quarta-feira, dezembro 1, 2021

Saab Naval

Parlamentares visitam instalações do Programa de Submarinos

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

A Senadora da República Soraya Thronicke, o Deputado Federal Luiz Philippe Bragança e comitiva de parlamentares visitaram, ontem (27), as instalações do Programa de Submarinos (PROSUB), no Complexo Naval de Itaguaí, localizado na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

O objetivo da visita foi apresentar aos Congressistas a situação orçamentária do Programa de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB) e a infraestrutura do Complexo Naval de Itaguaí, onde as obras do PROSUB prosseguem em conformidade com o ritmo planejado, inclusas as construções civis e os submarinos com propulsão diesel-elétrica.

Durante a visita, os parlamentares embarcaram no Submarino “Riachuelo”, o primeiro de sua classe. Na atualidade, o “Riachuelo” está em fase preparatória para os últimos testes de aceitação no mar, finalizando assim o seu processo de prontificação para a realização da Mostra de Armamento, programada para dezembro de 2021, quando será entregue ao Setor Operativo.

Os avanços das obras do setor de infraestrutura no Complexo da Ilha da Madeira, entre as quais se destacam as instalações da Base de Submarinos, abrigo do maior Ativo da Defesa Nacional, do Estaleiro de Manutenção, e do Centro de Manutenção de Sistemas de Submarinos, materializam parcela significativa dos marcos estratégicos do PROSUB, contribuindo para a consolidação da Base Industrial de Defesa (BID) e de outros setores da economia.

Submarino Riachuelo

FONTE: Marinha do Brasil

- Advertisement -

109 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
109 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
John Paul Jones

Caraca, eu sei que vão me crucificar, mas que tinta é essa que a NG usa no SBR-1 !!!, pelo amor de Deus o navio parece sempre velho rs ….

Fernando

Tem toda razão.

Marcos10

Tinta comprada pelo menor preço e entregue pela Odebrecht, a empresa escolhida pelos franceses para ajudar a desenvolver o submarino nuclear, o qual tenho muitas dúvidas se um dia será construído. Enquanto isso constroem-se quatro Citroens convencionais, sem aip, sem baterias mágicas, sem motor Stirling e com a MB adivinhando que o custo operacional desses ai vai sair muito, mas muito caro mesmo.
Tudo sem licitação.

Gerson

Meu caro, volte a leitura da época e você vai ver que tudo teve licitação. Da mesma forma que as corvetas/fragatas Tamandaré. Transferir toda tecnologia de construção quase ninguém quer…

Marcos

Já viu o estado do S-81 Isaac Peral dos espanhóis? Saiu do estaleiro brilhando, o submarino estava refletindo as paisagens do ambiente. Não passou 2 semanas e o submarino ficou assim:

Sol.jpg
Marcos

Olha o bichão como estava antes. Vaselina ou Óleo de Peroba?

antes.jpg
eduardo

Tu vais dar risada, mas óleo de soja/milho/canola e etc deixa a pintura assim…

Camargoer.

Olá Eduardo. Gumex tambem.

Alexandre Cardoso

Talvez os dois … ainda passaram uma flanelinha. kkk

John Paul Jones

kkkkkkkk

Alexandre Cardoso

Dizer que ele arranhou a pintura, é pouco. Praticamente ficou sem tinta nenhuma para ser arranhada, kkkk.

Joao Moita Jr

É pra enganar o inimigo. Assim eles vão pensar que a MB só tem navio velho…

John Paul Jones

ha ha ha ha ha ha ha

Jodreski

Pegou pesaaaaaaaaaado… kkkkkkkkkk

Adriano Madureira

boa!

Alexandre Cardoso

AO menos não perde a tinta, no caminho.

Jadson Cabral

Você acha mesmo que existe brilho que resista ao sol e salinidade do mar por tanto tempo??? É por que você está acostumado a ver fotos de submarinos brilhando em fotos ali ou aqui? Vá ver o estado real

Luiz Trindade

Nem vou comentar…

Mk48

Nessas visitas , essa foto no periscópio é inevitável 😂😂😂😂😂.
.
Pelo visto a previsão de transferência para o Setor Operativo em Dezembro está confirmada!

Last edited 2 meses atrás by Mk48
Camargoer.

Olá Mk48. Aposto em 13 de dezembro, dia do marinheiro.

Mk48

Ola Camargo.
.
Vou seguir sua aposta. Boa pedida.

Camargoer.

Olá Mk48. Caso eu acerte, as pessoas ficarão proibidas de me negativar no PN por um ano.

Mk48

Boa!😂😂😂😂

Piassarollo

Kkkkkk

737-800RJ

Camargoer, esses dias o Galante respondeu a uma pergunta de um leitor sobre uma questão técnica de um navio e foi negativado! Detalhe: a informação estava correta.
Nem o moderador tem imunidade aqui!
AHAHAHAHAHAHA

DanielJr

Ninguém é imune a nada por aqui kkkkkkk

Camargoer.

Ola Daniel. Precisamos nos vacinar.. de preferência com terceira dose. riso.

Camargoer.

Olá 737. vamos fazer o bolão do RIachuelo.. riso

Jadson Cabral

Camargo, já que é assim, já estão aproveitando para negativar enquanto podem kkkk

Camargoer.

Olá Jadson. “Eu sinto um desequilíbrio na força”

Saldanha da Gama

Isto “non ecziste” é milagre e milagre por milagre, é mais fácil o BRASIL tornar-se uma suécia, dinamarca, mônaco (em todos os sentidos) do que alguns deixarem de negativar simplesmente por negativar… ABRAÇOS

Joao Moita Jr

Deveriam ter testado é os tubos de torpedos. Sua Excelência, entre aí por favor…

Carlos Campos

se entresse em sub a primeira coisa que ia querer fazer é olhar pelo periscópio, ia fantasiar que afundar os navios por perto kkkkk

Felipe Morais

Parabéns à senadora, ao deputado e ao restante da equipe.

Seria ótimo se os parlamentares investissem tempo e energia conhecendo os projetos militares e tecnológicos em andamento no Brasil.

Além de facilitar na viabilização dos projetos, faria com que entendessem que há gastos muito mais prioritários do que o custeio de banalidades imorais, a exemplo dos fundos eleitorais e partidário.

Vovozao

29/09/2021 – quarta-feira, btarde, Felipe, como seria bom se esta visita se tornasse boa para MB; BOA, no sentido de mais meios, ja que hoje o que possuimos (na sua maioria) são meíos que ja estariam descomissionado em grande parte das marinhas mundo afora, exemplos nao nos faltam….. fragatas, caças minas, navio reabastecedor, alguns navios patrulhas, sao carencias que teriamos que substituir com urgência, entretanto,sempre falta verba.

Camargoer.

Olá Felipe. A Câmara dos Deputados e o Senado têm comissões de “Relações Exteriores e Defesa Nacional”; A Sen. Soraya é suplente no Senado e o Dep. Luiz titular na Câmara. Então, a MB deve mesmo prestar contas para eles tanto do andamento do programa quando dos problemas. Mesmo que o programa estivesse completamente financiado, a MB tem a obrigação de prestar contas para as duas comissões. Por outro lado, acho um equívoco criticar o fundo partidário/eleitoral. Existem dois modos de financiar uma companha, dinheiro público ou privado. Qualquer pessoa pode financiar o seu candidato (faço isso há anos), contudo… Read more »

Esteves

De bilhão em bilhão chegam a 100.

100 bilhões é muito dinheiro. 1 bilhão também.

Camargoer.

Olá Esteves. Um bilhão é muito dinheiro. Dez mil também. Contudo, como a origem dos problemas das forças armadas é estrutural, não faz diferença adicionar dez mil ou um bilhão no orçamento da MB. Ela vai continuar com os mesmos problemas e defasagens.

Esteves

Mestre,

Isso não faz sentido. Nesse país roubam merenda de escola. Como assim 1 bilhão de reais não faz falta?

Parece a defesa daquela ex senadora. Disse que roubar 5 bilhões da Petrobras não representava muito.

— Que falta fazem 5 bilhões no caixa da Petrobras?

Esteves trabalhou em ex estatal. Cotas, carro, combustíveis, viagens, prêmios, brindes, festas, convenções, almoços, semana de 3 dias. No andar de cima…contratos, celebrações, acordos, compras, vendas. No terraço…helicópteros e remessas.

Dizem que começou com 10 mil.

Last edited 2 meses atrás by Esteves
Camargoer.

Olá Esteves. Calma lá. O que escrevi é que os problemas da MB são estruturais, não orçamentários. Caso o congresso aumente o orçamento da MB isso não resolverá os problemas. O dinheiro adicional se perderá nas mesmas curvas que se perdem os atuais recursos. Um bilhão é muito dinheiro. Dez mil também. O que tenho comentado é que os problemas das forças armadas brasileiras tem menos a ver com a quantidade de recursos mas com a qualidade dos gastos. No atual cenário, aumentar os gastos militares não irá refletir em melhoria das forças armadas. Acredito que elas continuarão pedindo mais… Read more »

Vovozao

29/09/2021 – quarta-feira, bnoite, Mestre Camargoer, a pergunta que faco: se ao invés de orçamento, fosse verba carimbada……. explicando… a veŕba seria destinada a compra de determinado equipamento/meio naval, fora orcamento, tipo essas verbas de sobras do orcamento governo central de final de ano.

André Macedo

Já é feita dessa forma, embora não exatamente. Acredito que o problema seja o inchaço nos quadros e a própria mentalidade do almirantado, de nada adiantaria pois no final seria a própria cúpula que iria decidir o que se “deve” comprar e o que não.

Camargoer.

Olá Vovozão. O problema das forças armadas está na qualidade dos gastos, algo que sempre abordamos. Aumentar os gastos para 2% não resolverá os problemas que são de ordem estrutural, não orçamentária.

Jefferson Ferreira

Da pra ver nos comentários a qualidade da educação brasileira, conseguem ler mas interpretar o que estão lendo são bem poucos…

EParr

Camargoer, quanto será o “fundo eleitoral” na Alemanha?

Roberto Sarge

continua falando besteria, quanto mais borracha se passa em cima de vc, piora o resultado, tisc, tisct……

Mk48

Prezado,
.
O Camargoer é um dos mais antigos e melhores comentaristas do Blog.
.
Sempre contribuiu com muita informação para compartilhar com todos nós.
.
Você e nos todos temos o direito de não concordar com tudo o que ele
escreve, mas se for este seu caso, rebata com argumentos, não fique de molecagem. Contribua com alguma coisa útil, lembrando que a porta da rua é a serventia da casa.
.
Abs.

Piassarollo

Eita, que puxão de orelha, kkkkk

Piassarollo

Só pra acrescentar, concordo integralmente com o MK, o colega Camargoer, além de se mostrar sempre muito educado e paciente, possui inegável conhecimento sobre os assuntos aqui abordados.

Camargoer.

Obrigado Pia;

Camargoer.

Obrigado Mk.

Saldanha da Gama

Parabéns MK!!!! quando há opiniões discordantes, em 1o lugar deve-se prevalecer a fidalguia, cavalheirismo e cordialidade! Se acharmos que a opinião não comunga com a nossa e não tivermos como argumentar, melhor o silêncio…. Abraços

Mk48

Saldanha, boa tarde.
.
Sim.
.
Uns não aprendem nunca. Outros, como eu mesmo, demoram mas acabam aprendendo.
.
Obrigado pelas palavras.
.
Abs

Jodreski

Amigo nem sei o que dizer para vc… pois discordo e muito com a maneira com a qual vc se dirige as pessoas, só saiba que vc tem todo potencial para ser mais educado e cordial ao discordar de alguém.

Camargoer.

Obrigado Jod.

MMerlin

Besteira quem está falando é você, que não se deu ao trabalho de analisar o contexto em que o comentário foi colocado. O que o Camargoer. apontou é a realidade. Qualquer aumento de orçamento antes de uma reforma administrativa nas FA é tapar o sol com a peneira. É esconder os verdadeiros problemas para baixo do tapete.

Referente a classificação “besteira”, se acredita que o ponto de vista está errado, então argumente, questione o comentário, mas não adote a postura de carimbar. Demonstra ignorância.

Camargoer.

Obrigado MMerlin.

Allan Lemos

Camargoer, os militares devem realmente prestar contas ao poder civil, o problema é que este não parece muito interessado no que eles fazem, já que as forças armadas tocam os seus projetos por conta própria. Digo isso porque projetos estratégicos são cancelados e/ou atrasados sem que antes o Parlamento se manifeste a respeito, o que é errado. Por exemplo deveria ser os parlamentares aqueles que decidirão se seria interessante ou não vender os 2 Tupis que serão retirados do serviço ou ainda decidir quantos submarinos o Brasil deve operar. Mas parece que os militares decidem esses assuntos por conta própria… Read more »

Camargoer.

Caro Allan. Discordo. As decisões executivas são tomadas no contexto dos ministérios. Cabe ao parlamento aprovar as proposições apresentadas pelos ministérios e acompanhar a sua execução. No caso dos submarinos, a MB apresenta deus planos e demandas. Cabe aos deputados e senadores indagar a MB sobre as razoes, a fundamentação técnica, os planos, etc… E uma vez convencidos, aprovar o pedido. Se a MB não convencer, negar os pedidos. Uma vez aprovados, cabe aos parlamentares acompanhar a execução. Mas acho difícil que deputados e senadores decidam pela MB. Eles não tem esse poder.

Allan Lemos

Eles têm sim, Camargoer. Tudo que se trata de defesa e soberania nacional é prerrogativa do Parlamento e do Executivo. Por exemplo, nos EUA, a USN não poderia simplesmente reduzir o número de submarinos sem antes debater isso com o Congresso, já que tal ação teria um impacto na capacidade de defesa do país. Já aqui os militares decidem sozinhos se o Brasil vai operar 5, 7 ou 100 submarinos. A FAB decide sozinha que vai cancelar o MAR-1, o EB decide sozinho que vai comprar apenas 100 unidades do futuro MTC-300 e assim por diante. Não entro no mérito… Read more »

Camargoer.

Olá Esteves. Foi o que eu escrevi. Os militares precisam levar as demandas para o legislativo e explicar lá os fundamentos de seis planos. O deputados e senadores irão questionar os militares e aprovarão ou rejeitarão das demandas. A partir deste ponto, os deputados e senadores irão acompanhar e fiscalizar as ações dos militares; O que não cabe aos deputados e senadores é determinar se a MB irá operar um ou uma dezena de submarinos, de qual modelo ou por qual período. A proposição técnica é prerrogativa do ministério que é o executivo. A aprovação ou rejeição da proposição técnica… Read more »

Pereira

Mas e o quê esses parlamentares brasileiros entendem de estratégia seja lá qual for….o que essa gente entende de poder maritimo ou poder naval? O quê essas pessoas entendem de objetivos nacionais? O quê essa turma entende de submarino com capacidade de ataque nuclear para um submarino com propulsão nuclear porém ďesdentado em termos de armamento poderoso à bordo? Na verdade essas inspeções só rendem à eles, boas diárias…hoteis….carros e etc.

Allan Lemos

É para isso que existem assessores, meu caro. Nos EUA, há muitos militares do Pentágono que auxiliam o Congresso nessas questões e até mesmo alguns think tanks especializados que fazem essa função, elaborando estudos e relatório que assistem os parlamentares na tomada de decisão.

Aos militares cabem decisões no nível tático e operacional, mas as de cunho estratégicos deveriam ser discutidas e decidas pelo Congresso, que teoricamente representa o poder do povo.

É um completo absurdo que as FA tomem decisões que afetam diretamente a defesa e a soberania da Nação à revelia dos poderes eleitos democraticamente.

Camargoer.

Olá Allan. Neste ponto eu concordo com você. Os militares precisam apresentar seus pontos de vista para serem discutidos com os poderes democraticamente eleitos. Ainda assim, as diretriezes polóticas de defesa são uma prerrogativa dos poderes civis eleitos

Jodreski

Complicada essa questão… os parlamentares “decidirem” algo que afetaria as forças, na minha opinião eles não tem conhecimento técnico para debater sobre essas questões. O tiro poderia sair pela culatra, por exemplo: o parlamento decidir que as Niteroi não devem ser descomissionadas pq a MB não pode ter menos que “X” escoltas. Tudo bem a MB poderia não descomissioná-las “oficialmente”, para fazer cumprir a ordem, mas isso não significa que a força terá dinheiro para remotorizar (ou que seja viável), reformar e atualizar seus sistemas para que ainda seja um meio de valor estratégico e não simplesmente uma sucata com… Read more »

Camargoer.

Olá Jod. Este é o ponto. As diretrizes e estratégias são elaboradas pelos especialistas, que aprensentam ao parlamento, onde são debatidas. Os parlamentares podem chamar os militares para apresentar suas justificaticas, podem chamar pesquisadores das universidades, lideranças empresariais, ministros de outras áreas… até chegar a um ponto no qual são aprovadas as demandas. Esse processo leva tempo e sucessivas revisões. A partir deste ponto, cabe ao congresso garantir os recursos e fiscalizar a execução.

Mk48

Muito bem colocado.
.
Abs

Marcelo Baptista

É que em teoria, os parlamentares são nossos representantes, e em teoria devem zelar pela boa aplicação dos nossos impostos.
Por isto, todo o gasto do executivo e judiciário deve passar pela aprovação do Congresso, que em teoria deve avaliar, e aprovar ou não.

Last edited 1 mês atrás by Marcelo Baptista
Plinio Carvalho

Eu não concordo com fundão e jamais vou concorda. Vc diz que o financiamento privado deixa os políticos na “coleira” e esta certo ate certo ponto, mas é ilusão acha que só pq o fundão existe a relação promiscua entre políticos e empresários deixou de existe, não deixou, os políticos recebem dinheiro do estado com o fundão e ainda recebem dinheiro por fora para realizar “favores” para empresários, o fundão não impede nada. Essa questão do fundão ainda tem outra questão importante, é um completo absurdo que eu, vc e qualquer outro brasileiro seja obrigado a financiar partidos que não… Read more »

Last edited 2 meses atrás by Plinio Carvalho
Camargoer.

Caro Plinio. A base da democracia é que todos tenham direitos iguais. O problema do financiamento exclusivamente privado distorce esse princípio, favorecendo o abuso do poder econômico. Os setores mais ricos da sociedade têm maior capacidade de financiar os partidos e políticos que defenderão os seus interesses. Outros setores da sociedade mais pobres não terão condições de financiar em termos equilibrados os partidos e políticos que defendam os seus interesses. A consequência é a eleição de um congresso desequilibrado, no qual os setores privilegiados da sociedade estarão superrepresentados e o os setores menos privilegiados estarão subrepresentados, perpetuando a distorção social.… Read more »

Marcelo Baptista

Camargoer, o Fundo Partidário leva a mesma distorção que o Imposto Sindical, o seu representante, deixa de te representar para virar um burocrata sem vontade. Os partidos devem representar um grupo, uma ideia, devem ser sustentados por este grupo. No momento que o dinheiro entra sem esforço, gerou o que temos hoje, dezenas de partidos, que se juntam ou se separam, mas que no fundo so existem para bancar os parlamentares burocráticos (vulgo Centrão), gente que so esta preocupada de garantir a próxima eleição, não importa como. O poder econômico, sempre será um influenciador extremamente forte, mas será obrigado a… Read more »

Felipe Morais

“Então, a MB deve mesmo prestar contas para eles tanto do andamento do programa quando dos problemas. Mesmo que o programa estivesse completamente financiado, a MB tem a obrigação de prestar contas para as duas comissões.” Sim, mas, quando escrevo o que escrevi, me refiro a uma postura mais ativa do parlamento quanto aos projetos militares. Entender como é e como não é. O que tem e o que não tem. O que se poderia ter. Não apenas uma prestação de contas do que está sendo feito. Um verdadeiro relacionamento institucional entre o congresso e as forças armadas. “Por outro… Read more »

Oráculo

Quando a gente vê esse tipo de notícia a gente entende o motivo da Defesa nacional estar tão defasada.

Nos países que se preocupam com sua defesa esse tipo de notícia não apenas é normal, como também corriqueira. É comum parlamentares acompanharem o dia a dia das FFAA.

Já aqui vira notícia, muita gente se surpreende e outros ainda criticam.

Pedro Fullback

Nenhum brasileiro é favorável ao aumento de gastos em defesa. a pasta do Ministério da Defesa é o terceiro com maior orçamento então, dinheiro não falta. Agora, não é culpa da sociedade se apenas 10% do orçamento vai para a segurança nacional. Será que os militares não pensam em cortar custos? E lembrando, o gasto com o pessoal em 2021 AUMENTOU ao invés de diminuir.

Roberto Sarge

dinheiro não falta é uma piada, KKKKKKKKKKKKKKKKK……………como cortar custos de uma estrutura que requer manutenção, gastos operativos, etcs, etcs???? De onde vc tirou que militares podem cortar custos????????? Interessante desse blog aqui são as piadas constantes, o melhor do circo é o palhaço, KKKKKKKKKKK.

DanielJr

Quase sempre tem de onde cortar custos, geralmente o caminho são reestruturações e aumento da eficiência.

Thiago A.

Então o atual modelo de defesa brasileiro é o melhor possível, esse é o melhor serviço que as FA podem prestar para a sociedade e o Estado brasileiro ? Não há nada que se possa fazer ? Qual é a sua, desonestidade intelectual ou conformismo?

Thiago A.

Creio que ninguém aqui tem a competência ou arrogância de resolver problemas crônicos das FA, muito menos é nosso dever /obrigação encontrar respostas e soluções, mas qualquer cidadão (que não seja cego) minimamente alfabetizado e informado sabe que estamos muito longe dos padrões das FA da OTAN por exemplo.
50 % dos gastos das FA brasileiras são relativos ao operativo e investimento ?
Abra os dados , divulgue e nos ilumine.

Jadson Cabral

Amigo, se uma família de 5 pessoas que sobrevive com 1 salário mínimo consegue cortar gastos quando o gás já compromete 10% do salário mínimo, quando a energia está cara e quando a cesta básica tá um absurdo, eu tenho certeza que os militares também podem. Por favor, não tem idiota aqui. Tenha mais respeito ao nosso intelecto, tenha mais respeito com o brasileiro.

DanielJr

Eu sou favorável ao aumento com gastos com defesa e a construção de mais usinas nucleares (exceto angra 3) para a geração de energia elétrica. O que eu critico é que empregam bastante dinheiro para gerir programas de estudos e inovações tecnológicas e no final não há verbas para a aquisição dos produtos em si, não tendo muitos resultados práticos.

Jadson Cabral

Continue defendendo aumento de verga para a defesa que você vai ver onde vai parar esse dinheiro… se em ano de pandemia, durante crise e onde falta dinheiro pra tudo o gasto com pessoal só cresceu… imagina num cenário tranquilo, com orçamento crescendo ainda mais… tu vai ver as forças armadas criando novas patentes, novos grupos de estudo, novas estruturas burocráticas, novas escolas disso e daquilo, aumento de soldo, criação de penduricalhos… logo começa o choro de que militar ganha pouco e sempre foi maltratado pela sociedade, que precisa ter os salários reajustados e bla bla bla

Jodreski

Olha Daniel eu não sei qual o modelo energético que o Brasil deve adotar, mas sei que o modelo de Usinas Hidrelétricas está em decadência no país, vou me resumir a falar da região aonde moro, interior de SP, são incontáveis as nascentes que foram perdidas nas últimas décadas, o estado não tem capacidade nenhuma de fiscaliza-las e pouco as tem mapeadas. A previsão à curto, médio e longo prazo para a região de SP é das piores possíveis, as grandes represas estão secando, a região enfrentará uma crise de desabastecimento de água nos próximos anos. . Claro que as… Read more »

Camargoer.

Caro Daniel. A construção de Angra 3 já foi iniciada. É mais simples e barato concluir Angra 3 do que começar outra usina em outro lugar.

Slow

É ..

7BAFE61A-9BD8-48DE-88F7-D3B390EFCF58.jpeg
sub urbano

Do jeito que são nenecos a MB deve ter deixado os quinta colunas visitar ate o reator. O “homem da mala preta” deve ter feito uma visitinha ao Congresso na vespera “tira uma fotinha pra mim, 30 milhões pingando na sua conta amanhã, posentadoria igual a do sergio moro em washington”, tudo isso em inglês é claro kkk

Mk48

Não creio……
.
Até pelo menos ontem o projeto do reator estava sendo de desenvolvido em Aramar , SP. Sera que colocaram tudo num caminhão e levaram para Itaguaí durante a madrugada ? 🤔

Luiz

Essa foi boa!

Félix_risada.gif
Last edited 2 meses atrás by Luiz
Jadson Cabral

quinta coluna kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk meu deus, o delírio vai longe. Esses discípulos do Olavo de Carvalho são uma figura

Camargoer.

Olá Jadson. O principe Luiz de Orleans um quinta coluna…. imagino o que Franco dira.

Adriano Madureira

Espero que não fique somente na visita ! Deveria-se pegar todos os parlamentares, tanto os da CRD&DN quanto os que não fazem parte da comissão para visitar não só o PROSUB, mas também a Embraer para ver a linha de montagem do KC-390 e a IVECO para ver o guarani.

Porquê para muitos desses folgados, usar dinheiro público na obtenção de submarinos, caças e fraguetas é visto como gasto e não investimento, mas aumento no fundo partidário e liberação de emendas parlamentares a torto e a direito é algo justo pois faz parte do jogo democrático.

Jadson Cabral

Sim. E também têm que fazer um levantamento dos gastos do ministério da defesa, fazer um levantamento sobre a quantidade de instalações militares ineficientes e até inúteis no país inteiro. Tenho certeza que dá pra salvar horrores de dinheiro fazendo isso.

Foxtrot

Itaguaí virou polo turístico de políticos agora também ?
Já não bastava a MB transforma as instalações do prosub numa “Dysney” militar?
Infelizmente essas visitas políticas não vão passar disso, turismo político.
No Brasil quando está perto de eleições, se vê de tudo e se houve de tudo.
Se visita política resolvesse alguma coisa, o programa espacial brasileiro estaria de vento em popa, e a base de Alcântara não teria sido “alugada” .

Camargoer.

Caro Fox. Eu não sei se foi a MB quem convidou ou se foram os parlamentares que solicitaram a visita.

Jadson Cabral

Eu não sei em que mundo você vive, mas no nosso, ainda que seja o Brasil, é totalmente normal e rotineira a visita de parlamentares às instalações militares. As forças armadas precisam prestar conta e os parlamentares precisam conhecer os programas, conhecer as necessidades do país, pois, não sei se você sabe, o orçamento depende deles.

Foxtrot

Vivo no mundo chamado Brasil (que é completamente diferente do mundo real). Se não sabe ler, ou não conhece ironia, vou desenhar para você. Por isso mesmo disse que os parlamentares foram lá, porém como é de praxe, eles irão lá conhecer, fazer um monte de promessas vazias (típico da politicagem nacional), e no final tudo continuará como antes. Veja as N,s “visitas” parlamentares que fizeram em Alcântara e ao PEB (programa espacial brasileiro), e olha no que resultou. Veja como estão as instalações da base e os N,s projetos estratégicos que o IAE/ IEAV estava tocando. Programas como Sara,… Read more »

Nilo

Na nota da Marinha deveria está presente o nome de todos os parlamentares que fizeram a visita e só está presente o nome e a “foto” somente de dois parlamentares.

Last edited 2 meses atrás by Nilo
Pereira

Impressionante como sempre escolhem a foto com o pior ângulo possível para ser publicada. Esses submarinos são grandes…..são imponentes mas nas fotos que são publicadas, pelo angulo mostrado (sempre), parecem pequenos….sem nenhuma imponência. E isso se dá com navios, aeronaves e etc brasileiros. Sou fotógrafo também!

Jadson Cabral

Pior é que fotógrafo é o que não falta nas forças armadas brasileiras. Ao que parece, amor parte ruim. As forças armadas são péssimas de marketing e eu sempre digo isso aqui. Mas alguns, incluindo os militares, não vêm necessidade de mostrar as forças armadas para o público, afinal, aqui é o Brasil. Independente da opinião do público, eles continuam recebendo seus altos salários e pra eles é isso o que mais importa.

Heinz Guderian

Esse deputado Luiz Philippe Bragança , é descendente da família real?

Eder

Sim

Xerem

Sim

Helio M

Alguém sabe o motivo de as chapas mais claras serem rebitadas e não soldadas?

Fernando "Nunão" De Martini

Helio,
No caso da vela e da parte superior do casco externo, não são chapas de metal, são placas de fibra de vidro (ou material composto, já não lembro qual é qual em cada parte) que são aparafusadas em suportes soldados no casco de pressão e na estrutura metálica da vela.

Podem ser desse material leve pois não precisam ser chapas resistentes à pressão (pois a água do mar preenche os vãos quando em imersão). Abaixo, em tom mais escuro, é o casco interno, também chamado casco de pressão, que é soldado.

Fernando "Nunão" De Martini

Nesta matéria de uma série do Poder Naval sobre Itaguaí e a construção do Riachuelo, dá pra ver tudo isso em detalhes, com várias fotos e explicações:

https://www.naval.com.br/blog/2018/06/11/11-de-junho-dia-de-entrar-no-futuro-riachuelo-com-o-poder-naval/

Mk48

Se não me engano, os Oberon foram os primeiros submarinos construidos com material composto na vela

Alex Barreto Cypriano

Mestre Mk48, o USS Halfbeak já possuía uma vela em compósito (fibra de vidro) em 1954. Na verdade, a vela em compósito foi adotada para o Halfbeak (um Balao Class) em substituição da vela em alumínio devido ao problema da corrosão eletrolítica.

Last edited 2 meses atrás by Alex Barreto Cypriano
Mk48

Caro Alex, boa tarde.
.
Essa eu nao sabia.
.
Obrigado pela informação.!
.
Abs

Luiz Trindade

Os parlamentares deviam investigar porque os submarinos convencionais comprados pela Marinha do Brasil não tem o sistema AIP. Isso ajudaria muito esses submarinos ficarem mais tempo submersos.

Gerson

Não sei se os senhores serviram a MB, mas eu sim e nunca vi pintura de navio ou submarino brilhante, o objetivo eh não ser visto, pintura fosca…

Publicidade
- Publicidade -
Parceiro

Últimas Notícias

Reator nuclear pode tornar Brasil autossuficiente em radiofármacos

Empreendimento reduzirá riscos de desabastecimento e custos dos medicamentos, além de ampliar o acesso dos brasileiros à medicina nuclear São...
- Advertisement -