Home Noticiário Internacional Míssil Barak 8 encerra fase de testes com disparo bem-sucedido

Míssil Barak 8 encerra fase de testes com disparo bem-sucedido

4603
10

A Israel Israel Aerospace Industries (IAI) anunciou na segunda-feira um teste bem sucedido de seu sistema de mísseis antiaéreos Barak 8 depois de derrubar um alvo que simulava uma aeronave hostil.

O teste, realizado em colaboração com o Ministério da Defesa, testou a próxima geração de defesas atualmente sendo instaladas em navios de Marinha de Israel para protegê-los de uma variedade de ameaças, incluindo os mísseis guiados terra-mar Yakhont na posse do Hezbollah.

O Barak 8 está sendo desenvolvido em conjunto com a Organização de Desenvolvimento e Pesquisa de Defesa da Índia (DRDO). Também será empregado pelas Forças de Defesa da Índia.

“O teste atual validou todos os componentes do sistema de armas para a satisfação dos representantes dos clientes”, disse a IAI em um comunicado. Especialistas israelenses e cientistas indianos, incluindo o Ministério da Defesa e representantes da DRDO, participaram do teste, junto com oficiais das forças armadas de ambos os países.

Joseph Weiss, presidente e CEO da IAI, esteve presente no local de teste.

“As impressionantes capacidades avançadas do sistema, comprovadas hoje neste teste complexo, são outro testemunho da resiliência da IAI, e capacidades avançadas e inovadoras”, disse Weiss. “o Barak 8 é um grande motor de crescimento para a empresa.”

Boaz Levi, vice-presidente executivo e gerente geral de Grupo de Sistemas, Mísseis & Espaço da IAI, disse que era o primeiro teste envolvendo um cenário operacional pleno.

Depois de ser detectado pelo radar do Barak 8, o sistema calculou o ponto de intercepção ideal, lançou o míssil na sua trajetória operacional e conseguiu interceptar o alvo. Todos os componentes do sistema de armas atingiram os objetivos do teste com sucesso, disse Levi.

“O radar rastreou o alvo, e no momento certo o sistema entrou em ação”, continuou ele.

“Ele construiu um cenário operacional e o míssil de missão foi disparado na hora certa. Ele recebeu atualizações ao longo de sua trajetória.

Em seguida, ele abriu seu olho e adquiriu o alvo através de um sensor independente, destruindo-o completamente “, acrescentou.

“Estamos nos movendo em direção a produção sistemática de Barak a 8”, disse ele.

Além da IAI, que é o contratante principal, o projeto Barak 8 envolve a ELTA Systems Ltd., uma subsidiária da IAI que produz radares do sistema, e Rafael Advanced Defense Systems, que fabrica o míssil.

O Barak 8 emprega um radar multi-missão de matriz ativa no estado-da-arte, um link de dados bidirecional e um sistema de comando e controle flexível, de acordo com a IAI. Ele tem estado em desenvolvimento há vários anos, e o teste de segunda-feira foi o último de uma série de testes.

FONTE: www.jpost.com / COLABOROU: Juarez Martinez de Castro

Subscribe
Notify of
guest
10 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
bjj
bjj
4 anos atrás

Na minha opinião uma das melhores opções para defesa AA das futuras fragatas do Prosuper. Uma Meko 600 com 32 células do MK41 para o Barak 8, um Oto Melara de 127mm, dois Oto 40mm twin (posicionados onde ficam os RAM da F-124, dando cobertura de 360 graus) ligados a um Sea Giraffe 4A e dois DT Ceros 200, além das EOS 500 e um Irts Artemis. Bota na lista dois lançadores quádruplos de Exocet B3, dois lançadores triplos de torpedos MK46, sonar UMS 4110 de casco e duas Searanger de 20mm secundárias. Liga tudo ao Siconta e passa a… Read more »

carlos alberto soares
carlos alberto soares
4 anos atrás

Esse míssil é desenvolvido em cooperação com os Hindus e já é um sucesso, melhor relação na categoria no mercado certamente …..

carlos alberto soares
carlos alberto soares
4 anos atrás

Não gostei do ângulo das filmagens, mas deve ter um motivo ? Não sei, talvez …..

Grulla
Grulla
4 anos atrás

Só o Bosco,pra dar uma aula sobre esse míssil pra saber se ele é bom mesmo.

Bosco
4 anos atrás

Grulla,
Sem pretensão de “dar aula” mas um ponto que merece destaque é que o sistema de orientação do Barak 8 é constituído de um seeker duplo, formado por um radar AESA e um sistema de imagem IR. Esse sistema de orientação o torna mais capaz contra alvos de pequeno RCS e mais resistente às ECM.
Outro ponto é que terá uma versão de alcance estendido dotada de booster, com o dobro do alcance.

bjj
bjj
4 anos atrás

Bosco.

Apesar de gostar muito desta arma, algo que me chama a atenção é sua baixa velocidade (máx. Mach 2). Isso não seria um defeito frente as ameaças atuais, ou é plenamente suficiente para se contrapor a elas?

Bosco
4 anos atrás

BJJ, Se for mesmo comprovada essa velocidade reduzida o que se depreende disso é que podem tê-la reduzido para aumentar o alcance, tendo em vista que o míssil pesa menos de 300 kg e tem quase 100 km de alcance. Ou seja, ele tem um senhor alcance para um míssil sup-ar. Em sendo isso, a velocidade reduzida não implica na perda de eficácia em relação à defesa contra mísseis antinavios já que estes convergem para o alvo. Ou seja, o alvo não precisa ser “perseguido”, e aí, a velocidade é irrelevante. Para alvos que cruzem a “linha de tiro” ou… Read more »

bjj
bjj
4 anos atrás

Obrigado, Bosco.

Também achei esta informação um pouco leviana. Outro fato que me faz duvidar mais é que este míssil foi escolhido pela índia para equipar seus destroyers Kolkata, que em um eventual conflito com a China poderiam ter de se opor a mísseis supersônicos e aviões bem velozes como o J-10, J-11 e J-15.

Abs

Bosco
4 anos atrás

BJJ,
Mas como disse mesmo o míssil sendo supersônico ele está numa rota de colisão se dirigindo diretamente ao sistema defensivo, portando, mesmo um míssil Mach 2 é eficaz.
O Barak 8 foi pensando tendo em vista mísseis do tipo Sunburn e Yakhont/Brahmos, que são supersônicos.
Não é à toa que os mísseis Barak 8 têm um seeker IR tendo em vista a assinatura térmica majorada desse tipo de míssil (supersônico e sea-skmming).
Vale salientar que o RAM que visa também esse tipo de míssil tem velocidade de Mach 2.
Sds.

carlos alberto soares
carlos alberto soares
4 anos atrás

Belo míssil, cumprirá plenamente seu objetivo. Bom para Israel e para os Hindus !