Home Offshore O tráfego aéreo na Bacia de Campos

O tráfego aéreo na Bacia de Campos

591
0

Para atender os profissionais embarcados da Bacia de Campos, a Petrobras disponibilizou 51 aeronaves para sua força de trabalho, sendo 8 de grande porte, 41 de médio e duas de pequeno porte. Os helicópteros são os mais modernos do mundo. Ainda para este ano, essa frota terá um aumento com novas aeronaves que estão em processo de contratação.

A atividade aérea da Companhia é uma das mais seguras, já ultrapassando a marca recorde de mais de 300.000 horas sem acidentes. São aproximadamente mais de 6 mil pousos e decolagens por mês na Bacia de Campos.

O aeroporto de Macaé, por exemplo, é considerado um dos maiores do País em número de pousos e decolagens, totalizando 40 mil por ano. Nos últimos 12 meses, foram transportados pela Petrobras cerca de 800 mil passageiros.

Para garantir mais qualidade e segurança, estão trabalhando 60 profissionais dedicados à área de Segurança de Voo.

Investindo na excelência operacional

A Unidade de Serviços de Logística de E&P (US-LOG) também está investindo no Programa de Excelência nas operações de transporte aéreo (Peotram), buscando elevar ainda mais os níveis de segurança operacional, por meio do uso de avançadas tecnologias e das melhores práticas mundiais.

A cada ano, são realizadas mais de 1,5 mil auditorias nas aeronaves contratadas, num esforço de supervisão jamais visto na aviação offshore. Ou seja, todos os helicópteros são submetidos a uma rigorosa vistoria de segurança a cada 15 dias. Tudo isso para que os profissionais possam viajar com qualidade e segurança.

FONTE: Petrobras

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of