Home Marinhas de Guerra Presidente chinês ordena preparação para a guerra no Mar da China Meridional

Presidente chinês ordena preparação para a guerra no Mar da China Meridional

21365
108

  • O presidente chinês, Xi Jinping, ordenou que o Comando Sul do Teatro se prepare para a guerra durante uma inspeção na última quinta-feira.
  • O comando supervisiona o Mar do Sul da China, onde as tensões aumentaram.
  • Um destróier chinês enfrentou um navio de guerra da Marinha dos EUA conduzindo uma operação de liberdade de navegação perto das Ilhas Spratly no final de setembro, quase causando uma colisão.

O comandante-chefe da China ordenou que o comando militar que supervisiona o disputado Mar do Sul da China “concentre os preparativos para a guerra”, segundo o South China Morning Post.

O presidente chinês, Xi Jinping, inspecionou o Comando do Teatro do Sul no dia 25 de outubro, novamente enfatizando a necessidade de construir uma força que possa “lutar e vencer guerras” na era moderna. “Temos que intensificar exercícios de prontidão de combate, exercícios conjuntos e exercícios de confronto para melhorar as capacidades dos militares e preparação para a guerra”, explicou, acrescentando que o comando tem uma “pesada responsabilidade militar” para levar em consideração todas as situações complexas planos de acordo.”

“Vocês estão constantemente trabalhando na linha de frente e desempenhando papéis-chave na proteção da soberania territorial nacional e dos interesses marítimos”, disse Xi, segundo o China Daily, “espero que vocês possam cumprir essas missões sagradas e solenes”.

O poderoso líder chinês fortaleceu e modernizou o Exército de Libertação Popular (ELP) como prioridade máxima.

Enquanto Xi fez seu discurso na província de Guangdong, o ministro chinês da Defesa, Wei Fenghe, advertiu que a China não desistirá de “uma única peça” de suas propriedades territoriais, acrescentando que “desafios” à sua soberania sobre Taiwan poderiam levar a China a usar a força militar.

A Marinha dos EUA enviou recentemente dois navios de guerra através do Estreito de Taiwan, um movimento que, como os frequentes bombardeiros militares dos EUA e as operações de liberdade de navegação no Mar do Sul da China, enfureceu Pequim.

As tensões foram particularmente altas no Mar da China Meridional nos últimos meses, com voos regulares de bombardeiros B-52 pelos EUA e navios de guerra da Marinha  Chinesa desafiando navios militares americanos e aviões que se aproximam demais dos territórios ocupados pelos chineses na disputada hidrovia.

O almirante da Marinha dos EUA, John Richardson, chefe de operações navais, disse na segunda-feira que a Marinha dos EUA continuará a realizar operações de liberdade de navegação e desafiar “reivindicações marítimas ilegítimas”.

Ilhas disputadas no Mar do Sul da China. (Clicar na imagem para ampliar)
Ilhas Paracel e Spartly disputadas no Mar do Sul da China. (Clicar na imagem para ampliar)

FONTE: Business Insider

108
Deixe um comentário

avatar
44 Comment threads
64 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
57 Comment authors
PedroViktorSabadoAlexandre GalanteRenê Henrique Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Estou 100% do lado dos EUA! Os Chineses literalmente estão roubando territórios, sem noção o que eles andam fazendo! E pior que os mizeras são tão fortes, que nenhuma força faz nada e eles só conquistando tudo que almejam por lá. Daqui uns dias as praias dos países lá vão ser “made in china”.

Felipe
Visitante
Felipe

Estão roubando as ilhas dos EUA no mar da China? Não entendi…

Pablo
Visitante
Pablo

a China ta certa e Indonésia,Vietnam, Filipinas estão erradas. Malditos países opressores que não dão seu território para a China.

Walfrido Strobel
Visitante
Walfrido Strobel

A Indonésia não tem nenhuma pendência territorial com a China, a China já deixou claro que reconhece que as ilhas ao norte da Indonésia são propriedades da Indonésia e eles não tem nenhuma pretensão sobre elas, a unica pendencia são pesqueiros chineses que de vez em quando pescam próximos as ilhas.

Daniel Ricardo Alves
Visitante
Daniel Ricardo Alves

Com certeza, não! Ele está falando das ilhas artificiais que os chineses estão construindo em águas territoriais de outros países, no Mar da China.

Everton Matheus
Visitante
Everton Matheus

Pela sua lóguca o nosso Rio Paraguai deveria ir para o Paraguai então. Que se exploda o Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

O que os EUA estão fazendo la é navegar em Aguas Internacionais.

Sandro Demaria
Visitante

Everton Matheus, claro que não, o Paraguai declarou guerra e invadiu território Brasileiro, perdeu a guerra e consequentemente seus domínios, essa é a realidade da guerra, sabe que se perder, as consequências são cruéis em todos os sentidos.

Everton Matheus
Visitante
Everton Matheus

Foi uma ironia Sandro.
eu falei isso porque alguns “ispicialistas” dizem que um certo local por se chamar “Mar da China” garante todos os direitos para a China, simplesmente pelo nome, por isso eu fiz uma analogia.

Renê Henrique
Visitante
Renê Henrique

EUA tem acordo comercial com as Filipinas. Daí o motivo do apoio militar.

Jorge F
Visitante
Jorge F

Estão roubando territórios das Filipinas, Vietnam e Malásia e em breve tentarão roubar um país inteiro Taiwan… Se forem capazes de fazer isso vão começar um ciclo de intervenções além de suas fronteiras…

Will
Visitante
Will

Se os Ingleses podem fazer isso com as ilhas malvinas, porque não os chineses, as ilhas estão mais perto da china do que as ilhas Malvinas da Ingraterra, e so colocar chineses para morar messas ilhas e tudo resolvido.

Jorge F
Visitante
Jorge F

As ilhas eram inglesas e queriam continuar inglesas… O Chinês quer fazer igual nossos primos argentinos, que só não nos invadiram porque tinham certeza que revidariamos, mas tinham dúvidas se a Inglaterra, em crise, revidaria…

Thiago
Visitante
Thiago

Os benditos norteamericanos roubaram mais de metade do território mexicano, ocuparam, invadiram, ameaçaram , dominaram maioria das nações americanas, travaram guerra para subtrair territórios de posse do império espanhol, possuem bases militares em todos os continentes do globo terrestre, aniquilaram populações longe milhares de quilômetros do próprio solo nacional sem nenhuma base lógica e legítima ( favor consultar o genocídio nas Filipinas e o Vietnam) . Mas vcs pretendem que aChina , segunda maior potência do planeta, não tenha ambições e reivindicações sobre territórios próximos alvo de longas contendas, que ela considera a muito tempo próprios no seu quintal de… Read more »

Pedro
Visitante
Pedro

Os caras falam que a China está roubando território da Filipinas. Então, posso deduzir que os EUA roubaram território mexicano em eras pretéritas. O fanatismo de alguns deturpa a mente.

Alex II
Visitante
Alex II

Você não ve destroier chinês no Golfo do México, não vê na costa da California, nâo vê ao largo da Baia de Chesapeake, mas vê navio de guerra americano em todo canto do mundo enas barbas da China e da Russia. E eles que estão certos. O que não faz a propaganda.

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Concordo com você amigo. Mas nessa caso da China ai, eu apoio os EUA. Já em relação ao que você falou em outros locais, já não sou de acordo.

Diplomata92
Visitante
Diplomata92

Cara Seja racional
Olhe o mapa,oque ta mais distante das áreas revindicada pelos chineses Indonésia,Vietnam Filipinas ou á china ?

Luís Henrique
Visitante

Interessante comentário.
O sr. é a favor das ilhas malvinas argentinas ou das falkland islands britânicas???

Porque as ilhas malvinas fazem parte do território continental argentino e estão a 14 MIL quilômetros de distância da Inglaterra, mas muitos aqui defendem a Inglaterra.

Alex II
Visitante
Alex II

Acho que vc deu um xeque-mate aí 🙂

Doug385
Visitante

Se fizessem parte do território continental não seriam ilhas.

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Eu particularmente preferia que elas fossem da Argentina.

Pablo
Visitante
Pablo

Ate onde sei, a ilha foi descoberta pelos britânicos antes mesmo da Argentina existir.

Francisco Lúcio Sátiro Maia Pinheiro
Visitante

Mas o POVO das Falklands já decidiu que elas pertencem à Inglaterra. Querer as ilhas à força como a China quer Taiwan e também invadiu o Tibet não dá a ela o direito.

Will
Visitante
Will

Nessa Logica temos que lembrar das Ilhas Malvinas.

Humberto
Visitante
Humberto

Alex II 30 de outubro de 2018 at 15:51
Você não vê com freqüência navios Chineses fora da sua área HOJE (sim, eles navegam na costa da África inclusive com a construção de uma base em Djibouti), com o tempo, para defender os seus interesses, vão começar a esticar e quem sabe, já já existirá bases Chinesas na America (possivelmente na América Central) e África.
Faz parte, que tem muitos interesses no mundo, tem que estar presente.
No mais, os gringos desde o século passado tem este conceito de Xerife do mundo. No geral isto tem feito mais bem do que mal.

Daniel Ricardo Alves
Visitante
Daniel Ricardo Alves

Acho que você não está sendo realista, meu amigo. Da mesma forma que os americanos marcam presença em águas internacionais onde existe a presença de aliados ou interesses, os russos e chineses também o fazem. Isso é natural e é feito desde o nascimento das primeiras marinhas. Você não deve confundir o fato de não gostar dos EUA com a realidade.

Daniel Ricardo Alves
Visitante
Daniel Ricardo Alves

Desculpe, fiz o comentário no post errado!

Ricardo Bigliazzi
Visitante
Ricardo Bigliazzi

Alex II. Acho que existe uma diferença brutal entre o exemplo que Você citou e o que acontece no Mar da China. Os Americanos trafegam em águas internacionais (definidas por Lei) enquanto os Chineses estão querendo ganhar na mão grande áreas de influencia em detrimento a países como Vietnam, Filipinas e Indonésia. Você pode ter certeza que um navio Chines em águas territoriais Norte Americanas não será tão bem recebido em uma visita de “patrulhamento”. Os EUA não podem deixar que isso aconteça no Mar da China, os três países que estão sendo “tungados” pelos Chineses não tem condição de… Read more »

Jorge F
Visitante
Jorge F

Desatualizado… Vê sim, principalmente na África… Foram vistos na Síria, fazendo igual ou pior que o americano…

ALDO GHISOLFI
Visitante

A doutrina militar da China comanda a sua geopolítica.
Eles só mudarão o comportamento à força.
Alex II tem razão… muito bom se o tio Sam ficasse cuidando de sua casa e do seu quintal.

Bardini
Visitante
Bardini

“ÓHHH, mas você não vê Destroyer chinês no Golfo do México”.
.
Muito bonitinho…
.
A realidade é essa: https://img.over-blog-kiwi.com/0/99/63/06/20170222/ob_1f3be2_enquetechinepuissancemer3-0.jpg
.
Ameace a liberdade de navegação e os investimento chineses no mar, para ver se não vai existir uma mensagem militar.

Alex II
Visitante
Alex II

Mas eles estão errados e os EUA sempre certos. Certo? O meu ponto é esse, chapa, não tem mocinho, não tem vilão e não tem almoço gratis em geopolitica. O resto é propaganda, e como os americanos são imbativeis nessa arte, crescemos tendo eles como os mocinhos. Qual é, pra adulto não cola.

Pablo
Visitante
Pablo

Indonésia,Vietnam Filipinas, malditos opressores que não querem dar seus territórios para a China.
Se a China quiser vamos dar a Amazônia pra eles, coitadinhos.

Augusto L
Visitante
Augusto L

Não existem mocinhos, mas relativizar uma atitude de tomar território alheio como se estivéssemos no séc.xix em pleno séc.xxi é puto demagogismo, a China está errada e tem q ser freiada nada justifica o que ela quer.

Bardini
Visitante
Bardini

Eles investiram uma montanha de dinheiro criando ilhas, para estender seu território. Partindo disso, tendem a cercear a liberdade de navegação na região. Estão certos?
.
“O resto é propaganda, e como os americanos são imbativeis nessa arte”
.
Imbatíveis em propaganda?
Tais falando disso pensando em Hollywood, por exemplo?
Chineses tem uma audiência que dá bilhões de lucro a Hollywood. Tu já viu a tendência atual dos filmes? Cada vez mais ator chinês, filme sobre China e por aí vai. Eles não são retratados como “malvadões”, como era a falida URSS… Eles cooptaram a indústria de propaganda americana.

marcus
Visitante
marcus

Já cuidam do Brasil, e agora no regime Bolsonariano vão pular prá dentro, seremos mais do que nunca sobrinhos do Tio Sam.

Ricardo Bigliazzi
Visitante
Ricardo Bigliazzi

Marcus, pense pelo lado positivo. Podemos ser sobrinhos do Tio Sam como o Chile. Pelo menos teríamos um IDH descente, uma qualidade de vida melhor e uma economia mais pujante.

Uma coisa parece certa, ser BRICS e estar alinhado a esquerda mundial não resolveu o problema de 13.000.000 de brasileiros desempregados…

Walfrido Strobel
Visitante
Walfrido Strobel

“Regime Bolsonariano” e o lado bom de sermos “sobrinhos do Tio Sam”….
Eu juro que não li isto.

Claudio Luiz
Visitante
Claudio Luiz

Concordo sendo um dos treze milhões.

Bardini
Visitante
Bardini

Tadinho dos chineses… Não estão fazendo nada de errado, tirando a bobagem que é o fato de ameaçar a livre navegação por conta do seu expansionismo.

Victor Filipe
Visitante
Victor Filipe

O problema é que até quando o Tio Sam foca apenas no seu quintal e sua casa o pessoal reclama… Analisando puramente a questão exclusiva do Mar do Sul da China, oque eles estão fazendo é caçar sarna pra se coçar, e eu sou totalmente contra a reivindicação chinesa pois fere o direito de outros países

Jagdverband#44
Visitante
Jagdverband#44

Tambores da guerra.

FERNANDO
Visitante
FERNANDO

Não é isso o que ele está dizendo.
Ele diz, as forças armadas chinesas devem estar preparadas para se caso houver guerra….

James Marshall
Visitante
James Marshall

Briga de cachorro grande, e nesse último domingo os EUA conseguiram um aliado importante e membro dos BRICS, nós. Com certeza os tambores da guerra tocarão aqui nas nossas bandas. É só esperar.

Nico 88
Visitante
Nico 88

Postura correta dos EUA. Inclusive reforçar o patrulhamento aéreo e naval na região. É preciso conter o expansionismo chinês. A China hoje é uma ameaça. Sou mais favorável a “pax” americana do que o neocolonialismo chinês.

Alex II
Visitante
Alex II

Ameaça a quem?

Pablo
Visitante
Pablo

Indonésia,Vietnam e Filipinas por exemplo, é pouco pra ti? não viu na segunda imagem?

Walfrido Strobel
Visitante
Walfrido Strobel

Onde vc viu na segunda foto alguma área da Indonésia em disputa?

Pablo
Visitante
Pablo

Pra quem acha que a China ta certa, então deixe seu vizinho derrubar a cerca que divide os terrenos e aumentar a casa dele pra dentro do teu pátio sem pedir autorização, obstruir tua porta de acesso ao patio e só utilizar com a permissão deles. Se tu sentir na pele e achar que ainda teu vizinho ta certo então acho que teu conceito é controverso.

Diplomata92
Visitante
Diplomata92

Caro luis como comparar a historia das Falklands desde seu descobrimento e sua colonização com as ilhas artificiais criadas pelos chineses foi tosco!
Seja Honesto e sem ideologia consegue responder ?

737-800RJ
Visitante
737-800RJ

Exatamente, Diplomata92!
Essa gente já perdeu o senso das proporções há tempos, só pra se guiarem por meios ideológicos!
A China tá mandando ver no seu expansionismo, construindo ilhas artificiais e as militarizando perto dos territórios vizinhos, fazendo desfiles navais constantes com destróieres e fragatas a centenas de quilômetros de seu território, ameaçando aeronaves civis e militares que passam em espaço neutro e outras coisas mais, mas pra essa gente maluca tá tudo certo!

Alessandro
Visitante
Alessandro

esses chineses são muito CARA DE PAU!!

um guerra mundial começa assim, tomando o território marítimo dos países menores (vietnã, tailândia, filipinas, indonésia e etc) na sua região, e daqui a pouco estão reivindicando até o atlântico sul, aliás já estão rondando a África e a Europa, já já chegam no Caribe tbm.

Hi-tler deve estar bem orgulhoso dos chineses!

RL
Visitante
RL

Em minha mísera opinião, nem Chico nem Francisco.

Ali não é território marítimo dos Chinas e muito menos dos Yankees.

Pô…olhem no mapa…ali é Filipinas, Indonésia….

China de hoje esta cometendo o mesmo erro do Japão Imperial de ontem. Querem conquistar toda a Ásia?

Daqui um pouco os caras verão a Rússia como território de direito e a Europa como a nova Manchuria.

kkkkkkk

Ricardo Bigliazzi
Visitante
Ricardo Bigliazzi

Sempre digo que a Russia perde tempo se preocupando com o Ocidente (que nunca a atacará). Se fosse Russo me preocuparia (e muito) com a China.

Vou rir muito quando começarem as discussões entre os dois.

100nick-Elã
Visitante
100nick-Elã

O Ocidente teve chance de ter a Rússia do seu lado – e perdeu. Quando esta era fraca, logo após o colapso da URSS, o que o Ocidente fez? tentou chutar e humilhar o cachorro morto. Agora a Rússia se reerguei e é da China. Entendeu? a Rússia é da China e ponto final. “A mais a China com o tempo vai superar a Rússia” – diz você. E dái? quem disse que a Rússia quer dominar o mundo? disseram isso na propaganda? e vc acreditou? tudo que a Rússia quer é ser tratada de igual para igual e a… Read more »

Flanker
Visitante
Flanker

A que ponto chega a doença!! Tu deves ser russo, não é? Só pode! Quando tu dizes: “Agradeço a eles” e “esses inúteis não ajudavam mesmo a antiga URSS, só davam despesa” e ainda “fiquem com esse lixo”, eu estou vendo um russo falar! E não estou falando isso por se referir à Rússia….falo no sentido de que simplesmente não entendo, não há lógica, pelo menos mentalmente sadia, que justifique um posicionamento e um raciocínio desses! Tu é brasileiro, [email protected]! Russos, chineses….(e americanos, para aqueles que fazem o mesmo ” do outro lado”) sequer sabem que tu existe!! Isso é… Read more »

Flanker
Visitante
Flanker

Freud*

737-800RJ
Visitante
737-800RJ

Sim, territórios das Filipinas e Indonésia. Agora me responda com sinceridade: algum dos dois, ou os dois juntos mesmo, pode ser, possuem capacidade para parar o expansionismo chinês? Possuem equipamentos suficientes, soldados suficientes e dinheiro suficiente para fazer frente aos chineses?
Se não forem os americanos, quem mais poderá?
Sem contar que ali é rota comercial. Daqui a pouco os chinas tão cobrando pedágio pra passar por ali.

Ricardo Bigliazzi
Visitante
Ricardo Bigliazzi

Guerra? Entre China e EUA? Esqueçam.

A escalada do conflito seria como uma bola de neve, “imparável”.

Politica, politica e politica. Queria que algum amante da China que escreve no blog me explicasse o porque a “linha tracejada Chinesa” lambe as Filipinas, Indonésia e Vietnam? Qual direito preferencial da China sobre esse mar em detrimento a soberania dos outros paises citados.

A unica briga que veremos é na TV e gritaria nas chancelarias. Podem ter certeza que agora mesmo é que navios americanos, ingleses, franceses, italianos, japoneses e coreanos vão mais do que nunca passarem por essa área.

Luiz Floriano Alves
Visitante

Simples; o Mar da China é passagem obrigatória para quase todo o comércio marítimo do Extremo Oriente. É o direito internacional de ir e vir. Tem outras rotas? Sim. Porém muito mais longas e caras. Estrangular o comércio naval é como asfixiar uma nação. Seja por um bloqueio submarino ou seja por bloqueio aero-naval. Os países do antigo Eixo poderiam falar horas sobre as razões da guerra. Reino Unido controlando o Canal de Suez e Gilbraltar e US no controle do Canal do Panamá e do Hawai, o coração do Pacífico. Campos de petróleo e navios marcantes sob vigilância tria… Read more »

ALDO GHISOLFI
Visitante

Alex II 30 de outubro de 2018:
“Acho que vc deu um xeque-mate aí”.
Até penso que não, pois os kelpers deixaram claro a sua opção pela manutenção da cidadania britânica, que não é o que se passa na reivindicação da China.

Diplomata92
Visitante
Diplomata92

Ele foi infeliz em aplaudir uma resposta sem nexo algum rs
Como comparar algo descoberto,colonizado e cuidado por uma nação
Com outra feita de forma artificial a mais de 2000 km da sua costa ?
Eu nem me dei ao trabalho de responder
Conhece muito de xadrez

Diplomata92
Visitante
Diplomata92

Um erro!
Descoberto mesmo foi em 1502 por Américo Vespúcio
só em 1690 O navegador britânico John Strong desembarca nas ilhas. Ele batiza o estreito entre as duas principais ilhas de Falklands

Helio Eduardo
Visitante
Helio Eduardo

Rapaz, alguns se superam na ideologia. Americanos são metidos a xerife do mundo sim, e tiveram mandato dos outros para isso por décadas, afinal para que se aporrinhar e construir exército, marinha e força aérea se os gringos faziam isso e muitíssimo bem? Americanos navegam pelo mundo todo sim, afinal é deles a maior e mais poderosa Esquadra da era moderna. E sabe porque os chineses ainda não fazem isso também? Primeiro, porque a marinha deles está em transformação para uma de águas azuis, falta pouco pelo ritmo de mamãe coelho com que lançam navios, mas ainda não o são… Read more »

Tomcat4.0
Visitante
Tomcat4.0

Fostes bem objetivo meu caro e concordo contigo em suas palavras!!!

João Francisco Neves
Visitante
João Francisco Neves

Olha, as Falklands são inglesas, eles descobriram as ilhas e ganharam no braço, mas o bom senso e por questões de praticidade, elas claramente deviam pertencer à Argentina, pela proximidade, pela lógica, e por que a fase do expansionismo e imperialismo dos países do primeiro mundo já devia ter acabado, a Inglaterra devia ceder aos poucos, quem sabe nomear um governador argentino de 4/4 anos, alternando com um inglês, até ser totalmente argentina. Sou a favor. Dito isso, a pretensão da China que quer ser dona do mar do Sul da China é RIDÍCULA, ILEGAL E IMORAL. Está violando tratados… Read more »

Flávio Henrique
Visitante
Flávio Henrique

Os ingleses tentaram vender as ilhas mas os argentinos tiveram a brilhante ideia de tentar pegar de “graça”. Deu no que deu, os britânicos não irão solta o osso.

PS.: A Inglaterra precisava de dinheiro e de corta gasto, considerava que as ilhas só era custo mas após a guerra isso mudou, já que o turismo tornou-la uma fonte de renda, além das reservas naturais das ilhas (recém descobertas).

Sagaz
Visitante
Sagaz

Sebeu tenho uma quitanda do lado de um barraco a quitanda não é minha, é do coitado do esfarrapado do barraco. Para quem não entendeu, o esfarrapado é a Argentina.

TJLopes
Visitante
TJLopes

Si vis pacem, para bellum.

Will
Visitante
Will

Vi noticias de alguns exercicios que o exercito Americano está se preparando para a Guerra com um exercito regular, pois seus paraquedistas estão treinando salto com armas anti-aereas portateis, tomara que a China recue, ou ele querem levar para uma negociação.

Tupinambá
Visitante
Tupinambá

Israel que o diga, na Cisjordânia, as Colinas do Golá….

Claudio Moreno
Visitante
Claudio Moreno

Dá logo isso aí pra Bolívia kkkkkkkkkkkkk assim param de torrar o saco do Chile.

Vixi fumei!

CM

Shandowlord
Visitante
Shandowlord
Diplomata92
Visitante
Diplomata92

Amigo mais isso foi no mar da china oriental !
não no mar do sul

pm
Visitante
pm

Vi muitos comentarios de que se a China invadir Taiwan, os EUA poderiam intervir. Tenho minha duvidas pois a Russia invadiu a Ucrania, anexou a Crimeia e o EUA nao fez esse movimento. Ucrania é quintal da Russia, Taiwan é quintal da China e a America Central dos EUA. O problema é que o idiota do Trump anda forçando a barra com todo mundo, especialmente a China. É um sintoma de um imperio decadente, como em toda a historia da humanidade. Para o Brasil, que é uma potencia de segundo escalao, é uma oportunidade de tirar vantagem do antigo imperio… Read more »

Sabado
Visitante
Sabado

Bingo, quanto a sua dúvida sobe Bolsonaro, ….pena que já não tenho essa dúvida. Bem a semelhança do Collor é impetuoso. Nem sombra de um estadista que se dirige e pondere racionalmente.

Sidney
Visitante
Sidney

Debate muito enviesado ideologicamente. Busquem no Direito Internacional as melhores respostas, mesmo que esse Direito de origem Romana e com orientação Judaico-Cristã não tenha valor nenhuma para os Chineses. Está muito claro, e há muito tempo, que quem quer a presença Americana naquela área são os países ameaçados pela China, e a China está sim sendo agressiva quando unilateralmente e pela ameaça da força declara ser a dona de todo o mar do sul da China. Apesar do nome, tão grande área de mar à ela não pertence. E a questão das Falklands é uma situação totalmente diferente. A própria… Read more »

Dod
Visitante
Dod

Como funciona a divisão de águas internacionais com países de aguas muito próximas ou até mesmo dentro delas ???

Sidney
Visitante
Sidney

Como regra geral existe o conceito de água territorial, 12 milhas da costa, que pertence efetivamente ao Estado, que pode dispor dessa área marítima fazendo valer sua legislação para todos os efeitos de Direito. Por exemplo, além de exploração econômica, ilícitos dentro destas 12 milhas ficariam sujeitos as leis do país, ou, quem nascesse dentro dessa área seria cidadão do país. E existe o conceito de zona econômica exclusiva, mais restrito no campo do Direito, mas que permite ao Estado a exploração econômica exclusiva, e também o conceito de plataforma continental, que seria o leito do mar, dendro da ZEE,… Read more »

Dod
Visitante
Dod

Muito obrigado amigo, mas eu gostaria de saber como funciona a divisão se esse país está dentro da ZEE, me expressei mal.

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

> Imbatíveis em propaganda Dezenas e dezenas de filmes americanos foram feitos sobre o ataque japones a Pearl Harbor. Quem ve, acaba acreditando que os pacificos americanos estavam para curtir mais um domingo no paraiso havaino quando foram covardemente atacados pelos japoneses satanicos. Poucos apremdem na escola que muito antes do ataque japones, *pilotos americanos* ja’ estavam envolvidos em combates aereos com os japaneses, na China, ora pasmem. Alem disso estavam ativamente cortando a vias de suprimento do Japao. ou seja ja’ estavam em situacao de guerra nao-declarada. A Historia se repete, agora contra a China que antes defenderam. Guerra… Read more »

Diplomata92
Visitante
Diplomata92

É bem como o amigo Sidney disse : Debate muito enviesado ideologicamente.
Se estiver Escrito em qualquer texto EUA,CHINA OU RUSSIA já tem forista que nem terminam de ler
Já tem Seu comentário Inflamado e pronto.
Se os editores permitirem,vou postar o link de duas reportagens da BBC sobre as disputas no mar do sul da china
São de um ano atrás é a outra quase dois mais vale muito a pena ler

Diplomata92
Visitante
Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

Legal estes links, mostram a verdadeira razao do interesses dos americanos

“E, diante do poderio militar naval dos chineses, isso poderia representar inclusive uma ameaça ao *domínio militar americano no Pacífico*”

Diplomata92
Visitante
Diplomata92

Das duas ótimas matérias você conseguiu intender só um lado amigo!
Sério tenta ler sem ideologia alguma

“O que acontece no Mar Meridional da China é uma amostra das intenções de Pequim: dominar o mar e o ar com a “primeira cadeia de ilhas
A longo prazo, a China quer ir além das Filipinas e do sul do Japão para a “segunda cadeia de ilhas”: Palau, Guam e Marianas.
Isso seria uma mudança radical no equilíbrio de poder no Pacífico Ocidental.

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

Muitos ja’ dizem que a guerra entre os USA e a China e’ inevitavel.
E este item do blog e’ sobre isto e portanto parece ser licito
debater as razoes que podem levar a isto.

E’ bem parecido com a situacao de Israel que reindivica terras
que julga ser suas por razoes historicas. A China tambem invoca
razoes historicas.

Devido a costumeira posicao de dois pesos e duas medidas dos USA
eles nao fazem nada contra Israel mesmo quando a ONU toda em peso
vota contra Israel. Mas, mesmo assim, sem moral nenhuma, se sentem
no direito de meter o bedelho contra a China.

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

A RAND Corporation fez este estudo do que seria
uma guerra entre os USA e a China. Pela reputacao
que a RAND tem, talvez deva ser lido:

https://www.rand.org/pubs/perspectives/PE248.html

Esta baseado numa premissa muita duvidosa, qual seja:

“Even in an intensely violent conventional conflict,
neither side would regard its losses as so serious,
its prospects so dire, or the stakes so vital that
it would run the risk of nuclear retaliation by using
nuclear weapons first.”

Eu nao apostaria nisto.

A propria RAND publica mais este estudo:

https://www.rand.org/pubs/research_reports/RR1782.html

https://www.cnbc.com/2017/12/09/us-could-potentially-lose-next-war-to-russia-or-china-warns-rand.html

https://www.news.com.au/technology/innovation/military-assessment-major-report-warns-us-will-lose-the-next-war/news-story/e08dc6475698fe49f932625b2f162ec9

Um pouco de historia interessante sobre a RAND

http://mentalfloss.com/article/22120/rand-corporation-think-tank-controls-america

Luiz Floriano Alves
Visitante

A milhares de anos o historiador e filósofo grego, Esopo criou uma fábula que bem ilustra a situação. A do Lobo e do Cordeiro. Fosse qual fosse o argumento de defesa do Carneiro, o Lobo sempre tinha um contra argumento mais forte. Moral de historia: os fortes impõem a sua vontade, independente das razões dos fracos.

Augusto L
Visitante
Augusto L

Se os EUA estão com seus navios lá estão no seu direito, são águas internacionais camadas pela China. Os únicos errados ali são a China. Os EUA podem estar errados em ter tropas ilegais na Síria, seria um melhor argumento, do que relativizar uma patrulha em água internacionais com a intenção de anexa território que não lhe pertence. Ou seja não importa se tem navio americana lá, ate pq não estão quebrando nenhuma regra. A China nesse quesito tá. Mas o que me chama atenção, são alguns que quando confrontados com argumentos que destroem seus relativismos, passam para outra linha… Read more »

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

> linha de raciocínio ainda mais bizarra para justificar seu apoio às práticas chinesas. Nao sei se isto e’ pra mim mas vamos la’, eu nao apoio, apenas tento entender porque acontece. ja’ que se a guerra acontecer, como muitos ja’ dizem que com certeza vai vir. desta vez nao vai dar para ficar confortavelemnete assistindo pela televisao, vai afetar todo mundo, o que me inclui tambem. https://www.washingtonpost.com/news/checkpoint/wp/2016/03/21/these-are-the-new-u-s-military-bases-near-the-south-china-sea-china-isnt-impressed/?noredirect=on&utm_term=.2804995371e8 > there is “nothing offensive or provocative” So’ na cabeca dos USA e’ que nao tem. Nao existe nenhuma “setima frota chinesa” passeando pelas costas do USA. Mas eles nao vem nenhum… Read more »

Carlos Campos
Visitante

A questão é pq diabos os países da região não fazem um acordo de ajuda mútua, ou passam a treinar juntos contra uma ação chinesa na região? eu como presidente das filipinas já tinha mandando aquelas ilhas pelos ares a muito tempo, não preciso de uma marinha grande, só preciso de explosivos uns navios pequenos, até barcos um grupo de comandos, uns navios maiores para lançar uns mísseis sup-sup, depois se a china quiser briga que venha, iria fazer custar sua ascensão mundial, outro que me parece dormir muito é o Japão, os Japoneses depois da segunda guerra mundial ficaram… Read more »

Dalton
Visitante
Dalton

” os Japoneses depois da segunda guerra mundial ficaram muito fracos,” . Carlos…não foram apenas os japoneses…os britânicos também ficaram, muito mais ainda e na verdade ambos já eram “fracos” quando a guerra começou. . Muitos se impressionam com os 6 NAes que atacaram Pearl Harbor, mas, esquecem ou desconhecem que antes do ataque os EUA já haviam encomendado 11 grandes NAes da classe “Essex” enquanto o Japão encomendara apenas um “grande” o “Taiho” que no geral era inferior ao “Essex” e com o início da guerra o Japão ficou ainda mais para trás. . A diferença que existe hoje… Read more »

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

Vamos la’: https://www.washingtonpost.com/news/checkpoint/wp/2016/03/21/these-are-the-new-u-s-military-bases-near-the-south-china-sea-china-isnt-impressed/?noredirect=on&utm_term=.2804995371e8 > there is “nothing offensive or provocative” So’ na cabeca dos USA e’ que nao tem. Nao existe nenhuma “setima frota chinesa” passeando pelas costas dos USA. Mas eles nao vem nenhum problema em passearem seus navios de guerra perto das costas chinesas. https://www.businessinsider.com/us-disregards-beijing-nonsense-says-it-can-destroy-south-china-sea-2018-6 > The US has been the main challenger to China’s maritime claims. Mas e’ claroo ja’ que e’ uma ameaca `a capacidade dos USA de ameacar os outros. A China ignorou a decisao da corte internacional. E quem e’ o culpado disto? Quem foi que rasgou a lei internacional na cara de todo… Read more »

Carlos Campos
Visitante

Dalton
Obrigado pelo comentário, e sua descrição do status do passado e do presente, o Japão ainda é muito forte, mas como disse a fraqueza está na mente, acredito que Taiwan vai para china e depois pode ser o Japão, e se a China for para cima do Japão esse povo feaco que criou nojo de guerra e qualquer confronto, pode ser facilmente vencido. mas ainda tenho esperanças que o Japão vai melhorar ainda mais sua marinha, e vai aumentar seu número de F35.

Dalton
Visitante
Dalton

Carlos… . não subestime o povo japonês e seus militares…o Japão simplesmente não teve motivos para se envolver em conflitos…até mesmo durante a guerra da Coreia, em 1950, quando os EUA pediram algum comprometimento japonês, independente da Constituição, não se podia considerar a Coreia do Sul como “amiga” do Japão… e apesar de uma certa aproximação, dias atrás, a marinha japonesa deixou de participar de uma revista naval na Coreia do Sul devido à exigência que navios japoneses não deveriam arvorar o “sol nascente” coisa que o Japão negou-se com razão na minha opinião, fazer. . Outros países como os… Read more »

Kemen
Visitante
Kemen

Estão vestindo os pés pelas mangas ! Se acontecer algum confronto, que eu duvido, vejamos: USA, Inglaterra, Australia, Japão, Vietnã (sim meus senhores, o Vietnã tem problemas maritimos com a China), Filipinas, talvez Indonesia, Taiwan também entraria nessa e a India poderia se aproveitar do momento. Sinceramente não acredito num confronto que poder lhes sair muito mal, é pura propaganda !

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

Obviamente ninguem quer que aconteca, mas a coisa ta’ feia,
e este livro e’ leitura obrigatoria para congressistas americanos.

https://www.belfercenter.org/publication/trap-us-china-war

e nao ajuda nada passear com uma destas perto das costas chinesas.

https://www.news.com.au/world/asia/us-navy-sails-massive-fleet-through-south-china-sea-in-defiance-of-chinese/news-story/6fe3e3fa96e211d3fa5fbf88002a95d1

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

Perae… Deixa me ver… O presidente chinês, Xi Jinping, esta se preparando para tomar Taiwan a força e acha que não vai dar em nada?!? Acha mesmo que os EUA e mundo vão ficar calados?
Sinceramente não estou gostando disso!

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

Embora Taiwan seja mencionado no artigo, a pauta nao e’ Taiwan, nem um comando de “todos a postos” porque a guerra e’ iminente. Ao invez disto e’ uma diretriz para avaliar e construir o que for necessario para atingir os objetivos chineses na regiao quando diz : “construir uma força que possa lutar e vencer guerras”. Os artigos abaixo explicam que a China nao precisa superar os USA em numero de armas para conseguir seus objetivos ja’ que os USA nao teriam como retirar suas forcas ao redor do mundo para concentra-los na regiao da China. https://media.defense.gov/2018/Aug/16/2001955282/-1/-1/1/2018-CHINA-MILITARY-POWER-REPORT.PDF https://fas.org/sgp/crs/row/R44196.pdf Though the… Read more »

nonato
Visitante
nonato

Faz tempo que falo e muita gente faz piadinha. Trump não pode perder mais nenhum minuto. Fechar os olhos para o que está acontecendo é um erro. A China está se preparando para uma guerra faz tempo. Nenhum outro país do mundo sequer ousa tentar superar os EUA. Até mesmo a Rússia tem uma atitude mais defensiva. Tem bons armamentos mas os constrói em pequena escala, sem corrida armamentista. Diferentemente da China que constrói de tudo em larga escala. Não há mais o que esperar. Se esperarem, os EUA correm o risco de perder. A situação é muito parecida com… Read more »

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

http://www.msn.com/en-ca/news/world/you-will-suffer-consequences-%e2%80%94-a-chinese-warship-reportedly-threatened-a-us-navy-destroyer-in-the-south-china-sea/ar-BBPlKz5?li=AAggFp5 > Trump não pode perder mais nenhum minuto. E o Trump vai fazer exatamente o que? Atirar primeiro? O ponto em que isto podia ser resolvido pacificamente ja’ passou. Espero que eu esteja errado, mas a guerra vai estourar mesmo, talvez proximo ano, quando os simuladores e jogos de guerra assegurem a vitoria da China na regiao. E quando estourar, nem USA nem China, vao gostar de se destruirem enquanto a Russia sai ilesa emergindo como super-potencia dominante. http://www.atimes.com/article/china-vs-america-who-would-win-the-battle-of-the-south-china-sea/ Na minha opiniao toda esta tensao reside na recusa dos USA aceitarem e admitirem que existem 2 outras super-potencias no… Read more »

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

> Uma China democrática e não comunista poderá ser muito útil ao mundo. Achei o comentario do colega interessante. Ta’ dificil hoje dizer ao certo se a China *de hoje* e’ comunista ou capitalista. Para mim se a economia esta’ baseada no empreendedorismo, no respeito a propriedade privada, e na liberdade de ser tao rico quanto se quer e pode, entao e’ capitalista. O que lanca certa luz quanto a situacao de Taiwan. Quando Taiwan se separou da China, a China era um pais ferrado, hoje e’ uma potencia. Sera’ que o desejo de separacao de Taiwan e’ tao forte… Read more »

Alezera
Visitante
Alezera

Vocês só podem estar de brincadeira, querer comparar a presença americana em alguns países, com a presença chinesa !
Olha os países que foram “ocupados” pelos Estados Unidos o que eles são hoje, Japão, Alemanha , Coreia do sul, e olha o que a China reivindicou como seu.
Ahh muitos vão falar dos paises do oriente medio, o que não da para comparar por causa da cultura anti ocidente que esses paises tem.
Entao por favor sem comparações sem pé e sem cabeça.

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

O mais recente em portugues vindo do New York Times

https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2018/11/sem-regras-como-as-da-guerra-fria-china-e-eua-arriscam-confronto-naval.shtml

Um pouco de historia segundo a BBC.

https://www.bbc.com/news/world-asia-34729538

> in 1979, President Jimmy Carter *ended US diplomatic recognition of Taiwan*
> Since then, US policy has been described as one of “strategic ambiguity”,

https://www.bbc.com/news/world-asia-china-38285354
https://www.economist.com/the-economist-explains/2014/08/25/why-china-and-taiwan-are-divided
https://www.abc.net.au/news/2018-11-08/one-china-policy-history-and-relevance-explained/10465740

> Initially, many governments including the US recognised Taiwan.
> with the US and other countries cutting ties with Taipei in favour of Beijing.
> This has resulted in Taiwan’s diplomatic isolation from the international community.
> Taiwan is not recognised as an independent country by much of the world
> nor even the United Nations

Harriman Nelson
Visitante
Harriman Nelson

Artigo interessante do Newsweek ainda dentro do topico em pauta:

http://www.msn.com/en-ca/news/world/us-military-could-lose-war-to-russia-china-report/ar-BBPLtrM?li=AAggNb9#image=AAvYx3d|31

Em que a Russia e a China constituem uma ameaca???

Resposta: “Washington has viewed as a major threat to its own global dominance”

“we now have two states that actually can challenge our ability to project power
and challenge us in all domains.”

Ora vejam so’, ate’ que o Brasil nao esta’ mau no rank, #14

Viktor
Visitante
Viktor

A China esta certissima em manter longe qualquer território que sirva de base para os americanos, afinal o que os americanos estão fazendo do outro lado do mundo caçando encrenca com outras nações, querem mostrar ao mundo seu poder de fogo? Eles prestam a paz e quando a porrada come abandonam a área, igual a merda que fizeram no Iraque,armaram um monte de mercenários que agora viraram grupos terroristas. Estão esquecendo que metendo a cara com os chineses estão automaticamente chamando também os russos para a guerra. Um presidente maluco inconsequente que náo pensa na nação americana.