quarta-feira, dezembro 1, 2021

Saab Naval

Ministro da Defesa de Taiwan diz que China pode lançar uma ‘invasão em grande escala’ até 2025

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Chiu diz que as grandes incursões chinesas de ADIZ são ‘o momento mais sério em meus 40 anos de serviço militar’

TAIPEI (Taiwan News) – O Ministro da Defesa de Taiwan, Chiu Kuo-cheng (邱 國 正), estimou na quarta-feira (6 de outubro) que a China terá a capacidade de lançar uma “invasão em grande escala” de Taiwan até 2025.

De sexta-feira (1º de outubro) a segunda-feira, um recorde de 149 aviões de combate chineses invadiram a Zona de Identificação de Defesa Aérea (ADIZ) de Taiwan, disse Chiu. Durante uma sessão de perguntas e respostas fora do Yuan Legislativo na quarta-feira, um repórter perguntou a Chiu se a China tem meios para invadir Taiwan.

Chiu disse que o Exército de Libertação Popular (PLA) tem atualmente a capacidade de invadir Twain, mas indicou que provavelmente não atacará imediatamente, a menos que seja provocado “porque teria que pagar um preço”, relatou a CNA. No entanto, Chiu disse que “Em 2025, os custos e perdas da China serão reduzidos ao nível mais baixo e ela terá a capacidade de lançar uma invasão em grande escala de Taiwan”.

Porta-helicópteros chinês Hainan, Type 075

Quando questionado sobre as recentes incursões da ADIZ, Chiu disse que a situação através do Estreito é o “momento mais sério em meus 40 anos de serviço militar”.

Quanto ao motivo da queda repentina dos voos militares chineses na terça-feira, Chiu afirmou que todo exercício militar tem etapas e, embora não saiba a duração planejada dessas manobras, “Se há um ponto de partida, deve haver ser um fim.”

Em um relatório especial do orçamento militar apresentado ao legislativo, o Ministério da Defesa Nacional afirmou que 64% dos NT$ 240 bilhões (US$ 8,5 bilhões) em gastos extras serão alocados para as armas antinavio do país, incluindo os mísseis antinavio com base em terra Hsiung Feng IIE, Hsiung Feng III e de alcance estendido Hsiung Feng III, que respondem por 34% do orçamento especial. Chiu disse a repórteres que os sistemas de armas que aumentarão as capacidades de combate, como o Hsiung Feng, podem ser produzidos imediatamente e devem ser listados como prioritários.

Míssil antinavio Hsiung Feng III

FONTE: Taiwan News

VÍDEO: As capacidades da Marinha do Exército de Libertação Popular

- Advertisement -

168 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
168 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Antoniokings

Não creio.
A reunificação será um processo pacífico.

Allan Lemos

Só se for a unificação que acontecerá assim que os usurpadores sumirem do mapa e permitirem que os chineses do continente voltem a viver sob o governo legítimo da República da China, mas do contrário, os cidadãos desta jamais aceitarão abandonar os seus valores democráticos sem uma boa luta.

André Macedo

Será que o Generalíssimo Chiang Kai-shek seguia esses tais “valores democráticos”? Hahaha governo legítimo sob um ditador sanguinário e perseguidor cujo legado está sendo apagado pelos próprios taiwaneses, que piada.
Sempre é bom repetir a frase proferida por ele mesmo: “Eu prefiro matar 1000 inocentes por engano do que deixar um comunista escapar”
Chiang era conhecido pelo mundo como “General Vermelho”, inclusive recebia ajuda da URSS nessa época, só que os soviéticos retiraram a ajuda depois do massacre covarde de 1927.

Se tem uma coisa fácil nesse mundo se chama “falar”, saber do que está falando já são outros 500…

Last edited 1 mês atrás by André Macedo
Augusto

André Macedo, o opositor de Chiang Kai-shek, fundador da República Popular da China o grande Mao disse “Eu não tenho medo da uma guerra nuclear. Há 2,7 bilhões de pessoas no mundo, não importa se alguns morrerem. A China tem uma população de 600 milhões; mesmo que metade deles morra, ainda restará 300 milhões de pessoas. Eu não tenho medo de ninguém.” Quantos milhões de inocentes iriam morrer na conta desse louco não e mesmo? Alias falando em matar inocentes esse dai não ficou apenas nas palavras não.

Realmente concordo com você que tem que saber o que se fala.

Antonio Palhares

Teve doido do lado americano querendo explodir centenas de bombas nucleares na antiga união soviética quando esta não tinha tais armas. Infelizmente isto faz parte do gênero humano. Todo grande assassino é considerado grande líder no seu país.

André Macedo

Ué amigão, mas onde sua frase contradiz a minha? Eu disse que os valores do KMT não eram nada democraticos como o colega disse, vamos melhorar a a interpretação, nao é difícil.

Augusto

kkkkk, não fica nervoso não amiguinho. Você quis tentar mostrar que Chiang Kai-shek não era nenhum santo, eu quis te lembrar que o outro lado também estava muito longe disso e acredite Mao não ficou apenas nas palavras não.

Last edited 1 mês atrás by Augusto
André Macedo

E em que exatamante isso altera meu comentário? O outro lado fazer torna certo? É competição de quem comete mais crimes de guerra? Kkkkkk não to nervoso amigo, você é que não tem noção de argumentação, Chiang também não ficou só nas palavras, Taiwan inclusive tem leis para apagar o legado e retirar homenagens, depois do reinado de terror que ele instaurou na ilha.

WSilva

Valores do KMT? Meu amigo, pesquise sobre as reivindicações do KMT para a China.

Eu vou te dar uma dica, o KMT queria tudo o que o PCCh hoje quer, e mais, queria também a Mongólia INTEIRA. rs

Antonio Hélcio Vilela

Monte de asneira, 600 milhões, faz tempo…

Agressor's

A China tem um modo de operação diferente dos eua. Enquanto os eua se utilizam da força militar para se impor os chineses transferiram para o campo econômico que é silencioso e passa despercebido da população, diferente de uma guerra que causa alarde e traz consequências profundas que diga a mais recente do Iraque. Não defendo nenhum dos dois, pois ambos tem seus interesses particulares…

Antoniokings

Que mané, valores democráticos!
Ganha quem tem mais.
E dentro em breve a China estará podendo muito.
Muito mais que agora.

A6MZero

Antonio se for assim a China não vai ter muito tempo pra aproveitar, a maioria dos analistas aponta que a China vai ser ultrapassada pela Índia como maior potencia econômica. Se levar em conta as previsões dos próximos anos 21/22 e 2023 a Índia já cresce mais rápido que a China. Isso pode ser ainda pior se mais empresas chinesas se provarem insalubres e sem lastro real, já esta causando um mal estar nos mercados, se outros casos acontecerem pode gerar o derretimento do mercado Chinês de forma muito rápida e agressiva. ( Algo que seria ruim para todos especialmente… Read more »

Slow

Essa previsão da India passar China é pra 2100 .. se for concretizado ..

Andreo Tomaz

Só previsão mesmo. Embora consiga ultrapassar os EUA, acredito que a Índia não passará a China em 2100 por um série de fatores. O desenvolvimento da China coincidiu com um processo histórico em que se demandava de grande quantidade de mão de obra humana, e a China tinha esse aporte humano. Hoje devido ao desenvolvimento tecnológico, já existe fábricas em que 70% da “mão de obra” é composta por máquinas. Acredito sim, no desenvolvimento da Índia, mas sofrerá maiores obstáculos, e gerará maiores desigualdades do que na China.
https://exame.com/economia/fabrica-na-china-vai-trocar-90-dos-trabalhadores-por-robos/

francisco

Mais máquinas geram mais desempregados e mais pobreza. Quanta mais gente pobre, mais gastos sociais e mais perigo de revoltas populares.

A6MZero

Essa previsão de 2100 já foi revista, a mesma mantinha o Brasil como a 8º até 2050 e o México nem figurava entre as 12 maiores, além disso previa um queda mais lenta da economia americana e um forte crescimento Chinês até 2060, não foi o que aconteceu a economia americana caiu mais rápido que o previsto apesar já dar sinais de recuperação sustentada e a China não cresce mais tão rapidamente, já dando sinais desaceleração desde o segundo trimestre desse ano, algo que não se previa para antes de 2040/2050. Hoje se presume China e Índia em pé de… Read more »

Slow

Que a India estará no top 3 em 2100 é fato , agora passar a China acho difícil ..

Antoniokings

Exatamente.
As condições econômicas da China, sua infraestrutura, suas cadeias de suprimentos, centros de pesquisa e etc. são muito superiores às da Índia.
O negócio do momento e dos próximos muitos anos será investir na China.

francisco

De 2030 (ano que dizem que a China superará os USA) para 2.100, são só 80 anos. Muito pouco tempo para se manter como superpotência. Aliás são só achismos, aqueles dois países não tem capacidade de suprirem as necessidades de suas imensas populações. É muita gente para comer, exigindo empregos, moradias e outras demandas….

Slow

Esse papo da China não conseguir suprir as necessidade do seu povo ja foi né .. hoje em dia não cola mais ,é óbvio que uma parte passar necessidade como em qualquer país .

WSilva

A Índia não tem a menor chance de ultrapassar China e EUA, não do jeito do que está configurada hoje.

A Índia será uma espécie de Brasil mas com um pib muito maior, dominada culturalmente pelo ocidente e com uma concentração de renda astronômica.

A elite indiana funciona como o STF, trabalha para manter os privilégios e povo manipulado.

Antoniokings

A6MZero

A China já bem maior que os EUA em PPC e está prevista a ultrapassagem em moeda corrente em 2028.
A possibilidade da Índia passar a China (nem todos concordam com isso) seria em um momento muito distante.
Portanto, uma coisa de cada vez.
Lembra que se a Índia ultrapassar a China teremos sacramentado o fato que o eixo do desenvolvimento econômico teria de deslocado para o Oriente, o que seria péssimo para as atualmente estagnadas economias europeias e os EUA. .

J-20

A maioria das previsões não incluem 3 coisas: 1- A população indiana, conforme vai ficando mais rica, também vai parar de ter um time de futebol de filhos por família e chegar muito próximo do que é a China e Europa nesse quesito. 2- Enquanto a economia chinesa se especializou em produção de produtos de alta tecnologia e valor agregado alto, os indianos se especializaram em T.I. , o que é algo previsto para ser substituído por inteligência artificial, fazendo muita gente ficar sem emprego por alguns anos até eles adaptarem o mercado de trabalho deles. Atualmente, eles tem feito… Read more »

WSilva

A fundação da Índia moderna é de 1947 e da China de 1949. A Índia tinha tudo para sair na frente da China, inclusive o regime político de acordo com muitos aí, mas o que vimos foi justamente o contrário, a coesão do povo chinês aliado a um estado forte com ajuda da ganância dos ocidentais fez a China o que é hoje.

Posso estar errado, mas a Índia perdeu o bonde, ou chegou tarde na balada.

francisco

A dívida chinesa equivale a 2,8 vezes o valor do PIB. Não produz a comida que come. Como vai sustentar uma guerra contra os USA, um dos principais produtores de comida do mundo?

Slow
elias

taiwan, korea, vietnan, japan, australia, nova zelandia,philipines e outros pequenos (militarmente falando) paises da regiao , além dos ocidentais vs a China e alguns pobres latinos americanos ultrapassados que sonham com o maoismo e a utopia kubana …. é pá acaba…

Agressor's

Enquanto o brazileiru pensa em coisas como carnaval, futebol, e cerveja as potências estrangeiras pensam só em nossas terras e nas riquezas delas. Em breve os chineses e os estadunidenses dominarão o nosso agro. Para a esquerda, o braziu está sendo vendido para os eua. Para a direita, o braziu tá sendo vendido para a China. Mas a realidade é que o braziu já foi vendido faz tempo, porque que um país rico existe miséria? Hoje as invasões são mais sutis, basta dominar o país economicamente, controlar as mídias, as redes sociais e colocar políticos fantoches para controlar a população.… Read more »

Augusto

Agressor’s concordo com você. O grosso da população desse pais só quer se preocupar com besteiras que não vão nos levar a lugar nenhum e a nossa classe mais favorecida “intelectualmente” fica nesse eterna briga de quem e melhor ou pior das potencias, mas a grande verdade que TODAS elas se tiverem a oportunidade de nos esfoliar TODAS elas o farão. Na geopolítica não existem bandidos e mocinhos, só existem interesses. E a verdade seja dita, o que temos a oferecer ao mundo a não ser as nossas riquezas naturais? Temos de tudo aqui nesse pais, e temos tudo para… Read more »

Agressor's

O Brasil tem tudo pra ser uma grande nação igual a China, o problema tá em nós mesmos(brazileirus). A China cresce porque tem um governo voltado para o bem da China e dos chineses ao contrário do braziu. A gente podia ser o que a China é hoje. Temos matéria prima e mão de obra, um litoral enorme para criar vários portos para Europa, Américas, diretamente (Ou Ásia contornando a Patagônia sem precisar passar pelo canal do Panamá, que é mais longe e mais caro ou via Terra dando trocados até pelos países com rotas para o pacifico). Mas o… Read more »

Hellen

Pode ficar tranquilo os que não aceitarem a unificação serão enviados paras os centros de reeducação do partido comunista para reaprender a viver sobre as leis chinesas,tratamento vip !!!

Agressor's

Enquanto os Estados Unidos priorizavam como forma de manutenção de seu império a invasão e saque de países ao redor do mundo… A China sempre trilhou o caminho inverso. A visão da China sempre esteve muito além, está ai o resultado hoje, questão de tempo para engolir o SAM…

Ninguém mais pode deter o progresso chinês!!

Last edited 1 mês atrás by Agressor's
WSilva

Taiwan não tem escapatória, sua história está intrinsecamente conectada a China, a China é o verdadeiro dono da ilha, logo o governo da ilha é ilegítimo. E digo mais, devemos ter muito cuidado com aqueles aqui no Brasil que apoiam grupos separatistas pelo mundo, pois esses não pensarão duas vezes antes de entregar a Amazônia para potências estrangeiras. Como eu já disse anteriormente, o atual governo de Taiwan conseguiu unir o PCCh e o KMT, dois rivais históricos da guerra civil chinesa e assim que a ilha for reunificada, quem vai governar a ilha será o KMT sob a tutela… Read more »

Allan Lemos

Camarada, você está equivocado. Em primeiro lugar, Taiwan não tem a sua história conectada à China, Taiwan É a China, ou República da China, para ser mais preciso. Segundo, da mesma forma que o PCC afirma ser “dono” da ilha, o governo desta também afirma ser “dono” das províncias que estão no continente, que atualmente se encontram sob o controle do PCC. Terceiro, é o PCC que é o governo ilegítimo, a prova disso é o fato do governo da ilha ter feito parte do Conselho de Segurança até 71, quando o lobby do PCC na Assembleia Geral tornou-se muito… Read more »

WSilva

Primeiro, não existe duas Chinas, existe apenas uma China, Taiwan, como província, faz parte da China. Segundo, o PCCh não é ilegítimo, é o vencedor da guerra civil chinesa de 1949. Terceiro, quem deu golpe no último governo imperial na China em 1911 foi justamente a turma do Sun Yat Sen, que mais tarde criaria o KMT. Quarto, quem governa Taiwan hoje é o DPP, DPP é um intruso na relação PCCh e KMT. O DPP é uma espécie de partido ocidental dentro da ilha que conseguiu unir dois rivais históricos, PCCh e KMT. RPC tornou-se membro do conselho de… Read more »

Last edited 1 mês atrás by WSilva
Allan Lemos

Acho que você não leu meu comentário, vou repetir, Taiwan É a China, o governo da ilha afirma ser “dono” também das províncias que estão no continente, e não apenas da insular. Segundo, o PCCh não é ilegítimo, é o vencedor da guerra civil chinesa de 1949. E daí? Vencer o perder uma guerra não é o fator que determina a legitimidade de um governo, a menos que seja uma civil, nesse caso poderia ser argumentado que o vencedor adquiriu a legitimidade via “Right of Conquest”. Se o governador de SP mandar a sua PM invadir Brasília e derrotar as… Read more »

WSilva

”o governo da ilha afirma ser “dono” também das províncias que estão no continente, e não apenas da insular.’ Você tá mal informado, o governo da ilha que reivindicava o continente era o KMT(derrotado na guerra civil chinesa), o governo atual(DPP) ABRIU MÃO desse pensamento, nem mesmo o KMT tem essa intenção mais. O KMT respeita o Principio de Uma só China e é contra a independência da ilha, diferente do DPP que é um partido ocidental pró independência. ”E daí? Vencer o perder uma guerra não é o fator que determina a legitimidade de um governo, a menos que… Read more »

Leandro Costa

Gente, nem um, nem outro e ao mesmo tempo ambos. A RPC substituiu a República da China no Conselho de Segurança da ONU por manobra americana. Foi uma manobra para isolar a URSS, visto que naquela época, China e URSS haviam rompido (inclusive com troca de tiros em pontos da fronteira entre os dois países). Foi parte do processo de reaproximação dos EUA e Ocidente com a China continental. De quebra ganharam mais liberdade de ação no Vietnã, podendo bombardear à vontade sem medo. Foi à partir desse processo que Nixon visitou a China em 1972, e à partir daí… Read more »

WSilva

”A China comunista é o que é hoje devido à esse processo.” Isso é muito simplista. O que permitiu a China crescer foi entre outras coisas a ganância do ocidente, se não fosse a ganância do ocidente, a China, mesmo membro do conselho de segurança da ONU seria um player comum, assim como é a França hoje, talvez até menos importante. Os ocidentais acreditaram que o regime chinês não era capaz suficiente em levar a China adiante e que fatalmente iria cair, especialmente mais tarde ao ver a União Soviética colapsar. Mas houve uma mudança de rumo com a morte… Read more »

Antoniokings

Quer dizer que existe uma ilha com pouco mais de 20 milhões de habitantes e cerca de 36 mil km² dona de uma ‘província rebelde’ no continente com 1,45 bilhão de habitantes e 9,6 milhões de km².
Tá ‘çerto’.

Antoniokings

Logo chegará o momento em que o PIB da China será o dobro do dos EUA e será muito interessante à Taiwan pedir a reintegração à Pátria Mãe.
Sem o derramamento de uma gota de sangue

Inimigo do Estado

Sinceramente eu entregaria a Amazônia aos estrangeiros. Hoje não ganho um mísero centavo com a Amazônia sendo “nossa” (leia-se do governo brasileiro). Então podem vender para quem quiserem que eu vou cagar. Se um dia eu quiser visitar lá de novo terei de pagar, ela sendo brasileira ou não, então para mim é trocar 6 por meia-dúzia.

Estou muito bem plantando uva e manga no chão rachado do sertão, vou querer trocar isso aqui pela Amazônia por quê? Só se eu for demente. Então índios vendam a Amazônia, que para mim não tem serventia nenhuma.

Augusto

Isso mesmo Inimigo do Estado, continua pensando no próprio umbigo que você vai longe. Continua plantando sua uvinha e mantendo a sua vida medíocre.

E de pensamento de gente igual você que esse pais não vai para frente.

WSilva

É sério mesmo que você acredita nisso?

De a mão que eles vão querer o braço, dando a Amazônia, não pense que vai parar por aí.

O dia que chegar um estrangeiro aí na tua casa, dar tapa na cara da sua família e roubar sua terra, você vai entender que soberania não se negocia.

Slow

Esse “ estrangeiro “ seria ou os EUA ou algum outro da Europa , até agr não vi China dar um piu sobre Amazônia . Engraçado que os países que “ ameaçam “ o Brasil são os que vcs adoram puxar o saco ..

WSilva

O mais provável de tomar a Amazonia ou pelo menos fragmenta-la são dois países, EUA e França.

Leandro Costa

LOL

Inimigo do Estado

Podem até roubar, mas vão sangrar bastante para conseguir.

WSilva

Vão nada. Uma ordem da ONU é emitada para fragmentar a Amazonia, em 5 dias o serviço estará feito. O Brasil do jeito que está configurado hoje não vai falar um A, inclusive muitos entreguistas por aí vão ajudar os estrangeiros a tirar a floresta do Brasil.

Teropode

Também acho , Taiwan não vai precisar invadir o continente para reaver a grande província rebelde , o modo de vida democrático de Taiwan já influência a nova geração de jovem da grande provincia rebelde ….

A6MZero

Reunificação pacifica é improvável, são praticamente dois países diferentes.

Não apenas politicamente mas em questões culturais Taiwan teve uma grande influencia ocidental desde sua fundação até a língua apresenta um certa diferença em razão de influencias externas.

E no fim seria uma dor de cabeça até mesmo para China afinal se a reunificação for pacifica 23 milhões de taiwaneses teriam que ser aceitos como cidadãos, e estes possivelmente seriam contrários ao governo Chinês, ou seja um grande e nada desprezível grupo dissidente.

Carlos Campos

acredito nisso, mas se for necessário a China vai descer o porrete mesmo, nem o escudo de silício salva Taiwan, além do que a China tá aumentando sua capacidade de fazer chips

J.Leo

Pode até ser que a China invada Taiwan, por agora não acredito, mas a bem da verdade ela está estrangulando economicamente a ilha, que cada vez mais aloca recursos à sua defesa. Até o final da última década, Taiwan tinha uma divida pública de cerca de 30% de seu PIB, extraoficialmente, hoje, essa divida é calculada em cerca de quase 45% do PIB, logicamente é um parâmetro ainda muito bom, no comparativo com os países do ocidente, mas quando terá fim?

Agressor's

Quem tiver o controle da economia dominará também a política, esse é um fato que mesmo o maior patriotismo não consegue impedir. A China já ultrapassou o PIB estadunidense só vendendo máscaras e tecnologia 5G. A China chegou onde está porque os donos das maiores fortunas do mundo assim o quiseram e investiram lá. Quem criou esta cobra foi o próprio Estados Unidos, transferindo seu parque produtivo para a China por pura conveniência, para obter lucros cada vez maiores, visto o custo de produção… O Plano Comercial da China está se concretizando, com o domínio de produção, transporte e distribuição,… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Agressor's
A6MZero

A divida publica de Taiwan teve retração no período ficando em 32%, já a Chinesa teve aumento no mesmo período indo para 20,6%. (no período anterior era de 15,9%).

A divida publica por si só não basta para paralisar um país, mesmo países com altas taxa de divida conseguem manter acesso a financiamentos externos desde que sejam economias sólidas e bons pagadores…

Para se ter uma ideia a divida brasileira passa de 83%, Itália chega 155%, Portugal 130% e até mesmo Singapura que apresenta um grande crescimento tem uma divida de mais de 150% do PIB.

Jacinto

Eu sempre digo, e isso serve para a dívida pública ou para nossa vida privada: mais importante do que tamanho nominal da dívida são suas condições de pagamento. É melhor ter uma dívida de R$ 1000,00 com 6% de juros, do que uma dívida de 500 a 15% de juros.

Flamenguista

Não creio em reunificação. Mas a China tem muito a perder numa eventual invasão que, dificilmente ocorrerá. O mais interessante é que, se a China fosse uma democracia, sofreria pressão interna por parte da opinião pública para a anexação???
SRN

Adriano Madureira

Oque falta aos taiwanese é obter um brinquedo como esse,seja em versão ICBM ou míssil tático…

comment image

Allan Lemos

Ai sim é que os chineses teriam legitimidade para uma agressão. Taiwan desenvolvendo armas nucleares é tudo que o PCC quer.

Jadson Cabral

Pois é. Armas nucleares não surgem do nada, a não ser que alguém as ceda. No meu ponto e vista, a única chance de sobrevivência de Taiwan seria os EUA cedendo armas nucleares a eles sob os cuidados americanos, do mesmo jeito que fizeram que países na europa como a Alemanha e o UK. Mas, é claro, os EUA não estariam dispostos a entrar nessa briga a esse ponto, pois eles mesmos sabem que Taiwan pertence a China, tanto que nem eles reconhecem a ilha como uma nação independente.

Allan Lemos

Aconteceria o mesmo que aconteceu durante a Crise dos Mísseis.

Jacinto

Porque os EUA precisariam fornecer? Taiwan tem tecnologia, know how e insumos para fabricar armas nucleares. A rigor, na década de 70 (ou 80, não me lembro direito), Taiwan tinha um programa de armas nucleares que foi supostamente encerrado quando já tinham todo o projeto pronto, faltando apenas a efetiva fabricação.

Alex Barreto Cypriano

Concordo: numa bela manhã, sem mais nem menos, um anúncio governamental taiwanês avisando já possuir armas nucleares e seus vetores de entrega e ninguém mais mexe com eles. Só não pode ser bobo de dizer que ainda vai desenvolver, testar, numa parceria com EUA, etc. Tem que ser de chôfre e fato consumado. Ponto final. Funcionou pro gordinho da Coréia do Norte…

Last edited 1 mês atrás by Alex Barreto Cypriano
André Macedo

A China não precisa realmente anexar Taiwan, enquanto sua reinvindicação é indiretamente respeitada (já que nem os EUA ou Europa se atrevem a reconhecer Taiwan como independente), mostrar os dentes uma vez ou outra não é bem esperado, ambos os lados estão “contentes”.
A ilha é uma das mais prósperas da região mesmo estando logo ao lado da segunda maior potência mundial e dos “comunistas comedores de crianças”, diferente de um certo país da América do Norte que estrangula covardemente uma ilha do tamanho do Pernambuco…

Augusto

Se for a ilha que imagino que você esteja mencionando, só para te lembrar, os dirigentes dessa pequena ilha junto com seus amiguinhos ursinhos, antes do inicio do bloqueio, estavam instalando um monte de brinquedinhos nucleares que iriam destruir em poucos minutos as principais cidades americanas na costa leste. Nesse ponto será que os americanos são tão covardes assim?

Hélio

Claro que são, a instalação de mísseis em Cuba foi uma resposta a instalação de misseis americanos na Turquia. Quem é que deu causa?

Augusto

Hélio, os misseis americanos instalados na Turquia estavam apontados para Cuba? Uma ação gera uma reação, esperta foi a URSS de ter se aproveitado da situação. Você acha que os russos estavam cagando pros cubanos? Fidel foi um tolo em ter entrado em briga de cachorro grande.

André Macedo

Como se os EUA não tentassem constantemente invadir ou sabotar Cuba né cara, kkkkkkkkk

Augusto

André Macedo, você precisa entender melhor o contexto guerra fria. Eram duas super potencias com pensamentos ideológicos diferentes, tentando impor seu modo de vida para o mundo. Se a revolução cubana espalha-se para o restante da América Latina, provavelmente os americanos poderiam ter perdido essa “guerra”. Não sei qual e a sua ideologia politica, mas procure ver o contexto da situação. Cada uma dessas super potencias tinham áreas tinham sua áreas de influencia e Cuba fazia parte da área de influencia americana. E os americanos tentariam usar a força para não permitir que um pais tão próximo deixa-se de sair… Read more »

André Macedo

Só por ser parte do “contexto histórico” não deixa de ser um crime, quer dizer que os americanos terem feito atrocidades na América Central e no mundo se justifica pq eles queriam “ganhar a guerra” que na verdade era só deles? Isso não muda em absolutamente nada, a URSS ruiu, mas os EUA nunca pagaram um centavo pelos crimes contra a humanidade cometidos.
Conformismo não é realismo.

André Macedo

Os americanos já tinham armamento nuclear na Turquia bem antes disso, além de centenas de tropas e bases na porta dos soviéticos, mas só quando soviéticos fizeram o mesmo é que a paz mundial estava ameaçada né kkkkkkk
Respondendo sua pergunta: Sim, são covardes.

Augusto

Os soviéticos estavam no direito de instalar armas nucleares em Cuba, devido ao procedente dos misseis instalados na Turquia. Os soviéticos nunca iriam para uma guerra nuclear com os americanos por causa de Cuba. Os comunistas cubanos foram inocentes ao achar que os russos iriam defende-los, na verdade eles estavam sendo usados pelos soviéticos para melhorar sua posição defensiva na Europa.

Slow

Só os americanos podem ter brinquedinhos nucleares apontados pra aonde eles bem entendem ?

Aé afinal eles foram os únicos a usar contra população .

Augusto

Slow, respondendo a sua pergunta, não. Moralmente o correto seria apontar armas nucleares para outras potencias nucleares, não para países que não a possuam.

Slow

O certo seria explodir 2 bomba nuclear em países que não possuem né ? Ai pode ou você esqueceu ? Kk

Augusto

Slow, qualquer ataque contra alvos civis e moralmente questionável e não precisa ser usando armas nucleares, o bombardeio contra Tóquio usando bombas incendiarias foi muito mais devastador e não tinha valor militar nenhum a não ser causar mortes e terror na população. Mas nessa guerra foram tantas atrocidades cometidas que nenhuma das grandes potencias podem dizer que não cometeram nenhuma delas. Todos os principais protagonistas cometeram atos atrozes, alguns bem maiores que os outros. Não justificando o bombardeio (na minha opinião poderia ter sido feito de outra forma, ao invés de usa-las em alvos civis, as bombas poderiam ter sido… Read more »

Slow

Você viu sua resposta ali em cima dessa ? Então você ta se contradizendo ..

André Macedo

Você vem defender os americanos nessa história e depois fala de “moralmente correto”, como se os EUA se importassem ou mesmo seguissem esse princípio? Kkkkkkk

Edit: Todo comentário meu agora fica pendente de aprovação sendo que nunca desrespeitei ninguém e sempre segui as regras do blog nos comentários, desnecessário e chato isso, até faz a discussão perder o sentido, já que só aprovam muitas horas depois.

Last edited 1 mês atrás by André Macedo
Augusto

Meu caro não estou defendendo ninguém, somente tento avaliar a historia seguindo o contexto da época. Usando o contexto da época, os soviéticos faziam pior com seus “aliados” do pacto de Varsóvia.

Agora analisando o contexto atual (e voltando para o tema da matéria, kkkk) você acharia correto os americanos instalarem armas nucleares em Taiwan para defender a ilha de um ataque da China continental? Não e parecido com o caso da crise dos misseis de 63?

Adriano Madureira

Apoio os Taiwaneses, a ilha é deles, o país é deles e devem se defender até o fim…

Melhor caírem lutando do que se entregarem barato, eles tem que venderem caro essa “reunificação pacífica” que os chineses querem.

Acho que não haveria nada mais humilhante aos ilhéus terem que abrirem as pernas para uma unificação devido a algum acordo político feito por parlamentares taiwaneses lambe-chinas.

Franklin Apaza

🇨🇳👍🏼

Cristiano de Aquino Campos

Espero que nenhum Bilionário Americano ou Europeu te ouça e pense que no Brasil, o povo apoia separatistas e caia em cima dos Indios da Amazonia Brasileira.

J-20

Seu comentário faria sentido… Se Taiwan fosse um país independente, mas não são.
Taiwan atualmente é uma província chinesa que abriga um governo na disputa do controle de toda UMA China.

Hélio

Vá lá lutar com eles pelo direito a usar drogas e casar homem com homem, então.
Quem fica babando ovo de Taiwan nem sabe o que eles querem com essa democracia, ou pior, até sabem, já que o “conservadorismo” desses é de conveniência.

Adriano Madureira

“Vá lá lutar com eles pelo direito a usar drogas e casar homem com homem, então”. Se eles lutam pelo direito de usar drogas, viadagem ou zoofilia, é problema da sociedade deles meu caro, as demandas da sociedade Taiwanesa, sejam quais elas forem ou quais absurdas forem, são eles que devem decidir. “Quem fica babando ovo de Taiwan nem sabe o que eles querem com essa democracia, ou pior, até sabem, já que o “conservadorismo” desses é de conveniência”.. Não é babar ovo meu caro, eles tem o direito de serem independentes e se negarem a viver sob a bandeira… Read more »

Hélio

Oh, meu Deus! O que será dos Taiwanês sem serem presos por dizer que travesti não é mulher? Não seja cínico, meu caro, você defende a tal “reinvidicação” de Taiwan porque defende o progressismo, se a situação fosse inversa você estaria defendendo a unificação. Primeiro que o povo de Taiwan, que é chinês, nunca quis independência e não apoia o progressismo imposto pelo governo americano com o governo marionete de Taiwan. Quer falar em democracia? Você acha que é democrático que meia dúzia de agentes externos imponham a força o progressismo aos povos com o objetivo de destruíção das identidades… Read more »

Burgos

Esse sabia das coisas

44B7113E-7BC4-4021-B25A-BF7415F481EF.jpeg
Teropode

Bobagem , a China viveu 60% de sua história como escrava e ainda hoje vive refém de uma ideologia que nasceu no ocidente , não passam de rebeldes

Hélio

Isso mostra muito bem a sua índole, então quem vive como escravo e refém de ideologia que nasceu do ocidente (já percebeu que do ocidente não sai nada de bom?) não passa de rebelde.
Bom mesmo é ser um bom gado comedor de capim.

André Macedo

Fonte: Da Juventude.
Se a China adotasse o capitalismo, não seria um sistema ocidental também? Kkkkkkk

Nem sempre a “China” foi a China unificada dessa forma, usar esse termo já demonstra um desconhecimento enorme (nada fora do esperado).

Last edited 1 mês atrás by André Macedo
Teropode

Só quem já comeu Curimbatá e deu o azar de ter um espinho dele travado na garganta eh que sabe o incomodo que Taiwan está sendo pra China , ……

WSilva

Isso é conversa para enganar os emocionados. Taiwan será reunificado sem disparar uma bala e sem derramar uma gota de sangue. Anotem aí o que eu digo, até 2030, a soberania de Taiwan volta a ser de Pequim, mas pouca coisa na vida dos chineses de taiwan vai mudar, quem vai governar a ilha será o KMT sob a batuta do Partido comunista chinês. O atual governo de taiwan está acabando com a ilha e a cultura chinesa que preza a família e o coletivo ao trazer as ideologias de genero para a ilha, os chineses mais conservadores já estão… Read more »

Last edited 1 mês atrás by WSilva
Franklin Apaza

A tomada pela força de Taiwan é inevitável. 👍🏼

Finalmente o irmãozinho renegado voltará a se juntar ao seu irmão maior.. 🇨🇳

Agnelo

Pimenta no ox dos outros é refresco…..

Up The Irons

A China tá igual aqueles lutadores que provocam e humilham o adversário antes da luta. Na hora do “vamo ver” apanha e sai com cara de nádegas do tatame!

WSilva

Tipo os EUA que bate nos baixinhos mas morre de medo dos grandalhões, e nunca vai no mano a mano, precisa de grupinho para ficar grande. rs

JOAQUIM ROCHA

Boa noite,

Acho que a crise dos misseis em Cuba foram a prova que os EUA colocam a cara sim. E também não acredito que a China vai se aventurar tomar Taiwan as consequencias financeiras seriam devastadoras.
Eles não conseguem se sustentar apenas com o consumo interno, sem contar que eles ainda são muito dependentes de materias importadas, o que facilmente seria negado com um bloqueio naval.

WSilva

Jamais na história ouve um bloqueio naval contra uma superpotência militar/nuclear com 18% da população do planeta terra, segunda maior economia do mundo e um dos cinco membros do conselho de segurança da ONU.

Bloqueio naval contra um colosso desse não passa de delírio.

Matheus S

Pois é. Vira e mexe alguém argumenta o “fácil” bloqueio naval contra a China como se uma fosse uma blitz policial, uma coisa de amadorismo mesmo.

Aliás, cada vez menos a China depende do comércio marítimo para fornecimento de petróleo para locomoção(veículos elétricos) e geração de energia(fontes alternativas), restando apenas a questão alimentar. Sem falar que mesmo sob um efeito de bloqueio naval efetivo, os chineses ainda conseguiriam driblar essa situação com inúmeras formas e, até hoje, apenas um almirante da USN levantou essa hipótese.

JOAQUIM ROCHA

Caro Wsilva, não falo que seria fácil, desculpe se deixei transparecer isso, mas sabemos que existem muitos insumos que a China dependem de importações, e são itens essenciais sem os quais seu poder produtivo cairá.
Visto isso, acredito que eles temem isso, por isso não podem se comprometer com uma aventura bélica sem ter como garantir esses recursos. Entendo que um dos motivos para a expansão naval chinesa estar associada a essas garantias e em quanto não puderam garantir esses recursos fica difícil qualquer ação militar.

WSilva

Vamos desconsiderar tudo o que eu falei acima, vamos inclusive esquecer que a China é uma potência nuclear. Se você fizer um bloqueio naval contra a China HOJE, o mundo simplesmente para, as bolsas vão colapsar e o mundo inteiro vai pagar o preço. Me diga qual país está disposto a sacrificar seus homens e parte de sua economia para ”salvar” um pedacinho de terra(Taiwan)? Enquanto o suporte a Taiwan é verbal, no gogó é bonito, é lindo, é emocionante, mas você quer lutar por Taiwan contra a China? Seja sincero, tu quer morrer por Taiwan? Imagine um soldado estrangeiro… Read more »

Cristiano de Aquino Campos

Colocaram a cara em termos, e só o fizeram pois a ameaça estava logo ali. No final, fizeram acordo com os soviéticos.

Matheus S

E jamais ousaram em chamar o bloqueio naval de bloqueio, mas de quarentena, bloqueio naval é uma declaração de guerra.

Augusto

Cristiano, na minha opinião os americanos cometeram um erro terrível ao ter permitido os comunistas terem tomado a ilha. A revolução cubana poderia ter se alastrado facilmente para outros países da América Latina. O bloqueio foi justificado (no contexto da guerra fria e claro). E também se os comunistas não tivessem tomado a ilha, a crise com os soviéticos não teria acontecido.

Mas de qualquer forma quem saiu ganhando foram os soviéticos (apesar de Kruschev ter perdido o cargo de secretario geral por causa do incidente), pois os americanos tiveram que retirar seus misseis da Turquia.

Hélio

Os americanos foram os maiores promotores do comunismo no mundo, mesma revolução russa os comunistas só chegaram ao poder pelo apoio americano.

Slow

Bloqueio naval contra maior marinha do mundo ? 😂😂😂 piada

Hélio

Como os EUA vão fazer bloqueio naval se eles mesmos admitem que tanto a US Navy como os aliados são incapazes de manter a soberania naquela região?
Isso é delírio de neocon com a cabeça nos anos 50. Os EUA perderam o controle da região e vão continuar perdendo, basta aceitar a realidade.
No mais, não vejo como a crise dos mísseis prova alguma coisa, os EUA só latiram.

Franklin Apaza

Realmente.. kkkkk 😂

Up The Irons

Exatamente. Eu incluo a Rússia aí. Muito gogó!

Segatto

O jeito para Taiwan é parar as forças convencionais chinesas antes que desembarquem, creio que de longe a mais eficaz arma nesse sentido e com maiores chances de sobrevivências a chuva de mísseis e bombas inicial, são os submarinos; em tempo se alguém estiver interessado em uma leitura que foge do escopo naval mas ainda sobre Taiwan:https://www.tecmundo.com.br/produto/221485-conheca-escudo-silicio-estrategia-protege-taiwan-china.htm

Cristiano de Aquino Campos

Pau que dá em Chico dá em Francisco. Os lançadores de mísseis de Taiwan vão ser os primeiros alvos dos mísseis de cruzeiro Chineses.

Segatto

Por isso os submarinos que são mais difíceis de se localizar e eliminar

Matheus S

Os chineses estão regularmente testando suas capacidades ASW, inclusive nesses incursões, o indicativo suspeito é de que estão visando justamente a capacidade submarina de seus adversários em uma futura contingência sob Taiwan.

Uma notícia de agosto desse ano: https://www.taiwannews.com.tw/en/news/4277382

Mesmo que hipoteticamente em um cenário de invasão a Taiwan, a China tenha problemas com os subs de Taiwan – impedindo de certo modo o desembarque anfíbio, uma grande parte da invasão da ilha será por via aerotransportada, assim que fosse estabelecido a supremacia área.

Jacinto

Míssil de cruzeiro não servem para atacar baterias de misseis móveis, como são as taiwanesas, que são montadas em caminhões. Na guerra do Golfo, a “caça aos Scuds” foi um fracasso, mesmo com a inserção da SAS e da Força Delta para locaalizar os lançadores.

carvalho2008

Pode ate acontecer…e se acontecer, seria uma guerra protocolar para derrubar o ultimo Governo indepentente Taiwanes.

  • 10% da força de trabalho de Taiwan esta trabalhando e gerindo negocios na China Continental!!!!
  • Estima-se que 1 milhão de empresarios Taiwaneses estão morando na China Continental!!

Oras, é uma população de apenas 23 milhões e se todo este povo já esta morando, indo e vindo para a China Popular, alguem acha que o Governo segura isto?….já foi…

Marcos

Concordo com o Ministro da Defesa de Taiwan plenamente : Quando a China vai arcar com as consequências de uma invasão!? A mesma está trabalhando intensamente para isso , com a crescente ampliação das Frotas Navais ! Em ritmo inigualável em todo o Mundo ! Muito preocupante a situação de Taiwan !

sub urbano

O grande óbice para a Unificação era o padrão de vida do continente ser consideravelmente mais baixo que o da ilha. Hoje essa diferença é bem menor. Não haveria um fluxo migratório como se temia nos anos 90. Boa parte dos moradores de Taiwan tem parentes no Continente, a afinidade é muito grande, mesma lingua, mesma comida, até os feriados são os mesmos.

Outra coisa: separatismo nunca foi popular em Taiwan, até porque o conflito nunca foi separatista.

Jacinto

O grande óbice hoje é que a maioria da população taiwanesa não quer unificação – e nem a independência. Querem o status quo, ou seja, que as coisas continuem como estão.

Tutu

A não ser que os Chineses sejam doidos eles não vão atacar militarmente Taiwan.
Expliquei isso em outro post no PA.

Tutu

Vou reprisar o post aqui.

Tutu

“Vocês não estão vendo a crise mundial que a falta de chips pela COVID está fazendo?, imaginem então Taiwan, um dos maiores produtores desses insumos no mundo sendo invada e tendo sua infraestrutura desabilitada, essa guerra não é interessante para ninguém, nem para os próprios chineses, é apenas uma questão de orgulho, e geralmente são decisões assim que levam impérios ao buraco.
Juntas só a TSMC e UMC, ambas de Taiwan representam 41% do mercado mundial de semicondutores, essa guerra é uma loucura.”

A3D37B75-317A-43A8-8EAA-7867467C59B7-1633452925.065 (1).jpeg
Tutu

“Eu vejo como dever de todos os países se oporem a qualquer aventura chinesa em Taiwan, simplesmente pq isso causaria um crise global no fornecimento de itens eletrônicos sem precedentes na história humana, e assim como o oriente médio é estratégico para todo o globo pelo fornecimento de petróleo, Taiwan é estratégica para todo o planeta pelo fornecimento de semicondutores.” Estou falando de linhas de montagem paradas pelo mundo inteiro, escassez de produtos eletrônicos, aumentos absurdos nos preços e desemprego em massa em centros de fabricação de eletrônicos (A própria china seria terrivelmente atingida, afinal não adianta ter Xiaomi, Foxxcon… Read more »

Tutu

Esses dias fui com meu pai comprar um carro, a concessionária está pedindo 6 meses de espera para o modelo ele quer, segundo eles o motivo da demora seria a falta componentes eletrônicos, principalmente da multimídia, dos sistemas de segurança e elétrica do carro, e isso é pq uma estamos com uma falta parcial semicondutores devido a pandemia, imagine uma falta generalizada.

Matheus S

Tá bom! Essa é boa. O mundo terá que intervir por causa de fábricas. Tá brincando ou isso é sério? O seu argumento é que todos os países do mundo irão intervir em Taiwan contra a China por conta de fábricas localizadas lá e isso iria afetar negativamente o mundo inteiro economicamente. Mesmo que a guerra se estenda por vários dias ou semanas, isto é, a captura de Taiwan, parte da infraestrutura da ilha já seria destruída, afetando seriamente a logística de exportação dos produtos fabricados de Taiwan, aliás, nem sabemos se nesse cenário, as fábricas estarão operando, provavelmente ocorreria… Read more »

SmokingSnake 🐍

É exatamente por isso que os outros países iriam intervir, dependem de muita coisa de Taiwan. Mas acho que isso não garante que a China não vai invadir.

Slow

Igual interviram na crimeia ?

Tutu

Qual é a importância da Crimeia para o resto do mundo, sendo sincero?

Slow

Taiwan é tão importante que você consegue contar nos dedos os países que reconhecem ..

WSilva

Taiwan monta apenas os chips, não as máquinas. As máquinas de produção de chips abaixo de 7nm que Taiwan usa são produzidas pela ASML com propriedade intelectual dos EUA e da Europa, nenhum deles sozinho consegue construir tal máquina pois precisa da licença de um ou outro. Taiwan no caso, tem a licença de ambos, assim como a Coreia do sul e o Japão.

A China não quer apenas montar chips, quer montar as máquinas, embora esteja longe ainda desse objetivo.

Zorann

É só choro de quem sabe que já era…. Isto aí vai acabar sendo pacífico e quem está no poder, como este ministro da defesa, vai perder a boquinha.

A maior parte da população quer a unificação, por questões econômicas inclusive.

guilardo

Nós ficamos aqui preocupados e discutindo se a China tomará ou não Taiwan pela força. Acho que não precisará gastar uma bala. Contudo, imaginem os senhores quando os ocidentais da OTAN, todos eles, quiserem tomar a Amazônia. Vão mandar para lá os fugidos das guerras, da fome, e até quem sabe, relocar territórios em disputa, como a Palestina, por exemplo. Nós não temos nada e ninguém para nos defender. Como acontecerá com Taiwan, não haverá luta alguma, apenas uma notificação da ONU que tropas estrangeiros sob o manto daquela organização estará “desembarcando” para ” preservar a Amazônia”. Simples assim. Os… Read more »

Mk48

Eu diria mais. Além da Amazônia, temos também a “Amazônia Azul” e o Aquífero Guarani. Todos os três são objeto de cobiça internacional.
.
E sim. Não temos nem de longe como defender nenhum deles.
.
O que temos aqui em termos de Defesa é suficiente para contrapor qualquer país Sul Americano. Só.

Last edited 1 mês atrás by Mk48
Varg

Contrapor com muita dificuldade ainda por cima.

Mk48

Não .
.
Baseado em que você diz isso ?
.
Talvez o Chile dê um pouco mais de trabalgo, mas de uma maneira geral, não há nenhuma Força na região que supere o Brasil, assumindo que não haja ajuda externa.

Heinz Guderian

Fato, e com a chegada dos Gripens, a supremacia aérea seria muito mais fácil.
A questão é, somente, que não estamos preparados para combater uma potência militar. Mas na América do Sul, é inquestionável nossa liderança.

Jacinto

Acho que você esta bem enganado. A maioria da população de Taiwan defende o status quo. A parcela que defende independência está crescendo. A parcela que defende reunificação está diminuindo.

Mangano

Uma grande virtude chinesa é a paciência….. Não vão atacar até que se torne “inevitável”…. Agora é muita abobrinha escrita aqui: porque a China tem o direito de anexar Taiwan? O contrário não seria válido? Taiwan anexar a China? Claro que isso é impossível mas desde quando o maior e mais forte é o “certo” da história? Kai-Shek foi um ditador? Sim, não resta dúvida…. Mas isso não muda o fato de que aqueles eram outros tempos e que Taiwan se modernizou e se tornou democrática ao longo das décadas ao passo que a China Comunista (muito mais truculenta e… Read more »

Hélio

Meu senhor, abobrinha escreveu você, olha esse discursinho típico de filme “patriota” de Hollywood dos anos 80. Nada como um genocídio, uma guerra, uma fome, uma opressão, um embargo em nome da democracia e dos interesses econômicos que ela envolve, não é? Veja o Iraque como vai bem com a democracia americana, veja a Líbia. Vocês colocam a democracia como um valor tão abstrato que nem conseguem definir o que é essa tal democracia. Democracia é o quê? Votar? Falar qualquer coisa? Ou é a autonomia dos povos em viver de acordo com a própria cultura sem ingerência externa? Vê… Read more »

Jacinto

Aqui paciência não levará a China a lugar algum. Conforme o tempo passa, os taiwaneses mais e mais perdem sua identidade chinesa. A parcela da população que não que a reunificação aumenta e a que quer a reunificação diminui. A verdade é que os taiwaneses mais jovens não se identificam mais com a cultura chinesa da China continental.

WSilva

Pelo contrário, a cultura chinesa está presente em taiwan desde o sangue, são chineses de etnia Han, falam chinês mandarim e a cultura é chinesa.

Aqueles em taiwan que não se consideram chinês é tipo o brasileiro que acha que é viking, pode achar o que quiser, mas a origem não se nega.

Andromeda1016

Bastou à China ter problemas com a importação de carvão da Austrália para que a situação social e econômica deles entre numa crise sem precedentes (casas sem aquecimento, fábricas interrompendo a produção por falta de energia, luzes das ruas apagadas, pessoas tendo de subir escadas a pé por falta de energia, produção de outras matérias primas suspensas por falta de energia também, etc). Imagina se outros países do mundo resolvem regular suas exportações de matéria prima para a China também por causa de invasão de Taiwan pela China. Uma guerra se luta em diversas frentes.

Hélio

Parece que alguém esqueceu de tomar seus remédios.

WSilva

Há mais de 30 anos ouço sobre as crises sem precedentes na China, mas quando vou olhar a economia eu vejo um pib de 16 trilhões de dolares e mais 3 trilhões de dolares em reserva internacional. Que baita crise. rs

andromeda1016

Pois é 3 trilhões de dólares de reserva e estão voltando de joelhos para os australianos para que eles voltem a vender carvão para eles. Até lá usinas termoelétricas paradas e com isso sem poderem manter suas fábricas funcionando para poderem vender as bugigangas deles para o resto do mundo. Se os australianos decidirem não vender carvão para a China eles terão de usar os 3 trilhões de dólares como combustível para manter funcionando as suas termoelétricas.

Arariboia

Esqueceu o remedinho todo. A Austrália é que vive pelo comércio com a China. Se a China fizer um boicote, a Austrália vai ter que viver de carne de canguru.
Fora que pra Rússia, não é difícil que Forneça mais GáS, Petróleo e carvão e suprir demanda de China e União Europeia.

Jacinto

A China já está fazendo boicote ao carvão da Austrália e desde o ano passado a China não importa mais carvão da Austrália. Quem sofreu mais foi a China, que está passando por uma crise energética. A Austrália se deu bem, porque passou a exportar mais para Taiwan, Coreia do Sul e Índia e o aumento nas exportações para este pais mais do que compensou a perda das exportações para a China.

imagem_2021-10-09_150958.png
Andromeda 1016

A China está indo pelo mesmo caminho que o Japão trilhou antes de entrar na segunda guerra mundial. Assim como o Japão a China resolveu peitar os EUA pelo domínio do pacífico e controle de seus recursos, se arma para tentar chegar perto da capacidade bélica dos gringos, mantém uma relação ambígua com os gringos até o presente momento e agora só falta justificar eventual agressão aos gringos por acesso a recursos naturais. Veja que a China pediu gás para os russos mas estes estão tratando o assunto em velocidade de tartaruga, pois não tem interesse em ajudar os chineses.… Read more »

Jacinto

Talvez a Austrália não consiga atender a China, nem querendo, porque Taiwan, Coreia do Sul e India passaram a importar carvão da Austrália. Para atender a China, a Austrália teria que expandir sua produção, o que não se obtém em curto prazo.

WSilva

A China quase que aniquilou a indústria de vinhos da Austrália que passa por sérios problemas hoje. Por outro lado, países como França e Itália adoraram a briga entre Austrália e China pois estão aumentando ainda mais suas exportações para os orientais.

Com 3 trilhões de doláres a China não compra carvão da Austrália, compra a Austrália toda. rs

Last edited 1 mês atrás by WSilva
Carlos Campos

tá sendo ruim para a China, o problema, é que eu e ninguém no Brasil vai querer ser solidário à Taiwan quando isso pegar no bolso, afinal somos um grande vendedor para eles.

J.Ricardo

Acredito que Taiwan será o vietna Chinês. As forças armadas de Taiwan são bastante bem treinadas e equipadas, a China levaria semanas ou meses pra romper as defesas da ilha e quando isso acontecesse, iria enfrentar uma pesada resistência no interior de de Taiwan. Imagina um exército bem treinado apoiado pela população fazendo uma guerra de guerrilha, iria causar muitas baixas no exército Chinês. Lembre-se os Estados Unidos ficaram 20 anos no Afeganistão e o que aconteceu?, ficaram 10 anos no Vietna e o que aconteceu?. Acredito que a história se repetiria com a China.

Hélio

O Vietnã foi o Vietnã porque o povo apoiava a unificação, assim como o povo de Taiwan apoia a unificação com a China. A situação será como a tomada do Afeganistão pelo talibã, ninguém vai lutar contra porque o povo apoia.

Jacinto

A população Taiwanesa não apoia a reunificação não. Ao contrário, a maioria – e ampla maioria – apoia o status quo.

imagem_2021-10-09_150139.png
WSilva

A questão é que do outro lado tem o continente com 1,4 bilhão de pessoas que APOIAM a reunificação.

Problema de chinês é de chinês, eu quero o meu Brasil fora de qualquer briga desses caras ou de outros povos.

Slow

Estado Unidos abandonou : Georgia , Cuba , Os curdos , França , Argentina , Afeganistão , vietnã do sul .. e os inocente achando que com um país que eles nem reconhece vai ser diferente .. 😂😂

Aé tem a Ucrânia 😂😂😂

Augusto

França? essa não entendi, se não fosse pelos americanos os franceses estariam falando alemão hoje (ou Russo, se os soviéticos tivessem conseguido vencer os alemães sozinhos).

Quanto aos Argentinos, porque os americanos abandonaram eles, se foram eles que atacaram um aliado deles?

Ted