Guerra das Malvinas: o confronto aeronaval em gráficos

malvinas1

faa-versus-rnrafA Guerra das Malvinas (ou Falklands), ocorrida em 1982 entre a Argentina e a Inglaterra, colocou em evidência a importância e a interdependência do Poder Naval e do Poder Aéreo.

Ficou demonstrado que navios de guerra e aviões de ataque têm vantagens e desvantagens no cumprimento de suas missões: navios se deslocam a 500 milhas por dia e aeronaves de ataque a jato a 500 milhas por hora, mas enquanto as aeronaves só podiam cumprir suas missões num período de horas, navios e submarinos permaneceram na área de conflito durante semanas.

A superioridade naval da Inglaterra quase foi colocada em xeque pelo poder aéreo argentino, mas a aviação embarcada britânica garantiu a superioridade aérea, mesmo com aeronaves de combate subsônicas (Sea Harrier) enfrentando jatos supersônicos (Mirage, Dagger). Mais uma vez o navio-aeródromo teve papel decisivo na história e por pouco, o NAe argentino 25 de Mayo, não conseguiu atacar o corpo principal da Força-Tarefa britânica.

O melhor treinamento dos pilotos ingleses e seu armamento (míssil ar-ar AIM-9L Sidewinder) possibilitaram 21 kills em combate aéreo.
ara-versus-royal-navy-subsOs submarinos nucleares da Royal Navy, por sua vez, garantiram a zona de exclusão em torno das Ilhas Malvinas e obrigaram a Armada Argentina a se refugiar nos portos, depois do afundamento do cruzador General Belgrano.

O único navio argentino a operar até o final do conflito foi o submarino IKL-209 San Luis, que foi caçado sistematicamente pelos navios e aeronaves de patrulha britânicos, mas sem sucesso.

O míssil antinavio AM39 Exocet foi uma das armas de destaque do conflito e se os argentinos tivessem mais mísseis disponíveis, o conflito poderia ter tomado um rumo diferente.

ara-versus-royal-navy

ara-versus-royal-navy-losses

ARTE: Planeman

China pretende estreitar laços militares com Irã, diz mídia chinesa

PEQUIM (Reuters) – A China quer ter laços militares mais estreitos com o Irã, disse o ministro da Defesa chinês […]

Submarino alemão é encontrado afundado na costa dos EUA

  Pesquisadores informaram nesta terça-feira (21) a descoberta de um submarino alemão e de um cargueiro nicaraguense que afundaram na […]

Fotos do Navio de Pesquisa Hidroceanográfico ‘Vital de Oliveira’ em construção na China

Confira as fotos do lançamento ao mar do Navio de Pesquisa Hidroceanográfico “Vital de Oliveira” em Xinhui, na China. O […]

Baixe 7 edições da revista Forças de Defesa e doe quanto quiser

Agora você poderá baixar para o seu computador, tablet ou smartphone as melhores reportagens da nossa revista impressa Forças de […]

Em fórum na Fiesp, Estado-Maior da Armada destaca a importância da indústria em projetos da Marinha

Por Dulce Moraes e Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp Representantes do órgão apresentam projetos em desenvolvimento e formas de financiamento. […]

Navios-patrulha do Brasil e da França em operação contra pesca ilegal

Segundo nota divulgada pelo Ministério da Defesa da França nesta segunda-feira, 20 de outubro, o navio-patrulha La Capricieuse da Marinha Francesa […]