Home Guarda Costeira Primeiro ‘narco sub’ transatlântico com toneladas de cocaína é capturado na costa...

Primeiro ‘narco sub’ transatlântico com toneladas de cocaína é capturado na costa espanhola

11502
65

As autoridades dizem que é a primeira vez que encontram um submarino usado para contrabandear drogas para a Espanha

Uma embarcação semi-submersível que supostamente carregava cerca de 3,5 toneladas de cocaína foi rebocada para o porto após ser interceptada na costa espanhola.

Ela afundou quando a polícia tentou interceptá-la na entrada de Aldan, na região da Galiza, no fim de semana. Acredita-se que a tripulação tenha tentado afundá-la de propósito.

Dois cidadãos equatorianos foram presos, mas outra pessoa conseguiu escapar.

As autoridades não puderam confirmar a origem do submarino ou do destinatário pretendido, mas relatos da mídia disseram que a polícia suspeita que seja da Colômbia.

O submarino de 20 metros foi rebocado para o porto de Aldan – no nordeste do país – e reflutuado com a ajuda de mergulhadores e balões.

Mergulhadores da polícia retiraram um pacote de cocaína na segunda-feira, mas acredita-se que haja toneladas a bordo.

As autoridades espanholas disseram que foi a primeira vez que encontraram um submarino sendo usado para contrabandear drogas para o país.

Eles vinham monitorando seus movimentos nos últimos dias em colaboração com a polícia internacional.

Em setembro, um submarino com cinco toneladas de cocaína no valor de £ 133 milhões foi capturado pela guarda costeira americana no Pacífico leste.

FONTE: Sky News

SAIBA MAIS:

Subscribe
Notify of
guest
65 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
100canela
100canela
8 meses atrás

Ghost Recon Wildlands.

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  100canela
8 meses atrás

Cartel Santa Blanca fazendo escola…

Kemen
Kemen
8 meses atrás

Pelo andar da carruagem, podemos afirmar que a Colombia constroi submarinos que atravesam o Atlantico. kkkkkkkkk

Régis Athayde
Régis Athayde
Reply to  Kemen
8 meses atrás

Pô, mas até os traficantes tem mais submarinos que a MB; que humilhação, hein? (kkkkk)

Pedro Moura
Pedro Moura
Reply to  Régis Athayde
8 meses atrás

Para o narcotráfico não existe contingenciamento e nem descaso com segurança, muito menos ter que prestar conta a órgãos de controle fiscal.

Kemen
Kemen
8 meses atrás

A bem da verdade, pelo que pude observar até hoje, são semi submergiveis, uma pequena torrezinha dificil de detectar fica fora da água, algumas torrezinhas podem submergir por pequeno tempo, mas não impedem totalmente a entrada da àgua que tem de ser retirada depois, o resto do casco geralmente é pintado de cor cinza escuro, ou uma cor parecida com a água do mar.

GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  Kemen
8 meses atrás

São semi-submersíveis e estão cada vez mais ousados, com soluções mais complexas como neste caso, que é transatlântico.
É a solução “da moda” dos traficantes industriais colombianos para transporte de produto desde que a fiscalização dos meios aéreos se tornou mais viável.

Guacamole
Guacamole
Reply to  Kemen
8 meses atrás

Esses submarinos não são tão difíceis de detectar com Radares Over-Horizon como o que está sendo testado no Rio Grande do Sul.
Na própria matéria feita aqui, diz que pode detectar embarcações em profundidade de periscópio a até 300Km.
E supõe-se que a Europa tenha esse tipo em radar pela costa.

Ferreras
Ferreras
8 meses atrás

Seria interessante saber algunas informações: O quão complexo ele é, sua autonomia, suas dimensões, quanto tempo demanda para ser produzido.. etc

Vinicius Momesso
8 meses atrás

Qual é a probabilidade de também haver tráfico de drogas(mesmo que pequeno) dentro das próprias forças de defesa dos países?

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Vinicius Momesso
8 meses atrás

Altíssima, 99,99%. Por usar farda e veículos do governo podem circular com drogas sem chamar atenção. Convenhamos que é dinheiro demais para o camarada recusar.

Fernando Vieira
Reply to  Vinicius Momesso
8 meses atrás

100% visto que um militar já foi pego traficando dentro da comitiva presidencial.

Claudio Moreno
Claudio Moreno
8 meses atrás

Alguém sabe qual o material utilizado na construção?

Fibra de vidro talvez?

CM

Felipe Alberto
Felipe Alberto
Reply to  Claudio Moreno
8 meses atrás

Eles são lanchas de fibra de vidro modificadas, mexem no deque, nas tubulações de admissão e exaustão do motor e a droga funciona como lastro.

Ozawa
Ozawa
8 meses atrás

Na esteira do humor tóxico, até mesmo o narcoestado colombiano privilegia o uso dos submarinos para o transporte de drogas …

No Brasil ainda se favorece o uso do “avião” para o transporte local … No internacional é, logicamente, o porta-aviões …

Na guerra das drogas de escala mundial o almirantado do narcoestado brasileiro também tem obstinação pelo porta-aviões …

Imagino os debates nos fóruns da Trilogia das Drogas …

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  Ozawa
8 meses atrás

Eu ia responder mas seriam dois falando asneiras!

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Ozawa
8 meses atrás

Você tem razão, que saiam os atuais incompetentes do poder e voltem os antigos ladrões…

Obs.: não resisti ao sarcasmo.

Renan
Renan
8 meses atrás

Será que levará décadas para construir?
Certamente a foz do rio Amazonas e outros lugares no Brasil tem que se preocupar com estes submarinos.
Precisamos ficar atento pois os traficantes já tem seu próprio prosub.

Señor batata
Señor batata
8 meses atrás

Interessante que se continuar sendo necessário cada hora uma logística mais complexa para o transporte de drogas, provavelmente alguns mercados podem tentar soluções locais. Com o preço da energia elétrica e de matérias para agricultura na Europa daqui a pouco vão preferir plantar em estufas do que gastar fortunas de transporte. O mercado já existe só falta o valor tornar economicamente viável.
Tchau e saudações.

Señor batata
Señor batata
Reply to  Señor batata
8 meses atrás
Delfim
Delfim
8 meses atrás

Logo usarão “porta-helicópteros”, barcos com um heliponto que ficarão de fora de fiscalização/alerta naval, lançam o heli para o continente com a carga a poucos metros do mar, aterram e desembarcam a droga rapidamente, e retornam para fazer outro transporte aéreo.

Oiseau de Proie
Oiseau de Proie
Reply to  Delfim
8 meses atrás

Eu diria que o futuro são os drones…eles já usam bem para levar coisas pra dentro dos presídios como drogas ou celulares…

MMerlin
MMerlin
8 meses atrás

São quase 7 mil km.
É uma distância muito grande para percorrer, mesmo sendo semi-submersível.
É necessário o transporte de combustível, alimentação, água e produtos de higiene. Não que o último seja um pré-requisito, mas sem dúvida importante.
Isso sem contar os equipamentos sobressalentes para o caso de manutenção.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  MMerlin
8 meses atrás

Esse semi-submersível a carga dele devia ser droga e combustível, além de uma quantidade de água e comida para o tempo de viagem! Geralmente esses barcos são descartáveis, é muito arriscado voltar com eles, e já são feitos com dois motores para diminuir o risco de problemas, se um motor der problema e não puder ser consertado desligam ele e terminam com um motor só!

nonato
nonato
Reply to  MMerlin
8 meses atrás

Possivelmente contam com o apoio de algum barco que o acompanha.
Até porque para fugir da fiscalização é só o submersível…

Glasquis7
8 meses atrás

Esta nave é muito pequena para se aventurar no Atlântico. Com certeza, ela veio em outro navio e só foi lançado ao mar dentro da jurisdição marítima da Espanha.

Dalton
Dalton
Reply to  Glasquis7
8 meses atrás

Lembrei-me de Amyr Klink, li o livro dele, que atravessou o Atlântico remando entre a costa africana e a brasileira em um pequeno barco, a jornada durou mais de 3 meses e foram quase 7.000 quilômetros.
.
Este “submarino” tem mais de 20 metros e custou alguns milhões de dólares
portanto é bastante sofisticado e segundo tudo que já li ele fez sim a jornada de cerca de 8000 quilômetros entre a Colômbia e a Espanha e é possível que
não tenha sido a primeira vez, tendo escapado incólume antes.

Brunow
Reply to  Dalton
8 meses atrás

Acho que isso não é produzido em fundo de quintal, a construção desses meios requer bom conhecimento e capacidade técnica, é possível que esteja sendo fabricado em algum estaleiro de forma clandestina.
https://uploaddeimagens.com.br/imagens/img_20191128_092843_465-jpg

https://uploaddeimagens.com.br/imagens/img_20191128_092851_656-jpg

https://uploaddeimagens.com.br/imagens/img_20191128_092904_096-jpg

Glasquis7
Reply to  Brunow
8 meses atrás

Me permita discordar. Ao que parece ser apenas um bote de fibra motorizado e com contrapesos suficientes para se manter logo abaixo da superfície. De uma olhada no sistema de exaustão (similar ao de um fusca) e principalmente a escotilha. Isso não parece ser um navio sofisticado se comparado com um bote salva-vidas.

https://www.trzcacak.rs/imgb/iJomTiw/

https://www.trzcacak.rs/imgm/JTiTxo_img-8335-lifeboat/

Fabio Araujo
Fabio Araujo
8 meses atrás

É muita grana envolvida, por maior que seja o risco o lucro destes traficantes é muito alto, eles não devem ter mandado só um, se um passa já paga por todo o custo e o prejuízo do que foi pego!

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Fabio Araujo
8 meses atrás

É o empreendedorismo contra à tirania, a ineficiência e a burocracia estatal, fica difícil para o Estado vencer. Traficantes são empreendedores com monopólio concedido indiretamente pelo Estado.

Alex Barreto Cypriano
Alex Barreto Cypriano
8 meses atrás

Difícil vai ser o law enforcement quando fizerem um narco submarino de propulsão nuclear…

α Tau
α Tau
Reply to  Alex Barreto Cypriano
8 meses atrás

Quem sabe…com a tecnologia das baterias nucleares sendo desenvolvida pode ser que num futuro seja possível…

Lothar
8 meses atrás

Acho difícil ser um transatlântico, propriamente dito. Acho que são rebocados até muito perto da costa por navios maiores, “pegando carona” nas rotas comerciais.

carvalho2008
carvalho2008
8 meses atrás

Existem muitos modelos dos chamados narco subs.

Os EUA volta ou outra interceptam um, mas aparentemente o bicho é eficaz. Quantos são inteceptados e quantos conseguem passar pelas barreiras de patrulha?

Criatividade, inovação e baixo custo….

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  carvalho2008
8 meses atrás

comment image

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  carvalho2008
8 meses atrás
carvalho2008
carvalho2008
Reply to  carvalho2008
8 meses atrás

E o cara da Guarda Costeira ainda tem de dar uma de Peão Boiadeiro, laçar na marra.

MMerlin
MMerlin
Reply to  carvalho2008
8 meses atrás

Esses aí gelaram com a abordagem.
Atualmente a guarda costeira está mais esperta. Chegam de de forma mais discreta e já engatam a embarcação, impossibilitando seu auto-afundamento.

Dudu
Dudu
Reply to  carvalho2008
8 meses atrás

carvalho2008:
De que adianta ele gritar? os caras não iam escutar mesmo lá dentro.
Agora,foi corajoso pois podia tomar bala quando “bateu na porta”.

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Dudu
8 meses atrás

Kkk larga a mão sô não tá vendo que tá filmando???!!!

Cê qué fazer filme de novinha no espaço sem som só porque é vácuo?! Uai..,, aí não reclama da bilheteria!!!! Rzrzrzr

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  carvalho2008
8 meses atrás

Ops, filme de navinha no espaço,.. corretor danado…

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  carvalho2008
8 meses atrás
Luiz Trindade
Luiz Trindade
8 meses atrás

Os “malucos” tão ficando ousados heim…

Ramon
Ramon
8 meses atrás

Os caras são muito criativos quando o assunto é droga são capazes de construir até mini submarinos para transportar essas porcarias , mas isso me deixou curioso, será que é possível construir equipamentos parecidos e modernos que possam ser armados com no mínimo dois torpedos por exemplo, pois se os convencionais são de difícil detecção imagina esses, uma formação com uns quatro desses pode causar muito estrago, mas não sei se isso é possível.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Ramon
8 meses atrás

Sim, o Japão tinham mini-submarinos com 1 ou 2 torpedos.

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Ramon
8 meses atrás

Mas foi exatamente um sub classe Yugo Norte Coreano que partiu em dois aquela corveta Sul Coreana. É um sub da classe de 200 ton

O Gadhir Iraniano é baseado nele

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  carvalho2008
8 meses atrás

comment image

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
8 meses atrás

Depois dizem que o Estado pode vencer a guerra contra às drogas kkkkkkkkk daqui uns dias o tráfico começa a operar drones, e aí vai ser fim de jogo para o Estado.

Francisco Lucio Satiro Maia Pinheiro
Francisco Lucio Satiro Maia Pinheiro
Reply to  Defensor da liberdade
8 meses atrás

O Estado pode sim vencer essa guerra. É só as leis deixarem. As atuais leis do país não são capazes de assegurar à população de bem a correta abordagem contra esse meio de escravidão que são as drogas.
Se mudarem as leis e levarem o país a sério, a coisa fica diferente. Isso requer medidas bem mais, digamos, radicais. É preciso ter coragem.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Francisco Lucio Satiro Maia Pinheiro
8 meses atrás

A Indonésia é um exemplo de medidas radicais contra às drogas, até enforcar traficantes eles enforcam por lá. Sabe qual é o resultado destas medidas? O consumo de drogas e a quantidade circulando no país aumenta a cada ano que passa. Não tem como o Estado combater isso, é empreendedorismo puro e simples, sempre vão arranjar novos meios de produção, distribuição, resistência às ações do Estado, por que a recompensa é alta. Drogas e vícios infelizmente sempre acompanharam o homem em sua existência, faz parte de sua natureza buscar uma válvula de escape, mas elas só passaram a provocar o… Read more »

nonato
nonato
Reply to  Defensor da liberdade
8 meses atrás

Por que você está rindo?
Não gosta do Estado?

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  nonato
8 meses atrás

Estou rindo por que os argumentos em prol da criminalização das drogas não resistem sequer a um teste empírico.

E não gosto do Estado, é uma quadrilha com ar de legalidade, são corsários.

SPQR
SPQR
Reply to  nonato
8 meses atrás

Eu acho que ele gosta mesmo é das drogas…

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  SPQR
8 meses atrás

Única droga que eu uso é o álcool, outros tipos nunca usei. Só largo o álcool quando for para o caixão rs rs rs.

carvalho2008
carvalho2008
8 meses atrás

A US Pacific Coast Guard estima que somente 11% do total de narco subs são identificados e interceptados é mesmo parte destes, os traficantes afundam o barco junto com sua carga quando encontrados, pois assim somem com a prova e sabem que serão resgatados

nonato
nonato
8 meses atrás

Alguém deveria tomar providência para coibir esses grupos na fonte.
A Colômbia é um país aliado.
Se pegar pesado, não se produz nem se manda droga nenhuma.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
8 meses atrás

É bem provável eles construírem o “subnuccoca” antes do Álvaro Aberto.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Saldanha da Gama
8 meses atrás

…É capaz”… ao invés de bem provável.

PauloR
PauloR
8 meses atrás

O modelo de repressão ao tráfico de drogas é um fracasso no mundo inteiro e só serviu para enriquecer e fortalecer as máfias e o narcotráfico. Infelizmente ainda existe mentes teimosa ou burras que não aceitam essa realidade.

Luiz Floriano Alves
Reply to  PauloR
8 meses atrás

Os últimos modelos de submarinos da Krigsmarie tinham um revestimento de linóleo para as ondas de radar não refletirem nestas superfícies..Os narco subs, em breve devem adotar algo páraecido. Breve terão propulsão nuclear e baterias de litio ion ao invés de chumbo ácido. Competitividade é com os narco traficantes. Zarpará antes do nosso moderníssimo A. Alberto.

Oseias
Oseias
8 meses atrás

Excelente para treinar guerra antisubmarina.

carvalho2008
carvalho2008
7 meses atrás

Video interessante de um minisub alemão WWII

carvalho2008
carvalho2008
7 meses atrás