quarta-feira, junho 29, 2022

Saab Naval

Seasprites neozelandeses disparam mísseis Maverick

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

maverick1.JPG

No dia 5 de setembro, dois mísseis ar-superfície AGM-65 Maverick foram lançados com sucesso por helicópteros Seasprite, em um exercício combinado na Nova Zelândia, envolvendo Marinha e Força Aérea.
Essa operação contou com a fragata Te Kaha, helicópteros Seasprite do 6o. Esquadrão de Helicópteros e um avião P-3 Orion da NZAF, sendo disparados dois mísseis AGM-65 Maverick  contra dois alvos no mar, a leste da Ilha Great Barrier.
O míssil Maverick foi introduzido em serviço há sete anos na Nova Zelândia, mas esta foi a primeira vez que foram realizados disparos de mísseis com cabeça de combate a partir de helicópteros SH-2G (NZ) Seasprite.
A fragata Te Kaha, juntamente com a Te Mana, compõem a força naval da Nova Zelândia. No ano passado, contribuíram com um total de 247 dias de mar em operações marítimas no Golfo Pérsico, e numa série de exercícios com a Malásia, Japão, Cingapura e Austrália.

- Advertisement -

12 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Beto

Será q a Nova Zelandia já vendeu seus A-4 !!eu soube q pode ser disparado c misseis Maverick!!! correto??

José da Silva

Desconhecido da maioria os UH/SH-2 Sea Sprite (LAMPS I) segurou as pontas durante toda a decada de 70 e a primeira metade dos 80, entre a saida de serviço dos DASH e a entrada em serviço dos SH-60B Seahawk (LAMPS III).

Esse criança antes de ser reconstruida para ASW e receber a seguunda turbina (era mono) foi usada pela USN na decada de 60 para SAR/Combat SAR e Vertrep, inclusive no Vietnã, no mar e no Delta.

Eu particularmente acho ele lindão. Esse é pra Guerra não para parada naval hehehe

LeoPaiva

Interessante, sempre pensei que o Maverick fosse um míssil ar-terra desenvolvido para suporte aéreo aproximado, principalmente contra bunkers e blindados.Não sabia que era utilizado também pela marinha de nenhum país, talvez seja pela falta de outro mais apropriado.

SDS

taer

Mauro concordo plenamente com voçê na questão do caça F-4 Phanton, até hoje não foi suplantado em suas linhas.
Sds.

Bosco

O Maverick F é a versão anti-navio com orientação por imagem infra-vermelha. Não tem capacidade “sea skimming” (não possui rádio ou laser altímetro) e ataca seguindo um perfil de vôo direto do helicóptero ao alvo ou de elevação seguido de um mergulho. Interessante é que tem um motor foguete com baixa emissão de fumaça , ao contrário do Penguin. O fato de não ter capacidade sea skimming era considerado uma desvantagem, agora, com a generalização dos radares capazes de detectar e rastrear tais mísseis próximos ao nível do mar, esta capacidade não é mais tão fundamental para pequenos mísseis de… Read more »

LeoPaiva

Valeu Bosco, depois eu pesquisei e descobri que a US NAVY utiliza o Maverick F, me parece que os marines os usam nos F-18.

SDS

JSilva

Mauro,

O comentario não foi para mostrar o meu gosto pelo SH-2, apenas para lembrar uma aeronave embarcada muito bacana e que é ignorada pelo pessoal mais novo. É um super helicoptero, pena que a época dele já passou.

Abração

Beto

Mauro
os F-4 Phanton realmente são muito bonitos e ainda são usados pelo Japão !!Teriam condições de operar no São Paulo??

Beto
Jonas Rafael

Seria mais fácil embarcar o F-18 do que um F-4 a meu ver. Sobre o Sea Sprite, eu até acho ele bonitão. Pena que o histórico de acidentes dele seja meio desencorajador.

CorsarioDF

É, também acho que a época do F-4 e do Sea Sprite já passou, ambos aeronaves muito bonitas, mas eu acho a linha da família do Su-27 os aviões mais bonitos produzidos. Sobre embarcar, prefiro o F/A-18, por ser bem mais novo que os demais. O Rafale Naval para MB é sonho. Sds.

GIOVANNI

Realmente,quanto ao F-4,ser o mais bonito…gosto não se descuti.

Publicidade
Parceiro

Últimas Notícias

1º Esquadrão de Aeronaves Remotamente Pilotadas fez o primeiro lançamento do ScanEagle

O 1º Esquadrão de Aeronaves Remotamente Pilotadas realizou o primeiro lançamento do drone ScanEagle, N-8001, na tarde de ontem...
- Advertisement -