Marinha do Brasil intensifica ações de resgate e suporte na Região Sul após temporais

86

As ações da Marinha do Brasil (MB) seguem na região Sul do País, fortemente afetada por temporais.

Diante do estado de calamidade pública, decretado pelas autoridades do Rio Grande do Sul, a MB enviou militares, embarcações, viaturas e aeronaves para a região.

Os esforços estão concentrados na distribuição de alimentos, água; transporte de material, combustível; além do resgate de pessoas e animais.

Uma aeronave do 2° Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral (EsqdHU-2), sediado em São Pedro d’Aldeia (RJ), transportou 1.200L de combustível para abastecer aeronaves que atuam nas ações de Busca e Resgate. A carga será utilizada por quatro aeronaves de pequeno porte, sendo três civis e uma do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, que estão operando na região de Bento Gonçalves.

Durante o deslocamento, os tripulantes da aeronave UH-15 avistaram uma família de quatro pessoas no telhado de uma casa inundada, que foi resgatada pelos Tripulantes Aéreos de Resgate.

Em seguida, o EsqdHU-2 realizou o transporte de policiais militares e corpo de bombeiros para as cidades de Encantado e Roca Sales (RS).

Ainda na sexta, a Marinha transportou uma menina, com tumor intraocular, de Guaíba para o Hospital das Clínicas em Porto Alegre (RS).

FONTE: Marinha do Brasil, no Facebook

LEIA TAMBÉM:

Força Aérea Brasileira inicia campanha de donativos para distribuição às vítimas das enchentes no RS

Força Aérea Brasileira resgata atingidos pelas enchentes no Rio Grande do Sul – RS

Operação Taquari II: Força Aérea Brasileira transporta 18 toneladas de materiais do Grupamento de Apoio Logístico de Campanha

Operação Taquari II: Mais de dois mil militares trabalham no resgate e no apoio da população do Rio Grande do Sul

Subscribe
Notify of
guest

86 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Augusto José de Souza

A marinha já deveria posicionar o Nam Atlântico e o DDM Bahia em Rio Grande para servirem de hospital de campanha para as vítimas,o Bahia já saiu da docagem o que significa que já voltou a disponibilidade da esquadra.

Augusto
Sair da doca não significa que todos os trabalhos de manutenção estejam feitos. Uma parte é realizada com o navio docado, outra parte com ee atracado ao cais.

Augusto José de Souza

No caso o trabalho de cais é para testar a navegabilidade e os equipamentos que foram revisados para depois voltar a operação?

Não Augusto.
Há reparos que só podem ser feitos com o navio em dique seco (troca de chapas do casco, bombas, válvulas, raspagem, pintura, eixos, helices etc).

E há inúmeros outros reparos que não dependem do navio estar em dique seco. A maioria dos reparos se dá com o navio atracado.

Por isso escrevi que a simples saída do dique não significa que todos os reparos planejados estejam feitos.

Recomendo a leitura de dezenas de matérias que temos aqui no site sobre manutenção de navios. Tem uma bem recente sobre o PMG da corveta Barroso, por exemplo.

Ozawa

Sem prejuízo das ponderações do Nunão qto ao Bahia pensei o mesmo. Especialmente quanto ao Atlântico. Não só como hospital de campanha mas como base móvel de operações aéreas. E levando milhares de litros de água potável envasada em seu amplo espaço, vez que esse item está em falta em Porto Alegre. Se existe um cenário próprio para esse barco é este. Friso que essa é apenas uma sugestão baseada em senso comum, ciente que em um gabinete de crise de defesa civil, que reúne diversos órgão inclusive militares, todas as opções são avaliadas com mais propriedade e ciência de… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini

Também acho que o envio do NAM Atlântico é necessário, da mesma forma como o navio foi enviado ao litoral norte de São Paulo (São Sebastião) quando das enchentes e deslizamentos ocorridos há pouco mais de um ano.

Bardini

Cabe lembrar que na catástrofe ocorrida em SP, a MB demorou vários dias para chegar ao local com o navio, dado o medíocre ciclo temporal de decissão e preparo para execução daquela ação naval.
.
Uma ação com o NAM Atlântico no RS, deveria ter sido decidida pelo menos três dias atrás… E até agora, nada.
.
Talvez a MB não queira perder a oportunidade de tirar uma foto do NAM Atlântico ao lado do USS George Washington…

Last edited 2 meses atrás by Bardini
Augusto José de Souza

No caso eles podem pedir para o pessoal do USS George Washington ajudar com mantimentos para socorro da região e até helicópteros que vierem nesse porta aviões. Seria um feito e tanto uma ajuda desse porte para o Rio Grande do Sul.

Joao

Ha uma consideração que muitos esquecem. As estruturas de saúde, segurança, saneamento, luz, ensino, etc etc na região estão arrasadas. Essa operação vai durar muito e muito tempo. Empresários, voluntariado, e até capacidades de outros estados, vão parar de ajudar. Mas ainda vai ter “muita água pra passar debaixo da ponte”. Se todos os recursos forem empregados agora, fora o que pode ocorrer em outros locais, o que será empregado lá no RS depois? Resumindo, imagino que a Matriz de Eventos, Gerenciamento de Risco e planejamento de respostas ainda deve estar em franco desenvolvimento e mudanças. Um exemplo: até 1… Read more »

Augusto José de Souza

Sim tem isso também,ambas as embarcações podem transportar uma infinidade de equipamentos e fuzileiros navais para socorro fora os helicópteros como Lynx,Seahalk,Supercougar e esquilo que podem ser transportadas em quantidades boas no Bahia quando o Atlântico estiver lotado de aeronaves e os clanfs seriam úteis também para acessar as áreas de enchentes e o Bahia pode fazer desembarque anfíbio no litoral gaúcho e os clanfs passam pelas áreas de enchentes para resgatarem as pessoas. A Coreia do Sul teve alagamentos enormes em 2022 e usaram veículos anfíbios para resgate.

Camargoer.

Creio que seja mais adequado instalar um hospital de campanha em um ginásio de esportes ou mesmo em uma escola, por exemplo, mais próximo ao local que demandar atendimento.

Pelo que tenho lido, o mais urgente é oferecer abrigo, higiene e alimentação para quem está desabrigado.

Nestes momentos, estes edifícios públicos (escolas, ginásio, centros de convenção) são mais adequados.

Só precisa tomar cuidado para não repetir os erros do Katrina, quando as pessoas foram alojadas em um enorme estádio coberto sem condições apropriadas de higiene.

Fernando "Nunão" De Martini

Pelo que tenho visto, serão necessários não só os hospitais de campanha, mas também o do próprio do NAM Atlântico. Coloquei hospitais no plural pois as notícias são de instalação em 4 locais: Estrela / Lajeado (já instalado), Canoas, São Leopoldo (entre amanhã e terça) e provavelmente também em Eldorado do Sul. A única ressalva de não envio do Atlântico ao Sul é haver hospitais de campanha em quantidade suficiente que não justifiquem remoções para o litoral (assim como helicópteros com bases suficientemente espalhadas em terra) dado que o problema mais grave próximo ao litoral riograndense me parece ser, principalmente,… Read more »

Camargoer.

Olá Nunão. Parece que a extensão do desastre no RS é enorme. O A140 pode ser importante no caso do desastre continuar crescendo.

A previsão para amanhã é mais chuva.

Vocẽ tem razão no caso de São Sebastião. O espaço da cidade é reduzido, restrito pelo mar de um lado e pela Serra do Mar do outro. O A140 foi uma excelente decisão.

Joao

O A 140 vai ser extremamente útil, vcs já viram como funciona a vazão das água do delta do jacui, do Guaíba? Que a vazão segue a lagoa dos patos até rio grande? A possibilidade de que ocorra em pelotas e no extremo sul, o que ocorreu em Porto Alegre. Vai acontecer, em maior ou menor proporção, melhor pecar pelo excesso que falta de zelo, são vidas!!!!!

Joao

Munao, tanto o Bahia quanto o Atlântico serão necessários, principalmente para as regiões Sul do Rio Grande do Sul, região de Pelota e Rio Grande, aonde a água do delta do jácui, cai, Tramandaí e demais, deságuam no Guaíba e este deságua no oceano, pela lagoa dos patos!! Quantas cidades pequenas e sem estrutura ficam a beira desse lago?!? Já sobrecarregando pelotas e rio grande!!! E com a possibilidade de entrar água nessas duas cidades polos, ficaremos no aguardo do acontece ou não acontece?!? Sempre pecamos pelo não feito, seria bom pecar pelo fazer e não precisar!!

Fernando "Nunão" De Martini

O NDM Bahia está em período de manutenção.

Fernando Vieira

Parece que o Atlântico vai pra lá afinal.

Pablo

Creio que seria necessário estar mais perto. Entre Porto Alegre e Rio Grande ha uma distância considerável. A nao ser que fosse possível esses meios navegarem pela laguna dos patos até mais próximo da capital.

Augusto José de Souza

Pelos clanfs é perfeitamente possível fora que esses veículos possuem suporte e até versões de socorro que pode servir como ambulâncias até chegarem no navio.

Bruno

o NAM Atlântico suspende dia 08 pro RS.

Rodrigo G C Frizoni

Onde esta os 5 helicopteros da marinha e os 1000 fuzileiros navais sediados em Rio Grande ?

Joao

2 em Mnt, um em prontidão SAR/ ECD substituir os outros 2 que estão operando.

Aviação é assim. Se 100% está operando agora, amanhã 100% está parado.
Tem q ter um “rodízio”, pela diagonal de Manutenção.

Augusto José de Souza

O que se faz necessário a MB também comprar novos black Hawks junto ao EB e FAB,os SH-16 Seahwks seriam muito úteis nessa região.

Augusto José de Souza

Isso se faz necessário q MB comprar novos black Hawk e Seahalk junto ao EB e FAB para ter mais helicópteros na frota em caso dessas catástrofes poder atuar mais e com aeronaves mais modernas.

Santamariense

Tu tem certeza que o HU-51 possui uma frota de 5 UH-12??

Augusto José de Souza

A FAB tem um esquadrão de helicópteros black Hawk,cougar e esquilo na base aérea de Santa Maria,porque estão empregando só dois black Hawks na operação? Isso que está errado.

Augusto,

Não tem “Cougar” nem Esquilo da FAB em esquadrão baseado em Santa Maria.

Em Santa Maria está baseado o Esquadrão Pantera (5º/8º GAV), equipado com helicópteros H-60L Black Hawk.

Você deve estar se confundindo com helicópteros de outras forças em outras bases e em outros estados. Além disso, a FAB não voa Cougar, só o EB ainda voa essa geração anterior da família, assim como também voa a geração atual, H225M, chamada de Jaguar (EB), Caracal (FAB) e Super Cougar (MB).

Augusto José de Souza

Entendi mas basicamente são da mesma família e esse esquadrão não possui apenas dois black Hawk que é a quantidade empregada atualmente pela FAB na região e pelo menos outros helicópteros de outras bases deveriam ter sido enviadas para o sul.

Joao

Devido aos longos cortes na defesa, tem somente duas aeronaves voando!!! Quase ficou por um curto período com um único uh-60, que foi atingido por um raio!!! Quantas destas 30 alegadas aeronaves demoraram, pois não havia combustível?!?

Santamariense

Basicamente da mesma família??? O que um Black Hawk tem a ver com um Cougar ou um Fennec/Esquilo?? Além disso, Cougar são operados, no Brasil, apenas pelo EB. O que tu escreveu não tem o menor sentido.

Joao

Falta aeronaves, falta gestão no gerenciamento da frota. Gracas em grande parte a política de defesa nacional. A incêndios em algum rincão do Brasil, se empenha helicópteros, deslizamento?? Utiliza-se helicópteros!!! Enchentes assolando algum rincão?!? Helicópteros!!! Crise de vacina e apoio aos povos originários!!! O governo falha no básico!!! Que é a o elo de ligação, a aviação de transporte e assas rotativas!!!!

Santamariense

Cara, te informa primeiro antes de escrever…por favor!

PY3To - Rudi

Até barcos e lanchas de pequeno porte para resgatar a população….tipo lancha de desembarque, só vejo civil tripulando barcos para resgate!

PY3To - Rudi

Para quem não sabe a saques na região…as pessoas tem medo de abondonar as casas e serem roubadas!

Santamariense

5 helicópteros sediados no HU-51?? Olha, que eu saiba, o esquadrão tem uma frota de 3 (três) UH-12. Um ou dois estão operando nas missões de resgate e auxílio aos atingidos.

f.alves

.A coisa está muito tímida com a tragédia do RS, Nam Atlântico e mais alguns transportes já deveriam, de estar em ação na área.

737-800RJ

O NAM Atlântico aparece como atracado neste momento.
Me parece que na pior tragédia do RS nossas Forças Armadas não estão fazendo o esforço hercúleo que esperamos num momento tão crítico, com tantas pessoas sofrendo.
Na verdade, é bom frisar que voluntários civis com botes, jipes e jet-skis é que estão tendo protagonismo no meio do caos!

Joao

Está fazendo um esforço hercúleo sem a menor sombra de dúvidas.

Remer

Por algum motivo o NAM Atlântico está seguindo na direção contrária ao Rio Grande do Sul.

https://www.marinetraffic.com/pt/ais/details/ships/shipid:5601727/mmsi:710111115/imo:9079456/vessel:PHM_ATLANTICO

Espero muito que a hipótese levantada ontem por alguém aqui, de que a prioridade da marinha seria tirar umas boas fotos com o George Washington não se confirme.

Santamariense

O NAM Atlântico, outros navios da MB, viaturas, aeronaves e também tropas do CFN, estão vindo para o RS: “ O NAM “Atlãntico“ transportará duas estações móveis para tratamento de água, capazes de produzir um total de 20 mil litros de água potável por hora, a fim de suprir parte da demanda das cidades que sofrem com a escassez desde o rompimento das barragens. Além do “Atlântico”, a Marinha mobiliza também o Navio de Apoio Oceânico “Mearim“ e o Navio-Patrulha Oceânico “Amazonas”, equipado com três embarcações miúdas, que seguirão para o Rio Grande do Sul nesta terça-feira; e a Fragata… Read more »

Remer

Melhor noticia possível, obrigado por nos atualizar das ações tomadas.

Santamariense

Valeu. Quando escrevi, ainda no tinha visto a matéria específica.

Overandout

Navio da Marinha sair do eixo Santos – Baia de Guanabara?? Jamais

Alex Barreto Cypriano

Enxugar gelo, embora necessário e obrigatório: o relevo e a expansão urbana do RS estão casados pra produzir tais cenários catastróficos, ainda mais se acreditarmos nos eventos climáticos extremos derivados das mudanças climáticas (há dúvidas se existem e se estas são realmente de origem antrópica).
http://www.mapas-brasil.com/imagens/mapa-hipsometrico-rs.jpg
Enchente de 1941 em Porto Alegre:
comment image
Expansão da mancha urbana de Porto Alegre:
comment image

Last edited 2 meses atrás by Alex Barreto Cypriano
Luz Et Veritas

A esmagadora maioria dos estudos científicos confirma: o aquecimento global é real e causado pelo homem. Embora alguns artigos científicos apresentem conclusões divergentes, a esmagadora maioria, cerca de 97%, corrobora a realidade do aquecimento global e sua origem humana. Essa robusta convergência de pesquisas, realizada por cientistas renomados de diversas instituições e países, torna indefensável a negação das mudanças climáticas. Ignorar essa realidade significa ignorar a ciência e seus alertas urgentes. As consequências do aquecimento global já são sentidas em todo o planeta, com eventos climáticos extremos se tornando mais frequentes e intensos, elevando o nível do mar, ameaçando a… Read more »

Allan Lemos

A esmagadora maioria dos estudos científicos confirma: o aquecimento global é real e causado pelo homem.

É fácil construir um consenso quando vozes contrárias são caladas.

Mudanças e eventos climáticos sempre existiram, a prova disso é que houve uma enchente nessa mesma cidade em 1941.

Já disseram a nova data para o fim do mundo? Desde os anos 90 os alarmistas atualizam rsrsrs.

Camargoer.

Allan… qualquer um pode contestar as mudanças climáticas decorrentes do aquecimento global causado pelo aumento de gases de efeito estuda decorrentes da queima de combustíveis fósseis desde a revolução industrial apresentando dados que possam ser verificados e reproduzidos. Então, existem alguns pontos simples que precisam se contestados: 1) o gás carbônico contribui para o efeito estufa. esta é a premissa básica da tese do aquecimento global. caso alguém demonstre que esta premissa está equivocada, a tese cai. 2) há um acumulo de gás carbônio na atmosfera. esta é outra premissa fundamental. caso alguém mostre que os níveis de CO2 na… Read more »

Allan Lemos

Houve 5 eras glaciais na história do planeta, que passa por períodos de aquecimento e resfriamento, há alguns milhares de anos estamos no primeiro. Então seu “castelo de cartas” é muito fácil de derrubar. Mudanças climáticas sempre ocorreram e sempre irão ocorrer, o planeta é como um organismo vivo que se adapta, evolui e muda. Houve épocas onde só havia fogo, outras onde só havia gelo. Vulcões sempre jogaram gases na atmosfera, inclusive foi isso que causou a maior extinção que a Terra já viu. Até hoje me lembro da minha professora do primário falando do tal buraco na camada… Read more »

Camargoer.

Então…. o clima é um sistema caótico. Isso significa que pequenas alterações nas condições iniciais resultam em diferentes consequências. Ao longo de sua história de milhões de anos, o planeta vem passando por sucessivas mudanças, seja por causa da inclinação do planeta em relação ao Sol ou pela movimentação dos continentes. Estas variáveis continuam atuando… de modo lento. A hipótese das mudanças climáticas antropogênicas esta baseada em quarto ideias simples. 1) gás carbônico contribui com o efeito estufa. 2) há um aumento da concentração de gás carbônico na atmosfera em consequência da revolução industrial. 3) o aumento da concentração de… Read more »

Santamariense

Por incrível que pareça, te dei um like nesse comentário. Tem momentos, em que a ignorância de terceiros faz eu concordar contigo.

Santamariense

Não entendi…a maior extinção que já ocorreu no planeta foi causada por vulcões???

Fernando Vieira

Não precisa de um estudo científico muito abrangente e nem “calar” vozes contrárias. Lembrando, teorias de conspiração não contam. A conta é simples: O maior causador do aquecimento global na Terra é o CO2. Se não tivesse nada de CO2 seríamos quase como Marte. Um pouco precisa. Essa concentração na atmosfera variou ao longo dos milênios como pesquisas com gelo polar já demonstraram. Quem jogava CO2 na atmosfera? Vulcões. Ocorre que agora a concentração de CO2 vem aumentando e não há vulcões em atividade que justifiquem isso. Se o sistema estivesse equilibrado o CO2 acabaria sendo retirado pelas plantas, devolvendo… Read more »

Camargoer.

Exato. Também é importante lembrar que uma parte do CO2 está dissolvido no mar… todo gás se dissolve um pouco na água. Sem isso, os peixes não teriam gás oxigẽnio para respirar. O problema é que a solubiidade dos gases reduz com o aumento da temperatura. Por isso a gente guarda coca-cola na geladeira. Se ocorre aquecimento da atmosfera, isso afeta a temperatura dos mares, liberando mas CO2 para a atmosfera e reduzindo a quantidade de gás oxigẽnio, o que vai afetar a vida dos peixes e outros seres vivos que dependem do oxigênio dissolvido na água. A maior parte… Read more »

Fernando Vieira

É parecido com o que eu falo sobre carros elétricos. Não adianta ter um carro elétrico, emissão zero, se a eletricidade que chega na tomada para carregar esse carro vem de uma termoelétrica a carvão. Aí é melhor ficar na gasolina

carvalho2008

Corretisimo….e depois, ainda não responde o que vão fazer com as baterias….

Camargoer.

Vocẽ tem razão… a vantagem do carro elétrico nas cidades é a redução de emissão dentro delas, o que irá elevar a qualidade do ar localmente Até a década de 80, o Brasil tinha este grave problema. O uso do etanol melhorou muito a qualidade do ar. O carro elétrico só pode ser considerado verde se a produção da energia for verde. A vantagem do carro elétrico é que ele tem uma eficiência de quase 100% e o carro comum tem eficiência em torno de 30%. uma excelente tecnologia para os carros é o híbrido. A Toyota está apostando no… Read more »

Fernando Vieira

O problema de eficiência do carro elétrico não está no carro mas em como a energia chega no carro. A eficiência de conversão da energia química da bateria em energia cinética no carro pode ser próxima de 100% mas sabemos o quão ela é baixa na conversão de química no carvão para elétrica na termoelétrica mais as perdas no caminho e nos transformadores.

Alex Barreto Cypriano

Tudo sempre tão fácil: determinada a inconveniência, troquemo-la por conveniência. Álcool no lugar de gasolina. Queima de álcool libera formaldeídos, cancerígenos… E, mestre, quem libera o gás dissolvido na água é o aquecimento atmosférico ou o aquecimento do líquido? O aquecimento do Pacífico com o El Nino supera em muito a temperatura média de aquecimento global. E o que acontece quando sobrevém La Nina? Ninguém sabe o motivo de ambos. Quem manda no clima do planeta, e faço alguma troça, é o Sol (apolo), a Lua (selene), os oceanos (thetis) e suas correntes (especialmente a termohalina) e marés, os vulcões… Read more »

Camargoer.

Alex… o efeito estuda aquece a atmosfera. Quando a atmosfera fica quente, ela aquece a superfície de contato da água com a atmosfera. Quando a água esquenta, a solubilidade dos gases diminui. Sobre os uso dos combustíveis, concordo com vocẽ. Além da mudança da matriz energética, reduzindo o consumo de material fóssil, é preciso uma mudança no padrão de consumo de energia, inclusive o sistema de transporte. Ainda bem que vocẽ lembrou do El Nino. O aquecimento de parte do oceano Pacífico altera o regime de chuvas em toda a América do Sul, resultando inclusive em catástrofes climáticas. O ponto… Read more »

carvalho2008

Mestre alex, o problema do aquecimento dos oceanos é o ponto de corte sem volta, na qual bilhões de toneladas de metano estão congeladas no fundo dos oceanos…se ele descolgela, se somará ao CO2 e agrava o efeito estufa…e num nivel quase venenoso a vida….um colapso de poucos anos se o ponto de ruptura chegar…

carvalho2008

Mestre camargoer, é um erro creditar apenas ao reflorestamento, vide que 70% do gás carbonico é convertido pelas algas e microalgas oceanicas…. Isto causa um erro crasso e comumente hipocrita da potencias globais que tentam direcionar a regularização exclusiamente a Amazonia. A poluição dos mares é absurda e ai reside parte importantissima. Reflorestamento Amazonico? Não …absolutamente não…Tem de haver reflorestamento urbano…as cidades tem e precisam de ser reflorestadas…a cidade de concreto tem de acabar….temo de viver diferente e deixar a hipocrisia de achar que floresta a 5 mil ou 20 mil km de distancia alteram o ar que vc respira….temos… Read more »

Camargoer.

Então… vocẽ tem razão sobre a complexidade do problema. Como escrevi, são dois grandes desafios. 1) mudar a matriz de energia e 2) mudar o padrão de consumo de energia. Existem inúmeras ações dentro destes dois desafios. No caso da matriz de energia, o gás hidrogẽnio é uma delas. O bioetanol é outra ideia tecnologicamente madura. Energia eólica e solar também. Com a substituição da matriz energética é possível reduzir a emissão de CO2 na atmosfera. Isso é importante. O padrão de consumo é a outra ponta. Reduzindo a demanda por energia por meio de alteração nos padrões de consumo… Read more »

Fernando Vieira

Procure saber o que são os “rios voadores” e você rapidinho vai defender um reflorestamento também da Amazônia (não discordo de você em nada nos outros pontos). Principalmente se você for um fazendeiro do Centro-Oeste.

José de Souza

Reflorestar, desmineralizar, reaproveitar estruturas existentes, construir menos. Se não for assim estamos condenados, é impossível se expandir infinitamente!

Alex Barreto Cypriano

Todo mundo fugiu do verdadeiro problema que é a ocupação humana desregrada (na verdade, anomica) da paisagem sob o incentivo do modelo especulativo fundiário e imobiliário capitalista. No início do XIX, existiam cinco municípios no RS, hoje, quase quinhentos, e todos eles têm que ter planos diretores. O urbanista/planejador/paisagista mais inepto na sua técnica sabe que várzea de rio não serve pra ocupar, mas os especuladores e políticos, que moldam as leis ao seu talante, não ligam porque eles moram nos topos do mundo – vales, encostas íngremes e várzeas são pra escumalha explorada até morrer. Isso em todas as… Read more »

Last edited 2 meses atrás by Alex Barreto Cypriano
carvalho2008

Neste ponto, é o que sempre reforço….o modelo urbano é insustentavel…precisamos viver em cidades reflorestadas….

Mas não deixo de alocar a maior fraçao de poluição aos Oceanos…o qual processa 70% da conversão do CO2 em oxigenio por meio das micro algas….

Isto é fato

Gustavo

Isso mostra quanto e preciso investir na indústria defesa, projeto para desenvolver helicópteros pequeno, médio e grande porte do que fica esperando coisa velha dos americano, jipe,caminhão,e etc.

Ricardo Teixeira

Forças Armadas demoraram para compreender a gravidade da situação no Sul. Nas primeiras 36 horas somente os dois Blackhawks da FAB é lotados em Santa Maria . Depois de uma demorada escala em Criciúma chegaram dois Pantera da Avex de Taubaté. Muito mais rápidos foram os governos estaduais de SP, RJ, SC, PR, MG, que enviaram equipes e helicópteros. Somente no quarto dia começaram a chegar reforços de helicópteros das FFAA, incluídos aí os Jaguares que por atuação all weather e grande capacidade de carga deveriam ter chegado na primeira hora. Muito criticada a lentidão das forças armadas. Eu sou… Read more »

Joao

A demora não é da resposta, mas do acionamento oficial do Sistema Def Civ para a Defesa.

Alex Barreto Cypriano

Aquele sistema de defesa civil que foi precarizado em conformidade com a ideologia do governo daquele estado?

Alex Barreto Cypriano

Aqui, uma exposição abrangente sobre causas e efeitos dessa catástrofe feita pelo professor Menegat, geólogo da UFRGS. Vale conferir:
https://www.youtube.com/live/sqo26_7jiQg?si=KFndmsAWHeO8Vfds

carvalho2008

falou do corte de orçamento para a região em defesa civil? e nas barragens que ja eram objeto de atenção a 2-3 anos?

Alex Barreto Cypriano

Falou, sim, mestre Carvalho 2008, dos cortes orçamentários. Das barragens, não lembro…

PY3To - Rudi

Hoje demanhã havia 6 Helicotperos em Caxias do Sul …1 dos bombeiros do RJ ( ja agradeçendo) 5 civil!…

GuiBeck

Exatamente isso.

Cosmos

Esta era a hora para o NAM Atlântico, se operando sem restrição, entrar em cena. Ele está faltando. Aliás, já deveria estar no local.

Flavio Henrique

o ideal seria ele e o bahia…os clanf seria bom está no estado…vale lembrar que o NAM precisa que o Bahia saia para ir para a manutenção…

PY3To - Rudi

e o Bahia?

Franz A. Neeracher

Indisponível; passando por manutenção.

Bruno

Vai dia 08 pra lá.

Marcos

No aeroporto de Garibaldi acompanhei dezenas de aeronaves de todos os tipos atuando sem parar, e não avistei uma sequer de qualquer governo, estadual ou federal. Só particulares. Va ver, estavam em outra área……

Joao

Marcos, então tu está na hora e local errado. Ontem, estava o Aw 169 dos bombeiros do RJ e da própria PF, além de helicópteros particulares e de empresas.

Alex Barreto Cypriano

Em 2017, o então HMS Ocean (22 mil toneladas de deslocamento, já o NDM Bahia tem aproximadamente metade disso, 10-12 mil toneladas) levou ajuda humanitária às Ilhas Virgens britânicas após passagem dos furacões Irma e Maria. 60 toneladas de um mix de itens (roupas, tabletes purificadores de água, baldes, etc), uns 200 homens da engenharia militar pra reconstrução, maquinário pesado, sua capacidade de gerar até 300 m3 diários de água, suprir de eletricidade até 8 mil casas e seu famoso hospital. A população das Ilhas Virgens não chegava a 30 mil pessoas. A população do RS é de menos de… Read more »

Last edited 2 meses atrás by Alex Barreto Cypriano
GuiBeck

Muito interessante e ilustrativo teu comentário.