No último dia 14 de junho, a primeira FREMM (Fragata Europeia Multimissão) italiana da versão antissubmarino navegou pela primeira vez, iniciando as provas de mar que, segundo o planejamento, serão completadas em agosto de 2012.

O navio, batizado de Virginio Fasan (F 591) e lançado do estaleiro da Fincantieri em Gênova em 31 de março deste ano, é visto ao fundo na foto acima (clique para ver a imagem ligeiramente ampliada) navegando ao junto à primeira FREMM italiana, a Carlo Bergamini (F 590), que é da versão de emprego geral (EG), lançada em julho do ano passado e que iniciou suas provas em 6 de outubro. A Carlo Bergamini está realizando, atualmente, as provas de seu sistema de combate.

Segundo notícia veiculada pelo site Occar, as provas do passo do hélice, da propulsão elétrica e da turbina a gás foram realizadas com sucesso. Também já foram realizados testes dos sistemas de radar (de navegação e busca de superfície) e de comunicações (VHF, UHF, HF), antecipando algumas das provas do sistema de combate, que deverão ser iniciadas em setembro deste ano. A entrega da Virginio Fasan à Marinha Italiana está programada para agosto de 2013.

Apesar da foto do alto não estar em alta resolução, pode-se perceber facilmente a principal diferença externa que serve para identificar as versões: enquanto a versão de emprego geral conta com uma torreta de canhão de 5 polegadas (127 mm) à proa, a versão antissubmarino é equipada com uma torreta de canhão de 3 polegadas (76 mm) no mesmo local. Vale destacar que ambas as versões possuem uma torreta de canhão de 76 mm sobre o hangar, à popa.

Para quem quer perceber mais facilmente a diferença, a torreta do canhão de 76mm à proa e outros detalhes da Virginio Fasan podem ser vistos claramente nas fotos maiores (clique para ampliar), acima e abaixo, disponibilizadas pelo site da Marinha Italiana quando do lançamento do navio. Vale a pena comparar essas imagens com as do lançamento da Carlo Bergamini no alto da lista de links para matérias já publicadas.

Pode-se ver que, no espaço anteriormente ocupado na carreira do estaleiro pela Carlo Bergamini, uma nova fragata (F 592) já está em avançado estágio de construção nas instalações de Riva Trigoso.  Nas fotos do lançamento anterior, a própria Virginio Fasan era vista sendo completada (e no segundo link da lista abaixo, pode-se ver a F 592 ainda dentro da oficina coberta). Isso dá uma ideia do ritmo da produção das versões italianas da FREMM, que é um projeto desenvolvido em conjunto entre a França e a Itália.

A fragata mede 139 metros de comprimento, com boca de 19,7 metros e deslocamento máximo de aproximadamente 5.900 toneladas. A velocidade máxima é de 27 nós e o navio dispõe de acomodações para 200 tripulantes.

FONTES / FOTOS: Occar e Marinha Italiana

VEJA TAMBÉM:

Tags: , , , , , ,

QUEM É Fernando "Nunão" De Martini

Veja todos os posts de Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

2 Comentários para “Primeira FREMM italiana antissubmarino em provas de mar com versão EG”

  1. Ozawa 25 de junho de 2012 at 12:51 #

    Em 2010 lia-se aqui no PN matéria do LM acerca das opções de escolha para as futuras escoltas da MB. Dizia-se à época, expectativa da MB, de que seria definido o projeto vencedor em 2011, inciando-se a construção das escoltas em 2012…

    E a Itália, em crise, à beira do default, do colapso financeiro, entrega-se a essa aventura naval chamada FREMM… País irresponsável esse não ? O Brasil interrompe vezes após vezes seus projetos de reaparelhamento das FFAA por intermináveis desculpas de crise sucessivas. Ora, desde que Adão comeu um fruto proibido e Eva passou a ter seus filhos em dores…, o mundo está em crise !

    Mas para compra de votos parlamentares, isso temos recursos financeiros inesgotáveis.

    Por que será que não estou surpreso ?

    Chegará o dia em que este debate on line se chamará o que ele já é de fato: “Blog do Poder Naval dos Outros”…

  2. Ozawa 25 de junho de 2012 at 12:53 #

    Senhores editores, favor apagar meus 2 primeiros comentários. Houve algum problema aqui entre a cadeira e o micro.

    APAGADOS, SAUDAÇÕES!

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

LUTO: grupo Forças de Defesa se solidariza com o casal Julio Soares de Moura Neto por sua perda

luto-laço-5

A equipe da Revista e da “Trilogia” Forças de Defesa apresenta suas condolências ao ex-comandante da Marinha do Brasil, almirante-de-esquadra […]

Aeronave não tripulada X-47B realiza primeiro reabastecimento em voo

X-47B: primeiro reabastecimento em voo

Outro momento histórico na Aviação Naval: o avião não tripulado X-47B americano do programa Unmanned Carrier Air Vehicle demonstrator (UCAS-D) realizou […]

Comitiva uruguaia está na China para avaliar condições de aquisição do patrulheiro P-18N

P-18N

Uma delegação do Ministério da Defesa e da Marinha do Uruguai está na China desde a terça-feira (21.04), para conhecer […]

M7 Aerospace dá início ao processo de modernização dos aviões C-1A Trader para COD/AAR da MB

Aeronave 146027 já posicionada no hangar da empresa M7 Aerospace

Dando prosseguimento ao projeto de modernização das aeronaves COD/AAR, a empresa M7 Aerospace já demonstrou avanços no desenvolvimento da futura […]

Espanhóis e sul-coreanos se candidatam à modernização do Arsenal de Marinha do Rio

AMRJ

  Os estaleiros Navantia, da Espanha, e Daewoo Shipbuilding & Marine Engineering Co., Ltd (DSME), da Coreia do Sul, formalizaram, […]