brasil não tem gente qualificada, essas instituições que você citou não produzem nada, retorno quase nulo e custam uma fortuna…corrupção enorme, igual na ala militar. A efetividade é mínima!

Pedro Bó

Pelo nível da sua retórica vernacular eu percebo o porquê da crítica anedótica.

Defensor da liberdade

Conversa fiada, se commodities não gerassem riqueza também a Austrália seria igual ao Brasil.

Mr Anderson

A Australia possui quase 10 vezes menos habitantes que o Brasil, “jênio”.

Last edited 1 mês atrás by Mr Anderson
Rodrigo

Porque na China não tem brasileiro

Mr Anderson

Por que eles tiveram planejamento de estado, assim como a Coreia do Sul, países que investiram muito em desenvolvimento tecnológico, que utilizaram de seus estados para fomentar indústria de ponta, e não para isentar bancos e criar slogans de “Agro é tudo”, o Brasil fez de tudo para se tornar uma neo colonia, e hoje, finalmente o sonho foi alcançado.

Esteves

Matéria prima preciosa…parece que não.

O segredo do sucesso parece outro.

Mariner

Tem aquele ditado (criando cobra para te picar)Aí está grande parte do minério de ferro que sai do BR , e recebemos porcarias falsificadas eletrônicas ,calçados, vestuário , ETC . Tirando empregos de brasileiros. Este é um negócio da China. Literalmente.

Esteves

Eles transformam minério de ferro em tranqueiras que nós compramos.

Logo…

Kemen

Nem tudo são tranqueiras, quem compra tem de examinar e testar, Além de ter garantias de qualidade e nota fiscal. Quem compra no sacoleiro da esquina esta sujeito a comprar produto chines ruim ou paraguaio falsificado, vindos via Paraguai. Comprei uma furadeira chinesa num Supermercado com controle de velocidade, a anos, durou até hoje, tive uma Bosch verde, + – na mesma época que durou pouco.

Defensor da liberdade

Usamos rolamentos e retentores chineses aqui na fazenda, e funcionam muito bem, e são bem duráveis.

Chinês fabrica coisa para ricos e pobres, o Brasil só tem pobres, só vai comprar tranqueira mesmo. Os caras querem coisa de qualidade por 10 reais, não vão achar…

Teropode

Isto vale para todo ocidente , a Europa cresceu o olho na mão de obra semi-escrava , na ausência de leis ambientais e sindicais , cresceram o olho na possibilidade de lucro fácil , dançaram, a China meteu uma invertida no ocidente “democrático” , que aliás foi deixado de cuatro , quem ainda põe o pé na porta são os membros da anglos five.

Last edited 2 meses atrás by Teropode
Esteves

Olha os carros do CAOACHERY.

Pra quem só tinha concessionárias e não sabia fabricar carros…está aprendendo com os chineses.

Defensor da liberdade

E bonitos, fiquei admirado com o Arrizo 6, fiz um test drive com ele, bem tecnológico, acabamento de qualidade, design sóbrio e não-enjoativo. Só achei o motor meio fraco, demora a desenvolver, 1.5 T deveriam entregar mais torque e CVs.

Mas achei o sedã médio da CAOA Chery um bom oponente para a dupla Corolla/Civic, desconsiderando o preconceito do brasileiro com carros chineses.

Last edited 1 mês atrás by Defensor da liberdade
Thiago

Sem querer polemizar mas ja o fazendo, lembrem que quem abriu para a China , na intenção de afastar uma eventual cooperação entre a mesma e a URSS, foi Kissinger, so lembrar o famoso aperto de mão entre Nixon e Mao.

Last edited 2 meses atrás by Thiago
Antoniokings

Só para constar, mês passado, a China chegou novamente à marca de 1 bilhão de toneladas de aço produzidas em um ano.
O Brasil, produz cerca de 80 milhões.
Devemos dar graças a Deus, todos os dias, pela China comprar nosso minério.
Pelo menos ainda temos a quem vendê-lo.

Mariner

A China é o maior comprador mas não o único. Falta industrializar este minério e vender aço .

Esteves

O Brasil não está entre os 10 maiores exportadores.

Há motivos.

Quem compra impõe cotas e taxas. O modelo de industrialização que temos (as indústrias estrangeiras aqui exportam quase 50% menos que em seus países de origem) esta voltado ao mercado interno. A famosa burocracia alfandegária/portuária/tributária.

Quando a China diminuir as compras com commodities (não somente aço e minério de ferro) teremos dificuldades.

Alguém lembra de Carajás?

Gabriel BR

A China vai comprar comida da gente ad eternum , pode ficar tranquilo!

Mariner

A China compra do Brasil minério de ferro , soja milho , petróleo , ETC.Mas também está investindo em compra de terras na América do Sul e África para não depender de importação . No caso de um conflito não adianta ter bons equipamentos , tem que ter alimentos e combustíveis.

Antoniokings

E o que acabei de ler é que China e Rússia fizeram novo plano conjunto de desenvolvimento.
Parece que os chineses vão investir na agricultura russa, principalmente em soja.
As palavras ditas foram (mais ou menos): Nós (os chineses) temos a capacidade financeira de construir diversos projetos e instalações agropecuárias em suas terras (dos russos). Vcs (os russos) têm as terras.”

Mariner

Também li sobre isto .Parece que estão fazendo um acordo .

Mr Anderson

Vender minério de ferro sem valor agregado, é algo de uma burrice gigantesca, no processo da fabricação do aço, esse mesmo minério começa a valer quase 20 vezes mais.

Rogerio

Pare fala besteira cara, aqui não tem incentivo fiscal e esse maldido lei trabalhista, quem quer montar um indústria aqui?? Na minha empresa uma funciona fiz acordo e receber td, ela for cuida o próprio empresa ,ante de sair engravidou e não falou nada de voltar, depois ganhou o filho e me processou, pior coisa a maldida juíza perguntou ela tenha pedir retorno do emprego e ela dizer não, memso assim eu pedir 30 mil de indenização, esse governo nem mereço meus impostos..

Gabriel BR

Show demais !!!!

Mariner

O PIB da Rússia não é menor que do BR ? Como é uma potência militar? Algo está errado por aqui.🤣

Gabriel BR

Divida pública ! A divida da Rússia é muito pequena e o orçamento não é engessado igual o da CF 88

Mariner

Inchaço da máquina pública, inoperante e
ineficiente.

Gabriel BR

Também! Nós gastamos mais com salários de servidores em relação ao PIB que a França por exemplo.

Adriano Madureira

A dívida da Rússia pode-se dizer que é bem agradável, e levando em conta que os meios militares russos não dependem de tecnologia exterior, assim como o minério empregado nas aeronaves, navios e blindados, fazendo com que o preço unitário não seja tão grande.

Fora que os russos além de negociarem seu material bélico em dólar, também negocia usando o Rublo, tanto é que os egípcios estão comprando centenas de T-90 usando a moeda russa.

Antoniokings

O PIB da Rússia (em PPC) é do tamanho do da Alemanha.

Gabriel BR

Só que a desigualdade é gigante , na Russia ou você é muito rico ou é pobre .

Mariner

E a riqueza do Brasil se concentra em 10% , 20% classe média, 70%pobres e miseráveis. 🤭

Gabriel BR

O Brasil é um país pobre enquanto que a Rússia não .

Antoniokings

A questão é apenas de tamanho de PIB e capacidade de investimento militar.

Antoniokings

E já que o assunto é esse, segue interessante artigo de hoje (31/12) sobre o que pode ocorrer nos EUA.

https://www.marketwatch.com/story/americas-top-10-reckon-theyre-untouchable-safe-and-protected-are-they-11609360165?mod=home-page

Mariner

O Brasil tem estaleiros ,material , mas pouca mão de obra qualificada. Tem que investir em qualificação ,isto serve para nossos patrões privado . País que não investe em pesquisa e educação de qualidade não chega a lugar nem um.

Pampapoker

Oi mariner ,sou de São Leo, não de obra tem, o problema que os empresários não dão oportunidade para o pessoal que se forma ter experiência, querem todos os cantidados a vaga de emprego já com experiência. Existem muitos engenheiros em outro ramos .

Mariner

Olá, São Leopoldo é matriz da Taurus , Rossi , Cabos de seda sintética para navios entre outros , taurus em S Léo recebeu tanta crítica, que quase falio , o estranho que a filial nos EUA vende bem e ninguém reclama , creio que os que falam não sabem usar as armas.🤣🤣🤣🤣🤣

Mariner

Aí em São Leopoldo tem o Senai que forma técnicos em várias áreas.

Mariner

Tem a Unisinos para nível universitário em várias áreas.

Teropode

Há que estão gastando muito com os hospitais de campanha , poderiam aproveitar a porteira aberta e passar a boiada ,comprando um destes PAs e 32 SH .

Leandro Costa

Foi brincadeira, né?

Antoniokings

Deixa a logística disso com o Pazuello.
O cara é fera!
kkkkkkk

Esteves

Putz…quando deixam comprar vacina esquece da seringa. Faz pregão de seringa ninguém aparece.

Dizem que ele foi perguntar aonde vende agulha, algodão, embalagem…

Fera.

Defensor da liberdade

Nem eu que vi logística umas 60 horas na faculdade lá nos anos 90, cometeria uma gafe dessas.

Nilo Rodarte

A China está construindo suas forças armadas de uma só vez. É de se imaginar que a manutenção de tudo isso vai chegar mais ou menos junto. E aí não vai adiantar ter dinheiro, porque tem que parar para fazer manutenção. Como eles vão fazer? Vão ter duas forças armadas?

Esteves

Esse é um dos motivos da quantidade. Em tempos de paz quem tem 3 tem 1. Um na ópera, um no exercício, outro na manutenção.

No espetáculo vai com tudo.

Last edited 2 meses atrás by Esteves
Matheus S

Vai depender do gerenciamento da porcentagem do orçamento em compras, operações e manutenções. Dados de 2017 sugerem que o orçamento de defesa chinês estava agrupado da seguinte maneira: Pessoal: 30,8% do orçamento Treinamento, Operação e Manutenção: 28,1% do orçamento Compras e pesquisas e desenvolvimento: 41,1% do orçamento Quando houve o grande incremento de recursos na era Reagan nos anos 80, a porcentagem do orçamento americano ficava agrupado de modo semelhante aos dados de 2017, pois o aumento proporcionado permitia as forças armadas americanas comprarem em grande quantidade e manter a operacionalidade dos equipamentos antigos e também dos recém-construídos. Com o… Read more »

Gabriel BR

A China tem mercado interno para crescer acima de 7% nas duas próximas décadas…dinheiro para a China não é problema! O problema da China é ter fornecedores confiáveis de matérias primas como o Brasil.

Mariner

Os EUA evoluíram muito no fim da segunda guerra quando mataram nazistas bucha de canhão .Os cientistas alemães foram poupados e extraditados para desenvolver em seu território.

Mariner

Isto militarmente a Alemanha estava 20 anos a frente de outros países nesta área. Até hoje a elite americana compra carro Mercedes-Benz, refugando carros de sua fabricação. Foi a briga do Tramp com Angela Merkel . A aliança de vários países derrotaram os nazistas .

Leandro Costa

Militarmente a Alemanha estava 20 anos na frente de outros países? Hmmmm… só que não hehehehehe

Mariner

A França era superior militarmente , principalmente em tanques, mas os panzer eram superiores , muito mais ágeis. Deu no que deu os nazistas tomaram a França.

Leandro Costa

Também não. Era mais uma questão de ‘como usar’ do que capacidade técnica específica de X ou Y. Uma grande diferença entre França e Alemanha no quesito blindados era o fato de os alemães terem rádios nos seus blindados. Comunicações, etc. Terem melhor treinamento, terem doutrina operacional atualizada e por aí vai.

Mas eles eram péssimos em coleta de inteligência, péssimos em relação à logística, por exemplo. A invasão da Rússia poderia ser bem sucedida? Sim, até acho que poderia, mas não com péssima inteligência, péssima logística, péssima estratégia, problemas na cadeia hierárquica, subestimação do inimigo, etc.

Mariner

Tem mais uma coisa que tornava o soldado nazista superior , uma droga dada aos soldados que os fazia marchar dia e noite, existe até hoje, só não vou citar o nome para não fazer apologia.Na União Soviética a época o que prejudicou o nazista foi casas ,plantações queimadas , falta de combustíveis. Outro fato é que os Soviéticos formaram um grande grupo de homens e mulheres snaiper.

Leandro Costa

Os soldados alemães tomavam benzedrina, mas isso cobrou um preço caro depois. Existem consequências de se tomar drogas desse tipo.

O galho na Rússia não foi apenas a política de terra devastada, o que já deveria ser esperado pelos alemães, mas sim as falhas logísticas monstruosas que os alemães cometeram, falta de objetivos claros, bem definidos e realistas, falta de informações sobre as formações, números e reais capacidades soviéticas e certamente não foram os snipers (‘snaiper’ non-ecziste). Os erros foram estratégicos mais do que táticos. Taticamente os alemães eram bons. Estrategicamente eram ruins.

Esteves

Pervitin. Metanfetamina. Metadona.

A Hoechst teve a patente.

Mariner

Não te apega a erro ortográfico meu amigo , Snipers ou snaiper . Atirador de Skol está bom.

Leandro Costa

Skol é aguada demais. Dor de cabeça na certa e gosto horrível. Desse aí eu me esquivo fácil! 😛

Esteves

Cervejas da Ambev não são boas.

Teve uma propaganda da Itaipava afirmando que faziam (a Ambev) cerveja com água de rio.

João Fernando

E fazem mesmo. Tem uma cervejaria em Jacareí que fica logo abaixo de uma usina hidroelétrica que usa o reservatório aqui da minha cidade.

Mariner

Isto prova que os panzer e seus tripulantes eram melhores.

Leandro Costa

Prova que no momento da invasão da França, os panzer, em geral, eram mais eficientes do que os carros de combate franceses e britânicos. Questão de doutrina tendo equipamento para fazer o serviço. É bom lembrar que boa parte desses panzers são carros Panzerkampfwagen 38(t). Esse (t) significa que vieram da Tchecoslováquia e eram considerado tão bons que sob ocupação alemã eles produziram mais de mil desses. Quando a guerra foi avançando e novos tipos surgiram, como se pode dizer que um carro de combate como os Tiger ou Panther eram melhores? Quanto de manutenção eles requeriam? Qual o papel… Read more »

Esteves

Esse é mais um que ficou sem combustível.

Na invasão da Normandia, estão sempre contando nos canais de documentários, a vantagem sobre os tanques americanos foi de 15 X 1.

Foram vencidos pela logística.

https://youtu.be/_9QPxPD737w

Leandro Costa

Exatamente. Logística, racionalidade de produção, etc. Como diz o ‘Chieftain,’ a maior qualidade do Sherman eram as argolas de embarque/desembarque junto com a abundância de peças de reposição.

Defensor da liberdade

Tem o caso do Wittmann que fez esse score em 10 minutos em Villers Bocage, o homi só parou de destruir tanques aliados por causa de um ataque aéreo.

Dalton

Sem falar que os americanos adiaram uma série de projetos , para dar atenção ao que já tinham e assim fabricar em grandes quantidades para atender as forças americanas e também aliadas.
.
O tanque M-26 apenas no fim de 1944 passou a ser embarcado para a Europa e o bombardeiro B-36 que empalidecia o B-29 sofreu atrasos para se dar prioridade ao B-24 entre outros exemplos.

João Adaime

Caro Leandro
Vou relatar aqui uma curiosidade sobre a II GM. Quando Guderian estava treinando as tropas alemãs no conceito da blitzkrieg, antes da guerra, para não chamar a atenção ele utilizava veículos pequenos no lugar dos blindados. Eles executavam todos os movimentos que se esperava dos carros de combate, sem porém revelar o real objetivo.
E a dissimulação deu certo. Pegou todo o mundo de surpresa.
Abraço

Defensor da liberdade

Trump estava era com inveja por que a Cadillac não chega nem nos pés da Mercedes.

Mariner

Esqueci de citar a Audi que pertence ao grupo Volkswagen.

Adriano Madureira

Alemães são tão bons e eficientes no que fazem, que os americanos foram desenvolver o seu sedan( se não me engano, o CTS) lá na Alemanha.

Defensor da liberdade

Ah meu amigo engenharia automotiva é com eles mesmo, os únicos equiparáveis são os japas.

Mariner

Nos últimos de fórmula 1 só da Mercedes.

Mariner

Anos. Este tecladinho com corretor de testo me irrita. 😡😡😡

Defensor da liberdade

O Brasil tem uns 50 mil militares inchando a máquina pública sem aplicação efetiva, dispensa esse pessoal e em uma década teremos grana para uns 6 KDX-III, uns 5 SSNs, 2 porta aviões e 80 F-35 na marinha.

Não precisa ter economia industrializada não, basta gastar correto. A Austrália não é uma economia industrializada e tem uma marinha 100 vezes melhor que a nossa.

Mariner

A MB tem várias agências de capitanias, com um monte de marinheiro espalhadas pelo país para controlar jet ski , lanchinhas , salvo engano tem uma no DF , cuidando aquaviarios no lago Paranoá.

Gabriel BR

Brasilia tem uma das maiores frotas náuticas do país , sei disso pq moro aqui…

Mariner

Deve pertencer a deputados , senadores, ministros ,ex.presidentes , e por ai vai.

Gabriel BR

Funcionários públicos.

Marcelo

A marinha do brasil poderia aproveitar a construcao em escala e rapidez chinesas e encomendar 1 porta helicoptero desse,tenho certeza que sairia mais barato que um porta helicoptero frances mistral !!!!

Hellen

Alguem saberia me dizer o preço desse porta helicoptero chines ????

Esteves

Passa de bilhão. De dólares.

Hellen

Nao nao ,,,,a França vendeu 2 mistral para o Egito por 1 bi de dolares !!!!!

Hugo Amaro

Eu só queria saber como a China conteve a epidemia. E não adianta falar que o povo lá obedece ou morre ou coisas assim, se a população lá e passiva o vírus não é… Com a pujança da indústria, haja visto que a indústria naval não para, e se trata de um ramo que emprega mão de obra maciçamente ( aglomeração), tudo indica que por lá está tudo normal… Caso eu fosse supremo líder militar, liberto das amarras morais do cristianismo, e tivesse em mãos uma arma tão sutil com potencial de aniquilar os meus adversários econômica e mentalmente, eu… Read more »

Esteves

Bem…

Como a China ia conseguir dólares, euros, minério, comida, aço, rock, futebol…

João Adaime

Prezado Hugo
Se a China aniquilar a humanidade, ela vai vender para quem?

Tulio

O objetivo não seria aniquilar, e sim desestabilizar;

zgtt

China 076

comment image

- Advertisement -

Guerra Antissubmarino

Dynamic Manta 2021: Forças da OTAN treinam para a guerra antissubmarino

De 22 de fevereiro a 5 de março de 2021, acontece, no Mar Jônico, o exercício antissubmarino (ASW) da...
- Advertisement -
- Advertisement -