quinta-feira, maio 13, 2021

Saab Naval

Mais sobre o pacote italiano para a MB

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Etna LSV

Corre nos fóruns brasileiros de assuntos militares que a MB teria optado por produtos italianos para seu programa de reequipamento da força de superfície.

A noticia foi veinculada assim:

“A Casa Lidador, e suas congêneres, informam que não estão mais aceitando encomendas de vinhos Chiantti e Valpoliccela. O estoque está todo empenhado…”

Segundo fonte de dentro do MD, esse deverá ser o caminho, pois com o pacote fechado  de um LSV classe ETNA para substituir o NT Marajó, que ainda irá trabalhar um bom tempo na Marinha, 5 NaPaOc  de 1.8 ton e 3 Fragatas FREMM  (que, segundo essa fonte, custam muito, mas muito mais baratas do que suas congêneres francesas), a MB poderá ter, enfim, navios modernos para cumprir o que determina a END.

Porém, o anuncio só será feito mais para o final do ano, com os NPaOc classe “Commandante” num primeiro momento, e os navios restantes com anúncio para o ano que vem.

Ainda resta confirmar o assunto da modernização do AMRJ pelo estaleiro italiano.

Enfim, o que se sabe é que, com esta opção tipo “Pacote”, os preços de todos os navios caíram assustadoramente, dando uma enorme vantagem aos italianos.

Agora é aguardar e confirmar estas informações e beber todos os Chiantti e Vapoliccela com a MB.

FREMM brasileira

FONTE: Corsário 01

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

12 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Yluss

A tristeza que sinto quanto a nossa FA pelo FX2 eu afogo aqui no Naval pois nossa MB anda trabalhando muito bem nos bastidores.

Que venha o pacotao e que nao acabe em PIZZA!! 🙂

Francoorp

POW Corsario 01, ta passando informação reservada la do nosso “Fórum”… Brincadeira !!!

Se você não passasse esta noticia de primeira mão de lá pra cá, eu o faria!

Vamos esperar a confirmação até o fim do ano das “Commandante”… fez bem em não dizer quem foi que passou o “furo”, sendo que até hoje não errou uma !!

Valeu !!

Rodrigo Rauta

Bom, imagino, que em relacao as escoltas, seja uma encomenda inicial, pois apenas 3 seria um numero muito restrito. E qnt a novos NDD? Alguma novidade?
Abracos!

Luiz Padilha

Caro Francoorp, “RESERVADA” num fórum? hehehehehehehehe

Antes de colocar aqui, eu chequei junto a outras fontes. E lembre-se que, nada foi assinado ainda, ou seja, a bola ainda está rolando e o jogo só termina quando o juiz apita. Mode Copa do mundo em ON. rsrsrsrsrsrs

Preferência, preço e outros itens, nem sempre levam contrato. Mas se for fechado como as infos nos indicam, será um bom negócio para o País e para a MB.

Baschera

Pois é…… também já tinha “ouvido” falar nesta escolha a lá italiana. Sabem como é….. meu parentes italianos não usam parfume, tomam banho mesmo !!

A notícia, se confirmada, é muito legal. Mas só 3 Fremm ?? E nenhumzinho “Cavour” ou logístico multiúso ???

Sds.

Baschera

Já tinha postado isto lá em fevereiro passado…… alguém sabe responder ??? Qual será a escolhida ?? Sds. Baschera disse: 27 de fevereiro de 2010 às 18:27 Segundo se diz seriam as fragatas italianas da classe Carlo Bergamini (equivalente as francesas da classe Aquitaine -ambas projeto FREMM). Desloca 5.200 ton standart e 6.0000 ton full e usa duas turbinas LM-2500. A versão FREDA (Frégates de défense aériennes), é AA. Seu armamento é composto de 24 misiles MICA VL e até 32 Aster 30 em um lançador vertical. De maneira alternativa poderia levar 16 mísseis Aster 30 e 16 SCALP Naval… Read more »

Baschera

E mais: E a questão das turbinas serem LM – 2500 americanas ?? O NJ e o GF não são contra equipamento americano ??

Sds.

Rogério

“E mais: E a questão das turbinas serem LM – 2500 americanas ?? O NJ e o GF não são contra equipamento americano ?? ”

Num avisa, senão eles melam o negócio.

[]s

MV

Isso é apenas “factoide”. Mais uma intenção da MB, dentro do PRM.

Muita agua vai passar nesta ponte. Copa do mundo, eleição, etc….

O governo prioriza a questão dos caças da FAB.

Vader

Rogério disse:
3 de junho de 2010 às 15:54

“Num avisa, senão eles melam o negócio.”

🙂 🙂 🙂

Abs.

Luiz Padilha

MV, vc tem razão. Essa noticia é apenas mais um factóide, porém, um factóide assinado pelo comandante da Marinha. rsrsrsrsrsrsrsrs
Com o MD esperando esse “factóide” para tocar o assunto adiante.

Leandro

Nesse pacote italiano não existe nada previsto para um Cavour ao Brasil?????

- Publicidade -

Reportagens especiais

Poder Naval OnLine em Kiel – parte 2

Amigos do Poder Naval Online, aqui estou eu em Kiel, transmitindo para vocês minhas primeiras impressões da visita à...
- Advertisement -