Foram divulgadas as primeiras imagens da nova fragata Type 054B da Marinha Chinesa, saindo para provas de mar.

A Type 054B é uma evolução da Type 054A, a classe de fragatas de 40 navios da Marinha do Exército de Libertação Popular (PLA Navy) por muitos anos.

A Type 054B apresenta linhas de casco mais furtivas, uma superestrutura mais volumosa e um passadiço mais alto. O navio conta com um sistema de lançamento vertical (VLS) de 32 células para mísseis, novo canhão principal, CIWS, mísseis antinavio a meia nau e um lançador de mísseis conteirável sobre o hangar. O convoo foi ampliado para operar com o novo helicóptero naval Z-20.

A nova classe tem maior comprimento e boca (147 x 18 m) que a Type 054A (134 x 16 m), alcançando um deslocamento de cerca de 6 mil toneladas, 2 mil a mais que a anterior.

O mastro principal abriga um novo radar 3D AESA de varredura eletrônica ativa de dupla face.

A primeira unidade foi lançada em agosto de 2023, no Hudong – Zhonghua Shipbuilding, uma subsidiária da China State Shipbuilding Corporation (CSSC). Em 29 de outubro, a 2ª fragata Type 054B foi lançada no estaleiro Huangpu, perto de Guangzhou.

Subscribe
Notify of
guest

65 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Wagner Figueiredo

Falar o que??? Bonita…!!! 🥰

Samuel Asafe

3 dessas destruíam nossa frota inteira.
Se os chineses forem inteligentes e não intervierem militarmente em Taiwan, nada pode parar a ascensão deles como potência dominante.

C G

Se descontar os subs e o apoio terrestre teriamos que fazer um milagre utilizando o Atlântico!
Quanto a Taiwan, em minha opinião, a China não é besta, joga pensando no longo prazo, ela vai invadir Taiwan?
Um dia provavelmente mas daqui no mínimo 50 anos, talvez 100, apesar de possuir muitos meios ela sabe que em uma escalada de guerra total a Otan é pedreira, que sirva o conflito na Ucrânia de exemplo, os países do ocidente mal se coçaram e o segundo exército do mundo empacou!

JOSE DE PADUA VIEIRA

Problema q o Atlantico é um cão desdentado…sem escolta ele não tem mta serventia, parece q a MB delira

Samuel Asafe

Para sermos justos, esses caras estão em outro nível tecnológico e militar. É briga pra cachorro grande; a melhor arma de dissuasão pra evitar uma invasão é a única que voluntariamente optamos por não desenvolver; nosso projeto nuclear que o FHC jogou a pá de cal com o acordo de não proliferação nuclear.

AVISO DOS EDITORES: A DISCUSSÃO ESTÁ FUGINDO DO TEMA DA MATÉRIA.

LEIAM AS REGRAS DO BLOG:
https://www.naval.com.br/blog/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Dalton

FHC fez o correto na época, mas, porque os governos seguintes não invalidaram o acordo se de fato deixou o país suscetível a uma invasão ?
.
Teria feito diferença não assinar o acordo ou rasga-lo anos depois ?
.
O Brasil de fato teria os meios, técnicos e financeiros para desenvolver armas nucleares e os meios para entrega-las como mísseis intercontinentais ?

Samuel Asafe

acho que é muito mais complexo desenvolver um submarino nuclear do que um míssil usando a mesma plataforma do VLS, por exemplo. Diversos países com menos recursos e reservas que nós conseguiram. Não acho que capacidade técnica seria um problema.

Dalton

Esse é o problema Samuel, de “achar”; pessoalmente acho que não seria tão fácil a não ser que programas sociais fossem bruscamente cortados, corrêssemos o risco de sofrer sanções ou mesmo tornar
o Brasil um pária internacional – não se trata apenas de “capacidade técnica” – para evitar uma invasão e aí também é uma questão de “achismo” pois não acho provável.
.

Samuel Asafe

Não precisaria cortar programas sociais não. O orçamento brasileiro sozinho só com remanejamentos conseguiria direcionar uns 10 bi ano pra uma iniciativa assim. Só a desoneração pro setor de eventos que está em pauta na disputa entre congresso e executivo vale 20 bi(lembrando que a pandemia já acabou, e o legislativo quer continuar desonerando). Não falta dinheiro no Brasil, falta interesse. 1/3 da lei roaunet já daria 5,3 bi ano, por exemplo

Last edited 5 meses atrás by Samuel Asafe
Marcelo

Quem aqui no Brasil teria o saco roxo para quanto for chamado em Washington para explicar para os falcões americano que ele liberou 10 bilhoes do orçamento para o desenvolvimento de míssil e foguete com capacidade nuclear. O último nacionalista Dr Enéas que teve coragem de ficar dizendo na mídia sobre bomba atômica e sobre a nossa moeda Real ser lastreada no nióbio e não no dólar morreu misteriosamente em 6 meses de leucêmica que ate os médicos tem duvida. AVISO DOS EDITORES: A MODERAÇÃO FOI TOLERANTE MAS OUTRA VEZ A DISCUSSÃO FUGIU TOTALMENTE DO TEMA DA MATÉRIA E SEGUIU… Read more »

Luiz Carlos Belerofonte de Lima

______

COMENTÁRIO APAGADO.
LEIAM OS AVISOS DOS EDITORES E LEIAM AS REGRAS DO BLOG:
https://www.naval.com.br/blog/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Tupinambá

Dinheiro não sobra, não; só de propaganda o Governo do Stalinácio gastou em 2023 cerca de 1 bilhão de reais e em 2024 quer gastar mais do que dispende na Segurança Pública.

Paulo Sollo

Concordo totalmente. Lamentávelmente governo após governo o Brasil sempre optou por uma postura de cãozinho inofensivo e submisso às imposições dos mais desenvolvidos militarmente. Nada nos impediria nem nos impede agora de desenvolvermos a arma de defesa definitiva e seus vetores. Temos cientistas capazes, matéria prima e recursos que podem ser direcionados para isto sem prejuízos sobre quaisquer outros programas. Se não há como pagar pela quantidade de meios navais, aéreos e terrestres necessária para proteger nosso território gigantesco, a prioridade deveria ser o desenvolvimento de mísseis de alcances variados, inclusive ICBMs com ogivas nucleares. O argumento final e incontestável… Read more »

Samuel Asafe

Exatamente, o pessoal esquece que a gente tá falando de um dos maiores orçamentos do planeta terra, com uma população de 200 milhões de habitantes. Fala pra mim o impacto que 20 bilhões a mais em equipamentos/ano teriam nas forças armadas brasileiras? Daria um novo lote de griphens em 2024, um novo lote de Tamandarés em 25 e defesa antiaérea em 26. Isso que estamos falando de 20 bilhões, que não é praticamente nada frente as desonerações e outros penduricalhos que existem por aí. Só de contencioso tributário, 1 trilhão na justiça.

JPonte

O que nos impede ? Nossa vontade de lutar e nos impormos como uma nação forte e com voz . Nossa ilusão de sermos um país e povo pacífico . Nossa estratégia militar de contenção e defesa e não de ataque preventivo se preciso for . Há falta de meios como resultante de tudo isto . Enfim há muito mais … mas o mais sério é a ingênua noção que nossas fronteiras como estão hoje serão eternas e que não serão contestadas nunca , esta é a maior das ilusões … basta estudar história pois nada que está hoje garante… Read more »

André Macedo

Nada nos impede, só o mundo nos jogando de volta pra idade da pedra com sanções né. E o fazendão aqui não produz nada de tecnologia.

Patta

Sempre vamos ser o”cãozinho inofensivo e submisso” Não tenho mais esperança de uma FAAs forte pra defender o cidadão de bem. Até que por um acaso chegue alguém no ministério da defesa pra colocar ordem.

Charle

Ué??? O governo do capitão expulso do exército apinhou a máquina pública de militar. Era militar saindo para tudo quanto é lado. Até embaixo da mesa da repartição pública havia militar. Da escola municipal pública ao portos havia militares em todos os níveis possíveis e imagináveis. E sim, ganhavam muito dinheiro como militares e civis. Até porque ninguém gosta de guerra. Todos querem mesmo é uma boa vida… Ah, sim!!! já ia me esquecendo. Basicamente só havia militares no Ministério da Defesa. Foi uma oportunidade única para o país ser “altivo” entre as nações, não acha? Agora você quer mais… Read more »

Last edited 5 meses atrás by Charle
Patta

A diferença que os militares do “capitão expulso” não organizaram as FAAs, eles só queriam a mamata. Tenho que concordar que eles tiveram uma “oportunidade única para o país ser “altivo”entre as nações”

De Alma Raiada

EDITADO:
COMENTÁRIO BLOQUEADO DEVIDO AO USO DE MÚLTIPLOS NOMES DE USUÁRIO.

EduardoSP

A CF 1988 veda a utilização de armas nucleares. Não tem nada a ver com o FHC.

Art. 21, inciso XXIII, alínea a.

Last edited 5 meses atrás by EduardoSP
Luiz Carlos Belerofonte de Lima

Nós não desenvolvemos nossas armas nucleares mas eles desenvolvem. Mudando de assunto, para dar 5% de aumento para os aposentados tá uma merda, imagina desenvolver armas nucleares.

AVISO DOS EDITORES: A DISCUSSÃO FUGIU TOTALMENTE DO TEMA DA MATÉRIA.
PRÓXIMOS COMENTÁRIOS QUE INSISTIREM SERÃO APAGADOS.
LEIAM AS REGRAS DO BLOG:
https://www.naval.com.br/blog/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

C G

Por isso eu usei o termo “milagre”!

JPonte

O Atlântico Norte e americano . O Atlântico Sul em 10 anos ou menos estará sendo contestado como zona de influência chinesa numa disputa com americanos … a marinha brasileira não tem meios e nem vontade de disputar a rota do Atlântico Sul …. e não deve mesmo … deve se concentrar em meios de defesa de sua zona marítima com mísseis de costa , submarinos nucleares e convencionais é uma aviação naval de vigilância e ataque forte . A menos que deseje projetar poder , mas aí terá que haver uma revolução nas força armadas e sua atual mentalidade… Read more »

Dalton

Não existe classe Constellation ainda, não dá para comparar um navio que ainda se encontra na fase inicial de construção mas ainda dependendo de se finalizar o que se quer com um navio cuja construção e planejamento iniciou-se anos atrás. . O governo recém eleito de Taiwan é contra a reunificação assim como a maioria da população, apenas pouco mais de 10% são favoráveis a uma reunificação com a China, segundo pesquisas feitas ano após ano. . A Ucrânia nunca seria uma ameaça à Rússia assim como a pequena Estônia não se tornou quando entrou para a OTAN e sim… Read more »

No One

Saiu reportagem aqui e ? Você leu a reportagem? É resolutiva ou apenas aponta uma dificuldade ? Eu aposto que aqui você não sabe dessa reportagem e nem os editores estão interessados : “Fincantieri utiliza robôs de soldagem para construir fragatas da Marinha dos EUA mais rapidamente: https://www.defensenews.com/global/europe/2024/01/08/fincantieri-taps-welding-robots-to-build-us-navy-frigates-faster/ Estamos fazendo pedidos para iniciar o uso em larga escala do robô na Itália e queremos exportá-lo o mais rápido possível para os EUA”, “A soldagem é uma das habilidades que é difícil encontrar, enquanto a soldagem robótica que planejamos introduzir, triplica a produtividade e aumenta a qualidade”, disse Pierroberto Folgiero ,… Read more »

No One

A reportagem menciona, literalmente: “O serviço informou ao Congresso que o futuro USS Constellation (FFG-62) poderia ser entregue em 2027 e que o estaleiro Fincantieri Marinette Marine passou por uma revisão independente para avaliar o atraso, ” Ou seja, existe a “possibilidade”, um “poderia “. Expressa incerteza em relação a um atraso de um ano… Um ano. Você sabe quanto é normal e corriqueiro isso na indústria naval? 6 meses ou 1 ano de atraso é tão frequente que nem vira notícia, mas nesse caso virou um fenômeno paranormal. Me poupem, quando aponto atrasos de 10 anos na indústria naval… Read more »

Tupinambá

A China tem muito mais a perder do que a ganhar anexando de fato Taiwan. Podem se apossar da TSMC que de nada adiantaria; a fabricação dos semicondutores de ponta é toda fragmentada, ou seja, nenhuma empresa ocidental detêm toda a cadeia de produção.

Patta

“A China tem muito mais a perder do que a ganhar anexando de fato Taiwan.”

A pergunta é…

Quem vai sancionar a China caso uma possível anexação? Os Eua? A UE? Grande parte do comercio mundial é movimentada pela China.

João Moita Jr

“Se os chineses forem inteligentes e não intervierem militarmente em Taiwan” Como assim??? É como se dissessem; Se os brasileiros forem inteligentes e não intervierem militarmente na Amazônia. Taiwan sempre foi parte da China.

Samuel Asafe

Taiwan ser parte da china não significa dizer que a melhor ideia é uma intervenção militar pra retomada do território no momento. Vale o custo pra uma potência em ascensão? Eles tem 5000 anos de história, oq é esperar mais 20 anos?

No One

Quem tem 5000 anos de história?

Yuri

A China tem no máximo, 3000 anos de história. Menos que o Egito, por sinal.

No One

João você pulou as aulas de história? Nos seus livros a RPC controlou e governou, pelo menos um dia, a Ilha de Formosa?

Yuri

Taiwan nunca foi parte da República popular da china.

JPonte

Você tem razão ….
Penso que as autoridades chinesas concordam com você ….. mas há razões internas fortes de cunho psico social que inibem uma ação militar mais forte no momento ….

Emmanuel

30 Type 054A.
Quantas da Type 054B serão construídas, por favor?

Alexandre Galante

Pelo menos 30, mas acho que vão a 50 unidades. Vão produzir como se fossem dumplings. 🙂

Last edited 5 meses atrás by Alexandre Galante
Eduardo

Meus Deus, fora as Type 055 dentre outras…

Emmanuel

Lembrei das corvetas que a China tem. Só ali tem umas três MB.

Emmanuel

Valeu Galante!!!!!
30 A, mais 30 B, fora as type 55…a China está com fome.

Digo

Foram construídas 40 type 054A, não 30. O Wiki chinês é mais detalhado. Abs

https://zh.m.wikipedia.org/wiki/054A%E5%9E%8B%E5%AF%BC%E5%BC%B9%E6%8A%A4%E5%8D%AB%E8%88%B0

Alexandre Galante

Valeu pela lembrança! abs

Emmanuel

Valeu Digo.

C G

Bonito perfil lateral, aos meus olhos acho curioso como a nível de design ela mistura o velho com o novo, tipo o mastro caracteristico de navios mais modernos com um passadiço todo quadradão!

Wagner Figueiredo

Sinceramente.. ainda acho pouco um canhão só! Pelo menos uns dois ficaria top..e em um navio desse tamanho… Caso o sistema de mísseis fossem danificado… restaria o bom e velho canhão…como em algumas da Itália 😁☺️

Nativo

E um belo navio.
e seu custo não deve chegar aos 700/800 milhões de dólares, das fragatas de mesmo peso na Europa.

Burgos

Interessante 🤔
Lembra na questão estrutural as classes Lafayte Francesas só que mais atualizadas no quesito Armamento.
Marinha Chinesa só botando as “unhas” do Dragão 🐉 pra fora.
Parabéns a todos envolvidos

Fernando Vieira

Navio novinho e já tá pixado? A China deveria melhorar a segurança nos estaleiros…

Dalton

Muito boa Fernando !

Heinz

O Brasil poderia encomendar umas 10 destas.

Emmanuel

12.
E umas 4 Type 055. Tudo via FMS chinês. E ainda ganharíamos um pastel de flango…..kkkkkkkk
Com isso aí a MB ia ficar tranquila pelos próximos 40 anos.
Eu acredito.

Willber Rodrigues

Meios de combate, ainda não sei.
Mas eu não veria problema em encomendar uns 2 navios logísticos deles.

Guizmo

Para mim, esse navio (até mesmo a versão A), caberia bem na MB……2 unidades classificadas como CT´s, dariam uma ótima combinação com as Tamandarés.

Emmanuel

Acho que falta um pouco de boa vontade da MB.
A Tamandaré já poderia ter sido um navio chinês.

Fernando "Nunão" De Martini

Emmanuel. Teve estaleiro chinês que participou da fase inicial da concorrência, de retirar o pedido de proposta, assim como estaleiros de outros países, como a Índia ou a Ucrânia, ambos sem qualquer tradição em construir navios para a MB. Mas na sequência do programa não houve proposta entregue por estaleiro chinês, enquanto estaleiros da Índia e Ucrânia, por exemplo, mandaram propostas para a concorrência, seguindo os requisitos. Se houve má vontade no caso do programa classe Tamandaré, acho difícil dizer que foi da MB, e sim de quem não quis concorrer. Lembrando que o mais novo navio de pesquisa hidroceanográfico… Read more »

Souto

Boa noite amigo Nunao vc sabe se existe margem contratual de 25% no contrato para construção das Tamandaré?

Fernando "Nunão" De Martini

Boa noite, Souto.

Não sei responder com certeza. Não li o contrato e não entrevistei diretamente alguém que o tenha lido.

Lembre-se que para construir as 4 fragatas o consórcio vencedor passou a ser uma SPE: Sociedade de Propósito Específico. Minha interpretação a respeito (independentemente de também haver declarações de autoridades no mesmo sentido, inclusive postadas aqui), por ser uma SPE, é que seria necessário assinar outro contrato.

E, de qualquer forma, conforme o prazo que se pretenda construir um novo lote de fragatas, será preciso uma nova capitalização da Emgepron para utilizar o mesmo modelo de negócio.

Souto

Obrigado amigo Nunao. Você sabe se tem verba para construir o primeiro o primeiro Npa BR 500 esse ano?Os recursos do PAC defesa poderia em 2027 recapitalizar a emgepron para um segundo lote de 2 ou quatro fragatas que seriam diferentes das Tamandaré?

C G

A gente ta lutando por segundo lote de Tamandarés e OPVs… vamos colocar os pés no chão!

Maurício.

A MB poderia comprar esse sistema de defesa aérea que aparece na foto, o HHQ-10 e instalar no Atlântico, só pra ver se funciona direito, se funcionar, seria um bom complemento aos canhões Bushmaster. Esse CIWS chinês também poderia ser uma opção.

Jagderband#44

As modificações apresentadas, em relação ao tipo 054A, são excepcionais!
Esta fragata está em “outro patamar”, como diria aquele jogador do flamengo.
Parabéns à China.

Gil A Nogueira.

Vamos comprar! Trocar por alimento!

Marcelo Andrade

Parece uma Aquitane francesa só que mais parruda!

Last edited 5 meses atrás by Marcelo Andrade
max

Veja a evolução dos comentários aqui
Dez anos atrás: os navios chineses são uma porcaria, são falsos e, mesmo que sejam fabricados, quebram rapidamente!
Cinco anos atrás: talvez pudéssemos comprar os cascos somente da China, com armas ocidentais?
Agora: vamos sugerir que o governo encomende 10 navios diretamente da China!