Home Infraestrutura Fim de uma era na Royal Navy: último PMG de um Tipo...

Fim de uma era na Royal Navy: último PMG de um Tipo 42

619
9

HMS Edinburgh no dique seco - foto BAE Systems

Na foto acima, mostrada em informe da BAE Systems de 18 de janeiro, o HMS Edinburgh, destróier de defesa aérea Tipo 42 da Royal Navy (Marinha Real) é docado em Portsmouth para seu último “major overhaul” ou PMG (Período de Manutenção Geral na nomenclatura da Marinha do Brasil). Os trabalhos de manutenção contratados à BAE Systems deverão custar 17,5 milhões de libras (aproximadamente 28,5 milhões de dólares ou 51 milhões de reais). É o último Tipo 42 a sofrer um PMG, marcando o final de uma agenda de manutenção da classe iniciada em 1979.

Entre os trabalhos a serem realizados, o casco deverá ser pintado com uma “supereficiente” tinta Sigma 990 que proporciona menor arrasto hidrodinâmico, para o que também deverá ser instalado na popa um spoiler subaquático conhecido como “transom flap”. Espera-se, com a instalação do spoiler e a nova pintura, que o consumo de combustível seja reduzido em até 15%.

As armas e os sistemas de comunicação deverão ser revitalizados e, quanto à propulsão, está planejada a retirada das quatro turbinas, com restauração de duas e substituição das outras duas. Outros melhoramentos incluem um “face lift” (redecoração) dos refeitórios, renovação do sistema de água doce, troca dos equipamentos de lavanderia e novos equipamentos para a galley (cozinha).

Tudo isso, segundo a BAE Systems, para aproximadamente mais três anos de serviço: a previsão para volta ao setor operativo  é outubro de 2010, com desativação programada para  2013.

FONTE / FOTO: BAE Systems

VEJA MAIS:

9
Deixe um comentário

avatar
9 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
7 Comment authors
NunãomarujoNewton CarvalhoParthenonMO Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Danilo
Visitante
Danilo

Belo exemplar de destroyer, o brasil podia fazer como o chile e adquirir alguns da Royal Navy, pelo menos até podermos comprar destroyers como o sul coreano KDX-III estes seriam os ideais, talvez nun futuro onde os abutres politicos do brasil ja não existam mais pelo menos em quantidade.

Saudações,

Danilo

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Essa tinta e o flap, já não foram usados no PGM deles das Type 22???
Mas e a MB nessas areas??? Pesquisa algo p/ melhorar a operacionalidade de seus meios ou vai na cola do fabricante???

MO
Membro

Danilo

os t 42, mesmo os B III, foram muito utilizados pels RN, suas estruturas estão cançadas, não seria uma classe ideal pra compra de oportunidade

do mesmo jeito os 42 B III vão para o pPaquistão

ABS
MO

MO
Membro

Mauricio

observe em detalhe as unidades de esquadra da MB. Cada uma tem uma tonalidade de cinza … logo ……

abs
MO

Parthenon
Visitante
Parthenon

Amigo “MO”, tinha percebido o mesmo, as Fragatas estão com tons distintos de cinza, e percebe-se isto principalmente na inscrição no casco. Pode se observar pelas ultimas fotos das nossas Fragatas no Exterior, participando de exercicio navais. Agora estou com o amigo MO, as T-42 não servirão pra nós não, ta aparente o desgate das mesma, banho de tinta não esconde mas não. Agradecer outra vez ao Blog Naval a oportunidade de postar, gostaria de estar contribuindo, mas infelizmente estou com um problema (a 6 meses) com o sistema PAYPAL.COM, devido a uma compra do EBAY.ES, espero que assim que… Read more »

Newton Carvalho
Visitante
Newton Carvalho

Não se enganem meus caros…

Estes “modernos” navios de combate irão logo, logo pintar pelas terras tupiniquins.

Oras, se a estrutura está cansada isso é irrelevante!
Os naviso da MB ficam a maior parte do(s) ano(s) ancorados!!

Mas ainda sim ficarão bacanas no desfile de 7 de setembro.
Tenho certeza que nosso almirante vão delirar com este possível novo brinquedinho…

marujo
Visitante
marujo

Tenho a mesma informação do Ostra:os tipe 42 B3 irão mesmo para o Paquistão. Marcelo, que fim teve os T 42B2?

Nunão
Visitante
Nunão

Marujo, antecipando uma provável resposta do Marcelo:

Alguns do Block 2 ainda estão em operação juntamente com os 4 do Block 3

O destino dos desativados é exemplificado pelos links 6 e 7, de cima para baixo, ao final da matéria.

marujo
Visitante
marujo

Obrigado, Nunão.